Dubai: 10 dicas para uma superviagem, por Bruno Vilaça

Skyview, Dubai (fotos: Bruno Vilaça)

O Bruno Vilaça foi pra Dubai e voltou com dicas quentíssimas para quem quer aproveitar o emirado dos superlativos. Vai para Dubai? Então siga o Bruno em 10 passos:

Madinat Jumeirah
Madinat Jumeirah

1. Faça o impossível, mas cacife sua hospedagem no Madinat Jumeirah. Esqueça Burj Al Arab, Atlantis, Grosvenor e quetais. O ‘must must must stay’ é alguma das 3 unidades do complexo Madinat: Mina A’Salam (mais internacional, com linda vista para o Burj), Al Qsar (riquíssima decoração árabe e piscina de cair o queixo) e Dar Al Masyaf (exclusivas ‘summer houses’ de 70m2, com concierge e piscinas privativas, onde você chega em charmosos barquinhos). Decoração exótica de ótimo bom gosto, cenografia digna de Hollywood, localização excepcional e lazer completíssimo. O melhor mercado e os melhores restaurantes e boates também estão lá no complexo e entrar como visitante te deixa mordido de inveja dos hóspedes. Depois não diga que não avisei.

2. Tá achando besteira investir em hotel? Vai por mim, Dubai é daqueles destinos em que o hotel é uma atração à parte e você vai aproveitar o hotel mais do que imagina, principalmente no verão. Mas ok, não vai dar pra ficar no Madinat dessa vez? Considere o Grand Hyatt, Jumeirah Emirates Tower, Novotel World Trade Center e o Four Points Sheikh Zayed. E use e abuse dos táxis, que são baratinhos.

3. Encare Dubai como se estivesse em Las Vegas ou Orlando — o grau de ‘futilidade’ é esse mesmo. Se o seu negócio é ‘sentir’ a Arábia, esqueça ou aproveite para esticar até algum lugar mais tradicional naquelas bandas (Jordânia, Omã, Síria – e até o Egito). Tudo lá é lindo e imponente, mas fake e impessoal.

4. O centro velho é bem caótico e dispensável se você não faz a linha ‘antropológica’ ou ’25 de Março’. Se estiver com tempo e fizer questão, vá até a Bastakiya (uma espécie de “centro histórico”) e ao Dubai Museum – de lá você pega um barco (abra), atravessa o creek e dá uma passadinha nos souks de ouro e especiarias.

5. Para compras, vá direto ao Mall of the Emirates e ao Souk Madinat (réplica-pra-turista-ver dos mercados tradicionais). E não se esqueça de chegar cedo ao aeroporto na volta: o free-shop é de pedir arrego à Nossa Senhora dos Limites Ultrapassados.

6. Se puder, evite o verão (quando o dia é um forno e a noite é uma sauna) e o período do Ramadã (quando os muçulmanos e ocidentais são segregados e qualquer gole d’água virará uma aventura aos olhares punitivos dos que estão em jejum).

Safári no deserto
Safári no deserto

7. O safári no deserto é turistão e farofa, sim. Mas quem disse que é ruim? Vá e aproveite o jantar ao final do passeio numa tenda no meio do nada. Mande meu alô aos camelos. Custa em torno de US$80.

8. Mas se quiser um safári mais exclusivo, fechando com um jantar a dois no deserto: US$180. Fino.

Mesquita, Abu Dhabi
Mesquita, Abu Dhabi

9. Ah, e não esqueça de Abu Dhabi ali do lado.

Com seu jeito Brasília de ser, é um contraponto bem interessante à exuberância desmedida de Dubai.

Não quer encarar um ônibus com guia e japonês tirando foto do vento?

Pegue um táxi em Dubai e por US$200 vá direto ao que interessa: uma volta na ‘orla’, Mesquita do Sheikh Zayed, Fundação Cultural e hotel Emirates Palace.

Tá podendo? Aproveite e almoce em algum dos vários restaurantes do Emirates Palace.

10. Para curtir a noite, vai uma listinha de lugares bacanas:

Buddha Bar

Submarine Dhow Palace

Skyview Bar, Burj al Arab

Rooftop Bar, One & Only

Chillout Ice Bar

Leia também:

Dubai no Fatos & Fotos de Viagem, por Arnaldo Interata

124 comentários para “Dubai: 10 dicas para uma superviagem, por Bruno Vilaça”

  1. Depois de inúmeros emails para hotéis e agências de turismo de Dubai, estou sendo vencido no cansaço e concluindo que, quem não for em voo da Emirates, não consegue o visto de turismo, que seria concedido pelo hotel, estando desempacotado.

    Alguém que só tenha passaporte brasileiro por acaso já conseguiu ir desempacotado para lá????

    O meu interesse é primordialmente futebolístico, então não queria ficar só por lá todo o período. Não queria me estender muito, mas se alguém precisar das informações, eu posto aqui por que está tão difícil.

    Muito obrigado a todos desde já.

    1. Felipe, eu tentaria ver isso por aqui mesmo, com despachante ou pela Emirates, mesmo sem voar por ela. Acho difícil o pessoal láááááá de Dubai mexer algum pauzinho. Vou fuçar e o que descobrir posto aqui.

  2. Felipe,

    Estive agora em Dubai, fazendo uma conexão vindo de Hong Kong. Como ia demorar +- 5h no aeroporto, tentei um visto rápido, só pra dar uma voltinha.

    Mesmo tendo voado Emirates, eu precisaria ter um hotel como “sponsor” do visto, ou seja, teria que pagar uma diária de um hotel, mais o visto. Acabei fazendo hora pelo duty free do aeroporto mesmo – Dubai vai ficar para uma próxima vez. :o )

    Você já tentou informações no site http://www.dubaivisa.net/ ?

    Bjs e boa sorte!

    Suzana

  3. Adorei ler sobre Dubai. Alguem tem algum comentario s/ mulher viajando sozinha por lah? visto que eh um pais de cultura bem diferente da nossa….
    Mas a minha outra pergunta, pegando carona no tema Oriente Medio, eh :
    e o Libano ? planejo uma viagem p/ lah no 1o.semestre/11 e estou buscando maiores informacoes e dicas.Jah vi que se pode ir de Paris, Dubai…

    Agradeco quaisquer informacoes/dicas,etc…

    Ana (de Cuiabah/Mt)

  4. Rapaz, tou com o mesmo problema. O pior é que tou voando de Amman pra Dubai com a Emirates e ainda sim eles nao querem emitir o visto porque eu vou voar de Dubai pra Bruxelas pela KLM. Eles só se responsabilizam pela emissao do visto se vc fizer toda sua viagem de Emirates, acredita?

    O hotel que escolhi, o Radisson, até emite. Porém, cobra o triplo do valor normal e ainda bloqueia cerca de R$ 2.500,00 do cartao de credito.

    Aí no site da embaixada em Brasilia eles dizem que tem duas formas de se conseguir o visto. Pela Emirates ou pela tal da Marhaba ( https://www.marhabaservices.com/index.aspx ). Só que ao entrar em contato com a Marhaba, eles só emitem o visto se vc comprar um pacote de hotel com eles. Vc vai ficar num hotel inferior pagando um preço maior. Ou seja, pura canalhice. E ainda por cima nao avisam isso no site. Qdo vc entra em contato com eles, aí descobre que eles sao calhordas.

    Já olhei um milhao de sites em ingles e alguns dizem que as informaçoes nao sao confiaveis e que essa questao do visto é realmente capaz de dar dor de cabeças a quem gosta de viagens independentes.

  5. Ótimas dicas. To indo pra lá em dezembro e preciso de uma informação. Se puderes me ajudar…

    Se eu levar meu smartphone, consigo um chip de internet 3G com preço bom por uns 10 dias ? Ou eles tem aqueles wifi´s pagos com longo alcance ?

    Enfim.. qual a melhor forma de ter internet no smartphone ?

    Valeu !

  6. Excelente informacoes! Gostaria de saber se é tranquilo ir desempacotado pra Dubai. Chegar em Aeroporto, uso de taxi, Hoteis pelo booking? Ou, em se tratando, dessa cultura… melhor um pacotao? Somente 5 dias e ficar amarrado em Pacote… Obrigado. Qual seria um cuxto x beneficio de Hotel? Pelo q to vendo, ja vi q terei problemas com Visto. Alguem tirou recentemente? Grato.

  7. Oi Humberto.
    O visto parece complicado e eh mesmo. Por isso eu morando em Dubai salvo a entrada de alguns brasileiros, rs..
    Quando os requisitos nao sao favoraves nos variaveis caminhos ao visto indico um despachante local, ele tem agencia de turismo e mora aqui tem masi de 30 anos, todos os vistos que indiquei sairam e deram super certo, inclusive minha familia veio por intermedio dele tambem; para ficar mais confiavel esta informacao, minha familia diga-se filho, nora e neto em pleno natal…e assim tenho seguindo ajudando aos brasieliros, mas barato nao eh!! Ele cobra por visto 150U$, mas voce entra aqui,
    abs.
    Meu e-mail para o caso de ainda precisar desta ajuda: solangebarros@gobo.com
    Solaneg Barros

  8. eu moro aqui e posso dar dicas tambem…meu e-mail eh solangebarros@globo.com
    ajudo indicando hoteis,
    ajudo dando as dicas do visto
    ajudo dando as dicas de como fazer o toru etc…

    1. OLa Solange..
      Poderia me dar algumas dicas sobre o Dubai, que actividades poderei fazer, passeios, poderei fazer praia, como sao os preços das coisas etcc..tenho passagem marcada para agosto, so poderei ir msm nessa altura devido ao meu trabalho.
      Fiquei ja mt desmotivada pelos comentarios que li, que n aconselham a ir nessa altura devido ao ramadao e o calor imenso, mas n tenho hipotese vou msm em agosto
      de-me algumas sugestoes a fazer para aproveitar o dubai ao maximo msm sendo nessa altura
      Aguardo sua resposta

      1. Olá, Carla!

        Veja dicas mais recentes nesta página:
        http://www.viajenaviagem.com/category/dubai

        Agosto é realmente muito quente. Todos os dias a temperatura bate nos 50ºC.

  9. Caros,

    Estou com passagem marcada pra Dubai para dia 20 de maio e pretendo ficar sabado e domingo apenas, pois estou indo de passagem, estou voltando da India (onde estou a trablho faz 1 mes) e resolvi ficar estes fim de semana e conhecer a cidade. Vou de Emirates os dois trechos (India/Dubai e Dubai/Brasil)e já comprei as passagens. Porem estou pensando em pagar um pacote turistico de 3 diaris de hotel e dois dias de passeios aqui na India por intermedio de uma agencia de turismo. Com isso será que consigo visto de turismo por esses dois dias atraves do Hotel?
    Outra pergunta, será que é melhor eu fazer reserva de hotel e me virar lá com os passeios de taxi, ou sei lá, pegar um pacote do prorpio hotel ao inves de utilzar agencia? Estou perdido, alguem pode me dar uma dica do que fazer e tambem pontos turisticos e indicações de hotel para sabado e domingo.
    Grato!

    1. Olá, Kenneth! Hà um ônibus hop-on hop-off que percorre todo Dubai em dois dias. É uma ótima alternativa para destrinchar a cidade.

      Os táxis são bem baratos.

      Informe-se sobre o visto com o vendedor do pacote.

  10. Q engraçado, estava lendo sobre os comentários a respeito do visto em Dubai e fiquei surpreso! Estive em Dubai em 2009 e, mesmo tendo voado de Emirates vindo da India, tirei o visto lá na hora. Fui num guichê antes de passar pela policia federal, paguei e peguei um adesivo (q fica com eles… hehehehe), que seria o “visto”. Não tive problema nenhum. Lembro, que na epoca, tb fiquei meio cabrero, mas na hora foi bem tranquilo… sera que mudou alguma coisa???
    E não sei se ainda vale a pena responder a pergunta da Poly, mas achei Dubai tranquilissimo de ir sem pacote. Cidade facil de se locomover. O taxi é barato e ainda tem varias linhas de onibus. Como me hospedei na Bastakiya, tinha um terminal de onibus bem proximo do meu hotel com onibus pra todos os cantos.

  11. adorei as dicas, parabens

    to indo amanhã e tava caçando algumas cisas aqui.

    parto da italia e estava ja lamentando por nao ficar no Burj Al Arab mas no Madinat Jumeirah. E eis que encontro aqui a tua dica que me encheu de orgulho de nao ter errado mais uma vez.

    ficarei apenas 6 dias, antes de embarcar pra india. e tentarei fazer o maximo das dicas postadas. Obrigado!

  12. Olá. Meus pais vão passar o reveillon em Dubai e gostaria de aproveitar a viagem deles para pedir uns presentinhos. No entanto, o que realmente vale a pena comprar em Dubai? O que não posso deixar de solicitar?
    Obrigada

    1. Olá, Alessandra! Dubai tem grifes e eletrônicos. Dos produtos locais, vale a pena o artesanato e tapetes.

  13. Bruno,
    Viajo agora em janeiro para Dubai e fico 5 dias. Reservei o Dar Al Masyaf, mas estou na dúvida se é muito romanticozinho, ja que estou indo sozinha. O outro, Al Qsar, é mais caro (mas nem tanto). Qual é a sua opinião? Dá para ficar sozinha no Dar Al Masyaf sem deprimir com os casais em lua de mel, ou eh melhor pagar um pouco mais e ficar no Al Qsar?
    Obrigada!!!!

  14. Caramba, estou enlouquecendo c esse visto p Dubai. Já comprei os bilhetes , já estou c a reserva no hotel e n consigo passar os documentos solicitados pela Emirates p os vistos. Parece q eles mudaram o escritório de Sampa p India e td é via e-mail. Me disseram q é possível pegar o visto no aeroporto na imigração, mas estou tensa, afinal, estou indo c o meu marido e meus dois filhos (crianças) . Depois q li o comentário do Igor fiquei um pouco mais calma, mas n encontro nada nada na web q confirme q se pode mesmo tirar o visto no aeroporto. Vai q muda neah, olha o q fizeram c a mudança d escritório da Emirates p India. Isso está prejudicando mt gente q quer viajar agora pq estão tendo o mesmo problema q nós, n conseguem enviar o formulário. Alguém alem do Igor conseguiu esse visto no aeroporto ????? Help!

  15. Oi boa tarde,

    antes de mais nada, parabéns pelo site!!!

    Gostaria de saber o melhor lugar para compras de:

    -eletrônicos: Mall of the Emirates ou Free Shop?
    -roupas?
    -relógios e óculos?
    -produtos típicos?

    Desde já agradeço a atenção,
    Ricardo.

    1. Olá, Ricardo! As lojas do aeroporto valem só para quem vai comprar entre vôos.

      O Mall of the Emirates é mais completo e é melhor na parte de eletrônicos, o Dubai Mall tem mais grifes mas vale a pesquisa também.

      1. Muito obrigado pela resposta!!! Estarei viajando em breve, quando voltar digo para vcs como foi.

    2. Há várias dicas de compras aqui: http://www.falandodeviagem.com.br/viewforum.php?f=168

  16. Bruno Vilaça
    Gostaria de saber que vou passar 10 dia em Dubai,quando posso levar em $,um casal e minha esposa.
    Abraços
    Mateus de Lima

    1. Isso é gasto pessoal. Ninguém pode decidir por você. Como você pode realizar saque com seu cartão de crédito ou débito, não deve viajar com muito dinheiro, pois é sempre arriscado.
      Veja aqui como realizar um saque: http://www.falandodeviagem.com.br/viewtopic.php?f=168&t=1564

  17. Segui todas as Dicas do Bruno e a melhor de todas foi ficar alguns dias no Madinat Jumeirah, o complexo é incrivel, fiquei no Mina A Salam mas vc pode circular em todo o resort, a pê, de carrinhos de golfe ou de barcos pelos canais.

    Atualizando: Deve se tirar um tempo para ir ao complexo do Burj Khalifa , para conhecer o predio mais alto do mundo, passear pelo Dubai Mall mair shopping de Dubai, que possui um aquario gigante e uma pista de patinação no gelço enorme. E assistir o incrivel show das fontes de agua (maior que o do Belagio em Las Vegas.

    Tomei um cha da tarde no Burj Al Arab e aproveitei para pedir minha namorada em casamento com a vista igual ao da foto do deste post. Eles dão uma flor para marcar a ocasião.

    Só para completar tem um shopping só com joalherias especializadas em diamantes, bom para comprar a aliança.

  18. Realmente, o que é chato em Dubai é o visto.
    Afinal, acaba saindo caro por conta dos agentes que nada mais fazem do que entregar os documentos enviados.
    Seria interessante o Brasil fazer acordo de isenção, como tantos países já tem.

  19. O que achei realmente impressionante não está em Dubai, mas em Abu Dhabi. A mesquita é linda, depois de ver igrejas e mais igrejas na Europa, cobertas de ouro e pinturas, ver uma mesquita “clean” foi algo inesquecível.
    Toda de mármore branco, ela possui incrustações de pedras semi-preciosas em formato de flores.
    Os lustres de Murano e cristal Swarovski são um pouco “over”, coloridos demais para meu gosto.
    De qualquer forma, a mesquita é algo impactante, principalmente porque (eu só soube na hora, se dissessem não iria)é preciso vestir (as mulheres) aquela roupa preta.

    1. É linda mesmo. Eu escrevi sobre ela aqui. Tem várias fotos: http://www.falandodeviagem.com.br/viewtopic.php?f=173&t=1619

  20. Posts mais recentes sobre Dubai:

    http://www.viajenaviagem.com/category/dubai