Veneza: como chegar e como se locomover

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Veneza: barcos da Alilaguna desde o aeroporto

Não é todo dia que você visita ou se hospeda numa cidade em que as avenidas são, ahn, pavimentadas com água. Quase nada do que você aprendeu por aí vale aqui. Às instruções, pois.

--> Como ir do aeroporto de Veneza ao seu hotel

Ônibus

A maneira mais barata de ir do aeroporto Marco Polo a Veneza é com o Aerobus, o ônibus da ATVO (a cia. de transportes local) que por 6 euros (11 euros ida e volta) leva ao terminal de ônibus da Piazzale Roma (este aí da foto de baixo; mas o Aerobus não é nenhum desses bumbas, não). O trajeto é feito em 20 minutos. O primeiro ônibus sai da Piazzale Roma às 5h; o último sai do aeroporto à 0h20. Por favor: confira horários atualizados aqui (linha 35). Existe também um Aerobus a Mestre. O primeiro ônibus sai de Mestre às 5h20; o último sai do aeroporto à 0h20. Por favor: confirme os horários atualizados aqui (linha 35B)

Terminal de ônibus da Piazzale Roma

(Há também um Aerobus que vai a Mestre, onde está a porção continental (e absolutamente convencional) da cidade. Se o seu hotel ficar por lá, saiba que o ônibus também custa 5 euros (9 euros ida e volta) e que o trajeto é feito em 17 minutos. Veja o horário aqui.)

Existe um segundo aeroporto vendido como sendo "Veneza" por algumas low-costs (a principal delas, a Ryanair). Na verdade trata-se do aeroporto de Canova, em Treviso. A ATVO também tem um Aerobus que faz o percurso Canova-Mestre-Veneza. Até a Piazzale Roma dá 1h10 de viagem. O aeroporto de Canova/Treviso estará fechado para manutenção até dezembro de 2011.

A Piazzale Roma é vizinha à estação de trem Santa Lucia. Para ir da Piazzale Roma até o seu hotel, leia o tópico "Como ir da estação de trem ao seu hotel".

Alilaguna

Se o seu hotel ficar perto de alguma estação servida pelos barcos da cia. privada Alilaguna, cacife os 15 euros da passagem. A linha mais útil à maioria dos visitantes é a Arancio (laranja), que chega ao Rialto em 57 minutos e a San Marco (Santa Maria del Giglio) em 1h15. (Se o seu hotel fica perto da estação Santa Lucia, não vale a pena ir de Alilaguna; o ônibus é 20 minutos mais rápido). Já a Linea Blu liga o Aeroporto ao Terminal de Cruzeiros em entre 1h15 e 2h (dependendo do número de paradas), passando por Murano, Lido, San Marco, Zattere e Giudecca. O primeiro barco da linea Arancio sai de San Marco (Santa Maria del Giglio) às 5h48; o último sai do aeroporto à 0h05. O primeiro barco da linea Blu sai do Giudecca Hilton às 4h35 da madrugada; o último sai do aeroporto à 0h15. Veja os horários da linha Arancio aqui e da linha Blu aqui.

Barco compartilhado

A partir de duas pessoas é possível dividir um barco até o píer mais próximo do seu hotel. Custa 27 euros por pessoa e o barco pode levar até 8 passageiros (e, portanto, fazer até oito paradas pelo caminho). Mais detalhes aqui.

Táxi aquático

É o jeito mais chique e cômodo de chegar. Um táxi aquático pode se embrenhar pelos canais menores e deixar você o mais perto possível do seu hotel. Custa 90 euros (ida e volta, 170 euros). Mais detalhes aqui.

Leia mais: 70 hotéis de Veneza comentados pelos leitores (com mapa!)

--> Como ir da estação de trem Venezia Santa Lucia ao seu hotel

A pé

Muita gente procura hotéis nas imediações da estação Santa Lucia (no bairro contíguo de Canaregio ou do outro lado do canal em Santa Croce) para poder chegar com as próprias pernas. Neste caso, certifique-se de que o hotel fique realmente perto da estação. Ao ler instruções de percurso no site do hotel, preste atenção num detalhe: as pontes.

Ponte em Veneza

Ponte em Veneza não significa apenas um vão calçado por cima de um rio ou canal; ponte em Veneza significa necessariamente degraus, degraus e mais degraus. Por isso muita gente opta por deixar a mala no guarda-volumes da estação (preço por dia: 11 euros por volume) e ir para o hotel com apenas uma mochila.

De vaporetto

Deve ser o transporte público mais caro do planeta: um bilhete simples custa 6,50 euros (vale por 60 minutos numa mesma direção). É bem provável que você não consiga ir sentado -- e sua mala certamente irá em pé também. Se você planeja fazer outras viagens de vaporetto nas 24, 48 ou 72 horas seguintes, compre direto um passe (leia mais adiante, em "Como se deslocar em Veneza"). Existem também passes de vaporetto combinados com o ônibus do aeroporto.

Vaporetto em Veneza

Pois bem -- o vaporetto vai deixar você numa estação próxima ao seu hotel. Da estação ao hotel é por sua conta -- inclusive a passagem pelas pontes cheias de degraus. Para o recém-chegado, orientar-se pelas vielas venezianas é superdifícil, mesmo com mapa ou instruções detalhadas à mão (talvez com um GPS instalado no celular e atualizado você chegue sem erros).

Veneza

Um jeito de evitar maiores perrengues é deixar a mala grande na estação (a 4 euros as primeiras 5 horas, ou 11 euros por 24 horas), comprar um passe de vaporetto, achar o hotel só com a mochila e deixar para voltar com a mala mais tarde, depois de ter aprendido o caminho direitinho. (Esse conselho vale especialmente para quem se hospedar nos cantinhos mais remotos e menos turísticos de bairros como San Polo e Dorsoduro.)

De táxi aquático

O conforto de chegar o mais perto possível do seu hotel mesmo que ele se localize longe do Canal Grande custa 60 euros para até 4 pessoas desembarcando no mesmo ponto. Mais detalhes aqui.

--> Como se locomover por Veneza

A pé

O grande barato de Veneza, todo mundo já disse, é se perder. E você só se perde a pé. Saia das ruas de passagem, atravesse para o outro lado do Canal Grande, descubra os campos (praças), os becos, os canaizinhos recônditos. É de grátis smile

De vaporetto

Lá em cima eu disse que era o transporte público mais caro do mundo. Mas que outro transporte público faz de cada mínimo trajeto um tour por Veneza? Batalhe por um lugar à janelinha -- ou no pequeno convés -- e deslumbre-se.

Passes de vaporetto para visitantes

Bilhete magnéticoO bilhete simples custa 7 euros e mantém a validade durante 60 minutos na mesma direção (ou seja, dá para parar no caminho e reembarcar no mesmo sentido antes de expirar o prazo).

Já os passes para visitantes custam 18 euros (12 horas consecutivas), 20 euros (24 horas), 25 euros (36 horas), 30 euros (48 horas), 35 euros (72 horas) e 50 euros (7 dias). Por alguns euros a mais, todos podem incluir o Aerobus do aeroporto (ida ou ida e volta). Veja todos os preços aqui.

As linhas principais do vaporetto funcionam entre 5h e meia-noite. Na madrugada há linhas noturnas, que fazem um serviço espaçado, de 40 em 40 minutos. Veja todos os horários aqui (role a página e procure linhas 1, 2 e a noturna N Lido-Canal Grande).

Atenção: é preciso validar o passe numa das maquininhas dos pontos de embarque. Apesar de ser de papel, o cartão é magnético; basta chegar perto da maquininha e o painel avisa se está válido ou não.

Um bom uso do passe de vaporetto é comprar o de 24 horas para fazer um tour de todas as ilhas do arquipélago veneziano (Lido, Murano, Giudecca), de repente dando um pulinho no Arsenal (onde está a Biennale). Começando às duas da tarde num dia longo (entre o meio da primavera e o meio do outono), dá pra extrair o máximo do passe. Eu só faria o passe para todos os dias da estada se tivesse problemas de locomoção; caso contrário, o passe do vaporetto pode acabar dando preguiça de bater perna (e descobrir a Veneza longe do Canal Grande).

Vaporetto em Veneza

Leia mais: 70 hotéis de Veneza comentados pelos leitores (com mapa!)

--> Como ir de Mestre a Veneza

Há trens freqüentes, que fazem o trajeto em 8 minutos. Cada trecho no trem regional custa 2,90 euros. O primeiro trem sai de Mestre às 5h; o último sai de Veneza (Santa Lucia) à 0h36. A ATVO também faz o trajeto de ônibus, com a linha 8a. A passagem custa 3,50 euros ida (6,40 euros ida e volta). À noite funciona a linha N1, de 40 em 40 minutos (veja horários aqui).

--> Como ir do Terminal de Cruzeiros a Veneza (e vice-versa)

O Terminal de Cruzeiros ("Porto Crociere" ou "Marittima" em italiano, "Cruise port" em inglês) fica próximo à Piazzale Roma. Um monotrilho, chamado People Mover, liga a ilha-estacionamento de Tronchetto ao terminal e continua à Piazzale Roma. O trajeto até a Piazzale Roma custa apenas 1 euro e menos de 3 minutinhos. De lá você segue a pé ou de vaporetto por Veneza (leia mais acima). O People Mover funciona entre 7h e 23h em dias úteis, e entre 8h30 e 21h fins de semana e feriados (ate 22h no verão). É possível também pegar a Línea Blu da Alilaguna, que vai à Giudecca e ao Zattere antes de chegar em San Marco e Rialto -- e segue até o aeroporto. A passagem para qualquer ponto da linha custa 15 euros. Veja horários da Alilaguna aqui.

--> Viajar a Veneza: carro, trem ou avião?

Um carro em Veneza só serve para dar despesa: você paga a(s) diária(s) do aluguel mais a(s) diária(s) do estacionamento. Tente fazer de Veneza o início ou o fim do seu périplo italiano; assim você pode pegar o carro depois de visitar a cidade ou entregar o possante ao chegar (ou na última cidade em que ele for necessário).

Se você já estiver no centro ou no norte da Itália, recomendo que chegue a Veneza de trem. De Milão são 2h30; de Florença, 2h, e de Roma, 3h40, nos trens mais rápidos. Compre com antecedência e você pode conseguir a tarifa Mini, que é super em conta (veja como aqui). Compre até Veneza Santa Lucia, que é a estação final (Veneza Mestre é a última estação do continente, e serve apenas para quem vai se hospedar por lá).

Caso Veneza seja o seu primeiro destino na Itália -- seja vindo do Brasil, seja de algum outro país europeu -- recomendo que você venha de avião. Veneza é ligada por vôos diretos às principais cidades européias. Saindo do Brasil você pode fazer uma conexão imediata em lugares tão díspares quanto Lisboa, Paris, Amsterdã ou Frankfurt -- às vezes por tarifas mais em conta do que voando direto à Itália (e sem precisar se virar para continuar a viagem). Vindo de outros pontos da Europa, no mínimo procure orçar quanto fica incluir o(s) vôo(s) intra-europeu(s) na sua passagem transatlântica. Na maioria das vezes compensa. Ao comparar com preços de low-cost, lembre-se que os preços de low-costs normalmente estão cotados em euros, enquanto os preços de passagens aéreas internacionais comprados no Brasil estão em dólar. Tenha em mente também que low-costs impõem rigorosas limitações de bagagem (e cobram uma fortuna por cada quilo extra), além de cobrar à parte por despacho de bagagem, check-in e operação por cartão de crédito. (Leia mais aqui.)

Leia também:

70 hotéis de Veneza comentados pelos leitores (com mapa!)

Todas de Veneza no Viaje na Viagem


Assine o Viaje na Viagem por email - VnV por email
Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire
Siga o Viaje na Viagem no Twitter - @viajenaviagem

986 comentários

Rosalie
RosaliePermalinkResponder

Gostaria de saber se existe uma viagem de onibus de Veneza a Genova?
Sei que de trem vai primeiro para Milão e tem que fazer baldeação ! Gostaria de evitar isso pois sou idosa e complica tudo!
Grata

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rosalie! Mesmo se houvesse ônibus, o trem é muito mais rápido e confortável. Você verá muita gente da sua idade usando. Baldeações não são difíceis, você vai tirar de letra.

Neuza
NeuzaPermalinkResponder

Boa noite, sra. Rosalie. Verifiquei no site da Trenitalia que há um trem Frecciabianca 9792 ( alta velocidade e bastante confortável) saíndo de Venezia S.Lucia às 9:50h e chegando a Milano às 12:25h. A continuação da viagem até Genova Piazza Principe se dá por outro trem Frecciabianca 9777 que parte às 13:10h e chega a Genova às 14:40h. A senhora terá 45minutos para fazer a baldeação, acredito que a senhora conseguirá fazê-la sem perrengue. A senhora vai sozinha ou acompanhada? De qualquer maneira é só seguir o sábio conselho desse site e levar no máximo uma mala média, com quatro rodinhas, para facilitar o deslocamento. Espero ter ajudado e boa viagem!

Marcelo Juliano

Boa Noite. Eu e minha esposa faremos um tour de 23 dias pela Itália em outubro. Chego por Roma (30/09) e saio por Milão (22/10). Meu problema é como encaixar Veneza que por motivos vários acabou ficando no meio do trajeto. Vou pegar o carro ao sair de Florença no dia 09/10, circular pela Toscana e pela Emília Romagna e pretendo chegar no dia 14/10, saindo de Veneza no Dia 18/10 rumo a Verona. PERGUNTA 1: Faz sentido deixar o carro no aeroporto e pegar depois, ou faço dois alugueis - entrego em Veneza o carro que aluguei em Florença e alugo outro para devolver em Milão?
Consulto muito seu blog, me ajuda bastante mas esta é a 1ª vez que escrevo, pois realmente estou indeciso. Pergunta 2: Vale a pena hospedar-se em apartamento em Veneza?
Muito obrigado,
Marcelo

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcelo! Devolva o carro em Veneza e prossiga de trem. Não há nenhum benefício em fazer o trecho Veneza-Verona-Milão de carro. Caso esteja pensando num detour pelo lago de Garda, faça o lago antes de devolver o carro em Veneza. REcomendamos alugar apartamento em permanências de pelo menos 5 dias num lugar.

Thiago Castro
Thiago CastroPermalinkResponder

Bóia, acho que vc quis dizer que "Não há nenhum benefício em fazer o trecho Veneza-Verona-Milão de CARRO" e não de trem como vc disse.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Obrigada, Thiago! Corrigido!

Eliana
ElianaPermalinkResponder

Ricardo, tenho uma dúvida. Estou planejando uma viagem para a Expo Milão e depois vamos passar por Veneza e Roma.
Li vários blogs de viagem e gostei muito do seu. Parabéns.
Em um desses blogs encontrei uma dica de chegar em Veneza, partindo de Milão de ônibus - Flixbus. Como vamos em 4 pessoas sai cerca de 36,00 euros. Achei vantagem de preço em relação ao trem. Já tínhamos feito isso na Espanha também. Você sabe dessa opção? O que acha?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eliana! Quem responde é a Bóia. Verifique se não consegue passagens descontadas na Trenitalia ou na Italo. Trem é sempre mais confortável do que ônibus. Mas não há nada errado em ir de ônibus não; só não jogue a toalha antes de ver se não tem uma boa tarifa nas cias. de trem.

Luiz Bastos
Luiz BastosPermalinkResponder

Boa noite. Obrigado pelas dicas. Sabe informar se no aeroporto também tem lugar para deixar guardada uma mala grande? É mais barato que na estação?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luiz! No aeroporto custa 6 euros por dia, abre das 5h às 21h.

http://www.trasbagagli.it/en/pg/view/53/luggage-storage-venice-piazzale-roma-airport

Alessandra
AlessandraPermalinkResponder

Olá, eu gostaria de saber se tem barcos simples, que fazem a travessia de pessoas de um lado até outro do grande canal? Para não ser necessário andar até uma ponte.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alessandra! Existem, sim. São chamados "traghetti" e fazem a travessia em diversos pontos. Para residentes, custa 70 centavos de euro. Para turistas, 2 euros.

Fabia Justo
Fabia JustoPermalinkResponder

Olá Ricardo, Seu site é o meu guia para todas as viagens, virei seguidora.
Gostaria de pedir ajuda para uma decisão, viajo agora em maio pra Veneza, e tenho duas opções de hotel, um perto da estação Santa Lucia, outro bem no centrão (San Marco). O Problema é que meu vôo de volta é as 06:00 da manhã no aeroporto Marco Polo, e não sei se a esta hora da madruga lá por volta das 04:30 encontro transporte de Veneza para o aeroporto? onde seria mais fácil me hospedar?Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabia! O "centrão" é Santa Lucia. O primeiro ônibus ao aeroporto sai às 4h35 de 2a a sábado, e 5h40 domingos e feriados. Leva 20 min ao aeroporto. Há táxis na Piazzale Roma.

Fernanda
FernandaPermalinkResponder

Olá! Meu voo de Veneza para Viena é as 6:55hs da manhã. Estarei hospedada na ilha em Veneza. Como eu faço para conseguir chegar no aeroporto tão cedo? Valeria a pena ficar hospedada no continente?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernanda! O primeiro Aerobus sai da Piazzale Roma às 4h35 e chega ao aeroporto às 4h58. O próximo sai às 5h40 e chega às 6h03.

Jal Lima
Jal LimaPermalinkResponder

Oi bóia
O site tem me ajudado muito, principalmente na compra de passagens na Trenitalia que segui o seu passo a passo e deu tudo muito certo.
Estou com uma dúvida, vou para Itália em junho e por último vou fazer um cruzeiro que sai de Veneza. Vou chegar na cidade de trem na estação Sta Lucia, pelo que li no seu site a estação fica próxima a Piazzale Roma que é perto do Terminal Marítmo. Como vou chegar na véspera da saída do cruzeiro, vou procurar reservar um hotel próximo da estação. Essa é a melhor maneira? se eu estiver cometendo algum engano, me explique por favor.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jal! É isso mesmo.

Thiago Castro
Thiago CastroPermalinkResponder

Jal, a sestiere de Santa Croce é a que fica mais perto do terminal. Mas se quiser um lugar bacana, o Hotel Tiziano fica no Dorsoduro e tb é do lado. O Ricardo Freire já ficou lá e recomenda (e eu tb já fiquei e curti tb smile ).

Aproveite que vai passar a noite lá e dê um pulo no Campo Santa Margherita para jantar. O lugar tem várias opções e tem um clima bem legal.

Roberta
RobertaPermalinkResponder

Outra dúvida
Meu voo está previsto p chegar as 23:30 e esse horário não tem mais onibus p piazzale roma.
Mas tem para mestre.
Como faço p saber se consigo trem de mestre para Veneza? Ou melhor, se tem trem nesse horário?
Lembrando q chego dia 29 de maio

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Roberta! Existem ônibus noturnos:
http://actv.avmspa.it/sites/default/files/attachments/pdf/UM/U-N1.pdf

No seu caso, não vale a pena inventar. Reserve para este noite um hotel próximo à estação de Mestre.

Marcia
MarciaPermalinkResponder

Olá ! tenho "devorado" os posts sobre Italia e Alemanha. Começaremos nossa vIagem de Agosto na Alemanha, onde estaremos de carro. Confesso que minha maior preocupação é não ter um carro para ir de um lugar para outro com mala e família... Chegarei em Veneza partindo de Innsbruck ou de Munique. Qual a melhor opção para esta locomoção ? Ficaremos 2 noites em Veneza, qual depois mais 3 em Florença, 4 em Roma e retorno ao Rio de Janeiro. Qual a melhor localização em Veneza e Florença para chegarmos e partirmos com a bagagem ? Agradeço dicas e informações !

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcia! Saindo de Innsbruck, trem. De Munique, avião já é mais negócio. Na Itália, com tempo exíguo e cidades grandes no roteiro, use o trem. É mais prático hospedar-se perto das estações em Florença e Veneza.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Comentar novamente

Cancelar