16 hotéis em Viena comentados pelos leitores

Natalie Soares
por Natalie Soares

The Ring, Viena

Este post compila todos os comentários sobre hospedagem em Viena deixados por leitores do Viaje na Viagem. Os hotéis estão divididos por região; clique no nome do hotel e você será levado ao comentário.

Se o hotel não está na lista, é porque não foi comentado ainda no Viaje na Viagem.

Caso você tenha uma experiência de hospedagem em Viena para compartilhar, por favor deixe seu comentário; oportunamente será incorporado à lista. Vielen Dank!



Visualizar Hotéis em Viena: o relato dos leitores em um mapa maior

--> Innere Stadt (coração do centro histórico)

Am Stephansplatz

Heloisa - Opiniões no Booking

Hotel de France

Leila - Leila - Opiniões no Booking

K+K Palais Wien

Silvia - Opiniões no Booking

Pension Suzanne

Nelma

The Ring

Riq - Opiniões no Booking

--> Mariahilf (perto da estação Westbahnhof)

Hostel Ruthensteiner

Cristina

Hostel Wombats

Gauchinha - Opiniões no Booking

Ibis Wien Mariahilf

Bianca - Paula* - Opiniões no Booking

Mercure Wien Europlatz

Sônia G. - Sônia G. - Opiniões no Booking

Pension Kraml

Chrystiane R. - Opiniões no Booking

--> Leopoldstadt (entre o centro e o Danúbio)

Am Augarten

Mari C. - Opiniões no Booking

Austria Classic

Rodrigo P. - Opiniões no Booking

Cristall

Elias L. - Opiniões no Booking

--> Wieden & Landstraße

Das Triest

Tomas - Opiniões no Booking

NH Belvedere

Paulo e Ana - Opiniões no Booking

--> Arredores

Wiental - Pressbaum

Jurema - Opiniões no Booking

Leia também:

Todas de Viena no Viaje na Viagem

Siga o Viaje na Viagem no Twitter - @viajenaviagem

Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire

Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem

Assine o Viaje na Viagem por email - VnV por email

28 comentários

Atenção: perguntas que já estejam respondidas no texto e comentários ofensivos ou em maiúsculas serão deletados.

Cancelar
Anita
AnitaPermalinkResponder

Acabei de voltar de Viena. Fiquei no Meininger Hotel Vienna City Center e gostei muito. Fica a uma quadra do metrô (Keplerplatz) e de um calçadão - Favoritenstrasse - com muitas lojas/lanchonetes e um shopping.
É um hotel econômico, mas novo e com decoração moderna. É uma rede e possui unidades em outras cidades da Austria e Alemanha.
Também oferece um estaciomento coberto cobrado a parte no subsolo, que utilizamos para deixar o auto guardado enquanto utilizávamos o ótimo sistema de transporte (metro e tram) de Vienna.
O café da manhã buffet custa módicos 4,50 euros por pessoa e o quarto quádruplo sai por 72 euros, uma pechincha.

Bia
BiaPermalinkResponder

Estive em Viena em março e fiquei no Austria Trend Hotel Rathauspark. Não achei o hotel bem localizado e, como estava com minha avó de 81 anos, tínhamos que pegar taxi para ir para quase qualquer lugar. Gostaria de ter ficado mais perto da staatsoper.

Renata Queiroga

Quando estive em Viena fiquei no Radisson Style. Um prédio lindo! Super recomendo!!! É um hotel butique muito bacana que tem a cara da cidade, ou seja, do seu jeito cool, como Viena está sendo conhecida na Europa... O hotel é todo concebido para ser uma obra de design. A recepção é linda e não é daquelas convencionais com balcão etc. O Staff é super atencioso e delicado, gentil e côrtez, que não mede esforços para agradar, dirigindo-se a nós pelo nosso nome! Apesar de ser um hotel de rede/cadeia internacional, foge dessa concepção, pois é um hotel pequeno e muito charmoso, moderníssimo, bem como não tem muitos quartos, tudo mais intimista e personalizado.
O fribogar com muitos itens era livre! E com reposição diária sem custo...
Tornou nossa estadia em Viena muito especial!!!!...
Suuuuuupeeer bem localizado!! Fazíamos quase tudo a pé!! Fica na Rua Herrengasse, n. 12,, ao lado do famoso Café Central (porta com porta) e a dois passos (pouquísimos metros- era só atravessar a rua) dos principais museus, como o complexo de museus onde está o Hofburg, o Palácio da Sissi etc. E a 5 minutos Quartier Museums... Quase na esquina da Rua Kohlmark, das lojas mais badaladas, como Louis Vuitton etc. Quase na esquina também da Rua Graben, rua comercial mais "pé no chão" e onde tem inclusive uma espécie de Delicatessen-supermercado, o Julius Meinl an Graben, de 4 andares, com produtos do mundo inteiro, para qualquer gourmet ficar doido! Também a pouquíssimos quarteirões da Stephansdon...
Faixa de preço? De 130 a 150 €, o que se revela um excelente custo-benefício, por tudo isso que falei.

Tita
TitaPermalinkResponder

Saanta boia! Parece que adivinhou o que eu estava procurando... muito obrigada pelo post. Tava perdidinha buscando informações sobre Viena... não queria gastar mais de 80 no quarto e estou achando que vou optar pelo Ibis Mariahilf. Só estou na duvida se a localizaçao é boa mesmo...

Carlos
CarlosPermalinkResponder

Hilton Vienna Danube
O hotel é muito bom.

Quartos: confortáveis, com uma vista maravilhosa do Danúbio. Dou ****1/2

Café da manhã: muito bom, com grande variedade. Não decepciona. Dou ****

Localização: a beira do Danúbio, é interessante. Mas para ir ao centro é necessário táxi ou metrô. É próximo do estádio de futebol onde a seleção austríaca joga. Além disso, tem um shopping próximo, que fecha, no entanto, cedo. Para jantar, a opção é pegar táxi, já que não há restaurantes perto. Dou ***

Cris
CrisPermalinkResponder

Localização Leopoldstaadt (Vienna 02), perto da estação de metrô Praterstern, é muito fora de mão ou dá para encarar? Minha idéia era ficar em Innere Staadt (Vienna 01), mas os hotéis ali ou são caindo de velhos ou bem caros. E mesmo os caros tem aquele "ar pesado" de coisa sem renovação há seculos, hehee com aqueles carpetes encardidos prontos para provocar uma reação alérgica em que sofre de rinossinusite...rs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cris! Com um metrô perto nunca se está fora de mão.

Taysa
TaysaPermalinkResponder

Recentemente fiquei no Courtyard By Marriot Viena Messe . A localizaçao foi adequada para o Centro de Convenções . Hotel bom , quartos bem grandes , internet paga( 15 euros por dia) e café da manhã bem farto , porém sem variações . Fica fora de mão mas o metro fica do lado e te leva diretamente na Karlplatz (cerca de 10 minutos). O metro era extremamente eficiente , limpo e vazio . Se vc não se importar em utilizar transporte público todos os dias para ir a qualquer lugar recomendo o hotel .

diego fernandes

Morei em Viena durante 02 anos, e posso garantir a quem procura se hospedar em qualquer hotel da cidade, principalmente aos hotéis dos distritos de 1002 ao 1009, possuem várias estações de metros e ligações de trens, onibus e bondinhos, para todos os lugares da cidade. O melhor de tudo é que vc pode comprar o Ticket que utilizará em todos esses transportes, pode comprar por dia, por semana, por mes ou até por ano...bem como comprar somente para aquele trecho e meio de transporte, vale ressaltar também que todos os horários fixados nas estaçoes e nas paradas sao rigorasamente cumpridos, portanto, aconselho a procurar um bom hotel e deixar de lado a localização, pois vc estará numa cidade totalmente interligada por transporte publico eficiente!

Li
LiPermalinkResponder

Estive me Viena no início deste mês e fiquei hospedada no Derag Living Hotel, muito bem localizado, na Innere Stadt. É um apartamento com cozinha equipada, fui no mercado público que fica a poucos metros e fiz uma bela refeição em casa, com ingredientes fresquíssimos. Adorei a experiência! O único ponto que pode incomodar alguém é a limpeza que não é feita todos os dias e o elevador, que é minúsculo, cabe apenas uma pessoa com uma mala. Estávamos em 4 pessoas, precisamos fazer várias viagens...Se voltar a Viena, este será novamente meu endereço.

marcus
marcusPermalinkResponder

Olá, Bóia
Indicaram-me um hotel em Viena: Best Western das Tigra (Tiefer Graben). Que informação você pode me dar a respeito? Em Praga, a indicação foi de um Ibis (Ibis Praga Old Town, Porici 5)). Será bem localizado?
Agradeço muito as informações que vc me puder prestar. Aliás, de algum tempo tenho me orientado em tudo por este site em viagens que fiz com a minha mulher. E as coisas têm corrido bem.
Abraços.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcus! Não temos resenhas de leitores sobre o Best Western das Tigra. Veja as opiniões sobre o Ibis Praha Old Town:
http://www.viajenaviagem.com/2011/11/hoteis-em-praga-o-relato-dos-leitores/
A melhor localização em Praga é Malá Strana. Existe outro Ibis mais perto.

Juliana
JulianaPermalinkResponder

Passei quatro dias agora em Viena e volto para deixar a resenha sobre o hotel que fiquei...
Fiquei no Hollman Beletage, um hotel que fica dentro do Innere Stadt, a uma quadra da estação de metrô Schwedenplatz e pouco mais de duas da Stephansplatz.
Fui com meus pais – 50 anos – e minha irmã de 19, tenho 26. O hotel não é barato, mas valeu o que pagamos. O hotel tem três tamanhos e modelos de quarto, alguns com o banheiro integrado. Pegamos o quarto maior, o XL, e pagamos 200 euros por quarto a diária (em julho, alta temporada). O preço inclui o café da manhã MARAVILHOSO e acesso a um lounge onde são servidos lanchinhos, tortas e bebidas a partir das 14h.
O quarto era enorme, com cama de casal e um sofá cama mega confortável, com muito espaço. Minha única reclamação é sobre a TV, que fica escondida no armário, e a porta não deixa que quem está na cama consiga vê-la. Mas acabamos nem ligando a TV na nossa estada, então não fez diferença...
Apesar de estar bem no centro histórico, ao lado das ruas mais movimentadas de turistas em Viena, ele fica em uma rua bem calminha, sem barulho... O hotel não tem serviço 24 horas, a recepção funciona das 7h às 21h, se não me engano, mas fui embora às 5h e tudo correu normalmente – fizemos check-out no dia anterior e eles deixaram várias coisas para comermos no café do dia seguinte.
O café da manhã é muito bom, com pães deliciosos, queijos, que variava conforme o dia, além de pratos a la carte. Realmente é o que eles propagandeiam.
Enfim, quem quiser gastar um pouco mais para garantir conforto, gosta de café da manhã bom e não liga por não ter recepção 24 horas, pode ir nele de olhos fechados...

Ah! fiquei quatro dias em Viena, não quis ir para Bratislava, mas como tenho um ritmo bem intenso em viagens o último dia foi mais para passear a toa na cidade, sem lerês (o que foi ótimo...). Em três dias conseguimos fazer todas as atrações principais de Viena - inclusive entrando em três castelos, mais uns quatro museus, passeando nos parques, no Danúbio...

Ah2! Uma lembrança para quem for para Viena - nada, absolutamente nada, além de museus e restaurantes (e não são todos), abre de domingo. Não tinha um mercado aberto, uma loja, nada! Chegamos no sábado a noite e foi meio chato passar o domingo com tudo fechado. Como resultado, fomos a um palacio, dois museus e visitamos a igreja nesse dia!

cnocchi
cnocchiPermalinkResponder

Agora em agosto fiquei no All Seasons Wien President. Quatro noites, paguei 302 euros, com café da manhã e Internet gratuita no lobby e nos quartos. É um prédio antigo, reformado. O café é correto e a localização achei ótima, perto da Westbahnhof. Como gosto de caminhar, em alguns dias, fui a pé até o Riing, descendo a Mariahilfer Strasse, mas o acesso é muito fácil através do transporte público. O All Seasons fica em frente ao Raimund Theater e muito próximo ao Ibis Wien Mariahilf, um hotel muito recomendado por aqui. O quarto em que fiquei era amplo, com uma sala de estar. Pessoal na recepção atencioso e alguns falam inglês.

João.
João.PermalinkResponder

Buenas, pessoal.
Eu e minha esposa estivemos em Viena em abril de 2012 e ficamos hospedados no Motel One junto à estação Westbanhof. A localização facilitou muito a chegada de Budapeste já que viemos por trem e nos deslocamos a pé por um curto trecho. O hotel é novo, prático, moderno (apesar de um pouco grande), oferece um excelente café-da-manhã e internet grátis no lobby. Diária: 82 euros para o casal. A distância ao centro não foi problema: uma boa e saudável caminhada pela Mariahilfer ou o metrô resolvem o assunto!!
Abs, João.

Ana Claudia
Ana ClaudiaPermalinkResponder

Estive em Viena em junho/12 e fiquei no Hotel Radisson Blu Palais, em frente ao Stadtpark. Maravilhoso, confortável, atendimento super gentil e a uma curta caminhada do centro e demais atrações. aliás, em cada rua, cada esquina, Viena é o máximo! O quarto era de um bom tamanho, para padrões europeus, o banheiro enorme, chuveiro com água farta, cama maravilhosa, enfim, adorei a escolha.

Delma
DelmaPermalinkResponder

Também fiquei neste Radisson em Maio de 2012. Achei o staff atencioso demais. E o hotel com quartos muito confortáveis e bem localizado. Íamos a pé para as atracões principais. Sem contar que era próxima a linha de metro para o Palácio de Schonbrum!

Fabiana Elias
Fabiana EliasPermalinkResponder

Estive em Viena em setembro e hospedei-me no Der Wilhelmshof,um quatro estrelas com café da manha de cinco estrelas ,banheiro enorme e perto da estaçao Prater (metro e trem).
Super recomendo.

Marcio Antonio

Quando fomos pra Viena em abril de 2010, ficamos no Pharmador ( http://www.pensionpharmador.at/en ), um hotel modesto, mas bem ajeitadinho, e com funcionários bem prestativos e simpáticos. Fica perto do metrô (Burggasse-Stadthalle, o que era bom para nós por não precisar de baldeação a partir da estação de trem Meidling, que foi por onde chegamos e saímos da cidade). É só caminhar um pouco e você já está na área dos museus, e andando mais um bocado se chega à Stephansdom. E ainda fica perto de um ótimo restaurante de schnitzel, o Schnitzelwirt (Neubaugasse 52). Como para nós hotel é basicamente lugar para tomar banho e dormir, o Pharmador atendeu muito bem às expectativas.

Leda
LedaPermalinkResponder

Fui p/ Viena em out/12, fiquei 4 dias e me hospedei no Hotel Royal. Fica bem no centro, ao lado da Stephansdom e de um calçadao c/ lojas. Achei muito bom, 4 estrelas, c/ cafe da manha agradavel. Como tudo em Viena é longe, tentei pegar um hotel bem central p/ facilitar os deslocamentos e fica bem ao lado de uma estação de metro.

Ana
AnaPermalinkResponder

Estive em Viena em duas oportunidades, pois amo esta cidade! Nas duas fiquei hospedada na Mariahilf strasse, rua de comercio com restaurantes , supermercado, shopping e próximo a estação de metro Neubaugasse, caminhando schega-se facilmente ao Quarteirao dos museus, Hofburg e museus de Historia da arte e Museu de Historia Natural de Viena, alem da estaçao de trens Wienbanholf.. Na primeira viagem em setembro de 2010 fiquei hospedada no Hotel Kumer, hotel antigo com alguns setores reformados, café da manha muito bom, quarto confortável com o inconveniente que o controle da temperatua do ar condicionado era feito pela recepção e se mantinha em 22 graus centígrados . Na ultima viagem em junho de 2012, procurava quarto triplo e optei pelo Hotel Pension Haydn, também na Mariahilf, este como muitos hoteis Pension em Viena ficava localizado em um andar de um prédio, hotel pequeno, familiar, não gostei da terceira cama que era na verdade um sofá-cama e isso não foi informado quando do momento da reserva.

Cris
CrisPermalinkResponder

Meu hotel em Viena agora em Fevereiro de 2013 foi o "Hotel Vienna". Fica próximo à estação Praterstern, na Gross Stadgutgasse. É uma região sem muitos atrativos e sem muitos restaurantes, e não é muito colada ao centro histórico, mas tem a estação Praterstern bem próxima, então, dá para ir e voltar tranquilamente ao centro pelas linhas de metrô, em apenas 3 ou 4 paradas (não demora mais do que 10 minutos).

Achei o hotel muito bom, apesar da questão da localização. É um hotel com quartos totalmente reformados, sem muitos luxos, mas com tudo muito limpo, modernininho e confortável. Tinha todos os itens (wifi gratis, TV, frigobar, cofre eletrônico, armário, secador de cabelo, cortseia de toillete). Piso de tabuão, ótimo para quem tem alergias (meu caso). O banheiro era daquele tipo muito comum na Áustria e na Alemanha: com paredes divisórias de vidro entre o banheiro e o quarto. A ducha era divina.

O café da manhã estava incluído na diária, de forma padrão (isto é, todas as tarifas incluem café da manhã). Era um café estilo "café colonial", muito farto, com muitos frios, queijos, cereais, pães de todos os tipos, bolos, cucas, e tudo o mais.

Eu reservei um quarto single e o tamanho do quarto era bem grandinho. O aquecimento do quarto era poderoso, tanto é que ao chegar da rua e entrar no quarto, eu tinha de ir tirando logo o casaco. Com o frio que eu passei em Viena, era muito bom chegar da rua e ir para um lugar quentinho. O staff era muito atencioso e cordial, como todos em Viena.

Só não recomendo o hotel no verão: pelo que eu vi, não tem ar condicionado (só aquecimento), e mesmo um dos recepcionistas me disse que em Viena o verão é forte.

Eu adorei Viena, uma das cidades mais bonitas que eu já vi, com prédios antigos e históricos muito bem conservados, música clássica por todos os lados e com um ótimo sistema de transporte público. Metrô com escadas rolantes e elevadores em praticamente todas as estações, facilitando não só a vida de quem tem malas para carregar, como também a locomoção de pessoas com mobilidade reduzida. Eu cheguei e saí de Viena de trem, chegando pela Westbahnhof e saindo pela Wien Meidling. E não precisei usar táxi para me deslocar entre as estações e o hotel: cheguei ao hotel usando metrô, fazendo inclusive baldeação na estação Stephanplatz, e saí de S-bahn, pela Praterstern em direção a Meidling. Tudo na maior tranquilidade e sem problemas com minhas malas (sim, minhas malas, porque desde Munique, eu estava com duas malas).

Ana Travassos
Ana TravassosPermalinkResponder

Gostei muito das dicas sobre hospedagem e transporte! Vou viajar em julho e já estou planejando tudo.
Passei por uma situação meio chata, reservei o Hotel Royal através do Expedia.com por ter boa localização. Escolhi quarto reembolsável e qual não foi minha surpresa, ao checar minha fatura do cartão de crédito, o valor da hospedagem foi todo debitado este mês!!! Liguei para o atendimento da Expedia e o funcionário me informou que ao colocar os dados do cartão e não aparecer a informação de que era uma pré-reserva eu deveria entender que seria cobrado ?!? O cliente é que deveria deduzir... Cancelei a reserva entristecida...

HENRIQUE MOTTA

Olá Boia! Estou indo para Viena e Praga em Abril/14, já aprendi diversas dicas no site, vamos chegar de avião por Viena e sair de avião por praga, vamos fazer o deslocamento de Viena a Praga de trem, já vi um outro post sobre como comprar os tickets. Minha dúvida é quanto ao hotel, fiz uma reserva que posso cancelar até a antevéspera pelo e-booking para o Altstadt Vienna end Kirchengasse 41, 07. Neubau, quanto a nota está excelente 9,1, mas me dá uma ajuda ele é bem localizado? Meu plano B seria um pouco mais caro, O intercontinental Viena, mas qual tem melhor localização?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Henrique! Fica entre o Ring e a estação Westbahnhof. Se tem nota tão boa, a localização deve ser interessante.

Maria Esther
Maria EstherPermalinkResponder

Olá Leitores

Em Viena eu me hospedei em apartamento, pois achei os preços dos hotéis muito salgados e viajo sozinha.
Fiquei no Apartment beim Naschmarkt. O responsável pelo apartamento é muito "gente boa", deu tudo super certo, foi ótimo. O apartamento é um amplo conjugado, com um enorme banheiro que tem inclusive máquina de lavar - claro que não a usei, imagina se eu iria lavar roupa em Viena !!!!
Quanto a localização anda-se um pouco até o centro da cidade - coisa de 10 min. - mas Viena é super seguro, pode-se andar tarde da noite sem nenhum problema, logo, eu que gosto de andar, não vi nenhum problema. Há ótimas opções de restaurantes próximo ao apartamento. Como fui no inverno achei o aquecimento do ap muito bom, até o chão é aquecido - uma delícia !
O wi-fi era regular, mas dava para usar ! A relação custo x benefício valeu muito a pena. O único senão ficou por conta do Booking.com que não me avisou que eu teria que pagar a hospedagem com dinheiro. Felizmente eu tinha euros suficientes, mas o site deveria ter me avisado, mesmo porque a reserva é feita com cartão de crédito.
Viena é uma cidade MARAVILHOSA, linda, majestosa, agradável ! Amei Viena e quero voltar a vê-la!
Abraços e maravilhosas e prazerosas viagens a todos !

Jane Leite
Jane LeitePermalinkResponder

Favor me dar dicas onde é melhor fazer o câmbio em Paris, Berlim, Praga, Viena e Munique. No aeroporto? No "centro"? No hotel? E em algum desses lugares pratica-se o "cambio negro"?
Grata, Jane

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jane! Não existe câmbio negro em país civilizado. Evite o câmbio em aeroportos, sempre é desvalorizado. Não se leva reais para a Europa, você perderá muito dinheiro. Compre euros no Brasil; o único lugar onde você precisará fazer câmbio é Praga.