17 hotéis no Recife (dica: fique no Pina)

  • 0
Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Pina

Pina, Recife (mas a praia é o que menos importa)

O coração turístico tradicional da beira-mar do Recife é a pracinha de Boa Viagem, à altura do número 5.000 da avenida Boa Viagem, onde uma feira de artesanato é montada todas as noites. As três quadras anteriores, até o número 5.500, e as oito quadras seguintes, até pouco abaixo do número 4.000, contêm a maior concentração de hotéis da cidade.

Numa esquina da praça fica o Park Hotel; a meia quadra, o Fator Palace; a uma quadra, o Recife Monte. À beira-mar, o Atlante Plaza está a três quadras na direção de Piedade; o Vila Rica está a três quadras no sentido Pina. Ainda na direção Pina, o Golden Tulip Recife Palace está a sete quadras e o Internacional Palace, a oito quadras da pracinha. Assim como a região, os hotéis desse miolo há muito perderam seu lustro. Hospede-se por aqui se encontrar uma boa oferta ou se for passar os dias passeando, voltando só para dormir.

No início da década passada, o pólo gastronômico do bairro foi se deslocando para mais adiante na orla. Foi o auge da região do Segundo Jardim de Boa Viagem, à altura do número 1.600 da avenida, onde brilhava o Boteco, a versão pernambucana de um botequim carioca que hoje tem filiais em todo o Nordeste. Por ali se instalou o primeiro hotel de Boa Viagem que não fazia o hóspede se sentir nos anos 80: o ótimo flat Beach Class Suites, que continua recomendável até hoje.

Ano retrasado o Boteco original, do Segundo Jardim, foi demolido (e reencarnou este ano num armazém do Marco Zero, no Recife Antigo, como Bistrô & Boteco). O único botequim da rede presente na beira-mar é o Boteco Maxime, na ponta norte de Boa Viagem, o Pina (no número 21 da avenida).

Hotspot

Hotspot

Pois bem: não é só o Boteco que foi para o Pina. Uma rua estreita que corre paralela à beira-mar, a Capitão Rebelinho, tornou-se a “rua Amauri” recifense, com restaurantes e bares enfileirados. No espaço de um quarteirão e meio (entre Ondina e Pereira da Costa) funcionam o mexicano Guadalupe (nº 159), o italiano Vittorina Pomodoro & Café (nº 418), o moderninho Hotspot (onde os pedidos são feitos diretamente em iPads; nº 478), o português Filipe (nº 517), o pub Gentleman Loser (nº 527), o boteco Fiteiro (nº 520; é impressão minha, ou era mais bacana antigamente, no Segundo Jardim?) e o bistrô Ça Va (nº 519; o melhor dessa turma).

O pólo da Rebelinho termina na rua do Atlântico (à altura do número 760 da avenida Boa Viagem), uma transversal que reúne os restaurantes com maiores pretensões gastronômicas: o experimental É (nº 147), o sofisticado Mingus (nº 102) e o recém-inaugurado Entre Amigos Praia, sucursal mais elegante do tradicional O Bode (beira-mar). Nesse miolinho, outro contemporâneo que vale a visita é o Nez, na rua Amazonas, 40 – continuação da Capitão Rebelinho.

A beira-mar também tem dois endereços bacanas: o bistrô La Cuisine (nº 560 da avenida Boa Viagem) e o sports bar Underground (nº 618).

Para o turista, a boa notícia é que o Pina tem hotéis novíssimos para todos os bolsos. O mais luxuoso é o Transamérica Prestige Beach Class -- hoje, com folga, o melhor hotel da cidade (à altura do número 400 da avenida Boa Viagem). Na mesma quadra, o Nobile Beach Class Executive também é bastante confortável. Ambos têm diárias acima de R$ 400 durante a semana, mas abaixo de R$ 400 nos fins de semana (o Transamérica sempre um pouco mais caro que o Nobile). A três quadras da beira-mar, mas exatamente atrás do trecho mais muvucado da Capitão Rebelinho, o recém-aberto Ibis Recife tem diárias ligeiramente abaixo de R$ 200.

Outros hotéis, mais antigos, que deixam a diversão do Pina à porta, são o básico-econômico Recife Praia (na esquina do Boteco Maxime) o renovado Best Western Manibu (na Conselheiro Aguiar, a duas quadras da beira-mar) e o Marante (à altura do número 1000 da avenida).

Barraca do Pezão

Barraca do Pezão, à altura do número 2.800 da avenida

No Pina, você só estará mal localizado para ir... à praia. Atualmente o ponto mais “cool” das areias de Boa Viagem é a Barraca do Pezão, que fica a meia hora de caminhada, à altura do número 2.800 da avenida Boa Viagem (use a Padaria Boa Viagem, na esquina com a rua Bernardino Pessoa; como referência; olhando para o mar, o Pezão estará ligeiramente à esquerda). Com seus ombrellones enormes, que acomodam até quadro cadeirinhas, o Pezão desbancou o edifício Acaiaca (ali perto) como point de BV. Querendo se hospedar por ali, encare o Jangadeiro (é simpático, mas a reforma não acaba nunca), o compacto Bianca, a uma quadra da avenida, ou o básico LG Inn, a três quadras da beira-mar.

Leia mais:

21 comentários

Raíssa
RaíssaPermalinkResponder

Ahhh, que delícia ver meu bairro amado aqui no VNV! O Pina é disparado a melhor localização do Recife: vc acertou em cheio na menção à nossa mini Rua Amauri, bem como aos hotéis novinhos - no mais, vale lembrar que o shopping RioMar, o mais novo da cidade, fica por aqui também.

Valeu, Riq, adorei o post! smile

Renata Queiroga - Tempere sua Viagem

Ricardo e Boias,
Super atualizado esse post, com o que há de melhor em REcife, em matéria de novos e antigos, mas excelentes restaurantes ! Parabéns! Anotem aí mais uma dica, o restaurante Trattoria Toscana, que abriu recentemente, num das trasnversais da Capitão Rebelinho. Está dando o que falar! No mais, é o restaurante è fechou as portas...

Renata Queiroga

* O É Restaurante fechou as portas.

Daniele Seidler Doberstein

Boa noite! Gostaria de saber se o hotel Marante ainda é uma boa opção? Obrigada e aguardo retorno.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Daniele! Clique e veja o que dizem do hotel no Booking.

Daniele Seidler Doberstein

E o park hotel é uma boa opção?

cassiana
cassianaPermalinkResponder

Olá Boia!
Entre o atlante Plaza e o transamérica Prestige, qual deles e melhor ? E qual deles tem a melhor localização para passeios e gastronômica?
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cassiana! Como está bastante claro no post, o Transamérica é o hotel que o Ricardo Freire indica acima de tudo. E é o que está no meio da nova cena gastronômica do Pina. O Atlante é um hotel antigo e decadente.

Eleonora
EleonoraPermalinkResponder

Olá Bóia, qdo Ricardo diz que hospedando no Pina ficamos mal localizados apenas p ir a praia, fiquei receosa em fazer minha reserva por ali. A praia não é legal ou seria só pela distância da barraca do Pezão? Tem barreira de recifes no Pina?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eleonora! A praia no Pina é limpa e tem um trecho protegido por recifes, sim. Só não é dos trechos mais badalados para ficar, nem tem barraqueiros disputados.

Eleonora
EleonoraPermalinkResponder

Entendi. E o calçadão , é bom, parecido c o de Boa Viagem?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eleonora! É o mesmo calçadão. Na transição entre Boa Viagem e Pina há muitas quadras de esporte.

Eleonora
EleonoraPermalinkResponder

Obrigada pelas informações.

Pedro B Amaral

Olá... Me desculpe.. só não concordo que o Transamérica seja o melhor hotel, nem que o Mercure Atlante Plaza esteja decadente. O Plaza pode estar mais distante de Pina, mas oferece suítes com quase o dobro do tamanho, modernas e limpas e, a um custo idêntico. No mais, ótimo post. Abs.

Scheila
ScheilaPermalinkResponder

Ele se refere ao Atlante Plaza... O Mercure Atlante Navegantes é um ótimo hotel, já o Atlante Plaza é enorme e alguns quartos não foram reformados, a piscina fica no topo do hotel, bar da piscina não funciona e no geral é um hotel antigão que deve ter sido ótimo no passado.

Angela
AngelaPermalinkResponder

Olá, vi q o Wyndham Garden fica quase pé na areia, gostaria de ter praia e piscina (pelas fotos q vi a piscina do Wyndham é grande e pega bastante sol), pois curto ambos, mas tb ter a possibilidade de ficar em cidade, o Wyndham é uma boa opção? a praia de lá é boa? segura?, pois já vi assaltos em praia em outros lugares, vi q tem o Shopping Guararapes perto do hotel, é um shopping bom ou uma galeria? vale a pena ficar em Jaboatão? o bairro de Piedade é bom? gastaria muito d taxi ficando lá, pra sair a noite? ou perto do Wyndham tem bons restaurantes, barzinhos, lanchonetes?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Angela! Piedade/Jaboatão não é uma localização conveniente para curtir o melhor do Recife. Fica longe dos restaurantes de Boa Viagem, do Recife Antigo e de Olinda. Há poucos bons restaurantes. O shopping Guararapes faz o gênero mais popular que os de Boa Viagem.

Silvia
SilviaPermalinkResponder

Boa tarde!
O Hotel Luzeiros não foi citado no post. Tem algo em especial que pode ser dito sobre ele?
E quanto à localização, vale à pena se hospedar?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Silvia! É um hotel novo, não estava pronto na época do post. Fica próximo ao shopping Riomar, o que em princípio é bom. Mas é preciso ver in loco se você se sentiria segura de ir à noite do hotel para o shopping. É uma região erma à noite.

Silvia
SilviaPermalinkResponder

Obrigada, A Bóia!!

Atenção: Bóia de férias! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 2 de outubro de 2017. Obrigado pela compreensão!
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar