Disney: 4 restaurantes de verdade (e 1 barzinho) para variar da fast food

  • 0
Heloísa Dall'Antonia
por Heloísa Dall'Antonia

Detalhes da trattoria al Forno

Como já bem disse Washington Olivetto, só os Patetas jantam mal na Disney. Na verdade, nem o Pateta, tendo em vista a quantidade de restaurantes que recebem sua presença em refeições com personagens nos parques de Orlando. E, incrivelmente, nem sempre a conta vai ser tão fora do orçamento quanto possa parecer.

Disposto a dar uma chance a restaurantes diferentes do complexo? Conheça cinco opções pra comer bem, sem fast food. Vale lembrar que fazer reserva é recomendável, que alguns dos estabelecimentos aqui sugeridos podem ter dress code e que, se o restaurante estiver dentro de um parque temático, será necessário ter o ingresso desse parque.

Jiko - The Cooking Place

Entradas do Jiko, na Disney

Dentro do Animal Kingdom Lodge (hotel na área do Animal Kingdom), o restaurante que serve apenas vinhos sul-africanos tem um visual bem interessante, com vários detalhes que remetem à África, como a área dos fornos em que é possível assistir aos chefs fazendo algumas da entradas.

Sambussas e mais pratos no Jiko

Salada agridoce do Jiko, na Disney

Cardápio do Jiko, na Disney

Sobremesas do Jiko, na Disney

Nas opções de pratos principais, há receitas com carnes e até uma vegetariana (sambussas que estavam deliciosas). Também achei particularmente digna de nota a Jiko Salad, misturando folhas verdes com frutas. Das entradas às sobremesas, praticamente todas as receitas trazem algum elemento do continente de inspiração. Os gastos, segundo a cotação da Disney, ficam entre US$ 30 e US$ 60 por adulto. Cardápio aqui.

The Hollywood Brown Derby

Fachada do Hollywood Brown Derby, na Disney
Dentro do Hollywood Studios, o restaurante é uma réplica de um restaurante legendário de Los Angeles inaugurado no final da década de 1920. Na época, o local foi frequentado pelos maiores astros e estrelas do cinema e se tornou um marco da cidade.

Noodles no Hollywood Brown Derby

Cardápio do Hollywood Brown Derby, na Disney

Cobb Salad e Grapefruit cake do Hollywood Derby

Cobb Salad e Grapefruit Cake, do Hollywood Brown Derby (Divulgação)

Assim como o original, o Brown Derby da Disney conta com mobiliário clássico de madeira e caricaturas de pessoas famosas emolduradas nas paredes. Consta que algumas opções que não experimentei são sensacionais, como a Cobb Salad (que leva ovos, abacate, tomate, bacon, queijo e outros ingredientes). Mas o Artisanal Cheeses, prato de queijos de entrada, eu comi e estava de fato delicioso. Para os pratos principais, há opções com frango, carne vermelha, lagosta, peixe e o vegetariano Noodle Bowl, que é gigante e lindamente colorido. É possível pedir uma escolha de três sobremesas pequenininhas (e sugiro fortemente que o Mini Grapefruit Cake esteja entre eles). Os gastos, segundo a cotação da Disney, ficam entre US$ 15 e US$ 60 por adulto. Cardápio aqui.

California Grill

Wishes a partir do California Grill

No 15º andar do Contemporary Resort (um hotel na área do Magic Kingdom), um dos maiores trunfos do California Grill é a possibilidade de assistir ao show de fogos do fim do dia do Magic Kingdom de outro ângulo: seja pelas amplas janelas ou pelo deck de observação ao ar livre, o áudio coordenado com a festa lá embaixo, no parque, faz a experiência ser única.

Interior do California Grill

Sushi bar do California Grill (Divulgação)

Dragonroll do California Grill

Dragon Roll, opção japonesa no California Grill (Divulgação)

Mas o cardápio e a carta de vinhos não desapontam. Opções de queijos e frios, muitos sushis, carnes vermelhas, brancas e frutos do mar fazem parte do cardápio (assim como a deliciosa Farmer’s Strawberry Salad). Há várias opções de bebidas alcoólicas para os adultos. Os gastos, segundo a cotação da Disney, ficam entre US$ 30 e US$ 60 por adulto. Cardápio aqui.

Trattoria Al Forno

Fachada da Trattoria al Forno

Fachada da Trattoria al Forno, no Boardwalk, pertinho do Epcot (Divulgação)

Esse restaurante italiano novinho localizado no Disney’s Boardwalk (na área do Epcot Center) serve café da manhã, almoço e jantar. Fiz a primeira refeição do dia ali e fiquei surpresa com a decoração, que recria os ambientes de uma fazenda de família italiana de forma muito aconchegante, culminando com a cozinha aberta, onde é possível ver algumas das comidinhas sendo preparadas.

Cozinha aberta da Trattoria al Forno

Cardápio da trattoria al Forno

Detalhes da trattoria al Forno

Pizza da trattoria al Forno

Pizza da Trattoria al Forno (Divulgação)

Decoração da Trattoria al Forno

Um dos "cômodos" da Trattoria al Forno (Divulgação)

O mobiliário muda conforme o “cômodo” em que se está, então a Sala de Pranzo é diferente do Salotto, que é diferente da Taverna. E por mais que eu não tenha provado os pratos mais típicos sendo servidos (à noite há massas, pizzas e vários pratos de carne à milanesa ou parmegiana, por exemplo, tudo com direto a mussarela feita diariamente ali), o café da manhã já foi excelente. A opção de Caramel Apple Crumb Pancakes me sustentou tranquilamente até de tarde. O iogurte parfait com berries e granola também estava acima da média. Os gastos, segundo a cotação da Disney, ficam entre US$ 15 e US$ 30 por adulto. Cardápio aqui.

Trader Sam's Grog Grotto

Interior do Trader Sam's

Interior do Trader Sam's Grog Grotto (Divulgação)

Recentemente reformado, o Trader Sam’s é, na verdade, um bar dentro do Polynesian Village Resort (hotel próximo à área do Magic Kingdom). Com apenas 50 lugares, o local (que só funciona das 16h à 0h) é inteiro decorado com motivos tiki, mas também com referências às "20 Mil Léguas Submarinas", livro do sensacional Julio Verne que já foi um brinquedo do Magic Kindom há muito anos. A ideia é que trata-se do bar do comerciante Sam, personagem que aparece no Jungle Cruise, também do Magic Kingdom, oferecendo aos visitantes cabeças humanas encolhidas. Ele teria andado pelos Sete Mares em busca de ingredientes para suas poções de encolher cabeças e, nessas viagens, trouxe todo tipo de souvenir dos locais em que esteve.

Detalhes da decoração do Trader Sam's

Drinks do Trader Sam's

Polvo no Trader's Sam

Copos divertidos do Trader Sam's

Dependendo dos pedidos, a atmosfera do bar muda. Peça um Krakatoa Punch e todo mundo verá uma erupção acontecendo nos vulcões que aparecem pela janela. Já se a ideia for pegar o drink Polynesian Pearl, o atendente tirará uma pérola de dentro de uma concha imensa que fica no bar. Mas uma das interações mais bacanas é ao pedir a bebida (que serve mais de uma pessoa) Uh-Oa!, quando todos os funcionários entoam um canto para a deusa tiki da destruição (que sim, também está no bar) a deixando um pouquinho nervosa. Há também opção de pequenas entradinhas, que, obviamente, não podem ser consideradas um jantar. Há também a área do Tiki Terrace, aberta, com música ao vivo, e também com mais espaço – 80 pessoas cabem ali. Os gastos, segundo a cotação da Disney, ficam por volta de US$ 15 por adulto. Cardápio aqui.

Heloísa Dall’Antonia viajou a convite da Walt Disney World Resorts.

Leia mais:

1 comentário

Renata
RenataPermalinkResponder

Recomendo muito o Artist Point!!!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar