RioCard Jogos 2016: onde é mais fácil comprar o cartão de transporte da Olimpíada

  • 0
Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Riocard Jogos 2016

O que parecia mais difícil -- terminar a extensão do metrô e do BRT a tempo da Olimpíada -- parece ter sido feito. E o que tudo indicava ser o detalhe mais banal -- vender um cartão magnético! -- é que está dando dor de cabeça.

RioCard Jogos 2016

Totens no Santos Dumont (à direita de quem desembarca)

O maior problema são as máquinas de autoatendimento, que são lentas, vendem apenas um cartão por vez, exigem dinheiro contado, não dão troco e vivem quebradas (ou pelo menos sem funcionar na função débito).

Para que a compra do cartão de transporte da Olimpíada não se transforme numa corrida de resistência, a dica é comprar onde há atendentes de carne e osso vendendo o cartão. Eu relaciono esses lugares logo abaixo. Antes disso, porém, veja se você precisa desse cartão.

Quem precisa do RioCard Jogos 2016?

O cartão de transporte é necessário para quem se deslocar de transporte público expresso da Zona Sul à Cidade Olímpica da Barra da Tijuca, para onde haverá uma linha de metrô (a linha 4, de General Osório em Ipanema ao Jardim Oceânico na Barra) e linhas de BRT exclusivas para participantes e espectadores. Essas estão sendo inauguradas agora e só estarão disponíveis para o público em geral depois dos Jogos Paralímpicos. Para usar essas linhas será preciso, além de um cartão RioCard Rio 2016, apresentar um ingresso válido para o dia. O cartão também dá direito a usar as outras linhas de metrô, de ônibus e o VLT no dia de validade.

O cartão não é necessário para os outros centros de competição, como o Maracanã, o Engenhão, a praia de Copacabana ou o complexo de Deodoro, que poderão ser acessados pelos meios de transporte abertos ao público em geral. (O BRT Transolímpico, porém, que leva do Recreio dos Bandeirantes ao Engenhão e a Deodoro, será exclusivo de quem possuir o cartão.)

Também será possível chegar à Cidade Olímpica da Barra por meios de transporte não-exclusivos e não-expressos. Vai continuar sendo possível ir da Zona Sul ao terminal Alvorada na Barra de ônibus, seguindo pelo BRT Transcarioca até a Cidade Olímpica (desça na estação Rio 2). Também dá para ir pelo BRT Transcarioca do Galeão e bairros da Zona Norte à Cidade Olímpica (desça na estação Rio 2). O BRT Transcarioca custa R$ 3,80 por viagem. A melhor linha para a estação Rio 2 é a Expresso Fundão x Alvorada. (Vindo do Galeão, troque na estação Fundão.)

Como ir ao Centro Olímpico SEM o cartão RioCard Jogos 2016

O único privilégio que é exclusivo para o portador do cartão RioCard Jogos 2016 é o uso combinado dos dois meios de transporte expressos e exclusivos para os espectadores da Olimpíada: a linha 4 do metrô + o BRT especial para o Centro Olímpico.

Se você não fizer questão de usar esses meios expressos e exclusivos (ou se eles não servem para você), pode chegar ao Centro Olímpico pelo transporte público normal, a R$ 3,80 por viagem:

  • Vindo da Zona Sul: vá de ônibus ou táxi até o terminal Alvorada; siga com o BRT Transcarioca (linha Expresso Fundão x Alvorada) e salte na estação Rio 2 (primeira parada do percurso)
  • Vindo da Zona Oeste: vá de BRT Transoeste até o terminal Alvorada; siga com o BRT Transcarioca (linha Expresso Fundão x Alvorada) e salte na estação Rio 2 (primeira parada do percurso)
  • Vindo da Zona Norte: vá de BRT Transcarioca (linhas Fundão x Alvorada ou Madureira x Alvorada) e salte na estação Rio 2 (tanto os expressos quanto os paradores param nela). Se vier do Galeão, desça na estação Fundão e siga no Expresso Fundão x Alvorada, saltando na estação Rio 2

Quanto custa o RioCard Jogos 2016?

Há três tipos de cartão. O de 1 dia custa R$ 25; o de 3 dias consecutivos, R$ 70; o de 7 dias consecutivos, R$ 160. Nos seus dias de validade, o cartão dá direito a viagens ilimitadas em todos os meios de transporte públicos da cidade do Rio de Janeiro, com exceção das barcas.

    Onde é mais fácil comprar o RioCard Jogos 2016?

No Aeroporto Santos Dumont

Riocard Jogos 2016 - Santos Dumont

Saia da sala das esteiras e, no saguão desembarque, vire à direita. Você logo vai ver duas máquinas, provavelmente com filas.

Riocard Jogos 2016: Santos Dumont

Perto das máquinas também estarão atendentes da RioCard vendendo cartões de 1 dia. Elas dão troco e aceitam débito.

Só entre na fila das máquinas se você for comprar cartão de 3 ou de 7 dias; esses só são vendidos pela máquina. Na quinta-feira dia 4, uma aceitava débito; a outra, não.

No Aeroporto do Galeão

RioCard Jogos 2016: Galeão

O Terminal 1 só tem máquinas (e as duas estavam em manutenção na quarta-feira dia 3), mas o Terminal 2, junto ao desembarque internacional, tem um guichê completo e atendentes que vendem no saguão. Você pode comprar com dinheiro ou no débito. O guichê fica junto aos guichês das locadoras.

Na estação Carioca do metrô

RioCard Jogos 2016: estação Carioca

Caso você vá passear no Centro da cidade (visitar o Museu do Amanhã ou o Boulevard Olímpico na Zona Portuária, por exemplo), vá de metrô até a estação Carioca e resolva todos os seus problemas do RioCard por lá.

RioCard Jogos 2016: estação Carioca

A área de venda do RioCard é superescondida, mas vai por mim: siga em direção à saída B (Nilo Peçanha) e, em vez de subir a rampa, contorne o Achados e Perdidos e a outra loja à esquerda, e logo você chega ao fundão onde está o RioCard.

RioCard Jogos 2016: Carioca

Ali tem uma fileira de máquinas (seis! recorde mundial de máquinas de RioCard num lugar só), e na quinta-feira dia 4 todas aceitavam débito. Use as máquinas se você for comprar cartões de 3 ou 7 dias.

RioCard Jogos 2016: Carioca

Se for comprar cartão de 1 dia, dirija-se aos stands das atendentes, que vendem rapidinho, aceitam dinheiro, dão troco, e aceitam débito também.

Na MegaStore do Jogos em Copacabana

Megastore Rio 2016

A Megastore oficial dos Jogos Rio 2016 fica na areia da Praia de Copacabana, em frente à r. Figueiredo de Magalhães. A Olimpíada ainda nem começou, e tem fila pra entrar!

RioCard Jogos 2016

Mas se você precisa comprar o cartão de transporte da Olimpíada, não entre na loja não: o stand fica em frente, junto ao quiosque da praia. Aceitam dinheiro ou cartão. Na quinta-feira dia 4 tinha três atendentes e alguma fila.

(Obrigado pela dica, Victor Hugo!)

Nas estações General Osório e Jardim Oceânico

RioCard Jogos 2016

Você vai encontrar atendentes da RioCard vendendo cartões de 1, 3 e 7 dias junto à bilheteria principal da estação General Osório (entrada pela praça, não pela Sá Ferreira). Mas as atendentes só chegam lá pelas 8 horas; se você precisar ir muito cedo à Barra, compre na véspera.

Na estação Jardim Oceânico há atendentes tanto no saguão do metrô quanto na bilheteria.

Leia mais:

65 comentários

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Torcendo para dar tudo certo, MAS R$ 25 o passe de um dia? Não dava para ser R$ 20? A nota de R$ 5 é tão rara que tá valendo R$6!!!

Guilherme
GuilhermePermalinkResponder

UFfffaaa!
Ainda bem que eu comprei pela internet e já entregaram aqui em São Paulo...
Só fico preocupado agora em ter que mostrar os ingressos olímpicos para usar o transporte: vai que um batedor de carteira nessa...

Anna Francisca

Acabei de voltar do Rio; a cidade está linda, em festa, esbanja alegria. Vai dar tudo certo. E, já sabendo dos batedores de carteira, basta ficar bem esperto e não dar "mole".

Alex Balint
Alex BalintPermalinkResponder

Eu comprei pela Internet logo no lançamento e me cobraram quase 50 reais de envio . Fiquei P da vida com essa taxa, mas agora to vendo que valeu a pena

Guilherme
GuilhermePermalinkResponder

Idem!

Isabella Rucos

Comprei o meu na semana passada e tb fiquei pasma com a falta de tecnologia. Tinha um senhor na minha frente que queria comprar 8 cartões de 1 dia no débito. Fez 4 compras de R$ 25,00 quando o cartão foi bloqueado por suspeita de fraude. Ligou pro banco e teve que voltar pro fim da fila pra fazer o resto das compras!
E pra quem ainda não tá sabendo, para compras com cartão nas lojas das instalações olímpicas, só será aceita a bandeira VISA.

Jorge Bernardes

Riq, Obrigado!!!! Eu também acho que vai dar certo.
Mas tô preocupado porque preciso chegar no Maracanã na sexta feira, vindo do Recreio dos Bandeirantes.... Meu maior receio é como voltar depois que terminar a Cerimônia.... Penso em pegar o metrô até a Barra, saindo do Maracanã... Será que vai dar certo? Vou precisar desse passe para seguir de Ipanema até a Barra, não? Se eu tiver esse passe, eu consigo andar no metrô (o normal, não o novo da Barra)?
Nunca tive tantas dúvidas!!!! E eu vou estar com a família toda.... Imagina a criançada cansada depois do show....Me ajude, por favor!!!

Jorge Bernardes

Tô tentando me entender com os sites. Aparentemente o metrô vai funcionar até as 2hs da manhã. Se eu tiver conseguido chegar no metrô do Jardim Oceânico, dá até para pegar um BRT até o Recreio, mas não sei se o BRT vai ficar rodando a noite toda....
Vou torcer para conseguir um Uber quando chegar na Barra... ou táxi.

Ricardo Freire

Jorge, que legal!

Olha só: seu cartão dá direito a todos os meios de transporte do Rio, com exceção das barcas.

Achei aqui que o metrô (todas as linhas, inclusive a 4) vai funcionar até 1h durante os Jogos, e no dia 5 especificamente até as 2h da madrugada.

http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/olimpiadas/rio2016/noticia/2016/07/veja-como-sera-o-funcionamento-do-metro-no-rio-durante-olimpiada.html

As duas linhas olímpicas do BRT parece que funcionarão 24 horas.

http://www.brasil.gov.br/infraestrutura/2016/07/linhas-do-brt-para-os-jogos-comecam-a-funcionar-no-rio

A linha do BRT Transcarioca Alvorada-Santa Cruz, que passa pelo Recreio, funciona toda a noite no modo parador. É provável que você queira pegar um táxi ou Uber no Alvorada.

http://www.brtrio.com/

Jorge Bernardes

Valeu Riq! Obrigado de novo! Sempre!
É isso isso mesmo, eu entendi no site do BRT que tenho que pegar o Transoeste, no Terminal Alvorada em direção à Santa Cruz.... Transcarioca vai para a Zona Norte, acho...
O que poderia estar mais claro, no mapa do BRT, é se a gente consegue pegar o BRT para o Recreio diretamente do Jardim Oceânico ou se tem que trocar no Terminal Alvorada... Enfim, verei isso lá.

Vou tentar comprar o cartão lá no Santos Dumont na sexta feira de manhã....

Tudo isso se eu não conseguir um táxi ou Uber antes... Veremos.
Se der tudo certo, eu te falo....

Abraço,

Ricardo Freire

Tô achando que tem que trocar, sim...

Jorge Bernardes

Valeu Riq.

MARCIA
MARCIAPermalinkResponder

Gente, sinto desapontá-los, mas não existe mais batedor de carteira no Rio de Janeiro. Isto era coisa de quando eu era criança. E olha que eu já tenho 51 anos. A coisa é muito mais complicada. Não preciso mais me estender. Bom passeio para quem vem ao Rio e curtam bastante a cidade maravilhosa , pois estarei fugindo na quinta-feira.

Ricardo Freire

Haha, também achei estranha a menção. A Europa é muito pior nesse quesito por aqui; desaprendemos totalmente a arte do descuidismo. Aqui, em vez de furto, o que predomina é o roubo (infelizmente, claro). Se houver um aumento de furtos durante a Olimpíada não duvido que sejam quadrilhas especializadas de fora smile

Guilherme
GuilhermePermalinkResponder

eh eh eh
Nessa eu traí a idade mesmo, né?

Ricardo Freire

Haha, não tinha visto que era você. Claro que não dá pra dar bobeira com nada, mas eu ficaria bem mais paranóico com pickpockets em Lisboa ou Barcelona.

Dri
DriPermalinkResponder

Sem querer "desapontar" vocês, deve ter o renascimento dos batedores de carteira sim. Só eu conheço 4 pessoas diferenças que tiveram seus ingressos para os jogos da Copa do Mundo surrupiados na mão leve. Todas estavam com o ingresso dando sopa no bolso de trás da calça, dentro ou entrando/saindo do metrô. No caso de duas delas, como estavam com o celular e um amigo que já havia chegado, avisaram aos seguranças da entrada antes da pessoa tentar passar o ingresso na roleta (ingresso com lugar marcado, devidamente fotagrafado no celular). Resultado? Era um casal gringo que tinha acabado de comprar de um cambista por uma fortuna e ficou a ver navios...

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

Também concordo que no Rio praticamente não há batedores de carteiras. Nesses casos esporádicos, principalmente em grandes eventos (Copa, Olimpíadas), a grande maioria dos batedores de carteira são importados de outros países, principalmente latino-americanos com experiência internacional.

Ricardo Freire

Então, Dri... acho outro evento bem localizado, com espertinhos especializados... Eu não tenho medo de batedores de carteira no Rio (só no carnaval que tenho! no carnaval não saio nem com documento...), mas também não andaria com um ingresso dando sopa no bolso de trás.

Quando eu digo que essa não é uma modalidade em que a gente seja medalhista olímpico, é porque comparo duas situações. Quando eu entro num ônibus no Rio, o meu medo é que entre um pivete armado ou um grupo fazendo arrastão. Quando eu entro num metrô na Europa, o meu medo é de gente que encosta em mim e faz sumir com coisas que estão em bolsos internos! Ou as tiazinhas do estilete que rasgam a sua bolsa sem você perceber. Na minha última viagem, uma cigana esbarrou em mim na entrada de um café na estação de Salzburg e eu depois fiquei 10 minutos me apalpando e esvaziando todos os bolsos para ver se nada tinha sumido...

Aqui o mais próximo que temos (e temos muito!) são os rapidinhos do celular, que passam correndo ou de bicicleta e tiram o celular da mão de quem está consultando na rua. Mas o batedor de carteira clássico, que furta sem dar nada de bandeira, só rola em aglomerações de carnaval.

Guilherme
GuilhermePermalinkResponder

Resumindo, tem que seguir aquela regra basica de sobrevivência em qualquer lugar mega-turistável do mundo: flane curtindo o lugar, mas com um olho nos highlights, e o outro nos "predadores em potencial"...eh eh eh
Ah, no domingo eu irei de metrô+trem assistir esportes no Complexo de Deodoro (canoagem e hipismo).
Se ajudar, eu posto o relato de como está o transporte até lá.

Alê
AlêPermalinkResponder

Oi Riq! Tenho um jogo no Maracanãzinho e uma hora depois um outro jogo na Arena Carioca 1, no parque olimpico da barra. Qual seria a melhor forma de eu conseguir chegar até lá?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alê! Quem responde é A Bóia. Para o Maracanãzinho você vai de metrô normal, linha 2. Para o Cidade Olímpica da Barra, compre o RioCard Jogos 2016, que dá direito a pegar a linha 4 da estação General Osório (final da linha 1) ao Jardim Oceânico, na Barra, e lá fazer transbordo para o BRT exclusivo que vai até a Cidade Olímpica. O Ricardo Freire tem ingresso para o primeiro dia e vai fazer o passo a passo desse trajeto. Estará no ar no domingo dia 6.

Ale Neto
Ale NetoPermalinkResponder

Dica: Se você for turista, assim como eu, compre pela internet e peça para entregar no local onde você vai se hospedar no Rio. Paguei com cartão de crédito e a entrega aconteceu em 3 dias úteis.

Alexandra Godoy

Acabei de comprar três cartões no SDU. A máquina estava quebrada, em manutenção, mas havia uma moça vendendo. E ela não só aceitava cartão de débito, mas também tinha troco para pagamento em dinheiro (eu perguntei). Tudo muito fácil e tranquilo.

Ricardo Freire

Viva! mrgreen

Fabio de Rezende

Alguém saberia dizer se táxis vão conseguir entrar nas arenas da Barra, onde era o autódromo?

Majô
MajôPermalinkResponder

JorgeGira, que espetáculo vocês virem!!!!
Acrescentando ao que o Riq disse, use sempre que possível o metrô e o BRT que tem pista exclusiva, por conta de engarrafamentos, a cidade e especialmente a Barra está cheia de turistas.
Qual o Hotel que vocês estarão? Chame o Uber Majô lol Não moro mais em Ipanema, estou na Barra, ajudo vocês. Não sei se tenho você no meu telefone para adicionar no wattsapp.

Majô
MajôPermalinkResponder

JorgeGira, com este ingresso e bilhete do metrô você pode ir de metrô até a Barra, no Jardim Oceânico. Vocês saem do metrô e, seguem ao terminal do BRT, a pé, é uma continuação. Eu vi neste terminal várias máquinas para compra de ingresso.

Majô
MajôPermalinkResponder

JorgeGira, vá do Recreio para o Maracanã de BRT e metrô. Não use carro! Saia com antecedência porque BRTs estão cheios Já achei você no wattsapp mrgreen

Majô
MajôPermalinkResponder

Táxis não entrarão

Alê
AlêPermalinkResponder

Valeu Bóia! Você acha que demora quanto tempo nesse percurso Maracanazinho-Parque Olimpico por metro e brt? Será q é melhor pegar um taxi em algum trecho pra ir mais rapido?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alê! Por baixo da terra e vias expressas você levará seguramente menos tempo do que usando carro ou táxi em algum trecho.

Jorge Bernardes

Majô!!!!
Nossa querida host carioca!!! Obrigado pela gentileza. Esse espírito é que vai fazer a diferença nos Jogos do Rio. Seguimos agora no zap.
Hoje já estou bem confiante com os deslocamentos!!!! smile
Bj,

Amaury
AmauryPermalinkResponder

Comandante,
É seguro/possível pegar um UBER no aeroporto do Galeão?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Amaury! Quem responde é a Bóia. Veja a dica da Marcia:

http://www.viajenaviagem.com/2016/07/aeroporto-santos-dumont-vlt-metro/comment-page-1/#comment-516309

Jaqueline
JaquelinePermalinkResponder

Olá!
Domingo chegarei pela manhã no Galeão para ir ao Pq Olímpico da Barra. Estarei com uma criança de 7 anos. No final do dia voltarei ao Galeão. Qual a melhor maneira de fazer o trajeto? Muito obrigada!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jaqueline! Use o BRT. Pare na estação Rio 2.

Paula Melo
Paula MeloPermalinkResponder

Também comprei vários cartões no débito, pagando tudo de uma vez, na estação do metrô na Carioca. Mas as mocinhas só tinham o unitário.

Adriana
AdrianaPermalinkResponder

Qual a melhor forma de ir ao Maracana, saindo do Leblon?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Adriana! Se tiver cartão da Copa, pode pegar o metrô no Leblon, fazer baldeação em General Osório para a linha 1 e nova baldeação em Botafogo para a linha 2.

Sem cartão da Copa, vá de ônibus ou táxi ou Uber e pegue o metrô em General Osório.

renata
renataPermalinkResponder

Olá! Mas já na linha 2, em qual estação é melhor descer? No meu caso, o portão é o C. Estou na dúvida qual delas é menos longe...

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Renata! Do site Visit Rio:

Para acessar o lado Oeste do estádio (rampa da UERJ e entradas A, B, C), desembarque na estação Maracanã.
Para acesso o lado Leste do estádio (rampa do Bellini e entradas D, E, F) desembarque pela estação São Cristóvão.

Adriana
AdrianaPermalinkResponder

Riq, pra pegar esse BRT exclusivo para o Rio Centro, eu posso pegar nas estações de BRT do Bosque Marapendi? Ou terei que pegar exclusivamente no ponto do Jardim Oceânico? Não vi aqui dizendo que no Jardim Oceânico vende esse riocard, mas em alguns sites diz que vende, pode me confirmar?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Adriana!

(atualizado)

A estação Bosque de Marapendi está aberta e, apesar de fazer parte do corredor exclusivo para a Olimpíada, pode ser usada com o cartão RioCard normal (e a apresentação de um ingresso olímpico para o dia). A tarifa custa R$ 3,80 até a estação Morro do Outeiro, junto ao Centro Olímpico.

Regina
ReginaPermalinkResponder

O Rio Card vale também para a Supervia? Acho que este é o unico jeito de chegar no Engenhão, certo?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Regina! Vale sim!

Majô
MajôPermalinkResponder

Jorge lol lol lol
Correu tudo bem ?

Renato Ribeiro Bustamante

Pessoal, boa noite. Preciso de um help. Vou chegar sexta de manhã no Rio pelo aeroporto Santos Dumont. Já entendi perfeitamente todo o caminho e esquema para chegar no Parque Olímpico da Barra. Porém, vou chegar com mochila de viagem, e preciso ir para o apartamento onde vou ficar para deixar e depois seguir para o Parque. Preciso por favor de orientação para chegar na estação Americas Park na Avenida das Américas, e depois dali para o Parque Olimpico. Se puderem me ajudar, por favor... Muito obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Renato! A estação Americas Park fica para lá do terminal Alvorada e é servida pelo BRT Transoeste. Para você o melhor esquema com transporte público será pegar o frescão 2018 Alvorada e ir com ele até o terminal Alvorada (R$ 16). Lá você pega um táxi ou a linha Parador Santa Cruz x Alvorada do Transoeste. A estação Americas Park é a terceira parada do percurso.

Para ir ao Centro Olímpico, você pega o mesmo ônibus (Parador Santa Cruz x Alvorada) e no Alvorada troca para o Transcarioca (linha Expresso Fundão x Alvorada) e pára na estação Rio 2, a primeira parada do percurso. Você não precisará do cartão especial dos jogos. Esses trechos custarão R$ 3,80 (a integração está inclusa).

Thereza
TherezaPermalinkResponder

Oi pessoal, estou precisando de um help . Estarei hospedada no Leblon(perto Jdim de Alah) e precisarei ir pro Engenhão(Atletismo) e Deodoro(hipismo). Estou super perdida .... eu preciso comprar este cartão ? Como chego nestes lugares ? Agradeço muito a ajuda de vcs. Abraço

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Thereza! Você só precisa do cartão se quiser usar o metrô Linha 4 do Jardim de Alá a General Osório.

Se você for de ônibus ou táxi a General Osório, é só seguir de metrô até Central e, na Central, seguir de trem, tanto a Engenho de Dentro (onde está o Engenhão) quanto a Deodoro (que é o fim da linha). A cada viagem você pagará R$ 4,10 no metrô e R$ 3,80 no trem.

Roberta
RobertaPermalinkResponder

Irei sair do alvorada para o Parque Olímpico, sendo que um dia será no Arena Carioca e o outro dia Arena do Futuro, eu posso comprar apenas o cartão do rio card normal de 3,00 e alimentar o cartão com os valores das passagens do brt?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Roberta! Do Alvorada à estação Rio 2 o cartão é o normal, tarifa R$ 3,80 em cada viagem.

Ronny
RonnyPermalinkResponder

Eu e minha esposa podemos usar o mesmo riocard 2016? Eu queria só comprar 1 . Eu passo na roleta e logo depois ela passa, usando o mesmo cartão. Pode usar um só? ??

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ronny! Não pode não. A roleta trava. Nâo passe esse mico.

elaine goncalves dias

Bom dia, a minha dúvida é se em Vicente de Carvalho posso pegar o BRT para o Parque Olímpico sem o cartão especial de transporte Riocard? Posso usar o bilhete único normal? Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Elaine! Para o Centro Olímpico/Morro do Outeiro é necessário o cartão RioCard Jogos 2016. A única exceção é para quem pega no BarraShopping ou no Bosque de Marapendi. Essa informação está repetida inúmeras vezes no texto, seja neste post, seja em outros que você já consultou porque também deixou perguntas. Por favor, leia o conteúdo com atenção.

Se você precisar confirmar alguma informação no caminho, fale com os orientadores das plataformas. Por favor não fique pulando de post em post pedindo para que eu repita as informações que estão escritas no texto.

rodrigo silva
rodrigo silvaPermalinkResponder

Só esqueceram de colocar um ponto de venda na rodovia Novo Rio, afinal quem chega de ônibus compra em que lugar?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rodrigo! Quando estivemos na Novo Rio havia duas máquinas, mas estavam fora do ar. Não voltamos lá depois disso. É provável que estejam funcionando e/ou que haja vendedores de carne e osso também.

GABRIEL
GABRIELPermalinkResponder

Excelentes dicas do site. Estou realizando minha programação com as dicas do site.
irei precisar do riocard apenas por um dia.É possível comprar na sexta para utilizar no sábado?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gabriel! Perfeitamente. O dia de validade não é o da compra, mas o do primeiro uso.

Alessandra Flores

Olá Ricardo, moro na barra e comprei o Riocard Olimpico para ir ao centro olímpico. Como o jogo é só a noite, pensei em usar o Riocard pra ir ao centro conhecer o boulevar Olimpico, usando o metro e vlt. Eu posso usar o cartão pra me deslocar para uma direção contrária à do centro olímpico e depois voltar pra lá ? Obrigada !

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alessandra! Quem responde é A Bóia. Tendo ingresso para o dia, que deve ser conferido na entrada do metrô Jardim Oceânico, você pode se movimentar em qualquer direção pelos meios exclusivos. O cartão vale o dia inteiro.

Rodrigo Mauro
Rodrigo MauroPermalinkResponder

Bom dia!

Primeiramente parabéns pelo site.

Chegarei ao Rio cedo no dia 13, vou ao engenhão, depois ao parque olimpico, pararei na casa de alguns países e volto até a rodoviária, de aí mais à noite vou ao boulevard.

Tenho duvidas se compro o Riocard, pois como são varios transportes picados acredito ficar mais barato ou quase igual, o que acham, posso fazer todo esse percurso com o RioCard?

Outra pergunta, saberia o horário de vendas desses cartões, por exemplo se for comprar na rodoviária?

Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rodrigo! A rodoviária tem máquinas; se estiverem funcionando, podem vender ingresso 24 horas. Não sabemos se há vendedores de carne e osso nem o horário em que trabalham. Pense que cada deslocamento custará entre R$ 3,80 e R$ 4,10. O cartão certamente será um bom investimento.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar