1 USD = 1 CD

one453.jpg

Não, não é que eu achei um lugar pra comprar disco pirata a 2 reais.

É que ontem, pela primeira vez desde 1976, o dólar canadense (na verdade CAD, não CD — desculpaê) equiparou-se ao dólar americano (USD). Apelidado de “loonie“, por ter a figura de um pato canadense chamado loon na moeda de 1, o dólar canadense passou décadas valendo bem menos que o americano. Em 2003, um loonie valia apenas 65 cents de greenback (o dólar ianque).

A paridade dos dois dólares é mais um sinal da contínua desvalorização do dólar nos últimos tempos. Ontem o euro atingiu a cotação de 1,40 dólar. Há três meses, um euro comprava 1,34 dólar.

Para felicidade dos turistas americanos (e nossa, também), o dólar não tem se desvalorizado frente ao peso mexicano: continua cotado a pouco menos de 11 pesos.

Mas, vejam só, tem-se valorizado um pouco contra o peso argentino: há três meses um dólar comprava 3,07 peso, e hoje compra 3,13.

Já contra a libra, o dólar tem se mantido estável: uma libra valia 1,99 dólar há 3 meses, e hoje vale exatos 2 dólares.

Aproveitei que estava no Oanda.com e conferi o comportamento do real frente a várias moedas. Devem ser taxas interbancárias, mas pelo menos dão a tendência:

Real x Peso argentino: 1 real = 1,68 peso (há três meses: 1,61)

Real x Dólar canadense: 1 CAD = 1,84 real (há três meses: 1,78)

Real x Peso mexicano: 1 real = 5,91 pesos (há três meses: 5,64)

Real x Baht tailandês: 1 real = 17,31 bahts (há três meses: 17,07)

Real x Rúpia indiana: 1 real = 21,45 rúpias (há três meses: 21,45)

Real x Euro: 1 euro = 2,60 reais (há três meses: 2,55)

Real x Libra: 1 libra = 3,72 (há três meses: 3,79)

Real x Dólar: 1 USD = 1,86 real (há três meses: 1,90)

Ou seja: o real tem se valorizado frente ao dólar, ao peso argentino, ao peso mexicano e até (um pouquinho de nada) frente à libra; acompanhou a desvalorização do dólar frente ao euro e ao dólar canadense; tem ficado na mesma contra a rúpia e o baht.

41 comentários

No Frommers tinha seção do tipo onde o Dólar vale mais. Boa referencia, já que onde ele vale mais, o Real acaba valendo mais também.

Não é um bom momento para visitar a Europa. 40% a mais pesa, mas ir para os EUA é uma Boa.

Carla, Santa Barbara é 10! Uma cidade super-esportiva, com praia e diversão outdoor. E a um pulinho de nada de Monterey, do Big Sur e afins, q são lindíssimos!!

Parabéns pela conquista!! 🙂

Daniela, você conhece Santa Barbara? Hoje fiquei vendo umas fotos na Internet e fiquei apaixonada… Não cheguei a conhecê-la quando fui à Califórnia…

Estamos torcendo por você, Carla – e Santa Barbara é tãaaao lindinha 😉

Segundo o marido-metido-a-economista (bem, ele adora ficar de madrugada lendo textos ininteligíveis), uma das razões da gente estar indo pro Japão é que o ien faz tempo que não está tão desvalorizado em relação ao dólar – o que, somado com a valorização do real, torna ligeiramente mais razoáveis os preços nipônicos. Nada como arrumar uma razão racional e empiricamente comprovável para viajar!!

Oba, além da torcida vou ter visitas? Excelente!!! 😀 Todos os dedinhos cruzados pra essa empreitada dar certo!!!

Notícia importante: “A TAM Linhas Aéreas realiza neste final de semana a campanha “Mega Promo”, com descontos para destinos domésticos que podem chegar até 90%, de acordo com os trechos, datas e horários escolhidos. A promoção vale para viagens realizadas até 31 de outubro, com permanência mínima de 2 dias no destino. Para ter direito aos descontos, é necessário comprar os bilhetes de ida e volta no período das 6 horas deste sábado (22/09) até as 23h59 de domingo (23/09).”

Ernesto, e eu já reparei que informar que as providências legais cabíveis serão tomadas, com a atitude mais calma do mundo, no tom de voz mais educado possível, funciona bem melhor do que perder a paciência… 😉

Obrigada pela torcida!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.