100 praias que valem a viagem: Juqueí

juquei

chinelinho Durante muito tempo, Juqueí foi, senão o patinho feio, pelo menos o patinho sem-graça do litoral de São Sebastião. Não que tenha mudado alguma coisa nos departamentos topografia e relevo. A praia continua grande e reta; ninguém aproximou os seus dois cantos ou mexeu no recorte (nem, felizmente, tirou as ilhas do horizonte). As mudanças em Juqueí ocorreram do do lado de cá da areia. Enquanto Maresias crescia estabanadamente e Camburi apostava no quanto-mais-lama-melhor, Juqueí  ganhou uma urbanização mínima – e acabou se tornando a praia mais arrumada da turma. Algumas ruas têm até calçada! Com as melhorias, instalaram-se por aqui restaurantes de qualidade, pousadas charmosas e hotéis confortáveis, num círculo virtuoso que faz de Juqueí, hoje, a praia mais civilizada ao sul de São Sebastião.
     

Como chegar. Juqueí está a 160 km de São Paulo via Imigrantes e 140 km via Ayrton Senna e Mogi-Bertioga (com um trecho com velocidade controlada no anel viário de Mogi das Cruzes).

Quando ir. O litoral do Sudeste está sujeito a frentes frias o ano inteiro. Na primavera e no verão elas são mais freqüentes; o tempo fica mais firme no outono e no inverno.

Onde ficar. Juqueí tem uma fartura de bons hotéis pé-na-areia. Entre os mais bem-estruturados, o Beach, no canto esquerdo, próximo ao comércio, tem uma localização um pouco mais conveniente do que o Juquehy Praia, no meio da praia. Das pousadas, a Alcatrazes é a mais confortável, e a Chez Louise et Louis , a mais aconchegante. A duas quadras da praia, a Montão do Trigo  tem quartos com ótimo astral. Junto ao centrinho, a Pousada Terra  tem uma jacuzzi junto à piscina, e a novinha Étoile  tem quartos simpáticos, em que o branco predomina. 

Barra do Una tem poucos hotéis, mas o nível é alto. Localizados à beira-rio, o Canoa Resort tem sua própria marina; a Estalagem do Píer leva os hóspedes à praia de barco.

Vai por mim. O lugar mais gostoso para pegar praia é nas tendas na areia do Badauê. Seu complemento Chapéu de Sol é um pouquinho mais careta. No canto esquerdo da avenida da praia, um trio de bons restaurantes: o Gulero, que fica numa casa tradicional e tem um agradabilíssimo quintal; o Mascavo ( 12/3863-3220 ), de cozinha contemporânea, e o desencanado Bistrô, que tem uma lojinha anexa. 

O Shopping Juquehy, também no canto esquerdo, tem café, pizzaria e lanchonetes; difícil é conseguir lugar.

7 km para o norte, num deck debruçado sobre a Praia Preta, a balada Banana’s Point ( 12/3863-1644 ) tem também sushibar e pizzaria funcionando madrugada afora.

Pertinho: Barra do Una. 7 km ao sul, tem o maior rio da região desembocando no canto esquerdo da praia; é o centro náutico do litoral sul de São Sebastião.

As outras 99 praias? Estão aqui.

Tem alguma dica para dar de Juqueí? Divide com a gente!

40 comentários

Eu não conhecia. Estive em janeiro, na última semana do mês, mas foram os melhores dias de minhas férias. Choveu muito, estava lotada, mas me encantou. Elegeria Juquehy a praia mais charmosa dessa região.

Eu não conheço ainda.Mas fiquei muito curiosa em ver pessoalmente essas maravilhas que tem no nosso País.E além do que meu marido nunca foi na Praia.Gostaria de proporcionar junto com ele a realização desse sonho.E acho que é ai em Juquei.Vai marcar pra sempre na vida e e na minha.E um paraíso.

    olha Cynthia, cada um tem sua opinião e respeito à todas, mas Juquehy é uma praia de tombo, como algumas que gosto bastante na região, especialmente Boiçucanga por ter tudo perto, mas para ir com crianças não é muito boa, prefiro Maresias, Camburi, /Camburizinho, Baleia, Boracéia I ou II, minha mãe mora em Boracéia e eu às vezes fico na parte de Bertioga e algumas vezes fico em S. Sebastião que é mais tranquila ainda.

E os preços do restaurante da Pousada Montão do Trigo são razoáveis ou salgados? Final de novembro é período com tempo firme em Juquehy?

Alguém sabe me dizer se nos apartamentos de categoria Máster na Pousada Montão do Trigo cabem 3 adultos e uma criança de 3 anos confortavelmente? Pois no site da pousada consta que todos os apartamentos hospedam de 3 a 4 pessoas. Obrigada.

    Olá, Renata! Comunique-se com a pousada, é mais rápido e eficiente. Se não quiser gastar um interubano, use o Skype.

Olá,
Alguém pode me informar se Juquehy fica lotada demais em Janeiro (durante a semana)?
Quero passar uma semana lá nas minhas férias, com meu filho de 3 anos, e morro de medo de ele sumir no meio do povo!
Grata,

    Olá, Flávia! Janeiro é mês de férias, muita gente aluga casas ou fica nas suas casas de praia. Durante a semana ficará um pouco menos cheio do que no fim de semana. Mas não se preocupe que a faixa de areia é superlarga, a densidade demográfica é baixa mesmo com lotação total da cidade. O problema maior são filas em restaurantes.

    Em Janeiro em Juquehy é meio cheio, a praia fica um pouco suja por causa do ano novo, mas o mar é bem agradável

As pousadas Étoile, Chez Louise et Louis, Pousada Alcatrazes e Pousada da Terra não aceitam crianças… Uma pena!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.