594 comentários

Ricardo boa tarde.

Eu e minha esposas estamos querendo conhecer neve no Chile ou Argentina. O grande problema é que nossas férias serão apenas em Dezembro-Janeiro . Existe alguma viagem nesse países onde a neve fica o ano todo, pelo menos um pouco? Se não, poderia me dar alguma dica?
Um grande abraço e parabéns pelo trabalho em rádio. Sempre ouço o programa.

Rafae

Já tinha começado a pesquisar hotéis, e o post confirmou minhas impressões iniciais sobre as regiões de Santiago. Veio na hora certa!

Na primeira vez que estive em Santiago (2008) procurava por albergues e acabei descobrindo o Apart Hotel Cambiaso, com preço bem semelhante aos albergues e qualidade comparável a um 3 estrelas. Show!

O Apart Hotel fica no mesmo edifício que o famoso e caro Hotel Neruda, na Providência. A entrada é pela lateral do prédio, tem uma portaria como se fosse um edifício de apartamentos e a recepção está no 12º andar. Não há placas na rua, entao a referência para taxis e outras informações é sempre o hotel Neruda. Os quartos são excelentes e possuem minicozinha montada, com microondas, frigobar, louça e cooktop. Não tem café da manhã, mas dá pra se virar muito bem com a minicozinha. Ah, há também cofre e o imprescindível climatizador para amenizar o ar seco de Santiago. Meia quadra do metro. Internet a cabo gratis no quarto.

No ano passado (novembro) voltei a Santiago e repeti o Apart. Não me arrependo! Se não me engano pagamos US$50, por cada quarto para duas pessoas (éramos 4).

O site deles é: http://www.aparthotelcambiaso.cl

Eu fiquei no albergue Plaza de Armas, que fica localizado justamente na Plaza de Armas. É bem simples, mas simpático. Acho uma boa opção para quem prefere ficar no Centro. Dá para ir a pé até o Cerro Santa Lucia, mercado municipal, museu de arte pré-colombiana, entre outros.

Esse Holiday Inn (El Golf) é bacana mesmo. Estive lá em 2007, e fiquei impressionado. A região é chique no último!

Não havia restaurante no hotel (calma, o café de la mañana é garantido!), e nisso (e no tratamento meio impessoal, e sem carregadores de malas) parece um pouco com um Formule 1. Mas fica pertinho da rua Isidora Goyenechea, cheia de restaurantes.

E está a uma relativa caminhada (uns 30 min) do shopping Parque Arauco. Só não vá para lá beirando o clube de golf, o caminho mais curto. Nós brasileños caminhamos na boa fora da calçada, caso ela não exista. Lá, deixamos motoristas chilenos desesperados! Atravesse a avenida Presidente Kennedy vá pelo lado oposto ao clube de golf.

    O conceito “express” quer dizer isso mesmo, enxuto — sem carregadores de malas ou atraso no final para conferir frigobar. Eu prefiro. Nos Estados Unidos já é o sistema mais comum.

    Rick ,Rick, Rick!!!
    Onde vc achou o Radisson por 98?
    Eu achei HolidayInn por 86 do decolar! Só que ainda preferia ficar no Radisson por 98… Mas ele tá tabelado por 136 em todos os sites =/
    É pro dia 16 -18 de setembro.

    Boa noite #)

Agora ficou mais fácil decidir o hotel ou ao menos a região onde se hospedar em Santiago! Adorei o post! Anotadíssimo para conferir (espero que em breve). 😉

é, Santiago “tá podendo”, W e Riz Carlton são ótimas cadeias que, até onde sei, não passaram da capital chilena aqui no continente, espero que passem algum dia.

Em maio visitei Santiago pela primeira vez e fiquei no Hotel Orly, seguindo recomendações de vários trips.
O hotel é ótimo mesmo, bem charmoso, não há do que reclamar. Ficar na Providencia é realmente muito prático como o Ricardo disse, mas apesar disso achei o bairro meio chato, digamos assim; quem busca lazer, diversão à noite por exemplo, tem que ir para outros cantos.

    Concordo, fiquei no Neruda, em agosto, na mesma rua do Orly, e Providencia é legal, metrô (Pedro de valdivia) a menos de 100m do hotel, dá pra ir rapidinho até Bellavista ou Isidora G. à noite, além disso tem boa infra (supermercados, fast-food pra quebra-galho, e muitas livrarias), além disso, tem o charme dos plátanos nas ruas…

    O problema do metrô é que fecha às 11! mas daí tem taxi a preço legal.

Ricardo
Estou escrevendo do quarto do Radisson, que apos intensa pesquisa na internet, escolhi para ficar. Aqui ha um publico misto de executivos e turistas. Nas diarias mais baratas nao tem cafe da manha, mas nos foi oferecido de cortesia. a vizinhança e legal com supermercado e farmacia a 1 quadra. Os quartos com vista para cordilheira sao os melhores pelo visual. A vista esta legal pois choveu muito semana passada e agora esta sol, dizem que e um dos raros momentos para ver a cordilheira, pois a chuva lava a poluicao por alguns dias.
PS desculpem a falta de acentos

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados se aprovados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.