Bilbao & San Sebastián pra Eneida

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

gugabilbao450.jpg

A Eneida e o maridão vão estar na Inglaterra em julho e querem dar um pulinho em Bilbao e San Sebastián por quatro ou cinco dias -- por isso, pedem dicas.

Eneida, não conheço San Sebastián, mas tenho certeza de que é muito mais bacana e divertida que Bilbao. O Guggenheim é imperdível, claro, mas o centro histórico de San Sebastián deve ser mais bonito, os pintxos (os elaboradíssimos tapas bascos) devem ser tão bons quanto, e ainda vai dar pra pegar uma praia smile

San Sebastián tem uma doppelgänger do outro lado da fronteira, Biarritz, que anda com tudo, redescoberta por surfistas. (Sou louco para ver isso: um balneário belle-époque repovoado por jovens.)

Não há companhias low-fare operando entre Londres e San Sebastián. No Kayak, a tarifa ida e volta mais em conta é da Iberia, US$ 284 ida e volta, com taxas.

(Uma outra opção é deixar essa viagem para o finzinho das férias. Cotem uma passagem Brasil-Londres-San Sebastián-Brasil; talvez valha a pena.)

No Skyscanner, porém, encontrei vôos baratos da EasyJet para Bilbao (desde 40 euros) e da RyanAir para Biarritz (mais caros, tipo 80 euros).

O esquema mais civilizado é ir direto pra San Sebastián, fazer QG por lá (a viagem é curta demais para ficar trocando de hotel, concorda?) e fazer o bate-e-volta de ônibus para Bilbao (1h10 cada perna, a 17 euros ida e volta), pela Pesa. Os ônibus saem a cada meia hora durante o dia (atenção: para pesquisar os horários, veja que San Sebastián está na letra "D", de Donostia/San Sebastián -- Donostia é o nome da cidade em euskera, o idioma basco).

A Pesa também opera a linha para Biarritz (1h, com dois ônibus por dia fora de temporada; não sei se no verão eles põem mais; ida e volta por 12 euros).

De trem, a linha Bilbao-San Sebastián é operada por uma ferrovia regional lenta; a viagem semi-expressa leva 2h20. (San Sebastián-Biarritz por via ferroviária é feita com uma conexão em Irun, e leva, na melhor das hipóteses, 2h.)

Aproveitando os vôos baratos de/para Bilbao, daria para deixar a visita ao museu para o dia de chegada ou de saída. O complicômetro é a falta de guarda-volumes no aeroporto de Bilbao. Vasculhando a rede, só descobri guarda-volumes na estação de trem de Abando (onde vocês não passarão, já que ela serve à Renfe, a rede ferroviária nacional). Mas se vocês não levarem malas grandes, podem usar o guarda-volumes do próprio Museu.

Uma outra viagem possível para esses quatro/cinco dias é alugar um carro em Bilbao, passear por La Rioja (escolhendo uma cidade como base), dormir uma noite em San Sebastián e devolver o carro em Bilbao.

Alguém tem dicas recentes de Bilbao, San Sebastián, La Rioja ou Biarritz? Divide com a gente, vai!

Enquanto isso, deixo com vocês o relato do dia em que eu passei em Bilbao, em dezembro de 98, numa escala que eu inventei entre Paris e Madri só para dar uma chegadinha no Guggenheim.

(Acho que o Frank Gehry vulgarizou o estilo ao fazer tantos clones espalhados pelo mundo; mas não acho que o original tenha perdido o seu valor. Até porque nenhum dos outros está numa localização tão espetacular -- praticamente dentro do rio, e com uma ponte que lhe serve de camarote.)

bilbao452.jpg

Peixe fora d'água
 
A moça das reservas da Varig em Paris não acreditou quando eu liguei para reconfirmar meu vôo de volta para o Brasil. "Parri-Borrrdô-Bilbaô-Madride-Saô Polô, c'est ça?"

Era ça, sim. "C'est pour voir le musée", eu tentei explicar. O normal, eu sei, teria sido pegar o vôo direto Paris-Bilbao, de Fokker 50, que chega às 4 da tarde; então sair para jantar num restaurante bacana (como seriam as sobremesas na cozinha basca? Bombas de chocolate? Brincadeirinha), dormir uma noite na cidade, ir ao museu no dia seguinte, e só então prosseguir viagem. Mas se eu fosse um sujeito normal eu também não ficaria publicando postal por escrito na Internet.

O engraçado é que esse vôo já tinha me causado 10 minutos a mais de constrangimento em Tel-Aviv, no embarque para Amman, durante o interrogatório a que são submetidos os passageiros que vão de Israel para a Jordânia.  A estagiária da Mossad que me investigava simplesmente não podia compreender por que o meu roteiro previa um vôo para dali a quase um mês que me deixaria por algumas horas numa cidade suspeitíssima como Bilbao, para então seguir viagem para o Brasil.

"It's for the museum", eu tentei explicar, mas parece que na Escola Preparatória de Torturadores Mentais de Turistas que Tentam Sair de Israel ninguém ensina que a Fundação Guggenheim construiu o museu mais lindo do mundo lá em Bilbao. Mas ela não se conformava: "Por que de avião? Por que não de trem? Não é muito mais barato?". Eu consegui manter a calma e até mesmo adquirir ares professorais: "Porque, quando acoplados a uma passagem intercontinental, os trechos aéreos regionais saem mais barato do que se fossem feitos de trem", disse eu, citando um livro que eu tinha lido, um tal de "Viaje na viagem, auto-ajuda para turistas".

Como eu desconfiava, tudo deu absolutamente certo. O vôo de Paris para Bordeaux saiu lotado de executivos, e a conexão para o teco-teco que faz a linha Bordeaux-Bilbao-Lisboa foi imediata e sem enrolações. Peguei minha mala na esteira em Bilbao às 9h50 da manhã, e como não existia guarda-volumes no aeroporto, a moça da Iberia foi uma gracinha e me deixou fazer o check-in às 10 horas da manhã para o vôo das 9 da noite para Madri -- despachando a mala diretamente para São Paulo.

"Al museo, por favor", eu disse para o taxista. Ele olhou para trás: "Cómo?". E eu: "al museo. Museo Guggenheim", tentei explicar. Pelo jeito, não devem existir muitos outros malucos que chegam ao aeroporto e já vão direto ao museu, sem passar num hotel primeiro.

Não que eu tivesse pensado nisso antes, mas faz todo o sentido do mundo visitar o Guggenheim de Bilbao na mesma viagem das pirâmides. Se algum faraó ainda fosse vivo, certamente contrataria Frank Gehry como seu arquiteto.

Como um navio ancorado à beira-rio -- ou, como prefere Frank Gehry, como um peixe fora d'água, recoberto por placas de titânio que imitam escamas -- o museu é um objeto absolutamente sedutor (convenhamos, uma qualidade rara de se encontrar na arquitetura moderna). Você pode passar horas contemplando o prédio de todos os ângulos possíveis -- na frente, do lado, do alto da ponte, do outro lado do rio --, admirando a resposta de cada curva e de cada ondulação à incidência da luz, sem sentir absolutamente nenhuma curiosidade de entrar no museu. É possível até mesmo que você vá embora e esqueça de que o interior está ali para ser visitado. Compreende-se: é muito difícil colocar ali dentro algo que faça pela Arte o que o prédio fez pela Arquitetura.

Mas deve-se entrar de todo jeito. Talvez não pela arquitetura interior. Tampouco pelas exposições. Alguns de meus cyberleitores certamente saberão que Robert Rauschenberg é um dos papas da arte deste século, mas devo confessar que nutro pela arte moderna a indiferença que as pessoas ajuizadas sentem por viagens tipo as que eu faço.

bilbao451.jpg

Mas mesmo alguém artisticamente inculto como eu recomendaria que você entrasse. Porque entrar no Guggenheim Bilbao é a única maneira de ter acesso a um telefoninho modernoso que você aluga por 5 dólares, e que proporciona uma interessantíssima visita guiada, tanto do interior quanto do exterior do prédio, comentando cada aspecto do projeto e da construção, inclusive com transcrições de declarações do Frank Gehry. Fiquei fã do velhinho, e agora vou pesquisar se ele não se envolveu em nenhum projeto que tenha uma utilização mais interessante -- tipo assim um aeroporto.

(Postado originalmente no Viaje na Viagem jurássico, e depois publicado no meu livrinho Postais por Escrito, de 1999.)

41 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Carmen
CarmenPermalink

Pueden ir en ferry desde Portsmouth, Inglaterra hasta Bilbao.
Yo cogí el ferry en Santander para ir a Inglaterra , pero es una paliza. Iba en moto y no podía coger el avión.

www.aferry.es

No os puedo ayudar sobre "dicas" en referencia al P. Vasco. Conozco todo el norte -Cantabria, Asturias y Galicia-, pero nunca fuí allí. ¡Lo siento!.
Asturias es espectacular. Brillante.

Eneida
EneidaPermalink

Oi Ricardo, super obrigada pela atenção! Já estava tristinha porque ninguém tinha dado sugestões para o meu passeio, achando que esse negócio de país Basco não tava com nada, mas agora estou animada de novo!! Não tinha pensado em chegar até Biarritz, mas parece tentador, principalmente considerando-se que será no auge do verão. Adorei as informações e prometo dar um feedback com dicas quando voltar de lá. Agradeço tambem à Carmem, talvez seja interessante essa idéia de ir de ferry. Não tinha pensado nisso.
A nossa passagem BR London BR já está comprada (aproveitamos umas milhas da British que tínhamos, mais $$) então temos que pagar o trecho para a Espanha separadamente. Mais uma vez obrigada e um abraço,
Eneida

rams
ramsPermalink

Hello,

Please take a look to a travel search engine called Trabber to find the best deals to travel in europe. Here is the address: http://www.trabber.es

Regards.

Sylvia
SylviaPermalink

RAMS:
F A N T A S T I Q U E!
thanks a lot
best regards

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Eneida, não respondi antes porque estava (estou) atrapalhado. Mas essa viagem San Sebastián-Biarritz está na minha lista faz tempo...

Eneida
EneidaPermalink

San Sebastian está na minha lista desde que experimentei a culinária basca em um jantar no festival de Tiradentes. Já Bilbao é por causa do Guggenheim mesmo. Mas agora que estou pesquisando mais, e com essa sua super ajuda, acho que tem um mundo de coisas interessantes. Esse passeio para conhecer a região de Rioja... muito bom!!!

Alessandro
AlessandroPermalink

Oi, Riq! Oi, Eneida!
eu estive em San Sebastián (favor usar o "an" como sílaba tônica wink), e a cidade é uma maravilha! É muito bonita mesmo, vale muito a pena! E é uma profunda experiencia gastronomica. Os pintxos sao fantásticos, qualquer bar/restaurante na cidade antiga tem excelentes pintxos. A cidade nao é grande, dá para visitar tudo com calma.
Se o orcamento permitir, experimente os restaurantes estrelados, que valem a pena: Mugaritz, Arzak e Martin Berasategui (o Mugaritz é fantástico...).
Um abraco!

Regina Almeida
Regina AlmeidaPermalink

Oi Eneida!Te recomendo ir pela dica do Riq..foi ele????..visitar La Rioja. Voce nao está tao longe e vale a pena, ponto de referencia LAGUARDIA...e daí tem bodega que nao acaba mais..Também está a nova obra de Frank Gehry - o novo hotel das Bodegas Marques de Riscal: http://www.marquesderiscal.com/new/index.php?idmenu=60&mn1=3&mn2=1

rams
ramsPermalink

Hi!

There is a nice village called Algorta close to Bilbao that I would suggest you to visit.

Regards.

Diogo
DiogoPermalink

Confesso que não conheço o lado de cima da espanha, mas eu achei super plausível a sugestão do Riq, de estabelecer San Sebastián como QG e ir de trem ou onibus pra Bilbao passar o dia...
E, Eneida, não deixa de ir pra Biarritz, guria!!! É tudibom!!!

yara xavier
yara xavierPermalink

Olá Eneida.
Também não resisti em dar um palpeite sobre sua viagem: vá para San Sebastian, é um lugar lindo. E se puder (não é muito barato), fique pelo menos uma noite no Parador Hondarribia, um castelo mediaval com uma maravilhosa vista até Biarritiz.
A cidadedezinha é um charme...
Boa viagem. E eu fico aqui, com uma boa inveja.

yara xavier
yara xavierPermalink

Gente, trabalhar domingo e com este calor que está fazendo em São Paulo dá apagão cerebral. Eu quis dizer cidadezinha e Biarritz. Perdão.

Bruno Vilaça
Bruno VilaçaPermalink

A única dica de La Rioja que eu tenho é a deliciosa música de Jorge Drexler!
grin

"Tu beso se hizo calor,
luego el calor, movimiento,
luego gota de sudor
que se hizo vapor, luego viento
que en un rincón de La Rioja
movió el aspa de un molino
mientras se pisaba el vino
que bebió tu boca roja."

Eneida
EneidaPermalink

Oi gente, agradeço a todos pelas dicas.
Regina, achei fantástico o site do Marquês de Riscal, apesar estar beeeem acima do nosso orçamento. Já o Parador Hondarribia (sugestão da Yara), parece mesmo muito bacana por um valor até pagável! Está na lista com certeza. Anotei também Laguardia e Algorta (indicados por rams e Regina) para pesquisar mais um pouco. Acho que é consenso da turma, e o Diogo concorda, que Biarritz é imperdível, então iremos com certeza. Quanto aos restaurantes, Alessandro, é nosso sonho de consumo ir a um desses estrelados, vamos ver o que conseguimos. Last but not least, agradeço ao Bruno por me lembrar desse CD do Jorge Drexler que eu a-do-ro e tinha um tempão que não ouvia. Não parou de tocar aqui em casa hoje a manhã toda!
Hoje encomendei na Cultura on line um "Footprint guide to Northern Spain". Alguém conhece??

Emília
EmíliaPermalink

Eneida, no Viaje aqui tem o blog da Adriana Setti (Direto de Barcelona) e ela postou há algum tempo dicas de La Rioja (ver histórico). Fiquei com água na boca...
http://viajeaqui.abril.com.br/blog/diretodebarcelona/20061109_listar.shtml#25075
Bruno, essa música é fofíssima, aliás, como todo esse CD dele.

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalink

Eneida,
Biaritz é realmente "sui generis" e foi uma das melhores surpresas da viagem. É um balneário elegante, onde se pode ver surfistas "de verdade" (pois as ondas são "de verdade") todos cheios de areia e água do mar, que poderiam estar em Itamambuca ou em Noronha, passando com suas pranchas no centro baladérrimo do balneário, em frente as várias lojas de grifes internacionais, misturados a madames do "jet-set" europeu, com seu poodles e óculos D&G. Adorei a cidade.

Natacha
NatachaPermalink

Eneida,
Boa escolha para férias! Eu fui a Bilbao numa ida de carro para a Provence (sou de Lisboa) e no regresso - noutro ano que fui à Provence e à Sardenha, também de carro - parei em San Sebastián. De Bilbao só vi o Museu, mesmo. Mas parece que a cidade começa a acordar para mais algumas coisas... Em San Sebastián também só fiquei umas horas mas as suficientes para marcar novo encontro: aquela baía, o mar lindo, a cidade com uma arquitectura fantástica e a comida basca!! É tudo muito bom.
Biarritz foi paragem obrigatória nas duas vezes!! Além de ser tudo o que os outros já disseram, é ainda mais especial para os portugueses porque é uma cidade geminada com Cascais (conheces? perto de Lisboa?) e tem óbvias semelhanças. A aura que se vive naquela cidade é absolutamente fantástica!
Boa viagem!

dionea vasconcellos
dionea vasconcellosPermalink

Gostei de algumas informaões. Estarei em Vigo entre 29 de setmbro a retorno em 21 de outubro. irei a Londres por 4 dias e retorno a vigo. pensei aproveitar os dias para outras visitas pela espanha. E essa regiaome parece bem interessante pelo que li dessas experiencias.
E dificil conseguir hotel sem reserva para esse periodo? Não consegui fazer um planejamento para essa esticada e pensei pegar mesmo um onibus em Vigo. Voce tem alguma sugesão que nao seja muito dispendiosa?

nazare, antonio ronaldo

em maio ultima semana, saido de carro da galicia / asturias/sansebastian/biarritz/ loire.....é muita kilometragem....é tudo lindo
...obrigado gente pelas dicas

George
GeorgePermalink

Eu fui para San Sebastian em julho de 2009,fiz um tour gastronomico pelos restaurantes com 3 estrelas pelo Michelin: Arzak,do chef Juan Mari e sua filha Elena;Akelarre,do chef Pedro Subijana;Martin Berasategui,do chef homonimo,que fica em Lasarte-Oria,pertinho de S.Sebastian.Fotografei todos os pratos,sao maravilhosos,gostaria de colocar as fotos em um post de San Sebastian...mas ignorante como sou nao sei como.Se alguem me ensinar ou mesmo quiser as fotos,pode pedir por email.(george0007@uol.com.br)

George
GeorgePermalink

Respondendo a Graziela

Ola,tudo bem?Depende do que vc gostar.Eu fui para San Sebastián pela culinária,mas há praias(Ondarreta,La Concha),um pouco de vida noturna,uma bela vista subindo o Monte Igueldo ou o Monte Urgull.

De Madri são 450 km,de Pamplona são 79 km.Eu estava de carro,fui de Pamplona para lá,mas devolvi o carro lá e fui de avião para Madri (www.iberia.es).O aeroporto é em Fuenterrabia.

Depende se vc gosta ou não de dirigir.O trem (www.renfe.es) também é uma opção.Não sei que tipo de hotel vc procura,eu me hospedei no Maria Cristina,peguei uma ótima promoção pelo site.(www.luxurycollection.com)
De San Sebastián até Paris são 820 km,vc pode ir de carro até Bordeaux e de lá pegar um avião até Paris,ou mesmo ir até Bayonne ou Biarritz e de lá pegar um trem para Paris (www.sncf.fr)
O que S.Sebastián tem de melhor na minha opinião é a culinária.Para vc ter uma idéia,tem 3 restaurantes com 3 estrelas pelo Michelin,1 com 2 estrelas,o Mugaritz (www.mugaritz.com) , (em Renteria,a 7 km) e vários com 1 estrela.
Se souber qual o objetivo da sua viagem,do que vc gosta talvez possa te sugerir algo mais especifico

Leandro
LeandroPermalink

Poxa, comecei a estudar a possibilidade de fazer minha viagem de Paris à Madrid via San Sebastian de trem...Prevemos sair de Paris dia 13/set e nosso vôo de volta para SP é dia 19/set pela manhã.
O tempo é muito curto...conheci BArcelona em 96( quase me mudei para lá de tanto que gostei) e só agora terei esta oportunidade de fazer esta viagem( desta vez com mimha esposa, 1ª vez dela na Europa). Porisso minha dúvida:
Paris - San Sebastian - MAdrid ou
PAris - BArcelona - MAdrid.
Terei disponível do dia 14 ao dia 18 para San Sebastian ou BArcelona e finalizar em MAdrid.

Viremos de Amsterdam, Bruxelas, Paris e a possibilidade de curtir uma praia numa bela paisagem + conteúdo cultural neste intervalo até Madrid...confesso que além de sefuzir minha esposa, também me seduz...mas será que compensa deixar de levá-la e, no meu caso, revisitar Barcelona?

Help! Você pode sentir meu (maravilhoso) drama?

Agradecerei sua atenção!

Sylvia
SylviaPermalink

Trocar Barcelona por San Sabastian ?
Como assim Leandro ? Acorda wink

Leandro
LeandroPermalink

Pô Sylvia! já que vc acha tão absurdo assim, será que vc também podia me dizer porque. Que tal?

Considerando a # de tempo gasto no trajeto entre Barcelona e San Sebastian e que já tenho Hotel reservado...vou preferir Barcelona...mas me conte mais!

Gracias!

Sylvia
SylviaPermalink

Eu não tenho nada pra contar Leandro.
Tu tens todas as respostas , que estão bem claras na tua pergunta, e o fato de haver algo no caminho atraente ou curioso ,não quer dizer que mereça um desvio, uma parada , e muito menos uma troca.

Leandro
LeandroPermalink

É que tenho lido tantas recomendações de San Sebastian...me parecia que eu precisava saber mais para decidir entre Barcelona e San Sebastian...portanto, nesta viagem eu fico tranquilo com Barcelona!

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

As ligações ferroviárias entre França e Espanha são lentas.

Você pode ir de TGV de Paris a Biarritz http://www.voyages-sncf.com e lá pegar um trem ou ônibus a San Sebastián. De San Sebastián a Madri ou Barcelona eu recomendo avião.

Li
LiPermalink

Eu e marido estaremos de carro em San Sebástian em novembro, ficaremos 5 dias para conhcer a região. Depois a idéia é ir descendo até Barcelona, já que nosso voo sai de lá de volta para o Brasil. Devolveremos o carro e passaremos 5 dias em Barcelona. Pergunto: temos 3 dias para fazer a viagem entre San Sebastian e Barcelona, existe alguma cidadezinha ou lugar imperdível no caminho? Obrigada gente!

Andre L.
Andre L.Permalink

Posso dar uma dica? passa em Huesca e Andorra.

Fabio
FabioPermalink

Ola! Nao posso sugerir no caminho inteiro (no pais Basco conhece soh Vitoria-Gasteiz, a capital, que vale uma desviada!)... mas aqui pela Catalunya posso sugerir...

Simulei o caminho no google para ver por onde vc vai passar mais ou menos (algo assim: http://bit.ly/bR4eZl).

Ja que voce esta pegando o comecinho da estacao de calcots, sugiro voce dar uma desviadinha para Valls para comer uma autentica Calcotada (http://es.wikipedia.org/wiki/Cal%C3%A7otada) pra mim uma das melhores comidas que existem!

Um pouco antes de Valls, tambem sugiro que passe (se vcc gosta, claro!) pelo Monasterio de Poblet (http://www.poblet.cat/) a visita eh muito boa!

Se vc se interessa pelo imperio Romano, Tarragona eh um excelente lugar para voce dar uma desviada, passar a noite, e visitar as diversas ruinas e o aqueduto (apesar de que este, ultimamente esta em reforma!).

Se gostar de Cava (a "Champagne" catala) sugiro passar por Sant Sadurní d'Anoia, chegando perto de Barcelona! La eh onde estao quase todas as Cavas da regiao.

Se fizer esse desvio para Sant Sadurni, tambem sugiro visitar a Colonia Guell em Santa Coloma de Cervello, uma cidade/fabrica projetada para o Guell (o mesmo do parque smile que tem uma igreja menos conhecida e menor (mas nao menos bonita e interessante) do Gaudi!

Para ajudar, fiz o mesmo mapa la de cima, com esses pontos! http://bit.ly/czsMMG

Bom, acho que eh isso! Se sua intencao for ir mais pelo norte, beirando os pirineus, me fale pois este fds passei por la e conheci uns lugares legais(http://goo.gl/maps/MPHr)! Fora que estamos no finzinho da epoca dos Bolets (cogumelos!) e la onde se compra e se come os melhores e mais frescos (Rovellons!).

boa viagem!

Li
LiPermalink

Obrigada pelas dicas Andre L., vou pesquisar mais sobre as duas cidades.

Lu Aquino
Lu AquinoPermalink

Não deixe de visitar Pamplona, capital de Navarra. Concordo com as dicas do Fabio: Poblet é imperdível, Tarragona tem ruinas romanas interessantíssimas e Sant Sadurni D'Anoia é ponto obrigatório para quem curte espumante. E, se você gosta de vinhos, faça um pequeno desvio ao sair de San Sebastián e vá a La Rioja.
Tenho uma dica que não fica no caminho. Uma cidadezinha charmosíssima na fronteira com a França, a 20 minutos de San Sebastián: Hondarribia.

Se você quiser dicas de Barcelona, eu também posso ajudar. Mas provavelmente o Riq
smile

Lu

Lu Aquino
Lu AquinoPermalink

Ops, enviei sem querer antes de terminar: posso comentar Barcelona, mas provavelmente o Riq vai me mandar fazer isso em outro post.

Lu

sandra
sandraPermalink

estarei em frankfurt em dezembro e pegarei um voo até bilbao para visitar meu irmao em hasparren, na fronteira da franca com a espanha. vcs sabem me dizer como faco para ir até san sebastian de trem ou onibus(como é mais facil)?

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Bilbao-San Sebastián tem inúmeros ônibus ao longo do dia. A viagem leva uma hora.

sandra
sandraPermalink

Obrigada , Ricardo, tentarei me informar sobre estes onibus pois ficará mais fácil e mais perto pro meu irmao me buscar.Só sei que ele mora a uns 20- 40 minutos de Biarritz e que San Sebastian é mais perto pra ele.
Vc sabe como faco pra pegar este onibus?é no próprio aeroporto?

Viaje na Viagem
Viaje na ViagemPermalink

Não sei, Sandra. Essa é uma informação que é muito mais garantido você pedir para o seu irmão conseguir por lá mesmo.

Como usar o transporte em Bilbao? « Por Todos os Lados

[...] Mais Bilbao, clique aqui! [...]

sandra
sandraPermalink

FUI A BILBAO, PORÉM NAO VI NADA DE MAIS LÁ, SOMENTE O MUSEU DE ACO INOX...SAN SEBASTIAN EU ADOREI: RUAS CHARMOSAS, UM ÓTIMO LOCAL PRA COMPRAS, PARA COMER E TOMAR UMA CERVEJA OU VINHO...MERECE UMA ESTADIA PARA CURTIR MAIS UM POUCO( NAO SEI BEM, MAS O LOCAL ANIMADO E MOVIMENTADO FICA PROXIMO AO MAR, ONDE TEM UMA PONTE TODA ILUMINADA E UM TANTO DE PREDIO MUITO PROXIMO UM DO OUTRO FORMANDO UMAS RUELAS PRA LÁ DE ANIMADAS).

Lia
LiaPermalink

Eu amei San Sebastian e recomendo a cidade, apesar de ser um pouquinho cara. Peguei um ônibus da Alsa de Santander a San Sebastian. O ticket comprei no site da cia. Talvez seja essa cia que Sandra esteja procurando.