Enquete da semana: comidas esquisitas

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

huitlacoche450.jpg

Estou terminando (um ano depois...) uma matéria sobre a expedição Bumba Meu México, que foi mais ou menos transmitida ao vivo no blog antigo. Se houver espaço, quero fazer uma página chamada Desafio a Montezuma, com tudo o que eu experimentei de diferente durante o périplo (como, por exemplo, essa pizza de huitlacoche, o fungo do milho que é tido como a trufa mexicana).

Mande ver aí do seu lado: qual foi a comida mais estranha que você já teve o prazer (ou desprazer) de experimentar durante uma viagem?

Se você for daqueles/daquelas que não comem nada esquisito, diga qual foi a coisa mais esquisita que você se lembre de ter escapado de comer...

201 comentários

Carla
CarlaPermalinkResponder

Sylvia: lol Picolé de ervilha foi além da minha imaginação!!!

Carla
CarlaPermalinkResponder

Hugo, eu comi uma goiabada assim lá no Tragaluz, em Tiradentes - e ainda vinha acompanhada de sorvete de goiaba, que delícia...

Dani G.
Dani G.PermalinkResponder

Majô quero ver tuas fotos do Toque, so que o link do orkut qque vc postou aqui caia no meu !!

Majô
MajôPermalinkResponder

Dani,

Entra na comunidade Viaje na Viagem da Lea, eu estou lá também. Me diz se você conseguiu.

Jurema
JuremaPermalinkResponder

Bem, eu sou daquelas que quer experimentar tudo o que é típico do lugar, tanto que nem considero maniçoba, lambreta e escargot coisas esquisitas (gosto muito!).

Mas, como o Beto, pedia a tal andoillete, que no meu guia estava como "típico de Troyes", cidade onde estávamos, e eu só consegui comer dois pedacinhos, o resto ficou no prato. Picadão de vísceras dentro de uma tripa, e no guia estava escrito "linguiça condimentada" (juro!). E meu marido, feliz, comendo uma lasanha de salmão, rindo de mim, com a minha cara ao tentar comer o segundo pedaço.

Arthur
ArthurPermalinkResponder

Jacaré empanado e moqueca de jacaré em Bonito. Buchada de bode no Mangai (PB). Adorei tudo.

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Carla, pedi a mesmo coisa no Tragaluz! Até hoje eu e minha mãe sonhamos com essa sobremesa...

Pedro
PedroPermalinkResponder

gente, não precisa sair de Sampa: Churrasquinho Grego é um clássico que só pode ser comido com um bom suco daqueles de pozinho de 8ª categoria.

Para os mais chiques tem um restaurante também em Sampa onde o sashimi do peixe vem junto com o peixe vivo! eles cortam o sashimi mas não matam o peixe, que ainda chega na mesa respirando... Bom proveito....

Beto
BetoPermalinkResponder

Sylvia, picolé de ervilha é um dos tops deste post.

E, Pedro, sashimi com peixe vivo é o melhor do segmento gastronomia sado-masoquista. Alguém duvida do que o homem e capaz?

Fabio Machado
Fabio MachadoPermalinkResponder

Ô Riq, podes deletar este comentário e o outro lá de cima (do camarão)? Escrevi de cabeça quente e agora não faz sentido, eis q vc deletou o comentário do cara nos ofendendo. Grato

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Fabio e todos:
O

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

O QUE VCS ACHAM DE A GENTE PRÉ-COMBINAR QUE
VAMOS IGNORAR SOLENEMENTE TODOS OS COMENTARIOS
EXTRANGEIROS QUE NÃO TEM NADA A VER , enquanto o comandande
está fora da base ?
COMBINADO ???

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Para os que querem ( e não querem ) experimentar ai
vai um link para o picole de ervilha
( o meu não tinha as imagens das bolinhas ,claro )

http://loiclemeur.com/english/2004/09/the_fashionable.html

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Olhem só, esse ai abaixo é melhor ainda !
PICOLÉ DE PEIXE lol
http://www.weirdasianews.com/2007/04/30/fish-flavored-ice-cream/

Majô
MajôPermalinkResponder

Sylvia,

IGONORAR mrgreen

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Esse ai abaixo ganhou o oscar:
Picolé de peixe :green:
http://www.weirdasianews.com/2007/04/30/fish-flavored-ice-cream/

E para os que gostaram dos "insetos"
http://www.food-info.net/uk/products/insects/intro.htm

Majô
MajôPermalinkResponder

oops IGNORAR

Tamara
TamaraPermalinkResponder

Majô,

É isso mesmo. Era gostoso, mas depois que eu soube o que era ficou intragável. E semente de abóbora na chapa? Meu pai é mineiro e sempre que ele vai na fazenda da minha avó ele pega um monte, põe na chapa do fogão a lenha e depois come.

fabio
fabioPermalinkResponder

minha comida esquisita foi um prato chamado Jambalaya, que comi em Nova Orleans. Não sei do que era feito, parecia um feijão, mas era muuuuito apimentado. E olha que eu encaro comida 'quente' sem problemas. Ah, e outra: qualquer buffet dos locais que servem café da manhã em Orlando...rsrsrs

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Fabio :
Jambalaya é um prato que tem muitas versões , são tantas e tão
diferentes que devia ter varios nomes.
É assim como a feijoada, vc pode amar ou odiar .
Depende de como é feita ( e com o que )
As Jambalaya tem origem na Louisiana, era uma comida de escravos
feita com o que havia "sobrado" na cozinha dos brancos.
Pode ser feijão com vegetais ou arroz com vegetais ou massa com vegetais ( e carnes diversas ).
Os asiaticos tem essa versão com varios nomes, mas pode ser
facilmente identificada por "pot-food" , comida de panela.
Vc pode pedir os ingredientes que gosta e é sempre feita na
hora com ingredientes frescos ( uma de-li-cia ! )
É feita na wok http://es.wikipedia.org/wiki/Wok uma panela indispensavel
para fazer delicias rapidamente .
Aqui em casa a gente usa a wok direto !

Hugo
HugoPermalinkResponder

Majô, eu sou suspeito porque, mesmo não gostando de doces e chocolates, adoro goiabada.

E como a Carla disse, esse prato é do Tragaluz em Tiradentes mesmo. Sempre que vou na cidade não perco a oportunidade de repetir a dose.

Mas outro dia minhã mãe tinha me dito a Ana Maria Braga tinha comido esse prato em Tiradentes colocado a receita no seu site (depois vou procurar e coloco o link aqui)

É muuuuito fácil e em breve vou no Mercado Central comprar um belo pedaço de goiabada cascão para tentar fazer em casa.

Se der certo eu aviso.

Gustavo Prouvot Ortiz

Salsicha de rena, no Alaska.

Alexandra
AlexandraPermalinkResponder

Eu, q moro no Canada, vivo comendo bichos q nao se come no Brasil...
Meu favorito: caribou, q eh alce. Carne vermelho-rubi, tem q ser servido
mal-passado.

E tem muito veado tambem. E faisao. E ris de veau, q sao as glandulas
do timo da vitela. Frances adora, e quebecois tambem. Tem que
ser saute, bem crispy for fora, senao fica nojento.

Fora isso, eu diria q as maiores estranhezas q comi foram nos chamados
restaurantes de gastronomia molecular. Fiz um report completo com fotos,
q esta online,
mas nao sei linkar aqui... teve um, em Chicago, onde comi umas
gelatinas de pinho e pistache e queijo misturadas, uns pirulitos congelados,
combinacoes totalmente doidas, ora gostosas, ora repugnantes.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Alexandra , tenta copiar e colar o endereço aqui .

Majô
MajôPermalinkResponder

Carla 2,
Vou agora enviar as fotos pra você lá do Toque, não te esqueci wink Agora é que estou na minha base wink

Tamara,
Pois é, eu conheço essas sementes de abóbora. Uma moça baiana que trabalhou lá em casa adorava essas sementes de abóbora assadas também. Então não é só em Minas rs

Hugo,
Quero a receita sim lol
Adoro goiabada cascão molinha pra comer de colher ! Acabei de comer um restinho com minas, dilicia smile
Na verdade, eu já comi num restaurante aqui no Rio, o Artigiano que faz ela numa frigideira no forno, vem quente. No Carlota tem o sufflé de goiabada com requeijão outra dilicia. Com certeza, a origem da goiabada é de Minas smile Tanto que goiabada com queijo em restaurante aqui no Rio, chama mineiro com botas wink

Sylvia,
O seu picolé de ervilha ou abobrinha rs vai ganhar o troféu NATUREBA lol

Majô
MajôPermalinkResponder

Carla 2,
Vou agora enviar as fotos pra você lá do Toque, não te esqueci wink Agora é que estou na minha base wink

Tamara,
Pois é, eu conheço essas sementes de abóbora. Uma moça baiana que trabalhou lá em casa adorava essas sementes de abóbora assadas também. Então não é só em Minas rs

Hugo,
Quero a receita sim lol
Adoro goiabada cascão molinha pra comer de colher ! Acabei de comer um restinho com minas, dilicia smile
Na verdade, eu já comi num restaurante aqui no Rio, o Artigiano que faz ela numa frigideira no forno, vem quente. No Carlota tem o sufflé de goiabada com requeijão outra dilicia. Com certeza, a origem da goiabada é de Minas smile Tanto que goiabada com queijo em restaurante aqui no Rio, chama mineiro com botas wink

Sylvia,
O seu picolé de ervilha ou abobrinha rs acabou de ganhar o troféu NATUREBA mrgreen

Carla2
Carla2PermalinkResponder

Obrigada Majô! Acho que a Dani G. também falou lá em cima que não conseguia entrar no seu album do orkut

Sylvia, seu picolé de ervilha ganhou em originalidade!!!

Majô
MajôPermalinkResponder

Carla 2

Agora foi !! A 1a tentativa falhou....
Pois é, aquele endereço que eu coloquei não deu certo sad Mas, a Dani já me achou pela comunidade Viaje na Viagem, da Lea.

E agora que ficou um mega comentário double. A 1a vez, o sistema veio a mensagem que tinha falhado, mas não falhou. eekops:

Carla2
Carla2PermalinkResponder

Majô,
acabei de ver as fotos - adorei!! respondi no seu e-mail.

Muchos thanks!!

Claudio
ClaudioPermalinkResponder

Meu avo era cacador( oops, politicamente incorreto)...Jah comi paca, tatu, cutia, SIM
Teiu(um lagarto colorido do Agreste)
Alligator na Florida
Farofa de Tanajura em Aracaju
File de Canguru em Barcelona
Perna de ra em Paris
Manicoba no Para
Lambreta na Bahia
Jambalaya em Nova Orleans
Brigadeiro de Pistache em Sampa

Lilianne
LiliannePermalinkResponder

Na Noruega comi salsicha de carne de Alce e Baleia. Na China comi Peixe-Gato que achei horrivel. Em Natal comi caroços de Jaca cozidos.

Natacha
NatachaPermalinkResponder

Comidas estranhas - para alguns - mas muito comuns em Portugal:
dobrada, iscas (para quem não sabe o que é, fígado de porco ou vaca frito), caracóis (petisco nacional, mais consumido no sul do país), caracoletas (guisadas ou assadas), cabidela (arroz com galinha, cozido no sangue, com muito vinagre), qualquer tipo de caça (coelho, lebre, faisão, perdiz, javali, etc.), pézinhos de coentrada (como o nome indica, são os pés de porco cozidos e temperados com um molho feito com coentros), passarinhos fritos (também é petisco), pernas de rã fritas (petisco alentejano), rim (de porco ou vaca, frito ou grelhado), língua de vaca estufada, moelas guisdas (também se faz com outros miúdos), ovas de choco fritas, caras e línguas de bacalhau cozidas, sopa de rabo de boi. Claro que há muuuiiitttooos portugueses que não comem nada disto, mas é bastante comum ver em ementas de restaurantes ou almoços de domingo na casa da família.
Apesar disto, ou talvez também por isto, a gastronomia portuguesa é uma das melhores do mundo!! Não sei se comprovado por estudos mas certamente certificado pela minha experiência.

Ernesto
ErnestoPermalinkResponder

Dizem que quanto maior a escassez de recursos naturais, maior a criatividade humana para cozinhar!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Majô, a receita está aqui smile :

http://maisvoce.globo.com/culinaria.jsp?id=11688

Caso o encontro VnV BH dê certo e se alguns de vocês resolverem aparecer por aqui, podemos agendar um mega passeio pelo Mercado Central que é simplesmente uma tentação em termos de produtos mineiros.

Já vou aproveitar a visita do Papa no Brasil e acender minha vela de 117 dias smile para ver se as coisas engrenam wink .

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Hugo, na última vez em que estive no Mercado Central de BH eu trouxe para Sampa City muitas e muitas latas de doce de leite Viçosa e Borboleta, muitos queijos serra da Canastra (inacreditáveis...), requeijão mineiro do puro e daquele com raspinhas de tacho, além de cachaça, para muitas boas caipirinhas smile
Eu me divirto passeando lá!

Majô
MajôPermalinkResponder

Hugo,

Pela foto, a sobremesa que eu como aqui não é exatamente essa. É a goiabada derretida no forno, sem passar em nada. Mas, pela cara, claro vou testar essa receita smile

Seria ótimo participar do VnVBH smile, ainda mais com esse mega passeio pelo Mercado. Muita goiabada cascão molinha, minas meia cura, aliás eu compro direto da fonte, de um rapaz que vem de Formiga e traz todas essas delicias. Adoro o minas meia cura, humm

Tenho certeza que o comandante vai participar da con VNV em BH lol Como conciliar trabalho e turismo, esta é a questão.... Fotos hem !!

Natasha,
Galinha de cabidela no Brasil, é galinha ao molho pardo. Muito bom !!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Isso mesmo Majô, vamos organizar o encontro VnV BH. Só falta agendarmos uma data com o Riq.

Quem sabe um tour gastronômico por BH, incluindo Amigo do Rei e Xapuri??

Paula
PaulaPermalinkResponder

Olha a mais estranha eu não lembro, achoque foi alguma coisa estranha, tipo timo, que vinha na Parrillada em BsAs (eca!), mas a mais pesada sem dúvida foi o goulash húngaro em Budapest. Fiquei dias sem fome, hahaha!

Carla
CarlaPermalinkResponder

Hugo, que achado essa receita!!! Obrigada pelo link, vou testar o mais rápido possível! wink

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Hugo , meus avós se mudaram de Niteroi para BH , e quando eu
ia visitá-los passava toda a tarde no mercado comendo abacaxi
geladinho e torresmo .
Eles moravam na Amazonas a duas quadras das delicias!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Quem testar a receita primeiro coloca sua opinião aqui.

Sylvia, o Mercado Central é realmente muito bom, e particularmente acho que o seu programa "abacaxi com torresmo" smile é muito melhor do que o tradicional "cerveja com torresmo", pois eu adoro abacaxi e odeio cerveja.

Majô
MajôPermalinkResponder

Hugo,

Primeiro preciso comprar de novo a legítima goiabada cascão smile

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Hugo : smile smile
O detalhe que faltou é que esse abacaxi com torresmo era
o meu combo predileto a 35 anos atrás!
Hoje torresmo é veneno na veia prá todo mundo ( mas continua
sendo uma delicia )

Juliana Scherz

Hmmm... Comi HAGGIS na Escócia... Rã ao alho, no Chez Georges, no Recife... Acho que só... Levando em conta que sou recifense e que minha dieta até antes de me mudar para o RJ consistia em guaiamum, caranguejo, sururu, etc... os mais esquisitos são os que falei ali em cima... O resto é esquisito pra quem não foi acostumado a comer...
Quando eu comentei na Inglaterra que aqui no Brasil nós fazíamos churrasco com coração de galinha, eles acharam um absurdo!!! Ehehehe...
Eu sou daquelas que come tudo, menos: partes íntimas dos animais (leia-se língua de boi, e, errr.. as coisas do boi) e alguns animais, como cachorro, coelho, pato - porque são fofinhos... Ah, deixei de comer foie gras (apesar de amar) quando soube como é feito...

Guime
GuimePermalinkResponder

Viagem com a família. Parque Asterix longe do centro de Paris mais ou menos duas horas. O parque em si é uma graça, meio retrô, mas absolutamente fiel aos quadrinhos originais. Almoço. Entre mil opções conhecidas de comidas gaulesas (francês rude, interiorano), escolhi uma tal de Anduillette. O garçom segurou o riso na hora que eu fiz o pedido, no meu francês do ginásio. Eu deveria ter entendido aquele seu sinal. Chegou uma salsicha enorme, molenga, recheada com miúdos de animais que eu não me lembro de ter sido apresentado. O sabor não seria tão trágico, não fosse o perfume de esterco que empesteou TODO o feliz restaurante temático. As mesas ao lado cochichavam, reconhecendo minha coragem, ou mais provavelmente, minha idiotice. Carreguei aquela sensação comigo por mais uns 3 dias. Pensei em incinerar minhas roupas. Pensei em comprar perfumes mais fortes. Pensei que devia ter pedido o Javali, claro.

sirubia
sirubiaPermalinkResponder

RECEITA GOIABADA FRITA DO TRAGALUZ

Li alguns comentários sobre este docinho maravilhoso, que bom que todos gostam. Felizmente é da minha mami o dito cujo e como doses duplas quando vou lá, mas infelizmente tou fora do país, o que me deixa poucas oportunidades p. tal.

Deixo aqui a receita: já foi mostrada 2/3 vezes na globo mas nada como estar ali ao lado vendo.

Cortar uma fatia de goiabada cascão, qdo mais dura melhor.
Passá-la num prato com amêdoas picadas p. q fique agarrada. Depois fritá-la com pouca manteiga até ficar um pouco mole, mas sem perder a forma.

Deixar preparado um prato ao lado com uma cobrinha (ao gosto de cada um) de catupiry p. por a goiabada por cima. E uma bola de bom sorvete de goiaba ao lado. A do restauarante é comprado ali ao lado de Tiradentes.

Qualquer coisa é só procurar no site do mais você, que mostram a receita, ou se quiserem pergunto a mami. wink

sirubia
sirubiaPermalinkResponder

Eeee tanto erro de digitação, escrevi correndo. Desculpem-me....

Mas como o tópico é sobre comidas esquisitas deixo minha opinião.

Acho que o mais esquisito e ruim é comer algo que esteja mal feito. Comi cobra, tatu, jacaré, formiga, cérebro de mto bicho e outras coisas q foram ditas por aí, mas qdo é bem feito..... de esquisito vira......... exquisite!

E outras coisas como um bife com batatas pode ter a cara mais esquisita do mundo. Não é? smile

a sirubia
a sirubiaPermalinkResponder

Aqui está a matéria sobre Tiradentes e a goiabada Frita no NYTimes + a receita no Mais Você. humm vcs estão bem + pertinho aproveitem smile

Artigo

http://travel.nytimes.com/travel/guides/central-and-south-america/brazil/tiradentes/overview.html

Receita

http://receitas.maisvoce.globo.com/Receitas/Doces_Sobremesas/0,,REC2396-7778-34+GOIABADA+FRITA,00.html

Daniel
DanielPermalinkResponder

Gente... tudo o que passou por mim e alguém do meu lado comeu, eu também comi. Goulash de cachorro, robata de gato, sarapatel(com sangue), ninho de andorinha, conserva de tripa de peixe, ovo podre chines, manissoba (deliciosa), farofa de tracajá (tartaruga) feita no casco, tacaca nas ruas de Manaus(imperdível), natoo com ovo cru, pé de galinha com canela, culhão de carneiro, de boi ou galo (Valadares na Lapa-SP), etc, etc.
Meus amigos dizem que, no ar urubu, no chão cururu, o resto eu como.
O se humano é onívoro, e não podemos nos dar ao luxo de recusar nada, e nada é esquisito.

Zico
ZicoPermalinkResponder

Quem nunca comeu aqueles bichinho do coquinho quando criança q parecem um arroz, pensem um monte dele vivo e vc mastigando ?!?!?!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar