Charada da 6a.: frutos do mar

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

cha22jun.jpg 

Este lugar fica numa capital de Estado situada à beira-mar.

Vai-se até lá (fica longe do Centro) em busca de pratos feitos com peixes e frutos do mar.

Mais não digo...

Deposite seu chute na caixa de comentários, e boa sorte :roll:

110 comentários

Rosa
RosaPermalinkResponder

E eu não entendi o que as ostras estavam fazendo no post "Visitei: Miramar, Maragogi". As ostras não deveriam estar neste post "Frutos do mar"? Como eu não sou loira, nem burra, eu devo ser mesmo muito ingênua, tou boiando, mas não tou nem um pouco irritada.

Sheyllo
SheylloPermalinkResponder

Rosa, acho que alguém tava mandando ir se roçar nelas. Esses grossos.

Sheyllo (Não é o Tchan)

Corrigindo, alguém mandando alguém...

marilia
mariliaPermalinkResponder

parece muito ribeirão da ilha, em floripa...
eu comi ostras no ostradamus, huuuummm!

Majô
MajôPermalinkResponder

Beto,

Lembra quando você ganhou a charada e fez o discurso da ONU ? Você ficou me cobrando o prêmio e algumas charadas depois você reclamou que eu tava devendo. Eu respondi que tinha mandado uma mala de dinheiro, mas tinha passado por Brasília..... Vou ver se acho pra copiar e colar wink Só mais tarde, agora hamham vou ao Braca lol

afrancesa,
a estória da frasqueira está no post do berimbau wink

André,
PARIS, PARIS, PARIS

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Andre, já deu pra ver que o pessoal aqui passa direto por Milão smile
Mas, tirando Milão tem um monte de gente apaixonada pela Italia
( acho até que só o Arnaldo é que não gostou da " bagunça" ) ,
mas Paris é unanimidade smile
E eu que sempre fui mais Londres, virei a casaca e agora sou
cem por cento Paris ( acho que só pq os franceses perderam um pouco
a arrogancia, ficaram mais receptivos e até suportam o ingles ).

Lena
LenaPermalinkResponder

O que e BSB??

Ricardo Freire

Brasília, Lena smile

(VIX: Vitória, POA: Porto Alegre -- tem um lugares que adotam o código do aeroporto como apelido...)

Ricardo Freire

André: Paris, Paris e Paris. Querendo, dá pra fazer um desvio de dois dias de carro pelo vale do Loire... ou um bate-e-volta de TGV novo a Épernay, na Champagne, para visitar caves famosas (tem que marcar a visita).

Claudio
ClaudioPermalinkResponder

Andre,
Paris na cabeca e nao deixa de ir em Versailles, ok????
Lena,
BSB eh BRASILIA abreviada
Afrancesa,
Seja bem vinda!!!! Garota esperta, vai longe...

Lena
LenaPermalinkResponder

Hummmm...

POA, eu sabia. VIX, fiquei sabendo aqui. BNU, soube quando comprei um carro com esta placa smile (amigo agente de viagem, da nisso!!)
Preciso aprender as outras wink

Se é pra fazer coro: André, Paris,Paris, Paris!!!

Zé Maria
Zé MariaPermalinkResponder

A moda agora no norte da Itália são os hotéis agrícolas.
Sei, porque tenho um amigo que mora em Rivolta d'Adda, a 20 minutos de Milão.
Um lance Milão, Veneza e esse tal lance agrícola na Toscana, não deve ser nada desprezível...
Não esquecendo que a Suiça, os lagos, a praia e as dolomitas, estão pertinho.
Mais Parma, Gorgonzola, Bergamo, etc...
E vinhos, muitos vinhos, diretamente das cantinas.
Depois mando Youtubes, pra ilustrar esse comentário.rs...

Andre
AndrePermalinkResponder

Obrigado a todos.
Decidido: Paris. smile

Bruno Vilaça
Bruno VilaçaPermalinkResponder

Caramba, logo o dia que passo sem entrar vejo minha linda cidade na charada dia! grin Valeu Riq!

E quase-quase apareço na foto... Tava bem ali do ladinho ciceroneando nosso guru! He he.

Me deu até vontade de comer uma moquequinha de siri... Djilícia!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Lena :
A lista dos aeroportos está no link abaixo
( o primeiro codigo é IATA, que usamos aqui smile)

http://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_aeroportos_do_Brasil

adriano
adrianoPermalinkResponder

Riq, muito boa essas charadas, bem divertido, gosto demais do blog, como o blog só tem infomações das boas, vou me dar ao luxo de te corrigir quanto ao Canto da Lagoa em Floripa, o lugar que você se refere é na verdade a Costa da Lagoa, onde se chega só de barco ou por trilha, o Canto da Lagoa fica no outro lado da Lagoa, mais em direção ao sul da Ilha, e é bem bonito também, mas tem uma boa estrada asfaltada.

abraços Ilhéus.

Top Posts « WordPress.com

[...] Charada da 6a.: frutos do mar [image]  Este lugar fica numa capital de Estado situada à beira-mar. Vai-se até lá (fica longe do Centro) em busca […] [...]

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Ah, eu sei um monte....e sem colar! Eu adoro essas siglas de aeroPorcos!
mrgreen
Cheguei tarde, mas a frasqueira tá lá na caverna, devidamente fotografada. smile
Majô, ela é sua, vc apenas empresta para cá e ela fica que nem batata quente! smile

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Aliás, porcamente fotografada. No final de semana eu coloco uma foto melhor dela por lá.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Alguem reparou que a charada não tem mais a palavra sexta por escrito?
E ai ... os provedores liberaram a pagina ???

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

lol
Mô , eu tb adoro saber de cor os codigos da IATA , e tenho os meus
preferidos ( por não terem nada a ver ) por exemplo:
HKG é Hong Kong ( obvio ) mas e HKT ?
PVG que é Shanghai , YYZ que é Toronto , DME Moscow , SVO Moscow ,
CMN Casablanca ,
(PS : HKT é Phuket )

Majô
MajôPermalinkResponder

Não é que a foto da frasqueira da Mô tá lá no blog mesmo !! Achei uma graça smile
Mas vale o combinado, cada semana passa para o vencedor da charada wink

afrancesa,
o post do berimbau é esse http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/04/16/enquete-da-semana-berimbaus/

Beto,
A charada que você venceu e fez o discurso de miss foi essa http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/04/27/charada-da-sexta-da-majo/ Eu não achei o post que você ficou cobrando o prêmio, vamos combinar que são trocentos, um dia eu acho wink

Aos saudosos do Toque,
Nilo na área wink

Leandro
LeandroPermalinkResponder

No Bira eu fui só uma vez e achei a mesma coisa: não vale o que cobra (parece que você paga pela vista), achei o Petisco melhor e menos caro (no Tia Palmira eu nunca fui, só um amigo meu comentou que viu dias melhores, mas ainda pretendo ir). Mas o melhor peixe que eu já comi até hoje foi numa barraca de praia muito simples numa praia que eu nem me lembro o nome do sul de Aracaju (na cidade ainda, mas bem depois de Atalaia), nada como um peixe fresquíssimo e bem preparado.

Ricardo Freire

Obrigado, Adriano! Claro que é Costa da Lagoa -- eu já tinha falado dela nesse post aqui, no blog antigo:
http://viajenaviagem.zip.net/arch2006-01-01_2006-01-31.html

E aproveitando os teus "abraços ilhéus"... por que todos os que nascem em Floripa são ilhéus mas os que nascem em Ilhéus não são floripas?
:roll:

Majô
MajôPermalinkResponder

Leandro,

No Rio, o Satyricon tem um ótimo pargo no sal grosso e ostras muita boas. wink

Alex
AlexPermalinkResponder

Olá Riq,
Já li vários de seus post’s e gosto muito das opiniões “sem influências” que você passa aos internautas. Estou com uma dúvida cruel: vou me casar no fim do ano e passarei minha lua de mel entre Recife e Aracajú, sendo que alugarei um carro entre Recife e Maceió (Maceió – Aracajú farei de avião). Fiz um roteiro para os 12 dias da viagem e como não conheço nada e nem ninguém que já foi pra lá, meu roteiro foi baseado em tudo que li na net. Gostaria muito de sua opinião, já que é um grande conhecedor do litoral do Nordeste. A opinião dos internautas também será muito bem vinda.
1°dia – Chegada em Recife no inicio da tarde (ainda não escolhi o hotel – é válido ficar nos hotéis das ruas parelelas à Boa Viagem?); aproveitar o resto da tarde na praia e à noite circular pela orla de Boa Viagem.
2°dia – Aproveitar Boa Viagem pela manhã; à tarde, alugar o carro e conhecer o Recife Antigo. Visitar a Torre Malakoff e a Sinagoga, passar pelo As Galerias e visitar o Marco Zero. À noite, fazer o passeio de catamarã. Na volta, pegar um barzinho na Rua Bom Jesus.
3°dia – Saída pela manhã para visitar o Veneza Water Park (somos frissurados por parques aquáticos – mas será que vale a pena pra quem já conhece o Beach Park?). Na volta, parar em Olinda e torcer pra que role um ensaio de Maracatu. À noite, ouvi dizer que o Shopping Center Recife é um dos maiores da América Latina. Pensei em ir lá apenas por curiosidade. Será que vale?
4°dia – Saída pela manhã para Porto de Galinhas. Curtir o resto do dia na Praia do Cupê (ainda não decidi o hotel – é melhor ficar na Vila, no Cupê ou em Maracaípe?). À noite, ir jantar na Vila de Todos os Santos.
5°dia – Passeio de jangada às piscinas naturais – se a maré deixar. Passeio de buggy de Muro Alto até Maracaípe. Ficar o resto da tarde e curtir o pôr-do-sol no Pontal de Maracaípe. Volta ao hotel e à noite, passear pela Vila.
6°dia – Praia dos Carneiros o dia inteiro; no fim da tarde, partida para Maragogi e se instalar num hotel.
7°dia – Visita às Galés de Maragogi. Na volta, pegar a Praia de Bugalhau e após o almoço partir para Maceió, via Rota Ecológica com várias paradas pelo caminho, principalmente na Praia do Lage. Chegada em Maceió por volta das 19h.
8°dia – Partida logo cedo para as Praias do Sul encontrar os sacolinhas brancas (como vc diz: por mera curiosidade antropológica). Pegar a Praia do Gunga pela manhã e a Praia do Francês à tarde. Entrega do carro no início da noite na própria Maceió. Passeio pela orla de Ponta Verde ou então nos restaurantes de Jatiúca.
9°dia – Passeio de jangada às piscinas naturais da Pajuçara (será que vale?). À tarde, pegar a Praia de Ponta Verde mesmo.
10°dia – Aproveitar o hotel pela manhã já que o vôo para Aracajú é no início da tarde. Chegada à capital sergipana às 14h30. Passear pelo calçadão da Praia de Atalaia. Visita ao Oceanário e à Passarela do Carangueijo.
11°dia – Cansativo passeio ao Cânion do Xingo.
12°dia – Visita pela manhã à São Cristóvão. Vôo de volta pra casa às 15h.

O grande problema é que vou viajar em pleno período de Reveillon (26/12 a 06/01). Vários hotéis estão trabalhando apenas com pacote de ao menos 4 dias, o que impossibilita ficar por exemplo apenas uma noite em Maragogi, justamente a noite de Reveillon. Neste caso, teria ou de esticar minha estadia em Porto de Galinhas (o que tb não está fácil de conseguir hotel pelo mesmo problema) ou antecipar a de Maceió. Será que vale tentar ver hospedagem em Tamandaré? E na Rota Ecológica? Com relação às visitas, minhas dúvidas são: não reservei visitas aos Brennands no Recife. Será que vale? Visita às Galés de Maragogi. São imperdívies? E o passeio de jangada à Pajuçara? Sem contar o bate-volta ao Xingo....Por favor, Ricardo e amigos internautas, suas opiniões.....
Abraços a todos e obrigado
Alexandre

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Estás já començando com sorte Alex !
A lua cheia ( o melhor periodo para este trecho ) vai do dia 24 a 30/12
A maré vai estar baixando no dia 27 as 10,30 da manhã ,no dia 28/12
as 11,15 da manhã , no dia 29/12 ao meio dia .
Nestes 3 dias, e nestes horários ( por duas horas) vais ter os melhores
dias de banho de mar de todo o teu roteiro.
Eu faria todo o planejamento em função disso : pegar praia nestes dias
e nestes horários .
Depois vais ter maré baixa todos os dias, mas com a lua minguante o
mar não vai estar tão limpo como nos dias 27,28 e 29.
Isto significa que os melhores dias para as piscinas naturais são estes tres .
Mas para Calhetas ( que é lindinha, logo ao lado de Recife ) que fica
no caminho para o litoral sul o bom é com a maré assim nem alta
nem baixa ,em Carneiros maré assim assim tb é o melhor ( seca muito na baixa).

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Sylvia, eu decorei na época que viajava toda semana pela Lacoste.
O engraçado é que a agente que marcava minhas passagens ao receber meus e-mails, sempre comentava com a menina do financeiro: já marquei as passagens da Mônica, aquela comissária que trabalha aí disfarçada. smile
Eu mandava para ela com os códigos, tipo: SAOxPOAxFLNxCWBxSAO.
Mas eu também gostava dos que não eram óbvios, tipo: CXJ, MGF, LDB, etc.
Aliás, adorei aquele link que mandaram ali em cima. Olha a listinha de por onde já passei no BR!
MCZ, MAO, SSA, FOR, BSB, VIX, GYN, SLZ, CGB, CGR, CNF, PLU, UDI, JPA, CPV, BEL, CAC, LDB, CWB, IGU, MGF, REC, THE, GIG, SDU, NAT, CXJ, POA, FLN, NVT, JOI, ARU, BAU, RAO, SJP, CGN, GRU, CPQ e AJU! Afe! smile

naotemcomoesquecer

fiquei sem respostas, mas continuarei um leitor assíduo!!!
cheguei tarde para charada, mas achei legal isso!!
Ficarei atento as próximas...
Mais uma vez deixo meu blog com minhas viagens e viagens...
http://naotemcomoesquecer.wordpress.com/
paz e um fim de semana irado pra todos!!!
fico aqui tomando minha cervejinha suíça num sol fortissimo!!
valeu, michel

Eduardo Luz
Eduardo LuzPermalinkResponder

Alex, vá aos Brennand que são muito bons (pelo menos se voce gostar de museus diferentões). Gastronômicamente : vá comer no Beijupirá em Porto de Galinhas e no Oficina do Sabor em Olinda e aproveite pra conhecer a cidade que também é bastante interessante.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

lol
Hahaha eu tb sempre ouço isso : trabalha numa agencia e não quer falar...
Por falar nisso, quando tiveres um tempinho, manda pra gente os
hoteis que preferes em MCZ, MAO, SSA, FOR, BSB, VIX, GYN, SLZ, CGB, CGR, CNF, PLU, UDI, JPA, CPV, BEL, CAC, LDB, CWB, IGU, MGF, REC, THE, GIG, SDU, NAT, CXJ, POA, FLN, NVT, JOI, ARU, BAU, RAO, SJP, CGN, GRU, CPQ e AJU! lol

Beto
BetoPermalinkResponder

Riq, do mesmo modo que os que nascem na Suécia são suecos e os que nascem no Marrocos não são marrecos; ou então que os que nascem no Marrocos são marroquinos, enquanto os que nascem na Suiça não são suínos. (velha demais pra vocês?)

Rodrigo Purisch

Para piorar, ou melhorar, existem ainda os códigos das cidades. O que ajuda quando vai se buscar um vôo para uma cidade que tem mais de um aeroporto:

BHZ=PLU + CNF
SAO=CGH+GRU
RIO=SDU+GIG
FRA (Frankfurt), LHR (Londres), MIL (Milão) e por aí vai.

http://www.world-airport-codes.com/

Se quiser procurar por um aeroporto específico, vale mais apena usar o código desse aeroporto.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Acabei de aprender uma que eu não sabia Rodrigo smile
Escrevi BER , no chute a apareceu todos os tres aeroportos de Berlim
( ótimo assim não é preciso decorar !)

Claudio
ClaudioPermalinkResponder

Alex,
O seu roteiro estah muito bem elaboarado...Parabens, fiquei impressionado com os detalhes e precisao do roteiro...Mas, tambem ,pega um dia pra relaxar e nao fazer nada, deitado em uma rede com a esposinha...
O Museu de Brennands eh muito interessante...Vale a pena ir, sim...
Nao perca a praia de Calhetas(como disse a Sylvia), minha favorita em PE
Qto a duvida dos hoteis, Recife, Maceio e Aracaju, o ideal eh ficar na orla ou perto da orla...Respectivamente, Boa Viagem, Ponta Verde e Praia de Atalaia...
Shopping Center Recife eh enorme, mas eh igual a todo shopping em qquer lugar do mundo...
Maragogi sem as Gales, Pajucara sem o passeio na piscina natural , Aracaju sem o passeio de Xingo eh como "ir a Roma e nao ver o Papa"...Vale a pena, sim!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Em Maceio, indico o restaurante CANTO DA BOCA em Jatiuca (Fantastica moqueca de camarao) e a pizzaria, ARMAZEM GUIMARAES...
Em Aracaju, indico o restaurante, O MIGUEL na Atalaia (com carne de sol de file mignon com pirao de leitao...hummmmm) e o melhor restaurante do estado, LA TAVOLA (italiano com uma carta de vinhos sensacional)
Bem, creio que eh isto, alguma duvida, pode perguntar pra este recifense que morou toda vida em Aracaju e soh passava final de semana em Maceio e Salvador
smile smile smile

Marcos
MarcosPermalinkResponder

Ilha das Caieiras, Vitória (E.Santo)

Delícia de Ilha!!!!!!!!!

Moqueca é só capixaba, o resto é peixada!!!!!!

Ricardo Freire

Alexandre,

Sua viagem é muito bacana, mas tem esse grande problema do réveillon.

Realmente você não vai achar nenhum hotel de praia que, seis meses antes do réveillon, te venda só a noite de 31, quando 28 cai na sexta, 29 no sábado e 30 no domingo…

Acho até que você vai ter dificuldades de reservar qualquer hotel a partir do dia 28 se você não pegar o pacote inteiro. (Hoteleiros e pousadeiros têm apenas entre o Natal e o Carnaval para recuperar-se da baixa temporada, que no Brasil é baixíssima; a semana do Réveillon e a do Carnaval são seus produtos mais nobres, que só vão sacrificar na última hora, caso não consigam vender pelo preço que imaginaram.) Talvez em hotéis de cidade — Recife, Maceió e Aracaju — seja factível, sobretudo se você usar um sistema eletrônico de reserva (num descuido de um hotelzão do Recife, o antigo Sheraton Petribu, eu consegui reservar só as noites de sexta e sábado de carnaval, por intermédio do meu agente de viagem, que usou um sistema computadorizado de reserva; se tivesse passado por um atendente humano, ele possivelmente negaria. Se bem que isso foi em 99…)

Você vai ter que escolher um lugar para ficar esses quatro dias.

Mas antes de dar a minha recomendação, vou comentar dia a dia.

1°dia (26, quinta) – Chegada em Recife no inicio da tarde (ainda não escolhi o hotel – é válido ficar nos hotéis das ruas parelelas à Boa Viagem?); aproveitar o resto da tarde na praia e à noite circular pela orla de Boa Viagem.

- Hospedando-se em Boa Viagem você vai estar bem localizado. Mas você só vai aproveitar a tarde em Boa Viagem se gostar de praia sem sol; às duas e meia da tarde os prédios já fazem bastante sombra e a praia meio que acaba. Melhor fazer a programação do Recife Antigo que você estava pensando para o segundo dia (incluindo o catamarã). A noite do Recife Antigo não vale muito a pena, não; Boa Viagem tem coisa melhor, nos arredores do Segundo Jardim.

2°dia (27, sexta) – Aproveitar Boa Viagem pela manhã; à tarde, alugar o carro e conhecer o Recife Antigo. Visitar a Torre Malakoff e a Sinagoga, passar pelo As Galerias e visitar o Marco Zero. À noite, fazer o passeio de catamarã. Na volta, pegar um barzinho na Rua Bom Jesus.

- Fique na praia do Acaiaca até aparecer o pessoal que vende caldinho (eles aparecem perto do meio dia, meio que anunciando a hora do almoço…), tome unzinho e vá aos Brennands. De lá, vá a Olinda. Você pode consultar a programação cultural aqui: http://www.olinda.pe.gov.br/agendacultural/

3°dia (28, sábado) – Saída pela manhã para visitar o Veneza Water Park (somos frissurados por parques aquáticos – mas será que vale a pena pra quem já conhece o Beach Park?). Na volta, parar em Olinda e torcer pra que role um ensaio de Maracatu. À noite, ouvi dizer que o Shopping Center Recife é um dos maiores da América Latina. Pensei em ir lá apenas por curiosidade. Será que vale?

- Nenhum dos dois vale, Alê. O Veneza é um parquinho muito vagabundo, e o Shopping do Recife é um shopping sem graça. Caso você fique mais esse dia no Recife e queira fazer um passeião, é melhor ir a Itamaracá para ver o Projeto Peixe-Boi, dar um pulinho na ilhota da Coroa do Avião e, na volta, passar no centro histórico de Igarassu.

4°dia (29, domingo) – Saída pela manhã para Porto de Galinhas. Curtir o resto do dia na Praia do Cupê (ainda não decidi o hotel – é melhor ficar na Vila, no Cupê ou em Maracaípe?). À noite, ir jantar na Vila de Todos os Santos.

- A melhor praia não é o Cupe (uma praia extensa e perigosa para banhos, onde está a maioria dos hotéis de Porto), mas o PONTAL do Cupe, um trechinho recortado onde só há dois hotéis, o Pontal do Ocaporã e a Pousada Tabapitanga, que devem estar totalmente bloqueados para a semana inteira. Mas como você vai estar de carro e, pelo jeito, louco pra usar o possante todos os dias , fique onde você conseguir quebrar o pacote… e vá de carro ao Pontal do Cupe (fica na entrada para Muro Alto, mas em vez de continuar na direção dos hotéis de Muro Alto, você segue reto e pergunta pelo caminho da praia). A Vila de Todos os Santos está meio decadente gastronomicamente; o forte agora lá são os shows (e também um ou outro bar de praia).

5°dia – (30, segunda) Passeio de jangada às piscinas naturais – se a maré deixar. Passeio de buggy de Muro Alto até Maracaípe. Ficar o resto da tarde e curtir o pôr-do-sol no Pontal de Maracaípe. Volta ao hotel e à noite, passear pela Vila.

- A maré vai deixar, sim, Alê. E, como disse a Sylvia, a lua vai estar cheia, o que faz secar ainda mais a maré (e deixa as piscinas mais bonitas). Mas o horário deste domingo não é o melhor; a maré vai estar mais baixa às 15h30, e a piscina fica mais bonita com sol alto. No sábado 29 a maré vai estar mais baixa às 14h15, e na sexta 28, às 13h15 — e no seu nível mais baixo. Você pode consultar a maré no site da marinha: http://www.mar.mil.br/dhn/chm/tabuas/30645Dez2007.htm . Quanto ao bugue, se você está de carro, não vale a pena. Os bugues hoje andam praticamente só no asfalto. Vá de carro a Maracaípe, veja os cavalos-marinhos e o pôr-do-sol .

6°dia (31, terça) – Praia dos Carneiros o dia inteiro; no fim da tarde, partida para Maragogi e se instalar num hotel.
- Plenamente factível.

7°dia (1o., quarta) – Visita às Galés de Maragogi. Na volta, pegar a Praia de Bugalhau e após o almoço partir para Maceió, via Rota Ecológica com várias paradas pelo caminho, principalmente na Praia do Lage. Chegada em Maceió por volta das 19h.

- O site da Marinha não mostra as tábuas de maré para 2008, mas continuando a progressão de dezembro/2007 por conta própria, vejo que nesse dia o passeio vai ser praticamente ao pôr-do-sol (a maré mais baixa vai cair às 18h15; os passeios devem sair às 4 da tarde). De repente até é bonito, mas você não vai ver a transparência que você tem na cabeça. Quanto a fazer muitas paradas na Rota Ecológica, a coisa não funciona assim; você até pode parar nas praias dos povoados (Porto da Rua, Toque, São Miguel) mas os pontos em que você chega com o carro não são os mais bonitos. O único trajeto realmente cênico para se fazer de carro é o caminho pelo meio do coqueiral do Patacho, de onde você também avista a curva da praia do Lage/da Laje (já vi escrito de tudo quanto é jeito, nem sei mais o certo…). Tem alguns trechos na estrada de Japaratinga (entre Maragogi e a balsa) que também são bonitos, como Bitingüi (onde está a Estalagem Caiuia e há um bar de praia engraçado, o Vila Bitingüi) e o trecho passando Barreiras do Boqueirão. Fazer de Maragogi a Maceió pela Rota fica melhor quando você parte de manhã, porque a praia do Patacho fica à sombra dos coqueiros no comecinho da tarde (tipo 2 horas).
(Aliás, dica geral: o horário do Nordeste é errado de nascença — o sol nasce às 5 da manhã o ano inteiro — e por lá não se adota o horário de verão. Por isso, não vale a pena pegar estrada para chegar a nenhuma praia do Nordeste depois das duas da tarde; você não vai pegar mais pegar a praia em seu melhor momento. Se você quiser fazer duas praias num dia, acorde cedo, fique na primeira até às 11, chegue na outra no máximo ao meio-dia e meia.)

8o. dia (2, quinta) – Partida logo cedo para as Praias do Sul encontrar os sacolinhas brancas (como vc diz: por mera curiosidade antropológica). Pegar a Praia do Gunga pela manhã e a Praia do Francês à tarde. Entrega do carro no início da noite na própria Maceió. Passeio pela orla de Ponta Verde ou então nos restaurantes de Jatiúca.

- Se você vai ao Gunga ou ao Francês (ou a Barra de São Miguel), almoce num dos restaurantes do canal de Massagüeira.

9°dia (3, sexta) – Passeio de jangada às piscinas naturais da Pajuçara (será que vale?). À tarde, pegar a Praia de Ponta Verde mesmo.
- Não vale a pena não — a não ser que você esteja a fim de um programa trash.

10°dia (4, sábado) – Aproveitar o hotel pela manhã já que o vôo para Aracajú é no início da tarde. Chegada à capital sergipana às 14h30. Passear pelo calçadão da Praia de Atalaia. Visita ao Oceanário e à Passarela do Carangueijo.

- OK.

11°dia (5, domingo) – Cansativo passeio ao Cânion do Xingó.
- OK.

12°dia (6, segunda) – Visita pela manhã à São Cristóvão. Vôo de volta pra casa às 15h.
- OK.

Vou te fazer dois itinerários. Um respeitando a sua programação de vôos. E uma segunda, na hipótese de você ainda não ter comprado passagem.

Com os teus vôos:

26 - Recife (Recife Antigo)
27 - Recife (Brennands e Olinda)
28 - Recife-Cabo de Santo Agostinho (Calhetas, Xaréu, Paiva…)-Porto de Galinhas
29 - Porto de Galinhas (piscinas naturais, Maracaípe)
30 - Porto de Galinhas-Carneiros-Porto de Galinhas
31 - Porto de Galinhas (descansar! vocês vão precisar…)
1 - Porto de Galinhas-praias ao norte de Maragogi (Ponta de Mangue, Burgalhau)-…. (onde vocês conseguirem reservar: Maragogi, Japaratinga ou Porto de Pedras).
2 - Patacho/Lage-Praia dos Morros-Maceió.
3 - Maceió-praias do Sul-Massagüeira-Maceió.
4, 5 e 6 - conforme a sua programação original.

Sugestão caso vocês não tenham comprado passagem:

Eu sei que Aracaju tem muitos fãs aqui na comunidade, mas eu acho que a cidade está sobrando nesse roteiro. Eu guardaria Aracaju (e o Xingó) para uma viagem saindo de Salvador e explorando a Linha Verde e Mangue Seco.
Faria os dias 26, 27, 28, 29, 30 e 31 conforme o roteiro aí de cima.
Ficaria os dias 1, 2 e 3 em qualquer pousada da Rota Ecológica (Japaratinga, Porto de Pedras ou São Miguel dos Milagres) que quebrasse a semana para vocês. Reservaria almoços em duas outras pousadas e aproveitaria a base para caminhar na praia. Faria um passeio pelo rio Tatuamunha para ver os peixes-bois. No dia 3 (ou 4) a maré baixa já deve acontecer num horário bom, então dá para ir a alguma das piscinas naturais da região.
No dia 4, iria a Maceió passando ou pela Praia dos Morros ou por Carro Quebrado (saindo cedo, dá para ir às duas).
No dia 5, faria o passeio às praias do sul e Massagüeira.

No dia 6, aproveitaria o sol até o último minuto antes de ir ao aeroporto.

Se você quer ver outro roteiro resolvido para a região (incluindo Penedo e a foz do São Francisco), clique aqui:

http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/03/25/10-dias-entre-pe-e-al-pro-nico/

Nos próximos dias devo também postar um guia completo da Rota Ecológica.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Alexandre e Riq :
A tabua das marés para 2008 está aqui :
http://www.maragogi.tur.br/tabua_de_mares.htm
Maré baixa dia o1 as 16,15 ( começa a baixar as 14,15 )
Mare baixa dia 02 de manhã cedo as 5,15 sad
Mare baixa dia 03 as 6,30 da manhã ( até as 8,30 H)
Mare baixa dia 04 as 7,20 da manhã

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Para chegar a Carro Quebrado ( de carro ):
Pegue a balsa, e dispense os guias mirins
Siga a estrada da saida da balsa sempre para a esquerda
Ao chegar no povoado pergunte como chegar a Carro Quebrado
Na estrada de terra pegue o primeiro desvio a direita ( tambem de terra)
logo após o hotel Captain Nikolas .
Os meninos retiram a placa que informa o acesso , mas é simples smile
de chegar.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Para maiores informações sb Massagueira ( ou Massaguera na lingua local) alem de belas fotos :
http://davidacc.vilabol.uol.com.br/index.html
Para quem quer só almoçar tem que dobrar na segunda ponte a direita
( direção litoral sul )

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Eu fiz, nesta mesma épooca, de Maceió até Recife parando uma semana em Maragogi, é uma época ótima, e peguei tempo muito bom, não vi chuva em 15 dias (mesmo sendo estação seca, não é comum tanto tempo sem ver chuva no litoral do NE, uma pancadinha costuma das caras de vez em quando), mas o bom do nordeste é que o vento morninho e a água quentinha tornam a praia um bom programa até se chover, na lua cheia as praias de Maragogi deve ficar melhor com maré nem muito cheia (muito pouca areia), nem vazia (muito pouca água na maioria), nas piscinas quanto mais baixa a maré melhor, se eu me lembrasse o nome indicaria uma barraca muito boa para comer um ótimo pescado em Aracaju, mas não deve ser difícil de encontar outras parecidas, a dica do O Miguel é ótima mesmo, e a cidade é muito agradável, mas não perca tempo com as praias urbanas. Eu usei Aracaju como base para conhecer Mague Seco (mil vezes melhor que ir de Salvador), é um local muito bonito, especialmente para quem gosta de dunas.

Diogo
DiogoPermalinkResponder

Riq e Sylvia: só pra não deixar passar essa oportunidade, gostaria de dizer que amanhã fecharemos o caixão tricolor 8-)

Vai dar Colorado na cabeça e depois é só correr pro abraço!!!

Beijos, e se por um acaso não der, vou morar no Himalaia depois dessa...

Alex
AlexPermalinkResponder

Pessoal,
Agradeço a todos pelas dicas. É muito bom poder contar com a ajuda de vocês....agora, aos comentários. Riq, gostei muito dos dois itinerários que vc me passou. Mas, numa super promoção da TAM, já comprei as passagens. O grande desafio mesmo será encontrar hotel/pousada que quebrem o pacote de Reveillon pra gente. Como vc bem comentou: eles só vão quebrar em cima da hora e não 6 meses antes. Quanto ao Veneza, era isso que precisava saber...minha noiva cismou com ele mas algo me dizia que não iria valer a pena. O fato de já conhecer o Beach Park, creio que irá "queimar" os demais parques aquáticos. E quanto a Maragogi, estou pensando em tirar do roteiro pois, conforme a tábua de marés (obrigado Sylvia), no dia 01 a maré baixa só acontece no pôr-do-sol. E quanto ao bate e volta do Xingó? Ouvi dizer que é muito cansativo....será que vale sacrificar um dos dias anteriores em algum lugar, para pernoitar em Canindé do São Francisco? Aliás, vcs sabem por alto, o horário de saída e retorno desse passeio? E, por último, penso em fazer um mergulho de batismo em algum lugar desse roteiro...podem me indicar o melhor local? A maré influencia nesse caso?
Do mais, é isso gente....mais uma vez, obrigado por tudo. Cláudio e Leandro, valeu pelas dicas dos restaurantes. Riq, estou no aguardo do superpost da Rota Ecológica. E de antemão, (sou morador de Petrópolis/RJ), me coloco à disposição de todos que precisarem de dicas da charmosa região serrana do Rio de Janeiro (Petrópolis/Itaipava/Corrêas/Nogueira/Araras). Aqui tem cada restaurante bacana, gente!!!.....fora as charmosas pousadas! Estou sempre de olho no blog.... precisando de dicas, é só mandar!!
Abraços, Alexandre

Ricardo Freire

Alexandre, o bate-e-volta a Canindé deve ser bem puxado (tipo quase 3 horas em cada direção). Mas dormir lá, no seu caso, não vai refrescar muito, não, porque seu vôo é meio cedo e não sei se daria para fazer algum passeio adicional no último dia de manhã antes de pegar a estrada de volta.
Sugestão maluca -- não usar o trecho Maceió-Aracaju (avise a TAM!); sair no dia 3 cediiiiinho de Maceió, fazer o passeio da Foz do São Francisco, pegar a balsa em Penedo (no máximo às 3 da tarde, para não correr o risco de pegar nenhum trecho depois de escurecer), pegar o hotel no Xingó, dormir cedo. No dia 4, acordar cedão e fazer tudo o que você tem direito -- cânion, museu de arqueologia, gruta de Angicos, Piranhas. No dia 5, se você sair cedinho, ainda vai conseguir esticar as pernas na orla de Aracaju antes de ir ao aeroporto e devolver o carro...

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Diogo, que tal uma conVnVenção prá comemorar ??
Sabes que eu sou pé quente smile
( que ousadia hem ?)

Arthur
ArthurPermalinkResponder

Alex, não se hospede em Canindé, vai por mim... grin

Diogo
DiogoPermalinkResponder

Sylvia, não vou poder pois estou no Himlaia (conforme prometido) sad

Bjos, Diogo.

Alex
AlexPermalinkResponder

Valeu pela dica Riq. Mas de tudo que vc colocou, a cidade onde ficaria menos tempo seria Maceió. Não vale ficar muito tempo nessa cidade mesmo não? Um amigo bastante criterioso esteve lá um tempo atrás e disse que a cidade se resume a Ponta Verde. Que não há mais nada de interessante pra ver por lá.....como vc sugeriu ficar pouquíssimo tempo na cidade, creio que essa informação procede, não é? Quanto sua sugestão maluca, infelizmente não deve dar pois vou entregar o carro no final do 1°dia em Maceió. Mas parece ser bastante interessante...apesar de o amigo Arthur não indicar hospedagem em Canindé!

Alguém sabe de bons lugares para mergulho de batismo nessa região?

Ricardo Freire

Alex, eu adoro Maceió.

É uma ótima cidade para se fazer de base e explorar ao norte e ao sul -- digamos, de Carro Quebrado a Penedo, em quatro ou cinco passeios, voltando para aproveitar os ótimos restaurantes (Wanchako, Irmãs Rocha, Divina Gula, Canto da Boca, Takê, Maria vai com as ostras, as pizzas da Massarela, e até comida contemporânea no Corbu).

Me contaram de novidades no litoral norte -- um bar de praia chique na praia da Sereia chamado Mar Maravilha, uma pizzaria em Riacho Doce, e o projeto de um bar de praia em Ipioca (acho a praia mais linda da região, mas tem que sair da área de barzinhos e caminhar em direção ao resort d'Anatureza).

Enfim, apesar de ser apenas uma fachada cenográfica falsa de Ponta Verde a Jatiúca, Maceió tem muita coisa bacana. Mas com o tempo que você tem, e a necessidade de ficar quatro dias em Porto de Galinhas, não dá pra ficar mais do que duas noites. E você ainda bateu pé para gastar um dia inteiro pra ver Gunga e Francês, sorry... sad

Aproveite a estada prolongada em Porto de Galinhas e faça seu batismo por lá:
http://www.aicadiving.com.br/aica.php

Concordo com o Arthur que o hotel de Canindé é muito fraquinho. Mas a região tem muita coisa para ser vista e acho difícil que o bate-volta consiga dar conta de tudo...

Rosa
RosaPermalinkResponder

Alex, seu amigo criterioso está sendo radicalmente criterioso.
Se você pedir uma pesquisa aqui no blog para Maceió, talvez você, ou o seu amigo, mude os seus conceitos. Maceió é sensacional, tanto as praias urbanas, como as praias litoral norte e sul. Deus que tipo de gosto será esse do do seu amigo? Maceió não fica devendo nada a nenhum outro lugar do Nordeste ou que dirá do mundo... Eu amo MACEIÓ...

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Atenção: Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 23 de novembro.
Cancelar