By Sylvia: Egito pro Arnaldo

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Numa das caixas de comentário recentes, a Sylvia publicou um guia completo para organizar viagens ao Egito. O tipo de informação que não dá pra deixar só na caixa de comentários, não lol Republico aqui, para felicidade dos que googlarem no futuro.

O Arnaldo teve um insight com o post dos túneis na charada da sexta e pensou em usar umas milhas para dar uma conferida no Egito. Conversamos por aqui a respeito, e me dei conta de que a sugestão de utilizar um operador espanhol não permite que o casal use suas milhas até o destino final , e que adquirir um “pacote terrestre” alem de não estar de acordo com o "modus-viajandi" do casal, também complica por não termos como saber quem serão os companheiros de aventura .

Minha sugestão para o Arnaldo usar as milhas é chegar ao Cairo e se hospedar num hotel da Corniche el-Nil , às margens do Nilo e não muito distante das atrações . Muitos turistas preferem Gizé ou Heliópolis , que são bairros mais distantes e turísticos , mas eu recomendo ficar na cidade mesmo ou na ilha de Gezira.

Tem muitas opções de hotéis na Corniche el-Nil , dentre eles Hilton, Sheraton, Intercontinental. O trânsfer para o hotel deve ser reservado junto com as acomodações e, no momento da chegada , deve combinar com o concierge do hotel a contratação de um táxi com motorista que fale inglês para realizar os passeios na cidade do Cairo e arredores.

Este carro fica disponível durante todo o dia , e é interessante programar o roteiro básico com antecedência e entregar uma cópia para o motorista no dia anterior. O custo deste serviço deve ser inferior a cem dólares por dia, combustível incluído (para distâncias maiores deve haver um acréscimo) .

Do Cairo para um cruzeiro pelo Nilo temos duas opções :

Voar com a Egypt Air ( tem varios vôos por dia ) para Assuã ou para Lúxor e iniciar o cruzeiro em um destes dois pontos. Iniciando em Assuã os barcos vão descer o Nilo até Lúxor . Iniciando em Lúxor, vão subir o Nilo até Assuã. Optar por um ou outro será mais em função dos horários e conveniência dos vôos de volta para o Cairo . (É bom lembrar que os voos de Lúxor para o Cairo habitualmente atrasam mais do que os originados em Assuã.)

No site da Egyptair  encontrei em datas aleatórias vôos do Cairo para Assuã no início da tarde (1 hora de vôo) e de Lúxor para o Cairo (1 hora de vôo) no fim do dia por 430 dólares para duas pessoas.

Os cruzeiros pelo Nilo tem durações que variam de 3 a 5 noites , e os mais diversos tipos de embarcações são utilizadas; escolher e acertar a escolha exige paciência, talento ( e dinheiro ) ) Pesquisei rapidamente e creio que este navio aqui, o Oberoi Philae
é a melhor das opções disponíveis. É importante observar aqui que estes "barcos-navio” têm um aspecto externo mais parecido com os que navegam no nosso Rio São Francisco
do que com os que deslizam pelo Caribe ou pela nossa costa no verão. Como o rio Nilo é estreito em muitos pontos , os navios-barco atracam um ao lado do outro, e é preciso passar por dentro de muitos barcos para poder descer e subir do píer. Isso é muito divertido pois a gente vai dormir com o barco atracado direto no pier e quando acorda ele pode estar em qualquer outra posição!

Os programas em terra ao longo do Nilo são sempre os mesmos, para qualquer navio , as diferenças serão em relação ao transporte utilizado e local onde serão realizadas as refeições (sempre em hotéis). Recomendo um mínimo de 4 noites neste trajeto para que o Vale dos Reis tenha um número grande de horas disponível para visitação. Nos links abaixo , opções para cruzeiro e opiniões de viajantes:

http://touregypt.net/egyptnilecruises.htm

http://www.molon.de/travelogues/Egypt/2003/

http://www.travelpod.com/travel-blog-entries/vinkor/vinkor/1143212280/tpod.html

Os “musts ” eu não vou enumerar aqui pois tem em qualquer guia, mas desejo lembrar que a programação terrestre dos navios é a mesma para todos, o que varia é a forma de transporte e os locais de refeições (que são sempre em hotéis, mais ou menos estrelados).
Os programas de 4 noites e 5 dias são mais light, menos corridos , e disponibilizam um maior número de horas no Vale dos Reis. (Nestes navios também tem jantar do comandante e festa a fantasia ( )

Se tiver italianos no navio, é diversão garantida !!! (eles adoram usar as toalhas de banho para inventar fantasias e a gente rola de rir !!!)

No más… bem , é imprescindivel reestudar historia do Egito antigo, senão a gente perde o melhor )

Quanto à bagagem no navio : deve ser mínima pois os espaços são reduzidos... pensando nisso eu fiz assim: levei de casa , já pronto e ensacado, um “kit” para cada dia e dois para
a noite. Não precisava nem pensar : abria o kit e usava. A maioria dos passageiros passava o dia surtada atrás de uma lavanderia (!?) e desesperada por ter transpirado muito e não ter mais o que usar  -- no último dia vários tiveram que descer do navio com roupas
de noite (a do jantar do comandante).

Importante: o ar condicionado no navio e nos hotéis costuma ser geladíssimo (muitos adoecem), então: agasalhos sempre à mão!

Egiptólogos são bem vindos para contribuições histórico-arqueológicas !!!

(Sylvia Lemos, especial para o Viaje na Viagem)

79 comentários

Carla
CarlaPermalinkResponder

Uau, obrigada aos dois! À Sylvia, por montar esse guia super completo e cheio de dicas quentes; e ao Riq, por abrir esse espaço à tripulação e por facilitar a nossa vida no futuro, quando precisarmos encontrar a informação... wink

GiraMundo com Jorge Bernardes

Ontem, nós fomos jantar na casa de amigos e eles comentavam que queriam ir ao Egito... Aí eu soltei que eles precisavam ler as coisas que eu andava lendo aqui no VNV... tá tudo aqui...

Paulo
PauloPermalinkResponder

Olá Sylvia, Riq

Gostaria muito de uma ajuda de vocês, estou indo a Europa por Paris e retorno por Milão. Serão 18 dias de viagem. Na Itália, a idéia é chegar 1o. em Roma ( via área provavelmente ) e subir ( Roma - Firenze - Veneza - Milão ). Mas não sei o que fazer ainda de Paris, se vou a Bégica e Holanda, ou se vou a Suiça... enfim, vocês podem me ajudar? abs

Carmen
CarmenPermalinkResponder

Sylvia, qué bom!. É um texto consciencioso, muito meticuloso e também divertido!!!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Carmen :
Uma ótima viagem para ti !
Manda noticias lol

Paulo:
Quando olhei na caixa de comentarios achei que poderia ser o meu
irmão lol

O comandante vai poder te responder com uma outra ideia , mas com
dezoito dias, indo por Paris e voltando por Milão vais poder fazer
um roteiro super bom!
Tens uma grande quantidade de sugestões aqui no blog para pensar
e poderes escolher o que te atrai mais.
Dá uma lida em todos os comentarios :
http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/06/24/7-dias-na-italia-chegando-e-saindo-por-milao/

http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/06/24/conexao-milao/

http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/04/22/italia-pra-aluna-da-carla/

http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/02/05/vai-fazer-uma-grande-viagem-de-trem-pela-europa/

http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/04/21/a-primeira-viagem-a-europa/

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Eu acho que vou usar aqui o povo então.
Vou pro JP em dezembro, chego por Nagoya e fico em Hamamatsu.
Serão 15, talvez 20 dias, ainda tá dependendo das minhas férias.
Alguém conhece a região? O que tem de bom, perto ou até 4h de carro ou de trem, para visitar?

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Vale lembrar que estará frio pacas, eu chego dia 16/12 e volto dia 3/01.
Então nada de grandes caminhadas ao ar livre por muito tempo, ok?

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Para complementar o assunto cruzeiro no Nilo , uma
lista dos melhores barcos utilizados :

MS/ Philae
M/s Crown Jubilee
M/S Triton
M/S Sonesta the moon goddess
M/S Sun Ray
M/S Royal Rhapsody boat
M/S The Regency
M/S The Royale
M/S Sonesta the sun goddess
M/S Radamiss 1 & 2
M/S Abercrombie sun boats
M/S Alexander the great
M/S The crown princess
M/S The MS / presidential Nile cruises
M/S Nile ruby 2
M/S Royal orchid

Mais info em http://www.ask-aladdin.com/cruisetips.htm
Leia as obs no link acima antes de comprar ( segurança, pagamento,
vestuario, gorjetas, alimentação e PROGRAMAS EM TERRA )
Neste link tb um bom resumo das atrações ao longo do roteiro
com mapas e historia resumida, alem de info gerais sb o Egito .

Ricardo Freire

Mô, nunca tinha ouvido falar dessa cidade.

Mas segundo a Wikipedia Travel, http://wikitravel.org/en/Hamamatsu , Hamamatsu está na linha do trem-bala, a 1h30 de Tóquio e 1h45 de Kyoto.

Eu investiria num Japan Rail Pass de 14 dias (365 dólares na segunda classe) e saracotearia pra cima e pra baixo.

http://www.japan-guide.com/e/e2361.html

Esse site, o Japan Guide, http://www.japan-guide.com , é o melhor site de preparação de viagem a um país que eu conheço. Ele é todo hiperlinkado, e você sempre acaba descobrindo mais do que estava procurando...

Além de Tóquio e Kyoto eu fui a Hakone (recomendo!!!), Nikko (bacana), Takayama (meio longinho; não sei se recomendaria) e Koyasan (adorei, mas só vale se você dormir num mosteiro).

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Eu vou lá pra visitar uns amigos, então praticamente ficarei em Hamamatsu.
Pensei no trem bala, mas não sei se usarei tudo isso, Riq. Como eles moram lá, tem carro, é provável que façamos muitas coisas assim.
Pensei em ficar uns 2 dias em Tóquio, indo cedo e voltando no outro dia a noite.
Até agora só programei: a Disney, o aquário em Nagoya, Tóquio, o Fuji e o show do Cirque de Soleil em Nagoya, que é no dia que chegarei e que torço para não haver atrasos no vôo.
Eu e a minha mania de fazer viagens correndo, independente da quantidade de dias que fico... grin
Obrigada pelos links, eu vou fuçar tudo por lá!

Ricardo Freire

Mô, lá na página da Wikitravel diz que a passagem tanto para Tóquio quanto para Kyoto sai 65 dólares (mas não falou se era ida ou ida e volta). Investiga com os teus amigos.

O passe de 7 dias custa 230 dólares e pode ser um bom investimento para a última semana (o chato insistente).
:roll:

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Hum, acho que vc me convenceu! grin
7 dias eu acho que usarei, com certeza. Tava achando 14 muito...

Ricardo Freire

Mas são sete dias consecutivos, visse? (E tem que comprar antes de sair do Burajiru.)

Arnaldo - FATOS & FOTOS de Viagens

Riq e Sylvia, eu já agradeci lá atraás, mas NÃO posso deixar de fazerisso novamente aqui, depois dessa matéria:

MUITO, muito grato ao Riq por abrir o espaço e à Sylvia pelo trabalhão que resultou num belo conjunto de informações que serão exploradas por mim para programar minhas viagens ano que vem.

Sylvia, eu creio, em princípio, que dá pra usar minhas milhas pegando duas Rio Milão Rio e de lá, escolher um destino pela ALITALIA para, por outra cia., ir ao Cairo. Tenho tempo pra pesquisar e o mais importante agora é guardar esse verdadeiro MANUAL muito bem guardado e o ir consultando periodicamente.

De todo modo, foi utilíssimo e renovo meus agradecimentos.

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Riq, eu decidi.
Vou pra Nagoya, Hamamatsu, Fuji, Hiroshima, Osaka, Tokyo e Yokohama.
Ver o Cirque, as dunas de Nakatajima, o Sr. Fuji, Hiroshima que deve ser emocionante, Universal Studios, a cidade, o aquário e a Disney.
Tá bom, né? rs
Eles estão fazendo as contas para ver se compensa o treco do trem.
Obrigada! smile

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

PUXA, teremos uma viagem espetacular para ler no blog da Mô Gribel daqui a alguns meses... JAPÃO!

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

SYLVIA, o navio que vi do "pacote forfait" da operadora Queensberry (nas categorias de hotéis 4 e 5 estrelas) é justamente o M/S Alexander the Great, o qual achei bastante bom pelas fotos que andei vendo e resenhas que andei lendo. Só não vi nenhuma referência quanto à questão da bagagem (e até que achei o espaço da cabine superios à média das cabines dos poucos navios de cruzeiro que conheci).

O talvez único ponto que tenha ficado obscuro pra mim foi o "bate-e-volta"a Abu Simbel, isto é, se terei - segundo aquele programa - tempo livre suficiente para ir a Abu Simbel e, além disso, de ONDE sai o vôo para lá.

Um dos programas consultados e que contempla um cruzeiro de 4 noites pelo Nilo (no M/S Alexander The Great),inclui, resumidamente, os principais pontos históricos e turísticos no Egito, iniciando inicia pelo Cairo, cujo cruzeiro de 4 dias (como recomendado por vc) pelo Rio Nilo, indo a Luxor e o vale dos Reis; Edfu (Templo de Horus); Kom Ombo (Templo e represa de Assuã e o Templo de Philae).

O link do roteiro está a seguir, para eu explorar você ainda mais e contar com suas críticas e sugestões a ele

http://www.queensberry.com.br/(S(vi14pu55tsk1ffnwptcunl45))/exibe_roteiro.aspx?idrot=175&titulo=África:%20África%20do%20Norte#null

Obrigado Riq e Sylvia

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Arnaldo, logo que der vou olhar o link.
Mas sabes, eu estava pensando em não ires com pacote nenhum mesmo.
Pensei em comprares o hotel que mais te agrada, tratares transporte
para os dias do Cairo.
E sem pacote, ires do Cairo para Assuan , com um dia inteiro free para Abu Simbel e outros lerês com calma e de lá embarcares no cruzeiro
até Luxor . smile
Ninguem inclui o bate-volta para a Abu , mas vendem lá mesmo ( ou pela
internet , vou ver...) . O bom é sair bem cedinho e deixar a tarde em
Assuan para navegar de feluca pelo Nilo e curtir a vista do Old Catarat
( imaginando a Agatha por ali escrevendo seus mistérios ).
As duas melhores coisas do roteiro que são Abu e Feluca não estão em
nenhum pacote sad

Paulo Torres
Paulo TorresPermalinkResponder

Sylvinha:

Infelizmente o "Paulo" que está indo a Europa (Post do dia 8/jul) nao sou eu. Mas deu pra ver que teu site está badaladissimo e delicioso. Parabens!

By the way, lembrei de nosso encontro em Praha... Bem que podias escrever algo sobre esta viagem.

Beijos do teu mano.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Brother , delicia te ver por aqui !
Bom, o site é do comandante Riq lol , mas é certo ,nós aqui tripulantes
nos sentimos na nossa casa .
Coloca o link ai nos teus favoritos e na hora do cafézinho ( tem isso ai
na América?) dá uma passada por aqui que vais a-do-rar ( e nós tb).
Quando surgir uma oportunidade , conto do nosso encontro "ao acaso"
em Praga lol

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Arnaldo, não sei se ficou claro, o voo bate-volta para Abu Simbel
sai de Assuan , e quem vai de pacote abre mão dos tours de Assuan
para fazer isto; então o melhor mesmo é ter um dia a mais por lá .

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

OK, Sylvia, grato novamente pela gentileza. Terei que pesquisar melhor se vale a pena ir por conta (em termos de preços e redução de trabalho e aborrecimentos) qual modalidade é melhor: se a sugerida por você ou a imaginada por mim (pacote já inculindo os trechos aéreos internos, hospedagem e cruzeiro). Claro que até lá eu teria analizado a tempo como fazer pra o "bate-e-volta" a Abu Simbel. Quanto ao passeio de felucas, já li nos programas dos cruzeiros que isso é facinho facinho de fazer e que há um dia em que esse programa está previsto, ainda que não incluído no pacote.

O importante é que eu já consegui ter uma visão bem ampla e geral do "Egito" (turisticamente falando) e verifiquei, numa rápida olhadela, que há um gigantesco volume de informações na internet em português e outros idiomas, fotografias e dicas, relatos e resenhas, specialmente sobre egiptologia, algop que é mesmo necessário dar uma estudadinha, pra não ficarmos boiando tanto.

Eu estou estudando e avaliando minhas viagens para 2008 e a para o Egito é a primeira já decidida por mim e minha mulher. As demais estão na "prateleira dos sonhos de consumo turísticos" (como Tahiti, por exemplo).

Há tempo para programar, sendo que a única questão mais importante definir ao menos conceitualmente é o fato de que terei que gastar todas as minhas milhas ALITALIA até julho de 2008, que todavia AINDA precisam ser voadas, mesmo que compradas e pagas, porque as viagens de Agosto/2007 (Dubai e Istambul) e de Outubro/2007 (Bangkok e Congapura) serão voadas por esta cia. e eles só creditam as milhas após voadas (mesmo que já tenham sido pagas).

Essa questão de milhagem também vai deetrminar uma viagem aos Estados Unidos, porque aidna que não estejam expirando as minhas da American Airlines, eu pretendo fazer algum roteiro interno pelos USA no ano que vem (provavelmente em agosto ou setembro) de carro polo Oeste americano (Colorado, Arizona e Utah).

Como eu procuro programar minahs viagens com antecedência, de maneira a que quando eu for efetivamente realizar a viagem já tenha pago grande parte dos custos (ao menos a parte aérea), essas duas viagens próximas (Agosto e Outubro) já estão inteiramente pagas, porque o parcelamento das passagens terminou agora. Bom, né?

Paulo Torres
Paulo TorresPermalinkResponder

Combinado Mana! Vou ficar de olho, acompanhando de perto.

Parabens ao Cmd Riq pela inciativa e aos tripulantes pelas contribuições!

É assim que se constroi um mundo melhor!!

Bjaum direto dos USA

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Entendi Arnaldo . O que acho que deves pensar com carinho é sb
o pacote , sei não ... é arriscado virar um mico sad
Sendo chata e insistente , eu avaliaria as possibilidades de comprar
apenas o cruzeiro e num mega-barco lol
( O Cairo é super fácil , complicado é ao longo do Nilo )

GiraMundo com Jorge Bernardes

Arnaldo,

Vc já foi a Moscou? Que tal usar suas milhas lá? Ciente de que você gosta de combinar destinos diferentes na mesma viagem. Fiquei pensando se não seria uma boa idéia juntar Moscou com de repente alguns dias na Cote d'Azur onde vc poderia chegar facilmente a partir de Milão?

Se vc quiser ir para a Escandinávia, então aproveite as férias todas lá, porque tem muita, mas muita coisa para ver, sou louco para explorar a Noruega como se deve. Até hoje, não consegui fazer a viagem dos meus sonhos para a Escandinávia que deverá incluir o Cabo Norte, as Ilhas Lofoten e os lagos da Finlândia, mas vou comendo pelas beiradas quando estive em Copenhague e Estocolmo. São lindas e deliciosas cidades, mas tenho certeza de que o melhor da Escandinávia está nas belezas naturais do interior.

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

Não, GIRA. Mas Moscou e St. Petersburg estão na prateleira dos sonhos de consumo. Apenas estou privilegiando países que NÃO exigem visto de brasileiros, por uma questão meramente conceitual.

E Escandinávia também figura entre os destinos que imagino fazer em 2008/2009.

Eu tenho uma vontade grande de ver os fiordes, mas tenho que epsquisar bem como fazer isso sem ser por cruzeiros marítimos mais longos (que eu não curto, mas quando não tem outra alternativa, como no Egito, por exemplo, assumo fazer).

A Escandinávia é um destino que a gente rpecisa pesquisar legal, porque é relativamente pouco divulgado aqui. Mas hoje, em livros e revistas, além da Internet, é facílimo conhecermos bem profundamente os destinos.

Grato pelas sugestões, GIRA.

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

GIRA, sobre a Costa Azul da França, que já fiz há uns anos e simplesmente foi inesquecívil (um roteiro circular de carro saindo de Paris até Mônaco e retornando pela "Rota de Napoleão" de volta a Paris) é um roteiro que pretendo refazer um dia, assim, como Andaluzia, na Espanha.

Mas acho qeu fica uma viagem longa demais pra casar com Moscou e St. Petersburgo (pro meu ritmo e de minha mulher, que preferimos viagens com até 12 dias), já que só na França eu gastaria esses doze dias.

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Arnaldo, andei fuçando na rede uns pacotes para o Egito, pensando naquele esquema que te falei no outro post: eu teria um grupo para o basicão mas faria sempre que possível meus passeios por minha conta mesmo. Mas também ainda não decidi nada, estou só pesquisando trocentas opções possíveis. Achei um pacote da Soft Travel que parece o mais completo de todos que andei vendo e inclui também os vôos para Abu Simbel e o passeio por lá, já que tem 12 dias de viagem. Se te interessar, dá uma olhadinha em http://www.softtravel.com.br.

Mô, vou ficar esperando ansiosamente seus posts dessa mega viagem de final de ano! wink

GiraMundo com Jorge Bernardes

Ah sim, pensei em Costa Azul sem roteiro intermediário, sem vir de Paris. Só uns dias num lugarzinho pequeno, sem correria. Saindo de Milão que tá quase ali.

Saindo de Milão de carro, dá para fazer ótimas coisas, parar para comer umas trufas a preços justos e bom vinho em Alba, coisa rápida, achei Turim espetacular e deliciosa, mas sei que vc não aprecia muito a Itália, não insisto, eu entendo. smile

Eu devo ter um roteiro pela Noruega pronto numa planilha em casa, eu planejei para ir no ano passado em Julho, mas tive que mudar minhas férias para Outubro e aí já viu, frio demais....

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

MUITO legal, Mari, grato. Vou dar uma olhada no link e estudar, ok? Grato.

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

A Itália, GIRA, nÃo é um país que eu ame, mas não o detesto, é claro. Acho que muita coisa há pra se ver no país. Todavia, não me apeteceria dispensar um roteiro pela França (mais amplo) de carro, para vir de Milão. Mas isso são coisas que a gente vai tendo que estudar, repensar, reavaliar, na vida, quanto mais maduros ficamos: a seletivodade deve vir acompanhada da ponderação. Eu hoje sou muito mais receptivo a admitir destinos que eu já cheguei a definir que JAMAIS iria (Índia é um deles). Coisas da idade! Mas o que acontece é que entre a INTENÇÃO e o FATO há uma gigantesca distância a ser percorrida, isto é, entre o DESEJO de conhecer o mundo (e rever lugares já vistos) e o TEMPO e DINHEIRO disponíveis é ENORME! Portanto, TENHO que privilegiar os destinos que estão da "prateleira" como sonhos de consumo, entende?

De todo modo, sugestões, as mais loucas que possam parecer, serão bem-vindas, se forem sérias, porque eu de fato há anos quero evitar o circuito Elizabeth Ardem (Roma - Paris - Londres - Nova York) como DESTINO principal, admitindo-os como secundários, aquilo que chamo de "dobradinahs heterogêneas" que mencionei lá atrás...

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Vou explicar bem direitinho o que acontece no Rio Nilo :
1- Até onde sei , os "pacotes" que incluem Abu Simbel vão de onibus
e não de avião .( onibus não dá não ...)
2- Para curiosos ( não egiptólogos-historiadores-arqueologistas ) os
templos ao longo do Nilo são todos muito parecidos.
Excessões a Karnak- Templo de Luxor - Hatsepshut.
3-Não é recomendavel fazer por conta propria os trechos do Nilo pelas
"surpresas" ao longo do caminho ( transporte )
4- Assuan é pequena e fácil ,e atravessar o Nilo de feluca até o hotel
Old Catarat é programa melhor do que o Jardim Botanico.
5- O mais importante é a programação de Luxor , que a maioria dos
pacotes faz em um unico dia ( e que é super corrido , quase impossivel)
Para Vale dos Reis e Rainhas , Colossos, Hatsepshut , Karnak e Luxor
precisa no minimo um dia inteiro mais uma manhã ( o ideal são dois dias)

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

ANOTADÍSSIMO, Sylvia. Essas talvez tenham sido as dicas mais importantes de todas. Grato.

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

ótimas dicas mesmo, Sylvia. Bom pra gente avaliar o quanto vale a pena arriscar num pacote - ainda que esse Abu Simbel da Soft seja aéreo.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Bom isso Mari , muito bom !
Não deu ainda para olhar o link que enviaste , mas vou dar
uma espiada com óculos-críticos smile

Tati
TatiPermalinkResponder

Bom, pessoas, passei as ultimas ferias de janeiro no Egito e, se pudesse, voltava todos os anos!
Arnaldo la se vão as minhas dicas:
1- Se puder, vá em janeiro. De dia o clima é bastante agradavel, não faz aquele calor isuportavel do deserto. A noite faz bastante frio, mas nada que um bom casaco não resolva.
2- Comecei a viagem pelo Cairo. Fiquei por lá 4 dias, que foram suficientes. Me hospedei no Mena House, aos pes das piramides. As piramides são mesmo uma maravilha (não deixe de entrar em Queops, vale muito a pena!) O Museu do Barco, ao lado de Queops, é imperdivel! Um barco no meio do deserto é , no minimo, curioso... Saqqara também é muito bonita, e o templo ao lado da piramide é de deixar qualquer um de queixo caido. Na esfinge, se ligue aos detalhes do templo. São tão absurdos que até hoje não entendo como foram feitos. A mesquita de Mohhamed Ali é um programa tiristico, sem duvidas, mas é incrivelmente bonita por dentro. Aproveite para escutar a historia da religiao contada por eles mesmos. Confesso que me surpreendi! Dashur é bonita, mas não repetiria a visita. O Museu Egipcio é lindo. E a cidade do Cairo, o que é aquilo? Não deixe de visitar o centro e a periferia.
3- Do Cairo fui para Assuan pela Egypt Air e de lá para Luxor, num cruzeiro de 3 noites, no M/S Nile Ruby II. Em Assuan, não deixe de visitar o templo de Philae e tambem o Obelisco inacabado. A cidade é muito diferente de todas as outras, nova, projetada. Seguindo pelo Nilo, o templo de Kom Ombo vale uma visita a noite. Edfu e Esna são menores, e estão enterrados no meio da cidade.
4- O MS Nile Ruby II é muito bonito, e servia cafe da manha e jantar. as cabines eram grandes, espaçosas e o banheiro muito bom para um navio. O terraço contava com uma piscina e academia, alem de um bar. Reserve uma noite para ver o ceu, voce nao vai achar outro igual!
5- Em Luxor, me hospedei no Le Meridien, que é excelente. Fica nas margens do Nilo, perto do centro. Va de charretes ate o Souk. Alem de conhecer a cidade, voce vai se divertir com o comercio local!
Reserve um dia inteiro para o templo de Karnak. É muito grande e cheio de detalhes imperdiveis! Va ao templo de Luxor a noite, é bem mais bonito. E, se possivel, não deixe de assitir ao espetaculo de luzes a noite no templo de Karnak. Va tambem ao templo de Dendera. É fora da cidade, uns 40 minutos de onibus. A viagem é organizada pela policia local, que escolta todos os onibus. Sao duas saidas, de manha e a tarde. Va pela manha! Faça um passeio de feluca no final da tarde, aproveitando para ver o por do sol no Nilo. É simplesmente incrivel!
6- No Vale dos Reis visitei quatro tumbas. Confesso que me decepcionei com a Tut-Ank-Amon. No Vale das Rainhas, a tumba de Nefertiti está fechada. Pena... Amei o templo de Hatshepsut. É diferente de todos os outros. E as inscrições estã bem conservadas na parte inferior do templo. No Colosso, se voce der sorte e estiver ventando, vai se surpreender!

É isso... Boa viagem! E aproveite bastante!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Ótimas essas dicas fresquinhas Tati smile
Pelo que vi , alem do cruzeiro ficastes mais um dia em Luxor!
Mari, passei lá no link e vi que só o cruzeiro de 13 dias com o lago é que inclui Abu .. mas não sei nada a respeito dos passeios no lago , e confesso
que nunca ouvi falar.
Bom pesquisar para ver se vale .

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

TATI, maravilhosas dicas, mais do que isso, depoimento, impressões de viagem! Estava pensando, em princípio, em março, porque ainda é temperatura boa e não pego o frio de Milão.

Só não ficou claro, no completíssimo guia seu, se vc. foi por conta própria ou se comprou algum pacote-forfait aqui no Brasil ou de alguma operadora européia. Se não for muito abuso, adoraria que me desse dicas nesse sentido, complementando as já perfeitas da SYLVIA.

Muitíssimo obrigado.

Tati
TatiPermalinkResponder

Mais dicas Arnaldo!
Atraves de uma agencia de uma amiga em São Paulo, a Grandtour, montei o roteiro com o que mais me interessava em parceria com uma operadora de turismo egipcia (esqueci o nome...) Ja sai daqui com tudo acertado: hospedagem, guias, traslados... Foi super organizado, não tive problema com absolutamente nada.
Como fui em janeiro, e também por Milão, peguei bastante frio na Italia, mas acho que compensa pelo clima no Egito. Apesar de março ainda não ser verão, pode estar bem quente no deserto. Eu detesto calor, então não arriscaria!
Qualquer outra dica, é só pedir! Sera um prazer ajudar!

Arnaldo (FATOS & FOTOS de Viagens)

TATI, muito grato, novamente, pela rapidez e presteza com que me respondeu. Tá tudo claro, sem dúvidas. Abraços.

Rodrigo Purisch

Mô Gribel,

Outra vantagem do Japan Rail Pass é que com ele você pode usar o trem que liga o aerporto a cidade, pode usar uma linha de trem que circunda Tóquio (JR Line) e pode usa-lo no ferry que leva a Miyagima (ilha próxima a Hiroshima). Outra vantagem é que com ele você entra e sai das estações de trem sem se preocupar se está saindo pela saída correta. Errou? É so voltar e procurar a saída correta.

De Shinkansen (trem bala) você vai para onde desejar em muito pouco tempo.

Hamamatsu, pelo que sei, é entupida de brasileiros, pena que nós não somos tão bem vistos pôr essas bandas..

Kyoto e Nara são super atrações, mas no frio não sei como deve ser conhecer essas cidades. Grande parte da minha visita foi a pé.

Se precisar de hotel simples, limpo e barato (50 a 70 dólares quarto para 2, quarto para um é bem mais barato), tente a rede Toyoko Inn. Atenção, os hoteis fecham das 10 ás 16 horas para limpeza. Mas nesses horários eu estou na rua.

Quanto aos guias de viagem, esse guia online que o Riq citou não é bom, é ótimo! Tenho um Lonely Planet Japan, mas achei ele fraco. Consulte o Frommers que é um pouco melhor.

GiraMundo com Jorge Bernardes

Eu também achei essas dicas da Tati nota dez. Mas afinal, ela não foi ao Abu, certo? Isso é imperdível, correto?

Tati
TatiPermalinkResponder

Jorge é verdade! Eu não fui. Falha minha, mas pretendo voltar no proximo ano e, com certeza, vou visitar Abu Simbel!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Eu acho imperdivel mesmo Jorge e Tati , mas é uma opinião pessoal smile
A verdade é que é um sonho de infancia, pois passei uma boa parte
dela folheando as revistas Life , que tinham fotos maravilhosas e
gigantes ( para os padrões da época ) e a National Geografic .
Então acompanhei , sonhadora, o transporte de Abu Simbel pelas fotos
e textos e fiquei muito impressionada com a logistica e o trabalho monumental .Para quem não sabe, o complexo foi totalmente deslocado
para uma distancia de 400m do local original quando foi construida a barragem .
Sempre sonhei com Abu , e fui ao Egito para isto .
http://www.2neatmagazines.com/life/1965cover.html
( 29 out 1965)

GiraMundo com Jorge Bernardes

Sylvia

smile
smile
smile

Linda capa!

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Tati, também me aproveitei de todas suas dicas!!! smile Muchas gracias! Sylvia, pensei a mesma coisa que vc: esse pacote dos 13 dias, que parece o mais legal, tem essa história do lago, que poucos lugares citam. Não sei se vale a pena. Estou dando uma fuçada em várias operadoras espanholas, porque ali eu acho que deve ter programas mais legais - e os espanhóis são divertidos, boas companhias para viagens! wink Arnaldo, vamos continuar trocando informações, ok?

Arnaldo - FATOS & FOTOS de Viagens

OK, Mari, com prazer. Vou pesquisar também operadoras espanholas com pacotes parao Egito e se encontrar algo, escrevo aqui.

Camila
CamilaPermalinkResponder

Se for ao Egito nao se esqueca de Sharm-el-Shaikh. A Ibiza deles...

ana maria
ana mariaPermalinkResponder

Oi Silvia!
Vou para o Egito no final de abril.Como estara o tempo por lá?
Gostaria de levar roupas que não façam volume pois faremos várias paradas.Será necessário roupas de frio?
Agradeço desde já

Fê Costta
Fê CosttaPermalinkResponder

Acrescentando a dica da Sylvia, dá para conciliar Egito com alguns países aqui nas proximidades, ficando muito barato através de low cost. Veja as dicas:

Dubai: pela Air Arabia (http://www.airarabia.com) a passagem de ida e volta fica em média USD 350
Grécia: com a Aegean Airlines (http://www.aegeanair.com) a passagem ida e volta para Athenas fica em média 140 euros
No próprio Egito: a low cost árabe www.gulfair.com e www.jazeerairways fazem vôos para Sharm el Sheik e Hurgharda, no litoral do Mar Vermelho, simplesmente lindíssimo!!

Bom passeio!!

Fê Costta - viaggiomondo

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar