Mendoza e Santiago pro Thiago

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Pescado da caixa de comentários:

Estou precisando de ajuda pra montar um roteirinho básico para Santiago e Mendoza com foco nas vinícolas. Qualquer sugestão é muito bem vinda (hospedagem, melhores vinícolas para visitar, locação de carro e principalmente onde comer e beber bem). Desde já muitíssimo obrigado.

Vamos ajudar o Thiago?

115 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Sobre o Chile:

http://www.rutadelvino.cl (Vale do Colchagua)

http://idasevindas.wordpress.com/dicas-do-chile-do-atacama-aos-lagos-andinos/

http://brenob.wordpress.com/tag/santiago/

http://destemperados.blogspot.com/search/label/Comer%20no%20Chile%20e%20Argentina

http://agoravai.wordpress.com/2007/05/13/atacama-full-style-final-santiago-e-dicas/

Amanhã ou depois vou postar um postão completo dos Destemperados sobre o Chile.

Dei uma busca de Mendoza nos comentários e não achei muita coisa.

Duas leitoras sugeriram este site:

http://www.vinesofmendoza.com

Mari Campos
Mari CamposPermalink

ô, Riq, eu sei que não é legal desvirtuar a caixa de comentários, mas cadê o post emocionado dos seis meses do VnV? lol lol lol

Mari Campos
Mari CamposPermalink

Thiago, Mendoza eu não conheço ainda, e em Santiago eu só fiz a Concha y Toro (adoro o Casillero!!!). O tour é ótimo, e dá pra fazer fácil com transporte público, porque o microônibus pára em frente da entrada da vinícola na ida e na volta. Eu me hospedei no Principado quando fui pra lá, que é bem simples mas com uma localização bem legal - mas isso foi em fevereiro de 2005... Quem pode te dar dicas bem fresquinhas são os Destemperados.

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Mari, só vou conseguir fazer de noite... o lerê tá brabo...

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

E a coluna dos "comentários recentes", que travou?!?!

Eles foram inventar de inserir os avatares e o sistema deve ter ficado lento em âmbito interplanetário.

O pior é que, com tão poucos usuários com avatar, a coluna fica feeeeia...

Sylvia
SylviaPermalink

Agora ficou bom, sem avatar e com zilhões de ultimos coments !

Mari Campos
Mari CamposPermalink

é, né? preciso criar o meu avatar, eu sei....

Sylvia
SylviaPermalink

Não dá para colocar os nomes dos tripulantes numa cor diferente do nome
do post ? Ficaria mais claro e fácil, pois aquela cor azul embaralha sad
( só não pode cada um querer escolher uma cor né? :lolsmile

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Fui lá, mas não dá pra mexer, não. Tudo que é em azul significa link (para o comentário ou para a página do comentarista, quando ele tem página). Essa cor não dá pra mudar...

Marcio
MarcioPermalink

Riq e Thiago, vou passar essa.

O Chile ainda está na minha lista.

Abs!

sandra
sandraPermalink

Tiago,

Eu vou pro chile agora no fim de julho e acredite, pesquisei bastante!

Decidimos ficar uns dias em Santiago, alugar um carro e passar uns poucos em Santa Cruz, no Valle do Colchagua, e depois vamos esquiar, o que meu marido e amigos queriam desde o começo.

Perto de Santiago, há várias vinícolas, mas optamos pelas do Valle do Colchagua, para fazer algo no estilo do filme "Sideways", sabe?
Exitem vááárias vinícolas por lá e pesquisei bastante antes de escolher estas... Naveguei inclusive pelos sites indicados aí por Freire, muitos deles obtidos aqui no blog (destemperados, blog do breno, etc, etc).

Faremos o tur pelas Viñas Montes e Lapostolle e vamos almoçar nos restaurantes das Viñas Silva e Manent, reservamos quase tudo pelo site do Vale. O restaurante da Viña Silva foi bem elogiado numa das edições da revista Gula. Já o da Manent, li a respeito, dentre outros, no blog http://15-minutos.blogspot.com/2006/09/santa-cruz-vale-de-colchagua.html

NO site http://www.crisberger.com/portfolio.asp?id=7 tem uma matéria legal e as fotos tb estão lindas.

Checa o BLOG http://oglobo.globo.com/blogs/bordo/
Está muito legal, várias coisas interessantes em Santiago e a viagem é bem recente!

Tem tb uma matéria publicada na revista Viagem e Turismo Ed. 117 - 01/07/2005, disponível na net, sobre vinícolas mais próximas a Santiago.

Alguns amigos me passaram dicas que considero bem interessantes tb e estou contando as horas para testar!

Um deles, que mora em santiago, sugeriu:

"entre os lugares mais legais/retro que fui por aqui estao o boulevard lavaud (uma antiga peluqueria francesa transformada em cafe/bar/restaurante - comida excelente, a precos acessiveis) e o berri (cafe/bar no mesmo estilo da peluqueria). o bairro mais alternativo pra se sair em santiago eh o de bellavista (especialmente na parte de lastarria), outra opcao sao os barzinhos perto da estacao de metro manuel montt.

ouvi falar de um bar bem pe-de-chinelo (perto da estacao central), mas adorado por todos q visitam a cidade, chamado la piojera. nunca fui nao mas ...

bom, aqui vao os enderecos dos lugares q recomendo:

Boulevard Lavaud/Peluqueria Francesa - Compañia de Jesus 2789, esquina con Libertad
http://www.boulevardlavaud.cl/

Berri - Rosal 321 Barrio Lastarria

El Diablito - Merced 336
http://www.eldiablito.cl/

Opera/Catedral - Merced 395, esquina José Miguel de la Barra
http://www.chile.com/tpl/lugar/lugar.tpl?codigo=4876

La Piojera - Aillavilu 1030 - Frente al Mercado Central, Salida Puente Estacion Cal y Canto
http://www.lapiojera.cl/index.php".

É ISTO.

Bjs

Sandra

Sylvia
SylviaPermalink

Noossa Sandra !!
MELHOR IMPOSSIVEL - PARABÉNS lol

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

A matéria da V&T que a Sandra mencionou, do Airton Seligman, sobre o vale do Maipo:
http://viajeaqui.abril.com.br/indices/edicoes/117/exterior/conteudo_77200.shtml

Outra matéria recente da V&T, da Cláudia Carmello, sobre Mendoza:
http://viajeaqui.abril.com.br/indices/edicoes/137/exterior/conteudo_215003.shtml

Thiago Parente
Thiago ParentePermalink

Caramba Sandra!!! Sabia que aqui no VnV nao iria falhar. Esqueci de mencionar o período, que será na segunda quinzena de janeiro.

Ana_BSB
Ana_BSBPermalink

Thiago,
Já ouvi falar muito bem do Hotel Vila Franca em Santiago, algo simples, mas com charme e diárias a US$ 70,00 http://www.chile-travel.com/hotel-vilafranca/ . Quanto a Mendoza, fiz o trajeto de ônibus desde Santiago e recomendo: paisagens lindas! A Turbus deve ser a melhor empresa e os preços não são os mais caros: www.turbus.cl . Ainda em Santiago, não deixe de conhecer o mercado municipal, principalmente o restaurante Donde Augusto, muito recomendado também! Como disse a Mari, o tour pela Concha y Toro não tem erro: você pega o metrô até uma estação no subúrbio e depois pode seguir de ônibus de linha mesmo (ou de van, que eu não conhecia), que te deixa na frente da vinicola. O tour custa uns US$ 12,00 e a taça fica de brinde! Boa viagem!

Eduardo Luz
Eduardo LuzPermalink

Tiago, pelo visto voce gosta de vinhos e está indo pros lugares certos.
Em Santiago, visite a manjada mas imperdível Concha y Toro pois no tour voce saberá a estória (história?) do Casillero del Diablo, terá uma desgustação informativa muito boa e, com sorte, encontrará algum Almaviva a U$ 70,00 além de poder trazer os copos de cristal que estão inclusos no preço ( é quase um berimbau mas se chegar aqui sem quebrar é um excelente troféu!). Fomos ( eu e minha esposa) também a Santa Rita onde o tour é mais tradicional mas o restaurante é muito bom. Se voce gosta de vinhos brancos, aproveite o lerê até Vina del Mar e Valparaiso ( que são excelentes pra comer frutos do mar) e dê uma parada no Vale de Casablanca ,que fica entre Santiago e litoral e que tem o terroir indicado pra chadornnays, sauvigon blancs e etc. No mais é comer no Donde Augusto ( no mercado municipal que é turístico mas obrigatório) e no Aqui Está Coco onde além da comida ser excelente,voce pode trazer o menu pra casa.

Carla
CarlaPermalink

Thiago, no início do ano passado eu aluguei um carro na United Rent a Car de Santiago. Na época eles tinham o melhor preço e entregaram e buscaram o carro no meu hotel sem custo adicional. Não tenho o email deles à mão, mas é só dar uma googladinha que você encontra. O telefone é (56 2) 236-1483 ou 1485.

Se você puder escolher, fique hospedado em Providencia. O bairro é super gostoso, bem residencial mas com algum comércio nas avenidas principais e muito bem servido pelo metrô. O táxi em Santiago não é tão barato quanto em Buenos Aires...

A Avenida Suecia pode ser uma baita armadilha, mas tem um pub que vale a pena os dribles que você precisa dar naquele povo que fica buscando turistas para entrar nos outros restaurantes: o Corner Pub Brannigan's. O lugar é lindinho e uma delícia, vale experimentar! Ainda em Providencia, não perca o Aqui Está Coco, simplesmente fantástico!!! Tive uma ótima referência do Puerto Mariscos, mas esse não cheguei a experimentar - se você for testar, depois me conta, tá? No Mercado Central, vale experimentar outros restaurantes menos badalados que o Donde Augusto também, e tirar suas próprias conclusões... Infelizmente não me lembro o nome do restaurante onde fui, mas me parece que o Donde Augusto está se fiando na fama e se perdendo um pouco...

Em relação às vinícolas, também só visitei a Concha y Toro, e recomendo muitíssimo! Se você estiver buscando vinícolas na própria Santiago, tente também a Cousiño Macul e a Undurraga, que ficam na cidade mesmo.

De resto, não deixe de fazer um passeio a Isla Negra para conhecer o Museo Pablo Neruda - o lugar é belíssimo!!!

Eduardo Luz
Eduardo LuzPermalink

E em Mendoza (estivemos lá em nov/06) fiz um pequeno roteiro com 6 vinícolas ( 3 por dia):
1 - Finca Flichman : que tem um tour tradicional e bastante informativo com degustações incluídas
2 - Finca La Linda : uma vinícola bastante popular e com um museu sobre a história do vinho bastante interessante.
3 - Família Zuccardi : esta é imperdível. O tour é espetacular,passando pela linha de produção e voce pode experimentar vinhos diretamente dos barris e com explicações sobre como se chegou ao corte. E além disso, a loja também é excelente e o restaurante é melhor ainda.
4 - Norton : vinícola grande e conhecida com um tour em que carrinhos de golfe te levam até as videiras pra explicação sobre todo o processo de crescimento das uvas.
5 - Catena Zapata : a construção é em formato de pirâmide e somente o lugar já valeria a visita como se ela não fosse a incomparável Catena Zapata.
6 - Ruca Malen : uma vinícola artesanal ( boutique) com um restaurante bastante charmoso.
No setor comida, além dos restaurantes das vinícolas, vá ao 1884 (caro mas um Francis Mallmann bem argentino) e ao Almacen del Sur onde o almoço degustação e a demonstração de como eles processam todos os alimentos valem a pena.
E é lógico que carro nem pensar com tudo isto de vinho que foi bebido. Separe um dia pra alugar um carro e conhecer os arredores, montanhas, parques e olhar ( só olhar!) as outras centenas de fincas.

Carla
CarlaPermalink

Ah, já ia esquecendo: o bairro Londres-Paris, no centro de Santiago, na esquina da rua Londres com a rua Paris, é pouco visitado pelos turistas, mas é uma pérola - as ruas e construções foram preservadas como eram no início do século XX, um primor!

sandra
sandraPermalink

Pois é pessoal, agora, não vejo a hora de conhecer ao vivo todo o meu "arquivo"! Dia 16, saio daqui do Recife rumo a Santiago... só que (e que medo) passando por guarulhos... mas espero que seja mesmo só "pasando" e bem rápido! smilesmile

Parece que o Mercado, ou melhor, o restaurante Donde Augusto, é um ponto controvertido em Santiago...

Conheço algumas pessoas e li nestes tantos blogs de outras que era meio sem graça... Segundo Miguel, um amigo meu, é aquilo, "muito turístico, caro, e a comida do restaurante famoso, Donde Augusto, (qdo ele foi) tava muito fraca (mas) vale a pena para dizer que foi. Pelo menos dá para tomar um chop e beliscar alguns frutos do mar".

Bem, de qlq forma, acho que não dá p/ não passsar pelo mercado e, de repente, um chopp, que é que um chop é sempre uma boa idéia!

Fora isto, lembro bem que muita gente boa disse que a "rua suécia" é roubada! Mas que no próprio bairro da Providência, que é um bom local para se hospedar, há vários outros locais legais.

henrique
henriquePermalink

uma sugestão (bem turistão básico, mas divertidíssimo) é ir ao parque metropolitano de santiago (o mesmo onde fica o zôo) e ver a cidade (poluída...) lá de cima. Se der tempo, pegue o teleférico e faça um belo passeio aéreo.

Carla
CarlaPermalink

Sandra, não deixe de ir ao Mercado Central, não - é um programão em Santiago! Apenas sugeri experimentar também outros restaurantes... wink

Carla
CarlaPermalink

Riq, como se faz pra tirar o avatar? Procurei à beça, mas não consegui tirar os do Idas e Vindas...

Danielle
DaniellePermalink

Também quero ajuda !!! Vcs topam ???
Eu e meu marido vamos em Setembro com o seguinte roteiro:
3 dias em Nova York
6 dias no Hawaii (meu marido surfa e eu adoooro praia...)
3 dias em Miami.
O que vcs me sugerem ?? Vale tudo, desde os programas turísticos (ops, NY nós já fomos em 2002 e fizemos o basicão - Empire, Estátua, Fantasma da Ópera, Rockfeller, Central Park) até hotéis e dicas imnperdíveis que eu sei que vcs tem !
Arnaldo, já olhei seu relatório do Hawai e óbvio que será muito bem aproveitado...
Quem se anima ??? Riq, vc puxa um post novo ???
Beijos,
Danielle

Diogo
DiogoPermalink

Thiago, Riq e demais:

Tem um link bem legal que é um portal das viñas - http://www.vinasdechile.com/

Acho que por aí já é possível buscar bastante coisa 8-)

Carla
CarlaPermalink

Danielle, o Jorge tem dois posts super legais sobre Nova York nesse link aqui: http://giramundo.wordpress.com/tag/viagens/america-do-norte/new-york . Vale conferir!

Jurema
JuremaPermalink

Bom, também vou fazer meu pedidinho...

Em novembro, vou a congresso em Joao Pessoa carregando marido e filha de dois anos. Pretendia ficar no Tropical Tambaú, mas já me falaram que está bem precisado de umas reformas. Outra sugestao seria o Hardman Praia. Fazemos questao que seja na praia. O que o Comandante e a tripulacao têm a dizer?

Ah, apesar de faltar tanto tempo, também aceitamos sugestoes de passeios e restaurantes...

Sylvia
SylviaPermalink

O Tambaú não ,Jurema ..
Quando passei lá ( já faz um tempo ) achei deprimente de verdade.

Jurema
JuremaPermalink

Deprimente po quê, Sylvia? e o Hardman, você conheceu?

Sylvia
SylviaPermalink

Super mal conservado pisos e paredes , móveis precisando de reciclagem , e como um todo é um trambolhão que fica metade
dentro da agua , sabes como é ? Agride a alma sad

Não tem astral do hotel a beira mar que estás a procura ..
Não me lembro do Hardman sad mas acabo de ver que teve a melhor
classificação no guia 4 rodas este ano , o que é um bom sinal smile

Ernesto
ErnestoPermalink

Eu gostei muito da familia zuczrdi,e da Santa Julia...E, recomendo hic... hic... ir num tour de onibus, que faça várias víncolas... Perto da praça de Mendoza havia uma excelente churrascaria, mas infelizmente não me lembro do nome. Quem tiver tempo pode extender para San Luis. Em San Luis como tudo é menor da para alugar uma bike e fazer os passeios de bike. De la, da para ir para uma Cidade pequena e pouco conhecida chamada Malargue, onde não há vinhos, mas há belos passeios inclusive num lago com Flamingos. São fácilmente compraveis no local, baratos (geralmente 100 a 150 pesos por um dia inteiro de viagem, por pesssoa), e são em vans.

Ernesto
ErnestoPermalink

PS... De Santiago a Mendoza recomendo ir nos carros que fazem linhas regulares, a paisgem é melhor do que nos onibus e se perde menos tempo na Alfandega. Alugar carro num pais para devolver em outro costuma ser proibitivamente caro.

Em Santiago recomendo o Hotel VEgas, um 3 estrelas muito simpatico, siituado numa rua tranquila, na parte histórica, perto da igreja de Sao Fransciso, e com diarias por volta de 70 dolares por casal.

Lili
LiliPermalink

Uma boa surpresa para mim, em Santiago mesmo, foi a casa - não a vinícula - do Cousiño Macul, um palacete cujo "casco", sem o mobiliário e os adornos foi avaliado em 70 milhões de dólares e foi doado pela família à prefeitura e aberto à visitação. Imperdível. Ah, Providência é tudo de bom pra se hospedar, pena que não lembro do nome do hotel... A Rua Suécia é meio derrubada mesmo...

Mô Gribel
Mô GribelPermalink

Ah, eu tenho umas dicas, mas eu sou esquisita nas minhas escolhas.
Vou deixar pro pessoal aí...

Lili
LiliPermalink

Ah, tem um restaurante de comida nikkei (peruana e japonesa) em frente ao Aqui está coco muito bom!

Mô Gribel
Mô GribelPermalink

Mas, o Crowne é fantástico e com uma vista linda da cordilheira. CLaro, quando dá pra ver, porque a poluição lá maltrata. Pede um quarto em andar alto e se quiser ver a vista, tem foto lá no meu blog. Deve tá em fevereiro ou início de março, pois fui no Carnaval.
Só não é badalado por perto, daí melhor ficar em Providência mesmo.

Camburizinho
CamburizinhoPermalink

Estive recentemente em Mendoza, na Páscoa. Minha primeira sugestão é que, ainda mais se o foco da sua viagem for enólogo, não vale a pena ficar na cidade de Mendoza. Não que seja uma cidade feia, pelo contrário, mas a maioria das vinícolas ficam nos arredores, em subúrbios ou pueblitos como Lujan de Cuyo. Fiquei no Lares de Chacras ( http://www.laresdechacras.com ), em Chacras de Coria, Lujan de Cuyo. Lá poderão agendar visitas a bodegas e algumas você poderá visitar até a pé ou de bicicleta. Mas recomendo alugar um carro para deslocar-se. Visitei a bodega de Carmelo Patti, pequena e quase artesanal (as visitas são guiadas pelo próprio Patti), que recomendo muitíssimo, e a Ruca Malen, que é verdadeiramente charmosa, mas bastante industrial, ao contrário do que comentaram acima. Cometa a extravagância de visitar alguma vinícola com almoço/menu degustação - a partir da terceira vez que te explicam como se faz vinho e pq o vinho branco é branco, visitar bodegas é P.I, os roteiros mudam muito pouco. Eu ando enamorado (e recomendo a todos) de um vinho chamado "Malamado", malbec estilo porto, que você encontrará na Família Zuccardi.
Sei que seu foco é vinho, mas se tiver um ou dois dias livres na agenda não deixe de visitar o sul da província de Mendoza, em especial o deserto vulcânico de La Payunia (na região de Malargüe) e o Canion do Atuel (perto de San Rafael) - são longas distâncias, mas valem muito a pena (as estradas estão boas, mas para chegar na Payunia é necessário contratar alguma excursão ou ter um gps a bordo. você entenderá porque). Se você vem dirigindo desde o Chile, não há pq fazer o passeio até o mirante para o Aconcágua - a estrada é a mesma.
Estou devendo um post sobre Mendoza lá no meu blog (passem lá: http://exploradordeitadonarede.blogspot.com), mas há fotos da viagem no seguinte link www.flickr.com/photos/8844879@N07/sets/72157600346376274/show/
Avise se valeu a sugestão.

Camburizinho
CamburizinhoPermalink

PS: por incrível que pareça, os vinhos em Mendoza não são particularmente mais baratos do que em Buenos Aires, muitas vezes são até mais caros!!

PS2: Se os pedidos de ajuda estão na pauta, vou para Bariloche sozinho em agosto, 12 dias, uma semana de esqui, procurando alternativas bacanas nos arredores para os outros 5 dias. Abraços, F

Rodrigo Purisch
Rodrigo PurischPermalink

Jurema,

Já vi vários comentários que esse Village de João Pessoa é uma boa relação custo benefício ( http://www.hoteisvillage.com.br ), mas não é na praia. Eu fiquei no Tambau Flat (não é praia) e está meio envelhecido, mas o café da manhã é bom. Por fora achei o hotel da rede Othon (beira mar) de lá com a cara boa, mas quem vê cara não vê quarto.....

Não seria uma opção um hotel médio e um carro para percorrer as praias?

O Arthur tem duas viagens à João Pessoa descritas no blog dele http://agoravai.wordpress.com/

PS: Segunda feira é dia morto na cidade, até o Mangai fecha...

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Jurema, pra mim o problema não está no que o Tropical é, mas no que ele poderia ser.
Imagine um hotel à beira-mar, pé-na-areia, no ponto mais privilegiado da cidade, mas que é... totalmente enclausurado, como um estádio de futebol? Que tem um "redário" com vista para o mar... só que com janelas fumê entre as redes e o mar? O Tambaú só serve para tapar a vista da praia para quem está na avenida, nada mais.
Eu costumava recomendar o Hardmann, mas às vezes ele é meio caro, porque é voltado para executivos e funciona também como flat. (E está meio fora da muvuquinha de Tambaú -- se você quiser ir a pé à noite, vai ter que voltar passando por quadras meio ermas àquela hora.)
Das sugestões do Rodrigo, eu sou mais o Othon -- fiquei lá e é bem digno; nada demais, mas basiquinho-confortável. O Village (assim como o Tambaú Flat) fica a duas quadras da praia para poder ter mais andares do que o permitido na orla. Mas um dos aspectos mais bacanas de J.P. é o fato de seus hotéis na orla serem baixinhos... eu ficaria com o Othon.

Salete
SaletePermalink

Thiago,
Que bom que você lembrou da rota do vinho! Faz tempo que eu quero percorrê-la, mas ainda não consegui agendar. Enquanto isso vou sonhando...

Felipe V.
Felipe V.Permalink

Qdo achava que já tinha pesquisado (quase) tudo sobre o Chile (Santiago, particularmente), vem vcs e me dão uma avalanchede de dicas, sugestões etc.
Tô indo (de novo) pra lá dia 22/07, só que dessa vez para as estações Valle Nevado e Portillo.
Final do ano passado eu fui pra Santiago, mas estava verão.
Concha y Toro é imperdível. Mas no Brasil o Casillero del Diablo, safra 2005, não passa de 35 reais no supermercado. Acho que não vale a pena se estressar com garrafa de vinho na bagagem.
Restaurante Bali Hai também é legal.
Valparaíso é mais ou menos. Viña del Mar é legal.
Mercado Municipal, onde fica do Donde Augusto (não recomendo!), vale a pena dar uma passadinha rápida. Só pra ver como é!
A troca de guarda no Palácio La Moneda é emocionante.
Tb vou por Guarulhos (saindo de Aracaju), com uma conexão apertada (infelizmente).
Aí meu Deus!!!!!!!

Carla
CarlaPermalink

Estive em fevereiro no Chile e estive em algumas vinícolas do Valle de Colchagua. Recomendo muitíssimo a vinícola VOE (Viñedos Orgânicos Emiliana). A vinícola é bem diferente porque eles adotam o método de cultivo orgânico, então eles têm animais no terreno, como lhamas, galinhas e bodes, para comer os parasitas, além de toda filosofia dos cultivos orgânicos.
A visita incluiu uma almoço ao ar livre bem gostoso, mas nada muito diferente, desgustação de alguns vinhos e, é claro, o passeio/explicação da fabricação.
O bom é que a vinícuoa é uma das primeiras do valle, como pode ser visto neste mapa: http://trendelvinochile.cl/mapa/ e também por ser diferente dos outros processos.

Camburizinho
CamburizinhoPermalink

Mais um PS: Onde comer/beber. Não deixe de visitar este lugar http://www.vinesofmendoza.com/travel_guide/tasting_room_intro.php

(creio que é o thevinesofmendoza.com ao qual se refere o Tio Riq no primeiro comentário, só que aquele link está quebrado)

Caio
CaioPermalink

Thiago, em Santiago fiquei no Radisson Plaza em Las Condes e amei. Guardo enorme e confort'avel e o hotel e todo de vidro, de forma que abre a cortina do seu quarto e ve a cordilheira. A uns 50m do metro perto da Providencia tambem.
Nao deixe em hipotese alguma de ir ao restaurante AQUI ESTA COCO. Esse Coco e o chef mais famoso de lah...e como se fosse um DOM em Sao Paulo, mas com precos mais acessiveis. Foi o melhor restaurante de frutos do mar que ja fui.........
Em Las Condes ha uma rua chamada Isidora Goyenechea. que e cheia de restaurantes e tem uma loja de vinhos: El Mundo del Vinho.
Abs

Carla
CarlaPermalink

Carla (xará!), você fez esse passeio de trem pelo Valle del Colchagua? Tenho curiosidade sobre esse passeio, mas fico meio receosa porque sempre prefiro visitar os lugares por minha conta... Se você fez, conta mais, Ok? wink

Thiago, a sugestão do Caio, de se hospedar em Las Condes, mas perto do metrô, é excelente! Em Las Condes estão os melhores hotéis, mais novos, com as melhores vistas da Cordilheira (e, como você está mais próximo dela e mais longe do centro, sofre menos com a poluição). Mas o ponto fraco de Las Condes é a distância, e o metrô não serve o bairro todo. Se você conseguir um hotel bem localizado, no início do bairro, perto do metrô, você vai ter uma boa alternativa a um hotel em Providencia.

sandra
sandraPermalink

Carla,

Você marcou esta visita a Emiliana Orgânico com o pessoal da "rota do vinho" ou diretamente com a vinícola? Precisa reservar, não é?

Mudando de assunto mas não de país, alguém que foi a Santiago andou pelo Bairro Universitário?

É que eu li a respeito numa matéria, aliás, ótima (Viagem e Turismo - Edição 102 - 04/2004, Por Sérgio Aratangy) e lá tá dito o seguinte "se você quer conhecer uma Santiago mais secreta, eis minha sugestão: tome o metrô até a estação Republica e entre numa rua em direção ao sul (a Cordilheira está à sua direita). Eis o Bairro Universitário. Há lindos casarões, quase todos inteiros, e pequenas vilas do começo do século passado. Pare numa das muitas pequenas amasanderias para comer empanadas autênticas de forno (no Chile, até o McDonald's vende empanadas). Embora esteja e menos de 2 quilômetros do centro, você se sentirá numa cidade do interior. Não há restaurantes luxuosos, mas bares onde os universitários se encontram durante o período de aulas. Depois disso, no final da tarde, a pedida é passar o tempo no clube hípico."

Confesso que fiquei curiosa... e achei uns sites a respeito - http://www.barriouniversitariosantiago.cl/ e http://www.barriouniversitario.cl/index.htm - mas ainda não tive tempo de investigar. Então, alguém conhece?

Sandra

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Carla do Avatar,

Quando você deixa um comentário com avatar a gente sabe que você não é a Carla do Idas e Vindas. Mas quando alguém, como a Sandra, conversa com você na caixa de comentários -- o que é ótimo -- a gente fica meio confuso até saber quem é quem.

Jura que você não quer criar outro nick? Carla SP? (Nem sei se você é de São Paulo). Carla do Avatar? Carla I. (o "I" seria a inicial do seu sobrenome)?

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Thiago, eis o que o suplemento de viagem do New York Times tem a dizer sobre Mendoza:
(eu tinha perdido essa matéria, estava viajando em dezembro do ano passado)
http://travel.nytimes.com/2006/12/10/travel/10mendoza.html
(O site pede registro, mas é facinho e grátis.)

P.S.:
Ops, me entusiasmei à toa. São praticamente só dois parágrafos. Como serviço, só falam do Park Hyatt e do Cavas Wine Lodge http://www.cavaswinelodge.com

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Camburizinho, obrigado pela correção, já mudei a URL do vinesofmendoza lá em cima. Gracias!