Lagosta a 15 reais: não tem preço

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

riodoinferno451.jpg

E já que o André Urso, linkado no post aí de baixo, disse ter lembrado de Boipeba na ilha do Mussulo, vamos cruzar rapidinho o Atlântico Sul de Angola à Bahia -- e continuar a acompanhar a nossa Emília durante suas férias de julho na ilhazinha baiana. Caminhadas, piscinas naturais em alto mar, passeio de barco a praias desertas, lagosta a 7 dólares e meio: a Emília mostra todos os prazeres nada acidentais de Boipeba.

19 comentários

Mirella
MirellaPermalinkResponder

Nossa... faz tanto tempo que não vou em um lugar tranquilo e com cara de Brasil!!!
Muito legal o post dela!
[]s

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Oi, Riq! Bacana ter você navegando 'lá em casa' grin
Boipeba é bem mesmo aquilo que a gente tem na cabeça quando pensa em praia deserta, cheia de coqueiros...só falta aquele mar azul transparente para completar o clichê, mas acho que ali naquela costa é difícil mesmo encontrar esse tipo de água, não?

Majô
MajôPermalinkResponder

Essas lagostas fresquinhas são um luxo !!!
O post da Emília me fez mergulhar quase literalmente naquelas piscinas naturais lol E este por do sol convenhamos está BELÍSSIMO ! Fora o arco iris que eu também adoro ! Ela soube pegar o melhor de tudo, sortuda wink Bora pra Boipeba !

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Tô com a Majô: os posts da Emília sempre me fazem mergulhar naquelas piscinas naturais. É uma tortura altamente refrescante em dias cinzentos de trabalho como hoje! wink

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Hehe, meninas, podem ter certeza que eu também fico com vontade, fazendo os posts grin
Majô, foi tudo realmente muito bacana, mas você tem que considerar que alguém (nem preciso falar quem, né?), já me deu todo o caminho das pedras wink

GiraMundo com Jorge Bernardes

Emilia, a eco-blogueira!

Ernesto
ErnestoPermalinkResponder

É mais um belo destino do eco blog!! Parabens Emilia....

Majô
MajôPermalinkResponder

Emília, devemos ao nosso comandante não só as dicas, como o entusiasmo para tirar o melhor de tudo em cada viagem, fora que os hotéis têm que ter charme wink

Jorge lol lol

Carla
CarlaPermalinkResponder

Não precisava nem ter a lagosta... Só esse pôr-do-sol já bastava!!! grin

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Meninos, vocês sabem que nem eu tinha idéia de que o blog fosse ficar tão eco? Talvez uma coisa aqui e ali, mas foi uma coincidência de tantos destinos assim (mas não vou negar que eu adoooro esse esquema grin )
Provavelmente deve continuar assim por mais um tempinho...
Majô, tô de acordo smile
Carla, bem que você tinha me preparado para o pôr-do-sol e lá...toda tarde eu batia cartão ali nas barracas da Boca da Barra...uma bebidinha e um livro e esperar o espetáculo wink

Andre      http://andreurso.blogspot.com/

Muito bom mesmo o blog, Emilia. Quando voltar ao Brasil, Boipeba, que já conheço, com certeza vai ser um dos lugares que vou para matar saudades.

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

Voltei de Boipeba no sábado... passei por sensações semelhantes às descritas pela Emília... a gentileza dos boipebanos (ou boipebenses), a lagosta fresquinha do Seu Guido, a hospitalidade de Charles e todos na Pousada Santa Clara, a maravilhosa cozinha de Mark, o pôr do sol de chorar no cantinho (como diriam os Destemperados)...
Agradeço a todas as dicas postadas e aos comentários (daqui, do Freires e da TuristaAcidental).
Já estou com saudades...

Juliana
JulianaPermalinkResponder

Olá Ricardo. você tem alguma referência sobre a pousada EcoLodge,lá em Boipeba? Estou planejando ir pra Boipeba no final de janeiro e as pousadas que você cita noseu blog não têmmais vaga. Obrigada.

Júlio
JúlioPermalinkResponder

Juliana,

Na parte perguntódromo.

Faça sua pergunta lá e ele te responde ou outro membro da tripulação.

Boipeba
BoipebaPermalinkResponder

Vejam o site mais atualizado da Ilha de Boipeba na Bahia com muitas informações. www.boipebatur.com.br ou www.boipeba-addey.com.br

Boipeba
BoipebaPermalinkResponder

vou deixar aqui boas dicas de Pousadas em Boipeba, como Pousada Alma Viva, Pousada Peróla do Atlântico entre outras...
http://www.boipebatur.com.br/pousada_boipeba.html
http://www.boipebatur.com.br/pousada_praia_morere.html

Tita
TitaPermalinkResponder

Boipeba, voce vai acabar queimando seu filme se nao parar de postar essas propagandas...

Ricardo Freire

Já queimou, Tita mrgreen

BEL MOTTA
BEL MOTTAPermalinkResponder

Caros,

Depois de várias viagens usufruindo das informações , um pouco de colaboração: viajamos para o Atacama e para Moreré, Boipeba, neste final de ano. As dicas do Atacama virão depois.
De BOIPEBA:
- Não é mais uma praia deserta. Chegamos dia 4/janeiro e até o dia 8 a ilha estava lotada do povo do Universo Paralelo, um festival que recebeu 20mil pessoas. Em Moreré tem vários campings . As casinhas todas alugadas.
- A lagosta a R$ 15,00 não existe mais. Uma muqueca de lagosta não sai por menos de R$60,00.
- Ainda é lindo!
- A hospedagem no Alizées Moreré foi uma bela escolha. Pegue os quartos com vista para o mar e prepare-se para subir muito até o quarto. A equipe do hotel é uma divertida combinação francolusobahiana.
- Em moreré a melhor barraca é do a Ligeirinho.
- O melhor restaurante é do Hotel Santa Clara.
- Com Bainema com gente, vá até Castelhanos. É lindo!
- Para chegar fizemos salvador/Valença/bopieba/moreré. Quem foi por Ilhéus foi bem mais fácil e rápido. Ilhéus/Torrinhas/Morere. Karine ou Felipe da Bahia Terra Operadora de Turismo são ótimos e tornam fácil a chegada e saída de Boipeba.

Abraço,

Bel

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar