Enquete da semana: como você chegou aqui?

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

    tudoriq400.jpg

Nos próximos instantes o contador vai registrar a viagem de número 900.000 desde que o blog veio para o Wordpress, dia 5 de janeiro deste ano.

Gostaria de aproveitar para perguntar: você se lembra de como chegou aqui? Foi pelo Google? Por causa de alguma das revistas em que eu colaboro? Ou por algum dos livros que escrevi? Ou pelo rádio? Pelo Freire's online, pelo Viaje Aqui?

Você chegou a conhecer as vidas anteriores do blog? Gostaria que o blog crescesse e fosse para um portal, ou preferiria que ele continuasse assim, pequeno e zoneado?

Onde mais você busca informar-se sobre viagens em português?

Olha só: se você é um dos inúmeros (e hiper-bem-vindos!) passageiros que preferem ficar só acompanhando as discussões, esta é uma ótima chance de se manifestar. Diz aí, vai: como você descobriu o Viaje na Viagem?

259 comentários

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Primeiro pelo livro Viagem na Viagem (já se vão muitos anos...), continuou com as reportagens para a VT e como freqüentadora e algumas vezes comentarista da antiga encarnação do blog, lá no zip.net.
Sobre a segunda pergunta...eu já pensei nisso. Eu acho que você merece ter um portal lindo e poderoso, mas desde que essa informalidade não se perdesse. De minha parte, onde for eu estarei lá, batendo ponto (pensei em fazer algum trocadilho com o hino do Grêmio, mas achei que não seria de bom gosto lol ).
Sobre viagens...a minha maior fonte ficou sendo aqui mesmo e os blogs da comunidade.
E tenho dito! grin

Carla
CarlaPermalinkResponder

Ah, eu sou prata da casa desde os primórdios do outro blog - não conta, né? wink Mas lá eu demorei um pouco pra começar a comentar, porque aquele sistema de validação me dava uma preguiça danada...

Vamos ter comemoração pro milhão? grin

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Eu acompanho o VnV desde a versão jurássica, nem lembro qual foi a primeira vez que entrei. Certamente foi por causa dos seus textos para a VT, que eu assino há um tempão. E daqui eu não saio de jeito nenhum! mrgreen

Carla
CarlaPermalinkResponder

Em relação ao futuro da empreitada, Riq, eu acho importante que você comece a ter um retorno financeiro com o blog - seja transformando em um portal, seja migrando para um lugar onde você possa ter anúncios... A gente sabe bem - principalmente os que têm seus próprios blogs - a trabalheira que dá manter a atividade. Não é certo que você não tenha o retorno justo por todo esse trabalho...

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Riq, eu não te disse que o milhão ia chegar no meu aniversário e não no seu???? lol ConVnVenção do milhão pra já!!!!!

Alexandre Giesbrecht

Como eu cheguei aqui? Boa pergunta. Eu li Xongas no JT do seu início ao seu fim, mas não acompanhei tão "religiosamente" o trabalho na Época. (Parêntese: sinto uma falta danada de Xongas.) Eu sempre fucei no blog desde a época do Zip.net, mas só comecei a ser habitué praticamente diário há alguns meses — e só comecei a comentar há algumas semanas.

Carla
CarlaPermalinkResponder

Ah, mas a primeira vez que eu ouvi falar em "Ricardo Freire" foi quando tive em mãos um Viaje na Viagem, na época do lançamento, em uma livraria no centro do Rio... Comprei um imediatamente - e depois vários, para dar de presente... wink

Ana Claudia
Ana ClaudiaPermalinkResponder

Riq,
Eu descobri atraves do Freire´s, que sempre consultei para viajar literalmente ou virtualmente.
O Freire´s eu descobri através da revista VT que sou assinante e leitora fiel.
Eu não acho seu blog zoneado, mas vou gostar de qquer forma, sou muito sua fã e o que vc fizer, sempre será bom.
E em portugues, a melhor forma de orientação em viagens é sempre a sua.
Sou tiete mmo!!!

adriana
adrianaPermalinkResponder

Eu cheguei aqui de duas formas diferentes... Googlando mesmo (se eu nao me engano, algo sobre Argentina) e através do blog da Cora Ronai. Isso foi na versao jurassica ainda...

E eu concordo com a Carla, você precisa ter algum retorno financeiro disso daqui...

Jurema
JuremaPermalinkResponder

Riq, eu nem lembro como foi, mas acompanhei todas as primeiras encarnações do blog. Se o Freire's foi antes disso, então foi por ele que eu comecei.

Quandoi você mudou do Uol para o Wordpress, você ficou apreensivo, e nós também. Porém, todos concordamos após um curto período de tempo que melhorou muito. Não devemos ter medo de novas mudanças, principalmente se isso significar $$$ para você, que merece.

Com não disse a Emília, até a pé nós iremos aonde o Riq estiver... Eu uso o trocadilho sem medo, porque o Comandante também já usou no Viajeaqui! razz

Jurema
JuremaPermalinkResponder

Ah, sim, eu também li a edição-derivada-de-árvores do Viaje na Viagem.

SandraM
SandraMPermalinkResponder

Deixa eu falar? Deixa eu falar, tio?
(Sandra com o braço estendido no fundo da sala...)
Eu lembro até dos detalhes mais sórdidos. wink)
Toda, TODA, segunda, quarta e sexta eu já acordava animada, (sempre fui animada) e corria para roubar o jornal do meu pai.
Ele já assinava aquela porcaria do JT. O jornal continua sendo assim...um folhetim. Mas naquela época (por favor, não me perguntem qdo, o Freire (hoje, Riq para os mais íntimos) assinava uma coluna.
Eu adorava.
Parecia q ele lia meus pensamentos e conseguia expressá-los de uma maneira lógica e inteligente.
rs
O humor dele sempre me atraiu. E qdo eu descobri esta vocação dele para o turismo???Aí, casei.
Até o dia q ele se despediu do JT.
Naquele dia, eu li a coluna umas trezentas vezes.
O tico e o teco ainda me obrigaram a vasculhar o jornal nos próxmos dias esperando uma reconciliação, um "eu fui, mas voltei"...este tipo de coisa.
Inconformada, mandei e-mails para o jornal, toda passional, dizendo q se o Freire tinha ido eu tb iria. (grande coisa, eu não era assinante mesmo...rsrs).
Fiquei no limbo procurando por ele até q encontrei o blog da VnV.
Foi assim q tomei conhecimento dos livros (todos devidamente devorados!).

Eu prefiro q o blog continue exatamente assim. Só precisaria se manter atualizado no quesito "busca".
Aonde mais eu procuro informação sobre viagem no Br??Com amigos, já q tenho gente espalhada por todo canto e pelo Guia Quatro Rodas.
Vixe, falei demais...

Eunice
EunicePermalinkResponder

Riq, acompanho seu trabalho desde a primeira edição do Viaje na Viagem. Tenho lhe seguido sempre, pelos diversos blogs. Só me atrevi a comentar agora porque o assunto era Salvador e achei que teria algo a dizer. A interatividade do blog me parece um dos pontos altos. Sempre me beneficio dos seus comentários e dos de seus viajantes . As mudanças, até agora, têm sempre me parecido para melhor; gosto do blog como é, mas creio que a mudança para o portal não modificaria a essência do do que encontarmos aqui: sua generosidade, bom humor, experiência e bom texto.

Morena
MorenaPermalinkResponder

Não sei como cheguei aqui, só sei que hoje este site está nos meus favoritos (pra eu não ter que ficar digitando todo dia, hehehe)...
Mentira! Sou fã das dicas do Freire's desde a minha primeira incursão no Nordeste em 2004, desde então, onde Ricardo está blogando, estou só de olho pra programar minha próxima viagem...

Mas, gostaria de aproveitar o ensejo pra perguntar (sempre mudando de assunto): FOI O PESSOAL DO BEIJUPIRÁ QUE COMPROU A POUSADA MANGA ROSA DOS CARNEIROS?!? (Tomara, tomara, tomara, tomara...)
Sei que Manga Rosa dos Carneiros foi vendida, sei que vão abrir uma filial lá... As coisas parecem se encaixar bem...
Você sabe de alguma coisa, oh, guru das minhas melhores férias praieiras?

Ricardo Freire

Foi não, Morena! Pelo que eu entendi, o Beijucarneiros vai ficar numa nova pousada, entre o Pontal dos Carneiros Beach Bungalows e... o pontal dos Carneiros propriamente dito.

EduardoLuz
EduardoLuzPermalinkResponder

Eu sou como o Alexandre (já escrevi isto mas não custa repetir ) : viúvo da Xongas. E a partir daí acompanhei você em quase todo o lugar : Época ( não assinei mas ¨filava¨nas livrarias), livros VnV, O melhor de Xongas a até o sobre regimes ( eu não me lembro o nome mas juro que tenho !), na VT e no Guia do Estadão. Quanto a virar portal, se você conseguir deixar com este aspecto pessoal como é este aqui e ao mesmo tempo conseguir faturar algum com propagandas, consultas privadas de roteiros, etc e talvez recriar uma Xongas sobre comportamento, é certo que o sucesso será mais estrondoso ainda. Quanto a informação sobre viagens em português é covardia pois até post sobre a África do Sul e Sts Martin/Barths voce publicou além das inúmeras dicas sobre hotéis/restaurantes/marlenes/emilinhas.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Ir para um portal ? Como assim ????? sad sad sad
E as gostossuras aqui vão para onde ? sniiiiffffffffffff sad sad sad
Mas tb acho que o comandante tem que faturar com o blog !!
Não lembro como cheguei, creio que anotei o endereço pre historico , mas não sei se foi de uma revista, jornal, entrevista ..faz muuuito tempo smile

Dani G.
Dani G.PermalinkResponder

Comecei a ler o blog antigo através de um link de outro blog. Dai vc mudou pro wordpress e eu viciei e agora nao vivo sem. Sou VNV ADDICTED !!!!

Eneida
EneidaPermalinkResponder

Conheci seu blog antigo através de uma chamada no portal do UOL, quando voce estava blogando direto de uma viagem ao nordeste. Já conhecia seu manifesto do gerundismo (mas sem ligar o nome à p´ssoa) e inclusive já tinha usado outros textos seus com meus alunos. Era fã sem saber exatamente de quem!
Riq, desejo sucesso nos próximos milhões, e concordo com os colegas aí em cima: te seguiremos aonde quer que você vá!

Marcel Alcantara

Eu conhecei o trabalho do Riq em uma reportagem da VT em 2000. Depois passei a ser leitor do Freire's online e foi por ele que eu fiz o meu roteiro de viagem em 2005 da Praia do Espelho até Barra Grande!

Na versão jurássica do Zip.net eu não era muito assíduo e cheguei a nova versão através do ViajeAqui. O blog se tornou um vício que eu acesso várias vezes por dia e só a pouco tempo tive coragem de fazer comentários.

A minha fonte de pesquisa ficou sendo os blogues dos tripulantes do Viaje na Viagem. Eu não acho que o blog seja zoneado, mesmo que vc se mude para um portal, a informalidade tem que ser mantida e acompanhada de algum retorno financeiro.

* Sempre que leio os comentários da Sylvia eu associo à imagem de uma amiga minha gaúcha que mora em Portugal!

Diogo
DiogoPermalinkResponder

n
o
v
e
c
e
n
t
o
s

m
i
i
i
i
i
i
l

Uhuuuuuuuuuu!!!!

Ah, em tempo, vim porque há muito tempo recebi de um amigo da minha mãe uma reportagem tua sobre Bs. As. e como ele recortou e colou o texto no corpo do e-mail, os hiperlinks vieram junto. Daí cliquei ali em cima e abriu o VnV!

Parabéééééééééns Riq 8-)

Ivana
IvanaPermalinkResponder

Oi Riq,

Foi através da revista Época. Agora estou viciada no blog.

Diogo
DiogoPermalinkResponder

Ah, mas que fique bem claro que neste momento eu descobri o VnV, porque tanto o Riq quanto os livros e colunas em revistas já faziam parte do meu day-by-day. Só não sabia - ainda - que aquilo tudo TAMBÉM estaria na internê 8-)

Zé Maria
Zé MariaPermalinkResponder

Querido Leitor, da RH.

Rogéria
RogériaPermalinkResponder

Como somos colegas de profissão, primeiro eu acompanhava vc nos Anuários. Depois, com a notícia do seu período sabático para se dedicar às viagens, fiquei atenta: o que mais vc poderia fazer tão bem quanto propaganda? Daí foi natural: as colunas (ou as colunas vieram antes do sabá? Não lembro...), as matérias na VT, os livros todos (Xongas, VnV, Postais por Escrito...), o Freire´s e finalmente o VnV digital. E se vc já era um ídolo como redator, virou mais ainda na sua versão viajada.

Virar um portal seria o máximo, principalmente se mantiver a naturalidade desse nosso bate-papo diário. Assim a gente pode continuar falando direto com vc, sem ter que marcar horário com secretária ou enviar um protocolo em três vias. Mas como eu já tô na sua cola faz tempo, vai ser difícil vc se livrar de mim. Tô contigo, Riq. Here, there, anywhere.

Quando vou viajar, passo primeiro aqui, depois vou vasculhar minha coleção de VT e por fim saio googlando.

E que venha o milhão. Por sinal, mais do que merecido.
Beijos e sucesso.

Ricardo Freire

Sylvia, a minha dúvida do momento é se eu encaro a transformação do blog em blog comercial sozinho ou se faço acordo com algum portal. Mas a âncora de qualquer coisa que eu venha a fazer vai ser um blog do jeitinho desse aqui, claro smile

Alexandre Giesbrecht

Autor vai a noite de autógrafos, assina 300 milhões de livros e depois nunca mais vê nenhum deles. Aqui está um deles. Ou melhor, três, mas a dedicatória só está perfeitamente legível em um.

http://img70.imageshack.us/img70/1726/1001833fl2.jpg

Eu achava que tinha sido em 2002 ou 2003. Que nada! Foi em 2001. Xongas começou no JT em abril de 2000. E acabou em abril de 2003. Triste dia. Eu lembro que uma semana antes tinha escrito um e-mail para o Ricardo, parabenizando-o pelo aniversário da coluna. Ele respondeu, e acho que foi a primeira vez que respondeu um e-mail meu. Dez dias depois, quando ele anunciou o fim da coluna no JT, eu escrevi para ele:

"Diga que não é verdade. Diga que é uma coluna de 1.° de abril atrasada! A Xongas vai acabar? Não pode ser! Volta em algum outro veículo? Previsão? Arrancaram a minha coluna intra-venosa que eu tomava três vezes por semana!!!! Deve ser porque o Ricardo respondeu ao meu e-mail. Tem que ser. A culpa é minha. Toda minha... Bem, falando sério, desejo-lhe sorte e um breve retorno a algum veículo (de preferência — embora pelo último parágrafo eu tenha visto que é difícil — o JT, que eu assino). A VIP? Minha assinatura está acabando e não pretendo renová-la. Ah, sim, e que saia rapidamente a coletânea Xongas II!"

A nova resposta dele não serviu tanto como consolo, mas achei divertida: "Oi, Alexandre. Pára com isso, rapá. O paranóico aqui sou eu wink Pode deixar que eu aviso assim que tiver boas notícias."

Os anos passaram (faz quatro anos e meio que sou, como bem colocou o Eduardo, viúvo de Xongas), e ainda espero por Best of Xongas II. Tantas colunas que me arrependo de não ter guardado... A da "mudança de cidade" que era, na verdade, mudança de emprego. A que contava quantos passos eram até o Bob's da Jaguaribe (que, por sinal, já não mais existe). A indefectível guerra ao gerundismo. Os eleitores do Wadih Mutran. As opções que a garçonete oferecia (com certeza ou não?). A versão de um dos desinfetantes "Festa das Flores".

Eu poderia fazer uma lista que só não seria infinita porque a coluna não o foi.

Valeu por essas memórias. O blog também as proporciona.

sandra
sandraPermalinkResponder

Eu descobri pelo Freire's, mas tb li a versão antiga, a coluna na época, etc., etc.. Mas foi com o Freires que descobri tudo.
Acesso o VnV quase todo dia. Adoro e divulgo! A priori, acho que já está ótimo do jeito que está... Não sei, acho que rola um medo de crescer e perder a identidade, meio como banda de rock independente..... rsrrsrs
Sandra

Ricardo Freire

Aelxandre:
eekops:
eekops:
eekops:

Adriane Lima
Adriane LimaPermalinkResponder

Eu comecei procurando desesperadamente mais um Viaje Na Viagem (o livro) pra dar de presente pra amigos - tava esgotado nas livrarias de Salvador - e eu acabei parando aqui, mandando emails desesperados pro Ricardo perguntando se ele tinha certeza que não tinha mesmo nem mais umzinho em algum lugar perdido pra comprar.

Aí passei a ler o blog todo dia, a fazer perguntas diversas vezes e de vez em quando contribuir com alguma informação....

Acho que o blog é excelente e, se der pra continuar BLOG, ótimo. Mas também penso que ele tá crescendo bastante, né, então talvez precise de outro formato para continuar sendo tudo de bom... esse esquema pequeno e zoneado faz o blog parecer uma animada mesa de bar: cada hora um dá um pitaco, o assunto muda de uma hora pra outra, todos se divertem. Vai ver que é por isso que estão pipocando tantas Convenções.... Inclusive, a de Salvaodr vai rolar, né?

Eu busco informações de viagens também com meus amigos e no google, mas ultimamente as informações relevantes do google acabam me levando de volta a esse blog aqui, ou então a sites que são mais de venda que de informação.

Também compro revistas de todas as editoras e retalho elas todinhas, separando em pastas por temas: Bahia, Minas Gerais, Brasil-outros estados, América Latina, Europa e Outros destinos. Se ainda achar que preciso, compro um guia específico.

Bom, é isso!

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Alexandre, vc falou tudo!

Candida
CandidaPermalinkResponder

Nossa é um mix de tudo, primeiro lí o Viaje na viagem, depois meu livro de cabiceira virou o Freires praia (coitado tá tão velhinho, depois de várias viagens), continuei em contato com as matérias da revista e por fim descobri pela rádio o seu blog. Que já me deu várias dicas... Vou aproveitar e perguntar para a galera: Alguém sabe sugerir alguma pousada de pesca, com condições mínimas de comforto no Pantanal ou Amazônia, preciso dar a dica para um amigo meu, mas não intendo nada do negócio. Valeu se alguém tiver uma dica

Alexandra Godoy

Bem, tudo começou quando li uma notícia não sei onde, sobre um livro que se intitulava "auto-ajuda para turistas"... não resisti, no mesmo dia saí do trabalho e fui a uma livraria comprar.

Desde então tenho acompanhado o site em todas as encarnações, desde o primeiro www.viajenaviagem.com.br até a transformação em blog. Também acompanhei Xongas no JT (na época meu pai tinha assinatura) e tenho todos os livros, menos o Freire's que por uma mancada minha acabei não comprando.

Débora
DéboraPermalinkResponder

Sou leitora do VnV desde quando ele estava no zip.net, mas quase não comento, principalmente por ingressar no mundo dos blogueiros só no começo desse ano.
Lembro que encontrei o VnV no Google quando pesquisava sobre algum roteiro turístico que gostaria de fazer. Adicionei aos meus favoritos e logo virou leitura diária. Depois de muito tempo comecei a assinar a revista Viagem e descobri que você era o mesmo Ricardo Freire daqui! rs
Aí descobri seu quadro no programa Planeta Cidade e virei fã. Quando você gravou uma matéria no restaurante Meaípe no bairro de Pinheiros me animei a criar o Brincando de chef, junto com meu namorado que é tão gourmet quanto eu. Pensei que seria bacana ter um blog que desse dicas de restaurantes legais aqui em São Paulo. A partir daí conheci o blog dos Destemperados, do Jorge GiraMundo e o da Emília.
Acho que você deve e merece ter um portal pois seu conteúdo é excelente e, para mim, você é referência nacional quando o assunto é turismo.
Espero que acontece em breve outra ConVnVenção e que dessa vez eu consiga deixar a vergonha em casa e conhecer você e seus tripulantes. Quase fui ao encontro do Terraço Itália.

Andrea S. B.
Andrea S. B.PermalinkResponder

Ricardo,
Tudo começou com suas reportagens na VT, que assino desde os primordios. Você tinha um jeito diferente de escrever que já fazia a gente viajar na viagem.
Depois, lá pelos finais dos anos 90, cheguei no Freire's online e confesso, fiquei louca da vida com aquele comentáro que Canoa Quebrada parecia um "favelão"- frequento Canoa desde os idos 80's - fiquei arrasada!!!
Aí vi o Zip.net e adorei! Já frequentava bastante, mas sempre na surdina...
Quando você lançou o Wordpress eu tava aqui também, mas só apareci há alguns meses atrás! E como disse a Mari: daqui eu não saio!
Quanto ao novo Portal, sou super a favor, todo dimdim $$$ é bem vindo!! Mas concordo com as meninas: precisa ter essa cara e essa delícia de informalidade.
Isto aqui é show!!!Adoro seus posts, adoro todo mundo e espero poder aprender muito com a galera, afinal, VIAJAR É PRECISO!!!!!!

Graciele
GracielePermalinkResponder

Eu cheguei primeiro ao Freires, através do google, numa pesquisa sobre resorts. Aí, pensei: ué! Mas esse moço é do Xongas da Revista Época (seu texto sobre o papa gaúcho está gravado a fogo na minha memória). Acho que vc deveria encarar o blogue comercial sozinho. smile

Patsy
PatsyPermalinkResponder

Eu sou uma das mais novinhas, cheguei esse ano mesmo, procurando sobre a Praia do Espelho e o comandante estava blogando acho que de Trancoso ou Arraial no meio da viagem e adorei, tinha uns videos, achei o máximo, não sabia quem era Ricardo Freire, e nem conhecia o Freires, chegaram tantas informações juntas e agpra já sei que a Sylvia não é o Riq lol brincadeirinha lol

E estou viciada no VNV e em vocês todos(as) que participam que colaboam com suas experiências, adorei conhecer a turma nos encontros, é uma sintonia tão grande, que me senti acolhida e em casa! Adoro tudo aqui e todos, e se mudar para um portal eu vou correndo atrás....

Bjs

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Xô PARCERIA !
Nunca vais encarar um blog comercial sózinho RIQ :!:
Nós sempre estaremos aqui , e a nós se jumtarão outros milhões smile
Não consigo ver nenhuma razão para parceria .
Dividir para que , se podemos multiplicar ? !
VOTE : PORTAL SEM SOCIEDADE lol
( os pins e as bandeiras já estão sendo produzidas ..)
Aliás , que tal produzirmos uns pins.. com um logo ... pra gente poder
se identificar nas viagens ? smile smile smile

Lorena
LorenaPermalinkResponder

Eu o conheci através de um dos primeiros livros VnV, que roubaram de mim, snif, snif, (emprestei p/alguém que, óbvio, nunca me devolveu), depois veio o www.viajenaviagem, depois o blog do zip, foras as colunas jornais/revistas que sempre acompanhei.

Tem dias que só esse blog me salva de sair gritando por aí... Acompanho diariamente e leio até o último comentário (nunca participo, mas sinto como se conhecesse todo mundo), isso quando não releio o passado. Salvo tudo o que acho que posso utilizar em alguma viagem futura... Tenho várias pastas do tipo RIQ-NY, RIQ-BUA, etc. O que já peguei de dicas aqui e dos blogs dos tripulantes não dá p/contar. E p/qualquer lugar que vc vá, eu tb vou, mas acho que tá na hora de um mega portal sim!!!

malena
malenaPermalinkResponder

Oi Riq!
Cheguei ao VnV através do UOL: um belo dia seu blog estava na capa, e não lembro exatamente com qual reportagem, mas me chamou atenção. Desde então, volto quase todos os dias. Eu não viajo muito (ainda, rs...), mas já tenho muitos planos em mente, a partir do seu blog e também dos blogs para os quais você acaba nos encaminhando (sempre tem algum conhecido seu viajando e blogando a viagem! isso é ótimo). Para mim, os posts são muito mais "pessoais" que esses sites de viagem; confio muito mais neles wink
Abraço,
Malena.

Paula Brito
Paula BritoPermalinkResponder

Acompanho o blog desde que se estava na UOL, mas cá entre nós, cresceu e ficou muuuuuuito melhor. Já conhecia as crônicas, as colunas e os livros. Minha fonte de pesquisa atual são os blogs dos nossos colaboradores, sempre estou aprendendo algo novo e enriquecendo meu roteiro pro ano q vem. Bjs.

EduardoLuz
EduardoLuzPermalinkResponder

Alexandre, vamos montar uma associação dos viúvos ( e viúvas também) da Xongas. E realmente a da Festa das Flores é demais !! Eu não sei qual o trabalho que dá fazer um portal sem sociedade mas no que eu puder ajudar, conte comigo ! Se pensar bem, o público alvo já está com você ( 900000 acessos !!!) e acredito que todos ajudarão !

Erika
ErikaPermalinkResponder

Bom, já era leitora assídua e assinante da revista Viagem, e suas matérias sempre me chamaram a atenção pelo jeito que eram escritas. Aí minha irmã comprou o livro "Viaje na Viagem", e mais tarde aquele outro livro (sobre o spa e as dietas, me perdoe, esqueci o nome?!). Pelo google acabamos encontrando o blog (ou foi pela página de abertura do UOL, que sempre tinha o link). Lembro da época do blog da UOL, mas comecei a acompanhar meio que diariamente suas peripécias pelo Brasil e pelo mundo afora desde o ano passado.

Gosto do blog assim, pequeno e zoneado (apesar de que sempre encontrei o que precisava, através do seu sistema de busca, mesmo que seja um tópico antigo).

E, YES, sou uma das inúmeras pessoas que prefere mais acompanhar suas indas e vindas e ler os tópicos e os comentários. Já aproveitei muitas dicas por aqui, principalmente na última viagem que fiz ( destrinchei o tópico sobre Buenos Aires láááá atrás e foi muito proveitoso!)

Gosto tb das charadas, pois é uma forma de conhecermos mais não só a cidade que moro (Sampa!) mas tb outros cantos do Brasil e do mundo.
Obs: sou aquela que quaaaaase acertou a charada da sexta passada, só troquei Jaguaré por Pico do Jaraguá hehehe smile

Parabéns pelo seu trabalho smile e também a todos os que colaboram aqui no seu blog regularmente smile

Abraços,
Erika

Marcia
MarciaPermalinkResponder

Riq...eu comecei pelo Freire's. Que me deu tantas dicas na minha viagem pra Bahia ... Depois disso foi site do freire's e aí parei aqui tb ! Agora todo dia quero ler as novidades e dicas ...acho que fiquei "viciada"...Parabéns pelo seu trabalho !
Beijos

Claudia
ClaudiaPermalinkResponder

O acaso me trouxe até este canto e ainda nem entendi o que o teu blog tem a ver com a minha pesquisa...! rs
Mas, que agradável surpresa! Cá cheguei e tenho muito pra ler antes de me posicionar sobre todas essas letras...

Mas já vou logo metendo o bedelho na sua enquete e digo que Blog ainda é mais interativo e divertido! Portal é impessoal demais e pela leve circulada que eu dei por aqui, não acho que tenha o seu perfil!

Bom, agora que cá estou, vou me posicionar na barcaccia, pra observar o movimento, pra quem sabe ocupar um cantinho como coadjuvante de alguma cena ... rs

Tomas
TomasPermalinkResponder

Oh, captain, my captain!
Ricardo, meu caso é igualzinho ao da Rogéria. Aliás, ela estudou na minha classe na ESPM. Adimirava seu trabalho como redator e um belo dia descobri seu Plano B chamado Freire's.
Daí para "buquimarcar" você foi um pulo. E boas viagens!!
Tomas

Marilia Pierre

eu vim parar aqui por causa de uma chamada na págino do UOL, um postal por escrito de tóquio (fui até lé pra conferir), lá em meados de 2004.

não costumo comentar muito (não mesmo), mas me divirto com todos os comentários que surgem aqui.

portal? não sei não...
ainda não me habituei no viajeaqui, me perco e perco o interesse assim facilmente
e esse índice tá tão bão, tão fácil...

e os amigos/vizinhos deste blogs sempre são visitados: o arnaldo, a carla, o conexão paris e o brasil below zero e outros aqui não citados pela minha parca memória.

recomendo este blog pra todos que querem viajar, pra qualquer lugar imaginável ou não, afinal você já percebeu quantos destinos tem aí do lado direito?

qualquer que seja o rumo deste blog (que tem vida própria - "oh não! um mostro criei!" - R.F.) desejo toda a boa sorte e boas viagens!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Cheguei aqui através do Freire´s que até hoje é uma ferramenta essencial para quem quer fazer uma boa viagem pelo Nordeste.

Desde então, sempre que possível, entro para os novos posts e as opiniões do tripulantes, e quando sobra um tempinho livre aproveito para postar.

Yara
YaraPermalinkResponder

Bom,acho que sou umas das mais recentes frequentadoras aki tb...Achei o blog através do google buscando informações sobre trens (aquele Post não é matavilhoso?!?!?!kkk). Depois que eu vi a foto do encontro associei o nome a pessoa e percebi que já acompanhava seu trabalho no Planeta Cidade (show de programa) e na VT que eu assino mentalmente comprando todo mês na banca do lado de casa (interior tem dessas).
Qto ao Portal, vou aderir á Campanha da Sylvia, que sempre tem opiniões certeiras sobre todos os assuntos tratados aki!kkk...Acho bacana crescer, receber $$ por isso, etc. Mas acho show demais essa estrutura de blog, com várias pessoas opinando, ajudando(e com vc corrigindo, né?kkk). Se a empreitada for "por conta", creio que será mais fácil manter o estilo...ainda mais com tanta gente bacana te acompanhando, como é a tripulação residente!!
AnyWay, onde for, estarei lá. Quietinha mas estarei...
b-jocas Y
Ah, outras fontes...ah, não tem, só vc, VT e os blogs do pessoal daki...

Marina
MarinaPermalinkResponder

Não lembro como cheguei, o importante é que eu não saí!!!
O Freire´s até hoje é muito amado por mim!!!!! Eu já frequentava os antigos, mas nunca palpitava!!! Agora de vez em quando eu dou uns pitacos!!! rsss

E quanto ao "crescimento", eu não quero nãããããão!!!!
Acho ele tão bom assim, pequenino, zoneado, lindo, família e aconchegante!!!!! Super confortável!!!!
Maaaaaaaaas se for pra deixar o filho crescer, que seja como "blog comercial sozinho"!!!!! Certeza absoluta!!!!!!!!!!!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar