Enquete da semana: frigobar

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

fantauva1600.jpg

Como é a sua relação com o frigobar?

Você resiste? Você detona?

Você desliga a tomada para ele não te acordar durante a noite?

Na sua opinião, o que não pode faltar num frigobar?

Já levou algum susto com a conta?

Saiba o que eu penso do assunto clicando aqui.

Mas depois volte para cá e conte todos os detalhes sórdidos entre você e o frigobar pra gente.

76 comentários

Karinissima
KarinissimaPermalinkResponder

Mô, o maior revertério que tive na vida foi causado por um Toddynho. Meu Deeeus, como passei mal...

Karinissima
KarinissimaPermalinkResponder

Aliás, isso ocorreu no Rio. Tomei o Toddynho do Othon. Parecia mesmo que tinha alguns anos de idade antes de Cristo, mas eu insisti e... sad

Angela Bruno
Angela BrunoPermalinkResponder

Costumo resistir ao frigobar, nunca detonei.
Normalmente, mesmo que já tenha passado no mercado, tomo água (sem gás) ou coca light por já estarem geladas. Portanto, para mim, não podem faltar.
Gosto quando encontro a tabela com os preços porque analiso o custo-benefício em consumir ou não.
Não gosto quando está cheio demais impossibilitando que coloque o que quero.
Nunca desliguei da tomada mas, já dormi mal por causa do barulho. Se bem que às vezes o cansaço é tanto que apago smile

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Kariníssima, vc voltou! Saudades de vc!!! mrgreen

Paulo e Ana
Paulo e AnaPermalinkResponder

Riq,
A Ana e eu iremos passar o Reveillon em Salvador junto com meus pais e meus irmão e sobrinhos, no total de 09 pessoas, chegamos dia 29 a noite e ficamos até 05/01 no Blue tree.
Gostaria de tua ajuda p/ montar uma programação, vc acha melhor alugar uma van ou negociar com algum motorista local?
Queremos ir a praia do forte e imbassai, tb gostamos de ir a prais mais afastadas como stela maris e flamengo.
um abraço

Paulo

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Olha Paulo & Ana , já fomos algumas vezes para o nordeste com
toda a famila ( tb somos 10 ) e sempre acabamos trocando a van
por 3 carros pois alem de custar o mesmo todos ficam motorizados
e independentes viabilizando as saidas noturnas da garotada e uma
eventual volta mais cedo de um passeio .
Tres carros é tb mais confortavel que uma van .
Para um passeio especifico o melhor é alugar uma van com motorista .

Ana Claudia
Ana ClaudiaPermalinkResponder

Riq,
Tenho que confessar que qdo o frigobar é barulhento, eu desligo antes de dormir, mas fico preocupada para não esquecer de ligar no dia seguinte.

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Frigobar automático eu não vi só nos EUA não, vi na Inglaterra também! Que mêda mesmo, Ric rsrs!!! Mas de barulho nunca reclamei - viva os Ear plugs!!!

Em tempo, dei uma olhada nas cercanias da Paraíso do Atlântico em Noronha e descobri que não é tão longe do Forró e da farmácia, algo que eu (toc toc toc) rezo para não ter que ir durante a viagem mas os caldos de peixe, a comida apimentada e um ou outro mal jeito me fazem ir smile Vou fechar lá mesmo e seja o que Deus quiser, na volta dou feedback!

Lena
LenaPermalinkResponder

Eu já tava me sentindo "A por fora" por ter mencionado aqui o frigobar com chip, como se fosse super novo, e a Majô já tinha visto um em 2000!!!
Agora com a informação de que os megaviajantes, Sylvia e Riq, nunca viram um, fiquei aliviada eekops:

Arthur
ArthurPermalinkResponder

Só uso frigobar no Nordeste, que é mais barato (e mesmo assim, só nas cidades / capitais menores). Nos outros lugares (principalmente Sul e SP), compro água e cerveja no supermercado mais próximo.
Quanto ao barulho, não me incomodo, pois há muitos anos durmo em todos os lugares, inclusive em casa, com tampão de ouvido para natação, em silicone.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Somos clones Arthur eekops:

Vamos fazer a enquete de quantos dormem com silicone no ouvido ?
Eu usava só no avião, depois num ou outro hotel, agora uso d-i-r-e-t-o .
Na verdade comecei a usar sempre depois que encontrei uns ultra macios
na Farmacity em BsAs . Deem um tempo para eles reporem os estoques
pois trouxe todas as caixas que encontrei lol

leandro
leandroPermalinkResponder

Quando tanto consumo no máximo a água, na maior parte das vezes compro o que desejo no mercado mais próximo.

Saiu ontem a premiação do Guia 4 Rodas, pela lista dos estrelados na página do Viaje Aqui o Carlota de SP perdeu a estrela mas não mexeram no do RJ, estranho... Fora isso sem muitas surpresas, teve um restaurante que entrou direto com 2 estrelas em SP (mas não é inédito, já fizeram isso outras vezes sendo a última que me lembro com o Camamo em Tibau do Sul), e 3 estrelas para o Le Pré Catelan (não conheço, mas já me falaram bem).

Fabio Nitschke Gomes

Antes tarde que... smile Frigo abastecido na esquina durante o dia, desligado de noite.

Majô
MajôPermalinkResponder

Lena, em tempo eu não enriquei não hem !! Foi upgrade expontâneo da falecida Soletur, seria outro hotel, mas quando chegamos no aeroporto, o guia disse que tinham alterado... pra melhor lol Também já tinha aquele cartão que abre a porta e acende as luzes.

E ainda sobre frigobar, como o Jorge adoro uma água com gás geladinha, e lá mesmo no hotel não saia tão cara, garrafa São Pellegrino, de 750ml, acho que 3 euros.

SandraM
SandraMPermalinkResponder

"...frigobar que a sua mãe arrumou para você levar na viagem..."

Riq, vc não existe!!

Alê, dá um tempo, tá?!

Bruno Vilaça
Bruno VilaçaPermalinkResponder

Pra mim uma coca e uma água já estão de bom tamanho... Deixo o toddynho, chocolates e quetais para a rua... Acho muito caro e sou pão-duro! grin

Em 2000 fiquei no Pestana São Paulo (acho que na época ainda era Hotel Porto do Sol) e vi esse frigobar modernoso pela primeira e única vez... Tudo que tirava de lá, era automaticamente computado na fatura... Mas desde então nunca mais vi uma geringonça parecida. Acho que não emplacou!

Cadê o Arnaldo para nos dar alguma luz?

Chris Pessoa
Chris PessoaPermalinkResponder

Eu só bebo água, quando ainda não deu tempo de comprar fora, pois acho os preços um abuso! Os hotéis poderiam cobrar um preço mais justo...
Teve uma vez em que estivemos em um hotél no Rio, que não vou falar o nome, ou falo?... ah, deixa pra lá... em que, quando fomos beber água, reparamos que todas as garrafas estavam com o lacre da tampinha abertos. O que pode significar que encheram as garrafas com água sei lá da onde. Até hoje isso me parece tão inacreditável que fico procurando desculpas para isso... mas sei lá. O fato é que os lacres estava abertos.

Majô
MajôPermalinkResponder

Chris, muito esquisito mesmo. O melhor é beber com gás, até porque é mais gostosa.

Majô
MajôPermalinkResponder

Vai ter bolo esta semana wink

Ernesto
ErnestoPermalinkResponder

Eu geralmente nao tomo nada no dito cujo, a noa ser qunado viajo a trabalho... Gralmente estoco algo local, e nunca tinha ouvido falar no tal do Chip, que coisa de mal gosto, voce paga o aluguel do quarto, e nele o frigobar esta incluido !! A mais divertida que vi, foi na geladeira a cozinha um albergue, em que pelo visto mexiam nas coisas dos outros : havia um pedaco de bolo com letras grandes PROVA DE PROCESSO CRIMINAL DE HOMICIDIO. NAO COMER ! Foi em Foz do Iguacu ha muito tempo!

Cleber Kujavo
Cleber KujavoPermalinkResponder

Ái meu deus...

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

Odeio frigo bar, ainda mais trabalhando na rede hoteleira, acho um pe no saco he, he. Acho que so hotel em estrada deveria ter uma geladeirinha para acomodar as pessoas que param la (que geralmente precisam guardar suas coisas). Acho sim que os hoteis deveriam oferecer uma geladeirinha se o hospede precisar.

Bjs.

Abel
AbelPermalinkResponder

Em Havana fiquei no Hotel Riviera. Como tudo em Cuba é caríssimo para o turista, tive certa precaução no consumo do frigobar. A surpresa apareceu depois de sete dias de hospedagem e somente algumas garrafas de agua mineral e Tukola consumidas : 83 Euros, algo como R$ 230,00 reais na época. E não adianta reclamar pois agua e refri custam em torno de 3 Euros cada. Fidel é o mais capitalista dos comunistas que conheço.

Daniela Siqueira

Eu evito frigobar de todo jeito - nada como ser saudavelmente pão-dura
wink
Normalmente, serve de geladeira mesmo - porque eu ADORO ir em supermercado em viagem (pra ver as novidades), e comprar coisinhas pra comer no quarto, além de um vinho nacional obrigatório. Só apelo pro estoque do frigobar quando não tem jeito, ou quando os preços são semi-razoáveis (podem até enfiar a faca, que eu entendo a conveniência da água geladinha na sua frente, mas torcer a faca, aí também não).
Coisa mais boba, mas um hotel de Buenos Aires nos conquistou justamente por não querer cobrar a Coca light que nós tomamos (justamente porque o preço era razoável) no check-out. Já voltei lá, com convidados, e recomendo: é o Loi Suites Recoleta, ótimo.
Em Orlando, Florida, tem alguns hotéis que cobram à parte por colocar à disposição um frigobar (vazio, lógico) pra você usar. E tenho óooodio até hoje de um hotel que tinha essa história insuportável de tudo que você tirar paga - sem contar que não deu pra guardar meus queijinhos sad

rose
rosePermalinkResponder

faço meu suprimento de dilicias e uso como geladeira direto e ignoro solenemente o conteudo exposto...uma aguinha e olhe la...
odeio o barulho do motor,tiro da tomada se incomodar ou uso meus inseparaveis ear plugs de silicone tambem...smile

Camila
CamilaPermalinkResponder

Geralmente nos hoteis onde tripulantes ficam, o frigobar eh vazio. Eles ja sabem dos truques, como furar as latinhas por baixo e depois colocar no lugar (Eu acho isso de uma pobreza absoluta), repor tudo o que comer e etc. Eh, Chris, se isso das aguas do hotel no Rio aconteceu no Gloria ou no Leme Othon, tem maozinha de tripulante nisso.
Frigobar geralmente vira geladeira, mas mesmo quando esta cheia, agora com essa onda dos hoteis de terem maquinas de gelo em todos os andares, basta colocar as comidinhas numa sacola cheia de gelo que tudo se conserva. Se eu ja sei que vou a lugares onde sei que vou comprar "pereciveis", ja levo minha sacolinha termica. Na ultima viagem, ao Brazil, minha sacola voltou cheia de queijo minas frescal e requeijao!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar