Na cola dos gurus

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

maureentonywheeler450.jpg

O casal sorridente da foto é Maureen e Tony Wheeler, os fundadores do império Lonely Planet. Depois de terem viajado para mais lugares do que todos os freqüentadores deste blog juntos, eles devem ter ficado quaquilionários semana retrasada, ao venderem 75% das ações do L.P. para a BBC.

Numa pequena entrevista dada pelo casal sábado passado ao Guardian, Tony explicou a venda como necessária para desenvolver o lado digital da operação. Mesmo assim, ele não acredita na morte do guia de papel -- por enquanto.

Confrontado com a acusação de que o Lonely Planet contribuiria para descaracterizar os lugares que cobre, ele refuta: "As pessoas não vão aonde não podem chegar. Um aeroporto não é construído por causa de um guia nosso; nossos guias são apenas um dos fatores da situação".

Agora que não precisam mais dirigir a empresa, Tony, que está com 61 anos, e Maureen, com 57, vão continuar viajando, só que de um jeito mais slow.

A pedido do Guardian, os Wheelers fizeram uma listinha de 25 lugares que você deveria ver antes de não poder mais sair de casa por ordens médicas. É uma coleção interessante de lugares pouco óbvios. (Tirando Katmandu, o Marais, Berlim, Cusco e o Monte Fuji, os outros vinte destinos teriam dificuldade de emplacar nessas listas de novas-maravilhas-do-mundo.)

Clique nos textos em azul para saber do que os gurus do Lonely Planet estão falando.

Ilha Lizard, na Grande Barreira de Corais australiana; 

• A cidadezinha universitária de Berkeley, perto de San Francisco, bastião da contracultura americana;

• A ilha polinésia de Rangiroa, com sua população de tubarões;

• A lindinha Hanói, no Vietnã;

• A ilha gelada da Geórgia do Sul, entre as Malvinas e a Antártida;

Katmandu, no Nepal;

• A caminhada de 300 km costa-a-costa na Inglaterra, saindo de St. Bees, no mar da Irlanda, passando pela Região dos Lagos inglesa até chegar à Baía de Robin Hood;

• A capital da Geórgia, Tbilisi, com "suas igrejas ortodoxas de pedra, encarapitadas nas colinas como se fossem stupas birmaneses";

• Florença? Roma? Veneza? Não: Nápoles!

• A encantadora Ubud, em Báli;

• O bairro do Marais, em Paris;

• O desértico vale Methkandoush, na Líbia;

• O fértil Delta do Okavando, em Botsuana;

• O vilarejo de Yangshuo, à beira do rio Li, que se tornou a meca dos mochileiros na China;

Isfahan, no Irã;

• O vale dos dinossauros de Nemegt, na Mongólia;

• O lado oriental de Berlim;

• O trio de lagos vulcânicos de Kelimutu, na ilha indonésia de Flores;

• Escalar o Monte Fuji;

• O Deserto de Simpson, na Austrália do Sul;

• A mais antiga cidade continuamente habitada do planeta: Damasco, na Síria:

• A jóia colonial espanhola de Cusco, no Peru, com seu tesouro arqueológico inca, Machu Picchu;

• A travessia da Córsega pela trilha GR-20, por entre as montanhas;

Belfast, na Irlanda do Norte, terra de Maureen, poupada da especulação imobiliária por conta das décadas de conflitos político-religiosos;

• Sobrevoar a imensidão gelada do extremo norte do Canadá, vindo da Inglaterra em direção à costa oeste americana.

Confesso que metade desta relação nunca esteve sob o meu radar -- mas acabei acrescentando alguns lugares à minha listinha de desejos (em especial Kelimutu, Yangshuo e Tbilisi).

E você? O que achou dessa coleção? Tem algum destino que entrou para a sua lista de sonhos de consumo?

35 comentários

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Minha lista de sonhos de consumo é imeeeeeeeensa... eu já visitei alguns dos citados por eles, e alguns dos demais já estavam mesmo na minha superhigamegalista de places to go. Pra acrescentar, Kelimutu!

Alinelima
AlinelimaPermalinkResponder

De todos só escalei o Monte Fuji, e vale a pena meeeeesmo. Ilha de Páscoa, me aguarde!

Cris
CrisPermalinkResponder

Uh la la

Eu soh conheco dois dessa lista aih. Estou precisando viajar mais. Confesso que alguns locais eu nunca nem ouvi falar. Vou dar uma olhadinha e te conto depois. Mas a principio a tal ilha gelada é bem tentadora!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Yangshuo está na minha lista faz uns anos , aguardando a Air China
entrar na Star Alliance para viabilizar smile
A idéia é conferir numa mesma viagem tres figurinhas que guardam
alguma semelhança :

O Rio Li ( de Guilin a Yangshuo mas sem cruzeiro organizado )
http://www.travelchinaguide.com/attraction/guangxi/guilin/li_river.htm

A Baia de Halong ( num dia não nublado )
http://www.vietscape.com/travel/halong/

Koh Phi Phi Ley ( a tarde num dia ensolarado )
http://www.trekearth.com/gallery/Asia/Thailand/South/Krabi/Koh_Phi_Phi_Ley/

Isfahan me parece muito atraente, mas falta paciencia para encarar o Irã.

Ricardo Freire

Eu nunca estudei a China direito, Sylvia... (Talvez porque eu ache a comida chinesa seja toda baby food!)
mrgreen

Zé
PermalinkResponder

Eu gostaria de fazer essa caminhada pela Inglaterra. Deve ser cansativa, porém, lindão... wink

Ricardo Freire

Você já caminhou em alguma trilha na mão inglesa, Zé? Não deve ser fácil :roll:

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Já viu né Riq ... China e Vietnam tem baby a vontade , então estou em casa grin

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Georgia do Sul está na minha listinha há tempos....
Kelimutu eu achei lindo, exótico, fantástico! Mas seria bem mais provável que antes eu fosse sobrevoar o Canadá.
A caminhada também achei uma idéia e tanto, mas eu não faria caminhando...pode ser de carro? mrgreen
É que tem tanto lugar que eu gostaria de ir... minha lista não tem fim e só aumenta ... ainda bem que não tenho pressa! smile

Carla
CarlaPermalinkResponder

Uau, se eu não tivesse ido a Cuzco agora em julho teria ficado até deprimida com essa lista... razz Preciso tomar sérias providências em relação a isso - já vou começar a programar uma incursão a Berkeley para o meu período californiano...

Ricardo Freire

Me tira essa dúvida, Carla: Cuzco ou Cusco?

Eu sempre usei Cuzco; no índice tá Cuzco. Mas daí quando fui pesquisar um site para dar um link para o destino, vi que todos estavam escrevendo com "s" -- inclusive os peruanos.

Na vida real, lá em Cuzsçko, como é que eles escrevem?

Lucia Malla
Lucia MallaPermalinkResponder

Rangiroa já estava na minha lista EXATAMENTE por causa dos tubarões... grin

Eu sonho com Kathmandu, tbm, cada dia mais. E dessa lista acho q fiquei com vontade de conhecer a ilha de Lizard e de fazer esse sobrevôo gelado... deve ser lindíssimo.

Carla
CarlaPermalinkResponder

Riq, eu acho que em espanhol se escreve Cusco, com S. Mas eu, que sempre vi Cuzco com Z, antipatizo de graça com a outra grafia e teimo em escrever assim... wink Em inglês acho que adotaram a grafia com Z - não sei o que se escolheu em português...

Zé
PermalinkResponder

Mai Gódi, Riq! Ainda bem que você lembrou. Eu tinha me esquecido da mão inglesa. Tô fora dessa... Quase morri atropelado nas Bahamas! shock

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Oi Zé !
Passei no blog ontem e a-d-o-r-e-i os relatos venezianos de vcs smile

Marcio
MarcioPermalinkResponder

Kathmandu sempre esteve na minha, mas dicas das feras temos que analisar com cuidado uma a uma. Ó estou no norte da Suécia. Tem muita coisa interessante por aqui. Mas a correria do trabalho não me deixou conhecer muito a região de Umeâ.

Já estava com saudade de passar por aqui.

Riq, mais um ótimo post, quando vi a notícia lembrei do VnV. Tinha que postar mesmo.

Abs!

Zé
PermalinkResponder

Carla, você comeu muito Cuzcuz em Cuzco? lol

Zé
PermalinkResponder

Oi, Sylvia!!! Brigadão!!! Aguarde porque vai ter muiiiito mais mrgreen

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Marcio , já que não sou fera vai firme !
Amei Kathmandu , e olha que eu tinha muuitas expectativas .
Vais tirar fotos incriveis .. isso é garantido smile

Ernesto
ErnestoPermalinkResponder

Sao todos lugares de Sonhos... Cuzco, Napoles e Berkey que eu conheco sao inesqueciveis.... Mas, os outros sao mais dificeis....

Ernesto
ErnestoPermalinkResponder

Off tpoic:

Amigos do VNV

Direto de São Francisco.... Uma Cidade ainda inédita no VNV...

Esta e mais uma das Cidades que vale a pena conhecer. Uma mistura de panoramas, culturas, e os imperdíveis passeios de bonde ( A Cidade comprou bondes antigos do mundo todo, do México a Rússia, passando pelos que rodavam no começo do Século da Itália), além dos bondes, que ainda hoje São movidos a cabo, e que fica mais interessante ainda quando você vai no museu e vê todos os sistemas que operam os bondes

Outubro e segura mente a melhor época do ano para ir. O clima e agradável, entre 10 e 20 graus, e não e alta temporada.

A natureza também torna a Cidade exuberante, como muitas Cidades situadas em Baias (quem já foi para o Rio, Sidney, ou Vancouver sabe do que eu estou falando), com o charme de parques para passear a pé, e das casas vitorianas. á diversos parques, com suas vistas da Golden Gate, que você também pode percorrer de diversas maneiras, seja a pé, seja com um autentico carro de bombeiros dos anos 50 ( eu fui de bicicleta) e seus museus de padrão mundial, e com temas diferentes dos que vemos aqui, como o Asian Museum, e o Jardim Japonês, ou o de um submarino da Segunda Guerra Mundial.

Eu estou fazendo um pequeno curso de inglês, de 2 semanas.

A maior vantagem e a de se sentir um pouco como um habitante da Cidade e não como um turista, conhecendo a Cidade aos poucos, e ate comecar a gostar do imenso copo de café americano sem gosto... e conhecer o supermercado da esquina, os pequenos restaurantes que não estão no guia, e a hospedagem de longo prazo, que e mais barata (porem menos confortáveis) do que um Hotel. Na residência estudantil em que estou há estudantes de língua, e de musica, como bônus, um violinista que esta estudando bach, e um trompetista que ensaiava Mozart... Quanto ao curso a carga horária e maior, de 4 horas por dia, e assim, o rendimento e melhor.

Por outro lado, o curso não foge muito daquilo que temos no Brasil, com horas de gramática (o que para um viajante, que quer simplesmente aprender a se comunicar, não tem nenhum sentido), muitos tempos verbais, e exercícios como passar da Voz passiva para a voz ativa, enfim nada muito diferente do velho the bock is on the table. Os professores tampouco não tem nada de excepcional, salvo o fato de serem native speakres. Não há uma didática muito diferente, e que motive o aluno, principalmente para aqueles que, como eu não curtem muito apreender linguais, mas sabem que quando se conhece o idioma do pais visitado, a viagem fica mais rica e interessante.

Quanto aos colegas, há pessoas do mundo inteiro, porem infelizmente a integração e limitada, pois em geral os asiáticos falam entre si, e os brasileiros praticam, o .... português.... O social e da faixa do curso, ou seja dos 20 aos 25, e mais focado nas baladas e festas, e menos nos passeios e atividades culturais que fazem mais a minha cabeça....

A melhor parte e procurar conversar com as pessoas na rua, nos parques, e se deixar conhecer a Cidade aos poucos. O melhor curso de linguas e conversar com o vellinho que serviu no submarino, e hoje e voluntário do museu, e adora contar sobre sua juventude, a dona do cachorro, o motroneiro do bonde contando sobre o seu trabalho...

Para turistar, no entanto deve-se ponderar que num curso de linguas o seu tempo para flanar fica bem reduzido, pois a maioria das atrações fecha as 5, e se sai do curso as 13:30, de modo a que e necessario ter tempo para aproveitar bem. Eu acho que vale a pena sobretudo para quem quer conhecer bem uma Cidade grande, e a sua cultura.

Algumas dicas do pato econômico:

Procure chegar no começo do mês. Na primeira semana de cada mês, todos os museus São gratuitos, como da Ásia, o Young, que fica no Golden Gate Park, inclusive o Legion of Honor, que apesar do nome não e um museu militar, mas de arte Européia, e que vale a visita. Você economiza 40 Dólares. Na primeira quarta o zoo e grátis.

Em vez de comprar uma passagem de bonde com o condutor, por 5 dólares, compre um passe por viagens ilimitadas de 3 ou 7 dias, por 18 e 24 dólares, respecitvamente, e que valem para todos os meios de transporte, inclusive os bondes.

Opera e concertos tem bilhetes de ultima hora. Assisti um concerto maravilhoso por 20 dólares. E só chegar no teatro meia hora antes de comecar. ( Alô Sala São Paulo, que tal fazer esta promoção?)

Procure pelos cupons de desconto, para os Hotéis, que chegam a 50% do valor da diária, especialmente se viajar de carro, e com um internaria flexível, que torne reservas antecipadas algo meio sem sentido. Eles São facilmente encontráveis no final do Bonde da Hide Street, e na estrada, nos postos de gasolina, e nas areas de descanso (rest areas) . Somente dois tem versao na internet: roomsaver.com e hotelcoupns.com

No principal Shopping, ao lado da Powel Street, e perto do centro de informacoes turisticas, ha um grande Shoping. Dois pontos interssantes. Internet gratis no Bank of America, e um supermercado, onde se come uma comida por quilo mais saudavel, com saladas e afinas, e mais em conta do que no Restaurante, e que voce pode levar para a praca de alimentacao.

O Cambio torna as compras atrativas, ainda mais agora que e hora da liquidacao do Columbus Day. Uma calca Levis custa 25 dolares, um tenis Rebock ou Nike entre 35 e 70. Mas a melhor dica de todas sao os bazares da goodwiill.org, onde ha roupas, em sua maioria usadas, mas em excelente estado, doadas por aqueles que nao gostam de reptir a mesma roupa. Voce compra uma camisa social Raph Lauern ou Tomy por 7 dolares !!! E quase o preco de mandar lavar . Uma calca social, de boas grifes por 12! E, ainda ajuda uma origanzacao assistencial. Fica perto do metro Van Ness, na esquina da Mrket Strett.

Hoteis: Os hoteis em Sao Francisco sao caros, e so perdem para Nova York. Mas, ha diarias nos youth hostels a partir de 25 dolares.

Duas sugestoes diferentes: uma e um bed amd brekfest, pequeno e muito charmoso perto do Golden Gate Park, com diarias com taxas a partir de 180 dolares com taxas, www.stanyanpark.com e outro, um hotel tematico que lembra bem o estilo be sure to wear some flowers e todo o estilo psicoldelico dos anos 70 www.redvic.com com diarias a partir de 100 dolares, sem benheiro no quarto e 150 com. Quando voce for procurar pelos hoteis, em regra, os precos dos sites NAO incluem o imposto de 18%.

Sim, se come bem nos Estados Unidos. E so procurar qualquer restaurante que nao tenha comida americana, como os chineses, vietnamitas, gregos, japoneses,mexicanos (estes tem arroz e feijao para quem tiver saudades... Ha tambem varios lugares com bufe de salada. Os italianos, porem dexam muito a desejar...

Riq : Voce nao quer fazer uma enquete. Cursos de linguas. Quem ja fez? Como reservou? Gostou ?

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Que ótimo ter noticias em tempo real Ernesto !
Adorei os teus depoimentos mas senti falta do Fisherman’s Wharf e dos
Piers .. vou aguardar teus proximos posts !
Enquanto isso come um chocolatinho por mim na Ghirardelli Square tá ?

Carla
CarlaPermalinkResponder

Ernesto, que saudades de San Francisco!!! Faz um favorzinho para a sua amiga? Vai ao Fisherman`s Wharf comer um crab and shrimp sandwich por mim, por favor... wink

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Todo mundo com fome ... sanduiche com chocolate ..hummmmm

Carla
CarlaPermalinkResponder

Bem lembrado, Sylvia, um chocolatinho da Ghirardelli... Ai, que delícia! grin

leandro
leandroPermalinkResponder

Destas só fui a Berlim, e fiquei mesmo no leste, num bairro meio fantasma, o Mitte, mas gostei muito da cidade. Gostaria de ir a qualquer uma das cidades exóticas, além de escalar o Monte Fuji.

GiraMundo com Jorge Bernardes

Ernesto, isso foi um post no post!!!! Deu saudades de San Francisco. A mais gostosa cidade americana!!!!

Já vi tudo, esse seu curso de inglês é como todos os outros de curta duração... pretexto para passear! Mande ver no tour que você aprende mais hahahaha

Olha, esse casal da foto é tudo o que eu gostaria de ser com minha mulher quando eu crescer. A lista deles é bem legal, eu não havia pensado em Geórgia do Sul, mas nas Malvinas/Falklands, eu sempre penso. Sei que tem um vôo da Lan Chile até lá e toda hora penso naquele lugar. Um dia, eu vou!!!

Bom, mas vou precisar parar de trabalhar de fim de semana e feriado...Este vai ser o último! E tenho dito!

GiraMundo com Jorge Bernardes

Essa viagem pela Córsega deve ser demais!!!! E se juntar com a Sardenha...

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

Acho que A travessia da Córsega pela trilha GR-20, por entre as montanhas entrou pra minha listinha smile

Claudio Lara
Claudio LaraPermalinkResponder

Desta lista e respondendo a sua pergunta:

-Lagos vulcânicos de Kelimutu
-Katmandu, no Nepal
-Deserto vale Methkandoush, na Líbia

Mas pra indicar exatos 25 lugares do Mundo para viagens, na minha lista só entraria Cusco.

Karinissima
KarinissimaPermalinkResponder

Riq, pelamooooor... Vá amanhã para ISFAHAN!!! É uma das cidades mais lindas do mundo, pode perguntar para qualquer muçulmano que se preze. smile

http://br.youtube.com/watch?v=aacfaolAxx0

Outra que recomendaria é Samarkanda, no Casaquistão. Templos sufis maraaaaviiiilhoooosos com muito azul turquesa. Só não vale levar o monoquini:

http://br.youtube.com/watch?v=yVDY4oPL9Fc

Ok, ia terminar o comentário aqui. Mas não posso deixar pra lá a nova menina dos meus olhos... San'a, no Yemen. Parece uma cidade de brinquedos quando se está no centrinho medieval... Não se como se chamam aqueles predinhos...

http://br.youtube.com/watch?v=7tuQagz4C68

Os predinhos de brinquedo, Riq:

http://www.flickr.com/photos/meriem/87483588/

E pra não dizer que eu só piro com países islâmicos... Visite a Romênia. smile Desça em Bucareste e vá para a Transylvania. Visite o tourist trap que é a casa do Drácula. É um baita pega-turista mas é legal a valer. Passe um dia no centrinho de Brasov, é tãããão bonitinha...

http://br.youtube.com/watch?v=isSD7bmt-IM

smile

Karinissima
KarinissimaPermalinkResponder

sem falar que o romeno é uma mistura de idiomas que lembra muuuito o português misturado com italiano with a certain touch de idiomas eslavos. é lindo e super fácil de aprender, em 3 dias eu já falava o básico e me virava. smile olha que super destino diferente!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Vais acabar ganhando um apelido por aqui Karini ,
Karinexotique :roll: smile , e te cuida viu ?
Quando falei em Sana quase me mataram .. ah ! aqueles esdificios de
argila com janelinhas minusculas brancas parecem de chocolate , hummm

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Nossa, Karina, você até me assusta...tudo o que você citou no seu comentário são fetiches meus, menos Sana'a, talvez: Isfahan, ok; Samarkand, mais que ok (aliás, Uzbequistão inteiro); Romênia, também ticada (assim como a Bulgária).
Da lista do casal 20, fico com a caminhada costa-a-costa na Inglaterra, Tblisi, Kathmandu, Ubud (depois de ter minha curiosidade despertada pelo Riq), Delta do Okavango, Isfahan, Ilhas Lizard, Córsega (já ouvi falar maravilhas dessa GR-20) e Cuzco, que é a única que eu conheço da lista.
Adorei esse post!

Simone
SimonePermalinkResponder

gostaria de dicas para onde ir com meu esposo de ferias 30 dias a partir de 16 de junho, alguma cidade, talvez pegar um carro, e depois uma praia talvez formentera ou sardenha. nao queremos gastar muito. ainda nao fomos para asia. europa conhecemos já bastante. tenho medo de gastar muito mais na asia. algima dica pra nos? estamos meio em cima da hora e sem muita ideia.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar