Roteiros de Charme: as novidades 2008

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Deu semana passada n'O Globo (com jeito de release exclusivo) a relação dos novos integrantes da associação Roteiros de Charme, valendo a partir da temporada 2008. São duas pousadas de praia no Nordeste, duas no Sudeste e dois hotéis no interior de Santa Catarina.

Ao mesmo tempo, três hotéis foram desligados da associação: a pousada Tankamana de Itaipava (que tem fãs e antipatizantes entre a tripulação do blog), o hotel Galápagos Inn de João Fernandes (que eu nunca entendi direito porque fazia parte do clube), em Búzios, e a Fazenda das Minhocas, em Jaboticatubas, Minas (este, o único hotel brasileiro a fazer parte da associação de green tourism britânica Organic Holidays).

Bom, mas vamos aos recém-admitidos.

    orixas400.jpg

Lá do Ceará, em Fleixeiras, 130 km a oeste de Fortaleza, vem o Orixás Art Hotel. A praia não é tão vazia como a próxima a leste, Guajiru, nem tão bonita quanto a próxima a oeste, Mundaú. Mas está se tornando um pólo de kitesurf para quem não quer ir atéééé Jeri. O hotel é de um casal que foi dono por muito tempo do restaurante Orixás no Embu, nos arredores de São Paulo. A construção começou em 2001, e o site ainda informa que duas suítes estão em processo de finalização. Eu visitei o hotel há dois anos (sem me hospedar), quando estava com apenas algumas suítes funcionando. Todas ficam no mesmo predinho com arquitetura peculiar e decoração, ahn, extremamente personalista. Quase todas as suítes têm piscinas privativas -- duas delas, bem grandinhas, como esta da foto, da suíte principal. Acho tudo um pouco excêntrico demais; entendo que, nessa região, 600 reais de diária poderiam me dar um bangalô com piscina, e não apenas uma suíte.

refugio450.jpg 

A segunda novidade nordestina do elenco é a pousada Refúgio da Vila, na Praia do Forte. Também só visitei, mas fiquei com a melhor das impressões. É uma pousada que não faria feio em Trancoso. Seu único defeito é não estar pé-na-areia; fica no condomínio à esquerda (norte) da vila, a uns cinco minutos da praia. (Mas se estivesse na beira da praia, as tarifas seriam bem maiores do que os R$ 240 atuais, na baixa.)

    portoimperial400.jpg

Paraty volta a ter um integrante no Roteiros: a pousada Porto Imperial. Não é das minhas favoritas na cidade, não. Gosto das áreas sociais, mas acho os quartos demasiadamente simples (com o agravante de darem quase todos para a rua da passagem para o estacionamento da Praça da Matriz). Como o site não fala em camas box e as fotos não mostram camas box, acredito que o hotel ainda não tenha trocado seus colchões por box (um pecado comum no centro histórico de Paraty; até onde eu sei, só a Urquijo, em alguns quartos, e o Sandi, têm -- se você souber de outra, me conte, por favor). Me incomoda um pouco também o mercadinho pobre de artesanato que se instala todas as noites em frente ao hotel. As diárias começam em R$ 200.

O outro novo-charmoso do Sudeste é a pousada Solar Singuitta -- o que não é novidade para os leitores do Viaje na Viagem, desde que os intrépidos pais da Sylvia descobriram e recomendaram o lugar, em maio deste ano. O Solar Singuitta fica na ponta sul da ilha, sem praia mas com uma vista linda (e próximo a trilhas e cachoeiras do parque estadual). Diárias desde R$ 450.

Fechando a lista, dois hotéis catarinenses. Um está retornando: é o hotel Anthurium, de Joinville, que já pertenceu aos Roteiros em priscas eras. O hotel funciona num casarão histórico, construído para ser a casa do primeiro bispo de Joinville, no início do século passado. Os jardins parecem bonitos; nos apartamentos, eu trocaria os carpetes, que pelo site levam jeito de ser históricos, também. Diárias camaradíssimas: desde R$ 125.

Deixei por último aquela que me parece a mais interessante das novas adições: o Rio do Rastro EcoResort, lá pros lados de São Joaquim, a cidade mais fria do Brasil. Só a estrada (está na capa do site) já dá motivos suficientes para fazer a viagem. As cabanas parecem aconchegantes, e gostei muito de o hotel incluir nas diárias passeios guiados (até algumas cavalgadas). O menu de expedições (cobradas à parte) também é apetitoso. O GiraJorge já esteve lá e adorou. Diárias desde R$ 432.

77 comentários

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Também conheço um casal (de idade, inclusive) que esteve no Rio do Rastro e adorou, Riq. Saíram de SP de avião, alugaram carro em Fpolis, pegaram a estradinha, deu tudo certo. Acharam mega lindo o lugar.

Rosa
RosaPermalinkResponder

Eu excluiria o Recanto das Toninhas (Ubatuba) da lista. É muito fraco. Só salva a localização pé na areia, o restante........... deixa muito a desejar...........

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Nao conheço o Rio do Rastro Resort, mas conheço a Serra do Rio do Rastro, que começa na cidadezinha de Lauro Muller, onde moram meus avós paternos e onde passei todos os reveillons da minha infancia e alguns da adolescencia. A serra é linda (era caminho de tropeiros na primeira metade do sec XX (meu avo fazia esse caminho a pe´, durante dias, para trazer o gado), vale muito a pena subí-la, tem umas vistas fantasticas (em dias claros) e as vezes até algum encontro inesperado com o bugil (uma especie de macaco de pelo ruivo). Para a volta, recomendo ir a Urubici e descer pela Serra do Corvo Branco. Essa ultima eu nao conheço, mas meus pais sim e adoraram.

Adriane Lima
Adriane LimaPermalinkResponder

Durante um evento, eu jantei na Refúgio da Vila, em Praia do Forte. Gostei muito das opções servidas, e adorei o lugar. É num ponto bem tranquilo da vila, e por um atalho pelo condomínio vc chega bem rápido às piscinas naturais - mais rápido do que o caminho mais comum, via Projeto Tamar...

Marina
MarinaPermalinkResponder

Sinceramente, Riq, acho que o Roteiros de Charme muitas vezes deixa a desejar nas suas avaliações.

Prefiro me pautar pelas indicações dos amigos (reais e virtuais) que levar em conta o fato de ser um associado do RC!!!!

beijocas

Hugo
HugoPermalinkResponder

É uma pena que a Tankamana tenha saído, mas fico extremamente feliz em ver que a Fazenda das Minhocas finalmente tenha sido descredenciado.

Estive hospedado das "Minhocas" uns anos atrás e achei muito fraco o lugar, e um amigo meu esteve lá recentemente e também não gostou.

Quanto aos novos inscritos eu ainda não conheço, e como estou programando uma viagem para os EUA dificilmente terei tempo e dinheiro para fazer viagens paralelas até lá.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Outra coisa que esqueci, seguindo dicas aqui do blog eu fui em Tiradentes e me hospedei na Brisa da Serra, e o lugar realmente é demais. Um excelente custo benefício, pois se recebe muito pelo que se paga.

ed
edPermalinkResponder

essa pousada do Ceara tem duas coisas estranhas: fica entalada entre outras construcoes em uma parte feinha do vilarejo e a praia em frente nao tem nada de mais; e o bar que da na areaia da praia fica fechado por correntes com a placa "reservado aos hospedes". Achei, no minimo, estranho.

ANA
ANAPermalinkResponder

Soube de um babado ( in off) de que a Tankamana se desligou do Roteiros de Charme porque o dono se filiou ao Circuito Elegante e o pessoal do Roteiros não gostou muito. Ou seja, é do Roteiros de Charme, não pode ser do Circuito Elegante. Em verdade, se vcs repararem, não tem uma pousada ou hotel sequer que esteja listado por ambos.
E cá entre nós, tem algumas pousadas no Roteiros que não chegam aos pés da Tankamana por exemplo.
Abraço a todos.

Ivana
IvanaPermalinkResponder

Oi Riq,

O dono da Orixas é o mesmo da Solar da Velas (antigo Solar das Flecheiras), que fica em Mundáu (CE).

Estou pensando em passar o reveillón naquela região. Eu vi algumas pousadas na Internet, como o próprio Solar, Rede Beach Resort & Spa (nome pomposo, né?), a Cabôco Sonhador (pitoresco).

Vc conhece alguma dessas? Poderia dar alguma indicação?

Ivana

Majô
MajôPermalinkResponder

Eu pessoalmente acho a pousada do Sandi, over. Prefiro o estilo da Porto Imperial.

Ricardo Freire

Ed, não mentiram pra você, não mrgreen

Ivana, aí nesse bolo tem pousadas de vários níveis de conforto.

A mais bacana é esse Rede Beach Resort (!), que nada mais é do que a antiga Pousada Nativa de Guajiru, com uma belíssima piscina nova e outros upgradezinhos. Podendo, eu ficaria nela.

O Solar das Velas é a opção básica-bem localizada (está no centrinho da vila das Fleixeiras).

Já o Caboco Sonhador é muito roots, você não achou não? (Clica na foto do apartamento...)

Considere também o hotel Vivamar, na Lagoinha. Se bem que as fotos do site não fazem jus nem ao hotel, nem à piscina, nem à paisagem. Mas enfim...
http://www.vivamarhotel.com.br

Ricardo Freire

Majozita, também não morro de amores pelo Sandi. Mas prefiro o Sandi ao P.I. :roll:

Majô
MajôPermalinkResponder

Ricardo, quando passo pelo Sandi a minha impressão é que passo em frente a uma vitrine, acho demaissss para a cidade. A sala do Porto Imperial é muito mais aconchegante e tem mais a ver com o estilo Paraty. wink

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Quanto ao Solar Singuitta , lembro de um comentario que até me surprendeu : tens que ir lá e ficar na suite vip , é espetacular !!
( me surprendeu pois não costumam elogiar tanto assim apts de hotel )

Off topic , mas não poderia deixar de compartilhar com vcs.
Se tudo continuar como está fica aqui uma sugestão para ser utilizada
a partir de junho de 2008 ( antes disso está indisponivel )
http://www.bytargentina.com/re/propview.php?view=2317&tmo=4&tyr=2008#abajo
( não precisa agradecer viu ? é só me dizer a data que lá estarei como
convidada não espaçosa )

Ricardo Freire

Majo-ô: eu também acho os ambientes sociais do Porto Imperial charmosos. Minha bronca é com os quartos, que são vagabundos para um grupo que também é dono do Hotel do Frade (que tem o meu maior apreço) e que não justificam ser escolhidos como roteiros-de-charme em pleno 2008... só isso shock mrgreen

Majô
MajôPermalinkResponder

Riqqqq, eu não vi os quartos. Verdade que eles são donos do Hotel do Frade e tem muita $$$ deveriam caprichar nos quartos.
Mas, eu ainda acho o Sandi uma exibição de luxo que não combina com Paraty. mrgreen

Ivana
IvanaPermalinkResponder

Oi Riq,

Obrigada pelas dicas. Tô tentando na Beach resort, mas eles tão querendo empurrar um tal quarto standard, sem vista e sem frigobar, 3 diárias por 1.299, 00. No site não tem esse tipo de quarto, a a informação é que todos tem frigobar. Vou tentar negociar....

Ricardo Freire

Eu até simpatizo com o Sandi hoje, Majô, porque na verdade eles deram uma mexida na decoração há alguns anos. Antes todos os ambientes eram meio de clube inglês, com sofás de couro tipo chesterfield e luminárias verdes. Daí eles deram uma tropicalizada, revestindo os móveis de clores claras e estampados floridos. Achei que valeu a intenção grin

Helô
HelôPermalinkResponder

A Tankamana, para mim, ainda é a pousada mais charmosa da serra fluminense. Nada a reclamar, sou só elogios.

Elisa
ElisaPermalinkResponder

Riq,
até alguns anos atrás eu me baseava muito no Roteiros de Charme na hora de escolher minhas pousadas, mas nos últimos anos (depois que achei que não tinha nada a ver o hotel de Búzios com Roteiros de Charme e outros que não quero citar o nome) eu prefiro escolher através de indicações de amigos e em especial das suas dicas, o Orixás club, por exemplo, eu escolhi depois que vc escreveu uma nota sobre este hotel na VT ano passado. Este e muitos outros lugares, uns cinco anos atrás vc me deu um dica maravilhosa em Playa del Carmen, nem lembro o nome do hotel, mas lembro que gostei muito e que foi vc quem indicou.
Assim, eu acho que vc poderia até pensar em "criar" uma associação de Pousadas e Hoteis com sua "assinatura". O quê vc acha? Pense nesta idéia, acho que vc tem tudo a ver com um "Roteiros do RiQ". Seria talvez até uma forma de vc explorar financeiramente este seu conhecimento.
É só uma idéia, mas eu não sou do ramo... Beijinhos!

leandro
leandroPermalinkResponder

A lista é muito grande, e muitos dos hotéis estão muito longe do que considero um "hotel de charme", acho que não basta ter charme em uma das áreas (soial, por exemplo) e quartos ruins, e alguns dos hotéis desta associação (e não são poucos) sofrem com este problema.

A página do novo Guia 4 Rodas no Viaje Aqui está muito ruim, alguns destinos que não aparecem: Ilha Grande, Jericoacoara, Porto de Galinhas... com certeza no guia de papel tem, são destinos importantes.

Maryanne
MaryannePermalinkResponder

Roteiro do Charme é uma coisa que nao me pega. Minha irmã ficou numa pousada na regiao de Penedo (nao lembro mais onde era) que era do roteiro do charme e tinha samambaia de plastico na recepçao!!!!! Durante o almoço, ela escutou a conversa na mesa vizinha e descobriu que o dono da pousada era o presidente do Roteiros....
Riq, vc percebeu que o post de Roma nao vingou? Queria tanto dicas de hoteis bons, baratos e bem localizados por lá.

Majô
MajôPermalinkResponder

Riq, acho que tem dourado demais wink

Ricardo Freire

Maryanne, o presidente do Roteiros não tem pousada em Penedo, não; ele é dono do Rosa dos Ventos em Teresópolis (nunca visitei).

Olha só -- o post de Roma não vingou como Paris em parte porque já havia muitas dicas nos posts que estão listados no corpo do texto. Tem também indicações de hotéis no post dos hotéis em conta; tem que garimpar.

http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/02/05/enquete-da-semana-hoteis-em-conta/

Procure também no Eurocheapo,
http://www.eurocheapo.com/rome

Maryanne
MaryannePermalinkResponder

Tks. Vou pesquisar melhor nesses links.

rose
rosePermalinkResponder

roteiros de charme pra mim sao os do "Riq"wink

Carmen
CarmenPermalinkResponder

Ricardo,
Cuando leo este tipo de entradas que me encantan!!!, me entristezco porque no estoy en Brasil y no podré conocer todo lo que yo quisiera...
Siento algo así como saudade!!!

loris
lorisPermalinkResponder

lendo os comentários não posso deixar de apoiar a idéia de um roteiro feito pelo você.
afinal lá fora existem tantos guias e aqui só temos o 4 rodas.
porque não um guia?
pense um pouco sobre isso.

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Carmem,
estou no Brasil e não dou conta de conhecer tudo!!! rsrs

Ainda mais com estes preços de diária. Prefiro gastar com outras coisas: vinho, comidas locais, passeios, extravagâncias.

Bom feriado a todos de um rio ensolarado - fui pra piscina smile
bjs
Cristina

Ricardo Freire

A Carmen precisa ser contratada pela Embratur!

Ela é a melhor garota-propaganda que existe do Brasil!

monica
monicaPermalinkResponder

Ricardo,

Não estão nos roteiros de charme as pousadas da rota ecológica?? Pelo que você diz deveriam estar todas... Não sei se você se lembra mas andei fazendo perguntas uns dias atrás sobre a tabapitanga e a berro do jeguy; mudei de idéia, vou para a pousada do caju na praia do toque.... adorei suas reportagens sobre a região. obrigada... abraços

Ricardo Freire

Monica, a Pousada do Toque faz parte dos Roteiros. Mas eu acho que praticamente todas poderiam entrar, sim grin

Elisa
ElisaPermalinkResponder

Riq,
vc pensou na idéia que te deixei acima?

GiraMundo com Jorge Bernardes

É verdade, o boca a boca que a Carmen deve passar na Espanha sobre o Brasil não tem preço... Carmen, a gente agradece!!!!

Olha o Rio do Rastro EcoResort é demais! Eu acho que o nome EcoResort não tem nada a ver com a proposta deles. Foi o único defeito que eu achei...

O aquecimento dos quartos é impecável (já pensou se não fosse?). O atendimento dos guias, a montaria, tudo demais. Eu acho que dá pra passar uma semana inteira lá fazendo passeio todo dia.

Estou louco pra voltar lá. O cenário é lindo, as pessoas são ótimas, a comida é deliciosa, o atendimento é super personalizado, sem ser pegajoso ou invasivo, é na medida. A gente adorou.

E pelo que andei olhando agora no site, parece que a infra está ainda melhor, dá pra chegar de avião até Criciúma... Bom, porque de carro a partir de Floripa, eu achei longe e bem chatinho...

Uma viagem que quero voltar a fazer ali é ir pela estrada de terra do Rio do Rastro Eco Resort até o Parador Casa da Montanha (acho que nossos colegas destemperados são frequentadores...) no RS perto do Canyon Fortaleza.

http://www.paradorcasadamontanha.com.br/

monica
monicaPermalinkResponder

Ricardo, não sei se vai se lembrar (são tantos neste blog!!!) mas vou à Pousada do Caju (toque) no feriado de 15 de novembro e não consegui voltar por Maceio (não tem passagem da tam no dia 18). Vou precisar ir e voltar por Recife.... você acha viável ou não compensa? Muitas chances da gente se perder? Conversei com o Sr. José Carlos na pousada e ele me disse que são 3 horas de viagem, parece que há uma balsa no meio do caminho... o que você acha? Alguma dica ou outra sugestão?
Obrigada e um abraço para você, MUITO sucesso!

Ricardo Freire

Muita gente vai por Recife, Monica, por causa da maior oferta de vôos. A estrada é boa e, de dia, a parte da balsa é pitoresca. Mas se vocês chegarem à noite eu acho melhor contratar um trânsfer (o pessoal da pousada deve ter alguém na manga).

Hugo
HugoPermalinkResponder

Mônica, quando eu fui para o Toque peguei um transfer em Porto de Galinhas, e te aviso que a estrada não é muito sinalizada e que se eu estivesse no volante teria passado um bocado de aperto.

A balsa é no meio do nada e você fica com aquela impressão de que está no lugar errado, então não se assuste. O melhor a fazer é pegar um mapa, traçar o caminho e ir com bastante calma, sempre perguntando no caminho se você está na direção certa, mesmo quando achar que está tudo bem.

Mas como disse o Riq, se você chegar a noite em Recife a coisa complica, porque aí a chance de você se perder é muito grande, e se isso acontecer você não vai estar em alguma estradinha secundária longe de tudo.

O Nilo da Toque tem transfer, pelo menos de lá até Maceió, mas o preço é bem salgado, e como você vai de Recife acho que um carro alugado pode sair mais barato. Mas se o preço do transfer e do carro for o mesmo, pegue o transfer porque quando você entrar na Toque não vai querer sair de lá para nada.

Candida
CandidaPermalinkResponder

Oi acabo de voltar de Paraty e visitei a Porto Imperial, realmente as áreas sociais são charmosas, mas os quartos ficam bem a desejar, são pequenos, camas e decoração simples. O único detalhe charmoso e a parede de pedra do banheiro, mas eles estão em obras para poderem se adequar aos padrões Roteiros do Charme (área da piscina) se eles derem uma repaginada nos quartos....
Minha preferida foi a Sandi, acho que vcs não a visitam a muito tempo, pois a decoração está bem alegre e tropical, sem deixar de ser confortável, os quartos aliás são os mais confortáveis de todas que visitei
Fiquei na Marquesa, mas não segui o conselho do Riq, e fiquei num quarto voltado para a praça, o barulho não me incomodou muito, mas qdo chove o banheiro fica com cheiro de mofo. A área da piscina é super agradável e o serviço atencioso, e a pousada ganha de todos no quesito charme com sua coleção de antiguidades, amei. tem até um canhão no jardim, além do rádio adaptado num gramofone antigo. Show de criatividade.
A do Ouro segue o estilo da Marquesa e é bem agradável,com o maior restaurante de todas e uma super suite, no último andar, com uma vista fabulosa dos telhados de Paraty o que não me agradou foi imaginar ficar na casa em frente e ter que atravessar a rua para tomar café da manhã na casa principal, imagina dia de chuva??? O que não é raro em Paraty...
Por fim visitei a Urquijo, compacta e charmosa, própria para casais em Lua de Mel, mas só para os petits, pois pessoas com medidas grandes podem ficar entaladas no banheiro ou escada, que são bem apertadinhos.

Ricardo Freire

Candida, obrigadíssimo pelo relatório!

Ainda não fiquei na Marquesa depois de repaginada (os ambientes sociais e da piscina ficaram mais charmosos, pelo que vejo no site).

Mas a mudança da decoração do Sandi já tem alguns anos, sim, e eu já tinha observado aqui:
http://viajenaviagem.wordpress.com/2007/10/11/roteiros-de-charme-as-novidades-2008/#comment-29913
(a Majô é que não dá o braço a torcer...)
mrgreen

Majô
MajôPermalinkResponder

hahahahaha eu sabia que você ia falar isso mrgreen
A próxima vez que for a Paraty vou reaparar com olhos magnânimos a decoração do Sandi.

Mas, adorei o relato da Candida. Acho as pousadas que o Riq postou, não lembro bem qual, charmozérrimas wink

aline
alinePermalinkResponder

Só para deixar registrado, caso alguém procure alguma informação sobre outras pousadas em Paraty. Seguindo uma indicação do Ricardo em um post mais antigo, fiquei na pousada Arte Colonial. Recomendo muito! Acho que entra na categoria de "pousadas maneiras e não careiras".

Erika
ErikaPermalinkResponder

Ricardo, me ajuda numa coisa.

Vou pra Porto de Galinhas e estou entre os hotéis Tabajuba e Tabapitanga. Qual é a melhor?

Obrigada,

Erika

Erika
ErikaPermalinkResponder

Ih, é mesmo!
Valeu pela dica, vou colocar lá.

Beijo

aline barbosa
aline barbosaPermalinkResponder

Adorei as dicas!!!
visitem o site www.pousadavillapantai.com.br
Com certeza uma das mais lindas que eu ja fui!!!
acomodações e atendimento de 1º!!!
bjs

FERNANDO  DAL MOLIN

Olá . Seria o máximo ter a opinião do Ricardo Freire sobre nossa pousada. Quem sabe os sonhos podem se tornar reais.

Débora
DéboraPermalinkResponder

Riq,
falando em roteiros e charme..estava pensando em fazer minha monografia sobre esse assunto!Sou aluna de hotelaria no CEFET de Ceará.Será que você sabe onde posso obter informações sobre esse assunto?
Se souber...com certeza você irá me ajudar....

João Alyntor
João AlyntorPermalinkResponder

Eu fiz minha reserva e me associei sem custos ao Circuito Elegante, recebi uma carteira de sócio e os bonitos catálogos na minha casa. Os hotéis são tão bons ou mais que os do Roteiros de Charme e o atendimento é bom. Você conhece o circuito elegante? Recomenda?

Um abraço,

João Alinthor Assis

Tom
TomPermalinkResponder

Olá pessoal.
Apesar do post ser antigo, para mim foi de muita valia com relação a pousadas do Roteiro do Charme. Adorei o senso crítico. Acidez e doçura na medida certa.
Abraços a todos e continuem assim!
Tom

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar