10 praias top do Brasil, no Guardian -- com um toque deste blogueiro

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

praiadoriacho

Acaba de entrar no ar no site do Guardian britânico um rankingzito de 10 praias top do Brasil.

Ao contrário do que aconteceu com uma matéria recente da Condé Nast Traveler, desta vez eu gostei bastante do resultado.

O ranking foi feito por dez pessoas, a maioria ingleses, recrutados pelo editor Gavin McOwan. Cada um pôde indicar uma praia. Eu fui convocado aos 45 do segundo tempo, quando as outras nove já estavam definidas. Gavin me pediu que não repetisse nenhum estado que já estivesse mencionado. Então perguntei: Alagoas já foi?

Não tinha sido, he he lol

Claro que a lista não coincide nem com as minhas, nem com as suas top-ten. Mas é um conjunto bonito e diversificado.

A lista, publicada em ordem geográfica de norte a sul, começa com uma praia de rio -- Alter-do-Chão, no Pará, lacuna grave do meu currículo.

Depois vêm a dupla Baía dos Porcos-Praia do Sancho, em Noronha,  a nossa Praia do Toque, e daí  Taipus de Fora, Caraíva, Arpoador, Lopes Mendes, Praia da Fazenda (Ubatuba), Bonête (Ilhabela) e Lagoinha do Leste (Floripa).

Eu só ponho dois reparos. Um, Caraíva -- acho a praia menos bacana da região (mas entendo quem goste, por conta do astral e da localização beira-rio). E o outro, a Praia da Fazenda -- que é bonita de ver, sobretudo do alto, mas na vida real tem areia dura e escura. (Os gringos que ficam na Pousada Picinguaba adoram -- e o autor da dica foi mais um deles.)

Veja também: a galeria de fotos da matéria.

70 comentários

Lafayette
LafayettePermalinkResponder

smile

Viva Alter-do-Chão!!!

Agora não está bom. O rio está cheio!

Vão entre Setembro e Dezembro!

Ah, e Riq, veja este incidente, em viagem de turísmo, acontecido com um professora universitária baiana na França, semana passada:

http://xipaia.wordpress.com/?p=1525&preview=true

O que que você acha?

Ricardo Freire

É uma história igual às da Espanha, Lafa.

Infelizmente, quando eles querem encasquetar, não há o que fazer.

Denise Mustafa

Putz, adorei a citação de Taipus de Fora. Barra Grande é linda demaaaais! E uma das poucas ilhas baianas fora do circuito axé/reveillon/balada. Ainda dá pra ir e curtir a calmaria! Faltou praia cearense, eu achei...

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Denise, Barra Grande infelizmente Barra Grande tá bombando mais a cada ano e virou local de descolados e patricinhas...e tem rolado uma balada forte por lá. Já já não presta mais. A Ale Forbes fez até um post sobre isso:
http://viajeaqui.abril.com.br/blog/140686_comentarios.shtml?5883912
bjo

Rosa
RosaPermalinkResponder

Também estranhei o período sugerido de janeiro a julho, para Alter-do-Chão. Ric, olha a dica que você me deu 2008: - ROSA, usando meus poderes paranormais (hehehe) eu diria que você vai amar Belém, não vai gostar das praias e só vai curtir Marajó se conseguir um esquema eco-vip. O que eu faria com esses 10 dias de viagem: dividiria entre Belém e Manaus para fazer render a passagem (5 noites -- 4 dias inteiros em Belé -- duas em Manaus e duas ou três num hotel de selva. Uma outra triangular bacana é Brasília-Belém-São Luís-Brasília. Se for para fazer só o Pará, eu adiaria a viagem até setembro para fazer também Santarém e Alter-do-Chão. - 26/03/2008 - 14:33

Ricardo Freire

Rosa, a matéria do Guardian não fala na época certa para ir a Alter-do-Chão, não...

Majô
MajôPermalinkResponder

Riq, você tá mega famoso, me dá um autógrafo ? mrgreen Quanto à sua escolha, claro que eu adorei.
O Arpoador no Rio é realmente é um cantinho especial e tem uma vista de cair o queixo no por do sol.

sylvialemos
sylvialemosPermalinkResponder

Te deixaram de bandeja o filé mignon é Riq ? :cool:
Fui conferir hospedagem em Alter e não encontrei nadinha ( ao menos pelas fotos dos sites ) .
Alguma sugestão ? Tou achando uma boa idéia para uso de milhas lol

Agostinho
AgostinhoPermalinkResponder

vc pode ficar em Santarem, que tem uma estrutura melhor de hotelaria, e ir visitar Alter durante o dia. De carro, leva entre 30 e 40 minutos, tambem há onibus de e para Alter durante todo o dia. Caso queira ficar na vila de alter do chao, uma sugestao eh a pousada do mingote www.pousadadomingote.com.br.
Há tambem o Beloalter, pra quem tem um pouco mais de $$ pra gastar, e nao abre mao de conforto: www.beloalter.com.br. Há ainda varias outras opcoes de hospedagem, pros mais diversos bolsos, basta procurar com calma. Agencias de turismo de Santarem sao um boa opção.

Espero poder ter ajudado.

Carla
CarlaPermalinkResponder

Achei bacana que, das praias do Rio de Janeiro, tenham escolhido o Arpoador - seria a minha escolha também... wink

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Conheço pouco de praias, mas do que conheço, tenho que concordar com eles. As de Noronha são básicas e maravilhosas, Lopes Mendes é bacana (se bem que a minha preferida na ilha é Cachadaço). Lagoinha do Leste e Bonete são uns chuchus. Só essa da Fazenda que está estranha: com tanta praia de babar em Ubatuba! Jeri estaria na minha lista também e alguma de Boipeba.

sylvialemos
sylvialemosPermalinkResponder

Quantos dias preciso ficar em Ilha Grande ? tres está ok ?

Ricardo Freire

Dois inteirões, com tempo bom, é o mínimo. Um dia para ir a Lopes Mendes (que fica para um lado) e outro para a Lagoa Azul (melhor quando feita em conjunto com o Saco do Céu, e muito melhor se der para tratar um barquinho para fazer essa sem precisar subir na escuna).

No terceiro dia eu iria pra Paraty mrgreen

Fabio Nitschke Gomes

Sylvia, dá pra ficar até mais, pelas praias. Considere que se você chegar e sair pelas balsas, são elas que vão te pautar os horários destes dias (e isso pode interferir no teu tempo livre por lá).

Procure ir durante a semana, porque nos finais de semana e feriados a farofa corre solta.

Estou com a Emília: Cachadaço foi um dos lugares mais impressionantes que já conheci. Mas chegar lá à pé (trilha a partir de Dois Rios) foi uma epopéia - coisa de umas 7h de caminhada, atravessando a ilha e voltando já à noite para a Vila do Abraão. (Sim, valeu cada gota de suor!) wink Mas de repente rola chegar de barco...

E como o Riq sugeriu muito bem, Paraty sempre está no caminho (de volta pra SP). Parada obrigatória para um almoço com caminhada no centro histórico, no mínimo, ou pra fechar a semana com chave de ouro!

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Até que enfim encontrei alguém que foi a Cachadaço! Já achava que tinha sido uma alucinação coletiva, hehe... Não é um espetáculo de praia? Ficamos totalmente abobados quando chegamos lá. Mas foi um pouco puxado chegar até lá: caminho pouco usado, cheio de teias de aranha, várias cobras...A volta foi uma aventura ainda maior, mas é uma história muito longa.
E endosso o Fabio, Sylvia: tem tanta coisa para fazer que dá para ficar mais tempo sem enjoar (gostando de trilhas e praias, claro).

Ricardo Freire

Explicando a minha fórmula dois-dias-de-sol-em-Ilha-Grande: a partir do terceiro dia você precisa necessariamente ser andarilho para ver praias novas (ou então voltar a Lopes Mendes, o que sempre é possível).

Já quem não curte trilha vai se dar melhor passeando de barquinho tuc-tuc-tuc em Paraty... (ou indo de carro às praias de Trindade).

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Hehe Riq , tá sabendo que a fase-trilha já era ! :roll:

Dri
DriPermalinkResponder

Nossa! Parece que já estou me comunicando por telepatia... Assim que vi a lista, pensei em corrigir minha falha de currículo e visitar Lopes Mendes em julho. Ia pedir umas dicas, pq eu não curto essas idéias de trilhas com aparições de cobras. Acabei ficando sem entender: Dá pra ir de barco pro cachadaço? A melhor opção de hospedagem continua sendo na Vila do Abraao?

Ricardo Freire

Os passeios de barco normalmente oferecidos são:

Lopes Mendes - vários barcos de manhã, com volta à tarde fazem o transporte simples até a enseada de Palmas. De lá você pega uma trilha que sobe e desce um morrozinho. A caminhada dura uns 20 minutos.

Lagoa Azul - passeio mais comum de saveiro. Saída praticamente todos os dias.

Fora esse, há outros passeios de saveiro, e também uma lancha que teoricamente faz a volta inteira da ilha, mas dificilmente tem quorum.

Dá pra tentar negociar passeios de barco personalizados, com a associação de barqueiros.

Acredito que um passeio ao Caxadaço fique muito caro, porque fica do outro lado da ilha. A trilha desde o Abraão leva três horas, e é preciso voltar no mesmo dia.

http://www.ilhagrandeon.com.br/caxadaco.htm

Para fazer o básico e trilhar, é melhor ficar no Abraão.

Para fazer mais passeios de barco, é mais interessante ver a programação das pousadas fora da vila, como a Sankay, www.pousadasankay.com.br . Elas normalmente oferecem um passeio de barco por dia, e de repente podem ir a praias em que você esteja interessada.

Carla
CarlaPermalinkResponder

Quando eu fui à Ilha Grande segui essa fórmula dos 2 dias intuitivamente. Até tentei fazer a trilha pra Dois Rios, mas descobri que não levo muito jeito pra andarilha, não... O problema é que fiquei com um gostinho de quero mais que não passa, e olha que já faz tempo... Minha vontade era voltar pra fazer pelo menos esse passeio de lancha que dá a volta inteira na ilha - meio frustrante saber que quase nunca tem quorum... razz

Dri
DriPermalinkResponder

Se a gente fizesse uma conVnVenção, ia ter quorum...

Carla
CarlaPermalinkResponder

Tou dentro, Dri!!! grin

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Quer dizer que no feriadão de 11 de junho rola farofão é ?
Não me importo nadicas com farofa SE eu for ficar muitos dias SEM farofa mrgreen
Vou ter que repensar, então :cool:

Ricardo Freire

Eu não iria à Ilha Grande em: feriadão, réveillon, janeiro e carnaval.

LucianaM.
LucianaM.PermalinkResponder

Viva! Uma lista decente! Que legal que lembraram de você!
Também gostei muito da escolha do Arpoador!
O perguntódromo voltará?
Abç,

Ricardo Freire

Luciana, em breve o blog vai ter um espaço que funcionará como forum.

Enquanto isso, dá pra perguntar no post mais recente ou, de preferência, num post que seja relacionado ao assunto (dá para achar no arquivo da barra da direita).

Este blog tem ferramenta que avisa quando há comentários em posts antigos, e o Comentódromo do alto da barra direita põe o post de novo em evidência para todos os visitantes.

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Que legal, Riq! Quero ver essa novidade! Vai ser tipo twitter, em real time?

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Brigadim Riq , vou seguir a risca !

Ricardo Freire

Belém + Alter é uma super viagem bacana pra fazer com milhas.

Se voltarem com a promoção no segundo semestre, fica perfeito: a melhor época pra Santarém é entre setembro e novembro, e pra fazer tudo são necessários três trechos.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Pensei em usar uma montanha de milhas da TAP que vão vencer no segundo semestre ( a não ser que a outra-metade mude de ideia quanto a Noronha eekops: )

marcio
marcioPermalinkResponder

Ainda bem que te ouviram dessa vez!!

Acho que cada um tem sua lista das 10 melhores!

ABs!

Marcelo Galvão

Olá, Ricardo. Retornamos, hoje, de férias maravilhosas no sul da Bahia – Arraial d’Ajuda, Trancoso e Espelho. Puro relaxamento! E, aqui, se aplica a frase da história infantil: Espelho, Espelho meu, existe alguém mais bonito do que eu? Nãoooooo! É isto, nesta relação, para nós, a praia do Espelho tem o seu lugar. As informações do “100 praias ...” foram essenciais para o nosso planejamento. Obrigado. Disse à Reni e à Luciana, da Erva Doce; à Valéria e ao Tiago, da Recanto e da Enseada do Espelho, respectivamente, e à Silvia, da Porto Bananas, que você os cita em seu livro. Somente no último dia de Espelho, choveu todo o tempo. Em todo o período – onze dias, quando choveu, foi à noite, e, na manhã seguinte, surgia o sol. Ótimas pousadas, ótimo custo - benefício!
Por falar em milhagem, não sei se já foi dito ou abordado este assunto, aqui. No voo pela Gol, foi anunciada a parceria com a Air France e a KLM, a partir de 1º de maio. Será que as milhas acumuladas anteriormente poderão ser utilizadas no “novo Smiles”????

Zé Maria
Zé MariaPermalinkResponder

Esse carinha que citou a Praia da Fazenda, deve ter ido sem carro rs. Ele deve ter ficado no bar da Xuxa tomando caipirinha e olhando pra Praia da Fazenda, sem fazer a mínima ideia das praias que existem por alí. Mas essa lista é cruel: é o mesmo que citar 10 vinhos da Itália ou da França.

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

Tô com a Emília - faltou alguma de Boipeba (nem vou falar de Itacaré) e Jeri.

Sylvia, sabe que a ILha Grande é uma das grandes lacunas da minha lista de praias? Além das praias do Sul, que eu nunca me animo muito...

Também acho a Praia da Fazenda uó perto de tudo que tem por ali - tem uma deserta na Almada que dá de dez nela, perfeitinha...

A gente tem praia pra burro né? Lembrei agora do post do Riq falando do desenho perfeitinho de Guarapuá...

Vcs torçam pra não chover nesse feriado, estou indo pra Ilhabela! - que pra mim nem é viajar, é tchipuassim dar uma voltinha pq vou pra lá toda hora mas...quero sol!!!

beijos!

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Flavia, essa é uma discussão sem fim, mas gostosa, né? Sobre Boipeba, acho que Cueira ou Tassimirim poderiam estar na minha lista. Bainema é linda e deserta, mas estava um pouco suja no dia em que estive lá, o que estragou a experiência.
E muito sol em Ilhabela! (Pelo menos não vai ter ressaca, já ouvi na previsão, coisa que aconteceu comigo neste feriado na praia do Sono, chuiff...)

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Flavia , podemos fazer uma convnvenção :cool: em Ilha Grande !

Dri
DriPermalinkResponder

Opa! Acho uma ótima ideia!!!

Erika
ErikaPermalinkResponder

Olá Riq,
Acabei de voltar de férias de uma das 10 mais indicadas smile Passei uma semana na Rota Ecológica, decisão tomada pelo maravilhoso post que vc fez sobre esse pedacinho de paraíso na terra!! Fiquei na Aldeia Beijupirá, fui super hiper bem atendida! Fui nas piscinas naturais, ví o peixe boi, descansei...Agora entendo porquê esse pedacinho maravilhoso das Alagoas realmente vicia qualquer um! Pretendo voltar lá em breve smile
Agredeço de coração por todas as dicas daquele post da Rota, foram muito úteis mesmo.
Que bom que a sua indicação entrou na lista, pois aquele lugar é mais do que merecido!
Abraços,
Erika

Martinha
MartinhaPermalinkResponder

Muito legal mesmo todo esse seu reconhecimento..
E SUPER merecido!!
Uma coisa boa so puxa a outra..
Jà tinha visto a reportagem ontem.. a Marcie deu uma "avisadinha" pelo twitter.. passei por aqui antes de ir dodo, mas ainda não tinha nada..
Me sinto muito feliz de ser brasileira e ter tantos lugares lindos no meu pais..
Apesar de admitir que so fui a 4 praias da listinha..
Mas voltando ao Brasil vou ter que tirar o atraso e a vergonha da cara e ir conhecer as outras..
Parabéns Riq pelo belissimo trabalho..
=)

Zé
PermalinkResponder

O que eu mais gostei de tudo isso, foi o reconhecimento do trabalho do Riq lá fora. Very nice, Riq! Congrats mrgreen

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Endosso a opinião do guru quanto a Ilha Grande. Já fui reveillon, carnaval e o melhor foi um final de semana sem grandes pretensões. Amo 2 Rios, Sylvia, mas são 7km andando...esquece! Cachadaço e Aventureiro não consegui conhecer pq os barcos não iam até lá em todas as vezes. 4 dias, é a minha opinião, 5 com 2 Rios num dia. Flavia, conVnVenção já lá em Ilha Grande wink

Rafael R.
Rafael R.PermalinkResponder

Riq, aproveitando que nesse post já falaram do Toque, Ilha Grande, Jeri, feriado de junho, aí vai uma dúvida. Vale a pena ir ao Toque em junho ou ainda chove muito? Ganhei um presente e vou utilizá-lo no feriado de junho. Posso escolher entre Pousada do Toque, Pedra da Laguna (Buzios), Sagu (Ilha Grande) e Mosquito Blue (Jeri). Dentre as 4, com qual você fica???

Ricardo Freire

Maio e junho são os meses mais chuvosos em Alagoas.

Tanto Búzios quanto Ilha Grande não ficam no seu melhor momento em feriados (se bem que nessa época o povo pensa mais em serra).

Apesar de haver alguma chance de o inverno não ter terminado ainda, eu apostaria em Jeri. (Na dúvida, Búzios.)

Rosa
RosaPermalinkResponder

Ric, não sei de onde eu tirei essa informação, acho que eles falam sobre o período de chuvas de jan. a jul.
Eu li uma coisa e pensei outra, porque lembro bem que você recomendou o mês de setembro e o Lafa confirmou.

Carmen
CarmenPermalinkResponder

Vou anotando...

Adriana
AdrianaPermalinkResponder

Olha,
minha experiência em Caraíva foi horrível! Nunca mais volto neste lugar.
Já faz tempo, pode ser que tomaram providências, mas quando fui lá, arrombaram nosso quarto na pousada que estávamos hospedados, abriram nossa mala com uma faca! Ficamos com tanto medo que, como estávamos em um grupo de seis pessoas, dorminmos a noite todos em um quarto só, para esperar o dia clarear, e dar no pé!

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Eu não deixaria de incluir pelo menos uma das praias da Pipa: Madero, Afogados, Amor, Golfinhos, eu sou muito fã da Pipa.

Ana Claudia
Ana ClaudiaPermalinkResponder

Riq, adorei ver a Praia do Toque na lista!!!!

Já confirmei a reserva no Casa Sur em BsAs. Depois te conto a experiência, tá?

Dani S.
Dani S.PermalinkResponder

Boa lista, Riq!

Mudando de assunto: alguém sabe a diferença de uma queen bed para uma double bed? Sempre achei que era mais ou menos a mesma coisa, mas agora há as duas opções, pelo mesmo preço, em um hotel em Londres. Eu sei a diferença para uma twin bed (duas camas de solteiro que podem ou não ficar juntas), ou uma king (grandooona). Pela foto, tá igualinho. Sugestões?
Aliás, alguém já ouviu falar desse hotel aqui: http://www.doylecollection.com/locations/london_city_hotels/the_kensington_hotel.aspx - achei uma promoção ótima, que sai a 73 libras a noite (fora taxas). Achei a localização legalzinha. O problema é que só tem duas míseras críticas no TripAdvisor. Alguém arrisca um palpite?

Carla
CarlaPermalinkResponder

Dani, que eu saiba a double bed é uma cama de casal tamanho padrão, e a queen bed é um pouco maior - seria a intermediária entre a double e a king. Se estão pelo mesmo preço, vale escolher a queen... wink

Dani S.
Dani S.PermalinkResponder

Brigadinha, Carla! Vou escolher a queen, então.
Pergunta: essa região - Bloomsbury (16-22 Great Russell Street, London WC1B 3NN) presta? Oops, coloquei o link errado: o certo é http://www.doylecollection.com/locations/london_city_hotels/the_bloomsbury_hotel.aspx e no TripAdvisor é http://www.tripadvisor.com/Hotel_Review-g186338-d209229-Reviews-The_Bloomsbury_Hotel-London_England.html . O preço pareceu legal, perto dos outros (peguei essa promoção no TravelZoo). Será que vale a pena?
Thank you in advance =)

Márcio Cabral de Moura

Dani S.,

O hotel pareceu ser bem legal. A região não é a que eu escolheria para me hospedar, mas é uma boa região. Fica bem perto do British Museum e dá para ir andando para o centrão de Londres. O preço está muito bom. Agora, no site diz que ele está em reforma durante o ano de 2009. Será que isso não vai atrapalhar um pouco? Se bem que o site diz que terminará em maio. A posição no TripAdivsor é que não é muito boa, mas, se será reformado... Talvez os problemas que ele tinha desapareçam.

Dani S.
Dani S.PermalinkResponder

Obrigada pela ajuda, Márcio. Qual região você escolheria para ficar em Londres? Eu escolhi o hotel mesmo pela proximidade com o British Museum e pelo preço - ainda não consegui me "achar" em Londres. O plano lá é ir em todos os museus possíveis, ir a Kew Gardens e Greenwich, já na última parada da viagem. Já fui em Londres na outra encarnação, e fiquei num hotel sem graça perto do Hyde Park. O que você recomendaria?

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Dani, todas as vezes em London Town , ficamos em Bloomsbury . Adoro !

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Mega bem localizado Dani . Vai em frente !

Márcio Cabral de Moura

Eu gostei muito de ficar em Earl's Court (no Base2Stay) e também gosto muito de Paddington. Mas é uma questão apenas de gosto, realmente. É que eu acho o British Museum meio fora da rota - mas, não que seja de difícil acesso ou num lugar estranho. Muito pelo contrário, a redondeza é lindíssima.

Por outro lado, se você curtir andar, dá para ir andando até Leicester Square, Covent Garden, Oxford Street e vários outros locais legais de Londres.

Carla
CarlaPermalinkResponder

Bloomsbury pode ser um bairro bem legal pra se hospedar, sim, Dani, mas o meu gosto pessoal me leva para Bayswater ou Knightsbridge. Gosto da proximidade com o Hyde Park ou o Kensington Gardens, e não me incomodo de ficar um pouco mais distante da City - afinal, tudo se faz de metrô mesmo... O meu truque pra evitar hotéis sem graça em Londres é escolher um B&B - costumam ser mais charmosos e mais em conta! wink

Ricardo Freire

Todas as regiões citadas são bastante ficáveis.

Na minha opinião, Knighsbridge é mais bonita, mas Bloomsbury, além de ajeitadinha, tem a grande vantagem da localização central.

Dani S.
Dani S.PermalinkResponder

Obrigadíssima pelas dicas! Com a bênção da Sylvia, já fiz a minha reserva, aproveitando a promoção. Se aparecer algo mais interessante depois, mudo. Ai que beleza contar com palpites mrgreen

Majô
MajôPermalinkResponder

Vou meter minha colher aqui. Sylvia, você PRECISA separar pelo menos 2 dias para Paraty. E 1 para fazer o passeio pelas ilhas, vocês vão amar smile

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Então , Majô , estivemos lá no seculo passado e adoramos !
O tempo não estava bom e não deu pra ir a Trindade - Cachadaço - que está na minha listinha pra substituir Praslin nas Seicheles (juro que achei as fotos iguaizinhas :cool: )

Lea Dorf
Lea DorfPermalinkResponder

Oi pessoal! Nossa, como está ÓÓÓTEMA essa caixa de comentarios! Tanto no formato como no conteúdo! Adorei, foi quase que nem achar um KRI ainda na validade escondido na gaveta! rs

Riq, já foi um upgrade essa lista do Guardian, né? Realmente a lista da Conde Nast Traveler tava uó. E veja só que "coincidência": a praia mais feinha da lista, Caraíva (que eu adorei qdo fui, mas pelo astral, como vc escreveu, e nao pela beleza) foi bem a sugestao do cara da CN Traveler! E eu que ainda assino a revista... espero que eles manjem mais do resto do mundo do que eles manjam de Brasil!

Majô
MajôPermalinkResponder

Sylvia, Paraty sempre foi linda, mas há poucos anos teve um prefeito que deixou a cidade um brinco, fios subterrâneos e casarios pintados. Eu não deixaria de fazer o passeio de barco às ilhas que é maravilhoso, renova energias. Achei a entrada de Trindade cheia de puxadinhos muito estragada.

Majô
MajôPermalinkResponder

Sylvia, Paraty sempre foi linda, mas há poucos anos a cidade passou por uma restauração total durante a gestão de um prefeito que deixou ela um brinco, com fios subterrâneos e casarios pintados.
Eu não deixaria de fazer o passeio de barco às ilhas que é maravilhoso, renova energias.
Por outro lado, ache uma pena a entrada de Trindade estar cheia de puxadinhos, muito estragada.

Majô
MajôPermalinkResponder

achei

Leonardo Aquino

Ressucitando o tópico aqui, só para dar a minha opinião: Caraíva é o meu lugar preferido em todo o litoral brasileiro, local aonde eu quero ir pelo menos uma vez ao ano por muito tempo! Mas em se tratando de beleza cênica, talvez eu não a colocasse nem entre o top 10 praias da Bahia. Certamente nesta lista entrariam praias de Itacaré, Morro, Boipeba, Barra Grande, Mangue Seco, Espelho e talvez praias em Trancoso, Arraial ou Santo André.

Mas que Caraíva é um lugar sensacional, é! E o bom é que muita gente não gosta, o que não é de se estranhar, já que o esquema lá é outro, o de tranquilidade (menos na alta temporada!).

Thelma
ThelmaPermalinkResponder

Ricardo, tudo bem? Gostaria de saber se pode dar dicas sobre ficarmos (um casal) uma semana hospedados na praia de Picinguaba (Ubatuba), e se conhece e pode recomendar a Pousada Santa Martha das Pedras. Muito obrigada, parabéns pelo seu trabalho que nos ajuda tanto, e um abraço,
Thelma

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Thelma! A pousada é charmosa e bem localizada. O Ricardo Freire acha uma opção mais simpática do que a Pousada Picinguaba, que é mais cara e prefere receber estrangeiros.

juan
juanPermalinkResponder

Como deixar Carneiros, em Pernambuco, fora dessa lista. Inacreditável! !!!

juan
juanPermalinkResponder

Como deixar Carneiros, em Pernambuco, fora dessa lista? Inacreditável! !!!

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar