Promoção: pegue gripe suína em Cancún e ganhe três férias de graça!

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

cancun1

Quem me mandou essa foi a Flavia, que pescou no twitter do Peter Greenberg.

Três redes de resorts de Cancún estão fazendo uma promoção no mínimo corajosa: se você pegar gripe suína em Cancún, ganha três temporadas grátis, nos próximos três anos, com o mesmo número de noites que reservou este ano (sem parte aérea).

Caso brigue com a pessoa que for com você agora ("Seu cretino! Eu falei que não era pra vir!"), não tem problema: o titular da reserva pode voltar acompanhado de quem quiser. (Não, os hotéis não incluem companhia no prêmio.)

Eu adoro as regras. A promoção, digo, o seguro vale para reservas feitas de 8 de maio a 30 de junho, para viajar até 20 de dezembro deste ano.

Para ganhar as três temporadas grátis nos próximos três anos, o hóspede precisa mostrar atestado médico e resultado positivo de teste para influenza A/H1N1, constatada até cinco dias depois da partida.

Agora, sério: essa iniciativa evidencia duas coisas. 1) É mínima a chance de pegar gripe suína, mesmo no México. 2) É ainda menor a chance de essa gripe causar mais danos que uma gripe comum.

As redes que oferecem este pacote são a Real Resorts, a AM Resorts e a Karisma Hotels.

O New York Times também compilou uma lista de promoções pipocando por todo o México.

E adorei esse comentário, enviado pelo Guilherme Lopes. É de Raquel Faria, colunista do jornal O Tempo, de Belo Horizonte:  

Enquanto o foco de contágio da gripe suína estava no México, o pânico correu mundo e o risco de uma pandemia era iminente. Depois que o foco migrou para EUA e países desenvolvidos, a doença começou a sumir do noticiário. E não passa pela cabeça de ninguém deixar de viajar a Nova York por medo de contágio. Ou usar aquelas máscaras brancas. É como se o vírus H1N1 tivesse sofrido uma mutação ao se transferir para áreas nobres e ricas. Apavorante no México, inofensivo nos EUA. Essa mutação tem nome: preconceito.

63 comentários

Marcelo Lemos
Marcelo LemosPermalinkResponder

Essa promoção evidencia outra coisa tb. Da doença ser mesmo séria e, se alguem realmente pegar, nunca vai voltar pra cobrar as 3 temporadas seguintes... prq já terá morrido =)

caique oliveira

Realmente muito interessante essa promoção. Eu iria pro Mexico sem problemas. Comprei um chaveiro com o desenho de um porco e o apelidei de "gripe suína". As pessoas têm medo do meu humilde chaveiro só por causa do nome do coitado. O preconceito existe no noticiário e aqui na esquina. E não é pela doença o preconceito, mas sim pelo nome dela.

Mas todo esse reboliço da imprensa teve um lado positivo. Pararam de falar em crise! Na famosa crise mundial. E realmente parece que ela diminui.

Abraço

Dionisio (www.blig.com.br/dionisio)

Pessoal, me digam uma coisa: em Aruba há opções de passeios de barco a ilhas legais ou passeios de dia inteiro para outros lugares, tipo Curaçao, Bonaire etc? Valeu!

Ricardo Freire

Dionísio, não há ilhas próximas a Aruba onde se chegue de barco. Não há transporte marítimo nem mesmo para Curaçao, Bonaire ou Venezuela (que está a meros 60 km).

Mas há MUITOS passeios e atividades na ilha. Basta uma visitinha à agência de receptivo de Palm Beach para arranjar programa para dez dias na ilha... tem quadriciclo, jipe, passeio de barco, mergulho, o escambau.

Dito isso, dá para ir e voltar de avião a Curaçao ou a Bonaire.

Curaçao é grandota demais para ser vista num dia; as praias mais bonitas são longe do centro. As praias mais bonitas são mais bonitas que as de Aruba, mas nao creio que valham o day-trip. O centro histórico também é bacaninha, mas também acho que não valha o investimento. Agora: uma extensão de três dias na ilha seria bacana, porque daria para ver tudo isso com calma. Isso sim eu recomendaria.

http://viajeaqui.abril.com.br/indices/edicoes/conteudo_241321.shtml

http://viajeaqui.abril.com.br/indices/edicoes/conteudo_241324.shtml

Bonaire é para mergulhar. Não sei se dá pra mergulhar e pegar avião no mesmo dia. Acredito que o mesmo princípio -- passar uns dias lá para mergulhar -- valha a pena, mas não o bate-volta.

Dionisio (www.blig.com.br/dionisio)

RIQ, minha preocupação é não ter nada pra fazer a não ser pegar praia. Pelo visto, Aruba não é assim. Valeu pelas dicas.

Arnaldo - Fatos & Fotos de Viagens

Desculpe, eu discordo veementemente. Eu cancelei minha viagem a Nova York no próximo feriado. E teria cancelado par ao México.

Marcie
MarciePermalinkResponder

Que pena que você cancelou: eu perdi a grande oportunidade de lhe conhecer!! Mas informo que aqui em NY estamos todos bem e saudáveis.

Ricardo Freire

Arnaldo, você ainda está sob o impacto do acontecimento do vôo de volta eekops:

Eu também teria cancelado ao México, mas agora iria, se aparecessem mamatas com aéreo (o que acho difícil).

Quanto a Nova York, acho mais perigoso sempre ficar em casa wink

Dionisio (www.blig.com.br/dionisio)

RIQ, por favor, onde eu encontro posts sobre Aruba?

Luciano
LucianoPermalinkResponder

Na MSNBC disseram que as pessoas estavam cansadas de ouvir notícias sobre a gripe suína. Melhor deixar de falar nela pra não correr o risco do público trocar o canal, não? Acho que aí está a "mutação" do vírus.

Dionisio (www.blig.com.br/dionisio)

SYLVIA, muito obrigado!

Marcie
MarciePermalinkResponder

Se eu já não tivesse superado o número de vezes numa vida que uma pessoa pode ir a Cancún aproveitaria correndo essa "promoção" : eu não pego gripe nem por decreto. Nem quando está todo mundo gripado em casa ou no escritório. Infelizmente porém com a histeria mediática que esse vírus causou, principalmente aqui nos EUA, os maravilhosos resorts no México estão às moscas.

Guga de Salvador

Olá Ricardo e trips,
Bem, gostaria de pedir a ajuda de vcs: vou passar um final de semana em Belo Horizonte (de 19.06 a 21.06) em Belo Horizonte (aproveitando a promoção de milhas reduzidas do Smile) e gostaria de pedir algumas dicas do que vcs acham ser imperdível conhecer em BH. De certo mesmo, só a hospedagem no Mercure Lourdes e uma manhã e tarde pra conhecer o Instituto Cultural Inhotim. Se vcs tiverem alguma sugestão, de restaurante, bares, passeios ou qualquer outra dica, ficaria agradecido!
Abs a todos
PS: Ricardo, não sei posto minha dúvida no lugar adequado. Qualquer coisa, vá me desculpando.

Ricardo Freire

Guga, leia os comentários deste post, tem bastante idéia:
https://www.viajenaviagem.com/2007/06/quero-morar-em-belo-horizonte/

Guga de Salvador

Olá Ricardo.
Desculpe pela demora em lhe agradecer.
Obrigadão...junto com as outras dicas dadas pelos vips sempre solícitos vou conseguir fazer um belo roteiro!
Abraço
PS: Já conhece o Instituto Cultural Inhotim?

Gisele
GiselePermalinkResponder

Recomendo a churrascaria Baby Beef, e tem um shopping com bom restaurante também muito bom próximo ao Hotel Mercure do Lourdes mas agora não lembro o nome, mas ali na recepção eles sabem orientar. Recomendo a Praça do Papa que tem uma vista maravilhosa o museu da Pampulha também vale muito a pena. Se fossem mais dias de viagem uma ide até Ouro Preto e Mariana seria ideal.

Guga de Salvador

Valeu Gisele!
Gostei muito das suas dicas, principalmente em relação ao restaurante em Lourdes. Se vc tiver mais dicas de coisas interessantes neste bairro, seria ótimo!smile
Tenho uma dúvida, não sei se vc poderia me responder: Em BH existe o costume de tomar o café da manhã em padaria como em São Paulo? É que eu achei o preço do café do hotel por pessoa um roubo!! (R$28,00 por pessoa). Talvez fosse mais interessante fazer o desjejum em outro lugar.
Abraço

Guilherme Lopes

Guga,

esta churrascaria não fica próximo ao Mercure Lourdes. Fica mais afastada, próximo a outro hotel, o Outro Minas. E o shopping que ela se referiu deve ser o Pátio Savassi, que também fica na Av. do Contorno.

Sobre as padaria, não é uma tradição tão forte quanto em São Paulo. Mas todas oferecem este serviço sim. E existem padaria por todos os lados.

Não sei agora te indicar uma por perto do seu hotel, mas posso pesquisar.

Vou preparar outras dicas para você.

Está programando de ir ao Inhotim no sábado? Já sabe como vai chegar lá?

Abraço!

Guilherme Lopes

* Ouro Minas. Hehe..

Gisele
GiselePermalinkResponder

Isso a Baby Beef é longe sim...tem que ir de taxi e do lado dela tem um outro shopping. O shopping que eu me referi antes é esse mesmo Patio Savassi. Como era noite eu optei por ir de carro.

Gisele
GiselePermalinkResponder

Oi Guga!
Na verdade tomei café lá no Mercure mesmo porque estava no pacote, hehe. Mas sou de Curitiba e aqui esse costume ainda está se difundindo, então acabei não reparando muito como funciona em BH.
Lembrei de outra coisa: no bairro "Barro Preto" tem excelentes lojas de roupa por preços bem convidativos. Tem roupas de dia-a-dia e roupas de festa.
Ahhh independente de sua preferência futebolística tem que visitar o Mineirão... é muito legal e tem um museu lá dentro também.

Guilherme Lopes

Oi Guga!

Me conta uma coisa, você está pensando em alugar um carro?

Você vem sozinho? Você chega na sexta a noite e volta domingo a noite? E que tipos de programas te apetece?

Vou preparar umas dicas para você.

; )

Guga de Salvador

Olá Guilherme,
Não tava pensando em alugar carro não...vou com minha mulher e devo chegar em BH ao meio-dia de sexta-feira e voltar às 22:00 do domingo.
Gosto de todo tipo de programa, principalmente os que envolvam gastronomia, eventos culturais e um pouco de boas compras.
Aguardo suas dicas.
Abraço

Meilin
MeilinPermalinkResponder

GUGA DE SALVADOR, pode almoçar lá pelo Inhotim mesmo, a comida é ótima, tem dois restôs, um buffet e um bistrô. Dê uma voltinha matinal na Lagoa da Pampulha, emende o programa ecológico no Parque no Parque das Mangabeiras (às vezes tem shows 0800), jante n'A Favorita, veja a programação da casa noturna do Paco Pigalle (ótima música pra dançar). Se estiverem abertos, os museus Abílio Barreto e Artes e Ofícios são bem montados e interessantes. Na night, a minha preferida é a Utópica Marcenaria, com shows ao vivo. Entre uma lojinha e um museu, tome uma boa cerveja gelada EM PÉ no Mercado Central. Ai, será que dá tempo pra isso tudo? Boa viagem smile

Guilherme Lopes

Excelentes dicas, Meilin!

Haha, e que bacana que você foi no Paco. Lá é bem diferente, né? Muito bom!

; )

Guga de Salvador

Olá Meilin
Obrigadão pelas ótimas dicas...já as inclui no meu roteiro.
Abraço lol

Gisele
GiselePermalinkResponder

Ahhh tem também a feirinha na Av. Juscelino no domingo de manhã. Tem muito artesanato lindo.
abs.
Gisele.

Carol Wieser
Carol WieserPermalinkResponder

A promoção é um tanto cômica-trágica, mas de certa forma mexe com a cabeça de todo mundo.

Eu sou meio cética em relação a essa gripe em especial, viajaria pro méxico sim. Já viajei pra Ásia em pleno furor do SARS e lá as coisas estavam normais, mais do que fora do continente. Acho que a mídia engrandece o problema, todo mundo fica de cabelo em pé e acaba desistindo da viagem. Imagine a situação dos grandes empreendimentos turisticos no país...

Só espero que essa pandemia termine logo e tudo volte ao normal.

Abs

Guilherme Lopes

“Magina” se um dia eles sismarem com a dengue e começarem a divulgarem...

Acho que até o mosquitinho aedes vai ficar com medo e vai viajar lá para o México para picar os porquinhos!

; )

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Fala baixo...rsrs
Se fizerem isso acabou o Carnaval no Rio, acabou a Bahia, acabou tudo! rs

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

Folks, tive uma ideia brilhante:proponho uma ConVNVenção no México. Para os interessados nas próximas 3 férias, sugiro o sequestro de algum infectado, que será devidamente confinado em algum quarto de hotel (deve ter um monte de Pablos por lá que não se recusarão à tarefa, ainda mais se forem pagos para isso). Verificamos nossos seguros saúde para utilizarmos lá no México (como somos organizados, podemos até mesmo já ver quais laboratórios e médicos atendem na região - poderemos inclusive pedir desconto para grupos, lol ).
Obviamente, o tal Tamiflu (que é o contra-feitiço, digo, remédio a ser tomado em caso de contágio) estará nas nossas bagagens (a Sylvia já terá, obviamente, entregue para os integrantes, seguindo listinha elaborada pela Majô lá no Fligrana, no post: "Gripe Suína: Precauções"
Claro que, pra o serviço ser perfeito, como não somos mafiosos e não podemos matar o Pablo, ele passará uns tempos fazendo um estágio lá no Toque. Volta conosco na 3a ConVNVenção mexicana...
Que tal?
Tá bom, tá bom, eu vou ficar quietinha antes que vcs me coloquem de castigo.

Carla2
Carla2PermalinkResponder

Flavitcha, bota meu nome na lista! Vou ali arrumar a mala e já volto. Só uma dúvida: dá para abraçar e beijar o Pablo só no último dia?? mrgreen

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

Carla2 só se vc estiver com baixa resistência pro contágio ser quase imediato. Não tinha pensado em abarçar e beijar o Pablo não...mas agora que vc falou, vou pedir pra Sylvia, quando escolher o Pablo através do googlepablo, pedir "ver imagens" - se tiver de corpo inteiro...tá bom, já fiquei quieta, esse é um blog familiar, eu sei, eu sei...

Carla2
Carla2PermalinkResponder

Putz, não tinha pensado nisso, tô achando que esse Pablo vai ter que ser importado... os mexicanos não são exatamente meu tipo... dá para arrumar um Pablo/Paul americano, alto, loiro, olho azul...

Carla
CarlaPermalinkResponder

Meninas, agora eu me diverti com esse papo tanto quanto espionando o papo do Beto com o Zé... lol Mas, olha, vocês podem botar o meu nome na listinha, tá? (Pras férias mexicanas, não necessariamente pra abraçar e beijar o "Pablo"... lol )

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Carla, eu e vc só na platéia, rindo lol
Adorei a história do 'Pablo', rss...

Carla2
Carla2PermalinkResponder

Emília, você só não disse se vai por o nome na listinha! A gente não conta p/ o "oficial", pode deixar! mrgreen

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Obrigada, obrigada...eu só dou risada mrgreen

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Verdade ou não, exagero ou não, deixarei o México para depois.
Tive uma gripe porQuina esta semana que me deixou na lama. Não vou mesmo entrar em um avião pro México e correr risco.
Mas, divirtam-se!!! smile

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

Só quero deixar registrado que minha ideia inicial era um aperto de mão com o Pablo. Não fui eu que disse que queria abraçar e beijar o Pablo no último dia, viu dona Carla2? Humpf...Tudo eu, tudo eu...

SandraM
SandraMPermalinkResponder

hahaha! Vinha fazer uma pergunta séria neste blog q já foi mais familiar e me deparei com a idéia da Flavinha e da(s) Carla(s). Sabe q adorei?? Ainda q eu tb não possa ter esse contato todo com o querido Pablo até que seria interessante apreciar o movimento. rs.
Meu nome tá na lista. Da conVnNção, não do Pablo.
Minha pergunta vai no próximo comentário, tá?

bjs a todos,

SandraM
SandraMPermalinkResponder

Perguntódromo:
Gente, tô meio em crise. No próximo semestre, entro pros "enta"! Minha filhinha que ontem era um lindo bebê já debutou e já tá indo em festa "open bar" (não, ela me disse que não bebe, e eu acredito...). Meu filhotinho que ontem me deixava de braços e coluna doendo por mamar a toda hora já tá tirando carta de motorista.
Tô em crise!
Quero ajuda de vcs prá pensar num lugar MUITO legal prá estar qdo da "passagem" pros enta.
Há alguns anos, um certo Freire disse que não há lugar melhor prá passar aniversário que Noronha, mas esse destino será em 2010, né, Sylvinha?
Serão só uns dois ou três dias, não irei com meu grupo todo, e de preferência praia no NE.
Sim, já pensei no Nilo, mas quem sabe outro lugar que não tenha ido?
Se vcs tiverem alguma idéia, vou adorar saber...

bjs a todos,

Marcie
MarciePermalinkResponder

Sandra M. se a crise está assim braba - eu pessoalmente acho que os "enta" são maravilhosos - e vc quer se sentir jovem que tal ir para o velho continente? Lá qualquer coisa que vc veja tem 100 anos, 200 e muito mais, vc vai se sentir uma menininha ( que eu acho que vc é, mas...).

SandraM
SandraMPermalinkResponder

Brigada, Marcie. Vc tem razão, mas tem que ser viagenzinha curta, já que o resto da minha tripulação vai ficar em terra firme. Vou deixar essas grandes viagens para fazer sozinha daqui a pouco, quando estiver com a síndrome do ninho vazio. Sabe como é? (gente, como sou catastrófica...mãe judia perde...rs)

Ricardo Freire

Sandrushka! Quem nos dera adentrar os enta com tudo em cima assim!

Praia fácil de chegar: Pipa. (Se bem que eu sei que pra você é difícil chegar em Natal e não ficar, haha). Ou Itacaré, mas se for em grande estilo (Txai... mas Itacaré Eco Resort também tá valendo). Ou, se você não reparar na cor do mar, a Fazenda da Lagoa em Una http://www.fazendadalagoa.com.br . Ou ainda o bangalô nipo-baiano da Casapraia, em Santo André (Porto Seguro) http://www.casapraia.com .
http://viajeaqui.abril.com.br/blog/132284_comentarios.shtml?1311328

Com mediana dificuldade: Boipeba. Pegue o teco-teco já no aeroporto de Salvadô. Reserve o duplex da Santa Clara, não é caro e é gostosíssimo http://www.santaclaraboipeba.com .

Difícil de chegar: Corumbau. Tauana = lua de mel garantida. http://www.hoteltauana.com .

SandraM
SandraMPermalinkResponder

Riq, meu querido!
Lendo a resenha sobre a Fazenda da Lagoa no guia 4 rodas, não tinha dúvidas, mas como, felizmente, tenho este blog fui para um post feito em 2007 sobre Ilhéus para a Sylvinha. Os comentários daquele post (Riq x Sylvia x Arnaldo) parece que foram feitos sob encomenda para mim.
Agora, com essas suas dicas, tenho muito trabalho a fazer, com licença, vou às pesquisas...rsrs...
Como é bom saber q alguém te conhece, né? Até ficaria em Pipa, mas dois antes ou depois teria q fazer um pit stop na capital, né? Ninguém é de ferro...rsrs

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

E aquela esquina espetacular em Carneiros hem ?
Desce no aeroporto de Recife e num tapa ... chegou no
paraiso http://www.pontaldoscarneiros.com.br/

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Fenomenal a promocao! E melhor ainda o trecho extraido da Raquel Faria.
E devo completar que tambem curti a sugestao da Flavitcha; mas so com aperto de mao, que fique bem claro mrgreen

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Arnaldo,
eu tb acho que é trauma da última viagem. Eu já passei mal tantas vezes em viagem por conta de estômago, que acho que tô vacinada. Sigo para os EUA sem medo.

Flavia e demais meninas,
o que foi essa discussão, tive que me controlar para não cair no riso no meio de 30 pessoas. Como eu nunca fui ao México, não é agora que eu vou querer um Pablo só para mim, quero deixar claro rsrs

Luciana Bordallo Misura

Riq, esse comentário é mal informado. O problema é que quando a gripe suína estava no México matou várias pessoas e várias mortes eram suspeitas, aguardando confirmação (só depois confirmaram menos do que parecia). Lembro que na semana que a gripe suína começou a pipocar aqui nos EUA muita gente estava cancelando seus programas e todo mundo repetia a mesma coisa: que estava esperando pra ver se ia ter mortes por aqui também. Aí quando o pessoal que ficou doente não morreu, mesmo com milhares de casos da doença, todo mundo relaxou porque viu que não era o monstro que parecia ser.

Geraldo Gontijo

Riq, vi uma entrevista do secretario de turismo da Cidade do México na CNN, e segundo ele no final desta semana deve ser divulgado um "pacote" de atração turística que vai incluir entre outras coisas uma agenda com grandes shows e a distribuição/sorteio de 100.000 passagens partindo de vários países!
Eu morei lá e sei que os políticos Mexicanos são iguais aos nossos, portanto é melhor esperar pra ver, mas parece ser uma bela tacada...
Saludos!

Candida Aquistapace

Não, de maneira alguma embarcaria nesta, vai que depois na hora da promoção eles só ofereçam temporada na época dos tornados e furacões...Falando nisso vai aqui minha pergunta, hj em dia não adianta mais se planejar, pois as loucuras inesperadas do nosso mundo, podem estragar qq planejamento...Bom estava planejando ir para Lençois ou Jericoacoara durante minhas férias (final de junho/início de Julho), pois havia lido que esta época é a boa por lá, mas com as chuvas fora de hora por lá fiquei na dúvida: ir ou não ir???? Uma amiga acabou de voltar de fortaleza e só pegou chuva, ninguém merece! Aqui no Rio não chove há muito tempo, praia todo fim de semana, será que devo sair de casa??? Eis a questão?? Alguma sugestão dos especialistas de plantão???

Ricardo Freire

Candida, é normal chover -- e bastante -- nesta época no Nordeste. Nenhuma dessas chuvas lá em cima tem sido fora de fora.

No Ceará o auge das chuvas, está no caderninho, é entre março e maio. Se lá pelo fim de junho ainda estiver chovendo muito, aí sim é preocupante. Mas se tudo correr conforme o calendário (e este ano tem corrido; apenas choveu em maior volume do que deveria), em junho a coisa vai amainando até ficar firme em julho.

Também é absolutamente normal fazer tempo bom no outono no Rio. O tempo costuma ser mais firme nessa época do que no verão (sobretudo quando você compara maio/junho a dezembro/início de janeiro). A gente é que não presta atenção, porque está enraizado na nossa cultura que verão = sol. No Sudeste não é. Você deve continuar pegando praia em junho, julho e agosto. Só não vai dar praia quando aparecer uma frente fria -- que geralmente passa mais rápido no outono/inverno do que na primavera/verão.

Para pegar tempo mais firme:
outubro/março - norte da Bahia ao RN
agosto/fevereiro - Noronha
julho/dezembro - Ceará e Piauí
junho/novembro - Amazonas, Pará, Maranhão
abril/setembro - Centro-Oeste, Sudeste, sul da Bahia
outono - Santa Catarina

Candida
CandidaPermalinkResponder

Amei a tabelinha,já copiei e colei. brigadinha!
Vou te fazer + 01 pergunta:
Meu sonho é fazer Jeri até Lençois,mas não vai dá agora $$$$$, para vc que conhece as duas. Se tivesse que escolher só uma para conhecer primeiro. Qual escolhería????
Tô fazendo figa para ser uma das 30 sorteadas para ganhar teu livro autografado, e quem não tá fazendo rsssssss

Ricardo Freire

Vistas separadamente, são duas viagens bem diferentes, Candida.

Lençóis tem a paisagem mais original do Brasil, e ponto. Se a gente fosse escolher um cartão postal de natureza que mostrasse algo que só tem aqui, é o que eu elegeria. É deslumbrante. Mas Barreirinhas não tem charme nem vida noturna nem pessoalzinho descolado. Querendo pegar praia ou ter alguma vida noturna, você vai precisar ficar um tempinho em São Luís (o que não é uma má idéia).

Jeri é uma praia "cool" num cenário bastante exótico. Mas é uma praia, não um fenômeno da natureza.

Só você pode escolher, pesando o que está mais a fim no momento.

Sempre lembrando que, pra quem tem TEMPO e fizer São Luís-Lençóis de ônibus (a Barreirinhas) e jipe de linha (a Santo Amaro), se encaixar num 4x4 que faça Caburé-Tutóia e continuar a partir de Tutóia ao Ceará por ônibus regular, essa região viagem não sai cara. Mas é preciso ter uns 15/20 dias nas mãos e topar ficar em pousadas bem simples.

Alessandro A.
Alessandro A.PermalinkResponder

Acabei de ler no Globo online a seguinte notícia: "Turistas estrangeiros que visitarem a Cidade do México ganharão seguro saúde". Segundo a notícia, basta se hospedar em um dos hotéis que o turista já ganha um seguro saúde na faixa para qualquer tipo de doença. Eles estão atacando com todo o tipo de promoção para atrair novamente os turistas.

Valéria
ValériaPermalinkResponder

Olá pessoal,
queria saber o que vcs me indicam para férias de Julho, com 1 adolescente de 15 anos e 1 criança de 8 anos. Como moro no Espírito Santo, cercada de praias, sempre gosto de ir para lugares frios, mas esse ano descartei Argentina e Chile da minha lista e Campos de Jordao já fui ano passado, pensei no Sul( só fui até Santa Catarina), rota do vinho (que eu amooo!!) mas não sei se seria interessante para crinça, pois, Campos do Jordão, por exemplo, eles acham meio chato(exceto parque Tarundu). Será que vale a pena ir a Canela, Gramado,etc mesmo depois de já ter experimentado Bariloche?? Ou seria melhor um Resort na Bahia? Tenho medo de estar mto frio...
Aguardo sugestões!BJs!

Ricardo Freire

Que tal Bonito? A água vai estar fria, mas os mergulhos são feitos com macacões de neoprene.

Natal também é uma boa opção: não é um lugar que tem só praia; as diversões na areia em Genipabu e os passeios de bugue são diferentes do que vocês têm aí no ES (tirando Itaúnas, claro...; mas em Natal a infra é mais amigável para famílias).

Lençóis Maranhenses é outra viagem que todo brasileiro deveria fazer. E julho é uma época ótima.

Não posso te fazer uma comparação entre Bariloche x Serras Gaúchas porque não conheço B. e não vou à S.G. há vinte anos (que vergonha....).

Ministério da Saúde

É importante que o viajante siga todas as orientações das autoridades sanitárias locais, inclusive quanto ao uso de máscaras, ao viajar para locais com a circulação sustentada da Influenza A (H1N1). O Ministério da Saúde recomenda que, se possível, pessoas com doenças crônicas, idosos e crianças até dois anos adiem ou cancelem suas viagens a países com a circulação sustentada do vírus.

Assessoria de Imprensa
Ministério da Saúde

gabriel
gabrielPermalinkResponder

hauhauhau, que loucura isso!

boipeba
boipebaPermalinkResponder

Vou deixar uma dica de um bom site sobre Boipeba: www.boipebatur.com.br ou www.boipeba-addey.com.br

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar