Olha a provocação da Oceanair pra cima da Gol:

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

oceanair

O assunto, claro, é este.

Obrigado pela dica, Guilherme Lopes!

mrgreen

52 comentários

Silvia
SilviaPermalinkResponder

A minha dúvida é: o pagamento do lanche será feito à bordo? O passageiro terá que ficar esperando vir a conta, a maquininha do cartão de crédito, o troco e tal? Ah saudade dos bons tempos em que voar era puro 'glamour'! rs. Agora, a sério, acho uma grande inconveniência a de transformar um avião em lanchonete. O lanche será mais demorado. Ainda mais que tem aquelas pessoas que passam 'séculos' perguntando ao garçom antes de escolher. Ih, não gostei da proposta da Gol. Mas também acredito que é irreversível e logo as outras companhias entram no esquema. Abraço, Riq. Abraço a todos!

Márcio Cabral de Moura

Silvia, se se repetir o comportamento observado na EasyJet, o lanche não será mais demorado, pois quase ninguém lanchará. Fora que a logística de vir passando vai ter que mudar um pouco.

Fabio
FabioPermalinkResponder

Silvia, era glamour mas era pra poucos e em raros momentos, dado os altissimos valores das passagens.

Carla2
Carla2PermalinkResponder

A OceanAir que me desculpe. Dizer que a refeiçao servida não custa nada para o cliente é mentira! Ela foi paga junto com a passagem. Ou alguém aí já ouviu falar em cia. aérea filantrópica?

Fabio NG
Fabio NGPermalinkResponder

O que eu acho duro de engolir (ops!) é a Gol cobrar lanche como low-cost, mas passagem a preços "normais". sad

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Exatamente. Ser low-cost e nem por um segundo low-fare e ainda cobrar lanche é o fim da picada.

Lena
LenaPermalinkResponder

Isso me faz lembrar uma propaganda de TV da Singapore Airlines ou JAL que vi há muito tempo, em uma mostra do Clio Awards (aqui em Sampa mesmo). Em um vôo lotado, todos os passageiros com o nariz colado na poltrona da frente e um sujeito levanta para ir ao banheiro. Chegando lá, tinha um porta-moedas para a abrir a porta. Depois aparece ele, naquela posição todo encolhido, com as pernas cruzando, indo de poltrona em poltrona perguntando: "Have you got change for a dollar?" Em seguida o slogan da companhia, que eu não me lembro. Ô situação!! lol

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Tenho que assinar embaixo dos comentarios da Sylvia, da Carlinha e do Fabio. Sempre disse que nao me importo que nao tenha servico de bordo DESDE QUE a passagem seja realmente mais barata, o que definitivamente nao tem sido o caso da Gol. Mas admito: que a campanha da OceanAir 'e bacana, isso 'e smile

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

E viva a marmita !
Se muitos destes voos já são um busão , magina agora !
Agora deixa eu ir lá no mercado, preparar meu potinho com frutas secas pra garantir :roll:

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

A propósito, Syl, muito boa a sua escolha das frutas secas.
Não vamos esquecer de levar máscara também, viu? Porque aposto que vai ter sanduíche de mortadela, salame, frango, que foi feito de manhã cedo e o vôo é no final da tarde, além de suco de maracujá (cujo apenas o cheiro me dá enxaquequa), entre outras coisinhas mais...

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Tu tb é MÕ ? grin wink
Tem coisa pior do que cheiros ( comida, perfume e quetais)
num lugar fechado, apertado e com ar condicionado ?

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Queridas, os alemães tb comem, e muito nos trens. E tudo cru e defumado. Um nojo!

Lena
LenaPermalinkResponder

Para onde as madames vão? :roll:

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Lena, eu vou de casa para o trabalho e do trabalho para casa... grin

Lena
LenaPermalinkResponder

smile Eu vi seu comentário pra Sylvia e achei que tinha um vôo engatilhado! Lentinha eu, né?! eekops:

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Tem sim! rs
Comida, perfume, suor e um lugar fechado SEM ar condicionado! rs

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

enxaquequa foi dose...
enxaqueca, gente... smile

Hermann
HermannPermalinkResponder

Eu morei um bom tempo na Austrália, em Darwin, e viajava duas vezes por mês para Sydney. Era MUITO estranho ver os outros entrando no avião com TRAVESSEIROS (sim, travesseiro tamanho normal) e lanchinhos. Água então nem se fale: garrafa de 2 litros mesmo (na Austrália não é proibido viajar com líquido a bordo) era absolutamente normal, mesmo para quem não tinha travesseiro! A Virgin cobrava para sentar na primeira fileira do lado da porta (espaço gigantesco para as pernas, além de olhar as pernas das comissárias). O truque era perguntar no check-in se a fileira estava disponível e pedir para ser realocado. Simples, fácil e indolor. Mas comida a bordo mesmo... só pagando!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Só me contem uma coisinha :
* Em quanto pode ser reduzida a tarifa , se não houver lanchinho ?* ( 10 reais ?? )

Fabio NG
Fabio NGPermalinkResponder

Pois é... O apelo é muito mais de uma economia para a empresa (relevante, pela escala) do que para os clientes.

Raquel
RaquelPermalinkResponder

Eu sempre leio e nunca comento... mas a Gol é low-cost em que planeta? Até parece que passar a cobrar lanchinho vai fazer a passagem Curitiba-São Paulo (408km) da Gol cair de R$ 339,00 (para o dia 6 de junho, tarifa mais barata) para os 80,99 euros que a Easyjet cobra para o trecho Lisboa-Madri (628km), também para amanhã na tarifa mais barata. Ou bater os 34 euros da Ryanair do Porto para Madri, mesma data e tarifa. Não vou nem discutir a diferença em reservas feitas com antencedência...

Denise Mustafa

Ou os 5 euros que eu paguei Porto/Madri/Porto. Duvido!!!!

Dionisio (www.blig.com.br/dionisio)

A propaganda da Oceanair é interessante, sim. Mas também tem uma coisa: a Oceanair não tem penetração relevante no mercado. Então, se ela começasse a cobrar pelo lanche, menos gente ainda voaria com ela. Acho que cada companhia, dentro do seu contexto, faz o que entende que deve fazer. Hoje, convenhamos, cobrem o que cobrarem, inventem o que inventarem, é quase impossível a gente não ter que voar mesmo de Gol ou TAM. Olhem só, no feriadão de outubro eu vou viajar. Juro que tentei comprar da Webjet, Azul ou Oceanair, mas de uma hora pra outra consegui na TAM passagens 40% mais baratas que a mais barata das companhias nanicas. Ou seja, mesmo a gente não gostando, criticando a política da empresa, a gente acaba voando de Gol e TAM, até porque não dá pra ficar sem a malha e as frequências que elas oferecem. É aquela velha máxima: quem pode, pode, quem não pode, se sacode.

Natalie
NataliePermalinkResponder

Dionisio, mas tudo isso é resultado da fraca concorrência que nós temos aqui no Brasil...

Zé Maria
Zé MariaPermalinkResponder

Riq, dia 14 eu e um amigo vamos dar um 'pulinho' de carro até Itacaré (2045 km hehe)daqui de Itapeva.
Acabei de ler, por puro acaso na Folha de hoje, que é pra usar repelente com concentração de 50% do princípio ativo Deet a cada 3 horas. A matéria diz que os 'repelentes com concentração menores são ineficazes'.
É tudo isso mesmo? Repelente a cada 3 HORAS?
Aproveitando a prosa, qual será o melhor caminho, visto que no domingo cedo vamos sair bem cedinho de Itú.
Brigadim...

Ricardo Freire

Zé, é o que tão dizendo. A Merel (Mariana "de Toledo") acabou de passar 10 dias no Arraial d'Ajuda e se besuntou bastante.

Eu fiz o mesmo caminho todas as vezes -- BR 101. Costumo dormir em Vitória, então evito o anel viário de lá, que é horroroso, entrando por Guaparari (Rodovia do Sol). Se bem que é melhor dormir mais na frente, no norte do Estado, lá por São Mateus.

Dá pra ir pela BR 116 (a saída é em Barra Mansa, tem uma placa escrito SALVADOR, é hilário), mas eu nunca fui por lá não. A dormida nesse caminho é em Teófilo Otoni, entrando na Bahia por Nanuque.

Zé Maria
Zé MariaPermalinkResponder

Vou lá fechar o pacotão 'ao vivo'... um esquema 24 adultos e 2 crianças pro Réveillon, dez dias.
Tô com 4 pousadas na agulha: Refugium, Barcaça, Sítio Paraíso e Girassol.
Na viagem, vamos descansar nessa dica sua: São Mateus.
Obrigado.

Ricardo Freire

Ótima idéia, Zé Maria! Capaz que dê pra fechar alguma delas, não? mrgreen

Liga pra lá e pergunta o que é que eles tão indicando pro final: se entrar pra Ilhéus por Santa Luzia ou se ir até Itabuna. A beira-mar Canavieiras-Ilhéus é ótima e sem trânsito nenhum, mas em outubro a estrada de Santa Luzia estava um lixo (e a BR 101 naquela região, um brinco).

Dionisio (www.blig.com.br/dionisio)

NATALIE, exatamente! As condições para novas empresas se instalarem, crescerem e REALMENTE competirem contra Gol e TAM são desfavoráveis. Assim que pequenas empresas se movimentam, as duas gigantes abrem seus braços de polvo e baixam os preços das passagens em promoções momentâneas, minando as nanicas e novatas. Deste jeito, será difícil Azul, Webjet, Oceanair e outras incomodarem as duas gigantes.

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Dionísio, eu torço para a Azul dar certo.
PORÉM, eu não vou andar 130 km de carro, ônibus executivo, seja lá o que for para pegar um voo lááááááá em Campinas.
MAS acho que o pessoal de lá e da região deve estar amando!

Dri
DriPermalinkResponder

Tudo é a questão da economia, Mo. Como se não bastasse a azul ter preços bem menores pra "SP", o onibus te deixa "de graça" no centro da cidade, entao vc economiza também o táxi, que não é nada barato de congonhas, especialmente no horario de rush...

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Dri, o taxi até o shopping de onde moro muito mais caro do que ir a Congonhas...
No meu caso, não vale a pena mesmo. Mas se a Azul começar a voar para NY por 400 dólares, eu vou até a pé! lol

Natalie
NataliePermalinkResponder

Mo,
eu moro do lado de Campinas e realmente é uma maravilha poder contar com a Azul. Mas as vezes vc pode demorar mais tempo parada no transito de SP tentando chegar ao aeroporto do que dentro do onibus da Azul para Campinas. Com 1h30 vc ja chegou aqui e o aeroporto é bem tranquilo. Vale a pena esse deslocamento. O pessoal de Campinas ja está acostumado a ir de onibus fretado para os aeroposto de SP. Agora é só questão de tempo para as pessoas de acostumarem a sair de SP e virem para Campinas.

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Então, Natalie. É o que eu disse: pro pessoal da região deve ser maravilhoso mesmo!
Moro em SP e já levei 3h para andar 17km, que é a distância da minha casa ao trabalho.
A gente não gosta, mas uma hora até se cansa de se incomodar com o trânsito daqui....

Alexandre
AlexandrePermalinkResponder

Esse papo todo é mais um "truque" de propaganda do que outra coisa. Um truque de efeito bonitinho, nada mais. Pra onde voa Gol? Pra onde voa Ocean Air? Horários? Com lanchinho pago ou não pouca gente vai deixar de se espremer em uma ou outra por causa disso. E a hora que a Ocean Air crescer, vai ter que fazer exatamente a mesma coisa, cobrar pelo serviço. É questão de tempo.

Bárbara
BárbaraPermalinkResponder

Concordo com o Dionísio. As passagens saindo de Campinas eram todas caríssimas.. Com a entrada da Azul, os preços despencaram.
Meu marido e eu vamos viajar, em julho, para a Serra Gaúcha. Comprei passagem pela TAM, saindo de Campinas (onde moramos) para Porto Alegre por R$ 49,99. As passagens da Azul estavam R$ 139,00...
Como trabalho no Rio, viajo toda semana para Campinas e a passagem mais barata tem sido da TAM. Hoje vou voar por R$ 79,00...
Claro que nada comparado ao 0,01 de euro que paguei por uma passagem de Bruxelas para Roma pela Ryanair!!! rsrsrs

Ernesto, o  pato

Concordo com a falta de concorrencia, e com o absurdo de cobrar lanche (que ja era uma droga!!) , mas com preços lá em cima.

Isto sem falar nas poltronas duras e desconfortáveis, que são uma questão de saude. (vide o post do aquela passagem sobre trombose).

A Azul começou bem, voei com eles na semana passada, vamos ver se continuará assim.

Vida de Turista

Olá Ricardo..
Legal que voltasse com o blog independente.. Li agora na revista Viagem e Turismo e já vim aqui comentar..
Essa briga entre as cias aéreas está dando o que falar mesmo..
A entrada da Azul no mercado agitou bastante o pessoal..
Pode ver que a WebJet agora está com propaganda por tudo que é canto e a OceanAir começando a provocar os concorrentes..
Tam fazendo muitas promoções e a Gol com seu jeito de voar..
Pra quem é consumidor está um ótimo momento pra planejar sua viagem..
Abraço..
Thiago

Mirela
MirelaPermalinkResponder

Oi pessoal!!!

Eu nao vim em prol das cias aereas, longe disso, mas acho pela experiencia de voar barato com Ryanair e Aerlingus entre outras na europa, ser mochileira de plantao, e adorar pagar €12 euros por um ticket dublin-edinburg, ou dublin-london,como fiz ha pouco tempo atras, ou €18 dublin - porto, acredito que cobrar no lanche de voos rapidos, entre 1 e 2 horas, acaba gerando um retorno financeiro bom pros clientes, e explico porque penso isso: Os custos com comida (isso inclui nao so o proprio lanche, mas a logistica, a preparacao, armazenamento, etc) passam a nao ser obrigatorios pra Cia, ou seja corte nos gastos, com isso eles podem reverter em desconto ao consumidor. E algo que funciona e muito bem por aqui, e como alguem ja comentou anteriormente, nao sao todos que comem por se tratar de um voo rapido, e o deslocamento dos comissarios de bordo eh o mesmo, sendo que sao distribuidos menus em todos os assentos, e isso nao gera de modo algum atrasos ou inconveniencias sobre troco. E pode-se sim pagar com cartao de credito ou debito! Maravilhas do mundo moderno! Ou seja, funciona sim! Importante saber se a Cia aerea ai no Brasil vai reverter essa forma ja aprovada na europa em desconto nas passagens. Espero que sim!

E desculpe discordar, mas pagar por "glamour" e coisa de brasileiro mesmo! haha... Bom mesmo eh entrar no site da Ryanair e comprar tickets por €2 euros, mais a bendita taxa de cartao de credito, isso sim e um insulto!!!

abracao! Mirela

Ricardo Freire

Mirela, é consenso por aqui que ninguém se importaria de pagar por comida se alguma das cias. fosse low-fare. O problema é que elas são no máximo low-cost.

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Mirela, uma coisinha só: paga ou não, a comida servida no voo continua sendo responsabilidade da empresa aérea. Eles continuarão tendo despesas com logística, armazenamento, etc.
A diferença é que quem pagará por isso é o cliente.

Carla
CarlaPermalinkResponder

Na verdade, o cliente já paga por tudo isso, embutido no preço da passagem. Se as companhias realmente fossem low-fare, eu não veria nenhum problema em pagar - o que me incomoda é saber que teremos que pagar dobrado se quisermos que o serviço continue a ser oferecido...

Marcelo Galvão

Zé Maria, estivemos, em abril, em Arraial d'Ajuda, Trancoso e Espelho. Ataques de mosquitos e afins, mesmo, em Trancoso e Espelho, evitados com, olha o marquetingue, Repelex - spray. Era o que havia, também, no quarto da pousada Enseada do Espelho.

Marcio Nel Cimatti

Mesmo chegando tarde tenho que concordar com a galera. No máximo low-cost.

Ah a cobrança é feita com aquelas máquinas de cartão como no caso das compras freeshop das demais Cias.

Mas eu gostei da Oceanair!!! Rsrsrsrs!!

Bjos!

Hélio Muniz
Hélio MunizPermalinkResponder

Ricardo, sou diretor de Comunicação da Gol. Legal ver que o tema da venda a bordo tenha despertado tanto interesse. Para nós é um projeto piloto, testado em algumas rotas e que está fazendo sucesso entre nossos clientes. Levamos um ano e meio (a Gol, porque eu cheguei na empresa há menos de um mês) fazendo testes e experimentando cardápios até chegar no modelo que estamos testando agora, em alguns voos entre Guarulhos e Recife, Belém, Porto Alegre e Salvador. Está fazendo sucesso porque é uma opção. O passageiro pode continuar recebendo o serviço de bordo normal, gratuito, ou comprar um lanche por preços menores que os cobrados no aeroporto. Enfim, foram mais algumas informaçõezinhas para (ai) temperar o debate.

Ricardo Freire

Obrigado pela visita e pelo pronunciamento oficial, Hélio!

Hélio Muniz
Hélio MunizPermalinkResponder

Se um dia vc quiser fazer um test drive, ou melhor flying test, me dê um toque....

Hélio Muniz
Hélio MunizPermalinkResponder

Posso aproveitar para uma divulgação vapt vupt? De hoje a 1 de julho (quarta feira agora), todas as passagens, para todos os nossos voos, sao vendidas em 10 vezes sem juros em qualquer cartão de crédito.

Guilherme Lopes

Hélio,

Toda vez que a TAM faz uma promoção, vocês vão no vácuo?

; )

Hélio Muniz
Hélio MunizPermalinkResponder

Às vezes fazemos uma promoção e outras companhias vêm no vácuo. O bom é que o consumidor fica sempre com opções.

aleff rodrigues barbosa

a oceanair e uma inpresa aeria muito bom
nota:100000000000000000000000000000000000000000000000000000000
PRA ESSA ENPRESA dedicada aos passageiros...

Diogo Avila
Diogo AvilaPermalinkResponder

A cobrança do valor das refeições seria justa se o preço das passagens aéreas não fosse tão alto.
Ademais, os passageiros deveriam ser expressamente avisados de tal condição logo no momento da compra do bilhete.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar