Onde comer BBB em Paris

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Conta no Chartier, para dois: anotada na toalha

Não existe déjeuner grátis, mas você pode economizar fazendo sua refeição principal na hora do almoço. Todo restaurante de Paris tem sua “formule du jour”, um menu simplificado de dois pratos, às vezes com taça de vinho; dá para achar formules por menos de 20 euros.

[Mas evite todo lugar que anuncie “formule touristique”; a única comida turística recomendável são as crêpes e gallettes (crêpes de trigo sarraceno) preparadas noite e dia nas ruas.]

Segundo a Maria Lina do Conexão Paris, depois da crise muitos restaurantes aderiram, pelo menos na hora do almoço, a uma idéia totalmente exótica para os franceses: o almoço de prato único! mrgreen

O tema do post, porém, não é almoço; é jantar. Comer barato à noite é mais difícil, mas não impossível.

Para começar, tome cuidado com itens que podem encarecer bastante a nota (sobretudo quando o preço do menu ou formule é camarada).

Não é vergonha nenhuma pedir água da bica ("une carafe d'eau" -- ine carraf dô) para não pagar por água mineral de grife. (Só não esqueça do s'il vous plaît.) E todo restaurante não-metido vai ter um vinho da casa ("vin en pichet", vã õ pichê) compatível com a qualidade do cardápio (restaurantes vagabundos vão servir vinho da casa vagabundo; restaurantes melhorzinhos vão servir vinho da casa decente). Finalmente, abrir mão da sobremesa é fácil, quando estiver à sua espera no quarto do hotel aquele doce sensacional que você comprou na pâtisserie.

Aí vão umas dicas para seis noites de jantares em conta (com uma pequena extravagância no final), testadas na minha última estada parisiense, ano passado:

GRATINÉE NO PIED DE COCHON

Um dos três andares do Pied de Cochon

Gratinée

As brasseries – ao pé da letra, cervejarias – são grandes restaurantes informais, que atendem sem reserva. Uma das maiores pechinchas de Paris está na mais animada delas, o Pied de Cochon, um templo do kitsch que funciona 24 horas. Foi aqui, ao lado do antigo mercado de Les Halles (hoje um shopping), que nasceu a tradição de tomar sopa de cebola gratinada de madrugada. Custa apenas 6,90 euros (6 rue Coquillère; metrô Châtelet/Les Halles. Não fecha nunca).

CHARTIER

Chartier: bonito, barato e... bonzinho, vai

Tradicional, quase folclórico, o Chartier é point de turistas e estudantes que querem jantar pratos clássicos da cozinha francesa por preço de fast food (e qualidade só um pouquinho superior). A conta vai sendo anotada na toalha de papel (7 rue du faubourg Montmartre; metrô Grands Boulevards. Abre todos os dias).

COUSCOUS NO CHEZ OMAR

Chez Omar: couscous belle-époque

chezomar21

Chez Omar é um marroquino instalado num café belle-époque, na boca do Marais. Já esteve mais na moda, mas continua servindo um excelente couscous royal para duas pessoas por 24 euros. Sirva-se de semolina, regue com o caldo, acrescente os legumes, escolha as carnes -- o "royal" traz carneiro, lingüiça merguez e frango -- e bon appétit (47 rue de Bretagne; metrô: Filles du Calvaire ou Arts et Métiers. Fecha domingo no almoço).

ÉTNICOS

Le Cambodge

Siga aquela família de olhos puxados e você vai comer bem e barato. A rue de Belleville (metrô Belleville) é uma mina de restaurantes grandalhões com cardápios que passeiam por Vietnã, Laos, Tailândia e Camboja. Mais pertinho, eu segui uma boa dica do Time Out e me dei bem no Le Cambodge, na região do Canal St.-Martin. Você chega, põe seu nome na fila de espera (que sempre é extensa) e o atendente anota seu número de telefone. Daí você pode passear pelas redondezas; quando chegar a sua vez, você é avisado pelo celular. A comida é pedida em comandas que você mesmo preenche (é melhor do que pedir pelo número!). Gostei muito (10 av. Richerand; metrô Goncourt. Fecha domingo.)

BUTTE AUX CAILLES

Le Temps des Cerises

butteauxcailles11Neste pedacinho do 13e. arrondissement que testemunhou uma batalha durante a Comuna de Paris, os preços continuam mais ou menos socialistas. O restaurantes e cafés são animados; turistas, aqui, só os mais descolados. Entre na fila do Le Temps des Cerises – um restaurante-cooperativa – e jante bem numa mesa comunitária (18 rue de la Butte aux Cailles; metrô Corvisart ou Place d'Italie. Fecha sábado no almoço e domingo o dia inteiro).

LES COCOTTES

Magret de carnard poêlé

Caranguejo e alface sucrine

Não é baratíssimo -- mas vale a pequna extravagância, em se tratando de um restaurante de chef. Patrocinado pelas panelas Staub, o chef Christian Constant, dono do vizinho Violon d’Ingres (que já teve estrelas no Michelin) abriu um este bistrô-conceito, em que as entradas são servidas em copos (a 9 euros) e os pratos, em panelinhas (a 15 euros). Há bons vinhos em copo desde 3 euros. O Les Cocottes não aceita reservas; na noite que fomos, esperamos só um pouquinho. Nosso jantar, sublime, com duas entradas, dois pratos e duas sobremesas, com vinho, deu 81 euros. Fica pertinho da Torre Eiffel, e é um desfecho chiquérrimo para o passeio. (135 rue St.Dominique; metrô Pont de l'Alma ou École Militaire. Fecha domingo).

(Uma versão reduzida deste texto já saiu na minha página Turista Profissional, publicada toda terça no caderno Viagem & Aventura do Estadão.)

Leia também:

Dicas de restaurantes baratos no Conexão Paris, por Maria Lina

84 comentários

Magrineli
MagrineliPermalinkResponder

Perfeito! Riq vc é o cara! Essa matéria e as dicas da Lina do Conexão (que juntamente com o VNV acompanho todo dia) são tudo que eu precisava para flanar por Paris sem doer muito no bolso. Estamos a 23 dias do início da "Operação Paris-Roma-Lisboa" e totalmente ansiosos!!! Por sinal Riq, vc tem alguma lista, ou post, ou link de um check-list de coisas a se conferir para nada dar errado na sua viagem internacional? Tô ficando neurado pensando se esqueci de algum detalhe. No mais BOM DIIIAAA !!!!!!!!!

Lu
LuPermalinkResponder

Aqui vai mais um: école de cuisine Ferrandi, na riv gauche. Há uns 3 anos, tinha menu de 20 e de 30 euros.
Bjs
Lu

Maryanne hotelcaliforniablog.wordpress.com

UM pouquinho mais caros do que essas sugestoes, mas tb super em conta pra Paris, sao os "Bib Gourmand"dos guias Michelin. Os "bibs" sao restaurantes com otimo custo x beneficio. Tem pra todos os gostos, mas os preferidos ficam no 7eme. Nao estou com meu guia aqui, mas qdo voltar, vou olhar os que ja fui e gostei, e ai deixo a lista aqui.

Lili-CE
Lili-CEPermalinkResponder

Riq, sou totalmente a favor de uma extravagância por viagem, ou se o bolso permitir, por país, vale muito a pena, só enriquece a viagem!

Kristen
KristenPermalinkResponder

Woo-hoo!
Post totalmente indispensável. Já foi para a minha pastinha. Embarco dia 28/08.
No VnV da época do Viaje Aqui também tem umas dicas ótimas de restaurantes BBB da viagem que o Riq fez ano passado. Quem está indo para Paris deve dar uma pesquisada lá.

Magrineli
MagrineliPermalinkResponder

Oi Kristen! Eu e minha digníssima estaremos lá a partir do dia 02-08. Que tal a gente marcar um encontro dos trips que estiverem por lá (tem mais gente indo) como uma delegação do VNV em Paris? Q tal?

Kristen
KristenPermalinkResponder

Para mim, seria um prazer. Estarei lá de 29/08 a 20/09.

Guta
GutaPermalinkResponder

OTIIMMOOOO POST!!!!
Como ate ja comentaram, o Conexao (q vc inclusive citou no estadao essa semana) é obrigatório p quem quer ir a Paris. A Lina até postou recentemente sobre o restaurante mais abordável da Torrei Eifel (que acabou de abrir). Vale a pena dar uma olhada tb: http://www.conexaoparis.com.br/2009/07/09/restaurante-58-tour-eiffel/
bjus

Maria Lina
Maria LinaPermalinkResponder

Olá Ricardo.
Obrigada pelas citações.
Gostaria muito de te encontrar um dia, enfim!
Um abraço
Lina

Ricardo Freire

Hahaha, tá demorado esse encontro, né?

(Talvez no começo de dezembro eu dê uma passadinha aí; tomara que você esteja na cidade!)

Marcie
MarciePermalinkResponder

Népurnadanão...mas em dezembro os pelicanos tb vão estar voando por lá, viu??? On baguette ensemble??

Ricardo Freire

Não tamo confirmados ainda, mas se rolar vai ser rapidinho lá pelo dia 10...

Marcie
MarciePermalinkResponder

Nós chegamos dia 12 bem cedinho.

Rossana
RossanaPermalinkResponder

Ah, Riq... O Au Pied de Couchon é uma de minhas lembranças mais divertidas de Paris. Aquela decoração mega-over, a muvuca a qualquer hora do dia, a comida farta-boa-e-barata, dão um charme todo especial ao lugar. Imperdível!
Enquanto espero receber meu livro das Praias - genhei no sorteio!!!! - comprei e estou me deliciando com as 100 Dicas (...). Como sempre, leitura obrigatória!
Bjs

Ricardo Freire

Rossana, esse fim de semana eu me organizo e mando, pó deixar!

Virginia
VirginiaPermalinkResponder

Ricardo, recomendo também o bistrô Le Rostand, bem na frente do Jardim de Luxemburgo, porém bem parisiense, não vive lotado com turistas. Agora, o lugar que mais curtimos foi uma creperia próxima à Torre Eiffel aonde fomos parar por acaso, procurando onde comer após nossa visita ao museu Rodin, infelizmente não tenho o nome do lugar. Um dos prazeres de se estar numa cidade como Paris é, na minha opinião, fazer esse tipo de descoberta durante longas caminhadas.
Um abraço

http://www.timeout.com/paris/bars-pubs/venue/10000/le-rostand

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Perfeeeeeito esse post! Ainda mais pra mim, que to indo de novo em agosto para minha cidade predileta mrgreen
Comer bem durante o dia em Paris a precos razoaveis nao eh tarefa dificil; mas para o jantar eh preciso mesmo ter esse know-how! Adorei!
P.S.: Sobre o Conexao Paris, assino embaixo como leitura absolutamente obrigatoria para quem viaja para la - e, peninha, pelo jeito tambem nao sera dessa vez que eu e Maria Lina nos encontraremos ao vivo e a cores... sad

Magrineli
MagrineliPermalinkResponder

Olá Mari! Eu e minha digníssima estaremos lá a partir do dia 02-08. Que tal a gente marcar um encontro dos trips que estiverem por lá (tem mais gente indo) como uma delegação do VNV em Paris? Q tal? Já postei para a Kristen tb...

Flavia
FlaviaPermalinkResponder

Tinha lido há um tempinho atrás post da @lalai sobre restaurantes em Paris e como ela sempre fala bem dos restaurantes de SP que eu tb gosto,imagino que o mesmo ocorra em Paris: http://lalai.net/2009/06/10/ah-paris/

Rodrigo Octávio

esse post foi de ficar babando mesmo, hein Riq!! Valeu

Marcie
MarciePermalinkResponder

Há um restaurante - 3, na verdade - que se chama Relais De L'Entrecôte que são muito razoáveis. Não há escolha de prato: uma salada verde com nozes, e um entrecôte (você escolhe o ponto) fatiadinho com uma porção muito generosa de frittes. E eles servem o repeteco. O vinho da casa é bastante decente, principalmente o rosé. Sai no máximo € 25.00/pessoa.

http://www.relaisentrecote.fr/

Geo
GeoPermalinkResponder

OI Marcie!
Fiquei curiosa pra saber onde é o terceiro. Conheço aquele pertinho da Champs-Élysées e o do Saint- Germain. Adoro esse restaurante!!!
Gostei muito de um restaurante ali perto da Tour St Jacques pra quem já estiver passeando por ali. Quem vai na Rivoli sentido Louvre - Marais, qaundo cruza a Tour St Jacques virar à esquerda, fica numa pequena praça. Se não me engano se chama St Antoine e tem pratos bem servidos e preço camarada. O lugar é bem bonitinho. Comi um entrecôte gostoso lá também.

monica
monicaPermalinkResponder

Oi Geo. qual o nome deste restaurante perto da champs-Elysées? ele é barato?

Luciana Bordallo Misura

Pra quem estiver em Paris a fim de uma comida japonesa autêntica e barata, vale conferir os restaurantes na Rue Sainte-Anne http://www.restoaparis.com/restaurant-paris-par-voie/rue-sainte-anne Eu fui no Kunitoraya, especializado em udons (era inverno e nada melhor que um udon quentinho!), uma delícia. Tem vários restaurantes japoneses bons e baratos nessa rua (e de outras nacionalidades também)! Fica ali perto do Opera e do Louvre.

Camilla
CamillaPermalinkResponder

anotado!!! pelo menos alguns com certeza vou voltar aqui pra dar testemunho, hauahauhauah (mas só depois do dia 12 de outubro, q é qdo eu retorno..)
beijão
ps... escreva mais algumas coisinhas sobre amsterdã tb... só pra rechear ainda mais minha viagem smile

Aline
AlinePermalinkResponder

Pôxa, são quase uma da manhã e me deu uma fome. O pior é que a geladeira tá vazia. Tudo culpa sua, Riq! Post excelente.
Beijos.

Ernesto, o pato

EXcelente o Post! E, tem um lado Pato Economico na garrafa de agua, que alias pode ser pedida em qualquer pais da Europa, sem problema.

Carla
CarlaPermalinkResponder

Nos EUA também, Ernesto! A água é servida à vontade, e por conta da casa! wink

Antonio
AntonioPermalinkResponder

Agua da torneira. Ja trabalhei em restaurantes aqui em New Jersey.

blog do giva
blog do givaPermalinkResponder

essa é uma boa

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Este relais do entrecote já teve até aqui no Rio, mas não certo e fechou, não sei se tem em SP

Simone
SimonePermalinkResponder

Oi Ricardo, o Chez Omar, eu fui pela primeira vez por dica sua, no site antigo muitos anos atrás, adoro!
Morei um ano e meio em Paris, e um dos meu lugares preferidos para comer era o Pied du Cochon, além dos baratex no quartier Latin smile.
Agora, eu fiquei com vontade mesmo foi desse magret de carnard poêlé. Tenho que conhecer o Les Coccotes.

Magrineli
MagrineliPermalinkResponder

Aproveitando o tema, mas mudando o local. De Paris a Operação continua em Roma e Lisboa? Alguém indica aonde jantar nestas cidades sem ir à falência? Valeu e BOMMMMM DDDIIIAAAA!!!!

Ricardo Freire

http://viajeaqui.abril.com.br/indices/conteudo/blog/78186_comentarios.shtml?1311328

http://viajeaqui.abril.com.br/blog/89472_comentarios.shtml?1311328

magrineli
magrineliPermalinkResponder

valeuuuuuuu!!!! Tava realmente apanhando no blog antigo para achar isso... vou aproveitar q vou ficar on line e de folga hoje (tô em Montes Claros para dar aulas) e passar tuuuudo para o meu Google Maps... Brigadão Riq e Trips... E QUEM ESTIVER LÁ DE 02/08 A 08/08 VAMOS COMBINAR UM EVENTO VNV?

Constance Escobar

Meu desfecho de um passeio na Tour Eiffel foi na mesma rue Saint-Dominique, bem ao lado, no Café Constant, do mesmo Christian Constant. Também maravilhoso e bom preço. Tô doisa pra conhecer o Les Cocottes e o Violon D´Ingres (o homem tem um império na rue Saint-Dominique). Na região da Butte aux Cailles tem um bistrozinho que é considerado uma das melhores opções "bistronomique" em Paris, o L´Avant Gôut: baratérrimo e, ao que dizem, excelente comida. Vou tentar conferir em outubro.

Diego
DiegoPermalinkResponder

Riq, sensacional esse post! Tô quase marcando uma passagem pra lá agora. Deu fome. Concorrência desleal com o Destemperados hein. Hehehe.

Grande abraço

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Riq vc fez a festa dos meus colegas do trabalho ontem! ao meu lado uma colega foi em junho, outra ta indo domingo e mais dois vao em agosto e setembro. Adoraram e agradeceram o post! Ta bem na fita hein - o de agosto morou 20 anos em Paris.

viagemafora
viagemaforaPermalinkResponder

Olá, adoramos esse blog,'e maravilhoso sempre com dicas fantasticas!!!!
Viajamos por 5 meses e fizemos nosso blog.
Estamos mandando nosso link para que vc possa nos visitar.
Venha viajar conosco, boa viagem e esperamos que vc goste.
www.viagemafora.blogspot.com
Agradecemos a sua visita.
FELIZ ANO NOVO
um abraço
Antonio & Ellen

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Tenho mais duas dicas: O vietnamita perto da Place Monge e o amado pelos parisienses Chez Gladine. Tem mais informações sobre eles aqui: http://paraviageiros.blogspot.com/search/label/Paris%20%28França%29
Bjs

Nelson Madeira

Olá Ricardo,
Excelente a dica do Les Cocottes!!!Estou em Paris de Lua de mel e ja passei por Barcelona e Roma antes de vir para cá e esse foi sem duvida um dos melhores restaurantes da viagem!!
Lugar descontraido,otima comida e preço acessivel(um pouquinho acima mas nada absurdo!!)
Valeu e até a proxima!!!Abcs

Ricardo Freire

Obrigado pelo fidibeque!

aileda moreira

´Otimas as dicas. Anotei todas. Breve vou retornar para saberdeum restaurante que perdi em Paris. Abraçs.

Lisa
LisaPermalinkResponder

Oi Ricardo!
Adorei esse post, já está tudo anotado e daqui uns dias estarei lá para testar alguns - infelizmente não vai dar tempo de ir a todos - Retorno para dar minha opinião!!!

maria dávila
maria dávilaPermalinkResponder

Excelente , as informações ajudam bastante aos turistas que viajam pela primeira vez a Paris.

Leandro Antonio

Acompanhei o seu blog e da Maria Lina (sempre de prontidão!) para fazer minha viagem de lua-de-mel. Nada mais justo do que colaborar em vez de ficar só "bisbilhotando"... rs

Bem, apesar de ser muito planejado, sempre temos surpresas na viagem e a minha foi ótima: Em plena Champs Elisee tem um restaurante chamado "Pizza Pino" com um preço inacreditável para o ponto, coisa de 11,90e para pratos de massas deliciosas. Vale a pena conferir.

Outro BBB fica em MontMartre, chama-se La Taverne (25 Rue Gabrielle), tem uma decoração bem medieval (adoro!) e um preço bem camarada para a tal "formule": 19,00e... uma pechincha para tudo o que se é oferecido (atendimento quase que personalizado).

Espero ter cooperado com todos e peço para os que ficam apenas lendo como eu, cooperem com esse blog que tem valor inestimável.

Abraços.

Ricardo Freire

Puxa, Leandro, merci beaucoup pelas palavras -- e pelas dicas mrgreen

Leandro Antonio

Ricardo, sou eu quem deve agradecer... rs

E já estou vasculhando tudo para a viagem de Buenos Aires dia 4/JUL!

Malu
MaluPermalinkResponder

Eu adoro a Pizza Pino, atendimento excelente, vinho ótimo, e um visual!!!! Para mulheres sozinhas, é um ótimo ambiente para jantar. Na parte de cima, pegue mesa em frente aos janelões e, se for noite de lua cheia, ela irá fazer companhia para vc. Nas mesas na parte de baixo é um ótimo local para ver o vai-e-vem na avenida.

Breno
BrenoPermalinkResponder

Dei uma olhada, acho que não chegou a ser comentado aqui, mas o "Le Loir dans La Théière", no Marais, é muito legal, é uma casa de chá que serve refeições ao meio dia, boa comida, tipo prato do dia, bom preço, ambiente charmoso e descontraído, atendentes simpáticos e para finalizar uma tarte tatin deliciosa... devo dizer que segui a sugestão da Lina do Conexão Paris, e que cheguei lá através do VNV! Fica no comecinho da Rue des Rosiers.

http://www.conexaoparis.com.br/2009/05/27/um-restaurante-secreto-no-marais/comment-page-1/#comment-53544

Elci Júnior
Elci JúniorPermalinkResponder

Oi, Ricardo! Sabe de algum BBB no Quartier Latin e arredores? Vou passar o réveillon em Paris e ficarei no Boulevard Saint-Marcel. Certamente, vou fuçar a Rue Mouffetard de ponta a ponta. Vc tem alguma dica bacana?

Abraços e parabéns pelo site!!!!

Alice
AlicePermalinkResponder

Eu am o Delice de Buci, na Rue de Buci, 6 eme. É um oriental daqueles bem simples, serve no balcão. Não é charmosinho e barato não, é simples mesmo, mas tudo é delicioso. Fica movimentado tarde da noite. Achei muito bom, sempre volto lá. Comi muito sushi e sortiment vapeur (Gyosas) por lá.

César Nicolini

Olá Riq!

Tenho no meu blog algumas dicas de restaurantes ótimos e bem em conta em Paris, principalmente o Le Petit Saint Benoit. Confere lá http://paposdegourmet.blogspot.com/search/label/Paris

Abraços

Edmundo Macedo Soares

Queridos, estarei em minha primeira jornada a Europa e ficarei por 6 dias em Paris. São poucos dias e realmente gostaria de comer bem, mas lógico que a um preço camarada.
Adorei as dicas e queria saber se há mais algum toque prá dois marinheiros de primeira viajem em Lua de Mel!

Abçs

Ed

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Edmundo! Dá uma olhadinha nos vídeos do Ricardo Freire nesta página:

https://www.viajenaviagem.com/europa/paris-ricardo-freire

Dê uma passadinha também no Conexão Paris:
http;//www.conexaoparis.com.br

Patricia
PatriciaPermalinkResponder

Oi Ricardo. Vou a Paris no final de março e li num blog sobre o cartao Restopolitan, um cartao que vc adquire e faz uma reserva no restaurante participante e a 2a. refeiçao (do acompanhante) sai grátis. Na sua opinião, esse cartào vale a pena, ou é uma pegadinha? Abraços. Pati

Joana
JoanaPermalinkResponder

Oi Bóia, eu queria saber se você podia botar uma pergunta no perguntódromo..
Eu vou a Paris em Novembro, e embora já conheça a cidade, precisava de umas dicas de onde comer sem glúten. Será que algum dos trips não tem alguma dica preciosa pra me dar?
Muito obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Joana! Vamos colocar sua pergunta. Você já tentou ver lá no http://www.conexaoparis.com.br ?

Joana
JoanaPermalinkResponder

Eu já tinha visto o NoGlu por lá. Mas é só 1 restaurante. Quem sabe aqui alguém podia me falar de outros (ou mercados, lojinhas..).
Muito obrigada, Bóia!

Anna Francisca

Oi, Joana! O Conexão Paris postou, ontem, uma dica justamente de um restaurante que você procura. Passe por lá.

Joana
JoanaPermalinkResponder

Obrigada, Anna Francisca, mas eu queria saber de outros lugares além do NoGlu. É muito chato só poder comer em um lugar. =)
Achei que de repente algum dos trips podia me dar outras idéias.

cesar
cesarPermalinkResponder

Joana, no Conexão Paris vc consegue o nome de outros restaurantes além do NoGlu.

Joana
JoanaPermalinkResponder

Eu vi que surgiram mais pitacos por lá. Tudo o que tiver saído está sendo cuidadosamente anotado. =)

Notas de Sabor

Muito legal os restaurantes indicados!

Estive no Chartier, recentemente, e não recomendo! O lugar é muito legal, nos remete à Paris do início do século XX, mas a comida não está boa.

Fiz um post em meu blog sobre um restaurante muito visitado por universitários, chamado Chez Gladines!

Segue o link: http://www.notasdesabor.com.br/paris/restaurantes-em-paris-onde-comer-barato/

Elen
ElenPermalinkResponder

Sim, o Chez Gladines fica pertinho da Buttes aux Cailles e muito procurado pelos residentes da Cité Universitaire, que fica a 10 minutos a pé dali!

José Luiz
José LuizPermalinkResponder

Estou aeroportando em Paris dia 06 de Janeiro.Vou ficar próximo da Estação República. Me digam: que restaurante me indicam? Quero experimentar um bom vinho... ou não!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, José Luiz!

Não temos um guia de restaurantes de Paris no site.

O Ricardo Freire já escreveu um pouco sobre o assunto aqui:
https://www.viajenaviagem.com/2009/07/paris-onde-jantar-sem-ir-a-falencia/

... e dá dicas de como escolher restaurantes em viagem aqui:
https://www.viajenaviagem.com/2012/09/7-dicas-escolher-restaurantes/

Todo restaurante em Paris servirá bons vinhos. Basta pedir a carta.

Leia sobre os restaurantes comentados pela Lina no Conexão Paris:
https://www.viajenaviagem.com/2009/07/paris-onde-jantar-sem-ir-a-falencia/

Elen
ElenPermalinkResponder

Para dar uma contribuição: na última vez em que estive em Paris, eu jantei em um restaurante fan-tás-ti-co pertinho do Pompidou e que é frequentado, basicamente, por parisienses (fui lá com uma amiga francesa). Eu não sei o nome, mas não é difícil descobrir porque o lugar é uma viela sem saída (Passage Molière). É difícil achar essa viela, mas nada que o Google Maps não ajude. O menu está escrito num quadro negro a giz, e varia de acordo com o dia. Quem atende são os próprios proprietários do minúsculo lugar. No dia em que fomos, por exemplo, o dono veio à nossa mesa e perguntou do vinho. Ofereceu um vinho que custava 20 euros a garrafa. Como estávamos em dúvida, ele simplesmente ofereceu três tipos de vinho diferentes para degustarmos. Os pratos eram deliciosos (e pedi, para não perder o hábito, o Confit de Canard que adoro) e bem servidos (prato único). Não ouvi além de francês naquele lugar... e comi uma deliciosa comida francesa por 25 euros/pessoa.

Nana Z.
Nana Z.PermalinkResponder

Olá! Tentei ler o máximo de comentários para não dar dica 'velha', mas... lá vai!
Quando vou a Paris, uso o site 'La Fourchette'. É um 'Viaje Na Viagem' dos restaurantes. Tem muitas dicas dos clientes, tem pontuação, tem faixa de preços, e podemos fazer reserva sem custos. Eu já fiz várias reservas, ou simplesmente encontrei lugares maravilhosos de preço muito bom, e pouco ou nada turísticos. Do ano passado lembro do 'La Boussole' em Saint-Germain, do 'Les Editeurs' no Odéon, do 'Relais de L'Entrecôte, e do 'Le Petit Zinc', esses dois com bastante turistas, mas muito bons, perto do Café de Flore. É isso!

Paula
PaulaPermalinkResponder

Olá! Duas dicas de restaurantes BBB em Paris:
1) Cafe Constant, do mesmo chef-proprietário do Les Cocottes. Fica na mesma rua, logo ao lado. Também não aceita reservas e nos finais de semana a fila pode ser meio longa. Mas é comida é muito boa e o preço, camarada;
2) Crepes a Gogo: fica perto do Pantheon, na rua que liga o Pantheon aos Jardins de Luxemburgo. Serve crepes salgados e doces, muito gostosos. Almoçamos lá e é bastante movimentado, por conta da universidade ali perto.
Além disso, para quem gostar do Le Relais de l´Entrecote, tem um na região da Champs Elysees, na rue Marbeuf. Eu, particularmente, não achei nenhuma maravilha, mas atende bem quem está a fim de bife e batatas fritas. Amigos que moram em Paris recomendaram, para carnes, o Charbon Rouge, que fica na mesma rue Marbeuf, mas não chegamos a experimentar.

Naila Soares
Naila SoaresPermalinkResponder

Olá a todos:

alguém pode me indicar um restaurante perto da Rue de Bourgogne para jantar? Venho de Londres de trem e chego às 21:00. Gostaria de jantar em algum lugar perto do hotel, onde eu pudesse ir a pé. Será minha 1ª vez em Paris e meu francês é meio capenga para pedir informações...rs
Outra pergunta: é perigoso andar à noite nesta área, mesmo que a distância seja curta?
Desde já, obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Naila!

Leia sobre insegurança na Europa para turistas:
https://www.viajenaviagem.com/2013/07/europa-inseguranca-turismo/

A recepção do seu hotel é a melhor fonte de informação para qual restaurante na área ainda estará aberto e servindo a essa hora. Tenha em mente que na Europa é comum que muitas cozinhas não recebam pedidos depois das 22h. Ao chegar às 21h na estação, dificilmente você estará com o check-in pronto feito das 22h. Restaurantes que abrem mais tarde são as brasseries. Neste post o Ricardo Freire fala do Pied de Cochon, que abre 24h.

Logisticamente, o melhor que você pode fazer nesse dia é almoçar bem em Londres e fazer um lanche no trem. Ou programar-se para sair a uma brasserie como Pied de Cochon, Alcazar ou La Coupole.

Naila Soares
Naila SoaresPermalinkResponder

Obrigada Bóia

Fabiana  oliveira

Ola amigos gostaria de dicas para Belgian e amesterdan ,ficarei 3 Dias em Paris sera o suficiente para conhecer? Por favor amigos me ajuda com dicas para minha viagem (sail de boston dia 22 de Abril e volto dia 3 de maio !obrigado fabiana??????????????????????

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabiana!

Este post é sobre Paris. De acordo com as regras do site, tanto sua pergunta quanto minha resposta serão apagadas.

Leia sobre Amsterdã e Bélgica:

https://www.viajenaviagem.com/europa/amsterda-ricardo-freire

https://www.viajenaviagem.com/category/bruxelas

https://www.viajenaviagem.com/category/bruges

marcelo caetano

alguem sabe informar se é obrigatorio deixar gorjetas nos restaurantes de Paris?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcelo! Na França o serviço está incluso. Se quiser deixar alguns euros para o garçom, fica a seu critério.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar