Charada da 6a.: caju no Caribe?

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

charada23out

Para mim, não há fruta mais deliciosamente ligada ao Nordeste do que o caju. O fato do "maior cajueiro do mundo" estar em Natal me parece um pleonasmo: não há caju no mundo, só no Nordeste. (Eu sei, eu sei, a Índia também produz castanha, mas duvido que eles saibam o que fazer com o resto. Indiano não come carne nem mesmo se for carne de caju!)

O que nos traz à charada de hoje. Vejam em primeiro plano um cajuzinho vermelhíssimo. E essa praia azul-clarinha por trás. Sei de fonte segura que o lugar tem alguma coisa a ver com o Caribe. Só não sei bem o quê.

Você sabe? Então conte, juntamente com o nome do lugar, e leve a posse temporária do Troféu da Bóia.

(Chutes interessantes, como se sabe, levam menções honrosas distribuídas a granel!)

RESPOSTA:

[caption id="attachment_6005" align="alignleft" width="70" caption="Márcel"]Márcel[/caption]

Quando a Lena me mandou essa foto, de onde tinha acabado de chegar, e eu perguntei se podia usar na charada, ela respondeu: "Ah, mas essa vai ser fácil!". Apesar de ter sido acertada de primeira, pelo Márcel, não foi uma charada fácil, não: a primeira resposta demorou a sair, e só saiu porque o Márcel é de Belém. Sim, trata-se de Alter-do-Chão, a praia que aparece no segundo semestre no rio Tapajós, perto de Santarém. Vou começar dando a primeira menção honrosa para a Carol Wieser, que usou a expressou que eu queria: "Caribe amazônico", que é o clichê oficial de Alter, que acaba justificando o título da charada. E não posso deixar de mencionar honrosamente dois participantes que trouxeram informações relevantíssimas ao processo. Uma para o Ernesto (que não é o Pato), que contou conhecer cajus de sua infância em Porto Rico. E outra ao ClaudioFC, que não só achou um cajueiro em Acapulco, como ainda ensinou o barman a fazer cajuroska, e sobreviveu para nos contar como se diz caju em mexicanol: marañona! (Talvez essa relação caju x maranhão finalmente explique por que a rodovia praiana de Aracaju se chame José Sarney.) E para terminar, uma menção para a própria Lena, que além de fornecer a foto para a charada ainda entrou no meio para tumultuar, chutando... Costa Rica mrgreen Parabéns, Márcel! Obrigado a todos! Semana que vem tem mais!

24 comentários

Márcel
MárcelPermalinkResponder

alter do chão! Santarém!

Finalmente acertei (sabia) um desse desafios!

também... moro em Belém e já visitei este caribe brasileiro.

Pena que não cuidam muito bem dele.

[]'s

Márcel

Tweets that mention Charada da 6a.: caju no Caribe? « Viaje na Viagem -- Topsy.com

[...] This post was mentioned on Twitter by Ricardo Freire, Márcel. Márcel said: finalmente uma charada que eu sabia! Boa Riq! RT @riqfreire Charada da 6a. no ar. Caju? No Caribe? http://migre.me/9KEx [...]

Mariana "de Toledo" _ @merel

Eu achei que fosse um sino pendurado na árvore, daí eu chutaria NATAL grin

Igor
IgorPermalinkResponder

Chute total: S. Martinho do Bilene

Márcel
MárcelPermalinkResponder

Complementando:

Alter do Chão é um balneário perto de Santarém, interior do Pará. acessível através de barco ou avião de Belém.

O lugar, pela sua beleza é conhecido como Caribe Brasileiro. Inúmeros cruzeiros internacionais passam por lá.

O interessante é que quase toda esta beleza de lugar fica submersa boa parte do ano (geralmente perto de julho). Das cabanas que aparecem na foto, só se vê a ponta do 'telhado' nesta época.

O lugar, além de bonito é muito 'família', pois a água é doce, não fica funda, não tem onda, não tem bicho, não tem pedra e nem a areia esquenta (é incrível), resultado: levem seus filhos e fique lá o dia inteiro! comendo um peixinho frito que só se encontra na amazônia.

[]'s

Márcel

Igor
IgorPermalinkResponder

Chute 2: Cancún

Ernesto
ErnestoPermalinkResponder

Tá dificil, viu? Na minha infancia tinha caju em Porto Rico; hoje não tem mais. Eu imagino que outros paises do Caribe, da Venezuela até Mexico, e todas as ilhas também, devem ter (ou tinham) cajueiros.

Lena
LenaPermalinkResponder

Pode ser Costa Rica. Parece um vulcão atrás wink

Louis
LouisPermalinkResponder

AraCAJU?

gabebritto
gabebrittoPermalinkResponder

Não sei, mas deu vontade de ouvir Alceu Valença.

CláudioFC
CláudioFCPermalinkResponder

Parece que o Marcel já matou a charada, dada a convicção no 2º post dele, então não vou nem chutar...
Só quero contestar a afirmação que só tem caju no NE, pois quando estive em Acapulco havia um cajueiro carregado próximo ao meu quarto no hotel, mas o pessoal não aproveitava, achavam que era só ornamental! Até ensinei o barman do bar da piscina a fazer uma caipiroska de caju e ele disse que ia batizar com meu nome, pois gostou muito. Lá eles chamam o caju de 'marañona'.

Mirella
MirellaPermalinkResponder

Bem, eu chutaria.... Coroa do Avião em Itamaracá, PE.
Essa "ilhinha" aí no meio é a cara de lá e cajú é o que não falta por aqui.

Beijos a todos e bom final de semana.

Arthur
ArthurPermalinkResponder

Não é um caju, é um híbrido de maçã com morango produzido pela Embrapa. E o lugar é a Ilha da Fantasia. Bem ao fundo, com muito zoom, vêem-se claramente o Sr. Rourke e o Tatoo, em seus smokings brancos.

Lucia Malla
Lucia MallaPermalinkResponder

Caribé? razz

Luiz Leão
Luiz LeãoPermalinkResponder

Alter do Chão, claro. Como disse meu amigo Márcel, o nosso caribe brasileiro. Eleito pelo jornal inglês "The Guardian" a mais bela praia do Brasil.

Fonte: http://revistaepoca.globo.com/Revista/Epoca/0,,EMI68422-15223,00-JORNAL+INGLES+ELEGE+PRAIA+DE+RIO+NO+PARA+COMO+A+MELHOR+DO+BRASIL.html

Mirella
MirellaPermalinkResponder

Não sei onde é... mas deu vontade de tomar suco de caju... uhn!
Mas com caju de verdade e não Maguary wink
Cheers,

Carol Wieser
Carol WieserPermalinkResponder

Olha, um Caribe Amazônico!!!
Alter do Chão, Pará

Acertei!!!!

Mas tarde né... snif!

Léo Luz
Léo LuzPermalinkResponder

Wow...
Bati o olho na foto e respondi sem ler o texto: Caraíva, na Bahia.
Parece muito...estive em Caraíva ontem. Lindo de viver...
É Caraíva, Riq? Mas o que teria a ver com Cancún...wink

Léo Luz
Léo LuzPermalinkResponder

Ah, não...Caraíva não tem aquela areia do lado de lá da água, e sim mangue... sad

Malu
MaluPermalinkResponder

1 caju só? Não sei não, parece colocado ali pela pousada para valorizar o visual e todo mundo perguntar: quem comeu os outros cajus? A praia em frente é de uma aldeia indígena.

Moises Oliveira

Eu também chutaria Alter do Chão. Fui um dia só, há 10 longos anos atrás e foi muito bom!

Ricardo Freire

Charada respondida! Vencedor proclamado! Menções distribuídas! Parabéns, Márcel!

Lena
LenaPermalinkResponder

"...marañona! (Talvez essa relação caju x maranhão finalmente explique por que a rodovia praiana de Aracaju se chame José Sarney.)". Riq, essa foi demais! lol

Malu, não tem um caju só, não. Na foto, logo abiaxo, aparece outro, verde ainda, mas com uma castanha bem grandona! E a árvore estava cheinha de cajus, com um perfume delicioso no ar! Aliás, a foto não foi tirada da pousada, não, mas sim da calçada, que é toda arborizada com cajueiros.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar