Extra! Extra! O Sancho também pode ser lindão no verão

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Praia do Sancho, Fernando de Noronha

Bem que o Jeffrey -- um simpaticíssimo leitor do blog que está aqui na ilha com a família -- tinha me avisado: mesmo sendo janeiro, época de Mar de Dentro mexido, a praia do Sancho estava transparente e flat. Anteontem, ao passar na praia perto do fim da tarde, não pude perceber: o sol na contraluz deixava a água opaca, e a maré, enchendo, trazia muita espuma.

Ontem fui de manhã, com sol favorável, e maré ainda baixa. Perfeito. Tava praticamente o Sancho de sempre.

Praia do Sancho, Fernando de Noronha

Claro que dei sorte (eu não: os que estão na ilha pela primeira vez, e puderam ver e entrar no Sancho dos postais). Esses dias o mar tem estado bem calminho, e as ondas na Cacimba do Padre e na Conceição não estão maiores do que as do Arpoador.

Praia do Sancho, Fernando de NoronhaEntrada para a Praia do Sancho, NoronhaPraia do Sancho, Noronha

Se você só pode vir a Noronha nesta época, anote aí mais esse item para você negociar com São Pedro: nada de swell, para você ver o Sancho como se deve.

Snorkeling no Sancho, Noronha

(Mas não conte a nenhum surfista dessa sua negociação, vejalá.)

60 comentários

Vinicius
ViniciusPermalinkResponder

Qual a melhor época para ir a Noronha, para poder pegar essas cores e esse mar fantástico?

Priscila (Inquietos)

Estava me fazendo a mesma pergunta. O que vc sugere, Riq?

Ricardo Freire

O mar já fica calminho tipo abril e fica assim até meados de outubro. Normalmente chove pouco no "inverno" de Noronha. Mas nos últimos anos choveu muito demais da conta, segundo me dizem. Então o melhor garantido é vir em agosto e setembro.

Dionísio (www.blogdodionisio.wordpress.com)

Março de 2009 peguei 2 dias de sol e 5 dias de chuva (alguns temporais).

Mas mesmo assim aproveitei muito. Fiz até um mergulho com o temporal caindo a valer lá em cima e a visibilidade no mar estava muito boa.

Isabel O., Portugal

Não posso crer que haja alguém tão malvado no mundo que tenha coragem de colocar aqui estas fotos e eu a ter que ir dar aulas num dia de chuva intensa (europeia, há diferenças!!!) com um céu cinzento que só visto...
É violento demais.
Este Inverno está com pouco, pouco sol mas, por aqui, o frio nem tem estado tão grave como noutros locais da Europa (e mesmo de Portugal).
Resta-me sonhar com Julho/Agosto.

Dani Polis
Dani PolisPermalinkResponder

Pior que isso é ver uma foto dessa quando vc tá trancada num escritório e sem reais possibilidades de estar numa praia - emsmo estando um solzão do lado de fora...

Ricardo
RicardoPermalinkResponder

Acredito que a melhor época seja de junho-julho até outubro-começo de novembro. Fui em Setembro de 2007 e estava lindo. Outubro começa a época dos cruzeiros e rola uma muvucada. Abraços.

João Barcelos

Oi pessoal! Peço licença para perguntar algo off-topic. wink

Estou a pleno vapor (e com muita coisa já fechada) no planejamento da viagem pra Europa em Abril, e estou com uma duvida. Antes de tudo, deixa eu passar o roteiro: Londres (4 dias) – Paris (3 dias) – Cote d’azur (4 dias) – Milão (1 dia) – Veneza (3 dias) – Florença (5 dias) – Costa Amalfitana (4 dias) – Roma (1 dia).

Transportes: eurostar entre Londres e Paris, TGV de Paris pra Aix-en-Provence, alugo carro e fico 4 dias na Cote d’azur. Nice-Milao de trem, assim como Milao-Veneza e Veneza-Florença. A ideia é depois de Florença, passar pela Costa amalfitana, e voltar pra Roma pra pegar o voo (ou vôo) de volta. Como já fui a Roma, só fico um dia, só pra dar uma passeada básica antes do voo.

É ai que aparece minha dúvida: Neste trecho Florença-Costa Amalfitana-Roma, estou na duvida entre carro e trem. Se eu fizer de trem, vou fazer muitos trechos em poucos dias com mala e cuia. Estava pensando em pegar um carro nos ultimos dois dias de Florença, porque ai aproveito e Siena, San Gimigniano e Montepulciano de carro. Pegaria a estrada até Sorrento (quase 5h), ficaria de carro na costa amalfitana, e voltaria de carro até Roma, onde pego o voo.

Se acharem que não vale a pena fazer as 5h de estrada, posso esquecer pegar o carro em Florença e pegar em Sorrento. O único porém é que já cotei todas as opções e tirar o carro em Florença e ficar 7 dias fica praticamente o mesmo preço de tirar em Sorrento e ficar 4 dias.

Ou será que não vale e pena pegar carro mesmo?

O que acham?

Obs: perdoem o testamento. smile

Marcie
MarciePermalinkResponder

Eu acho que vale a pena pegar o carro, sim. Tanto Siena, quanto Montepulciano e San Gimignano super valem a visita. Além de outras cidadezinhas no caminho. Eu recomendo muito Pienza, que é adorável.
Se você for bom de mapa, e/ou tiver um GPS não fica difícil entrar em Roma. O único cuidado que você tem que ter, dependendo de onde fica seu hotel, é saber que não pode entrar de carro no centro histórico.
E outra pequena dica, se você me permite: quando chegar ao Raccordo Annulare: você verá, por exemplo FlaminiA e FlaminiO. Quando termina em A é auto-estrada, portanto para fora do centro; quando terminar em O é sentido centro, bairro.

João Barcelos

Oi Marcie,
Vou ficar no sheraton, mais ao sul da cidade, justamente pra poder estacionar caso seja necessario. Alem disso, há uma estação de metro a 300m e o preço foi imbatível. smile
Engraçado o comentário sobre Raccordo Anulare - estudei isso em italiano na aula de hoje! rsrsrs
E respondendo a sua pergunta: estarei de GPS! Companheiro inseparável de viagem.
obrigadu!

Carol
CarolPermalinkResponder

João,
Não sei se lhe ajuda, mas na viagem que fiz pela Toscana, Siena foi a cidade que eu mais gostei. Eu tive a sorte de ter me hospedado a 7 km de Siena, e pude visitar várias vezes a cidade. É uma cidade toda de pedra, com uma igreja linda toda de mármore, e uma população jovem, por causa da universidade que lá se encontra.
Se você gosta de vinho, vá a Montalcino, e se esbalde com os Brunellos... smile

João Barcelos

Sim!! Escrevi Montepulciano mas quis dizer Montepulciano e Montalcino. É que os nomes são grandes e fico com preguiça de escrever os dois. grin

Dani S.
Dani S.PermalinkResponder

João,
Eu alugaria um carro em Florença sem dúvida, para fazer as cidades por perto (lindas). Eu só achei o trânsito de Florença bem ruim, então optaria por dormir em outra cidade da região nos dias finais - mas eu amo cidade pequena, então sou suspeita.
Eu só pensaria duas vezes quanto a carro na Costiera Amalfitana. Quando eu fui em 2009 cheguei a Sorrento de trem e fiz todos os percursos de ônibus, e adorei. Não acho que dirigir naqueles penhascos valha a pena não - você preocupa com as milhares de curvas e perde a vista linda - além de não existir lugar nenhum pra estacionar. Os ônibus são pontuais, com ar condicionado, e permitem curtir mais o pinga-pinga de cidade em cidade. Não sei onde você pretende ficar, mas eu adorei ficar em Amalfi - a cidade é plana, linda, tem restaurantes bons, e fica bem no meio do caminho para visitar todas as outras cidades.
Que tal pegar o carro em Florença, passear pela Toscana, e devolvê-lo em Sorrento? Não costuma ter taxa de devolução dentro do mesmo país. E no caminho tem a Úmbria toda (Orvieto é linda e na estrada), e até Pompéia, se você quiser (fantástica).

João Barcelos

Pois é. Essa é uma preocupação minha. MAs como eu vou voltar por Roma, seria muito cômodo eu ir de carro até o fim, porque aí paro tranquilamente em Pompéia, dirijo até o aeroporto, etc.
Uma coisa que posso fazer é deixar o carro parado nos dois dias de Costa Amalfitana, já que a diferença de preço seria quase que nenhuma (vou pagar o preço semanal). Nos dias que eu for pra Capri, isso já vai acontecer mesmo.
Colocando valores, consegui 160 euros por uma semana de carro, com seguro contra colisão e roubo. Pra 4 dias fica por 150 euros.

João Barcelos

Aliás, sua idéia de Orvieto foi sensacional. Tava pensando em dormir uma noite da Toscana em alguma cidade mais ao sul, como Montepulciano, pra pegar estrada logo depois. O problema é que aí eu não poderia beber vinho. :0
Orvieto cai que nem uma luva nessa equação! wink

Ricardo Freire

João. Você já habituê do blog. Permita-me te pedir para não fazer mais perguntas off-topic.

No alto do cabeçalho há um menu dividido por destinos. Ainda está incompleto. Mas é só escolher a página mais próxima. No seu caso seria "Europa A-Z".

O que vai acontecer é que a sua dúvida, e todas as respostas a ela, vão se perder. Só vão beneficiar a você. Ninguém mais vai encontrar essas dúvidas. As mesmas dúvidas serão postadas por outra pessoa. E talvez as pessoas que te responderam agora não terão paciência para responder aos próximos.

Fora isso, muitas pessoas que acabarem aqui para saber sobre a melhor época de ir ao Sancho podem desistir de ler os comentários até o final, porque vai ter esse bifão sobre um assunto totalment estranho ao conteúdo que elas googlaram.

Peço a todos que me ajudem a conscientizar os usuários do site para que isso não se transforme em regra. Temos que ter em mente que estamos produzindo um conteúdo de pesquisa.

Obrigado.

Joao Barcelos
Joao BarcelosPermalinkResponder

Riq,
Apesar de já frequentar o blog há tempos, nunca reparei que não era recomendável fazer perguntas off-topic. Muito pelo contrário: como sempre via muita gente fazendo, e recebendo respostas, achei que era o recomendado.
O "Peço licença para perguntar algo off-topic" foi só uma maneira de gentil de pedir para mudar de assunto por um instante. Na verdade não imaginava que estava errado.
No meu caso, uma pergunta genérica sobre um trecho da Itália, seria melhor encaixada onde? Na página principal do próprio Europa A-Z, como vc recomendou? Ou em algum post da Italia?
A outra dúvida seria: eu só olho os posts mais recentes, e não fico voltando para ver comentários dos posts antigos.
O sistema de fórum ordena os tópicos pela última resposta, mas no sistema de comentários, confesso que não me entendi direito.
Se eu colocar a minha pergunta num post antigo, não é grande a probabilidade de ninguém, ou pelo menos pouca gente, ve-lo? Ou sou eu que estou usando errado?
Obrigado

Ricardo Freire

Respondendo à sua pergunta.

Temos na cabeça muitas regiões-clichê da Europa. Mas a Europa é muito, muito maior do que a que temos na cabeça.

Insistimos nas regiões de sempre, o que em princípio não é um problema. A não ser quando insistimos em ir a essas regiões na época errada.

No meu entendimento é perda de tempo e dinheiro ir a lugares de praia superfora de temporada. Por mais que a Costa Amalfitana e a Côte d'Azur tenham atrativos topográficos e arquitetônicos, quando você vai fora de temporada você encontra boa parte dos lugares fechados, à espera do verão. Você gasta seu tempo e seu dinheiro para ver lugares que não estão no seu melhor momento.

Tudo bem que o auge da temporada, julho e agosto, pode ser desagradável. Mas junho e setembro são ótimos.

Fora dessa época, há uma profusão de regiões mais interessantes na França e na Itália, que vão recompensar melhor o seu tempo e o seu investimento.

Provence, Normandia e Bretagne, Vale do Loire, Toscana, Ligúria, Úmbria, Sicília -- todas essas regiões são mais bacanas em abril do que Costa Amalfitana e Côte d'Azur.

Carol
CarolPermalinkResponder

Pessoal,
fui no final de Novembro e peguei 2 dias de mar calminho e Sancho maravilhoso. Os outros 3 dias, mar agitado e muita espuma. Não pude mergulhar na Baía dos Porcos porque as ondas batiam nas pedras e ficou perigoso.
Se você não quiser correr o risco, vá em setembro!
bjs

Wander
WanderPermalinkResponder

Fui na ultima semana de setembro : lindo : tempo bom e mar azul. Sancho e Baia dos Porcos, com mar calmo e transparente: são os lugares de praia mais lindos que já vi na vida !!!

Carol
CarolPermalinkResponder

Em tempo... se você não puder ir na época de mar calmo, vá em qualquer época. Fernando de Noronha vale a pena mesmo com mar de dentro agitado!

Lilian
LilianPermalinkResponder

Oi Ricardo, eu e meu marido usamos muitas dicas suas na nossa viagem a Europa! Obrigada... Mais uma vez queríamos suas dicas... fomos para Noronha em 2007, e claro, nos apaixonamos pela ilha, que é relamente deslumbrante... estamos com planos de voltar no final de julho desse ano, ficar alguns dias em Porto de galinhas depois... fomos pela Trip... vi seu comentário dizendo q pagou 199,00 pela passagem RE-Noronha pela GOL... com qto tempo é bom comprar as passagens para conseguir esses preços especiais? Junto com os outros estamos aguardando dicas de pousadas BBB...

Obrigada pelas excelentes dicas...

Ricardo Freire

Fui eu que disse isso? Não foi outro Ricardo não?

Dessa vez paguei quase 1.000 reais pelo trecho Recife-Noronha-REcife. Comprei muito em cima da hora.

A política comercial das cias. aéreas varia bastante. Ultimamente elas estão privilegiando as compras antecipadas, o que é uma boa medida. Sempre que o comprador de última hora é beneficiado o sistema fica desacreditado.

Dionísio (www.blogdodionisio.wordpress.com)

RIQ, quando fui a Noronha (março de 2009) usando Smiles, achei bem intrigante uma coisa: tinha Porto Alegre-Fernando de Noronha-Porto Alegre totalmente free, mas nunca num espaço de tempo curto, naquele padrão uma semana. Eu conseguia um dia para ir, mas para voltar só 18, 19, 20 dias depois. Nunca havia para voltar dali 6, 7 ou 8 dias.

Mas se eu comprasse Noronha-Recife, aí tinha free Recife-Porto Alegre quando eu quisesse. Paguei cerca de R$ 450 reais o trecho.

Em tempo: fiz reserva com sete meses de antecedência.

Será que a cia. aérea não faz isso de propósito, para nos forçar a comprar um trecho?

Carmen
CarmenPermalinkResponder

Ah!!!... a melhor época de junho até finais de setembro... vou anotar a toda pressa!!!! obrigadíssima pela informação (eu levo em conta)

Dionísio (www.blogdodionisio.wordpress.com)

Em março aconteceu o mesmo no Sancho, mas mesmo no dia em que o mar estava mais mexido a água estava bem transparente e rendeu muita diversão, porque havia umas ondas até bem altas que davam um balanço gostoso de subir e descer para que estava além da arrebentação. Nada que impedisse mergulhar de snorkel e ver tartarugas, arraias etc.

Cid Alexandre
Cid AlexandrePermalinkResponder

Ricardo, que misto de raiva e inveja (da boa, se é que isso existe, hehe).

PAssei o Reveillon em Noronha e Meu Deus do Céu... o Swell teve pico em 30 de Dezembro e destruiu a plataforma de embarque do porto, levou o palco do show do Reveillon embora, arrastou um pier do Zé Maria com freezer e tudo e teve ondas de até 7 metros (o navio da CVC teve até que levantar âncora e cair fora). Na virada do ano não se podia nem pular as 7 ondinhas por segurança. FOi tenso.

Depois acalmou mas não deu pra curtir o Sancho não. :~( Por isso acho meio arriscado ir nessa época do ano com esperança de pegar o mar de fora legal para banho. TEm que ir na certeza que não vai dar praia, se der, é lucro. Grande abraço.

André Lot
André LotPermalinkResponder

Para quem gosta de ir ao litoral para entrar no mar, nada melhor que um bom amigo surfista: pergunte a ele os "points" de cada época, e onde o swell é "garantido", e fuja desses destinos grin

Alice
AlicePermalinkResponder

Pessoal,

tenho uma semana de férias no final de janeiro e tinha planejado ir a Paraty. O problema é que com as chuvas do final do ano, fiquei receosa com o estado das estradas.
Liguei para a pousada e o recepcionista me disse que está tudo ótimo mas não confiei na resposta dele (era um menino e perguntou a alguém do lado o deveria responder!)O site do dner diz que houveram deslizamentos mas não precisa se há trechos interrompidos, se há perigo ou não. Alguém esteve por lá? Alguém sabe da estrada? (Saio de Macáe).
Sigo com a viagem ou desmarco as férias?

Ricardo Freire

Li em algum lugar que vai demorar alguns meses para a estrada inteira estar liberada. Mas não deve ser tão grave assim: alguns trechos vão ter pistas simples.

A melhor época para fazer a Rio-Santos é no outono, quando chove menos.

Denise Mustafa

mata a gente do coração com essas fotos!

Carol Wieser
Carol WieserPermalinkResponder

Riq,

Ano passado estive em FN no mês de janeiro e deu o maior azar. Só swell... até pra mergulhar foi complicado. Sorte sua Riq, acho que São Pedro se aliou a São Expedito (santo das causas impossíveis).
smile
Queria tanto ter mostrado esse Sancho das fotos pro maridex ano passado... é, acho que vou ter que voltar em setembro. Pra não ter erro.

Beijos

Geraldo Gontijo

**Plantão**
Pessoal para quem não viu, estão reapresentando o Harmonize(GNT) com com o grande Riq!
mas tem que ser agora!!! 21:13

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Aqui no Rio o ano começou com o mar escuríssimo por causa da proliferação de algas minúsculas, agora a cor já voltou ao normal e o tempo tem estado bem firme, tanto que ainda não choveu em grande parte da cidade este ano e parece que vai chover menos que o habitual no resto do mês, o mar está e menos frio que nos últimos anos, peguei até bem morno na semana passada.

JULIO CORRÊA
JULIO CORRÊAPermalinkResponder

Ric, não seria por causa desse El Niño que está deixando o clima bipolar? Até mesmo os locais falavam muito mal de Noronha nessa época do ano.
Abraço

Lilian
LilianPermalinkResponder

Desculpe, deve ter sido outro Ricardo, mas pesquisei na Gol e vi passagens de até R$159,00 preço excelente, em especial por nos levar a esta ilha paradisíaca...
Obrigada...

Juliano
JulianoPermalinkResponder

Fui em dezembro e realmente o mar de dentro estava um pouco agitado. Mas demos sorte em alguns dias e pegamos o Sancho e a Baía dos Porcos bem calmos, o que rendeu boas fotos e um perfeito snorquel que, diga-se de passagem, é fantástico nestas praias.
Espero poder voltar ano que vem, desta vez em uma época com o mar bem calminho...
Tem um post no meu blog com algumas dicas de noronha, espero que ajude.

Dedinhos Nervosos

Olá!

Não acredito que só vim aqui depois de visitar Noronha. Estive no paraíso pouco antes do carnaval e um maldito swell atrapalhou meu mergulho a reboque! rsrs Mas tudo bem, aproveitei bastante todos os momentos por lá. Fiz alguns relatos no meu blog. Se vc achar legal pode colocar aqui algumas informações. Eu escrevi o que gostaria de ter lido antes de viajar. Menos o lance de ir na janelinha do lado esquerdo! ehhehe

http://bit.ly/aFmEWZ

Bjs.

angelica
angelicaPermalinkResponder

Em maio o mar é tranquilo?
meu Deus estou na duvida, entre San andrés , Noronha

Alice
AlicePermalinkResponder

Eu pediria uma ajudinha no perguntódromo. Noronha com criança, quem já foi? De que idade? Foi perrengue?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alice! Sua pergunta está no Perguntódromo. Tenha em mente que as pousadas ficam longe da praia, que o transporte é de bugue e que as pousadas são todas bastante simples. Nas férias de janeiro o mar não é muito calmo, é a época do surf. A praia mais calma desta época, o Sueste, fica lotada dois dias por semana com os cruzeiristas.

Zuzu
ZuzuPermalinkResponder

O bugueiro que nos levou pro ilha tour me disse que abaixo de 8 anos a ilha não era aconselhável.Claro que tudo e relativo. Levamos nosso filho de 8 anos e ele adorou! Acho que com essa idade, os passeios, trilhas, etc ,se tornam factíveis e proveitosos.Mas, depende da criança e do ritmo dos adultos, nada esta escrito em pedra!

Alice
AlicePermalinkResponder

Bóia e Zuzu: Super obrigada por responder. Eu conheço gente que já foi e amou, mas imaginava isso mesmo, até porque não tenho muita vocação para perrengue e é um destino muito caro para não aproveitar bem todas as praias. Devo mesmo esperar o mais novo ter uns 8 ou 9...Quanto ao mar estar mais calmo, andei lendo a melhor época é setembro e outubro. Vou aguentar mais uns anos, mas a vontade é grande, e os preços só vão subindo a cada ano!

Thiago Augusto

Estive em noronha ano passado e poucos dias antes da viajem desistimos de levar nossa filha de dois anos. Foi uma sabia decisao. As pousadas nao tem estrutura interessante para se hospedar sem aperreios com uma criança pequena (ate as super caras); as praias tb nao (na maioria voce nao tem nem bar ou banho doce). Fora que o lugar é fantastico pra vc fazer tipo lua de mel. Nem viagem tipo grupo de casais acho que seria legal.
So levaria se a crianca tivesse no minimo sete anos. Minha esposa, geralmente menos radical que eu, concordou plenamente.

Alice
AlicePermalinkResponder

É que eu não tenho coragem de ir para tão longe e deixá-los aqui. Mas se tivesse seria mesmo uma boa ideia.

yara xavier
yara xavierPermalinkResponder

Alice,
Já estive em Noronha com crianças pequenas - 4 e 7 anos, na época. Não tive nenhuma problema. As crianças se adaptam. A gente é que complica. Minha filha mais nova, hoje com 22 anos, rapidamente arrumou um jeito de tomar banho quente: pediu para a dona da pousada uma chaleira de água fervendo e um balde. Claro, eu aproveitava bastante da cara de pau dela.
Hoje não sei como as coisas andam por lá. Na ocasião, ar condicionado e chuveiro aquecido não existiam. Mas nada disso atrapalhou a viagem.
S´não concordo com o Thiago sobre Noronha ser um bom lugar para uma lua de mel. Pelo dinheiro que se gasta para chegar, ficar, comer mal, creio que existam opções mais confortáveis.

Fabiana
FabianaPermalinkResponder

Olá Alice,

Fui a Noronha com o maridao e depois voltamos com os filhos pois queríamos que eles vissem aquele mar lindo.
Se vc quiser aproveitar a viagem ,que nao é barata, e conhecer a ilha com suas caminhadas e entardeceres ,nao levaria filho numa primeira viagem.
Passeios sõ de buggy,praias sem estrutura(agua doce é coisa preciosa lá) ,pousadas com pessoal bacana mas um pouco indiferentes ,pois a ilha vive lotada .

Renata
RenataPermalinkResponder

Sobre ir com crianças: se for de colo, sem chance. Se for maior, ela pode gostar, desde que seja uma criança mais "aventureira", que gosta de correr, que nao se incomoda com sal e areia, etc.

Sobre lua de mel: pra mim, essa é a maior lenda turística do mundo! Andei pra cima e pra baixo, fiz mil passeios, trilhas, sujei o pé de terra e lama, quando voltava pra pousada só queria dormir. O que menos fiz foi namorar.

É como bem lembrou a Yara, e se aplica às duas situações: "pelo dinheiro que se gasta para chegar, ficar, comer mal, creio que existam opções mais confortáveis"

yara xavier
yara xavierPermalinkResponder

Renata,

O Riq poderia abrir um fórum sobre ¨lendas turísticas¨. Para mim existem várias: Noronha boa para lua de mel, Veneza romântica - a cidade é linda, mas romântica!, a pizza da Itália é pior do que a de São Paulo e por ai vai.

Alice
AlicePermalinkResponder

Yara, Renata e Fabiana, super obrigada pelo feedback. Adorei o ponto sobre as lendas turísticas haha. Eu fiquei bolada, adoro mar lindo mas detesto banho frio. Vou seguir os conselhos dos trips e aguentar mais um pouquito.

Rodrigo Basso
Rodrigo BassoPermalinkResponder

Já fui algumas vezes a Noronha e também acho que não é um lugar aconselhável para crianças (de qualquer idade).
Já em relação a lua de mel, só acho "lenda" se for para ficar nas pousadas domiciliares. Nas melhores pousadas, a história é outra, mas também não indico para que está com o orçamento apertado.
E diferente de alguns anos atrás (fui pela primeira vez em 2.000), dá para comer muito bem na ilha.

Sut-Mie | Viajando com Pimpolhos

Eu fui há 8 anos atrás, só com o marido que ainda era namorado. As crianças nem sonhavam em existir! wink Não me lembro de tomar banho frio, nem de comer tão mal assim. Coisas caras sim, como em muitas ilhas.
Mas hoje, sonho em levar as crianças, e sim, dependendo da empolgação e estilo delas, acho que a partir dos 7, 8 anos já dá para curtir! Tudo ali é legal com crianças: o museu dos tubarões, andar de bugue, ver golfinhos, as eco-palestras à noite, as caminhadas nas praias desertas e sem ondas (fomos em abril), mergulhar de snorkel e ver peixes de todas as cores,...nós ainda pegamos o nascimento de tartarugas do Projeto Tamar! Qual criança aventureira não ia gostar disso tudo?
Quando esse projeto estiver estabelecido, tem que tentar pegar uma promoção com milhas! wink
@viagempimpolhos

Clovis Grimaldo

Retornei agora de Noronha, e vi muitos casais com filhos. Quando tiver meu filho, ele não impedirá de nós voltarmos à ilha. Aliás acho um destino fantástico para as crianças. LÓGICO que terá que tomar cuidado em alguns pontos, mas nada extraordinário.
Vi inclusive muitos casais com bebê de colo mesmo!

Fernanda
FernandaPermalinkResponder

Olá pessoal,
pretendo ir para Noronha no final de novembro...já é uma época das ondas mais fortes e mar mexido?
Abraços,
Fernanda

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernanda! É possível que sim.

Eduardo
EduardoPermalinkResponder

Bóa,
Vocês já me ajudaram bastante em minhas viagens, inclusive, a dica de Tulum foi genial!!!
Dessa vez eu gostaria de saber como é o tempo em Noronha em fevereiro (pretendo ir na segunda semana)? Não mergulho e não surfo, mas sou um entusiasta de águas cristalinas.
Obrigado.
Abs,
Edu

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eduardo! O mar está calmo entre maio e setembro. O mar está calmo e não chove em agosto e setembro.

Gabriele Bastos

Olá pessoal!
Eu e o marido estamos indo para Fernando de Noronha neste sábado 27/04), para passarmos o final de semana até o dia 01/05 (quarta-feira). O coração está apertado com a previsão de chuvas, porque aqui em Salvador invernou completamente, chove sem parar há três dias... Pelo Climatempo, há previsão de pouca chuva, entre 3, 7, 9, 18 e 40mm. Será que mesmo com chuva, é possível aproveitar algo?!
Estou preocupada... Uma viagem tão cara e não poder curti-la ao menos um pouco...
Um abraço.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gabriele! 40mm é bastante. Torça para que caia de uma vez só.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar