Making of: Desempacotando RJ, dia 1

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Vista do Parque da Cidade, Niterói

Desculpem a falta de notícias. O lerê ontem foi das duas da tarde às duas da manhã. Mas quem me acompanha pelo Twitter ficou sabendo sempre onde eu estava (pelo menos enquanto o iPhone ainda tinha bateria...)

Estações de barcas da Praça XV

Começamos pegando a barca pra Niterói. Foi a minha primeira vez na barca. Achei civilizadíssima -- tanto em termos absolutos, quanto na comparação, fresca na memória, com o ferribôtchi de Itaparica. E pensar que essa barca é a opção mais popular para atravessar a baía -- há também os catamarãs mais rápidos. Mais um motivo para voltar a Niquíti.

Dentro da barca

Espiadinha básica na Ilha Fiscal

Primeira parada, claro, o MAC. Outra primeira vez: nunca tinha chegado tão cedo ao museu. Normalmente é a minha última parada e já não tem mais luz para fazer fotos realmente nítidas. Pronto. Já tenho.

O MAC, nosso OVNI de estimação

Isto é Hollywood, digo, isto é Colmeia: Felippe no som, Julio Taubkin na câmera, roteiro e direção, meu xará Ricardo na produção.

Colmeia people

Continuamos pela beira-mar niteroiense, passando por Icaraí e São Francisco (agora sim, vi os barzitos de que o Arthur fala -- achei a região ma-nei-rís-sima) e subimos ao Parque da Cidade, que para mim poderia se chamar Mirante da Baía. De lá você avista todo o elenco de montanhas do Rio de Janeiro -- e em especial as duas estrelas, o Pão de Açúcar e o Corcovado, excepcionalmente reunidas na mesma foto.

Pão de Açúcar e Corcovado vistos do Parque da Cidade, em Niterói

O sol já estava no fim, mas num oferecimento Horário de Verão ainda conseguimos fazer uma sonora em Itacoatiara.

Itacoatiara

Que tal essa vara de pescar fantasiada de destaque de escola de samba?

Entrevistando o mar

Depois de uma pausa para jantar e recarregar a bateria (do celular), ainda nos bandeamos pro ensaio da Unidos da Tijuca. Conveniência é tudo: a quadra da escola fica agora pertinho da rodoviária. Tipo mais perto, impossível.

Na quadra da Unidos da Tijuca

Momento Sargentelli

Continuo admirado (negativamente) com a acústica sofrível das quadras de escolas de samba do Rio. Será que ninguém nunca foi à Bahia ver como se sonoriza um ensaio? Então vá!

Para saber em primeira mão por onde eu vou zanzar hoje, sintonize o meu Twitter. Ou volte aqui para foto-resumos e edições extraordinárias smile

28 comentários

Gabi de Madri
Gabi de MadriPermalinkResponder

Nossa, com esse aperitivo, não vejo a hora de assitir aos filminhos da nova série no Rio.

Mariana "de Toledo" (@merel)

SÓ ALEGRIA! A barca é ótima e faz um balancinho gostoooso pra dormir! Só fica ruim no rush mesmo, mas mesmo assim acho bastante civilizada.
Gosto muito de Niterói. Que bacana essa sua visita lá smile

PS: Essas fotos praticamente grayscale dos morros ficaram lindas demais.

beijocas!

Igor
IgorPermalinkResponder

Quando fica pronto? Curiosidade e ansiedade mode on!

SelmaBoiron
SelmaBoironPermalinkResponder

Vivo em Niterói e acho q vc fez um roteiro básico e mto show pra quem ñ conhece a cidade. Volte com calma. E, se precisar de cicerone, te sigo no twitter e sou ex-coleguinha sua de Rádio Paradiso. Estou às suas ordens! Adoro viajar na viagem....Abs!

Denise Mustafa

essas fotos dos morros do RJ parecem feitas em computador né? incrível como é lindo e real! Maravilha.
Vai contando que a gente vai acompanhando!

Daniel
DanielPermalinkResponder

Aguardo mais que ansioso pela série!!
Acompanhado via twitter e blog!

Que venha o Desempacotando RJ!!

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Opa! Que vai ter muito ziriguidum VnVetico nesse Carnaval!

Katia Albuquerque

Adorei você ter estado na minha terra. Fico aguardando a sonora...

uberVU - social comments

Social comments and analytics for this post...

This post was mentioned on Twitter by riqfreire: Desempacotando RJ: o foto-making-of do primeiro dia de filmagem http://migre.me/jOsJ #desempacotandorj...

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

Aguardando esse desempacotando!!! Ja vi que vai ser tudo de bom!!!

Arnaldo - Fatos & Fotos de Viagens

Babando nas fotos (carioca da gema sempre se orgulha do privilégio que é ter nascido e morar na Cidade Maravilhosa, ainda que veja isso todos os dias...)

Desejo bom trabalho, boa estada e que aproveite o Rio como jamais o fez, ainda que seja "useiro e veseiro"!

Só esqueceu de me mandar a agenda das atividades no Rio, que ficou de mandar, lembra?

Bem, estou no Galeão "iPhonando", no aguardo do vôo pra SP pra me encontrar com minha paulistinha e irmos pra Marrakech, "desempacotar" o La Mamounia durante o recesso momesco - ícone da hotelaria de luxo no mundo e um dos hotéis mais bonitos do planeta - (que depois de 3 anos de reforma feita a cotonete e US$ 170 milhões) reabriu no finalzinho de 2009.

Prometemos contar (e fotogafar) tudinho e publicar no F&F ( no seu "Ano IV") ao vivo do Marrocos.

Ótimo feriadão pra todos e muita Paz!

P.S. Se beber, não dirija! Se for sai no Suvaco de Cristo (ou qualquer outro Bloco de rua, um programaço!), use os banheiros públicos químicos que a Prefeitura do Rio colocou em toda a cidade. Agora, no Rio, fez xixi na rua, vai direto pro xilindró!

Pedro Serra
Pedro SerraPermalinkResponder

Riq,

você achou a balsa civilizada porque foi no contrafluxo. Tenta de novo hoje, às 18h, e depois me conta.

Agora, realmente Niterói tem muita coisa legal, mas o melhor mesmo é a vista para o Rio. Belas fotos.

Abs

Paulo Torres
Paulo TorresPermalinkResponder

A Barra da Tijuca terá algum papel, mesmo que de coadjuvante, nessa temporada? Acho que ela merece mais do que o menosprezo institucionalizado, e chegar lá pelo "ônibus do metrô" é bem civilizado - pelo menos em mês de férias escolares, fora da hora do rush.

Lu
LuPermalinkResponder

Oi, Riq,

Sniff ... as algas invadiram o nosso Caribe ... tomara que elas fiquem por pouco tempo e vc possa ver e curtir tudo o que vc viu e ouviu!!

Se a sua agenda for "divulgável", quem sabe a ñ dá prá ver o making off "ao vivo"? Se ñ for atrapalhar, é claro, pq, afinal, todos sabemos que vc está aqui a trabalho!

A boa de hoje é o bloco do Azeitona sem Caroço, no Leblon. Só que, como saiu no Rio Show, do Globo, deve estar entupidésimo!!

Bjs,
Lu

Dri
DriPermalinkResponder

Vim aqui dar esse mesmo feedback, Lu. Até tuitei pro riq isso, o caribe-ipanema deu lugar ao mar Rio Amazonas... Quase chorei qdo cheguei lá hoje.

Minha boa já era e vai continuar sendo o Azeitona sem Caroço, com esticadinha no Sapucapeto. Pra quem quiser, tb as 18hs tem Rola Preguiçosa na Lagoa com Maria Quitéria...

Qto a agenda, acabei de esbarrar com o Riq e a equipe no Copacabana Palace...

Ricardo Freire

Lu, minha agenda tá caoticíssima. Quando der pra divulgar/organizar algum encontro eu falo, mas por enquanto tá difícil. Tente seguir o meu twitter...

Luciana Bordallo Misura

Riq, voce foi a minha terra e a "minha" praia! smile Meus pais moram ali pertinho de Itacoatiara, a minha adolescencia foi indo a essa praia. E levamos a Julia la quando visitamos em dezembro, claaaro. Mas olha, a barca nao era civilizada assim nao, nos meus tempos de faculdade (95-98), quando eu tinha que atravessar meio mundo pra ir de Itaipu para a PUC na Gavea, a barca ainda era velhinha com bancos de madeira! Bom saber que agora esta bacana assim!

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Xará,
Sinto saudades das antigas barcas com banco de madeira. Elas saiam pontualmente a cada 12 min no horário do rush e tinham ventilação muito melhor do que as novas. Ah! E comportavam mais passageiros também. Até onde eu sei, as barcas novas não tem (ou eles não ligam) ar condicionado.

Vera Lucia
Vera LuciaPermalinkResponder

Eu também. Só que meu trajeto era ao contrário, pegava a barca vazia, viajava pela manhã, do Rio para a UFF. Bons tempos.

Luciana Bordallo Misura

Ih, essas barcas novas sao bonitinhas mas nao funcionam direito e? Tem toda cara de que tem ar condicionado...vai ver nao ligam mesmo.

Arthur josef mario | Agora Vai

companheiros esquerdistas, niteroienses, trotskistas e bolivarianos

eu, josef mario, venho lamentar que o companheiro ricardo freire, ao pegar a barca das 14:00 para niterói, foi infelizmente privado de uma experiência sócio-antropológica-cultural-infernal inesquecível, que seria pegar a barca no horário das 18:00 sentido Rio-Niterói, ou 8:00 / 9:00 no sentido contrário, como mencionou o companheiro pedro serra.

Nesta experiência, após esperarem num saguão lotado com vários companheiros proletários bolivarianos, ao adentrar na embarcação, o companheiro riq e os companheiros da equipe de filmagem sentiriam todo o calor humano que beira os 78°C e a luta de classes estrutural onde todos correm para pegar um banco vazio, deixando as classes menos favorecidas em pé, e o contato com os mais diversos tipos de companheiros navegantes, desde as companheiras barangonas e peruas, os companheiros barangões com seus nextels no modo rádio, os companheiros boys com suas camisas do flamengo, até os companheiros que ficam na proa da barca jogando cartas, recitando em voz alta seu imenso vocabulário de 11,5 palavras, rico em impropérios, além dos companheiros maconheiros que ficam lá no fundo.

A experiência seria mais rica ainda se o belo painel digital que mostra a lotação desse defeito e a barca superlotasse, obrigando o companheiro capitão a não sair com a barca, o que provocaria inúmeros protestos dos companheiros usuários, com direito a penas e ovos para todo o lado.

Se o companheiro riq tivesse me avisado antes da sua vinda a niterói, eu teria indicado este roteiro inesquecível para enriquecer as filmagens da sua belíssima série "desempacotando".

por último, eu, josef mario, do alto da minha provecta sabedoria dos meus 119 anos de idade, gostaria que os companheiros entrassem no site http://www.tjrj.jus.br/
do companheiro tribunal de justiça do rio de janeiro, e digitassem "barcas" no campo "consulta processual por nome" -"primeira instância" / "todas comarcas" / "cível", onde verão que a companheira barcas s/a figura como réu em 144 processos.

e completando o comentário do companheiro pedro serra, a melhor vista de niterói é o rio, principalmente o aeroporto santos dumont ou, se usarmos um telescópio, o galeão, onde sempre podemos nutrir a esperança de nos mudarmos deste estado desgraçado onde nada funciona.

muito obrigado.

Maryanne  hotelcaliforniablog.wordpress.com

Estamos pensando em passar uma semana no Rio em julho e quero sair fora do circuito Ipanema-Leblon-Lagoa. O centro do Rio e Niteroi ja estavam nos meus planos, agora nao preciso nem pesquisar mais. Obrigada.Essa vista das montanhas do Rio é simplesmente ma-ra-vi-lho-sa.

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Ontem de tarde o vento estava forte no Arpoador e vinha da nossa suja baía, quem sabe este vento não trouxe a água escura novamente, eu fui até a praia para ver a água clara que apareceu na foto e o que encontrei foi bem diferente, será que o mar continua claro na zona oeste?

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Riq,
se quiser ir a um bloquinho social, me escreve! Amanhã em Botafogo. Mas acho que tua programação tá mais intensa. Não tenho twitter, posta aqui vai... rsrs

Ricardo Freire

Não tô mandando na minha agenda não, Cristina sad

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Nem eu mandei na minha rsrs que dirá vc...mas vc é pé quente, visitou a campeã, mais que merecida (sou portelense de coração mas faço jus a Paulo Barros!!!)!!!

Ernesto, o pato

Riq

Nao deixe de fazer um post sobre o parque Claudio Coutinho, e a Urca,sao points pouco conheidos, mas muito bonitos do Rio.

O museu nacional, inteiramente remodelado, e o centro cultural da Marinha perto da praca XV tambem valem.

Neste mesmo esquema o passeio de bonde na Lapa e imperdivel.

Marília Marconi

Riq, da próxima vez tenta a quadra do Salgueiro, na Tijuca. Não é nenhuma Cidade da Música, mas fizeram um tratamento acústico que ficou razoávelzinho. E a bateria fica num "palanque" bem próximo à galera, dá para ouvir super bem! Fica a dica pro ano que vem... wink

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar