De ônibus pela Costa do Dendê

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Tiririca, Itacaré

A região imediatamente ao sul de Salvador, conhecida como Costa do Dendê, esconde algumas das praias mais bonitas do Brasil. Chegar até elas nunca é fácil. Morro de São Paulo está na ilha de Tinharé, Boipeba também é uma ilha, e a península de Maraú tem um acesso por terra tão precário que a maioria dos visitantes chega pelo mar. Na ponta sul da região, o vilarejo de Itacaré até há pouco não tinha nenhuma ligação terrestre direta com o resto da costa.

É um dos poucos trechos do litoral brasileiro onde não vale a pena passear de carro alugado, entrando de praia em praia. Quem fizer isso na Costa do Dendê acabará pagando diárias à toa, pois o carro vai ficar em estacionamentos no continente, enquanto seus ocupantes aproveitam as areias de Morro, Boipeba ou Barra Grande. O único lugar onde vale a pena estar de carro é Itacaré.

Em compensação, a Costa do Dendê é perfeita para ser esquadrinhada do jeito mais popular: de ônibus. Os horários são freqüentes, e as distâncias, relativamente curtas. Tendo algum tempo para perder – digamos, meio turno a cada deslocamento --, você pode pular de praia em praia sem se incomodar com placas, abastecimento ou estacionamento.

A saída: ferry-boat

Um dos assuntos do momento na Bahia é a planejada construção de uma ponte ligando Salvador a Itaparica – seria uma obra do porte de uma Rio-Niterói. Enquanto a ponte não sai, o jeito menos complicado de sair de Salvador em direção à Costa do Dendê é pegando os ferry-boats que ligam o terminal de São Joaquim à localidade de Bom Despacho, na ilha. Há uma saída por hora (veja os horários em Travessias Online), para uma viagem que leva 50 minutos. Aproveite o tempo a bordo para comer um beiju fresquinho de tapioca com coco ou tomar um café com bolo de aipim. A passagem custa entre R$ 3,95 e R$ 5,20.

De Bom Despacho saem ônibus para todos os destinos da região, em horários coordenados com a chegada dos ferry-boats. Você pode comprar a passagem na hora ou, se quiser se precaver, chegar já com a passagem na mão. Consulte os horários nos sites das companhias (Águia Branca ou Cidade Sol) e compre por telefone (na Águia Branca também dá para comprar pela internet).

Costa do Dendê

Valença: hub do dendê

A 1h45min de viagem (e R$ 15,30 de tarifa), Valença é o porta de acesso a dois destinos de perfis diametralmente opostos: a fervida Morro de São Paulo e a tranqüila Boipeba. Você vai descer na rodoviária e pegar um táxi, que cobra R$ 10 e leva cinco minutos até as lanchas.

Morro de São Paulo também é servido por catamarãs que saem do Mercado Modelo, em Salvador, e vão direto à ilha, em viagens de duas horas e meia. Mas o mar aberto é tão encrescapo e desagradável que os habituês preferem ir por Valença. De lá partem lanchas rápidas a todo momento, para um percurso de apenas 30 minutos, por águas calmas. A passagem custa entre R$ 12 e R$ 15.

De Valença também partem as lanchas rápidas para Boipeba – um conforto implantado há apenas dois verões. Em menos de uma hora, navegando pelo belo estuário do arquipélago de Cairu, você desembarca no porto de Velha Boipeba. Para garantir seu lugar na lancha, é aconselhável pedir à sua pousada para fazer uma reserva.

Camamu: no centro

Com a inauguração do trecho que faltava da BA 001, dali até Itacaré, Camamu viu-se repentinamente no meio do caminho entre Valença e Itacaré. De Valença dá 1h40 de ônibus (R$ 8). Desça aqui para ir a Barra Grande, na ponta norte da península de Maraú. As lanchas rápidas levam meia hora e cobram R$ 25 por passageiro (veja os horários em Camamu Adventure).

Pela estrada nova, Itacaré está a menos de uma hora e meia de ônibus (R$ 7). É uma linha particularmente útil no sentido oposto. Se você está em Itacaré, quer passear por Barra Grande e Taipus de Fora mas não quer aderir aos extenuantes bate-voltas em off-road vendidos pelas agências da vila, o ônibus é uma grande pedida. Uma vez em Barra Grande, pegue a jardineira a Taipus. Consulte antes a tábua das marés para se certificar de que vai estar em Taipus durante a maré baixa, que é quando aparece a piscina natural.

Novidade: Morro + Itacaré

Junto com a extensão da BA 001 entrou em operação uma linha entre Bom Despacho e Itacaré, em vários horários ao longo do dia (alguns com conexão no ‘hub’ de Valença). Essa linha possibilita combinar numa mesma viagem dois destinos que combinam muito bem: Morro de São Paulo e Itacaré. O ambiente de festa e o público são parecidos nos dois lugares; só a paisagem é que muda: coqueiros e mar calminho em Morro, mata atlântica e ondas em Itacaré. A viagem de Valença a Itacaré leva três horas e custa R$ 16,30.

Se você fizer este percurso, programe a sua volta de avião por Ilhéus, que está a apenas 65 quilômetros de Itacaré. (Se gostou da experiência e quiser continuar de ônibus, dá 1h30 de viagem até a rodoviária, a R$ 10. Lá você pega um táxi para o aeroporto, por R$ 18.)

Leia mais:

231 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Zé Maria
Zé MariaPermalink

Riq, mande fazer umas camisetas com esses mapinhas da hora que você desenha smile

Mari Campos
Mari CamposPermalink

Tambem sou fa dos mapichas. Pra usar as ditas camisetas com o pin da boia mrgreen

Zé Maria
Zé MariaPermalink

É, 18 reais de Itacaré a Ilhéus é muito melhor que os 150 escorchantes reais que os transfer (que geralmente são parentes dos pousadeiros) cobram.

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

18 reais é o preço do táxi entre a rodoviária e o aeroporto. Acrescente 10 pilas por pessoa do buzum de Itacaré até a rodoviária de Ilhéus.

(E não coma enroladinho de presunto e queijo na rodoviária, se você não quiser passar dois dias de molho com piriri...)

Fernando
FernandoPermalink

Se tinha ficado alguma dúvida, ficou tudo claro com este mapa.
Acho que as vezes a gente fica com preguiça de pensar, ou de parecer meio louco, mas antes destes posts, acho que jamais faria este circuito de ônibus. Agora que você nos "acordou", faz todo o sentido esta opção. Quando voltar a Bahia na costa do Dendê (ainda não sei quando, but...) vamos de buzão!!!

Patricia - Turomaquia
Patricia - TuromaquiaPermalink

O mais legal fora todas as dicas e atalhos, o esquema feito à mão, A-D-O-R-E-I!
beijos e parabéns pelo projeto, afinal viajar de ônibus é outra viagem!

Carmen
CarmenPermalink

Agora mesmo a situação para conhecer a Costa do Dendê e muito boa. Antes ir de Morro de São Paulo a Itacaré era uma aventura dificultosa.
É um acerto que esta nova linha do ônibus permita fazer a rota de Morro a Itacaré e conhecer os dois lugares.
Morro-Itacaré é uma boa combinação tão boa como fazer Arraial d'Ajuda e Trancoso em um mesmo viagem.

Rogéria
RogériaPermalink

Mais didático do que o bê-a-bá da viagem só o mapinha mesmo. Um capricho só. Adorei!

Alessandro A.
Alessandro A.Permalink

Riq, depois desse post ficou tudo mais claro. Eu não entendia patavinas dessa região, mas agora já consigo até explicar para os outros.

Como sugestão, você poderia ter terminado o post assim: "Entendeu ou quer que eu desenhe?" smile

Rosa
RosaPermalink

Pôxa! Na página Turista Profissional, no caderno Viagem & Aventura do Estadão, 26/01/, não tem o mapinha. Vou salvar, imprimir e colar.
Eu estava boiando com tanta informação, mas agora entendi bem direitinho!

Sylvia
SylviaPermalink

Riq , esse mapinha é o pote de ouro no fim do arco iris wink

Rodrigo Dantas
Rodrigo DantasPermalink

eu gosto dessa costa, fiz o percurso até Itacaré...mas realmente de carro até lugares como Boipeba me parece não ser vantajoso. Bela dica de roteiro.

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalink

E não que o mapinha me salvou da minha ignorância geográfica!
Obrigada!grin

ruy mendes
ruy mendesPermalink

Caro Riq,
Faltou colocar no mapa a travessia Barra-Grande-Boipeba de barco, leva mais ou menos 1 hora, tratar com os barqueiros que fazem os passeios nas ilhas da baia de Camamu. A viagem é meio punk, quando fui, na minha lua de mel,em 2001, pegamos uma pequena tempestade em alto mar, mas o visual é incrível. O "desembarque" em Boipeba é feito diretamente na praia, levando as malas nas costas, no meio das ondas, que no dia, felizmente, estavam pequenas.
Abs.

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Hehe, tá ali, sim, mas a minha legenda garranchal tá difícil de entender. Escrevi "lancha fretada - 1 hora". Dá pra conseguir também em Boipeba, mas sempre precisa de um quórum de 6/8 pessoas pra não sair uma fortuna pra cada passageiro.

Vera Lucia
Vera LuciaPermalink

Mais claro impossível. Amo mapinha. Adoro setinha. Se a camiseta vingar, eu quero, com o pin incluso.

Sylvia
SylviaPermalink

Edu , o que achas de providenciar uma facção de camisetas da bóia?
Bóia na fente e mapas de todos os lugares nas costas eekops: assim
dá pra engrenar um papo com o vizinho ...
(vendas aqui no site : 50% pro guru e os outros 50% a gente racha -hehe)

Flavia
FlaviaPermalink

Ruy, a tempestade no meio da travessia Boipeba- Barra Grande deve estar no "pacote" do transfer, pq eu TAMBÉM peguei a dita cuja nesse verão!!!

Riq, enroladinho de queijo com presunto na rodoviária? R u nuts? smile

Favor fazer camisetas na versão decotada também, plis. lol

beijos

Emília
EmíliaPermalink

Riq, bela destrinchada da região, fico feliz que a nova estrada já ande rendendo frutos.
Ai, ai que saudade eu tenho da Bahia...

Paula*
Paula*Permalink

Esse post ficou super didático e indispensável pra quem vai fazer esse roteiro!
Já vi que está cheio de fãs do seu mapinha! Tô engrossando o coro: Tá Lindo! wink

fabiana machado vanderstappen

Fiz esse roteiro em 2006 com as dicas do guia freire's... Amei!! Só que não fui de onibus. Cheguei por Salvador, peguei o catamarã pra Morro, para Boipeba fiz só um passeio de barco, de morro fui de teco-teco para Barra Grande (muito legal o visual da viagem), Para Itacaré fiz um tranfer de carro e fui embora por Ilhéus. Acho que foram 17 dias no total, em Barra grande aluguei uma moto (e também uma bike... programa de indio!)e em Itacaré alugamos um carro pois era quase o mesmo preço.
Para quem não tem medo de teco-teco aconselho o transfer aereo de Salvador para morro também, pois via Valença é bem consativo e de catamarã se o mar tiver mexido é terrível para quem enjoa...
Mas é tudo lindo, vale muito a pena!

Rogéria
RogériaPermalink

Trips, alguma dica de pousada BBB em Morro?

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Eu acho a Mareia simpática.

http://www2.uol.com.br/mochilabrasil/pousadamareia.shtml

Mas normalmente as pousadas da vila não são caras. Se puder, cacife a Solar do Morro

http://www.pousadasolardomorro.com.br/

Rachel
RachelPermalink

Em relação a Itacaré, além das praias que são maravilhosas, gostaria de saber se o lugar tem bastante agito, se tem opções noturnas... enfim... conta tudolo!
Grata,
Rachel

Bruno
BrunoPermalink

Olá Ricardo,

Escrevo para dar um depoimento de quem realizou, no período de carnaval e sem carro, o trajeto salvador/boipeba/barra grande/itacaré. Suas dicas, como sempre, foram mais que úteis, mas resolvi dividir minha experiência, que acredito também poderá ajudar os outros leitores.

Meu plano inicial era passar uma noite no carnaval em salvador e depois ficar até quarta em Boipeba. Na véspera do feriado, contudo, consegui prolongar meu feriado (enforcando a semana) e adicionei Barra Grande (1 noite)e Itacaré (3 noites) ao projeto. Nesse formato, voltando de Ilhéus no domingo após o carnaval, minha namorada poderia conhecer melhor o sul da Bahia (novidade para ela).

Não vou nem comentar como foi minha noite de sexta após o atraso de quase de 3 horas da Gol e vamos direto para o sábado, início do "trecho terrestre". Meu roteiro, com todo o gás inicial de viagem, previa uma noite num camarote em salvador, seguido - literalmente, pois não tinhamos hotel por lá - do início de nossa viagem. As opções de trajeto eram o ferry/ônibus (+/-2:30 hs até valença) ou o Bumba pela BR (+/- 4 hs até valença).

Alertado pela gerente a pousada em Boipeba sobre os IMENSOS problemas de superlotacão do ferry em feriados (notícias na internet relatam uma fila de até 10 hs no ano novo), tentei comprar o ticket do Ferry antecipado. Mas, para minha surpresa, o que deveria ser tão simples quanto pagar no cartão de crédito e imprimir a passagem, se demonstrou bem mais complexo (depende de um cadastro prévio, emissão de cartão especial que deve ser retirado pessoalmente e de forma antecipada...).

Nossa única opção segura, portando, foi comprar um ticket de ônibus Salvador-Valença pela BR. Na minha cabeça, após uma noite de folia, tudo que eu ia querer era uma poltrona no ar condicionado dentro do Bumba. O ar condicionado ficou na minha imaginação e aquele trajeto de quatro horas pareceu demorar muito mais, tendo o ônibus oarado em todas as localidades com mais de 3 casas no caminho...

Chegando em Valença, tivemos que ir até a rodoviária e, de lá, pegar um taxi. O problema não foi pagar as 10 pilas para o taxista, mas andar num taxi tão acabado que não sei como ainda estava rodando....

No porto, a próxima lancha rápida só sairia em 3 horas, mas tivemos a sorte de antecipar a viagem e chegamos em Boipeba a tempo de curtir uma praia e comer dúzias de labretas. Ufa, enfim chegamos ao nosso destino.

Durate nossa estada - ótima, diga-se de passagem - tentanos diariamente fechar uma lancha entre Boipeba e Barra Grande, evitando ter que voltar a Valença. Apesar de ser alta estação, não conseguimos nem sequer um candidato a tal trajeto (ou passeio). Segundo o pessoal da Bahia Operadora (Boipeba Tur), é muito difícil fechar esse trajeto mesmo na alta e contratar a lancha custaria R$ 720,00.

Para não morrer nessa grana, voltamos à Valença (nossa passagem de ônibus, por garantia, já estava comprada) e pegamos um ônibus para Camamu (1:30 hs de viagem) e depois outra lancha rápida para Barra Grande (50 minutos). Dessa vez, tudo deu certo e os horários foram cumpridos a risca, mas esse deslocamento, que poderia durar apenas 1 hora de lancha rápida, acabou custando quase 5 horas.

Após curtir Barra Grande, tinhamos que ir para Itacaré e, sinceramente, já estavamos um pouco cansados desse sobe e desce... Assim, contratamos um taxi para nos levar, com direito a parada em Taipus de Fora, onde passamos 2:30hs e almoçamos numa barraca com uma super infra-estrutura que permitiu tomar um ducha antes de seguir viagem. Nesse formato, por R$ 150,00, fizemos o trajeto porta a porta com conforto e tranquilidade.

Para finalizar a viagem, tinhamos um último trajeto (Itacaré - Ilhéus). Dessa vez, novamente optamos pelo taxi (R$ 100,00), uma vez que nosso retorno de avião também seria longo, com 2 conexões até o RJ. Mais uma vez, tudo deu certo e achei até barata a corrida diante do conforto.

Enfim, escrevo para confirmar que essa viagem é absolutamente viável sem carro, mas que pode não ser - principalmente em feriados - algo tão simples ou confortável. Acho, ainda, que alguns up-grades de transporte no trajeto são fundamentais para não transformar um período de curtição num martírio.

Enfim, espero que esses comentários possam ajudar aos demais leitores do site.

forte abraço,

Bruno

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Tá no texto do post, Bruno: "Tendo algum tempo para perder – digamos, meio turno a cada deslocamento –, você pode pular de praia em praia sem se incomodar com placas, abastecimento ou estacionamento".

Veja bem: meio turno a cada deslocamento em tempos normais. No Carnaval é óbvio que isso pode ser triplicado. Mas em hipótese nenhuma é uma viagem pra ser feita em menos de uma semana, se você quer parar em todas as escalas possíveis.

Esta é uma viagem para quem tem tempo sobrando, seja lá de que jeito seja feita. Não é pra fazer de um jeito corrido, com uma noite (!!!) em Barra Grande. Nem de avião dá pra ficar só uma noite em Barra Grande.

A intenção do post é mostrar as possibilidades de deslocamento. Não é pra fazer maraturismo praiano.

Pessoal: PRAIA É PRA CURTIR. Parar. Ficar. Sossegar. Partir pra próxima, só com tempo e com calma. Não faz sentido desperdiçar férias na praia com deslocamentos que afastem você todo dia da praia.

A todos os que lerem este post -- se não tiverem tempo sobrando, façam uma praia por viagem.

Rogéria
RogériaPermalink

Olá a todos!
Voltei ontem da Bahia e as dicas do Riq foram sucesso! Depois de passar o Carnaval e mais alguns dias em Salvador fui a Morro de São Paulo. Peguei o contrafluxo da galera voltando da famosa Ressaca de Morro pois queria mesmo era descansar da farra.

Fiz o trajetinho proposto no mapinha do Riq. Peguei o ferry para Itaparica e foi bem rápido e tranquilo (R$5 - 30 min). Depois, um confortável ônibus para Valença (R$ 13,90 - 2h). Mas o motorista nos deixou no caminho, bem próximo ao terminal marítimo, então não precisamos pegar o táxi. Esperamos apenas meia hora pela lancha rápida e logo estávamos em Morro (R$ 15,00 - 45min). Levamos apenas 1h a mais que o catamarã, mas gastamos a metade do valor e não enjoamos um minuto sequer. Recomendo muito!

Na volta de Morro pegamos um transfer Morro X SSA que descobrimos lá. O valor inicial era R$70,00 mas que, negociados no período pós-ressaca, caíram para R$ 40,00. Daí o percurso foi barco (1h até Ponta do Curral), van (1h30 até Itaparica) e barco rápico até Salvador (30 min). Mais uma vez tudo correu maravilhosamente bem! Sem stress, sem perrengue, sem aborrecimentos. Eita, jeito bom de começar o ano!

Rogéria
RogériaPermalink

Ah, claro que imprimi o mapinha do Riq e levei comigo. wink

victor hugo
victor hugoPermalink

Ricardo, sou um dos muitos felizardos anonimos que leem , saboreiam e blog!!! Parabéns!!

Estou me programando para ir para morro de sao paulo, e gostaria de saber se voce tem alguma informaçao sobre a pousada fazenda caieira, que fica ao lado da villa dos corais....
http://www.fazendacaeira.com.br/
Onde acho águas mais transparentes em outubro ,boipeba ou morro?
Abraços e obrigado!!

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Era uma pousada rústica que ocupava um grande terreno (o avião da Addey aterrissava na pista de pouso da fazenda). Faz muitos anos que não visito.

Morro tem águas geralmente mais claras que Boipeba.

Marlla Farias
Marlla FariasPermalink

Qual restaurante vc indica em Morro?

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Mediterrâneo, na ruazinha principal do centro à esquerda de quem desce, e também o restaurante da pousada O Casarão, na praça.

Morro de San Pablo Bahia Brasil

no se mucho portugues, pero Amo mapinha

Alessandro Martins
Alessandro MartinsPermalink

Boa tarde Ricardo!

Cara, adorei seu site e gostaria de conversar com voce sobre a possibilidade de fazermos uma parceira.
Gentileza, me encaminhe seu cntatos para que possamos conversar.
Skype
msn
tel
email
Aguado retorno.
Abs,
Alessandro

Thales Machado
Thales MachadoPermalink

Ricardo e demais,

Uma dúvida de alguém que estava na ConVnVenção Sábado e ficou achando incoveniente perguntar por lá.

Quem puder ajudar. Já vi todos os esquemas de transporte, no fim das contas não sei o que decidir.

Queria conhecer tudo, mas só tenho 7 noites no iniciozinho de Dezembro, viajando com a namorada.

As opções são:
1- Boipeba e Morro, dividindo as noites...
2- Barra Grande e Taipus, dividindo as noites...
3- Vai dar mais trabalho, mas ir pra Boipeba e Barra Grande.

Ainda teria a 4ª opção de só ficar em Boipeba mas... Enfim! Uma dica qualquer já é mais que bemvinda!

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Morro e Boipeba (nessa ordem) é mais redondo.
Boipeba e Barra Grande também rola, mas você vai perder bastante tempo em deslocamento (quase um dia até Boipeba, quase um dia entre Boipeba e Barra Grande, quase um dia entre Barra Grande e Salvador de volta).

Thales Machado
Thales MachadoPermalink

Ricardo, acho que acabarei decidindo ou só pro Boipeba (sete noites em Boipeba, é muito?) ou só por Barra Grande e Tapipus.

Aliás, você acha que compensaria passar 4 noites em Barra e 3 em Taipus? Ou é melhor ficar tudo num lugar só? Taipus tem estrtura para ir conhecendo as redondezas partindo de lá!?

Um abraço (e comemoro meu aniversário hoje lá, no mesmo local da ConVnVenção, daqui a pouquinho!)

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Se você gostar de Boipeba, sete dias passam rápido demais.

Barra Grande e Taipus estão a 20 minutos de jardineira de distância. Barra Grande é uma vila e tem comércio e restaurantes. Taipus tem poucas coisas funcionando à noite, as pousadas oferecem meia-pensão.

Os deslocamentos em Maraú são muito sacrificados. Você vai querer concentrar todos os passeios em uma ou duas saídas no máximo. Independe se estiver em Barra Grande ou Taipus.

A vantagem de Taipus poder ficar de tocaia para aproveitar as piscinas naturais na maré baixa, sem depender de transporte de Barra Grande.

Esqueça o verbo "conhecer". Ele só prejudica estadas na praia. Relaxe. Curta. Aproveite. Passe o mínimo de tempo possível em trânsito, não vale a pena.

Adilmaria Angela
Adilmaria AngelaPermalink

Ola Riq., desculpe-me a intimidade mas estou acostumada a lhe ouvir todas as manhas, vamos la gostaria de obter dicas de como vou a Morro de Sao paulo em Janeiro com 06 adultos e 04 crianças partindo de carro do Rio de janeiro, tipo em que praia ficar e deslocamentos o tempo previsto e de uma seman hospedado por la, e gostaria de dicas de pousadas e hoteis baratos mas semperder o charme e com internet. Obrigada desde ja a todos que puderem me ajudar!!!

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Comece por aqui:
https://www.viajenaviagem.com/2009/07/de-sao-paulo-ao-sul-da-bahia-de-carro/

Acho que só vale a pena ir de carro se vocês tiverem vinte dias para ir parando pelo caminho na ida e na volta. Senão, é muito sacrifício enfrentar dois dias de estrada para passar só uma semana e voltar -- e com o carro parado no estacionamento. Se é para ir direto, e de avião ficar muito caro, é mais negócio encarar um ônibus até Valença.

É complicado pensar em hotel barato pra ir com criança em Morro. O lugar é rústico. Perto da praia, orce a ala nova (antiga Pousada Aymorés) da Fazenda Caieira (4a. praia).
http://www.pousadaaymores.com.br/home.php

Adilmaria Angela
Adilmaria AngelaPermalink

Riq., em julho nos viajamos do Rio ao Tocantis de carro com este mesmo grupo, e agora a nossa intençao e ficar uma semana so em Morro, jiboiando vc acha inadequado, obrigada,pelas dicas!

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Bom, se vocês são acostumados com viagens longas no batidão, então não tá mais aqui quem falou...

Fábio G.
Fábio G.Permalink

Riq, talvez possa interessar aos tripulantes, os horários dos ônibus do aeroporto aos locais de embarque para o começo da trip pela Costa do Dendê.
http://www.morro.travel/turismo/chegando-salvador-bahia.htm

Christiana Moraes
Christiana MoraesPermalink

Gente,
depois de séculos procurando a melhor forma de fazer o roteiro: Itacaré - Barra Grande - Boipeba e Morro, enfim achei um site que realmente explicou de forma clara o que preciso fazer.

Parabéns e obrigada!!

Angelica
AngelicaPermalink

alguem poderia me ajudar qual pousada escolher...
Boipeba ecolodge,Alizees ou Mangabeiras??
obrigada

Alessandra
AlessandraPermalink

Riq, seu site é uma biblia para mim... rsrs
Estou planejando uma viagem de carro com marido e filho de 2 anos pela costa no final do ano, mas tenho duvidas se estou gastando mais dias em locais menos interessantes. Poderia me sugerir alguma alteração?
Arraial do Cabo - 1
Guarapari - 1
Conceição da Barra / Itaúnas - 2
Cumuruxatiba / Corumbau - 2
Caraiva - BA (com visita a Sto André) - 2
Itacaré - BA- 1
Morro de SP (via balsa por Valença) - 2
Itaparica - 2
Ferry Boat p/ Salvador (voltando p/ casa do paraíso)

Obrigada,

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Eu não ficaria menos de dois dias em nenhum lugar. Você vai gastar pelo menos meio dia na maioria dos deslocamentos. Eu escolheria UM lugar principal e pararia em dois pelo caminho (dois dias em cada).

Existem várias coisas absolutamente infactíveis nesse seu planejamento. De Caraíva a Santo André, por exemplo, você gasta uma manhã inteira fácil. Ninguém faria issoem bate volta. De Caraíva a Itacaré é uma viagem de um dia inteiro, 600 km. Volte à casa zero e seja menos ambiciosa. Pense na criança de dois anos que não merece passar dias a fio no carro.

Deixe essas viagens malucas para autores de guia. Aproveite que você NÃO precisa fazer nenhum guia e desfrute do que você está vendo.

https://www.viajenaviagem.com/2009/07/de-sao-paulo-ao-sul-da-bahia-de-carro/

Angelica
AngelicaPermalink

Qual seria a praia com águas mais tranquilas e transparente Boipeba ou Morro de São paulo?

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Cada ilha tem várias praias. Todas são tranqüilas. A translucidez (transparência só nas piscinas naturais de Moreré em alto mar) varia de acordo com a maré, a ocorrência ou não de chuvas, a incidência do sol. As mais claras são a Quarta Praia e Moreré. A mais escura é a Boca da Barra em Boipeba, porque é praia de rio.

Mas são dois lugares TÃO diferentes em astral e modo de usar, que é uma estultice escolher uma ou outra por causa de transparência de água.

Eunice
EunicePermalink

Angelica, eu acho que as águas são tranquilas e transparentes em Boipeba e no Morro. A diferença, do meu ponto de vista, está na hotelaria - melhor no Morro, e no tipo de ocupação. Em Boipeba, mais ecologica. O Morro é um local de noites animadas, Boipeba é um lugar de tranquilidade. Então, a escolha, penso, recairia mais no tipo de atividade praiana que vc deseja ( descanso e contemplação, Boipeba ; praia com curtição noturna, Morro). Boipeba é mais intocada.

Angelica
AngelicaPermalink

vcs me indicam a Pousada villa dos corais na 3º com a 4º praia ou o Patachocas eco resort na 4° praia em relação a estrutura e melhor localização de praia.

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Vila dos Corais é charmosa e está a uma distância caminhável da noite e do centro.

Patachocas está isolado. É para quem não quer ir toda hora ao centro.

Julay Ferrer
Julay FerrerPermalink

Ricardo, farei a viagem "salvador-morro-marau" agora no início de novembro. Havia pensado em ir direto para Marau e voltar por Morro. Mas com isso acabaríamos passando o feriado do dia 15/11 em Morro. Como lá é mais agitado, pensei em fazer o contrário. Morro-Marau, vc acha podemos ter problemas na volta para Salvador (baixa temporada = pouco transporte)?

Pensei tbm em dar uma esticada até Itacaré. Indo até lá o que vc acha que não posso perder, já que penso em disponibilizar apenas 1, no máximo 2 dias para ficar em Itacaré? Pois meu local principal para conhecer é Maraú.

Obrigada

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Com exceção dos quatro dias do feriado, em todos os outros você encontrará pousada fácil em qualquer lugar.

As linhas de ônibus não são turísticas, são de uso da população da região. Não deve haver muita diferença entre alta ou baixa temporada na freqüência de Camamu a Bom Despacho não.

Itacaré sem carro pra ficar um dia é roubada. Sem carro você vai depender de passeios. Eu não ficaria menos de três dias inteiros (o dia da chegada só serve para combinar o passeio do dia seguinte).

Clemilson
ClemilsonPermalink

Riq estou pensado em dividir minha estadia em 3 dias em Itacaré e 2 dias na Peninsula de Maraú na praia de Taipu de Fora, mas justamente na semana que viajarei não terá lua cheia ou nova. A previsão de maré mais baixa é de 0.7 as 13:36 seria uma boa ficar em Taipus somente para fazer snorkeling com este nivel de maré.

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Quando eu falo que Taipus fica melhor na lua nova ou cheia é por uma questão visual: essas são as únicas oportunidades de talvez quem sabe encontrar a piscina natural remotamente parecida com o que mostram os cartões postais. Nas outras luas isso é impossível.

Mas a praia é uma delícia em qualquer lua. Na maré baixa é muito gostoso de tomar banho.

Quanto a fazer snorkel, sempre tem gente fazendo. Mas não saberia te dizer se vêem muitos peixes, não. Não acredito que seja comparável a pontos de mergulho em alto mar, não.

eva
evaPermalink

Clemilson,

já estive na piscina natural com maré morta, não me lembro da altura, mas deu para aproveitar, vimos muitas lulas, pepinos, peixinhos coloridos...

Victor-PR
Victor-PRPermalink

Fiquei no PATACHOCAS em outubro de 2010 , e a impressão que tive foi excelente... Acho que é o melhor lugar pra ir com crianças em MORRO. E a pista da Aerostar é bem próxima. O Patachocas tem uma piscina muito boa, com várias profundidades diferentes, os quartos são novos, sem cheiro. O restaurante também tem várias opções interessantes. E o pedaço da Quarta Praia que está na frente o banho de praia mais quente que já entrei( uma sugestão de post poderia ser os banhos de praia mais quentes do Brasil hehehe). O hotel fica isolado e tem vários horários de transfer para o centro de morro- uns 20 minutos de estrada de terra.
Fiz um passeio até a praia de Garapuá e o mar tem várias tons de verde... realmente muito bonito e surprendente...

Victor-PR
Victor-PRPermalink

Após voltar de Boipeba , fiquei na pousada Fazenda Caeiras, no fim da terceira praia. Achei um hotel com uma relaçao custo beneficio interessante: os quartos são amplos , tem camas superking size, ar split, POREM é uma pousada rústica, que fica no meio de uma fazenda de coqueiros, no fim da terceira praia. A água do mar no final da terceira praia estava totalmente transparente... somente um cuidado : em todas as praias morro recomendo entrar com algum tipo de sapato, pois tem muitas pedras e corais que podem machucar o pé...

mariana
marianaPermalink

Ola Riq,
adoro seus posts, por isso venho sempre te importunar...vc esta de parabéns!! vou p salvador, e resolvi dar uma esticada em morro, serao apenas 3 dias. Gostaria de saber qual pousada vc recomenda.
Estive procurando e gostei de 3 pelos sites e localizaçao:
- le terrace apart hotel
- club do balando
- e pousada minha louca paixao
Conhece alguma? Tem alguma outra? Quero ficar perto de tudo. E a noite, tem alguma dica?
Obrigada!!

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Não tenho idéia de como estejam. Recomendo a Pousada da Torre na 2a. Praia, a Villa dos Corais na 3a. e a Aimorés no comecinho da 4a.

Adri Lima
Adri LimaPermalink

Mariana, a Pousada Minha Louca Paixão fica de frente pro mar, na terceira praia. A localização é boa. Do lado tem a Paraíso do Morro, que é legal também. Ambas, até a ultima vez que estive lá (e lá se vão 2 anos), estavam bem conservadas.
As outras eu não conheço.

A Minha Louca Paixão oferecia há algum tempo aulas de Yoga no gramado da frente. As aulas são muito boas. O astral da pousada é bem zen.

Em Morro não dá pra ficar perto de tudo... ou vc fica perto da praia ou fica na vila. As duas opções são ótimas!

mariana
marianaPermalink

Nossa, q rapidos!rs

Vlw Ricardo e Adri!
Vi a Pousada da Torre tb, mas gostei dos preços da Minha Louca Paixao, e esta bem no tripadvisor. Adri sabe me dizer se fica no inicio da praia 3 ou no final?
http://www.minhaloucapaixao.com.br/
O le terrace, nao achei no trip...e um hotel novo, de 2008 e fica no final da 2ºpraia, achei bem localizado.
http://www.leterrace.com.br/
Ja me falaram q ficar na vila e muito bom tb. A outra escrevi errado...se chama club do balanço, mas ja descartei.
Oh indecisao!rs
Muito obrigada!!!

Adri Lima
Adri LimaPermalink

Mariana, é no início da terceira praia.
Olha, se fosse um hotel novo de 2010, eu até concordava do Le Terrace não estar no TA. Mas novo de 2008, já era pra estar lá...
Eu já fiquei na vila e na praia. Acho a vila legal, lá as pousadas boas que conheço são a Passárgada e o Casarão. Na Passárgada já me hospedei... mas dá pra ouvir as buzinas das lanchas, então se for num feriado vai ter muito barulho. Vá lá ver um por-do-sol, é muito lindo.

Victor-pr
Victor-prPermalink

Mariana, eu jantei em outubro por duas vezes na pousada Minha Louca Paixao , e gostei muito... A pousada também é bem bonita e muito bem decorada. Fica bem no início da terceira praia, perto da segunda. O único problema que achei é que não tem piscina ( está em construção).
Mas realmente é bem charmosa...
Abraços

mariana
marianaPermalink

Ate esta no TA, mas nao tem nenhuma resenha...achei estranho. A piscina nem e tao importante p mim. Como eu vou no domingo e volto terça, acredito nao ter problemas c hospedagem, por isso acho q vou decidir por la!wink
Vlw pelas dicas!
Abraços

Eunice
EunicePermalink

Notícias da província: as barracas de praia do Morro, Boipeba e Garapuá serão demolidas e transferidas para áreas próximas à praia até final de 2011. O TAC já foi assinado entre os diversos orgãos da União e o município de Cairu. Porto Seguro e Ilhéus caminham na nesma direção. Notícia retirada do jornal "A Tarde"

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Boipeba (Boca da Barra) fica bem mais bacana. Já Morro (Segunda Praia) acho que perde bastante...

Andre L.
Andre L.Permalink

Acho essa medida altamente positiva, principalmente se as barracas não voltarem. A orla de Porto Seguro, lambaeróbica e ônibus de estudantes do ensino médio a parte, é muito bonita, mas "sequestrada" por megacomplexos dos dois lados do Brunhaém.

Seria muito bom ver toda a orla, de Cabrália ao Espelho, sem barracas na faixa de areia, apenas recuadas, deixando a areia livre. Estou torcendo por isso, seria uma melhora incrível.

Eunice
EunicePermalink

Vamos ver a solução que vão encontrar para relocar as barracas...

Sandrissima
SandrissimaPermalink

Enquanto isso, entre a praia de Ipitanga e Vilas do Altlântico, o caos reina. Que é aquilo???? Desisti de praia, fico no jardim.

Eunice
EunicePermalink

O prazo que a prefeita de Lauro de Freitas conseguiu na justiça federal de mais 90 dias, está expirando. Será cumprido? Os sem - barraca irão para Camaçari...eek) Mas a situação nas praias sem barracas tb está complicada.

Andre L.
Andre L.Permalink

Daí a importância de uma ação conjunta de todas as prefeituras da região para evitar que o problema das barracas seja apenas exportado para a praia seguinte no outro município. E é preciso, sempre, reforçar a fiscalização para coibir os ambulantes na faixa de areia. Afinal, dependendo do número eles podem incomodar - e muito - e emporcalhar a faixa de areia como as barracas faziam.

Um colega meu estava contando sobre uma nova ação do MPF, dessa vez em Pernambuco. Não posso entrar em muitos detalhes, mas basicamente o Ministério Público está organizando um mutirão para analisar, estudar e eventualmente propor ações/TACs contra/para hoteis e condomínios que se apossam de faixas de areia como se praias particulares fossem. A lei brasileira nunca permitiu a ideia ou conceito de praia particular, exceto as de propriedade das Forças Armadas, mas muitos hoteis e condomínios usam-nas como tal e, em certos casos, seguranças não são amistosos com quem chega andando ou de barco.

A ideia é assinar TACs em que algumas contruções irregulares (próximas demais da areia, violando área de propriedade da Uniao) seriam regularizadas em contrapartida a mecanismos de acesso público à praia. No caso de condomínios que fecharam antigas estradas de acesso a praias, a ideia é permitir o controle de acesso e regularizar construções irregulares, desde que seja garantido o acesso de não condôminos à faixa de areia, por dentro ou por fora do condomínio.

A conferir os desdobramentos... E espero que essa medida chegue à Costa Verde, onde certos condomínios e resorts se apossaram de pequenas praias e seguranças, armados, afastam "intrusos" de forma nada amistosa.

Murilo
MuriloPermalink

Olá Ricardo! Me dê uma dica:
Eu vou passar pela Costa do Dendê, descendo de carro, com a esposa e um filho de 4 anos, e somente 2 dias para ficar nesse trecho. Entre me hospedar em Boca da Barra (dando uma esticada em Moreré) e me hospedar em Barra Grande (dando uma esticada em Taipu de Fora) qual você me sugeriria? Eu sei que são muitas variáveis, mas o que te vem à cabeça de bate pronto?

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Se você não tem tempo, escolha uma das duas, Murilo. Os trajetos comem muito tempo, não passe suas férias em trânsito.

Murilo
MuriloPermalink

Sim Ricardo, a idéia é essa. Mas qual das 2 você recomenda?

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

As duas são complicadas pra ir com criança de 4 anos. Barra Grande é um pouco mais simples, com ida a Taipus na maré baixa. Verifique a maré.

Victor-pr
Victor-prPermalink

Eu fui para Boipeba com criança de 2 anos e não é fácil mesmo. Tem que andar bons trechos a pé ( por ex, da boca da barra até a vila). De qualquer forma meu filho adorou ilha , mas tive que carregá-lo no colo por longo tempo.

Luciano
LucianoPermalink

Ricardo, eu e minha mulher vamos passar 4 semanas de férias na Costa do Dendê. O desembarque será em Ilhéus no dia 29 de janeiro e a volta está marcada para 27 de fevereiro em Salvador. A idéia é aproveitar as praias mais calmas e fugir da agitação. Pensei em dividir o período com hospedagem em 3 ou 4 locais diferentes. Seria possível enviar uma sugestão de roteiro? Obrigado!

Victor
VictorPermalink

A pergunta foi pro Ricardo, mas vou dar uns palpites. Para lugares calmos:
-Em Morro : ficaria uns 5 dias no Patachocas ( no meio da quarta praia, mar quentinho, piscina e estrutura excelentes, totalmente isolado da Vila)e uns 5 dias na esquina da Terceira com a Quarta Praia, ou no Villa dos Corais ( excelente estrutura, bem decorado, diárias mais caras) ou na Pousada Caeiras (rústica, comfortável, custo benefício interessante).
- Em Boipeba ficaria uns 5-7 dias na Pousada Mangabeiras ( melhor hospedagem da ilha, na trilha para as praias mais bonitas, acesso mais difícil, isolada em um morro, a 10-15 min de Velha Boipeba) ou na Santa Clara ( na Boca da Barra) . Outro lugar interessante em Boipeba é ficar em Morere ( totalmente isolado) .

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Com um mês inteiro num período que já não é mais altíssima temporada você pode ir decidindo pelo caminho.

https://www.viajenaviagem.com/2010/08/coisas-que-o-blogueiro-nao-pode-fazer-por-voce/