De ônibus em Torres del Paine: city-tour de parque :-)

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Torres del Paine: vistas de fora do parque

Demorou. Demorou anos e anos e anos, mas eu finalmente entendi por que tantas pessoas -- praticamente a maioria dos viajantes (todo mundo que viaja pra mim é viajante, ou turista, tanto faz) -- se dão por satisfeitas depois de fazer um city-tour e já se declaram prontas para partir para a próxima.

Aconteceu comigo na quinta-feira, em Torres del Paine, na Patagônia chilena. A ficha caiu. Não tenho mais moral de falar mal de city-tour.

Da janela do bumba

OK, eu sei que eu não fiz um city-tour de city. Fiz um city-tour de park. Mas o que importa é que eu gostei. E me dei por satisfeito. E assim compreendi o processo mental de quem corre o mundo fazendo apenas e tão-somente city-tours.

Não precisei esquentar a cabeça com nada. Entrei numa agência, perguntei se tinha lugar em algum tour saindo no dia seguinte, me encaixaram num busão. 20 mil pesos chilenos -- 40 dólares -- por cabeça. (Com extras: 15.000 pesos chilenos -- 30 dólares -- para entrar no parque. 3 mil pesos -- 5 dólares -- para visitar uma caverna no caminho. 13 mil pesos -- 26 dólares -- pelo almoço. Total: 100 dólares pra cada um.) Às 7h30 eles passariam no nosso hotel.

Desce, tira a foto, sobe de novo

Bom, até aí eu estava apenas comprando um passeio para um lugar a 150 km de distância da cidade onde a gente estava, Puerto Natales. Não tinha idéia de que seria um city-tour de parque.

Eu só fui entender mesmo no dia seguinte. Durante as 11 horas do passeio, o ônibus parou sete vezes. Três vezes fora do parque (uma na Cova del Milodón, uma caverna onde foi achada a pele de um animal pré-histórico; outra num bar de beira de estrada; outra num mirante de onde se vê as torres melhor do que dentro do parque).

A caverna do milodón

E quatro vezes dentro do parque: uma parada num mirante para ver os Cuernos, outra para ver a cachoeira do Salto Grande, outra parada para almoçar num refúgio à beira do lago Pehué, e a última para dar uma caminhada pela beirada do lago Grey para ver icebergs de perto e a geleira Grey de longe.

Os Cuernos

Ou seja: durante sete horas eu só desci do ônibus nos lugares mais mágicos à beira da estrada, onde eu pude tirar exatamente as mesmas fotos que todo mundo tira, e voltar para o quentinho do ônibus em questão de minutos.

O Salto Grande

Minto: na pernadinha de quinze minutos (para ir e para voltar) ao Salto Grande e na caminhada de meia hora (para ir e para voltar) pela beira do lago Grey eu enfrentei o frio patagônico e um vento polar de tão forte e tão gelado. E nesses dois momentos eu confirmei minha idéia previamente formada de que esse negócio de caminhar no frio em parque não é pra mim.

Lago Pehoé

As Torres, os Cornos, os Icebergs do Lago -- tudo isso foi pra mim como a Torre Eiffel, o Louvre e Notre-Dame, vistos da comodidade do meu bateau-mouche sobre quatro rodas. Não precisei me sujeitar à atividade enfadonha de realmente entrar em nenhum deles. Fiquei feliz com as minhas fotos. (Sem falar que o tempo colaborou em 80% do trajeto!)

Lago Grey

Eu sei que eu deveria ter ido de outra maneira. Deveria ter feito o circuito dos trekkistas, dormindo em refúgios ou hosterías simples. Ou cacifado uma estada carissíssima no Explora ou na Hostería Las Torres.

Geleira Grey, no Lago Grey

Mas caminhar no frio para mim seria o equivalente a ter que descer do ônibus do city-tour e partir para o metrô. Enfrentar o vento seria me obrigar a me comunicar com gente que não fala a minha língua. As paisagens que eu não vi, as surpresas que eu não tive não me fazem falta -- como não fazem a quem abdica de descobrir uma cidade com seus próprios olhos e suas próprias pernas.

Close nas Torres

Trouxe minhas fotos -- meus troféus. Quem vai dizer que eu não conheci Torres del Paine?

Agora, a sério:

O tour de dia inteiro de ônibus pelo parque de Torres del Paine se revelou 100% adequado ao meu plano de ver o melhor da Patagônia com a melhor relação esforço x benefício possível.

Agora: não acho que valha a viagem de El Calafate até lá só para fazer esse passeio. É muito sacrifício pra ver uma montanha famosa.

Continuo achando que quem não curte caminhar no frio deve, sim, fazer o passeio de ônibus que eu fiz. Mas recomendo que fique mais dias em Puerto Natales, para fazer outros passeios -- como as travessias pelos lagos do parque, ou a excursão de barco à geleira Serrano no parque Bernardo O'Higgins -- e assim rentabilizar a viagem.

O melhor de tudo é incluir Puerto Natales/Torres del Paine num circuito entre Punta Arenas e El Calafate, para não precisar refazer nenhum caminho de volta. Mas eu volto ao assunto mais tarde, quando fizer minhas recomendações finais patagônicas.

Paine Grande

Leia mais:

109 comentários

Carla
CarlaPermalinkResponder

"As paisagens que eu não vi, as surpresas que eu não tive não me fazem falta" - posso assinar embaixo? Foi assim que eu me aventurei pelo Yosemite de carro, sem fazer nenhuma trilha, obedecendo apenas ao meu gosto pessoal (e às limitações da minha coluna...) e dei o parque por visitado; e é assim também que eu sou capaz de ir a Buenos Aires ou Nova York um sem-número de vezes e nunca achar suficiente... wink

O mais interessante no processo, me parece, é aprender a identificar o que é importante para si próprio ao visitar um lugar. Acho que esse park tour faria a minha festa em Torres del Paine de um modo que um city tour, fosse onde fosse, nunca conseguiria!

viajar
viajarPermalinkResponder

Eu também não gosto de city-tour e prefiro andar ao meu ritmo. Mas com frio e chuva sabe bem smile

Leticia Greco
Leticia GrecoPermalinkResponder

Que bom ver o comandante dando uma escapulida e fazendo um city tour!!! smile rs... o texto esta otimo!!! Nessa eu faria como vc... nao sou adepta de trekkings... ainda mais no frio!!!

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Já fiz trekkings na Chapada Diamantina e em várias praias do Nordeste e adoro, mas num frio desses aí sou "park-tour" de carteirinha! smile

Ricardo Freire

Esta viagem está me dando muita vontade de fazer trekkings no Brasil -- em qualquer lugar onde dê pra entrar na água que a gente avista pelo caminho mrgreen

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Buenas, eu surtei total com as 48 horas que passei em El Calafate.
Fiquei extasiada com a paisagem, curti a beça o vento gelado ,as florestas x aridez , e penso sempre em retornar.
Mas confesso que tb fiquei satisfeita com o que ví e senti , e tenho receio de ao retornar , não ter a sorte de dois dias de sol sem nuvens e de não sentir o mesmo encantamento.
Retornar , ou ir buscar lugares semelhantes tem um alto risco de
desapontamento ( como já aconteceu com tantos de nós ).
Creio que vou ficar com estas imagens espetaculares e com as minhas recordações patagonicas.
Gracias Riq !!( esta ultima foto está perfeita pra estampar "aquela super-caixa" de chocolate ..espetacular!!!)

Arthur | Agora Vai

Existem city-tours bons e ruins (a maioria). Esse pareceu realmente valer a pena. Quando o passeio leva a lugares realmente interessantes e tem um bom guia (e a inevitável parada na loja de lembranças onde o guia ganha sua comi$$ão...), compensa pelo conforto e praticidade.

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Eu ainda sou fã de city tour. Acho que é bem assim, se você ama, você volta para ver em detalhes.
Eu prefiro! Nas cidades eles duram 3~4 horas, dentro dos dias programados para ficar por lá, é um investimento.
Além do que, às vezes pegamos uns guias que são ótimos e realmente explicam muito da história. Tá, tem na internet, nos livros, mas nada é mais legal que você estar ao vivo e presente!
Linda viagem! Foi pro topo da minha wish list.

Ricardo Freire

O seu caso é diferente, Mô! Você faz city-tour para se familiarizar com o lugar. O city-tour da maioria das pessoas -- e esse que eu fiz -- é normalmente a única atividade exploratória do vivente no lugar grin

Giordana
GiordanaPermalinkResponder

Oi Ricardo,

Bem, eu estou indo a El Cafafate de avião por Buenos Aires, ficarei lá do dia 19 a 22/10, no dia 22 gostaria de pegar um ônibus ou transfer para o aeroporto de Punta Arenas para aproveitar o transfer do hotel Tierra Patagonia. Volto dia 24/10 a El Calafate para pegar meu voo de volta a Buenos Aires. Qual empresa você sugere para fazer esse trajeto?
Abraço
Giordana

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Giordana! O Tierra Patagonia está em Puerto Natales, que fica a 6 horas de ônibus de El Calafate. Para ir até Punta Arenas são mais 3 horas de ônibus, o que aumenta em 6 horas a sua viagem à toa.

Programe pelo menos mais duas noites no Tierra Patagonia, ou cancele a sua reserva. Você vai perder um dia para ir, outro para voltar, e não vai conseguir fazer passeio nenhum.

Ludmila
LudmilaPermalinkResponder

Eu e meu marido fizemos um mochilão pela Patagônia e estávamos super decididos a fazer o circuito W (Fizemos várias caminhadas preparatórias antes da viagem). Esse tour de bus por Torres del Paine era apenas o meio de chegar no parque e uma geral do lugar pra começar as trilhas no dia seguinte... O tour passa por lugares lindos e vale super a pena. Combinamos de ao final permanecer no parque e dali a 3 dias voltaríamos com outro tour. Dormimos na hosteria Las Torres, um lugar super especial com um staff simpático, gente de todo mundo e aquele clima de "campo base do Everest". A gente tava se sentindo!
No dia seguinte começou o sofrimento! O vento gélido da trilha quase tirava a gente do lugar, tinha lugares que sentávamos no chão pra não despencar lá embaixo! Nossos joelhos doíam, eu chorava de dor de cabeça! OK! A paisagem é linda mas não conseguimos chegar ao topo da trilha onde veríamos as Torres de perto... Chegamos mortos e os gringos que a gente encontrou pelo caminho nem tchun pro cansaço rrrr.
Pra economizar na grana da janta íamos fazer um pcte de arroz pronto no fogãozinho da calefação. O cozinheiro todo gentil se ofereceu pra fazer, só que tava ao dente demais (meio cru) e no final das contas o Re (maridão) passou mal pra Kct de dor de estomago...
No dia seguinte arranjamos de voltar naquela tarde e ficamos dando uma voltinha pelas imediações da Hosteria.
Resumindo, fizemos o circuito "i" ao invés do "W". Rssss
De qualquer modo recomendo dormir na Hosteria pra sentir o clima...
Bjão e obrigado por todas as dicas daqui!

abilio
abilioPermalinkResponder

Ludmila, bom dia!
Gostaria de saber amis detalhes sobre esta possibilidade de tomar o ONIBUS de El Calafate até o Parque (sem ir até Natales).
Trata-se de uma linha específica? Ou é a que vai a NATALES que tem stop no PARQUE ???
grato, abcos,
Abílio Heiss
Curitiba - PR

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Abilio! Esta não é uma linha regular; é operada por uma agência de turismo em El Calafate. Informe-se na rodoviária ao chegar.

Ludmila
LudmilaPermalinkResponder

PS: A gente dormiu no Refúgio Las Torres e não na Hosteria!!! É que é a Hosteria é tão fora da nossa realidade que eu até esqueci que existia e acabei trocando o nome! RSSS

Amélia
AméliaPermalinkResponder

Gente, e não é que valeu a pena!Sabedoria serve para isto!Sacar o que lhe convém mais, não é!Saber se escutar e se respeitar.Lindas fotos!

Dani S.
Dani S.PermalinkResponder

Eu só acho que a gente não deve perder o passeio só porque não dá conta de fazer tudo "comme il faut". Sinto muito, mas eu não consigo dormir em lugar sem banheiro, e qualquer programação que tenha escrito "horaS de caminhada" não é comigo. Mas mesmo assim, não deixo de ir em parques, que eu adoro - só não vou fazer oito horas de caminhada nem que me paguem regiamente. Dá pra conhecer uma parte, dá pra ver as paisagens, dá pra sentir o clima, tudo dentro das minhas possibilidades físicas. Então, eu pego metrô e converso com pessoas estranhas, mas faço park-tour =)

Alex melo
Alex meloPermalinkResponder

Fiz 2 trilhas em El Chalten, de sair cedinho e voltar só a tarde. Para mim foi o suficiente, porque me faltou coragem de encarar o Paine. O Park tour tá mais do que bom smile

Só como já comentei: pena que pegamos o tempo fechado na maior parte do tempo no Paine, então os 'cuernos' mesmo nem conseguimos ver. Mas ok, compensamos em El chalten, onde quase todo mundo pega mal tempo e a gente pegou um tempo expetacular!

Blog Boa Viagem

Eu falei que não era bobo! wink

Carmen
CarmenPermalinkResponder

Oh! magnífico lugar!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Excelentes fotos...

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Lindo! Morri de saudades da minha viagem `a Patagonia, em 2008, quando vi esses cenarios deslumbrantes com os ventos cortantes de maio nas poucas caminhadas e nas paradas - inesquecivel. Tambem aprovei a ideia de park tour mrgreen

Cecilia Bastos

Deslumbrante este lugar! Fotos maravilhosas! Se um dia eu tiver a oportunidade de visita-lo seguirei suas dicas.Sou fã de seu blog!

Rossi
RossiPermalinkResponder

Que lugar!!!

Pablo
PabloPermalinkResponder

Puxa, me deu muita saudade ao ver as fotos. Fiquei quatro noite nos refúgios, que são simples, mas bons, boa comida, calefação correta, banho quente. Com pouco tempo, sua opção foi perfeita, mas quem tiver mais tempo e ânimo pra andar, vale muito a pena ficar uns dias. Caminhar com tempo, mesmo com o vento e frio (aí varia com a época), naquela paisagem deslumbrante foi uma das melhores experiências que tive no Chile. Há caminhadas mais leves, sem ter que subir os picos. E Puerto Natales tem restaurantes e hotéis bem simpáticos, não careiros.

Atena
AtenaPermalinkResponder

Ricardo (conheço você dos livros, tenho dois, por isso a 'intimidade', rs), as fotos incríveis não condizem com o texto meio reticente acerca do passeio... Sei lá, eu olho pra estas imagens e fico imaginando que ficaria o dia todo admirando o lugar, completamente embasbacada, rs. Aliás, viajar pra Torres é meu sonho, não sou também muito fã de trekkings puxados mas pura e simplesmente pela paisagem, mesmo...
A propósito faz tempo também que estou esperando por essa sua viagem, já que nos livros você ainda não tinha falado muito da Patagônia e queria saber sua opinião!
Abraços!

milena
milenaPermalinkResponder

Fiz o percurso W de Torres Del Paine e posso dizer que foi uma experiencia fantastica. Foram 6 dias de caminhadas por lugares inesqueciveis. Paisagens que pareciam quadros pintados por Deus. Para quem nao abre mao de conforto, realmente nao eh muito recomendavel pois eh comum chover, ventar e nevar. Temos que nos preparar e nos equipar para enfrentar essas situacoes. A compra do equipamentos necessarios eh por si soh uma "viagem". Eu curti cada momento em que ia nas lojas pesquisar sobre os apetrechos. Valeu muuuito a pena e pretendo voltar para fazer o circuito completo.

Raiani
RaianiPermalinkResponder

Não consigo decidir se vou de El Calafate para El Chalten ou para Puerto Natales,quero conhecer Torres Del Paine mas sem esses trekkings pesados,alguém me ajuda?

Ricardo Freire

Não espalhe a mesma pergunta em vários posts. É ruim para o blog e irrita o blogueiro. Atenha-se ao post em que você pôs a pergunta originalmente. Obrigado.

Alexandre
AlexandrePermalinkResponder

Freire, ficarei 3 dias e meio em El Calafate e já estou com o hotel reservado. Farei o mini-treeking e passeio de barco los glaciares, gastando 2 dias. Estou com 1 dia e meio "sobrando", pensei em El chaten (mas acredito que o tempo é pouco para um bate e volta) e tinha pensado num tour ate torres del paine nos moldes que voce fez, mas já me desancoselharam pelo tempo dentro do onibus e pela aduana chilena. Voce teria alguma dica ou sugestao.
Obrigado,

Ricardo Freire

Não aconselho o bate-volta não e tampouco Chaltén. Eu tiraria o primeiro dia pra ir ao parque ver o Perito da passarela. Já é deslumbre -- e valoriza depois o minitrekking. Tem um crescendo de expectativas bacana.

Marta
MartaPermalinkResponder

Fui a Torres del Paine em março de 2009. O lugar, eu diria, é simplesmente cinematográfico!!!! Fiz o tour de 1 dia (pelos principais pontos do parque), assim como o Ricardo, mas fiquei no parque e fiz a caminhada às Torres. O que posso dizer é que vista das Torres de quem faz o tour de 1 dia é diferente daquela de quem faz a caminhada. Mas, realmente, tem de ter muita vontade para chegar ao mirante. Não é fácil para nós brasileiros, que não estamos acostumandos a caminhar em montanhas. Só posso dizer que chegar ao mirante das torres, com o lago aos seus pés, foi para a minha grande superação. Inesquecível!!! Torres del Paine é um dos lugares mais lindos da América do Sul!!!

//////////B.l.o.g...d.o...C.a.r.i.t.o//////////// ///////////////// O início do fim… do mundo!

[...] convencional, que não seja de excursões padronizadas) gostar do chamado “city- tour”! Clique aqui para ver o “city-tour” que ele fez em Torres del Paine. O Parque Nacional Torres del Paine [...]

Daniela
DanielaPermalinkResponder

Olá
Pretendo sair dia 30/04 de Ushuaia para a El Calafate. Dia 07/05 volto para o Brasil.

Gostaria de uma sugestão sobre o roteiro. Ir até El Calafate de aviao e depois descer até Puerto Natales (e ver TDP) ou subir de ônibus desde Ushuaia - Punta Arenas - Puerto Natales.
Oq você recomendaria?
Quanto tempo eu levo de ônibus de Ushuaia a Puerto Natales?

Muito obrigada (OBS, adorei seu site!)

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Daniela! Veja este post; vai te ajudar com todas essas informações! https://www.viajenaviagem.com/2010/04/expedicao-zig-zag-chile-argentina-todas-as-aventuras/

Ana Ligia
Ana LigiaPermalinkResponder

Olá Ricardo!
Seu blog está me ajudando muuuuito a fazer o meu roteiro de viagem. Vou para Calafate em abril e estava escolhendo os outros lugares, mas após ler os vários comentários decidi que não irei dedicar muitos dias da minha viagem na Patagônia Argentina e chilena. Um abraço, Analigia

angelica
angelicaPermalinkResponder

em maio é baixa temporada na patagonia chilena??
achei os preços baratos e não tem o mini cruzeiro

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Angélica! Sim, a alta temporada na Patagônia austral é no verão. Fora do verão só bombam as estações de esqui, quando chega a temporada de neve.

Aurea Weber
Aurea WeberPermalinkResponder

Fiz esse "city tour" de parque semana passada em Torres del Paine e concordo plenamente: é um jeito simples e tranquilo de visitar um parque tão imenso e lindo. Já até planejamos um retorno, com mais forma física e tempo para até mesmo fazer algum trekking. Como primeira visita, o city tour é a melhor pedida.

Teresa
TeresaPermalinkResponder

Riq

vc sabe desses hoteis em Pehoé? Seria uma boa alternativa para reveillon tranquilo - mas lindo?
Beijossssssssss
Teresa

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Teresa! Ao optar por uma hospedagem no parque de Torres del Paine, certifique-se de que o hotel seja bastante confortável (e estes são bastante caros). O forte dos hotéis dentro do parque são as atividades de caminhadas dentro do parque.

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Riq, D. Bóia e trips
Recebi a notícia e divido com vocês:
Por conta do incêndio, o parque Nacional de Torres del Paine deverá ficar fechado em janeiro (pode ser que eles reabram parcialmente ainda em janeiro). Para acompanhar mais notícias sigam @TorresPaineCom no twitter.
Feliz 2012 para todos!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Obrigada, Lu! Vou repassar ao Comandante!

Lu Malheiros
Lu MalheirosPermalinkResponder

Obrigada, D. Bóia!
A pressão para liberar parcialmente o parque ganhou força e parece que ele poderá reabrir já na quarta! Um dos últimos twittes do @TorresPainesCom dizia "Situación en el Parque de control del fuego y clima, de mantenerse, SI permitirían la reapertura este miercoles, mañana se re-confirma."

Felipe Gabriel

Irei desembarcar do meu navio em Punta Arenas e ficarei 03 noites por la, quero muito conhecer as Torres, gostaria de saber se existe algum tour para Torre del Paine que saia de Punta Arenas e retorne no mesmo dia?
Abraco a todos!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Felipe! Pode ser que haja, porque em lugares turísticos o que não falta é gente oferecendo o programa que os turistas querem fazer. Mas veja bem: são 3 horas de viagem até Puerto Natales, mais uma hora e pouco até a entrada do Parque. No total você passaria umas nove horas na estrada e no máximo duas horas no parque.

Para visitar Torres del Paine, a base ideal é Puerto Natales.

Camila Torres - Colecionando Imãs

Fizemos o mesmo passeio que o Riq, mas de carro alugado. Os detalhes estão aqui: http://colecionandoimas.blogspot.com.br/2012/07/patagonia-1011-torres-del-paine.html

igor buti
igor butiPermalinkResponder

Olá, estou indo para o chile na próxima semana, e reservei 3 dias da viagem para conhecer torres del paine.
Não me importo muito com conforto e prefiro fazer trekking mesmo.
Contudo, não sei se há algum trekking de 3 dias para fazer no parque. Existe? o quê é mais vantajoso fazer com apenas estes dias?
obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Igor! Os trekkings ficam mais complicados no auge do inverno. Consulte foruns específicos de trekkistas e andarilhos para saber o que dá para fazer nesta época.

Aline
AlinePermalinkResponder

Oi Ricardo,
Mais uma vez estou fuçando na suas dicas para programar minha viagem!
Eu e meu marido vamos para El calafate e Torres del Paine em fevereiro 2013 e queremos fazer alguns passeios como a caminhada ate a base das Torres. Vc sabe me informar se precisarei comprar/alugar roupas para neve, como botas impermeaves, segunda pele, casacos para neve, nessa época que estaremos lá?
Ou será que nossos casacos de inverno brasileiro serão suficientes?
Obrigada desde já! Bjo
Aline

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Aline! Caminhar até a base das torres não é mais uma pergunta turística; é uma questão esportiva. Não é a nossa praia. É melhor você se informar em foruns de andarilhos.

melparanhos
melparanhosPermalinkResponder

Ricardo querido, estou indo a Patagonia em Dezembro, poderia me informar o nome da empresa que realizou o city tour park?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mel! Quem responde é A Bóia. Os textos em azul são para ser clicados. Clique em "numa agência" e você chega à agência que o Ricardo usou.

Camila
CamilaPermalinkResponder

Olá...que lindo!!Cada vez que vejo as fotos aqui, dá vontade de chegar nesse espetáclo de lugar rapidinho.Estou pensando m fazer essa viagem no incício de abril de 2013.Está muito frio?Ou dá pra ir sem ser prejudicado pelo mau tempo?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Camila! Não dá nunca para contar com "bom tempo" na Patagônia; vá com tempo sobrando para conseguir pegar pelo menos um dia "despejado". Faz frio até no verão; em abril a temporada vai estar no fim, mas a estrutura estará funcionando.

Cibele
CibelePermalinkResponder

Oi, estou indo para o Chile em julho e pensei em fazer algo tipo "norte a sul" em 10 dias por conta... Você acha que é uma época viável p visitar a Patagônia chilena (apenas)? Se não, qual seria o melhor momento para fazê-lo, na sua opnião? Valeu! wink

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cibele! Chile de norte a sul em 10 dias não é possível em nenhuma época do ano; não dá tempo. A época para ir à Patagônia é entre novembro e março.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2012/02/roteiro-santiago/

ECouto
ECoutoPermalinkResponder

Bóia, depois de ler e reler os seus vários posts sobre a Patagonia, fiz um arranjo e resolvi ir a Torres del Paine, saindo de EL Calafate, dormir por lá e voltar no último onibus...

Vc sugeriria algum passeio/trilha?

Ah, pretendo ir em fev/2014

Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, ECouto! Se você vai ter apenas um dia para visitar o parque, precisará fazer algum tour organizado que comprará ao chegar a Torres del Paine. Para fazer trilhas você deve ficar num hotel junto ao parque.

ECouto
ECoutoPermalinkResponder

Bóia, então você acha que seria mais interessante ir pra El Chálten que é mais perto e fazer o pernoite por lá? O problema é que depois que li que Torres del Paine é um dos lugares mais bonitos do mundo, fiquei meio obcecado pra conhecer!!

Valeu e muito obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, ECouto! Há passeios bate-volta para El Chaltén. Em El Chaltén a paisagem é o monte Fitz Roy. Em Puerto Natales, são as Torres del Paine. No verão há também bate-volta de El Calafate a Torres especificamente para visitar o parque.

Juliana P. Galvao

Boa tarde,

Estou com uma duvida...

Vou começar a minha viagem por Ushuaia e Terminar em El Calafate. Não sei qual seria a melhor forma de administrar o meu roteiro:

Ushuaia -> El Calafate
El Calafate -> Puerto Natalaes/Torres del paine
Puerto Natalaes/Torres del paine -> El Calafate
El Calafate -> El Chaten
El Chaten -> El Calafate

ou

Ushuaia -> Puerto Natalaes/Torres del paine
Puerto Natalaes/Torres del paine -> El Calafate
El Calafate -> El Chaten
El Chaten -> El Calafate

O problema é que o trecho Ushuaia x Puerto Natales de onibus leva-se cerca 13 horas... Praticamente um dia inteiro perdido. E Ushuaia x El calafate de avião +/- 01:30h.

Qual seria a melhor opção para poder incluir estas cidades?

Tem mais alguma dica sobre bate-volta a El chaten, partindo de El Calafate?

Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Juliana! De Ushuaia a El Calafate vai-se de avião.

De Ushuaia a Puerto Natales você precisa ir de ônibus a Punta Arenas (12 horas) e pegar outro ônibus a Puerto Natales (3 horas). Nesta modalidade,vale a pena pernoitar em Punta Arenas.

Leia sobre El Chaltén:

http://asviajantes.com/viagem/el-chalten-a-patagonia-em-estado-natural

http://majots.wordpress.com/2008/12/02/patagonia-e-buenos-aires-por-carlaz/

http://www.deviajealapatagonia.info/elchalten.html

Thais
ThaisPermalinkResponder

Ricardo e Bóias,
Eu já estava com o roteiro pré-programado, e depois que li esse post fiquei com dúvida..
Até ontem, o plano era:
- Chegar em El Calafate de avião, alugar carro e ir para Torres del Paine. Reservei uma hosteria +- perto (Hosteria Lago del Toro)
- 2 dias inteiros para o parque, pretendia fazer o trekking para as torres, e talvez conhecer o Lago Grey no dia seguinte;
- 1 dia para ir do Parque para El Chaltén (ainda não tinha decidido se iria de carro, ou se devolveria o carro em El Calafate e continuaria de ônibus até El Chalten)
- 2 dias inteiros em El Chalten
- Volta para El Calafate
- 2 dias inteiros em El Calafate - para conhecer o Glaciar Perito Moreno

Será q é melhor ficar hospedada em Puerto Natales e fazer esse tour do post?
Pensei também em ir de El Calafate para Puerto Natales de ônibus, mas o vôo deve chegar no meio/fim da manhã...

Qualquer sugestão será muito bem vinda!!

Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Thais! O seu hotel fica a 50 km de Puerto Natales e a 100 km do parque. Entre em contato para saber sobre as possibilidades de passeios a partir do hotel e veja se vale a pena.

Entenda que as estradas patagônicas são ermas, os postos de gasolina e a assistência são bastante esparsos, e passar com carro alugado pela aduana é penoso.

A experiência do Ricardo Freire é a de um não-andarilho. Se você tem pretensões sérias de caminhar, é melhor ficar mais tempo na região.

Mas se você quer só tirar uma foto das montanhas, faça um tour bate-volta desde El Calafate. Há lagos e glaciares em El Calafate, os do Chile serão redundantes.

Thais
ThaisPermalinkResponder

Bóia,

Comecei o planejamento da viagem para ir ao Torres del Paine e mais para a parte chilena, mas acabei conseguindo passagem melhor para Buenos Aires, o roteiro agora está quase todo na Argentina.. Estou quase desistindo do Torres del Paine e ficando só na parte argentina mesmo... rsrs
Ainda mais depois que li sobre El Chalten, fiquei achando que a logística vai ser mais fácil e parece q tem opções mais fáceis de trekking.
Vou analisar a possibilidade desse tour bate-volta para Torres del Paine desde El Calafate.

Muito obrigada!

Thais
ThaisPermalinkResponder

Bóia,

Em outro post, o Ricardo falou que não vale a pena fazer o bate-volta de El Calafate para Torres del Paine.

No outro: "Atenção: em hipótese nenhuma faça o passeio bate-volta do Calafate a Torres (ou vice-versa). Você vai passar o dia inteiro dentro do ônibus."

Como o post é antigo, fiquei na dúvida se vocês mudaram de pensamento, ou se como escrito nesse post, "é muito sacrifício só para ver uma montanha famosa".

Gostaria também de saber se vocês conhecem empresas que fazem esse passeio, para que eu possa pesquisar o preço e os horários/duração.

Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Thais! É um passeio de quatro horas de estrada para ir e quatro horas de estrada para voltar.

Se você quer seguir as recomendações do Comandante ao pé da letra, então chegue por um país e volte pelo outro -- esta é a recomendação dele também.

O seu problema é que você tem tempo de menos e objetivos demais.

Renato Barretto

Parabéns pelo excelente post acerca do passeio de um dia inteiro em Torres del Paine! Dei uma percorrida grande em todos os posts acerca da Patagônia e me sinto pronto para perguntar diretamente acerca do que ainda permaneci indeciso!

Saio de El Calafate de ônibus no dia 28/10 pela manhã (pelo que entendi, o mais cedo sai às 08:30, certo?) em direção a Puerto Natales. Devo chegar lá já no meio da tarde, o que talvez impossibilite qualquer passeio. Ficarei em um hotel que me parece já bem perto de algumas atrações, o Cabañas del Paine (cabanasdelpaine.cl/), por apenas duas noites, infelizmente. Sendo assim, no dia seguinte, 29/10, faremos este tour de ônibus pelo parque que leva quase que o dia todo.

O problema é o dia seguinte. Queria muito fazer o passeio de barco que passa pelos glaciares Balmaceda e Serrano com a minha esposa, pois é aniversário dela e neste dia do check-out, 30/10, não queria me limitar apenas a pegar o ônibus para El Calafate, onde dormiremos no hotel Rochester, para pegarmos o avião no dia seguinte de volta para o Rio de Janeiro.

Você tem dicas de operadoras que façam passeios de barco mais curtos que visitem apenas estes glaciares na parte da manhã? Do mesmo jeito que serviria um passeio que fizesse estes glaciares na parte da tarde no dia da nossa chegada. Não estou conseguindo achar de jeito algum...

Outra solução seria conseguir voltar de ônibus para El Calafate no dia 30/10 em um horário mais tarde, possibilitando que fizéssemos o passeio de barco nos glaciares antes de ir embora. Daí as minhas últimas e essenciais perguntas: Há diferentes operadoras fazendo esta viagem de Puerto Natales para El Calafate? Quais são os horários? Pesquisei, pesquisei e só achei gente falando de saída às 08:30! O ideal seria algo às 16, 17:00...até 15:00 talvez desse para fazermos esse tour de barco e comermos algo rápido antes de ir embora!

Poxa, não estamos acreditando que passaremos duas noites lá, com possibilidade de ir embora para El Calafate apenas para chegar e dormir, e não conseguirmos fazer mais nada além do city-tour pelo parque de Torres del Paine! Foi com o intuito de conseguir ver mais coisas nestes dois dias "quebrados" que temos lá que peguei um hotel já dentro do parque! O hotel pelo visto não oferece passeios de "meio-dia"...

A única coisa que me conforta um pouco é o fato de termos tempo suficiente em El Calafate para apreciar o Perito Moreno, fazer o mini-trecking no gelo e o passeio de barco pelo glaciar...já ouvi falar que depois de ver o Perito Moreno, este passeio nos glaciares Balmaceda e Serrano ficam meio dispensáveis...mas pelas fotos estou achando bem diferentes do Perito Moreno e queria muito conhecer, até para aproveitar mais nossa estadia no parque.

Desde já, agradeço muitíssimo pela atenção e rezo para que os gurus das viagens tenham uma solução para o meu impasse!!! Parabéns novamente pelo excelente blog!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Renato!

Não faça nada com tempo apertado. Você precisa de tempo para as coisas se encaixarem. Nada é automático e cronometrado como você está pensando. O passeio a que o Ricardo Freire se refere sai de Puerto Natales, não passa por nenhum hotel perto do parque. Pode ser que haja um que saia ou passe pelo seu hotel, mas não é esse do Riardo Freire. Por favor informe-se com o seu hotel sobre as possibilidades atualizadas e realistas de traslado e passeios. Duplique, por baixo, o tempo que você estava pensando em dedicar a essa etapa da viagem.

Renato Barretto

Olá! Tenho tempo suficiente em El Calafate, dois dias e ainda a manhã do último dia antes de voltar pro Rio, pois nosso voo sai às 16:55. Realmente tenho pouco tempo para Torres del Paine. Não tem como mudar isso mais...limitações de férias...

Este passeio do dia 29 que dura o dia inteiro não me preocupa, meu hotel oferece a mesma programação que o Ricardo Freire descreve e ainda sai de lá, bem mais perto do parque do que Puerto Natales, o que proporciona menos tempo dentro do ônibus.

O que eu preciso saber é se tem agências que oferecem tours de barco para os glaciares Serrano e Balmaceda de meio dia, para que possamos fazer no dia em que chegamos em Puerto Natales ou no dia que saímos do hotel. Isso se de fato tiverem outros horários de ônibus para El Calafate no dia 30/10 que não seja esse que é oferecido na internet, às 08:30. Você saberia responder essas perguntas? Obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Renato! Comunique-se com o seu hotel para saber dos passeios. Não temos essa informação por aqui. O seu hotel também deve informar sobre horários de ônibus. O nosso Google é igual ao seu grin

Gislene
GislenePermalinkResponder

Olá gostei muito do seu relado sobre o passeio de um dia em Torres del Paine e como ficarei dois dias em Puerto Natales acredito que seja uma boa opção , como vou em janeiro será que consigo este passeio chegando lá . Não sei se vc pode oferecer a agencia pela qual fez , mas se puder agradeço .

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gislene! Basta perguntar no seu hotel ao chegar e agendar para o dia seguinte.

Gislene
GislenePermalinkResponder

Que bom ,achei que em janeiro fosse mais dificil teria que reservar antes , vi um site Ruta chile que vende via net , mas
ultimamente existesm sites falsos , por isso a pergunta .

Chegando ao Chile | Territórios

[...] ao Chile com certeza. TOME NOTA Para os que não gostam de “passar trabalho” a dica é ler o queRicardo Freire escreveu, ele não é adepto a trilhas e conheceu quase todos os mesmos lugares dentro de um [...]

Elisandra Pereira

O que eu não consegui me informar, até agora, foram os preços dos ônibus de El Calafate até Puerto Natales. Só encontrei telefones das empresas, horários dos ônibus, mas tarifas não encontrei. Alguém pode me dar uma dica?

Grata

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Elisandra! Não temos as tarifas; ligue para as empresas para se informar.

Adla Luciana Rizzo

Olá, esse passeio é recomendado levar um bebê ou não tem condições?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Adla! Talvez ficar dentro de um ônibus para percorrer 150 km não seja ideal. São 11 horas de passeio, o que é bem puxado para um bebê.

Tulio Ferreira

A Bóia ou quem puder me dar uma dica. Pretendo visitar a região em Março 2015. Chegar por voo em Punta Arenas e de lá pegar ônibus para Puerto Natales. No dia seguinte visitar as Torres del Paine e pegar outro ônibus (seis horas) para El Calafate e visitar o Glaciar Perito Moreno no dia seguinte. Posso simplesmente comparecer na rodoviária e embarcar ou tenho que fazer alguma reserva com antecedência? Já verifiquei que os horários dos ônibus são compativeis com o meu planejamento mas estou com esta dúvida.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tulio! Compre sua passagem a El Calafate ao chegar a Puerto Natales.

Tulio Ferreira

A Bóia, obrigado pela dica. Imagino que o trecho de ônibus de Punta Arenas a Puerto Natales também deve simplesmente comprar a passagem na rodoviária de Punta Arenas.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar