Minitrekking no glaciar Perito Moreno: holiday on ice

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

O minitrekking no glaciar Perito Moreno

O assunto geleiras vai ocupar todo o seu tempo em El Calafate. Se você decidir que Perito Moreno não é o bastante, vai poder ver outras, em passeios de barco pelos lagos (vou falar de tudo no post de encerramento do Calafate).

Deixe para o último dia, porém, o passeio que vai tornar supérflua qualquer outra atividade que passe perto de um cubo de gelo: o Minitrekking.

Las releiras son ar-rentinas!

Depois de ver geleiras -- ou glaciares; dedico o título deste post à Isabel O. mrgreen -- de longe, de perto, do alto, de baixo, da terra, da água, só nos resta mesmo subir numa e caminhar sobre o gelo.

Há duas opções de passeios, realizados pela mesma companhia, a Hielo & Aventura: o Minitrekking, que inclui uma hora e meia de andanças por cima do glaciar, e o Big Ice, que é um pouco mais puxado. Para minha felicidade, a idade máxima recomendada para o passeio mais é 45 anos; como estou com 46, tenho a desculpa perfeita para ter feito a versão compacta grin

O Brazo Rico

Depois de uma curta navegação pelo Brazo Rico (a seção do lago que aparece nos mirantes da estrada, à esquerda das passarelas), desembarcamos num refúgio ao pé de um bosque na outra margem.

Última vista antes de subir no bicho

De lá fazemos uma curta caminhada até um mirante à beira-lago (onde temos a última vista antes de subir no bicho -- essa aí de cima), e depois vamos para a estação onde ganhamos tração nas duas pernas.

Grampões instalados

Os monitores do passeio instalam grampões na sola dos nossos sapatos. O sistema é o mesmo dos patins de (beeem) antigamente, que a gente usava com calçado normal; a diferença é que em vez de rolimãs ele vem com umas pontas hiperafiadas que previnem tombos (se você cai no gelo, a probabilidade de fratura é alta).

Grampões: correia de gente

Os guias são bacanas e explicam como caminhar. Precisamos manter os pés separados, pisar com o pé inteiro, manter a postura ereta nas subidas. Em resumo -- andar como um pingüim, descer como um macaco.

Entrando numa gelada

Caminha-se em fila indiana, com paradas estratégicas para fotografias. As descidas são um pouco tensas, mas nada que se compare com um bugueiro maluco em Natal.

Você chega lá

Não preciso dizer que é lindão porque você está vendo com sua própria tela. É como passear por um jardim de esculturas geladas.

Às vezes o gelo está mais azul que o céu

Texturizado

Buraco frio

Esculturas descartáveis

Tricolor

O mais bonito de tudo são as fendas azuladas que aparecem a todo momento. Olhos d'água. Olhos azuis d'água! Elizabeth Taylor meets Perito Moreno.

Nel blu dipinto di blu

Degradê

No fim, tudo acaba em uíqui -- no nosso caso, um escocês Famous Grouse oito anos, com gelo produzido há oito segundos.

Esperando a próxima turma

Moedor automático de gelo

Servindo o geloPrecisava o mullet?Só um golinho

Gostou? Prepare a carteira. Em 2010, o passeio custou o equivalente a 130 dólares.

Tin-tin!

O passeio completo inclui uma passada nas passarelas, e resolve a vida de quem vai ficar apenas um dia na cidade. É preciso reservar e pagar na véspera. E não há saídas no auge do inverno (entre meados de junho e meados de agosto).

Agora no fim do verão a temperatura estava agradabilíssima: uns 12 graus. Me arrependi de ter ido com ceroulão por baixo da calça de nylon, e no final suei a camiseta por baixo da parka quebra-vento.

El amor es lindo

Caso você possa ficar mais dias no Calafate, mantenho a minha sugestão do post inicial: vá no primeiro dia ao parque de carro. No segundo dia, faça um passeio de barco pelos glaciares (voltarei a falar disso no post final). E deixe o Minitrekking para enxugar o gelo final.

Leia mais:

Todas de El Calafate no Viaje na Viagem

332 comentários

Isabel O., Portugal

Obrigada.
Cada post mais lindo que o anterior!

Patricia - Turomaquia

¡Estoy sin aliento!
beijos

Gerson
GersonPermalinkResponder

Ricardo.
Estive lá em fevereiro de 2008. Pela idade (72) tb "afinei" com os passeios. Porém dou aval e recomendo a todos.

Amélia
AméliaPermalinkResponder

Maravilhoso, adorei "andar como um pingüim, descer como um macaco" e adorei cada foto!!!!

Gabi de Madri
Gabi de MadriPermalinkResponder

Fiz um treking parecido num glaciar na Nova Zelandia há mil anos atrás, e foi o máximo, uma experiencia incrivel! Mas lá não colocávamos essas pontas afiadas para andar no gelo sobre os nossos sapatos, mas sim usavamos uma botas especiais que já vinham com essa super sola. E lá nos recomendaram ir vestidos com bermuda e meias grossas bem grandes, se me lembro bem era para evitar ficar com a calça toda molhada e pesada em caso de queda no gelo...

Cristiane Vazquez

Oi Ricardo Freire,
Estou pensando em passar o Carnaval 2011 em Calafate. Vc acha que dá? Seria algo rápido mesmo( saindo do Rio de Janeiro sexta á noite ou sábado pela manhã e voltando terça ou quarta feira). Sei que temos que pegar um voo daqui até Buenos Aires e de lá para Calafate, não? Talvez seria uma boa opção voar Gol (RIO_EZE) e depois talvez LAN para Calafate.
Estou realmente encantada com estes posts. Tenho muita vontade de conhecer a Patagônia, mas como minhas férias são em Junho/2010 e já tenho programação, pensei em aproveitar o Carnaval para pelo menos conhecer um pedacinho..rs
Obrigada, Cristiane

Ricardo Freire

É uma ótima época para ir. É alta temporada na Patagõnia, mas o carnaval em si não é um feriado especial que encareça ainda mais os preços. Reserve o trecho Brasil-Buenos Aires com antecedência, porque muita gente vai pra Argentina no carnaval.

Cristiane Vazquez

Muito obrigada pela resposta!
Sim, é eu sei que tenho que reservar cedo a passagem para Buenos Aires para Carnaval. Este ano eu fui a Buenos Aires no Carnaval e estava de fato cheia de brasileiros. Ouvia mais o português do que qualquer outra língua...rs. Foi a minha primeira vez em Buenos Aires e pretendo voltar, mas deixo para outra oportunidade!
No ano passado consegui a passagem para Buenos Aires pela Gol por uma barganha , mas reservei em Agosto 2009. Pretendo decidir no começo do 2º semestre e tão logo decida, farei a reserva. Tenho que pensar também em uma hostería com bom preço e qualidade. Já andei buscando no google e até encontrei algumas que cabem no meu bolso...smile)
Espero ler mais sobre sua passagem por Calafate.
Obrigada, Cristiane

Ricardo Freire

Vêm informações práticas mais adiante.

Dani Polis
Dani PolisPermalinkResponder

Nossa, que fotos1!!!!!
É de passar vontade demais. Continue postando mais Riq!

Abraço.

Oscar
OscarPermalinkResponder

Muito boa essa "andar como um pingüim, descer como um macaco".
As fotos estão D++

Arthur | Agora Vai

Viagem: 3000 reais (chute)
Trekking: 260 reais
Uísque com gelo milenar: não tem preço.

Carmen
CarmenPermalinkResponder

Je, je, je, je... bom slogan!!!!

Li
LiPermalinkResponder

Que lugar incrível, entrou para a lista dos desejos. Estou na primeira fila aguardando o resto que vem por aí...

Ana Claudia
Ana ClaudiaPermalinkResponder

Adorei as fotos, sensacionais.
Riq, muito bom relembrar os patins antigos, como eu me diverti com meus patins bandeirantes, hehe...

Mostrei para meus filhos e eles ficaram impressionados com tanta beleza deste post.

Ana Claudia
Ana ClaudiaPermalinkResponder

Riq, só que você me arrumou um problema.
Depois que cancelei a viagem ao Chile, estava preparando a viagem para Lisboa, só que estes posts de Calafate não me saem da cabeça.
Ir agora ou não ir, eis a questão!!!
Ó dúvida cruel...

Paula Bicudo
Paula BicudoPermalinkResponder

Legal demais...deve ser divertidíssimo

Carla
CarlaPermalinkResponder

Detalhe: repararam que a mesinha do whisky é de madeira? Nada de plástico no Perito Moreno... mrgreen

Luciano
LucianoPermalinkResponder

WOW. Fantástico.

Marisa
MarisaPermalinkResponder

Ana Claudia,

Só pra te atiçar um pouquinho mais, um guia local me contou que a melhor época em Calafate é final de março!

Eu achei o bosque antes do minitrekking ainda mais bonito, de onde se avista o Perito Moreno com umas arvores gigantes derrubadas. Parece cenário de filme!

Ana Claudia
Ana ClaudiaPermalinkResponder

Marisa, eu não poderia ir em março.
Então, vou mesmo para Lisboa, fim de maio, que deve ser muito legal também.

Mas a viagem do fim de ano já está definida: CALAFATE!

Ricardo Freire

Lisboa em fim de maio é lindo.
E Patagônia no fim do ano é perfeito. Você está indo nas horas certas.

Beto Paschoalini

(Faz assim: pense em 100 euros, e não fica tão caro.) É este tipo de raciocínio que me faz admirar o Ricardo Freire. mrgreen

Emília
EmíliaPermalinkResponder

Riq, de toda essa viagem fantástica, esse post foi o que mais me pegou de jeito: que experiência. Tenho certeza de que esse seria um daqueles poucos lugares em que a natureza deixa você literalmente de boca aberta. São momentos de pura felicidade...
Será que você está se rendendo aos passeios eco? wink

Meilin
MeilinPermalinkResponder

É, Emília, esse passeio tá revelando um outro cotê do Riq, do qual eu tô segura que vamos gostar muuuito wink

Geo
GeoPermalinkResponder

Nem me importaria de beber uísque no final...

Marília Marconi

Ademais de tudo que já foi dito, não posso deixar de comentar que as legendas das fotos estão o máximo!!! smile

Maryanne  hotelcaliforniablog.wordpress.com

Isso é um incrivel campo de suspiros, daqueles que ficam bem puxa-puxa. Maravilhoso; quero muito ir.

Irene Makie
Irene MakiePermalinkResponder

Eu já fiz, realmente é muuuuuuuuuito legal. A sensação é indescritível!!!
Extremamente recomendado!

Alex melo
Alex meloPermalinkResponder

Taí um passeio que me arrependo de não ter feito. É caro, mas tenho certeza que vale demais a pena

Rodrigo Barneche

O que me apavora é a inflação argentina... há exato 1 ano atrás pagamos 350 pesos no minitrekking e 50 para entrar no parque... estávamos com um guia de 2007 e os valores que nele constavam ainda eram metade do que pagamos... quem deixar pro ano que vem vai pagar mais 500 pesos certo...

JB
JBPermalinkResponder

Rodrigo,

Acho que a cotação deve ser dolarizada, por isso a "inflação".

Rodrigo Barneche

Não acredito muito nisso não JB, pode ser que o fluxo de visitantes tenha aumentado (e o olho crescido) bastante nos últimos anos, ou é porque antes era muito barato mesmo smile

Mas veja: só a entrada do parque Los Glaciares aumentou 250% em pouco mais de 2 anos. Não é demais não? Será que o parque do Iguaçu, por exemplo, chegou a ter aumentos tão significativos assim? Isso sem contar que agora todos os parques nacionais argentinos tem entrada diferenciada (pra cima) para estrangeiros sad

Lucia Malla
Lucia MallaPermalinkResponder

A 9a foto deste post tem profundidade e leveza suficiente para ilustrar a paisagem de maneira icônica. É uma vencedora.

E é tudo lindo no gelo, eu fiquei com mais vontade ainda de fazer esse trekking. Eu já adoro um trekking, esse me soa imperdível e inesquecível.

Pus na minha looonga lista de viagens-desejo. smile

Letícia Greco

Riq, estou boba de ver como esse lugar é maravilhoso!!! Só fiquei pensando se eu daria conta de me equilibrar nesses grampos q vcs colocaram nos pés... sou muito estabanada... rs!!!!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Isso sim é que é luuuxo !!
Onde é que se escondeu o Nick , que não consegui encontrar em nenhuma foto ? ( só na dos sapatos )

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

O Nick ,claro , tava do outro lado , filmando eekops:

Ricardo Freire

Haha, esse aí não era o nosso grupo não... era o grupo anterior! O nosso grupo ainda estava no alto, então aproveitei pra fotografar o que seria a continuação do nosso passeio :cool:

Mari Campos
Mari CamposPermalinkResponder

Que lindo! Luxo mesmo; quero muito fazer quando for pra Calafate de fato (so vi o Perito Moreno do aviao, a caminho de Ushuaia). Definitivamente, ja ta anotado - inclusive sua instrucao para o trekking "andar como um pingüim, descer como um macaco" mrgreen

Isabella
IsabellaPermalinkResponder

É muito bom relembrar esse passeio por essas belíssimas imagens. E realmente o passeio vale muito a pena!

Pavan
PavanPermalinkResponder

Tudo bem que eu não sou um viajante muito experiente, mas o minitrekking no Glaciar Perito Moreno foi o passeio mais divertido que eu já fiz em viagens. Eu parecia pinto no lixo subindo e descendo as "dunas" de gelo. Ainda vou voltar pra fazer o Big Ice (não sem antes melhorar a forma física, pra conseguir aguentar o tranco).

viajar
viajarPermalinkResponder

wow... as fotos são simplesmente fantásticas!!!

uberVU - social comments

Social comments and analytics for this post...

This post was mentioned on Twitter by carolmayr: Minitrekking no glaciar Perito Moreno: holiday on ice http://goo.gl/fb/V1JR #greader...

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

Riq, jurava que tinha feito um comentario de manha...

Ricardo Freire

Chequei no poço e não tá não...

CarlaZ
CarlaZPermalinkResponder

sad

Dani S.
Dani S.PermalinkResponder

Lindas as fotos! Que bom que você foi no passeio =)

Natália M Gastão

Lindooooo!!!!!!!!!!!!
Me deu saudades e água na boca!

Roberta Martins

Acabei de fazer este minitrekking e foi uma das coisas mais impressionantes que eu já vi. O whisky no final é o máximo!!! As fotos estão ótimas.

Ana Cristina
Ana CristinaPermalinkResponder

Eu fiz este passeio a mais de 13 anos atras - foi uma das viagens mais lindas que fiz. Lembro que no final tomavamos champagne - lembro tb que nao era caro. Nos passamos o ano novo em um hotel em Torres del Paine absolutamente fantastico e que tb nao era caro. Acho que era porque nao era tao famoso como agora.
Grandes lembrancas..

nina
ninaPermalinkResponder

Gente,
desculpe atrapalhar um post tão lindo e ir off topic, mas preciso saber se algiém já usou a Otel.com para reservar hotel (londres)
se é confiável como Booking, Hoteis...
O $ t´bom demais pra ser verdade...
Brigadinha

Elaine Rego
Elaine RegoPermalinkResponder

Riq, que fotos MARAVILHOSASSSSS!!! Tô de boca aberta e babando...

A minha dúvida ainda é o frio: venta muito? qual a sensação termica? Você disse que ate suou,mas os pés, mãos e rosto, ficaram muito gelados? Dá pra suportar legal? É que meu marido é magéeeeerrrriiimo e não tem camada adiposa pra proteger e ele morre de frio....

Bjs e Parabens pelas fotos.

Maria Lina
Maria LinaPermalinkResponder

Lindo Ricardo.
Parabens.

Cintia
CintiaPermalinkResponder

Ola Ricardo Freire,
Estou indo para El Calafate em duas semanas,e fiquei muito feliz em ver essa fotos lindas e ter dicas suas. Ainda nao marquei hotel.Estou entre o Imago e o Design Suites. Alguma dica sobre onde ficar?
Obrigada,

Ricardo Freire

Dos designizinhos eu ficaria no Esplendor, que está no centrinho da cidade (apesar de a volta ser uma ladeirona puxada).

Rosa Maria
Rosa MariaPermalinkResponder

Caro Ricardo Acompanho seus comentários há bastante tempo e admiro demais (acho que é quase unanimidade) seu trabalho e estilo. Já fiz algumas perguntas há muito tempo atrás e você e seus tripulantes foram extremamente receptivos e atenciosos. Parabéns por mais este belíssimo relato sobre a Patagônia. Estava planejando fazer essa viagem em maio, mas pelo que tenho lido, me parece que corro o risco de não conseguir fazer vários passeios desses. Boa parte das ofertas turísticas como o cruzeiro que vc fez e Hosteria Los Notros não funcionam nesse período e a temporada da neve ainda não começou. Em sua opinião, seria pouco recomendável arriscar esse destino em maio? (sei que vc não tem o dom de prever o futuro, aí incluindo condições climáticas smile))
Desde já agradeço muitíssimo sua atenção.

Lourdes - S.Paulo

Fiz o mini trekking em 2008 e adorei! Tinha 58 anos e estava com problemas nos 4 tendões dos joelhos. Antes de sair de S.Paulo estava fazendo fisioterapia nos joelhos, porque tinha "posto" na minha cabeça que eu iria fazer esse passeio de qualquer forma.
Na Ag. de Turismo de El Calafate o funcionário perguntou: alguém tem algum problema de joelho? Meu marido e minha filha me olharam e eu disse que não, é claro! Foi o passeio mais lindo que já fiz! É maravilhoso. As fendas azuis, os buracos, tudo é divino. O final com o whisky foi demais. Não bebo nada, mas não pude deixar de tomá-lo com gelo de centenas de anos! Quanto ao joelho, voltei ao médico e eles não estavam mais inchados e não doem até hoje. O médico brincou: o gelo do glaciar curou o meu joelho!Esqueci de dizer que estva bem acima do meu peso.Resumindo: Foi inesquecível, quero voltar e fazer novamente.

Constance Escobar

Que coisa linda. Se eu já tinha vontade de ir, depois dessas fotos, se pudesse ia já!

Fê Costta - viaggio mondo

Simplesmente sensacional!!!

Que lugar inóspito, quantas paisagens fenomenais! Adorei!

E não corre o risco de haver fendas disfarçadas não? Perigo isso! rs

Bjs

Ana Paula
Ana PaulaPermalinkResponder

Oi Riq, QUE DEMIAS!!!! Fiquei com gostinho de QUERO MAIS! Este mini trekking é TUDO!
Foi uma pena não ter ficado mais um dia em El Calafate...
Suas fotos estão o máximo! Parabéns!
Kisses and Be happy

Márcio Cabral de Moura

Sensacional. Esse passeio vai para o topo da wishlist.

Eliana
ElianaPermalinkResponder

Ricardo, estou indo em maio para El Calafate e gostaria de saber se em Calafate aluga-se roupas de frio para realizar o minittreking. Como moro no nordeste fica difícil encontrar roupa de frio aqui para comprar.
Como vou ficar apenas 02 noites, o meu tempo só dará para fazer um passeio. Você me sugere o minittreking ou o passeio de barco pelos glaciares ?
Obrigada

Ricardo Freire

Não vi lugar para alugar roupa, não. Mas em maio você vai precisar roupa de frio o tempo todo na cidade. Você vai precisar comprar uma parka ou jaqueta corta-vento de toda maneira. Por baixo pode usar lã e ir de jeans mesmo.

O minitrekking inclui um minipasseio de barco. Se tivesse que escolher um passeio, é o que eu faria. Se ainda der tempo de incluir mais um dia na cidade, inclua e faça primeiro o passeio de barco por todos os glaciares. (Eu só não faria isso se a viagem incluísse outros destinos na Patagônia. Mas se tudo o que você for ver de gelo está no Calafate, então fique mais um dia.)

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Riq , a maioria das lojas que vendem equipamentos esportivos tb alugam roupas , por isso que não chamou tua atenção.

Ricardo Freire

Tchindji, obrigado!

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Eliana, tem varias lojas no centro que alugam roupas.
Mas o horários de atendimento podem não estar de acordo com as tuas necessidades. Avise ao hotel-pousada e peça instruções .

Eliana
ElianaPermalinkResponder

Obrigada Riq pela grande dica.
Na verdade irei ficar 03 dias em Bariloche, 02 em El Calafate e 03 e Ushuaia. Você acha que está legal ? tenho vontade de incluir El Chaten, mas tenho dúvidas.

Ricardo Freire

Eu tiraria um dia de Ushuaia e poria no Calafate.

El Chaltén é estritamente para trekkistas.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar