Tem um hostel para recomendar? E para desrecomendar?

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Jazz Hostel, South Beach, Miami

Nenhum meio de hospedagem cresceu tanto nos últimos quinze anos quanto o de hostels/albergues. Quando comecei a viajar, no longínquo 1985, albergues eram ainda "da juventude" e mais pareciam colégios internos. Hoje os albergues viraram "hostels" até mesmo em português, deixaram o "da juventude" de lado mas estão mais jovens do que nunca. Toda cidade que se preze tem uma penca de hostels descolados, com bares animados e uma recepção que funciona como uma central de know-how de como explorar a região da maneira menos careta.

Para quem não consegue se enxergar dormindo em beliche num quarto coletivo (presente!), existem cada vez mais hostels com quartos privativos (com banheiro exclusivo e tudo). As diárias desses quartos costumam ser equivalentes a de hotéis baratos, mas o ambiente sempre é mais interessante.

O estilo megadescontraidão da nova onda de albergues, porém, às vezes permite a existência de hostels não muito zelosos com a limpeza do ambiente ou a manutenção das instalações.

Como muita gente passa por aqui pedindo indicações de hostels, que tal a gente montar um banco de dados de experiências dos trips?

Use a caixa de comentários para contar sobre os hostels de que você mais gostou (e os que detestou, também). Assim que houver um número consistente de relatos a gente transforma este post num índice de resenhas de albergues.

Combinado? Bora desembuchar! Obrigado!

Veja também:

Albergues do mundo inteiro no Hostelworld

Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire


216 comentários

Samira
SamiraPermalinkResponder

Recomendo: Hostel Pucón, em Pucón smileno Chile. Estivemos lá em 2008 e o hostel tinha sido inaugurado a pouco tempo. Parecia mais uma pousada. Tudo novinho, quartos para casal com banheiro privativo. Os donos, super gente boa, tinham todas as dicas de passeios. Parece que tinha quartos coletivos também, não tenho certeza.

Hostal Rodri, em Granada, Espanha. Pequeno, tranquilo, quartos muito confortáveis para casal, com banheiro privativo. Não tem café da manhã, mas, há vários locais ali por perto, para isso. O dono é a gentileza em pessoa, te fornece todas as informações que precisar e mais algumas. A localização é excelente.

Danilo
DaniloPermalinkResponder

Recomendo muito o Meininger Central de Berlim, que é um hotel com alma e preço de hostel, foi o melhor que ja fiquei, seguido pelo YHA central london, que é 100% albergue, muito bom.
Outros bons hostels que ja fiquei são o hostel suites florida em BsAs, USA hostel de Los Angeles, El viajero B&B em Colonia del Sacramento.
Agora NUNCA fiquem no Yellow Hostel de Roma, se alguém quiser posse escrever aqui umas 50 linhas só de críticas desse hostel, é um dos piores que ja fiquei.
Em paris tem o Bastille Hostel, que se vc procura um alberque bem localizado com quarto privativo por preço de dorm, e apenas isso, este é um bom albergue, apenas não contem com a "simpatia" do staff.

Camila Telcontar

Também já fiquei no hostel Suites florida em Buenos Aires, é muito bom, organizado, limpo, grande, bom café da manha e bem localizado.

Ludmila
LudmilaPermalinkResponder

Já fiquei no Hostel Suites FLorida, em BsAs, 2 vezes. Primeiro fiquei num quarto individual, com cama de casal confortável, banheiro privativo, bem limpinho. Da outra vez eu fui com um grupo e ficamos num quarto coletivo, para seis pessoas. Deixávamos nossas malas e roupas espalhadas pelo quarto (principalmente pra sair um pouco do cheiro de cigarro - por conta péssimo hábito que os porteños têm de fumar em boates ou qq outro lugar apertado e cheio de gente) e nunca tivemos problema algum. Uma das meninas que viajou comigo voltou pra lá um mês depois e trabalhou no albergue durante uns 6 meses.
Super recomendo.

Debora Garcia
Debora GarciaPermalinkResponder

Nós também gostamos bastate do Bastille Hostel em Paris:

http://www.revistadeviagem.net/destinos/europa/franca/paris/review-bastille-hostel/

diogo
diogoPermalinkResponder

o the circus em berlim é o melhor hostel do MUNDO. eu moraria lá, simples assim!!

Marisa/Miss Má

Tb fiquei no Circus e amei. Os quartos são ótimos (apesar de mistos) e o café da manhã é MUITO generoso!

Edgar
EdgarPermalinkResponder

Também fiquei no Circus e achei fantástico. Limpo, organizado e com preço ótimo.

Ana Muniz
Ana MunizPermalinkResponder

Fiquei em quarto privativo no Circus e, apesar do banheiro compartilhado, recomendo. Muito organizado. O café da manhã (pago a parte) era muito BOM e os atendentes muito simpáticos e solícitos.

Letícia Castro

recomendo o Hostel da Bruxinha em Natal!
a localização é muito boa! (perto do camarões! e da pra caminhar até a praia de ponta negra!)

o café da manhã tem mts frutas e tapioca, vi quartos coletivos com 4 e 6 camas (deve ter outros tipos de organização). ao lado do hostel tem vários restaurantes... (acho q já vi aqui no blog algum post sobre isso...)

enfim, o hostel tem o formato de um castelinho e os quartos são temáticos smile é tudo muito limpinho e mt bem organizado! Foi a primeira vez q fiquei em hostel e gostei mt da experiência!

Edgar
EdgarPermalinkResponder

Também gostei desse hostel, mas só para complementar, o nome de verdade do hostel é Lua Cheia. =D

Marisa/Miss Má

Eu mandei esse pelo twitter e esqueci de postar aqui.

Se você quiser ficar num CASTELO/hostel eu recomendo o de Loch Lomond, na Escócia.
http://www.syha.org.uk/hostels/central/loch_lomond.aspx

Loch Lomond é o maior lago do reino Unido em área de superfície e fica na fronteira das Highlands, a quase 1 hora de Glasgow. O lugar é lindo, tem uma cidadezinha bem perto com restaurante e pub, é daqueles lugares pra você ir pra esquecer um pouco o tempo.

O hotel é bacana e realmente foi um castelo. Inclusive rola uma história de que tem um fantasma....

Marisa/Miss Má

MAIS UM TOQUE IMPORTANTE - os tipos de albergue

Isso foi uma coisa que ninguém mencionou e vale a pena.

Existem basicamente dois grandes grupos de tipos de albergues: os albergues da Hostelling International (HI) e os albergues independentes e a sua escolha vai depender muito do que vc procura.

- HOSTELLING INTERNATIONAL (http://www.hihostels.com/) : se você procura um lugar sossegado pra ficar e PRINCIPALMENTE se vc é mulher e viaja sozinha (o que foi meu caso muitas vezes), prefira esse tipo de hostel. Os hostels da HI na minha opinião são mais "garantidos". Eu explico: eles tem mais regras, você precisa ter a carteirinha da HI (isso você pode tirar assim que chega ao hostel) e muitos tem curfew (ou seja, você tem que estar de volta por exemplo as 10 da noite, se não, você não entra). Na maioria dos HIs, bebida alcóolica não é permitida, nem cigarro e não é difícil você dividir o quarto com uma senhorinha de 60 anos (isso aconteceu comigo em Manchester!). O meu ponto é que esse tipo de albergue, apesar de tantas regras, é sempre mais seguro e menos bagunçado. Se você vai andar o dia todo, por exemplo, vai querer um lugar calmo pra descansar, e não um quarto com gente entrando e saindo o tempo todo. E bom, eu viajei pela primeira vez com 21 e fui a muitas cidades sozinha. Fiquei sempre em HIs e posso dizer que não me dei mal em nehuma das vezes.

- ALBERGUES INDEPENDENTES: como o próprio nome diz, eles são independentes ou seja, não tem uma entidade controlando o padrão de todos, cada um tem suas próprias regras. Se você está viajando em turma, ou se na verdade você está procurando se enturmar rapidinho, esse tipo de albergue é recomendado. A maioria deles não só permite o consumo de bebidas alcóolicas em suas premissas, como normalmente tem pubs. Alias, em muitos deles rolam festinhas e noites de confraternização para os alberguistas. É muito bacana por um lado, mas o risco de você ficar num albergue com insetos nas camas, ou com banheiros imundos aumenta bastante. Eu diria que você deve antes saber mais do tal albergue antes de se hospedar nele. Por exemplo, o Flying Pig em Amsterdam. Meu namorado ficou lá há 3 anos. Logo que chegou, deu de cara com um grupinho fumando no quarto. Ele me contou que ficava difícil dormir com movimento a noite toda, fora que o estado geral do hostel deixava a desejar.

Bom, é isso.

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Respeitosamente discordo. Nos EUA e no Reino Unido, pode até ser. Na Europa continental, tem muito hostel HI caído, e eu acho essa história de voltar 22.00 para o quarto coisa de 1910 e não 2010.

Há hostels independentes para todos os gostos e de todos os perfis. Eles nào são necessariamente badalados como vc descreveu.

Enfim, não quero ser o chato do post, mas minha experiência pessoal, de vários amigos e do que conhecemos aqui nos diz que hostels independentes aparecem em todas as formas. Recomendo usar como disse acima os sites como Hostelwold. Lá só pode postar review quem pagou hospedagem nos hostels, e vc pode selecionar só ler os reviews de gente com menos de 30 anos viajando sozinho, por exmeplo, ou casais, ou grupos. Assim, dá fácil pra identificar o tipo de hostel.

O que eu não gosto da HI, particularmente:
- o fato de atrairem um grande número de excursões escolares de ensino médio
- a ausência de comprometimento de muitos funcionários, que se comportam como na década de 1960 em que vc tinha o "favor" de ser hospedado.

Cristina
CristinaPermalinkResponder

André, complementando sua discordância saudável, como mulher que viajou muito sozinha, ficando em albergue, explico para a Marisa/Miss Má que só de pensar me associar a qq coisa para me hospedar, me desanimo. Nunca tive problemas nos albergues independentes, até a minha desrecomendação foi baseada em localização, não segurança ou sujeira.

Melissa
MelissaPermalinkResponder

Estalagem do Alcino em Lençóis, na chapada diamantina!
É a casa do Alcino que gentilmente recebe os hóspedes com um café da manhã incrível em uma mesa de fazenda onde todos chegam, sentam e trocam experiências. Uma delícia!

Beto
BetoPermalinkResponder

Lisbon Lounge é o melhor hostelq ue já fiquei e olha que fiquei em vários no meu ano de estudante na zropa...

Sut-Mie (@viagempimpolhos)

Este aqui em Paris ainda não foi citado e me parece bem bacana: http://www.oops-paris.com/en_hotel.htm, pelo menos bem situado...

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Os que eu recomendo:
Em Praia do Forte:
Albergue da Praia do Forte - excelente, como já dito acima, e muito bem localizado.

Em Roma:
Bed and Breakfast Night and Day. Ele não é localizado no setor mais charmoso, e sim perto da Termini. Está mais pra um apartamento onde você compartilha o banheiro do que para um albergue. Mas, em todas as resenhas, você vai ler que a Mônica, proprietária, é o grande diferencial - e é mesmo! A Hospitalidade é mil por cento, em outra viagem econômica eu voltaria lá com certeza. Comentários sobre ele eu fiz aqui: http://adrianelima.wordpress.com/2008/03/27/ciao-roma/

Em Madri:
Já foi falado aqui no VNV mil vezes, mas não custa reforçar... o Chic and Basic Colors. São 2 lances de escada, mas ele vale muito a pena! Os quartos são charmosos, há uma maquininha de café espresso a disposição e, o que achei o máximo, em vez de café da manhã incluso, você tem conteúdo da geladeira incluso'! Ela está sempre cheia para você se servir, a qualquer hora do dia, sem custo adicional.

Em Amsterdam:
Shelter City Christian Hotel – é um hostel de uma rede cristã e fica entre o Red Light District e a Nieuwmarkt, por mais contraditório que isso possa parecer! Há sessões para quem está no espírito religioso mesmo, com encontros de discussão e etc… mas só caso você queira. De resto, é um hostel como qualquer outro, com boa cozinha, boas áreas de convivência. Dá pra fazer muuuita coisa a pé a partir dele. Ficamos lá no Ano Novo de 2007-2008. A experiência foi muito legal! O staff é muito prestativo.

Não recomendo:

Em Barcelona:
Hostel Plaza. Mega bem localizado, a 1 quadra da Praça Cataluña, mas é muito mal conservado, equipe bem mal-humorada e ele TODO cheia a cigarro, mesmo que seu quarto seja de não-fumante! A única boa lembrança que eu tenho desse hostel é do elevador, enorme, antigo, tinha até um banquinho dentro! Comentários sobre ele aqui: http://adrianelima.wordpress.com/2008/04/22/chegando-em-barcelona/

Pat Evie
Pat EviePermalinkResponder

Ratifico tudo o que o André disse. Eu viajei sozinha em maio/2009 pela Europa - 60 dias. A maioria dos albergues que eu fiquei eram independentes. Não me preocupei se eram da rede HI, a preferência foi sobre limpeza, localização e sossego pois sou uma pessoa do dia. Por isso eu fucei e muito a internet e as opiniões no Hostelworld.

Pat Evie
Pat EviePermalinkResponder

Dos que eu conheci, recomendo:

Em Berlim, o The Circus. Limpo e quarto amplo. Na época, locker era só no subsolo. Wifi grátis. Oferece café da manhã, pago à parte. Eu gostava era de comer na padaria em frente ao hostel.

Em Munique, o Wombat's. Perto da estação Hauptbanhoff. O hostel oferece um city-tour. Wifi grátis.

Em Paris,o Saint Christopher. Distante das atrações mas próximo a duas estações de metrô. Fiquei em um quarto com banheiro, 6 camas. No quarto, são 3 beliches. Cada cama tem uma cortina, para quem não quer ser atrapalhado pela iluminação. Além disso, tem um lavatório dentro do quarto. Se não me falhe a memória, o acesso é por cartões magnéticos. Wifi grátis. Quem chegar antes do horário do check-in, pode deixar sua mochila/mala num quarto próximo a recepção. Tem café da manhã (não é O café mas já ajuda). Irritante mesmo, só aquele chuveiro temporizado.

Em Roma, o Alessandro Palace. Próximo a estação Roma Termini. Só achei os quartos bem pequenos e sem contar que tem uma escadaria que desanima quem está com mala grande. Também tem wifi e ar condicionado (imprescindível). Não lembro se era gratuito...

Em Florença, o Plus Florence. De longe foi o melhor albergue que eu fiquei na viagem. Fiquei num quarto feminino compartilhado com 6 camas e banheiro. Quarto amplo com ar condicionado split, armário para cada cama. Luminária e tomadas individuais. O hostel tem sauna, piscina e oferece refeições a noite. Eu recomendo fortemente.

Em Londres, eu fiquei no Palmers Lodge. Não gostei. Casarão antigo com tapetes para todos os lados (não é uma boa opção para pessoas alérgicas!). Eu dei o azar de ficar em um quarto no sótão. Tive a impressão de não serem cuidadosos com a limpeza dos quartos. Aff! foi a "derrota" do meu mochilão.

Com exceção do Palmers, voltaria a todos com certeza wink

Claudia
ClaudiaPermalinkResponder

Em Ushuaia: Hostel La Posta. Perfeito, limpo e lindo. Atendimento extremamente cordial. Instalações amplas, duas ótimas cozinhas, camas confortáveis.
Em Bariloche: Hostel Achalay. Ótima localização combinada com atendimento muito simpático. Boas instalações.

Val
ValPermalinkResponder

Em Budapeste recomendo o Njoy Budapest ( http://www.njoybudapest.hu/ ). Inaugurado no ano passado, tem ótima localização e estrutura e um staff super atencioso.

Em Praga recomendo o Mosaic House ( http://www.mosaichouse.com ) que também foi inaugurado em junho do ano passado e é super bem localizado. Ele nem parece um hostel, já que não tem cozinha coletiva. Está mais para um hotel, com ótimas acomodações e um bar bem bacana.

Vanessa
VanessaPermalinkResponder

Recomendo muito o Berlin-Youth Hostel em Berlim, http://www.hihostels.com/dba/hostels-Berlin---Youth-Hostel-International-022022.en.htm, tem que reservar com antecedência, mas tudo é muito bem organizado, as pessoas são muito prestativas, gentis.

Daniel
DanielPermalinkResponder

Recomendar albergues é complicado, pois depende do que o viajante está procurando em um albergue. Aí vão algumas impressões minhas de uns que ja fiquei.

AMÉRICA DO SUL:

Corumbá – Brasil
Corumbá Hostel Internacional (www.corumbahostel.com.br)– Simples, mas limpo e com um staff atencioso.

Cordoba – Argentina
Tango Hostel Internacional (www.latitudsurtrek.com.ar/Pag%20Tango%20in.htm) – Pequeno e com colchões um pouco antigos. Poderia ser um pouco mais limpo. Muito bom pra fazer amizades, pois o albergue tem um alto astral.

Mendoza – Argentina
Hostel Internacional Mendoza (http://www.hostelmendoza.net) – Boas acomodações. O albergue planeja várias atividades que parecem interessantes, apesar de eu não ter feito nenhuma com eles. Tem um bar anexo bom para tomar uma gelada.

Santiago – Chile
Hostal Rio Amazonas (Plaza Italia) (www.hostalrioamazonas.cl/) - Bom albergue. Bem limpo e com staff atencioso. Possui uma decoração bem bacana.

San Pedro de Atacama – Chile
Hostal Puritama – Boas acomodações. O dono é bem gente fina e quebra uns galhos. Nós deixamos nosso carro lá dentro do albergue por três dias, enquanto fomos para a Bolívia de excursão e pagamos bem barato por isso.

Puerto Iguazu – Argentina
The Hostel-Inn Iguazu Falls – Hostel bem espaçoso com uma grande piscina e campo de futebol.

Buenos Aires – Argentina
Milhouse (www.milhousehostel.com/) – Boas acomodações e muito bom pra conhecer pessoas, pois ele possui um bar que vive cheio. Cada dia tem um tipo de festa diferente por lá.

Portal Del Sur (http://www.portaldelsurba.com.ar/) – Boas acomodações e bem limpo. O albergue tem um bar bacana no terraço.

Bariloche – Argentina
Tango Inn Soho (www.tangoinn.com/) – Boas acomodações e bem limpo, mas um pouco afastado do centro.

Debora Garcia
Debora GarciaPermalinkResponder

O Milhouse é um dos party hostels mais conhecidos do mundo. São duas unidades: o Milhouse Avenue e o Milhouse Hipo, ambos no Centro de Buenos Aires. Já nos hospedamos no Avenue e no Hipo algumas vezes:

http://www.revistadeviagem.net/destinos/americas/argentina/buenos-aires/review-milhouse-hipo-buenos-aires/

http://www.revistadeviagem.net/destinos/americas/argentina/buenos-aires/review-milhouse-avenue-buenos-aires/

Renata
RenataPermalinkResponder

Vale guesthouse?
Tem uma em Lisboa maravilhosa!
Funciona assim: são quartos privativos mas o banheiro é coletivo e você pode usar a cozinha também. O café da manhã é maravilhoso.
www.lisbondreamsguesthouse.com

LuI
LuIPermalinkResponder

Em Portugal, na cidade de Aveiro, conhecida como a Veneza Portuguesa, recomendo um hostel inaugurado em 2009 –
o Aveiro Rossio Hostel-, fica um prédio histórico, situado na R. João Afonso de Aveiro 1,ás margens da ria e dos moliceiros, com TV de LCD nos apartamentos, wi-fi, sala com computadores e dvds e uma equipada cozinha que pode ser utilizada pelos hóspedes para fazer suas refeições.E ainda com um atendimento super simpático e gentil.

Jefferson
JeffersonPermalinkResponder

Eu sempre viajo sozinho e procuros os hostels mais pela possibilidade de confraternização do que pela possibilidade de pagar menos. Já estive em mais de 20 diferentes no Brasil - todos da HI Hostelling - e entre estes eu destaco:

Pipa Hostel, AJ Bonito, Paudimar Campestre (Foz do Iaguaçu) e o de Arraial d'Ajuda. Todos muito bem administrados, com um staff atencioso que te ajuda a circular pelos lugares da forma mais barata, excelente localização (mesmo o de Foz, que fica 'no meio do mato' é servido por uma linha de ônibus que facilita muito), café da manhã justo para os padrões de albergue e, principalmente, áreas coletivas extremamente agradáveis que facilitam - e muito! - a integração entre os hóspedes.

Agora, não recomendados? Talvez o do Recife, em Boa Viagem e o Solar das Pedras em São Luís do Maranhão. O primeiro tem quartos imensos, com mais de cinco beliches e com espaço mínimo entre uma cama e outra. Já o Solar é muito precário, em todos os sentidos. Só não registrei reclamação na época, pois achei que seria injustiça, afinal paguei míseros R$ 15 a diária... E como não viajo pra ficar o dia todo dentro de hostel, ele acabou servindo assim mesmo.

É isso.

Schnaider
SchnaiderPermalinkResponder

Oi Jefferson,

Eu reclamei do Solar das Pedras em Sao Luis mas a HI nao deu nem bola. Independente do valor que se paga, acredito q o minimo deveria ter p se cadastrar como Hostel na rede HI, qquer hotelzinho de beira de estrada tem mais estrutura que esse "Hostel".

Ana Paula Pinheiro

Nossa, eu tenho vários para recomendar, mas vou nas opções que fogem um pouco dos roteiros mais procurados:
- Suécia (Estocolmo) - City Backpackers - Upplandgatan 2a
- Noruega (Bergen) - Dorm.no - Long oscarsgt.44
- Noruega (oslo) - Anker Hostel - O ruim é que a cozinha fica dentro de quarto. Se pegar um porquinho vai ser péssimo. Não lembro se tem quarto duplo.
- Finlândia (Helsinque) - Euro Hostel. Qd fui só tinha quarto duplo. Um dos melhores albergues que já fiquei.
- Letônia (Riga) - Friendly Fun Franks Backpackers - Acho que é o albergue mais limpo que já fiquei. Muito bom!
- Rússia (Moscou) - Travellers Guest House. É simples, mas muito bem organizado. Para uma cidade onde tudo é caro acho que vale.

Não recomendo:
- Tallin - Old Town backpackers - Não é um albergue. Uma pessoa resolveu alugar o quarto e a sala dela e fala que aquilo é albergue.
- Russia (São Petersburgo) - Zimmer Freie. Reservamos quarto duplo. O lugar é velho e achei bem sujo

Vou procurar meus caderninhos com outras dicas. Ah, faço coro à recomendação do Danilo para Berlin: Meininger Central de Berlin
Abs

Edgar
EdgarPermalinkResponder

Aqui no Brasil para quem vai aos canyons gaúchos e preferir ficar do lado catarinense, em Praia Grande tem o Hostel Nativos do Canyon. O casal, dono do hostel, é muito simpático. O lugar é muito bem cuidado, limpo e organizado. Recomendo!

Gabriel Dias
Gabriel DiasPermalinkResponder

Recentemente fui visitar o Z.BRA, aqui no Leblon no Rio de Janeiro. Foi inaugurado no final de 2010 e é muito legal, bonito e moderno.
É uma mistura de hostel com hotel, pois existem quartos individuais. A localização é excelente.
Escrevi uma resenha sobre ele aqui: http://www.falandodeviagem.com.br/viewtopic.php?f=136&t=850

Paulo Gaeta
Paulo GaetaPermalinkResponder

Vou fazer duas recomendacoes, sao hostels em que eu estive recentemente.
1) O Momotown em Krakow na Polonia. Vale a pena pela localizacao, num
bairro que havia sido o bairro Judeu antes do nazismo e depois do filme "a Lista de Schilinder" ficou um bairro da moda em Krakow.
As meninas da recepcao sao muito simpaticas, todas falam otimo Ingles
(Polones eh dificilimo..., sao otimos em dar dicas de passeios, e fazem booking de tours por Aushwitz-Birkenau. Para se ir ao centro Antigo de Krakow deve-se pegar um onibus.

http://www.momotownhostel.com/

O StayOK em Amsterdam, fica em frente ao Vondelpark, tem otima infraestrutura, com otimo cafe-da-manha.

http://www.stayokay.com/

Neide
NeidePermalinkResponder

Em Kyoto tem um albergue enorme, limpo e novinho. Eu recomendo o Kyoto Utano Youth Hostel.
www.yh-kyoto.or.jp/utano/
Em Pequim recomendo o Beijing Jade International Youth Hostel,ele pode nao ser muito barato, mas é otimo.
www.xihuahotel.com

Ana Paula Pinheiro

Mais uma dica de hostel na Polônia: http://okidoki.pl/wp/lang/en/
cada quarto é decorado por um artista. Gostei muito!! Bom preço, staff ótimo e localização perfeita. tem quartos para casal, mas não muitos.

Barcelona eu fiquei no http://www.itacahostel.com Fica próximo à catedral. Gostei muito!

Juliana
JulianaPermalinkResponder

Recomendo MUITO o Wombats de Berlin.
Tudo ótimo. Quarto, localização, atendimento, preço etc etc etc.
Pra quem é um pouco mais chato (tipo eu), tem quartos privativos excelentes, com preços mto bons.

pam
pamPermalinkResponder

Ju

segui a sua dica e vou ficar lá em agosto. Você ficou quantos dias?
Vou ficar 4 noites, será dá pra conhecer bastante coisa?

abs

Daniel
DanielPermalinkResponder

Completando o comentário.

EUROPA:

Londres – Inglaterra
Generator Hostel (http://www.generatorhostels.com/en/london) – Grande e um pouco impessoal. Os banheiros são no corredor, mas são bem limpos. Possui um bar anexo, mas não é muito animado.

Amsterdã – Holanda
Flying Pig – Bem bacana. Os quartos não são nada demais, mas o bar do albergue fica aberto até mais tarde (depois que os bares da cidade fecharam).

Praga – Rep. Checa
Old Prague Hostel (http://www.oldpraguehostel.com/) – Limpo e simples. Bem próximo da praça central.

Cracóvia – Polônia
Hostel Flamingo (http://www.flamingo-hostel.com/) – Muito bem localizado (na praça central da cidade), mas os quartos poderiam ser um pouco mais limpos. Existem poucos banheiros por lá.

Budapeste – Hungria
Goat Hostel – Bem pequeno e acolhedor. O staff é muito bom e te ajuda bastante, além de criar um clima familiar no albergue.

Bratislava – Eslováquia
Blues Hostel (http://www.hostelblues.sk/) – Limpo e com quartos espaçosos.

Innsbruck – Áustria
Youth Hostel Innsbruck (http://www.youth-hostel-innsbruck.at/) – Grande, bem impessoal e longe do centro.

Munique – Alemanha
HI Munchen – City (http://www.hihostels.com/dba/hostels-M%C3%83%C2%BCnchen---City-022002.en.htm) – Grande, impessoal e longe do centro, mas perto do metrô.

Moscou – Rússia
Godzillas Hostel (http://godzillashostel.com/moscow/) – Limpo e bem organizado. O staff é o ponto forte desse albergue. Eles explicam muitas coisas sobre a cidade desde atrações turísticas a bares e boates.

São Petersburgo – Rússia
Soul Kitchen Hostel (http://www.soulkitchenhostel.com/) – Funciona num apartamento. É bem pequeno e apertado e só tem um banheiro. Poderia ser mais limpo.

Tallinn – Estônia
Tallinn Backpackers (http://www.tallinnbackpackers.com/) – Clima divertido e festivo. Limpo e aconchegante, mas possui poucos banheiros. Eles tem outro prédio, da mesma rede, mas nesse caso é uma porcaria!

Estocolmo – Suécia
Hostels by Nordic (http://www.hostelsbynordic.se/eng/index_eng.php) – Limpo e moderno. O staff da boas dicas da cidade.

Copenhagen - Dinamarca
City Public Hostel – (http://www.citypublichostel.dk/) – Apesar de grande, tem um clima amigável. Poderia ser um pouco mais limpo.

Karine
KarinePermalinkResponder

Já fiquei no Generator, é grande e impessoal mesmo, mas o quarto era limpo, os lençóis idem, e tinha locker. Os banheiros são limpos e tem o feminino e o masculino. O café da manhã, apesar de básico, é suficiente para o começo do dia. Não fui no bar. A maioria dos funcionários do albergue era simpática e prestativa.
O melhor é a localização, perto do British Museum e uma caminhada de 15min de Covent Garden.

Gian
GianPermalinkResponder

Concordo contigo que o Youth Hostel Innsbruck (http://www.youth-hostel-innsbruck.at/) é longe, mas é um ótimo local para se esquiar com preços baratissimos na Europa !

Já fiz duas vezes, fico 4 ou 5 dias, quarto de "casal" ( 2 camas ), passa um onibus gratuito todos os dias de manhã cedo para todas as estações de esqui nos arredores, vc vai e volta de graça !! Pode conhecer uma estação por dia !

Aí é só alugar o equipamento e curtir, imagina , esquiar pagando U$ 20 por noite !!!

Altamente recomendo, já passei Reveillon lá e foi muito bonito !

Saudações,

Nathália
NatháliaPermalinkResponder

RECOMENDO:

Em Amsterdam: Stayokay Vondelpark (http://www.stayokay.com/index.php?pageID=3207&hostelID=356022)
Esse eu recomendo sempre. O lugar é organizado, tem boa localização, tem um café da manhã que me surpreendeu, bem gostoso e diversificado, e o público é bem tranquilo, entram na concepção mais "hoteleira de albergue", digamos assim. Cheguei a dormir uma primeira noite em quarto dividido com desconhecidos e fiquei com uma velhinha no quarto, beeem tranquilo, heheh. É possível fazer quarto privativo, com banheiro provativo.

NÃO RECOMENDO:
Em Barcelona: Kabul Hostel (http://www.kabul.es/)
Não me entendam mal, eu sabia bem que a categoria desse albergue era "de farra". Tem bar no albergue, é farra quase que o dia inteiro, cheio de gente para conhecer e bla bla bla. É legal nesse ponto, a depender do que se está buscando. O problema é que não se preza por qualidade: banheiros limpos só 1 vez no dia, comida ruim, limpeza em geral ruim, atendimento horrendo (o staff acha que está sempre lidando com adolescentes bêbados) e segurança triste (eu já contei aqui no site o relato sobre o alemão de cueca que invadiu nosso quarto de madrugada- cuja tranca estava quebrada, mas ninguém fez esforço de consertar na mesma noite. O alemão estava hospedade no quarto ao lado e estava tão drogado que preferiu acreditar que nós éramos 4 loucos invasores no quarto dele! Huauauuaua, pelo menos tenho histórias pra contar). Enfim, não gostei e não recomendo.

Fábio G.
Fábio G.PermalinkResponder

Aos econômicos de plantão:

O HostelBookers esta ofertando alguns albergues com tarifas de 20 cents de euro.

http://pt.hostelbookers.com/oferta-albergues-baratos/

Mariana "de Toledo" _ @merel

Albergues que recomendo:

1) LAO HOSTEL - MENDOZA
Um dos melhores lugares em que já me hospedei, e isso incluindo pousadas, hotéis e casas de amigos smile
O staff é de uma gentileza e amabilidade sem igual, incluindo um pastor alemão chamado Astor, que é o cachorro mais bobão do mundo. As acomodações (quartos, banheiros, sala, cozinha) têm cara de "casa" de verdade, o que é um alívio para o mochileiro que já se incomoda com desconforto. smile As redes na varanda são uma delícia, e há até uma piscina (que não pude aproveitar, por ter ido no outono).
Dá para ir a pé da rodoviária ao albergue. Não há muito o que fazer no entorno, mas andando um pouco se chega a qualquer lugar. (Acho que nem peguei qualquer tipo de transporte, táxi ou ônibus, para me deslocar dentro da cidade).
Eles marcam passeios de toda ordem com companhias especializadas. Os dois passeios que fiz - uma cavalgada pelas montanhas e um tour por vinícolas - foram nota mil. Queria lembrar o nome da empresa que fez o tour de vinhos para recomendar aqui também, mas me foge à memória. A cabalgata foi com o Rincón de Los Oscuros.
Esta viagem foi uma das melhores que já fiz, e devo muito à estadia neste albergue.
Ah, e tem vinho grátis! mrgreen

2) CITY BACKPACKERS - ESTOCOLMO
Outro albergue que tem cara de "casa" - neste, não se pode nem circular com sapatos!
O City Backpackers é super aconchegante, limpinho, tem uma cozinha ótima e macarrão grátis todos os dias, o que é grande vantagem em uma cidade mais cara, como Estocolmo. E conforme manda a tradição sueca, tem sauna também, que pode ser agendada e paga ou então aproveitada for free em determinado horário do dia.
Também dá para descolar bicicletas sem pagar nada, para passear pela cidade.
Dá para ir a pé do terminal de ônibus. E tudo que conheci em Estocolmo consegui fazer a pé, de lá.

3) KABUL - BARCELONA
Em termos conforto e limpeza fica naquele esquema de "dá pro gasto", mas é o melhor albergue caso você seja um jovem mochileiro em busca de diversão. Na área comum só não faz amigos quem não quer, com cerveja em copos de meio litro, sinuca e grandes mesas para bater papo. Conheci gente querida que vai ficar para a vida toda.
A localização é bastante conveniente e a Plaça Reial, que fica em frente, é bem bonitona, com suas palmeiras. Dando sorte, dá pra conseguir um quarto com vista pra praça.
Cabe observar que para viajantes em busca de descanso esse é um albergue desrecomendadíssimo wink Mas, para os que têm vinte e poucos, ou conservam um espírito jovem, essa é a boa.

Carol Monterisi

Acabei de voltar de uma viagem pelo Nordeste. O que achei de alguns albergues no Brasil:

FORTALEZA - CEARÁ
O Albergaria Hostel tem um ambiente supergostoso e é ótimo para quem tá viajando sozinho. Além dos quartos coletivos, tem quartos mais confortáveis, com banheiro dentro e até ar-condicionado.

A localização é ok... Perto da praia de Iracema, mas não é na melhor faixa de areia. Apesar disso, com uma andada de 10 minutos dá pra chegar na melhor parte da praia...

SÃO LUIS - MARANHÃO
O Solar das Pedras faz parte da rede do Hostelling International e é o melhor em questão de preço. Além disso, é super bem localizado (fica no meio do centro histórico).

Em questão de conforto, não é nenhuma maravilha, mas dá pro gasto. A receptividade da equipe também não é das melhores...

BELÉM - PARÁ
O Hostel Amazônia tem um staff bem preparado e super solícito. Apesar de estar numa boa localização (em relação aos principais pontos turísticos), a região não tem nada muito próximo como opção noturna.

Conforto e limpeza são ok: nada de especial, mas nada que seja um problema!

Loraine
LorainePermalinkResponder

Hostel Suites Florida Buenos Aires: Nao gostei, o colchao do beliche era menor qua cama, se me mexesse, caia no estrado...Banheiro velho com a privada entupida! Os únicos pontos positivos foraam a localizaçao, facilidade para usar o telefone e internet. Café da manha regular. Nao ficaria lá novamente.

Lia
LiaPermalinkResponder

Em Madri: HOSTAL MIGUEL ÁNGEL. Não é pequeno e não é para quem está procurando festa, mas muito limpo e bem central.

Heloisa Ribeiro

Santiago, Chile
Andes Hostel - http://www.andeshostel.com/
Muito Bom! O staff é atencioso, quartos iluminados, ambientes limpos e jantar grátis uma vez por semana (você deve se inscrever com antecedência na recepção). O único porém é que eles cobram uma taxa se você paga no cartão de crédito ou em pesos chilenos.

Mariana B
Mariana BPermalinkResponder

Em 2007 fiquei em um quarto para casal no Wombat Hostel em Viena (tem em Munique e Berlim tb, mas não conheço)e achei ótimo. Super limpo, fácil de chegar, com acomodações simples, mas boas. Além de ter um bar muito legal com um enorme poster do Rio! Café da manhã pago a parte. Em 2006 fiquei no Stayokay Amsterdam Vondelpark e gostei muito também. Limpo, com funcionários super agradáveis e prestativos. Café da manhã pago a parte bem legal. Os quartos são simples, mas agradaram, sendo que a localização não poderia ser melhor em frente ao Vondelpark. Recomendo os dois.

Mariana B
Mariana BPermalinkResponder

Não recomendo o hostel que fiquei perto de Roma, Hostel Zagarolo - WIKI Hostel, pois quando fui (2006) a porta da recepção se fechava às 23h, ou seja, se você chegasse um pouco após... dormiria na rua... além disso, somente um funcionário que ficava na parte da manhã falava inglês. E, para terminar... o banheiro muito sujo! Um nojo! Detestei e fiquei com muito nojo da "limpeza" deles. Fora do "círculo" de Roma, ou seja, longe pacas!

JSOliveira
JSOliveiraPermalinkResponder

MONTEVIDEO - quem quiser o minimo de conforto, fuja do El Viajero Downtown, fiquei la em Fevereiro e definitivamente, nao gostei. O Staff pessimo, o colchao pior ainda. E se for entrar nos detalhes de higiene... Deus me livre!!!

Fábio G.
Fábio G.PermalinkResponder

Riq, confesso que fiquei feliz demais da conta com meu nominho aqui no post. Que to mostrando pra todo mundo smile
Abraços

Celina
CelinaPermalinkResponder

Meio atrasada, mas vamos lá

Edimburgo - Ousborne Hotel (mas eles se intitulam hostal, B&B e vale muito a pena. Banheiro dentro do quarto, camas confortáveis, aquecimento ok, chaleira, wifi.

Buenos Aires - Ayres Portenhos, em San Telmo, super colorido e temático,estilo albergue, com quarto privativo, pé direito enorme, e varanda o único senão é o banheiro, que é compartilhado (fora do quarto) e bem caidinho, computadores na recepção, sem wifi no quarto.

Estocolmo
Archipelago Hostel - Super recomendo, ótima localizaçao em Gamlastam, limpíssimo, banheiro compartilhado, staff simpatico e amigável (todos falam inglês), wifi e computador na recpeção.
Barcelona
Hotel Benidorm - simples, nas Ramblas, com balcãozinho, wifi, máquina de café na recepção, staff simpático, banheiro privativo.
Hostal Central - Ponto para a localização, na Ronda Universitat, limpeza diária, banheiro fora do quarto (para banho só pode até 10 da noite!), wifi não funcionou e ninguém sabia porquê. O pub quase ao lado do hostal é bem legal.

Madri
Stadmadri òtima - localização (mas tem que ser ninja para achar, pois fica num andar, num prédio comum, quarto limpo e cheiroso, wifi, banheiro privativo, recpção amigável. Como fica no primeiro andar, é um pouco barulhento (caminhão de lixo, gente passando na rua super tarde voltando da balada,etc)

Milão

Hotel lá Pace - Não chega a ser um hostal, mas é bem em conta para a cidade (especialmente durante a Milano Fashionweek, wifi,500m do metrô.

Roma
Casa del Arte -É um B&B, no mesmo esquema do de Madri, fica num andar de um prédio comum. Limpíssimo, cama confortável, 2 ruas de Termini, café da manhã (+-) no quarto, e para meu desespero, sem wifi.

Veneza

Casa San Andrea - o mais em conta (principalmente durante o carnaval) a dois passos da estação do Vaporeto, pertíssimo de Venesia St Lucia, wifi na recepção (mas depois de se tem a senha, pega no quarto, café da manhã, ótimo staff, e sim, dá para ir a pé a Piazza San Marco...

Paris

Absolute Hotel - também super recomendo para quem tem espírito jovem ou mochileiro, por que é uma mistura de albergue com hostal. Fica na République,quarto com banheiro, elevador, café da manhã (de alberque), computador e wifi na recepção, pessoal atencioso!

Londres

The Generator - eu nunca fiquei, mas um amigo de minha filha se hospedou lá e recomenda.

abços

Mapa de Londres

Em Londres: Abercorne House

Para quem quer um albergue barato (especialmente na weekly rate) e limpo (equipe de limpeza tá sempre perambulando pelos quartos para deixar tudo o mais ajeitado possível). Fica ali em Hammersmith, numa região bacana.

http://www.hostelworld.com/hosteldetails.php/Abercorn-House-Hostel/London/34216

Carol
CarolPermalinkResponder

Em Gramado, RS: Gramado Hostel
http://www.gramadohostel.com.br/

Como vi aqui que a experiência em um Hostel de Canela não foi muito boa, decidi contar da minha em Gramado que é bem pertinho e vale como opção.

Fomos em um grupo grande e nos surpreendemos em todos os sentidos. Tem quartos privados para grupos fechados com banheiro individual. Fiquei em um para 6 pessoas. O colchão tinha aquecedor, o que mesmo sem muito frio foi usado algumas vezes por acharmos td 'super legal e novo' hahahha.
Bem limpo, o café da manhã bom e bem servido, com vários bolos, e misto quente que faziam na hora.
Tinha uma sala em que os alberguistas podem se conhecer e trocar informações valiosas. Além disso o preço é bem mais em conta do que a maioria de gramado/canela.
Experiência muito agradável, voltaria com certeza. =)

Carol
CarolPermalinkResponder

Ah esqueci de dizer.
Ele fica na rua do Bill Bar, em uma das noites voltamos de lá andando. De resto não sei ao certo dizer se a localização é das melhores, pq as atrações das duas cidades ficam bem espalhadas.

Elvira
ElviraPermalinkResponder

Alguém ficou no Hostel Suites Palermo? Alguma consideração a respeito?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Alô, Elvira! Os hostels resenhados pelos leitores do site estão aqui: https://www.viajenaviagem.com/2011/04/albergues-hostels-pelo-mundo-os-relatos-dos-leitores/

Aline Souza
Aline SouzaPermalinkResponder

Eu me hospedei recentemente no Hostel Suites Folida, na Argentina e recomendo, é muito bom.
Aproveito para dizer que estou fazendo um trabalho sobre Albergues/hostel e conheci alguns.
O hostel Vergueiro em São Paulo é bem simples mas o atendimento é ótimo. O Gol BackPackers é todo temático e o assunto é Futebol, fica proximo a Av. Paulista é muito bom também.
Um que não recomendo é o Hostel Sol na Argentina. A recepção foi péssima e o quarto estava sujo, fedido e o ventilador de teto quase não funciona. Sem contar que os armários estavam quebrados e os computares também não funcionavam.

Stéfano Fiúza

Porto:
Dixo's Oporto Hostel - Maravilhoso, donos (familia Dixo: pai, mãe, filho e filha) super atenciosos, foram no mercado e compraram vinhos, cerveja e ingredientes para cozinhar pra gente! No final, rachamos a conta e deu uns 3 euros pra cada, com MT coisa boa e típica... Fado no café da manhã (que é simples e bem gostosinho) cantado pela arrumadeira, que nem deixa a gente lavar louça! Cama ótima, locker grande embaixo, com td incluido (internet, lençois, toalhas). Banheiros ótimos tb.
Pra vcs terem mais uma idéia dos amores que são os donos, eu comentei com eles sobre os vinhos Fiúza (meu sobrenome) no último dos meus 2 dias lá. Uns dias depois recebo no Facebook uma foto deles bebendo vinho, com uma garrafa Fiúza do lado. Pessoas incríveis... Hospedes mt gente fina tb!

Lisboa:
Traveller's House - Também maravilhoso (mesmo nível e mesmo esquema do Dixo's). Acho que o Dixo's vai brigar por este primeiro lugar do Traveller's, embora o Traveller's faça por onde. Equipe também muito atenciosa, demais. Hospedes tb gente boa! Destaque para a senhorinha gente boa q faz omelette no café e para a geléia de frutas vermelhas maravilhosa! E tb para a Wine Night (deguste uns 10 vinhos por uns 5 euros). Pub crawl não curti tanto.

Madrid:
Los Amigos Sol Backpackers - Triste, literalmente. Se vc quer uma cama pra dormir e meditar o resto do dia, até vai. Fora isso, não há área comum pra bater papo com os outros hospedes (ok, há 2 sofás em um espaço de 4m²). Os hospetes todos pareciam autistas, juro. Não sei pq, mas se salvavam 2 pessoas q eram mt legais. O resto parecia vir de Marte. Ou seja, um hostel solitário ainda mais pra qm viajou sozinho (eu). Sem programas noturnos, sem dicas de nada, cobram por TUDO (depósito, cadeados pros "lockers - que não tem locks", água, uso do computador, toalhas...) e só fazem o estritamente necessário, não tem vontade de te ajudar e talz... Sinceramente, deprimente.

Sevilla:
Garden Backpackers - Ótimo, quase tão bom quanto os de Portugal, só que não tem programas tão legais assim. Gente legal no albergue, equipe também ótima e atenciosa, todo dia eles fazem um balde de cidra pra gente heheheh. Camas e banheiros ótimos, lockers pequenos: apenas cabe sua carteira, passaporte, etc...

Tudo eu reservei pelo Hostelworld.com

Todos são muito bem localizados =)

Espero ter ajudado!

Lilian
LilianPermalinkResponder

Em Colônia, na Alemanha, indico:
http://www.jugendherberge.de/jh/rheinland/koeln-riehl/?m

Preço de Hostel, qualidade de HOTEL!
Fiquei com meu irmão em 2003 lá... Quarto duplo com banheiro privativo, roupa de cama e banho, café da manhã incrível.
Um pouco distante do centro, mas às margens do Rio Reno... A cidade é incrivelmente linda! Vale super a pena!

Camila
CamilaPermalinkResponder

Buenos Aires:
Milhouse (Avenue) - É o mais novo dos Milhouses e eu achei excelente, com uma estrutura ótima e pessoal atencioso, café incluso e os Milhouses revezam as festas de aquecimento para as baladas, que eles vendem por lá tbm. Eles também vendem passeios pela cidade e possui serviço de transfer pago, tem uma estação de metrô bem perto, e um supermercado nem tão perto, mas chegavel. Agora, bem ou mal, 80% dos hóspedes são brasileiros, eu achei ótimo, mas tem gente que não gosta, então, fica a dica.

Florianópolis:
Submarino Hostel - É uma casa, então, não é muito grande, mas é muito bom hostel. Ele fica na Lagoa da Conceição e tem pontos de ônibus perto, o grande problema é que em Floripa não da para ir a pé para os lugares e a idéia de transpote público deles é bem estranha. O hostel também agita umas baladas, colocando o nome do pessoal na lista. O pessoal que cuida de lá é muito gente boa e te ajudam em muita coisa. O problema é o de sempre em hostels: o banheiro. Esistem 3 e acredito que o hostel comporta umas 24 pessoas, então, antes de balada, mulheres tomando conta de tudo, inclusive a senhorita aqui smile, de resto, fica a dica!

Greice Botechia

Recomendo!!!!

Roma
Alessandro Downtown
http://www.hostelsalessandro.com/
Bons quartos (quartos matrimoniais- com banheiro)muito perto do termini

Firenze
Plus
http://www.plushostels.com/
Ótimo!! mas sem café

Joice Oliver
Joice OliverPermalinkResponder

BUENOS AIRES: Puerto Limon Hostel http://www.puertolimonhostel.com/ É SIMPLESMENTE ÓÓÓÓÓÓTIMO! os donos são dois jovens super, superbacanas, o staff é ma.ra.vi.lho.so o queridíssimo, agitadíssimo, OOOOOOOOOOOOscar =) até ano passado ele estava por lá... Estar no Puerto Limon é como está em casa recebendo os amigos praquele bate-papo... A sala é bem ampla, bem bolada, em termos de arquitetura, pra interagir com as pessoas...A cozinha é bem espaçosa, as camas são bem confortáveis, existe dormitórios compartilhados sem banheiro pra 4/8 pessoas (Atenção Barbies Girls: É TUDO MISTURADO!) também tem a opção de quarto pra 4 pessoas com banheiro privativo, e outras opções com um custo maior, pra quem tem pouca grana, a 1ª opção sai a R$ 20,00 per person, os banheiros são bem bonitos e limpos, tem um sistema de aquecimento bem eficiente, .... o café da manhã... Gente quê que é isso!É uma DELÍCIA, tem muita coisa e sem essa de limitações... que saudade do DULCE DE LECHE! Além disso o hostel tem uma decoração bem legal, feita pelos próprios donos; usaram objetos de lojas de antiguidade e ficou tudo SHOW DE BOLA! Em especial umas janelas que estão expostas na parede, com uma pintura envelhecida, pra mim é pura arte, e tem toda uma simbologia maravilhosa que casa perfeitamente com o tipo de pessoas que se hospedam lá. São, pra mim, como: "Os olhos de um viajante".... A localização é boa também, fica no Bairro de San Telmo perto da tão popular feira de domingo de San Telmo, perto de puerto madero, de ponto de bus, metrô, de vários PUBs bacanas (gente é muito agitado esse pedaço!), tem um restaurante ótimo estilo chinês na Calle Peru, muito bom!

P.S: Carol Monterisi, Belém fica no norte, não é nordeste wink

Marina
MarinaPermalinkResponder

Adorei o Manaus Hostel Trip Tour,é uma casa pink colonial bem perto do Teatro Amazonas. Ambiente acolhedor, familiar, no centro historico de Manaus.
O site é www.manaushostel.com.br

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar