#Linkódromo | 7 horas no Panamá, no Aquela Passagem

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Eclusa de Miraflores. Foto: Rodrigo Purisch

Com o aumento das viagens dos  brasileiros com conexão no Panamá, muita gente pergunta o que fazer durante as horas de conexão. Ficar no aeroporto e aproveitar o free shop? Sair do aeroporto e fazer compras no shopping Albrook? Ir ao Canal do Panamá?

Muitos leitores já compartilharam dicas e experiências neste post.

Mas agora há pouco o Rodrigo Purisch do indispensável Aquela Passagem publicou um post-levantamento, detalhando todas as possibilidades. E o que é melhor: complementando com a experiência que ele teve a partir da alternativa que escolheu (tratar um táxi e percorrer um roteiro definido por ele).

Visite o Aquela Passagem, conheça as possibilidades e tome a decisão que melhor se encaixa no seu tempo de conexão e no seu objetivo de viagem.

Foto: eclusa de Miraflores, por Rodrigo Purisch

Leia:

#Linkódromo | Dicas para quem vai fazer uma conexão longa no Panamá, por Rodrigo Purisch

#Linkódromo |Panamá: como é o aeroporto Tocumen, por Rodrigo Purisch

70 comentários

Fernando Piracicaba

Se eu tivesse grana para uma nova empreeitada eu reuniria Ricardo Freire e Rodrigo Purisch em uma RTW. Sucesso total em se tratando de viagens e passagens.

Milton Lucio
Milton LucioPermalinkResponder

Uma trip report de volta ao mundo com as dicas e truques desta dupla seria imbativel... Os dois melhores blogs de viagem reunidos numa empreitada mundial!!!
Renderia ate um documentario na National Geographic ou no Discovery channel !!!!
Parabens ao Ricardo & Rodrigo pelo excelente trabalho em seus blogs!

Fernando Piracicaba

Posteriormente teriamos um programa exclusivo na TV paga apresentado pelos dois. smile
Aí Constantino, está afim de patrocinar?

Luiz Jr. (Blog Boa Viagem)

Viajei um dia depois do post do Rodrigo com uma conexao gigantesca de 11 horas no PAnama! Parece ate que o post dele foi escrito para mim! Consegui sair do aeroporto, peguei um shuttle para um shopping totalmente gratis oferecido pela Copa Airlines e de la de taxi rumei a PAnama Viejo. Valeu muito a pena, mal espero por chegar em casa para poder compartilhar as experiencias!

Andrea
AndreaPermalinkResponder

Luiz, estou indo ao Panamá na próxima semana com uma conexão de 11 horas com a Copa também. Eles ficaram com a sua bagagem, ou você teve que retirá-la? Obrigada, Andréa

Caio
CaioPermalinkResponder

Já fiz essa conexão e realmente é um tour que surpreende bastante!
Vale a pena conhecer o canal e dar uma volta na cidade, nas proximidades da casa do presidente e também perto das marinas super refinadas com restaurantes na beira do mar.

Rodrigo Purisch

Fernando, Milton e Luiz,

Obrigado pelos elogios! Mas devemos lembrar que o Aquela Passagem nasceu inspirado no Viaje na Viagem. Não domino essa coisa toda como o Riq, só tento dar meu pulinhos...rsrs

Eu realmente acredito que até uma longa conexão dá uma boa viagem.

Espero que o post contribua para que as pessoas possam aproveitar o que a princípio poderia parecer uma roubada, uma longa conexão.

Ao Riq, um abraço!

Rafael Carvalho

Oi pessoal, acabei de chegar das férias pela Colômbia, Equador e Panamá e tenho boas dicas pra quem quer visitar a Cidade do Panamá. Segue o link pra vocês:

Panamá além dos shoppings: ao ar livre
http://essemundoenosso.wordpress.com/2011/06/14/cidade-do-panama-alem-dos-shoppings-ao-ar-livre/

E tudo sobre compras na Cidade do Panamá
http://essemundoenosso.wordpress.com/2011/06/17/dicas-de-compras-no-panama/

Espero ter ajudado, abraços

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Estes depoimentos do Rodrigo estão ótimos !
Dá pra fazer mais de um plano e usar o que for mais conveniente
após o desembarque ( sim, pq a gente nunca sabe qual o estado em que vamos nos encontrar após um voo na fish-class eekops: )

Letícia
LetíciaPermalinkResponder

Rodrigo,

com as suas dicas a nossa estada no Panamá acabou sendo nota 10. Estávamos indo para Toronto e teríamos que esperar umas 6 horas no aeroporto, fizemos o tour e assistimos ã operação de dois navios no canal. Na volta, como a conexão era só de 3 horas, acabamos indo ao shopping, outra dica que tivemos aqui. Super valeu!!!

Zuma
ZumaPermalinkResponder

Olá estou indo para o Panamá em Setembro gostaria de pitago de hotel casino no panamá.
Grata.
Zuma

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Zuma! Vamos colocar a sua pergunta no Perguntódromo, vamos ver se o pessoal sabe grin

Marilia Marconi

Oi, Zuma!
Eu fiquei em 2009 no Hotel El Panamá, que tem casino. O hotel é bom, reformado, os quartos são confortáveis. Não sei avaliar o casino, não tenho parâmetro nenhum para isso! smile Mas estava bem cheio na noite em que fomos lá dar uma conferidinha, e parece que tem uma parte que vira boate, acho que tem umas festas nos finais de semana, ou algo do gênero.

Zuma
ZumaPermalinkResponder

Oi,Marilia
Obrigada vou dar uma olhada.
Bjsss s

OFS
OFSPermalinkResponder

Sem cassino e estando com carro alugado, recomendo o Radisson Summit Golf & Resort. Hotel muito novo, excelent!

Mônica Coelho

Oi. Recomendo o Radisson Decapólis. Estive lá em 2007, e o hotel era novíssimo, tinha uma passarela que ligava ao cassino e um sushi-bar-lounge excelente! E ainda uma vista maravilhosa. Ah...ia me esquecendo do spa que é espetacular!

Bernard Jean Braun

Acabei de voltar de NY, voando pela COPA AIRLINES. Saímos de Bsb na madrugada do dia 04 de Setembro, e regressamos no dia 15/09. Minha primeira impressão ao entrar no avião da COPA é que definitavamente trata-se de uma companhia boa, com algumas limitações, mas que cumpre a risca o que se está pagando. Ou seja, o transporte do passageiro e de sua mala!
No voo de Bsb para a Cidade do Panamá, gastamos aproximadamente 5:40 hrs, e correu tudo tranquilo. Foi servido café da manhã, e um almoço relativamente bom. De 0 a 10, classifico o atendimento dos comissários de bordo uma nota 7. Apesar de não falarem português, em todos os nossos voos eles foram gentis e solicitos quando precisou. Seja para tentar arrumar uma manta, ou para buscar um copo de agua. O assento do avião realmente é algo muito pequeno. Tenho 1,89 de altura, e me senti algumas vezes bastante desconfortável, mas nada que tirasse a alegria por ter pago R$1304,00 na passagem de ida e volta para NY. A poltrona que fica na janela, é consideralvamente mais confortavel que a do meio, e a do corredor. Chegando no Panamá, eu e meu primo sentimos um pouco de desconforto na hora da descida. Apesar de ser bem bonito a paisagem, visualizando centenas de navios chegando no Canal, a sensação que tínhamos era que o avião não estava tão bem pressurizado. Resultado: Senti fortes dores de cabeça, ouvido zunindo, e um pouco de tonteira. Mas tudo bem…
Ao desembarcar, é tudo muito simples. Não existe nenhuma burocracia!
Você sai do avião, e imediatamente já sai num corredor com alguns pontos de alimentação e inúmeras lojas de Free Shop. Achei os preços bacana, mas como minha escala na ida era de 8 hrs, preferi pegar um táxi e passar o dia num shopping que se chama Albrook Mall. E assim foi feito! Saimos da era de embarque e desembarque, descemos para imigração onde preechemos um papel simples, e saímos para rua. Detalhe: NENHUM MOMENTO foi solicitado comprovante da vacina de Febre Amarela. Mas… Caso pedissem, estava dentro da carteira. Pegamos um táxi, e combinamos o valor total de 50 dolares pelo trajeto Aeroporto x Albrook, ida e volta. O trajeto até esse shopping é legal, com muitas variações de paisagem. O trânsito é hiper super complicado, e eu recomendo um milhão de vezes: NÃÃÃO ALUGUE UM CARRO, pois você vai se perder. Ao chegar nesse shopping encontramos preços maravilhosos (alguns até mais barato que nos EUA). Tênis nike que aqui custa 500 reais, paguei na media de 50 a 80 dolares. Camisetas para homem da Ecko, por 9,99 dolares. Calça Levis 24,99 dolares. Bonés Puma 9,99 dolares. Chuteiras F50 ou nike (igual a que Neymar usa) por 79,00 dolares tinha em todo lugar. Achei fantástico, e nesse shiopping ficamos por umas 4 hrs e gastamos cerca de mil doláres. Ao voltar pro Aeroporto foi bem tranquilo o trajeto, principalmente por se tratar de um domingo. As ruas são bastante policiadas e existe inúmeros radares. Chegamos no aeroporto, entramos na fila para embarque internacional e tivemos que tirar tenis, meia, cinto, relogio, etc.. Feito isso, entramos de novo na area de embarque e desembarque, sem problemas! Fomos para praça de alimentação, e algum tempo depois embarcamos para NY. Ao entrar nesse avião, que é bem maior do que faz o trajeto Brasil x Panamá, a diferença é monstruosa! Esse já um avião maior, mais confortável, e com o interior bastante moderno. Fizemos um voo tranquilo de aproximadamente 5 hrs, e chegamos em NY de madrugada. A imigração foi coisa simples, e não vi nenhum caso de mala extraviada ou roubada.
Ficamos 10 dias na cidade de NY, e compramos tudo que podíamos e o que não podíamos. Fiquei muito, mas muitoooooooooooo preocupado com a volta. Não saberia qual seria minha reação, se depois de tanta pexincha (fui em todos os outlets de NY) e tanta compra legal, se minha mala fosse extraviada, o que eu faria? Afinal de contas, não queria nenhum dinheiro do mundo para sanar esse problema, queria TODOS meus pertences chegando são e salvos. Pois bem, 1 dia antes da volta compramos cadeados aprovados pelo TSA, e fizemos nossas malas atentando ao peso de 2 malas por pessoa de 32 kg no máximo cada, e uma de mão de 10 kg. Assim foi feito, nenhuma mala excedeu esse peso e fomos para o aeroporto. Logo no check in, o cara pesa mala por mala que vai despachar, mas não pesou e nem perguntou sobre malas de mão. Vi que ele tinha alguns lacres na mesa dele, e além do cadeado, colocamos tbm esse lacre! Entregamos as malas para ele, ele informou que retiraríamos as malas somente em Bsb, e após isso o jeito foi rezar! O voo de volta Ny x Panamá foi tranquilo.. Deviam caber umas 160 pessoas no aviaão, confesso que não tinha nem 70! Ou seja, minha impressão é que todos querem ir para EUA , mas nem todos voltam… O atendimento foi bom, foram servidos café da manhã e almoço, mas nada muito especial que merecesse comentário. Chegamos no Panamá, e como nosso tempo de conexão era somente 4 hrs, decidimos ficar no aeroporto. Na hora de embarcar para Bsb percebemos que o voo seria lotado, visto a quantidade de gente na porta do nosso ‘gate’. Entramos sem nenhum problema na aeronave, e percebi realmente a falta de bom senso de várias pessoas com relação a malas de mão. Vi malas exageradamente grandes, e outras que mal cabiam no bagageiro interno. Como fomos um dos primeiros a entrar, percebemos a movimentação dos funcionários colocando as mala despachas. Ficamos apreensivos e rezando para que todas fossem colocadadas. Ao embarcar, eles te pedem para escolher qual das duas malas será prioritária. Um ponto a se destacar é que os funcionários tanto do aeroporto do Panamá quanto de NY, eles não tem o mínimo zelo pelas malas dos passageiros. Jogam , viram, puxam… Não estão nem aí ! Parecem que estão fazendo aquilo de graça, e sem o menor cuidado ou entusiasmo. Pois bem… Para nossa sorte, todas as malas foram colocadas no avião, e o avião veio com 95% de lotação dos passageiros. Esse aviao era antigo, mas nada que atrapalhasse a vontade de chegar em ksa são e salvo! Foi servido lanche, bebidas, jantar e um outro lanche quase na hora de pousar. Chegamos em Brasilia as 02;40 da madrugada do dia 16 de Setembro, passamos pela Policia Federal e resgatamos nossas malas são e salvas, tão como despachamos. Não consigo achar palavras para descrever como fiquei alegre e contente naquele modelo. Pelo que vi, nenhum passageiro ficou com bagagem para trás e/ou teve seus pertences roubados. Para completar minha alegria, no tinha 1 funcionário na receita federal e este por sua vez, estava com uma cara de sono que liberou TODOS sem olhar nenhuma mala. Ou seja, ninguém declarou nada, e ninguém ficou enroscado ou teve que pagar imposto! Chegamos em Casa , e constatamos que realmente NINGUÉM mexeu nas malas. O único ponto a se destacar é que algumas malas vieram com pequenos arranhões e alguns amassados, mas coisa natural de qualquer viagem.
Minha impressão sobre a COPA?
É uma empresa honesta naquilo que se propõe a fazer. Não achei que a comida fosse ruim, e o atendimento a bordo confesso que foi melhor do que eu esperava. Foram muito pontuais nos 4 voos, e apesar da falta de conforto, chegamos bem e com todas os pertences. Que é isso que importa. Vi pessoas dentro do avião reclamando do espaço e vi outras reclamando de alguns passageiros espaçosos. Mas na minha opinião, se voce pretende viajar despreocupado, sem nenhum probleminha, sem nenhuma dor de cabeça e com conforto, compre Air Canada ou Fly Emirates!
Fiquei satisfeito com a COPA, indico a quem estiver em dúvida, e agradeço muito a Deus por não ter tido minhas coisas extraviadas. Talvez seja sorte… Mas é sempre útil você LACRAR sua mala da melhor maneira possivel, e colocar identificação nela caso haja algum imprevisto.
Detalhe: No voo de volta, sobrevoando as Bahamas, a visão é simplesmentes E-S-P-E-T-A-C-U-L-A-R !!!

Valeu!
Para quem quiser ver como foi minha aventura.. Segue:
http://www.facebook.com/media/set/?set=a.247474525291854.60974.100000879258287&l=64c943fbb9&type=1

Marcel
MarcelPermalinkResponder

Olá a todos...
Tentei achar um caso como esse em algum tópico aqui do site mas não encontrei, então resolvi escrever.
Eu e minha namorada estamos indo para Punta Cana no final de Setembro... na volta, faremos escala no Panamá onde ficaremos por cerca de 8 horas.

Quando chegarmos no Panamá não pegaremos nossas malas, certo? Já serão despachadas diretamente pela companhia (COPA)...
Como ficaremos 8 horas lá, iremos dar um pulo no Albrook Mall para fazer algumas compras..

A minha principal duvida é:
Conseguiremos despachar uma outra mala no embarque para o Brasil? é preciso pagar algo a mais? ou só podemos seguir com a bagagem de mão? qual o limite para bagagem de mão?

Obrigado.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Marcel , o atendimento por telefone da Copa é excelente.
Ligue e faça suas perguntas com seu código de reserva em mãos.
No meu voo com a Copa , o limite para a bagagem de maõ foi de 10kg,mas lembre-se q as regras para liquidos são super rígidas lá.
Bem no meio do aeroporto tem um depósito de bagagem e podes deixar lá o que quiseres ( o preço tb é razoável).
Verifica se vais receber o cartão de embarque do Panamá para o Brasil quando saires de Punta Cana ; com este papel na mão , saia do aeroporto e apresente o cartão para embarcar 2 horas antes do teu voo pra o Brasil ( costuma ser demorado tudo por lá).
Se fores olhar o free shop pense em chegar 3,30h antes.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

Ah .. podes tb fazer o web check-in que facilita muito todo o processo e já sais com os dois cartões de embarque.
É necessário imprimí-los com o código de barras legível.

Marcel
MarcelPermalinkResponder

Muito obrigado pelas dicas Sylvia, mas liguei la e falei pelo chat, em ambos os atendentes ficaram em duvida, nao souberam dar a resposta exata... pediram para verificar no aeroporto... enfim, vou na cara e na coragem, se as malas desembarcarem conosco, despacharei outra mala com as compras que fizer qdo for fazer o check-in... se nao desembarcarem, tentarei embarcar com uma mala maior de mão mesmo...

Outra duvida, sabem se precisa de algum tipo de visto ou vacina? Liguei no consulado aqui no Brasil e me falaram que tenho que ir até o consulado e pagar 30,00 por uma "tarjeta de turista", é verdade? e falaram que nao precisa de vacina.

Obrigado.

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

A bagagem é despachada até teu destino final, se tiveres os dois cartões de embarque em mãos .
Se vais fazer compras,use bagagem de mao apenas para o segundo trecho, lembrando da lista de itens proibidos.

Nao sei nada sobre tarjeta turista e
nao me pediram vacina ,mas ela esta sempre atualizada e grampeada no passaporte.

ALESSANDRA
ALESSANDRAPermalinkResponder

Olá!!
Meu voo chega no Panamá as 10h14 e embarco no das 21h28. Com este tempo de conexão dá tempo de ir até o Albrook Mall. Tem transfer free?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alessandra! Você vai ter que pegar um táxi ou van.

Claudio Correa

Boa tarde, estou com algumas dúvidas, vou fazer um escala gigantesca na Cidade do Panamá, chego as 20:00 de um dia e saio às 15:00 do outro dia, inclusive já reservei o hotel... As dúvidas:
1. Como é escala, a princípio não precisarei retirar a bagagem despachada no destino de origem, é isso?
2. É preciso pagar alguma taxa de aeroporto novamente?
3. Como fica a questão das vacinas?
4. Estou pensando em fazer um "mini city tour" das 08:00 às 13:00, é factível??
Valeu desde já pessoal.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Claudio! Quando o vôo de conexão é no dia seguinte, a Copa requer que a bagagem seja retirada e haja outro check-in no dia seguinte. A taxa de aeroporto já deve estar incluída no sua passagem.

Teoricamente é necessária vacina contra febre amarela para ir ao Panamá. Faça e desencane disso por 10 anos.

https://www.viajenaviagem.com/2010/07/vacina-contra-febre-amarela-nao-espere-ate-precisar/

Leia o post com atenção; você verá que é possível fazer city-tour nesse período, sim.

Claudio Correa

Obrigado pelas informações! Abraço

Marcos
MarcosPermalinkResponder

Tenho uma conexão de 4 horas no Panamá em breve e queria saber se os preços do duty free do aeroporto são compatíveis com os do Paraguai ou Miami. Com 4 horas, será que vale mais a pena ir ao Allbrook Mall?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcos! Com quatro horas, fique no aeroporto.

Os preços serão compatíves com o Paraguai. Miami vai ganhar sempre de qualquer lugar.

Glauber Campos

Boa Noite!
Galera no dia 09/03/12 terei uma conexao de um dia para o outro no panama para retornar a Belo Horizonte?
Tipo chego as 9:30 PM e meu voo no outro dia é as 15:30 PM

Terei de retirar minha bagagem total? E isso que li ai em cima?
Alguem pode me indicar hotel barato e proximo ao aeroporto ou dormir no aero é complicado ne???
O ruim que estou indo viajar sozinho....

Alguem pode me ajudar????

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Glauber! A informação que temos é essa que demos, mas sempre é bom confirmar com a cia. aérea.

Dormir no aeroporto não é uma idéia que a gente recomende. Sobretudo com malas.

No seu caso o mais interessante seria dormir na cidade. Você ainda teria a manhã para passear no centro histórico.

Leia mais:
https://www.viajenaviagem.com/category/panama

STÉPHANIE
STÉPHANIEPermalinkResponder

Boa Tarde,

Estou indo amanhã para Punta Cana e no retorno tenho uma escala de 7hs no Panamá, a minha dúvidas é se neste tempo consigo ir al Albrrok Mall e fazer o passeio no Canal Panamá. E quanto tempo demora este passeio no Panamá.

Me ajudem!!!

abraços!

Itamar
ItamarPermalinkResponder

Boa noite!

Em junho irei para Punta Cana e farei uma conexão de 12 horas no Panamá, quero aproveitar e conhecer a cidade, no aeroporto do Panamá há algum lugar que posso guardar as malas??

valeu!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Itamar e Stéphanie! Cliquem nos links para ver as sugestões do Rodrigo wink

Rossi
RossiPermalinkResponder

Oi, boa tarde Bóia e todos(as) que puderem ajudar.

Farei uma conexão no Panamá em um sábado das 17h30 até 21h30.

Com este intervalo de tempo, é possível fazer algo ou é arriscado sair do aeroporto. Tenho receio do transito local em se tratando de um fim-de-semana.

Muito obrigado desde já.

Rossi e família

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rossi! Pode não parecer, mas é um intervalo muito curto para sair e passear. Entenda por que: https://www.viajenaviagem.com/2012/01/intervalo-entre-voos/

Rossi
RossiPermalinkResponder

Obrigado, Bóia. Você! Como sempre, super atenciosa. Obrigado! Rossi e família.

Fabio Jean
Fabio JeanPermalinkResponder

Prezados amigos, irei viajar para Punta Cana no mes de Junho. O meu vou de ida sera curto com relação a escala, mais o de volta terei em torno de 7 hoars no aeroporto. Gostaria de saber se com esse tepo consigo sair do Aeroporto para ir ate o shopping para fazer comprar e se o preço e melhor do que compar no proprio aeroporto. Com relação a vacina e nescessario ou não? Mais uma vez fico muito grato pela atenção. Um grande abraço a todos.

Fabio Jean

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabio! É possível ir ao shopping. Pegue um táxi no aeroporto.

Adriana Ghiraldelli

Oi,
Sou Adriana, mineira e moro em San Blas já há 2 anos.
Chegamos no nosso veleiro, eu e meu marido Eduardo e percebemos que esse lugar é unico no mundo. Nao sabemos até quando o capitalismo selvagem e o turismo de massa demorarao para tomar conta desse paraiso, vamos ficar por aqui até lá.

Intocado, surreal, absolutamente natural e para poucos, no sentido que nao é muita gente que conhece ou se aventura a chegar até KUNA YALA ( nome de San Blas em lingua kuna). Territorio indigena, autonomo, parque natural protegido, mais de 400 ilhas, de basicamente 3 tipos: ilhas-aldeias, ilhas onde vivem uma ou 2 familias e ilhas completamente desertas... o mar é esse da foto, calor o ano inteiro, chove um pouco mais em dezembro.
Nós recebemos curiosos, viajantes aventureiros no nosso lindo veleiro e tentamos mostrar a cara mais bonita do nosso esconderijo.
Caso alguem se interesse:
www.animamare.com
FGacebook: Anima Mare
...e benvindos a bordo!

Cristiano
CristianoPermalinkResponder

Estive no Panamá em agosto/2012 para uma conexão de 7 horas. O que mais me preocupava em fazer um city tour era a escolha do taxista. Mandei e-mail para o tal do Sr. Orvile (indicado em um dos blogs), mas ele não podia no dia que eu pretendia.
Pois bem, chegando lá fui (não pediram o cartão de vacina, nem perguntaram nada sobre isso) direto ao posto de informações turísticas e fui abordado por uns 3 agenciadores de taxi. O cara do posto de informações me informou que, para o que eu queria, liberdade de trânsito e horários, era melhor pegar um taxi mesmo, pois nao haviam onibus de turismo direto para as eclusas naquele horário.
Escolhi um lá pela cara, um rapaz novinho, mas depois vim a saber que era apenas o agenciador.
Eu estava com meus pais e minha namorada. Fomos colocar as malas de mão no depósito de bagagens do aeroporto (5 dólares cada volume) e depois me dirigi ao rapaz, que me apresentou ao motorista, Alex Jarquin.
Alex é um cara de uns 30 anos e é muito gente boa. Passa confiança desde o primeiro contato. É casado e tinha sido pai há poucos dias. Seu carro é um tucson novinho (dois meses de uso), acho que é o modelo do sportage novo do Brasil.
Ele havia nos cobrado 80 dólares para rodar 4 horas e tudo saiu conforme o combinado. Ele ainda ia explicando os lugares por onde passávamos. No Amador Causeway há um freeshop na última ilha e ele nos deu um cartão que obtivemos um desconto extra nas compras.
Enfim, pedi os dados dele e indico de olhos fechados esse motorista (não é taxista porque o carro dele é um carro comum, de passeio, não é taxi): Alex Jarquin, telefone: 507-6267-6619, BBM-PIN 2965B53C, e-mail: alexjarquin68@hotmail.com. Ele disse que tem facebook também.
Fica a dica.
Abs.

Adriana Ghiraldelli

Sou Adriana do catamaran Anima Mare.
Eu e meu marido vivemos em nosso catamarn em San Blas, Panamá há 3 anos e fazemos charters com quem se interessa em conhecer esse paraiso com conforto e total indepencia...
Recomendo visitar o nosso site:
www.animamare.com e o nosso Facebook: Anima Mare
pra vc saber o que fazemos, quem somos, saber de San Blas e de como passamos nossos dias aqui no paraiso...
No site tbem tem nossas tarifas, o que oferecemos, sobre transfers, etc...
A vida num veleiro é muito legal e diferente, sem contar que pra conhecer de verdade lugares como San Blas é o melhor jeito pois a gente vai com a casa ( o barco) em todas as ilhas e passamos quanto tempo queremos. E quando cansa , mudamos pra outro grupo de ilhas.
Dependendo de quantos dias vcs querem estar por aqui fazemos um percurso baseado nos seus interesses ( praias, pesca, snokelling ou cultural- visitando aldeias kuna e nos reunindo com pessoas que transmitem um pouco do modo de vida dessa tribo) ou se vcs tiverem tempo, tudo! Estamos aqui há quase tres anos e conhecemos bem Kuna Yala.
O mais importante é que vc goste do mar, e seja amante da natureza. Nao espere balada em San Blas, aqui é um lugar de esportes, contemplaçao e relax.
O Catamaran de 38 pés, novo, que conta com 4 camarotes matrimoniais , 2 banheiros, salao, cozinha e um cockpit ( que seria uma varanda, com copa) bem grandes .Também temos dessalinizador, ou seja, sem limites de agua doce.
Acomodamos com todo conforto de 2 a 6 hóspedes , mais a tripulaçao ( eu e o capitao Eduardo).
Os valores por dia e por pessoa no catamaran sao :
-2 pessoas: U$ 500 por pessoa
-3 pessoas: U$ 300 por pessoa
-4 pessoas : U$ 275 por pessoa
-5 pessoas: U$ 250 por pessoa
-6 pessoas: U$ 225 por pessoa
Caso vc tenha intençao de passar conosco mais de uma semana, nos avise, que podemos fazer um pacote com preços mais convidativos.
Os nossos serviços sao:
Live aboard -
Inclui: Aluguel do veleiro ou catamaran, skipper, chef de cozinha ( eu), combustivel,taxas portuarias, bebidas (sucos, drinks,cervejas,vinhos, moderadamente), frutas, café da manha, almoço e jantar ( cozinha de mar mediterranea e/ou tropical, incluindo lagostas, peixes fresquissimos, polvo, etc.), roupa de cama e limpeza geral.
Por favor, informem-nos em caso de alergias ou restriçoes alimentares, com antecedencia.
Informaçoes uteis para sua viagem:
Clima tropical com temperaturas de 30/33 graus todo o ano, a temperatura da agua do mar e de 28/30 graus. Nao estamos na zona de furacoes.
O passaporte deve estar com validade de 3 meses, no minimo.
• Voces podem pegar um carro autorizado 4x4 ( 25U$ por pessoa) e fazer a viagem até Carti, um pequeno porto no continente e uma lancha rapida levará vcs até o veleiro ( 15 minutos - U$15 dolares por pessoa)que estará ancorado num grupo de ilhas lindo esperando por vcs.
Temos motoristas que trabalham conosco, e eles passariam no seu hotel em Cidade de Panamá bem cedinho, a viagem dura 2 horas.
• Considere a possibilidade de passar uma noite num hotel na Cidade do Panama’. É mais comodo e mais barato pra vcs .
• A moeda em San Blas e’ o dólar norte-americano, preferivelmente em notas de baixo valor. Em San Blas nao existem bancos nem caixas eletronicos.
• Para sua estadia no barco recomendamos bolsas de viagem flexiveis (mochilas,etc.), as maletas rigidas ocupam muito espaço nos camarotes.
• Nao se esqueça de trazer pareos, toalhas de praiae toalhas de banho, protetores solares e repelentes de mosquitos.
Se vc quiser efetuar a reserva, os procedimentos sao: 30% do valor do charter depositados em uma conta (no Brasil) e o restante em dolares americanos no momento do embarque.
Acho que por ora ja da pra vc ter uma ideia. Qualquer duvida escreva-me.
San Blas é um lugar unico e muito virgem ainda, e é melhor conhece-lo agora, pois vcs sabem , nao sei quanto tempo vai durar esse paraiso intocado antes que o turismo de massa comece.
Um abraço e Nuedi ( tudo de bom em lingua kuna)
Adriana & Eduardo

alexandre
alexandrePermalinkResponder

vou viajar no proximo domingo para punta cana e vou fazer conexao com o panama devo chegar por volta da 06:30 e embarco novamente as 18:30. gostaria de saber alguns detalhes: quanto tempo do aeroporto ao eclusa de miraflores? e a distancia. depois quero ir ao centro historico e depois passar umas 2h no shopping allbrooks. será da tempo. é minha primeira viajem ao exterior. grato

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alexandre! Não vai dar para fazer tudo. Priorize o canal, se sobrar tempo vá OU ao centro histórico OU ao shopping.

alexandre
alexandrePermalinkResponder

esqueci de perguntar. cartao de debito internacional visa é bem aceito?
ou é melhor o debito internacional american express?

a cidade é perigosa? assaltos roubos, etc?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Alexandre! Tome os cuidados que tomaria no Brasil. Todas as bandeiras de cartões de crédito são bem aceitas.

Esther
EstherPermalinkResponder

Minha mãe e eu conseguimos uma tarifa super em conta no Hilton Garden Inn (diária de USD 100 com café da manhã incluso), que foi inaugurado há menos de um ano. O hotel fica perto das lojas da Via Espana, do Hotel El Panama, do Wyndham Veneto, Crowne Plaza.

Contratamos Roque Freitas, brasileiro, que vive na Cidade do Panamá há alguns anos e conhece a cidade melhor do que muito Panamenho! Pessoa super educada, gentil, pontual que nos ajudou bastante!

Roque cuidou dos transfers in/out, tour cultural (Ruínas, Casco Antiguo, Amador Causeway e, claro, o Canal do Panamá!), tour de compras, indicações de lugares para comer, praias, roteiros etc.

O e-mail dele é: roque.freitas@gmail.com

Até a próxima!

Humberto Pinheiro

Olá, estava lendo os diversos comentários e dúvidas constantes deste post o que me motivou a comentar a pequena escala de sete horas que fiz na cidade do Panamá quando retornava de Punta Cana para Porto Alegre. Depois de ler diversos tópicos neste e em outros sites, tomei coragem e montei um pequeno roteiro para fazer a “Viaje na Viagem”. Éramos duas famílias com sete pessoas, diversos interesses, desde turismo até “comprinhas”. Seguindo a dica de algumas pessoas acabei conseguindo o fone e e-mail do RIOLANDO, brasileiro que mora na cidade do Panamá. Após a troca de alguns e-mails estruturamos nossa estada lá. Como era num sábado fomos favorecidos na questão trânsito. Com relação a compras também levamos alguma vantagem pois o Riolando providenciou cotação de preços de alguns produtos que desejávamos. Chegamos e fomos diretamente ao Canal já que os shoppings abrem às 10 horas, se quiser fazer a visita completa ao Canal(museo, filme e assistir a passagem de um navio) leva-se aproximadamente 2 horas, uma visita só para fotos (assistir a passagem de um navio leva-se uma hora. Detalhe, o Riolando sabe exatamente o horário dos navios. Na ida do aeroporto ao Canal vá pela beira mar que é maravilhosa, passe pela administração do Canal, local onde moravam os americanos em Panamá. Próximo ao Canal (Eclusa de Miraflores) fica o Albrook Mall, shopping gigantesco, aproximadamente oito quilômetros de corredor e quase 500 lojas, para uma conexão rápida não vale a pena, preferimos o Multiplaza, shopping menor porém recheado de lojas boas e com bons preços. Concluída as “comprinhas” preparamos nosso retorno ao aeroporto não sem antes dar uma volta pela área central da cidade. Não conseguimos ir a cidade antiga pois lá está tudo em reforma e não dispunhámos de mais tempo. Importante, deixe algum tempo para o free shop pois tem coisas interessantes. No final ainda sobrou um tempinho para um lanche. Detalhe, levamos duas maletas de mão vazia para acomodar as compras, isto facilitou bastante acomodar os diversos pacotes. Ia esquecendo, segue o e-mail e o telefone do Riolando:
(507)6578-4858 – Panamá
riolando.fajardo@yahoo.com
conexaopanama@yahoo.com

Denise C Carvalho Barbosa

Ainda estou em Punta Cana, mas não poderia deixar de agradecer, imediatamente, pela dica e contatos do Riolando! Eu e mais três amigas fizemos uma conexão de 12 horas ontem no Panamá e graças aos dados do Riolando divulgados no seu post tivemos um dia perfeito no Panamá. Recomendo a todos que visitarem a cidade. Em conexão ou não! Quando voltar ao Rio de Janeiro, postarei minhas considerações com mais detalhe. Mais uma vez, obrigada!

Ana, Luciano, Cecília e Gustavo

Pessoal,
Eu e mais 3 amigos acabamos de chegar de viagem e fiz questão de voltar aqui no blog para deixar registrada nossas ótimas impressões sobre a cidade e tudo o que há para se fazer por lá. Nossa viagem foi à Cuba pela Copa, e optamos por quebrar a volta deixando 4 dias para também aproveitarmos o Panamá. Além de irmos às compras e aos cassinos, visitamos os pontos turísticos da cidade como o canal, amador, casco antigo e panamá viejo. Fomos a uma praia no Pacífico e também a San Blás no Atlântico (maravilhoso!). Destaco os ótimos hotéis, cidade com ótima infra-estrutura e crescendo a ritmo galopante! Mas a cereja do sundae foi mesmo conhecer o Riolando, o brasileiro que mora no Panamá, que muito nos auxiliou e que acabou virando amigo (pegamos o contato dele aqui no blog). Saímos com ele quase todos os dias, ele nos levou para conhecer a cidade, deu várias dicas preciosas, nos levou à praia, ao aeroporto, sempre com muitas informações turísticas interessantes, o que nos agradou muito, pois eu e meu grupo fazemos o tipo curioso cultural, que adora histórias. O preço cobrado é justo, o carro dele é novo, grande e confortável, com um serviço diferenciado, pois conta com telefones, barrinhas de cereal, água, etc. Se trata de uma pessoa de confiança, extremamente prestativa e agradável, a qual recomendamos muitíssimo.
Boa viagem a todos!

Denise Chaves Carvalho Barbosa

Eu, minha sobrinha, Adriana Ferreira, e mais duas amigas chegamos ontem ao Rio de Janeiro após uma temporada de 8 dias em Punta Cana viajando pela Copaairlines com uma conexão de 12 horas e meia no Panamá na ida por opção.
Como as dicas postadas aqui no site foram fundamentais para o sucesso de nossa viagem, não poderia deixar de postar as minhas dicas também.
Assim que fechamos a viagem , no final de dezembro, fizemos contatos com o Riolando Fajardo para os passeios em nossa conexão no Panamá. O Riolando é um brasileiro que mora no Panamá, de inteira confiança, e que faz passeios turísticos por lá. Encontrei os dados dele aqui no site, mas no final desse post disponibilizarei seus dados também.
Bem... desde dezembro passei a trocar e-mails com o Riolando acertando preço (justíssimo) e detalhes dos nossos passeios. Chegando no Panamá, lá estava ele conforme combinado nos aguardando no aeroporto com um simpático sorriso e um Sportage top de linha abastecido com água, biscoitos, barra de cereais e outros mimos.
Como ainda era muito cedo, seguimos para Panamá Viejo (a parte mais antiga da cidade que ainda está de pé e que tem um sítio arqueológico Patrimônio Mundial da Unesco). Após passeio a pé e fotos, fomos conhecer o Obelisco em comemoração aos 150 anos da presença da cultura Chinesa passando pela Ponte das Américas. Enquanto fazíamos as fotos e apreciávamos o local, o Riolando obteve a informação de que os navios fariam a atravessia do Canal a partir das 14 horas. Com o conhecimento desse horário, pudemos traçar o roteiro dos próximos passos e optamos por conhecer Amador Caseway (uma avenida estreita construída com os restos do Canal do Panamá que nos leva a uma ilha onde, além de ótimos restaurantes tem um duty free. Nessa região estava localizada a base americana - uma mini-cidade americana e onde a entrada era proibida aos locais) e Casco Antiguo (a cidade colonial que começou a ser construída em 1671, depois que a primeira localidade onde existia o vilarejo – Panamá Viejo - foi destruída por piratas) passando pela Cinta Costera, (uma avenida totalmente reconstruída, que conta com um calçadão à beira do Pacífico) e apreciando Punta Paltilla (um pedacinho da Miami moderna no Panamá com prédios altos - de até 40 andares- revestidos de vidros) sempre com o Riolando descrevendo cada detalhe histórico dos lugares por onde íamos passando e/ou parando para fotos. Após esse belíssimo City Tour, é chegada a hora das compras!!!!! Optamos pelo Albrook Mall, shopping enorme com várias opções de compras onde o Riolando, novamente, foi fantástico disponibilizando um celular para nos comunicarmos e nos ajudando pacientemente na comunicação com os vendedores, solicitações de descontos e com as sacolas de quatro mulheres insandecidas. Rs...
Nesse shopping quero destacar a loja Sportline, de tênis, roupas e artigos esportivos com excelente preços, uma enorme farmácia com cremes e outros produtos que deixam as mulheres loucas!!!! Além de lojas com produtos Apple, eletrônicos e roupas de marca.
Decidimos almoçar no shopping mesmo e, mais uma vez contamos com as informações e constante ajuda do Riolando.
Ao saírmos do shopping, o Riolando já tinha trocado o carro por um Carnival novíssimo contendo os mesmos mimos do carro anterior e, principalmente, água!!!! (esse carro estava em passeio com outro grupo durante a manhã) e seguimos para o Canal onde assistimos a passagem de um enorme cargueiro e visitamos o Museu existente dentro das eclusas de Miraflores conhecendo melhor a história dessa obra monumental. Só não tivemos tempo de assistir ao filme 3D que eles passam lá e é bem recomendado pelo Riolando. Enfim... seguimos para o aeroporto.
O Panamá se revelou uma agradabilíssima surpresa e não tenho dúvidas que o Riolando, com seu profissionalismo, simpatia, tranquilidade e demais características super positivas, foi fundamental para essa impressão. Tanto que eu e minha sobrinha já decidimos voltar para conhecer também suas praias caribenhas e sua zona franca em Cólon, sempre na compainha do Riolando, pois, após assistir as loucuras que os taxistas fazem por lá, não teríamos coragem de conhecer mais do Panamá com outra pessoa. Super recomendo!!!!

Contatos do Riolando Fajardo:
Celular (507)6578-4858
Emails?riolando.fajardo@yahoo.com?
conexaopanama@yahoo.com

Simone
SimonePermalinkResponder

Oi pessoal. No final de maio vou para um congresso no Panamá e terei o dia de sábado para conhecer a cidade. Como vou estar sozinha, nunca fiz uma viagem internacional sozinha. Estou um pouco apreensiva e gostaria da opinião de vocês quanto a fechar um passeio com o Riolando. Além disso, vocês poderiam me informar quanto foi cobrado. Muito obrigada. Simone

Fabio
FabioPermalinkResponder

Já li todos os comentários, mas quero pedir para me indicarem hoteis próximos do canal, bons e baratos.
obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabio! Não há hotéis perto do Canal.

Leia mais sobre o Panamá:
https://www.viajenaviagem.com/category/panama

Luís Fernando

Eu li em alguns lugares que no Panamá não estão podendo sair do aeroporto os passageiros com conexão inferior a 8 hras. A minha conexão é de 7 hras e eu tenho interesse de descer e ir ao shopping proximo ao aeroporto. Alguém sabe algo a respeito?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luís Fernando! Não estamos sabendo disso. Mostra o site pra gente?

Luis Fernando
Luis FernandoPermalinkResponder

Olá bóia. Eu li os comentários dos leitores desse site.

_

http://www.melhoresdestinos.com.br/conexao-cidade-panama.html

_

Só queria saber se há algo OFICIAL quanto a isso, ou se o pessoal q comentou q não conseguiu deu azar...

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Luís Fernando! Pode ser que desaconselhem veementemente, mas impedir que se saia, não podem.

Luís Fernando

Obrigado!

Marco
MarcoPermalinkResponder

Olá, alguém pode me indicar um taxista para contratar passeios no Panamá?

eduardo prazeres

Riolando Fajardo (riolando.fajardo@yahoo.com). Excelente, super confiável e preços bem em conta.

Marco
MarcoPermalinkResponder

Por favor, no domingo as lojas dos shoppings funcionam?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marco! Funcionam.

eduardo prazeres

Em junho de 2013, aproveitei uma conexão de 10 horas na cidade do Panamá para fazer um city tour utilizando os serviços do Riolando Fajardo (riolando.fajardo@yahoo.com). Só tenho elogios a fazer. Pontualmente no horário combinado lá estava ele nos esperando com nossos nomes em um ipad . É uma pessoa educadíssima, muito simpática e com conhecimento. O carro utilizado era espaçoso e muito confortável. Após conhecer-mos os principais pontos da capital Panamenha, ainda deu tempo de irmos a um shopping. Recomendo muitíssimo os serviços do Riolando.
Dêem uma olhada nos comentários: http://viajeaqui.abril.com.br/blog/saia-pelo-mundo/2013/04/day-tour-pela-cidade-do-panama-bom-tambem-para-quem-faz-conexao-na-cidade/

Thuane
ThuanePermalinkResponder

Olá!
Primeiramente adoro todos os seus posts! Faço conexão no Panamá por 23h... a bagagem é despachada para pais de origem ou tenho que retirá-la? Viajarei com a Copa....

Aguardo, Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Thuane! Parece que para conexões assim longas você precisará retirar a bagagem e redespachar antes do vôo seguinte. Confirme com a Copa.

gisele
giselePermalinkResponder

Estarei indo pra Cancun , numa conexão de apenas duas horas no Panamá, esse tempo é suficiente ou muito arriscado ? Não pretendo fazer compras é só pra saber se corro o risco de perder o voo da conexão ...

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Gisele! 2 horas é tempo suficiente já que você não vai precisar passar pela imigração ou alfândega no Panamá. De qualquer maneira, seus vôos sendo vinculados, caso haja algum atraso no primeiro vôo, a cia. aérea se responsabiliza pela perda da conexão e te coloca no primeiro vôo disponível.

Vanessa
VanessaPermalinkResponder

Olá, Ricardo!

Vou para Los Angeles com uma escala de 8 horas no Panamá. Não pretendo sair do aeroporto pois estarei com a minha filha pequena. Porém, o passaporte dela não tem o mínimo de 6 meses de validade que pedem para entrar no País. Pelo site da Copa, eles dizem que, se eu for ficar somente na área de trânsito internacional, devo seguir somente os requisitos do País de destino final e estar com o passaporte válido. Você tem informação se é isso mesmo?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vanessa! Quem responde é a Bóia. É isso mesmo. Mas se tiver tempo, renove o passaporte. O visto do passaporte antigo continuará válido. Habitue-sese a sempre renovar o passaporte 8 meses antes de expirar.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar