27 hotéis em Amsterdã comentados pelos leitores

Viaje na Viagem
por Viaje na Viagem

Amsterdã, em frente ao Rijksmuseum
Este post compila e organiza todos os depoimentos de leitores sobre hospedagem em Amsterdã espalhados por diversos posts. Se o hotel que você procura não está listado aqui, é porque ainda não foi comentado por nenhum leitor (ou então porque a gente deixou escapar). Caso você tenha uma experiência, positiva ou negativa, de hospedagem em Amsterdã e queira compartilhar com a gente, é só deixar na caixa de comentários; freqüentemente a gente atualiza a lista com os depoimentos novos. Obrigado!
Beira-canal Singel

Na região do canal Singel

Beira-canal Herengracht

Beira-canal Bloemgracht

Beira-canal Herengracht

Beira-canal Keizersgracht

Beira-canal Amstel

Entre os canais Herengracht e Prinsengracht

Jordaan (sem canal mas charmosíssimo)

Amsterdam Zuid (zona moderna e emergente próxima à segunda estação da cidade

Vondelpark (próximo aos museus)

Amsterdam Central (região meio mal encarada)

Ligeiramente fora de mão

Aeroporto Schiphol

Leia mais:

215 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

beth
bethPermalink

Ja fiquei 2 vezes no Ibis Amsterdan Centre e super recomendo.Padrao Ibis,quartos limpos,bom cafe da manha e principalmente muito bem localizado.Ao lado da estaçao de trens e 1 quadra das ruas principais!!muito bom!!

Sônia Amorim de Oliveira

Pessoal, alguém poderia inidicar um bom hostel em Amsterdam? Principalmente com boa localização e custo beneficio.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Sônia! Veja os albergues que nossos leitores recomendam: https://www.viajenaviagem.com/2011/04/albergues-hostels-pelo-mundo-os-relatos-dos-leitores/

fernanda
fernandaPermalink

Oi! Sabem alguma coisa sobre o Hotel Casa 400?
Fica muuuito fora de mão? Fica em Oost-Watergraafsmeer.
Não estou achando nenhum hotel com preço bom e perto da área movimentada... Nem perto do parque Vondelpark.
Valeu!

-- A.L.
-- A.L.Permalink

Oi, fernanda.

O Hotel Casa 400 é um tipo de hotel-escola. Nào exatamente, mas lá treinam vários graduandos de escolas de hotelaria.

A localização é okay. Uma caminhada meio longa demais até a Leidseplein ou Museumplein pra ser agradável várias vezes. Todavia, tem metrô e tram quase na porta, o que torna deslocamentos bem fáceis.

silvia
silviaPermalink

Ola A regiao central, da central station NAO é MAL ENCARADA !, pelo contrario, é muito tipica, super SEGURA! acolhedora, animada, cheia de barzinhos e restaurantes historica, pertinho da praça DAM onde tem todas as melhores lojas, barcos, etc..facilita todos os passeios e excursoes, enfim , é a melhor regiao para se hospedar em Amsterdam! Moro bem no coraçao dela!
abcos
e precisando de um GUIA em Amsterdam, contem comigo!
Silvia

-- A.L.
-- A.L.Permalink

Silva, gostos e preferências são individuais.

Eu moro na Holanda e afirmo com todas as letras: a região próxima à estação Amsterdam Centraal não é perigosa, mas é, sim, mal encarada, com alta concentração de bares pega-turista.

A Dam é um daqueles locais "viu-tá-visto".

Recomendo a quem puder que evite o entorno. Perigoso, não é, mas principalmente à noite é tomada pelo tipo de turista que acha que Amsterdam se resuma a prostituta em vitrine e coffesshop

Brunna
BrunnaPermalink

Olá Silvia,

Eu, meu marido e mais um casal iremos a Amsterdam no final de julho. Você é guia turístico? Como faço para nos falarmos? Obrigada! Brunna.

Clemilson
ClemilsonPermalink

Olá Bóia e amigos. Estou em dúvida sobre onde ficar em Amsterdam entre o Hyatt Andaz e o Sir Albert. Poderiam me dar informaçoes sobre a localização destes hoteis. Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Clemilson! A localização do Andaz é mais charmosa e um pouco mais central.

Marcello
MarcelloPermalink

Alguém conhece ou já se hospedou no Acostar Hotel (Kerkstraat 45-49)?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Marcello! Clique e leia o que dizem do hotel no Booking.

Bárbara
BárbaraPermalink

E no Rho, alguém conhece ou já se hospedou?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Bárbara! Todos os dias dezenas de pessoas se hospedam neste hotel. Clique e veja o que andam dizendo dele no Booking.

Fernanda
FernandaPermalink

Postei hoje no meu blog sobre o hotel que fiquei em Amsterdã, NH City Centre, que foi aprovado! http://taindopraonde.blogspot.com.br/2013/09/onde-se-hospedar-em-amsterda.html (e deixei o link lá para esse post, é claro rs)

ana lucia
ana luciaPermalink

E sobre o hotel espresso? Vocês sabem dizer se é recomendável?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Ana Lucia! Não temos relatos de leitores sobre o Hotel Espresso em Amsterdã, mas você pode ler avaliações de ex-hóspedes no Booking.

Cris
CrisPermalink

Olá, gostaria de uma ajuda sobre a localização de um hotel. Eu estou achando bem difícil achar um quarto triplo em Amsterdã que seja "BBB" (percebi que o preço da hospedagem em AMS não é muito amistosa e quarto triplo que seja mesmo triplo, sem a gambiarra do sofá cama, é difícil de achar em qualquer lugar do mundo, e ainda tenho a exigência de ter cofre eletrônico no quarto e vi que algus hotéis não tem).

Gostaria muito de ficar no NH City Centre, mas por enquanto, não encontrei nenhuma promoção muito atrativa (a viagem será em fevereiro, talvez mais para frente, lá por novembro, eu encontre um preço melhor).

Depois de muito pesquisar, por enquanto eu encontrei dois hotéis nos meus critérios, o Golden Tulip Amsterdam West e o Amadi Park Hotel. Já vi que o Golden Tulip está bem fora de mão e apesar de mais barato, acho que vou descartar.

Esse Amadi Park Hotel "parece" ter localização melhor, e no mapinha do Google Maps "parece" perto do VondelPark e da Leidsesplein. Mas será que é mesmo? A localização exata é na Eerste Constantijn huygensstraat 26G, Oud West. Será que ficaria muito ruim a localização desse Amadi Park?

Se a Bóia ou o A.L. puderem me dar uma luz, eu agradeço!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Cris! Vamos compartilhar sua pergunta no Perguntódromo. Havendo resposta, aparecerá aqui.

cris
crisPermalink

Obrigada, Bóia, fico no aguardo! wink

-- A.L.
-- A.L.Permalink

Cris, as promoções de hotel em Amsterdam, exceto em época de grandes eventos, em geral aparecem uns 60-90 dias antes da data. Eu faria o seguinte: fecharia uma reserva cancelável (fácil em sites como Booking) já, e ficaria de olho em novas promoções.

O Golden Tulipe A'dam West fica em uma área com muitos prédios de escritórios. Tem até um jardim comunitário famoso do lado, mas em fevereiro isso não conta muito. A vantagem é que tem uma linha de tram passando no hotel, servindo a várias áreas turísticas - então, é uma opção a ser considerada se preço for um fator crítico. A região é tranquila, mas quase morta, à noite.

Eu não conheço esse outro hotel, mas sim a localização desse endereço. De lá até a Museumplein são uns 12-15 minutos de caminhada agradável, 10-12 minutos para Leidseplein, 8-10 para a entrada do Vondelpark.

cris
crisPermalink

A.L., muito obrigada pelos esclarecimentos. Na verdade, eu já fiz as reservas com política de cancelamento gratuito nos dois hotéis, hehe, e agora estou à espera do mês de novembro para ver se eu consigo uma boa promoção no NH City Centre. O problema é que o café do NH tem um preço surreal de tão caro, e aí fica difícil engolir os preços mesmo...

Entre os dois que eu citei e já fiz a reserva, a diferença de preço para 4 noites fica em torno de 72 EUR, mas somos em 3 e então a diferença pode ser diluída sem muitos traumas.

Esse Amadi Park Hotel aparentemente é um hotel novo (inaugurado em julho de 2012) e parece que é um tipo Bed and Breakfast Design, localizado nos 3 últimos andares de um prédio comercial/residencial, onde por sinal tem outro hotel do mesmo tipo nos outros andares/setores.

Vou esperar para ver por qual dos dois eu me decido, caso o NH não me envie uma super mega promoção com café da manha "tudojuntoincluído" (estou cadastrada no site para envio de ofertas).

Abs,

Cris

Cristina
CristinaPermalink

Aproveitando a pergunta da Cris, vou acrescentar um hotel que coube perfeito em nossas necessidades no início deste mês. Se em 2010 ficamos num ligeiramente fora de mão (Ibis City Stopera) onde fizemos tudo a pé, agora ficamos em um super fora de mão conscientemente. Eram só 2 dias para rever a cidade e descomprimir das férias italianas antes de voltar para o Brasil num vôo diurno: Mercure Amsterdam Airport, que oferece van para translados em horários pré-determinados. Um ônibus próximo ao hotel leva para a Leidsplein e funciona durante toda a madrugada. Muito mais barato que os hotéis do centro e continuamos a andar por tudo a pé lá, depois do ônibus.

Alexandre Boccoli
Alexandre BoccoliPermalink

Estive agora em Amsterdam (set 2013) e dividi minha estadia em duas etapas (com um bate volta a Bruxelas no meio). Nos primeiros 3 dias fiquei no Citizen M, na região Zuid (cuidado para não confundir e reservar o que fica no aeroporto Schinpol). Chegada fácil do aeroporto por trem (escolher na máquina Amsterdam Zuid) e uma curta caminhada. Hotel trendy, quartos pequenos e confortáveis, todo um aparato de iluminação, chuveiro no meio do quarto, clima moderno, atendimento muito simpático. Região bonita, tranquila e com vários restaurantes legais.. Alugamos bicicleta numa loja próxima e íamos ao centro e voltávamos à noite sem problemas (tem ciclovia por toda a cidade). Para quem preferir, o tram 5 passa na porta. Aprovadíssimo.
Nos últimos 4 dias, nos hospedamos no Chic &Basic. Localização excelente, em frente a um dos mais belos canais de Amsterdam, a uma curta caminhada da estação central, próximo a restaurantes e cafés bacanas. Quarto confortável, café da manhã incluso (simples), pessoal atencioso. A única dificuldade foi subir as malas pelas estreitas escadas de um prédio do séc. XVI (não tem elevador). Tem que ser reservado com alguns meses de antecedência. Também gostamos muito.

Maria
MariaPermalink

Conhecem o Hotel Vossius Vondelpark? perguntas: 1) o local que ele fica é barulhento? 3) o acesso a ele é daqueles lugares pega-turistas? 4)fica perto de um canal? 5)na possível reserva não deu para saber se o banheiro do quarto é indidividual. Tem como me informar? Achei esse hotel uma gracinha,mas ainda não finalizei a reserva. A melhor reserva é mesmo pelo Booking.com?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Maria! A área do Vondelpark é colada no centro histórico e está perto da Museumplein, onde estão os principais museus da cidade. Se o lugar é barulhento, veja se nas resenhas falam de barulho.

Você pode comprar a tarifa obtida no Booking com a que o hotel cobrar no próprio site. As resenhas dos hóspedes são bastante seguras porque são feitas apenas por quem se hospedou; clique e veja as desse hotel.

Renata
RenataPermalink

Olá!
Estou indo com minha família para Amsterdã no final de abril. Ficaremos apenas 3 dias e como vamos com duas crianças pequenas (7 e 4 anos) gostaria de ficar em um hotel cuja localização nos permitisse fazer bastante coisa a pé. A viagem será mais de passeios pela cidade do que de visitas a museus. Onde sugerem?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Renata! É bacana ficar em algum hotel à beira dos canais, ou na Spui. Desconsidere as áreas da Rembrantplein, Dam e proximidades da estação de trem; não são o pedaço mais agradável para quem está com crianças.

Mais dicas na página-guia de Amsterdã: https://www.viajenaviagem.com/europa/amsterda-ricardo-freire/

Renata
RenataPermalink

Obrigada!!! Acabamos reservando um hotel longe do centro, mas bem servido de transporte smile

Cris
CrisPermalink

Estive em Amsterdã agora no final de fevereiro, de 19/02/2014 a 23/02/2014. Ficamos hospedados, eu, minha mãe e meu irmão, no bairro Oud Wset, no hotel "Grand Hotel Downtown Amsterdam", localizado na avenida "Erste Constantijn Huygenstraat", perto de outra grande avenida, a Overtoom. Eu estava meio receosa quanto à localização, olhando apenas no Google Maps, porque não parecia ser muito central, mas quando chegamos lá, vimos que era bem perto da Museumplein, da Leidseplein e do Vondelpark. De fato, para ir a esses lugares, bastou uma pequena caminhada agradável, como o A. L. já havia me dito mais acima.

O hotel não é dos mais conhecidos. É um hotel que parece ser novo, e está localizado em um edifício que parece um edifício residencial/comercial. Nesse edifício, existem na verdade, três hotéis, com os quartos distribuídos entre os 6 andares. Os quartos do nosso hotel eram no térreo, estranhamente. Ficamos meio que desconfiados, pois os quartos tinham grandes janelões de vidro, apenas com cortinas, que davam para um pátio interno. Mas a região me pareceu bem segura e em cada quarto havia um sistema extra de alarme (que disparava caso a porta ficasse aberta por um tempo mais longo, hehe).

Os quartos eram pequenos, mas muito bem decorados e limpos, bem novinhos. Como estávamos em três pessoas, e sabendo que os quartos eram pequenos, reservamos um quarto duplo e um quarto duplo "pequeno", que era quase um single, para meu irmão. Consegui para isso uma oferta de última hora (tipo 15 dias antes da viagem, pela metade do preço), pelo Booking, pois antes eu tinha uma reserva cancelável num quarto triplo num dos outros hotéis que ficam no mesmo edifício (Amadi Park Hotel).

O banheiro também era impecavelmente limpo e o box do chuveiro até me surpreendeu, pois era maior que o padrão europeu minúsculo. O quarto tinha frigobar, mas sem nada dentro, o que de certa forma é uma boa jogada: você pode abastecer com coisas trazidas de supermercado sem medo de ser cobrado caso tire algo do frigobar para estocar suas compras, hehe (o hotel fornecia um "kit frigobar", por 15 Euros, caso o hospede pedisse na recepção).

O café da manhã não estava incluído, mas eu e minha mãe resolvemos tomar o café no hotel, por praticidade. E apesar de caro, comparado ao que se pode encontrar na rua, o café era muito bom, com produtos orgânicos e itens feitos na hora pelas atendentes, que eram muto solícitas, e nos perguntavam nossa programação do dia, dando dicas da cidade, inclusive. O staff da recepção também era muito educado e prestativo, dando muitas informações sobre a localização das atrações e como chegar até elas.

No entorno do hotel, na avenida Erste Constantijn Huygenstraat, há muitos cafés, bares, e pequenos restaurantes, não muito turísticos, o que é uma ótima pedida. Na frente do hotel, encontramos um bistrôzinho muito legal, chamado "Pastis", com ótimas refeiçoes, bom atendimento e preço acessível. Por sinal, a melhor "pannacota" que eu apreciei nessa minha viagem!

Ah, embora a localização do hotel seja fora do cinturão dos canais mais centrais, havia um canal menos famoso, mas não menos bonito, bem ao lado do hotel!

Abs,

Cris

P.S.: Ainda bem que o aeroporto de Schiphol é perto do centro de Amsterdã e que o staff do hotel era muito confiável. Nós fizemos check-out bem cedo, às 8h da manhã, e pegamos um táxi para ir até o aeroporto, pois nosso voo para Lisboa era às 11h45 da manhã. E não é que quando eu entreguei as malas no balcão de check-in da TAP e entreguei o cartão de embarque para meu irmão, ele se deu conta que havia deixado sua Nikon cheia dos balacobacos e mais sua carteira com cartões e tudo o mais dentro do cofre do hotel? Foi um desespero, e na hora, a unica coisa que pensamos foi pegar outro táxi e ir para o hotel para resgatar o que o tonto do meu irmão havia deixado no hotel. Havia ainda pelo menos 1 hora e meia para iniciar o embarque. Sorte que era domingo pela manhã, com trânsito tranquilo. Foi o que fizemos e ao chegar novamente no hotel, ainda não tinham limpado o quarto, mas deixaram meu irmão entrar e resgatar suas coisas. Ainda chegamos com um bom tempo de volta em Schiphol, mas só sei que meu irmão me deve 70,00 Euros nessa brincadeira (ida e volta a Schiphol de táxi).

beatriz
beatrizPermalink

Olá, gostaria de ajuda para resolvel em qual lugar ficar!! reservei um sophie's B&B

Vondelkerkstraat 7, Amsterdã , que pelo mapa achei um pouco longe mas e super confortavel e o preço tb! Agora fiquei na duvida se seri melhor um quarto bem mis simples no Hans Brinker Budget Hotel?
obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Beatriz! A Vondelkerkstraat fica nos fundos do parque, é uma localização potencialmente mais agradável. Mas o Hans Brinker está numa posição mais central.

dviccari
dviccariPermalink

Bóia! Salve-me de uma dúvida cruel.

Vi que o capitão não recomenda ficar nas imediações da estação central de Amsterdã.

Mas tem um hotel novinho em folha chamado Room Mate Aitana, um pouco mais afastado da estação. Os relatos no booking são bem favoráveis. O que vc acha?

Minha outra opção seria o Hotel Espresso. Consigo ambos pelo mesmo preço no booking (sou usuário genius).

A impressão que eu tenho é que o Espresso possui apenas uma ligeira vantagem no quesito localização, perdendo em todos os outros.

Grande abraço! Sou fã assíduo do site.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Daniel! A localização do Aitana é inusitada; está numa zona portuária que está sendo recuperada. A rede é excelente. Conte-nos a experiência depois smile

mariana
marianaPermalink

eu tambem me encontro nesta dúvida!! vc poderia me responder se o entorno deste hotel (room mate aitana) ja está recuperada? é possivel um passeio a pé de noite, andar de bicicleta, circular pela cidade numa boa? fiquei preocupada...me passaram que o bairro ja está pronto, mas percebo que não...obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Mariana! Não sabemos. Dê uma olhada nos comentários no Booking e no TripAdvisor para ver se encontra alguma reclamação. Mas no seu lugar eu não encucaria; mesmo incompleto, o bairro deve ter seu charme.

Liana
LianaPermalink

Olá!

Estou indo para Amsterdã no mês que vem e estou na dúvida entre ficar no hotel NH hotel Krasnapolski e o ParK Plaza Victoria.
Vcs poderia me dar um dica?

Grata Liana

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Liana! Nenhum dos dois é bem localizado, não. O NH fica na muvuca da Dam, e o Park Plaza fica próximo da estação de trem, que é um lugar meio mal encarado.

Recomendamos ficar ou em algum hotel beira-canal, ou no bairro de Jordaan, ou nos arredores da Spui. É mais charmoso. Vale a pena cacifar.

A.L.
A.L.Permalink

Como a Boia disse, nenhum fica em uma localização interessante, mas o NH ao menos é mais perto em distância caminhável (15-20min) de lugares interessantes para jantar e fazer o footing noturno.

O Park Plaza fica em frente a um canteiro de obras ainda ativo (metrô+reforma da estação de trem). Além disso, é uma área que, embora não seja perigosa, tem um aspecto bem deprê a noite: grupos de adolescentes bêbados, gente indo atrás de entretenimento 'adulto', coffeeshops caídos com aspecto e público nas calçadas. Eu evitaria ficar por ali, exceto se fosse um caso de precisar de tomar trem muito cedo como um Thalys as 6h para Paris.

Vanessa
VanessaPermalink

Pessoal, estive em Amsterdam no ano passado e me hospedei no Hotel Clemens. Fica no centrao da cidade, proximo a Praca Dam.

Pontos positivos: atendimento excelente, bom cafe da manha para hoteis dessa categoria na Europa ( varios tipos de paes, geleias, nutella, cereais, frios e algumas frutas), quarto limpo e aparentemente recem reformado.

Pontos negativos: quarto pequeno e hotel nao conta com elevador. A escada eh enorme, eu estava com mala pequena pq ja sabia. Vi, no entanto, por diversas vezes os funcionarios auxiliando clientes com a bagagem.

Abracos
Vanessa
www.ciaoviaggio.blogspot.com.br

dviccari
dviccariPermalink

Bóia, voltei!

Segue minha opinião sobre o Room Mate Aitana de Amsterdam:

O Hotel é excelente. Novíssimo, confortável, lindo. Os quartos são muito amplos (inclusive os banheiros). A localização é interessante e sossegada. Silêncio total para dormir. Sim, se você descer na Centraal Station, vai ter que andar uns 10 a 15 minutos. Mas, a não ser que esteja chovendo ou muitíssimo frio, o trajeto é bem tranquilo. Além disso, você pode pegar o ônibus (48, salvo engano) com o mesmo ticket do tram e parar do outro lado da rua do hotel. A proximidade com o Jordaan, um bairro super bacana e com vários mercados, restaurantes, lavanderias, etc, compensa tudo isso, fácil, fácil. O café da manhã é muito bom e, embora o valor seja alto, vale a pena, especialmente como um brunch. Você não vai gastar muito menos comendo (bem) em outro lugar.

Abraços a todos!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Daniel! Obrigadíssima pelo feedback!

Neftalí
NeftalíPermalink

Fiquei no Hotel Prinsenhof, na beira do Prinsengracht, uns 4 quarteirões da Rembrandtplein, e adorei, excelente custo/benefício. Hotel simples (é mais um B&B), casa bem antiga, excelente localização, rua tranquila. Quarto triplo com banheiro e bom café da manhã a 115 euros, a menos da metade dos Ibis. Os hotéis de Amsterdam estão entre os mais caros da Europa.
Só não recomendo esse hotel para quem tem problemas físicos, idosos ou quem tem malas gigantes, pois como toda construção antiga nos canais, esse hotel tem uma escada bem radical na entrada. Costuma lotar, então é bom reservar com antecedência. E pra quem gosta de provar uma especialidade local, o Coffee Shop Barneys Lounge fica a 2 quarteirões, é pequeno, bonito e tranquilo, com pessoal muito prestativo, a diferença dos coffee shops mais centrais e no Red Light District, que são barulhentos e cheios. Graças ao Barneys Lounge estamos rindo até hoje...
Amsterdã é linda!! Sei que é difícil comparar, até pelo tamanho, mas nosso grupo, de quarentões, gostou mais de Amsterdã que Londres. Já Paris é imbátivel.

Liane
LianePermalink

Boa noite! Viajo em Setembro.Pode me ajudar novamente: estou em dúvida entre Renaissance Amsterdam hotel e Radisson Blu? Qual a melhor localização? Grata. Liane.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Liane! Segundo o Ricardo Freire, a melhor localização em Amsterdam é ficar perto de um canal. Para saber mais, veja a seção "onde ficar" do post a seguir: https://www.viajenaviagem.com/europa/amsterda-ricardo-freire/

O nosso leitor Marcos comenta sobre o Renaissance, aqui: https://www.viajenaviagem.com/2007/04/amsterda-pra-mira/comment-page-1/#comment-8648

Nosso palpite é de que o Radisson Blu deve estar em uma vizinhança mais simpática.

Para ajudar, leia as resenhas dos ex-hóspedes do Renaissance e do Radisson Blu no Booking.

Ildefonso
IldefonsoPermalink

Riq, voltei para agradecer a super indicação do Chic & Basic Amsterdam. Localização fantástica! O hotel é um charme, pessoal eficiente e super prestativo. E Amsterdam, bem... "Mais certinha que doidona" é a definição perfeita para a cidade. Adorei! Muito obrigado!

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

juliana amorim
juliana amorimPermalink

Fiquei no Chic and Basic, beira do canal (pra mim) não tem preço!!!! As escadas do hotel são outros 500, mas um chicandbasic é melhorzinho que o Van Onna.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Mirella
MirellaPermalink

Ildefonso, dá uma olhadinha nas recomendações do Marcio: http://www.ajanelalaranja.com/2008/01/onde-ficar-em-amsterd.html
Quando morei em Amsterdam (somente por 3 meses) a empresa também me recomendou o hotel Van Onna e fica no Jordan um bairro super fofo (eu adoro!). Uma outra localização central seria proximo ao Rembrandtplein...
Abs

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Maryanne hotelcaliforniablog.wordpress.com

Ildefonso, fiquei no Van Onna em Junho, seguindo as otimas dicas do Marcio. Mas, quer saber? Nao ficaria la de novo. Apesar do bom preço, limpeza, cafe da manha e excelente localizacao ( tem uma rua lotada de restaurantes a 2 quarteiroes do hotel, tudo de bom), o hotel é muuuiiito basico demais. O qto é minimo, e o banheiro eu achei o pior. Sem prateleiras ( nao tem onde colocar escova de dente), sem cortina no chuveiro, sem ganchos pra toalhas, minusculo, do tipo que molha inteiro ( iinclusive o PH) na hora do banho. Mas que a localizacao é otima, isso é.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Marcelo Azevedo
Marcelo AzevedoPermalink

Olá a todos,

Estive recentemente hospedado no hotel Van Onna.
É verdade o hotel é básico, não há elevadores, sem tv no quarto, o banheiro não tem prateleiras, box ou cortina no chuveiro e ganchos para toalhas. Mas eu gostei. O hotel é limpo, quarto confortável, barato (45,00 euros por pessoa), café da manhã incluso ( simples, mas bom) e sua localização ( Jordaan), dá ao hotel um charme que supera, ao menos para mim, a ausência de certas facilidades.
Se ficar na dúvida de se hospedar lá, como eu estive, pesquise no site do hotel, tripadvisor, no comentódromo e leia a dica # 3 do " 100 dicas para VIAJAR melhor" do Ricardo Freire.
Espero que minhas impressões ajudem como os comentários do VnV me ajudaram.

Abraços,

Marcelo Azevedo

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Jorge Paulo
Jorge PauloPermalink

Estive em Amsterdam e hospedado no Hotel Van Onna tb. Sinceramente e tudo isso q o Marcelo falou , mas para mim, foi muito simples, quer dizer q gostaria de mais conforto. Consigo precos proximos em hoteis 4 estrelas no priceline, mas quis experimentar a dica do site e dar o resultado para os outros viajantes. Nessa viagem ficou claro para mim qto um hotel confortavel faz a diferenca no outro dia...

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Leandro
LeandroPermalink

Ricardo,
nós gostamos do Van Onna...localização excelente, ambiente acolhedor, belo café da manhã,ideal para quem deseja curtir as caminhadas pela cidade, se perder pelos canais. O pessoal do hotel também nos foi simpático. Nos pareceu bem mais tranquilo e charmoso que no bairro central ( que deve ser barulhento) Simples como já sabíamos, ainda sim, valeu a dica!
Seguimos algumas dicas do Ducs Amsterdam...ex.eek restaurante Allmoeders...comidinha típica, de "todas as mães"?, adoramos.
As sopas de tomate e a de lentilha também foram ótimas pedidas nos outros restaurantes. O peixe crú "Haringhandel" também valeu para conhecer.
As obras do Van Gogh são "sem palavras". Fiquei alucinado!Esta é uma das minhas principais sugestões para quem gosta de arte moderna = museu Van Gogh.

Boa viagem para quem vai!

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Tatyana
TatyanaPermalink

Perfeitas, assim defino as suas dicas, Ric ! Van Onna, sem dúvida melhor hotel pra brasileiros ... Vc consegue encontrar uma Amsterdã que muitos turistas não têm o prazer de experimentar. Situado no bairro mais charmoso da cidade !! Sem dúvida recomendo para quem tem interesse em ficar bem localizado e gastar pouco, o que em se tratando de Europa é difícil. Aliás, a dica do tour de barco na cidade também vale muito a pena, pois se consegue vivenciar um pouquinho o cotidiano do lugar ... todo mundo usa este transporte ou as bikes sempre ! Porém só conseguimos ficar, literalmente, de bikes em Eindhoven onde a maioria dos hotéis fornecem bicicletas sem custo algum. Obrigada mais uma vez! Abs e até a próxima trip !

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Celia Marina Baptistella

Riq,
Obrigada pela dica do Hotel VAn Onna (mais uma). O hotel é simples, mas muito limpo, charmoso, atendimento muito bom e a localização excelente. Enfim, a relação custo-benefício é perfeita.
Eu e meu marido recomendamos.

Obrigada!!!

Obs. Já estou começando a planejar a minha viagem à Itália p/ o próximo ano e li todas as suas dicas, que estou incorporando.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Marcelo
MarceloPermalink

Onde ficar em Amsterdan? Recomendo o Van Onna, o gerente é brasileiro, depois de algns dias na Europa faz bem ouvir português, mas não deixe mesmo de ir a Voledan e região, é uma cidade próxima de Amsterdan e há passeios guiados a venda em agências locais.

Marcelo

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

A. Lot
A. LotPermalink

Mauro, sei que o Riq aprovou a localização dos dois hoteis, mas eu, com todo o respeito ao mestre, discordo um pouco. O Sun Head é próximo ao Palácio Real e à Dam, MAS a região está toda em obras. Se vc se hospedar lá, vai topar com algo como isso (visão ao nível da rua em foto recente do Google Street View): http://maps.google.com/maps?f=q&source=s_q&hl=en&geocode=&q=sun+head,+amsterdam&sll=52.37385,4.885716&sspn=0.000444,0.001206&ie=UTF8&hq=sun+head,&hnear=Amsterdam,+North+Holland,+The+Netherlands&ll=52.373723,4.890718&spn=0.001762,0.004823&t=h&z=18&layer=c&cbll=52.373571,4.890836&panoid=7Tw9Cxvh47kFaVretAPhuw&cbp=12,165.22,,0,9.64

A avenida que passa em frente não é das mais interessantes. Já o Nádi é bem localizado, mas faço apenas uma ressalva: em 2010 eles ainda pedem reservas pela método antigo, incluindo mandar um fax (!) ou email com número de cartão de crédito para confirmar reserva. Eu tô fora de hotel que se comporta assim.

O Eden Lancaster fica no lado oposto ao Jordaan, no bairro Plantation. É um lugar diferente em Amsterdam, que está passando por mudanças interessantes com novos bares e restaurantes voltados a um público mais descolado que fugiu do Jordaan quando esse passou a ser o endereço de 9 entre 10 restaurantes/sushis/pubs upscale de Amsterdam. Dá pra explorar a cidade a pé, sim, e a caminhada do Plantation até as áreas centrais pode ser feita por canais interessantes, mas talvez na volta vc vá querer encarar um tram (5/6 minutos) para acelerar as coisas.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Cris R
Cris RPermalink

Olá Ricardo,

Tem tempo que acompanho seu blog e planejo minhas viagem por intermédio dele, inclusive, já pedi algumas sugestões que foram prontamente atendidas. No entanto, nunca contribuí e jÁ estava quase me sentindo uma sangue-suga sem nada a ofertar. Mas a minha última viagem a Europa foi mais uma vez planejada com a ajuda de vocês e eu me prometi que daria pelo menos uma modesta contribuição.
Primeiro concordo com o título que você deu ao post "Mais certinha que doidona". Amei Amsterdã! Fui com meu marido e filhos. A partir daí começou meu primeiro desafio... encontrar hotel que acomodasse todos nós. Peguei a dica do hotel Nadia aqui no blog e após algumas consultas no tripadvisor decidimos por ele. Confesso que ao descer do taxi em frente ao hotel me deu vontade de ir embora. Apenas uma portinha e um interfone e, logo em seguida uma escadaria ENORME. Sem eexageros. Pensei, Meu Deus onde fui trazer meus filhos? (Aquele conhecido conceito de amsterdã vei forte em meus pensamentos)
Mas o importante é dizer que foi uma ótima dica. O banheiro é mínimo mas o quarto no acomodou perfeitamente. Além disso, é bem localizado (pertinho dos canais do Jordan e do museu da Anne Frank) um atendimento muitíssimo amigável e um café da manhã simples mas delicioso.
Gostamos tanto e nos sentimos tão "em casa" que após 10 dias entre Alemanha e Suiça precisávamos retornar a Amsterdã para pegar o voo de volta e não vacilamos ao reservar, novamente o hotel Nadia.
E a cereja do bolo foi chegar no mesmo quarto que estivemos hospedados e encontrar um singelo arranjo de flores com um bilhetinho "Welcome back home"
Encanto total!
Obrigada po essa e tantas outras dicas!

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Marcelle
MarcellePermalink

Pessoal,
Passei aqui para agradecer todas as dicas de Amsterdam e Holanda que me deram. A viagem foi incrível (cheguei da Europa essa semana) e voltei apaixonada pela cidade. Fique no Hotel Nadia, pertinho do museu Anne Frank, que apesar de ter um banheiro bem pequeno, vale a pena.
Escrevi um post bem detalhado sobre meus 4 dias e meio na Holanda, quem quiser dar uma olhada é só ir no http://viciadaemviajar.blogspot.com/2011/04/amsterdam-cidade-maravilhosa.html

Bjs,
Marcelle

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Dani G.
Dani G.Permalink

Fiquei essa semana no The Bridge Hotel http://www.thebridgehotel.nl e super recomendo. Fica em frente ao rio Amstel, ao lado do teatro Carre e do Hermitage. Bem pertinho da Rembrandtplein, e com tram e metro walking distance tb. Achei a localização perfeita e muito tranquilo. O hotel tem um bom café da manhã incluído na diária.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Tui
TuiPermalink

Gostaria de deixar aqui uma dica sobre o B&B que fiquei em Amsterdam. Chama-se WestViolet ( http://www.westviolet.nl/ ) e foi maravilhoso. Nós pagamos 460 euros para 4 noites (quarto duplo, com banheiro, cama de casal ótima!), e ficamos num quarto excelente, super espaçoso e confortável. Lá, além de ser muito bem localizado (Jordaan), tem a vantagem de ter uma cozinha completamente abastecida 24 horas por dia, e o hóspede tem acesso livre à ela, sem horários. Sem contar na simpatia do dono, o Frank. Quando eu voltar pra Amsterdam certamente ficarei hospedada lá novamente. Espero ter ajudado!

Abraços.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

A. Lot
A. LotPermalink

Li alguns comentários falando descartando a área do Zuidas como longe, fora de mão etc. Em parte é verdade, mas andei recentemente por lá e quero dar uns insights alternativos.

O Zuidas é uma área que está "acontecendo" em Amsterdam, como se costuma dizer. Centro comercial e empresarial de arquitetura moderna, com vários prédios-ícone que já ganharam prêmios de arquitetura, é um lugar que não deve ser totalmente desprezado.

Sei que as vezes a gente gosta de proteger nossos próprios estereótipos sobre os lugares que visitamos, por exemplo, não indo a um lugar de prédios moderninhos em Amsterdam porque queremos continuar com a imagem dos canais e das casas inclinadas do Jordaan.

Ainda assim, eu não descartaria me hospedar no Zuidas, não. Vários hoteis abriram ou estão abrindo por lá, incluindo os 2 que são, possivelmente, as duas maiores barganhas em hotel-design econômico: o CitizenM ( htp://www.citizenm.com ) e o QBIC ( http://www.qbichotels.com ). A área lá está mudando rapidamente, e crescendo, mas dá pra encontrar fácil, fácil diárias para duas pessoas em um quarto tinindo de novo e cheio de modernidades nos dois hoteis por menos de € 100 o quarto. Por modernidades entenda-se um console que pode programar todo o esquema de iluminação de acordo com seu humor, luzes futuristas, dock para iPod/iPhone, acionamento remoto de persianas e controle especial da água do banheiro (no caso do CitizenM). Tem outras coisas.

Eu já fui meio não-simpático à área quando cheguei, e até escrevi reviews assim aqui no VnV. Mas com o tempo, passei a gostar do local. Abriram uns restaurantes transadinhos e nos lobbies dos principais prédios, e assim o local vai ganhando vida noturna também - essa é a grande diferença para a Berrini, ou mesmo a Paulista, por exemplo -, aos poucos.

Para quem quer ir a um lugar diferente, recomendo.

Quanto a hospedagem, com a melhora da estrutura por lá eu diria que é uma opção no mínimo a considerar se vc não conseguir um hotel decente beira-canal. Entre ficar em um hotel de "segunda linha" (muitas escadas, vista para fundos/estacionamento, quartos apertados) no Jordaan ou ir para o Zuidas, eu começaria a considerar a segunda opção. Para ficar na área da Damrak, em obras devido à nova linha de metrô, eu então nem pensaria em trocar.

No entorno do Zuidas tem um parque decente (o Beatrixpark), e a caminhada até a Museumplein dura 25 minutos. De tram, 6/7 minutos. De metrô até perto da Rembrantplein, 10 minutos no máximo. Enfim, não é a típica área que te permite voltando andando de algum programa noturno rapidamente, mas eu passaria a dar uma considerada por lá.

Para quem gosta de arquitetura pós-modernista, é "O" lugar para se hospedar. Há outros hoteis mais convencionais por lá também, sem luzes que mudam de cor. E, por enquanto, vc vai se misturar mais com a turma local do que com os milhões de turistas que ficam no circuito Leidsenplein-Dam-Rembrantplein.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Adriana
AdrianaPermalink

Lúcia, os hotéis em Amsterdam são mesmo caríssimos. Pelo que vi, você escolheu um hotel bem no centro, numa das melhores localizações, então há que se pagar por isso. É como dizem, location location location.

Ultimamente tem muita gente escolhendo ficar fora do centro onde os preços são mais acessíveis. Alguns amigos ficaram ao M Citizen ( tem um no aeroporto de Schiphol e outro em Amsterdam Zuid ) e gostaram, apesar de ser um hotel bem maluquinho. Eu acho as tarifas imbatíveis, é quase preço de albergue da juventude. Amsterdam Zuid não é muito próximo do centro, dá uns 15/20 minutos de trem ou bonde.

Boa sorte, Adriana

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Pedro
PedroPermalink

Gostei muito do hotel Citizen M (que ficou em primeiro no Tripadvisor na categoria Trendiest Hotel). Realmente é um pouco afastado do centro de Amsterdã, mas isso não se tornou um grande problema por conta do excelente transporte público da cidade.Inclusive existem ônibus noturnos que funcionam da meia noite às 7 da manhã.
Considero uma opção barata (paguei 80 euros em um quarto de casal) para a cara amsterdã.
Abraços

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Elisabm
ElisabmPermalink

Oi Renata,
acho que uma boa opção é o Citizen M.
Há um no aeroporto e outro perto do World Trade Center e da estação de trem (foi nesse que ficamos). Inclusive, do aeroporto até o hotel vc pega o trem e salta na estação seguinte.
É um hotel bom, bonito e barato.
Dê uma olhada no Trip Advisor para checar os comentários.
Elisa

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Adriana
AdrianaPermalink

CitizenM, ultra prático!!! Você vai andando da porta ao hotel - uns 5 minutos, nada de se preocupar com shuttles e taxis. E é uma pechincha, 69 euros. Veja as resenhas no Tripadvisor, ele é todo moderninho e apesar do quarto ser minúsculo, é tudo novinho e ultra confortável.

Se você quiser um pouco mais de luxo e espaço, eu recomendo o NH em Hoofdorp, tem shuttle, mas custa 3 X o preço do CitizenM

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Georgia
GeorgiaPermalink

Oi Pessoal queria agradecer ao Andre L. pela indicação do CitzenM Amsterdam City. Fiquei hospedada lá agora entre os dias 8 e 14 de maio. Para o estilo da minha viagem (muitas day trips) foi fundamental. Cheguei em Amsterdam pelo aerporto e peguei trem para Amsterdam Zuid chegando ao hotel com uma curta caminhada. Como fiz várias viagens de trem, saí sempre de Amsterdam Zuid, o que facilitou bastante. O hotel é lindo, moderno, confortável, muito bom mesmo. O único incoveniente é o fato de não estar no centro. Mas os preços de hotéis no centro e com as comodidades que eu procurava como wifi, elevador e etc... estavam muito altos. O tram 5 para ao lado do hotel e chega no centro rapidinho. Comprei o OV Chipkart. Se eu tivesse ficado nas imediações do Voldelpark (era minha outra opção) teria que ter comprado o cartão do mesmo jeito e usaria a Centraal Station como estação de trem para fazer as viagens que fiz. Acho que a escolha foi acertadíssima. Adorei!

Pessoal, jantei um dia no "Moeders", que é um restaurante que serve pratos típicos da cozinha Holandesa, mas com jeitão de comida caseira (comida de mãe - daí o nome do restaurante). Foi uma indicação do Daniel Duclos do Ducs Amsterdam e que eu adorei.

Fui ao Keukenhof, que é lindíssimo, a Haia e Delft (imperdível) e a Bruges. Fui a Bruges como day trip mesmo sabendo que era muito longe e tal. Eu tinha uma história mal resolvida com Bruges por uma passagem rapidíssima e frustrada por lá em 2007. Como eu não tenho planos de voltar à região num futuro próximo resolvi encarar a viagem de trem partindo de Amsterdam mesmo achando que seria muito cansativo, e de fato foi! Para mim foi legal ter ido. Mas não acho que vale o esforço. É muito longe para bate-e-volta. Na minha opinião, o bate-e-volta perfeito a partir de Amsterdam é Delft. A cidade é lindinha. Medieval por Medieval...

Obrigadíssima Riq, A bóia, Andre L e todos os trips.

Beijos

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Cintia
CintiaPermalink

Ola. Acabei de voltar da Europa e fiquei no Stayok Vondelpark em Amsterdam. Achei excelente. A localizacao e a infraestruturas são ótimas. Tem até elevador! Os quartos sao limpos e confortáveis e tem banheiro e chuveiro dentro deles. E o café da manhã é muito bom também.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Mary
MaryPermalink

Fui a Amsterdam em novembro de 2011 e posso dizer que fui muito feliz em ter ficado num albergue. Ficamos no Stayokay Vondelpark, literalmente dentro de um parque, por um ótimo preço pra quem não está a fim de curtir todos os luxos que um hotel pode ter. Então as instalações são simples, mas tudo organizado, limpo, funcionários prestativos, um ótimo café-da-manhã, bem próximo do tram, excelente aquecimento e banheiro. Apesar de ser um hostel, pode-se ter um quarto privativo de casal. Pra nós, caiu como uma luva: 60 euros a diária do casal. Amsterdam vale muito a pena! Linda.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Andre L.
Andre L.Permalink

Desrecomendo FORTEMENTE o Ibis Amsterdam Centraal Station para quem quer qualquer charme. A área próxima está em obras, e ao entrar e sair do hotel para ir a qualquer lugar vc passa por um pedaço que, de fato como o Jorge disse, te deixará com a impressõ a de que "Amsterdam tem um q turismo de prazeres, muitos jovens, bebidas, e ETC…."

Eu, que moro aqui na Holanda, acho aquela área caída e deprimente. Ando algumas quadras para o oeste, todavia, e já estou no Jordaan. Para o leste, três quadras depois já acabou a muvuca de gente "quero-ver-mulher-na-janela-e-olha-que-legal-ele-fumando-maconha" e começa a área do Nieuwmarkt.

Mais um vez, opiniões variam. EU recomendaria se hospedar longe das adjacências da estação - e o REd Light District que é anexo - e, se quiser, até passe lá durante o dia para ver o zoo antropológico (não o das vitrines, mas o das ruas) que é aquilo lá, mas fique próximo de lugares BEM mais interessantes para todo o resto.

Se vc quer pagar pouco, e não liga para usar transporte, fica logo no Zuidas. Área ainda "em desenvolvimento", te oferece os hotéis-design mais baratos que se pode achar com antecedência e garimpagem de ofertas, e tem transporte (metrô, trem e tram) na porta também.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Delma
DelmaPermalink

Como conheço puco Amsterdãm não sei falar d ehotel perto do aeroporto. Mas fiquei ano passado no IBIs da Estação central e achei razoável, preço ótimo, quartos limpos e bom café da manhã.Aconselho também dar voltas por Amsterdã. A cidade vale virar a noite se tiver uma boa ocmpanhia.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Andreliz
AndrelizPermalink

Dica de onde ficar: Hotel Ibis. Fica ao lado da Estação de trem Centraal Station (que te leva pra qq lugar!) e de frente pra Praça Dam (onde tudo acontece). Além disso, o metrô de superfície deles (que passa pela cidade toda), fica em frente. BBB!

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Entretulipas
EntretulipasPermalink

Oi Alice,

O primeiro hotel que você falou realmente não tem uma localização muito legal.

Já o segundo tem uma excelente localização, fica pertinho do Vondel Park e do Museumplein (onde estão dois dos principais museus da cidade, o Van Gogh e o Rijksmuseum).
Aqui nesse site você pode ver a opnião de algumas pessoas sobre o hostel: http://www.hostelworld.com/hosteldetails.php/Hotel-Annemarie/Amsterdam/4585/reviews
Infelizmente, em geral, a impressão das pessoas sobre não é muito boa.
Não sei até quanto você está disposta a pagar, mas nesse mesmo site tem outras opções de hostel com vários preços. Dá uma procurada. Um que eu indico sempre para os meus amigos é o Flying Pig (excelente localização, segurança e, para um hostel, confortável). Nesse site tem mais resenhas sobre este e outros hostels.
Espero ter ajudado.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.

Cristina
CristinaPermalink

No 2o capítulo da série "voltando para contar" rsrs, acho que é de utilidade pública contar quanto custa uma diária de estacionamento em Amsterdam, algo que aprendi na minha 2a vez lá em 26 de Outubro. O mais barato que encontramos foi 35 euros ao lado do Ibis Amsterdam City Stopera, onde ficamos, no hotel Falcon Plaza. Os demais eram de 60 euros para cima (diária)! Dica do próprio Ibis - as 22hs como o estacionamento fica fechado, o hotel abre a porta e vc ainda consegue pagar no cartão de crédito.

Se voltássemos atrás, iríamos de carro novamente, pq só assim percorremos em 1 semana o trajeto Lille (onde pegamos o carro)/Brugges/Amsterdam/Bruxelas (pit stop)/Epernay/Rheims (com Route Du Champagne)/Versailles/Paris (devolução do carro). Nós deixamos o carro 3 dias parado e andamos a cidade toda mas para sair da cidade rumo a Bruxelas tivemos uma idéia do que é dirigir lá, logo se puder não vá de carro.

Como nosso roteiro era grande com momentos de maratona rsrs, voltamos ao modo slow iniciado em Londres e curtimos a cidade: no 1o dia fomos ao Rijksmuseum e a Heineken Experience (2 coisas que não fiz da 1a vez e mesmo não gostando de cerveja foi legal), jantando no Ponte Arcari (um italiano frequentado por locais, dica dos Destemperados, fica em um dos canais principais, Herengracht, 534). Não fizemos reserva pq não sabíamos que hora sairíamos da Heineken mas as 19hs havia mesa disponível numa quarta-feira mas 2 horas depois, havia fila na porta. No 2o dia, chovia muito, caminhamos pela cidade (não deixe de reservar tempo para isso), fomos ao Vondelpark (voltei ao Café Vertigo - almoço em conta com sopa de pomodoro e croquete, sem vinho - 22 euros o casal) e ao Museu Van Gogh. No 3o e último dia, fizemos o passeio de barco, quando enfim vimos nesgas de sol antes de ir para parte corrida do roteiro mas isso é papo para outro comentário em outro post.

Transcrito manualmente pela equipe VnV de uma página que expirou.