Andes (CVC) já usa aeroporto de Bariloche; Lan e Aerolíneas, não

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Andes

Os leitores foram os primeiros a saber -- e a passar a notícia adiante: no começo da noite de sexta (dia 29), saiu no site da Agência de Notícias Bariloche que ainda naquela noite pousaria no aeroporto de Bariloche um avião da Andes vindo do Brasil, em vôo fretado da CVC.

A notícia foi confirmada por outro site local, o Bariloche 2000, que anunciou a aterrissagem do avião ocorrida às 21h29.




Juntando as duas notícias, ficamos sabendo que 1) o avião saiu de Porto Alegre; 2) a empresa planeja operar todos os vôos fretados deste fim de semana (incluindo os provenientes de/com destino a São Paulo) no aeroporto de Bariloche, desde que não haja mudança nas condições atmosféricas.

No início da madrugada os freqüentadores da caixa de comentários puderam ver a notícia sob o ângulo de um personagem: a leitora Álison Karina, que estava no vôo. Assim que teve acesso à internet, ela comemorou a chegada:

Os comentários da Álison Karina

Ou seja: assim como na primeira aterrissagem da Andes, dia 18 de julho, os passsageiros não tinham sido avisados de que desceriam direto em Bariloche.

Comentário de Álison Karina

Só que, à diferença da outra aterrissagem, quando o avião só pousou em Bariloche porque Esquel estava fechado por neblina, desta vez o uso do aeroporto de Bariloche foi deliberado. Tanto que os sites locais (e os antenadíssimos leitores que compartilham informações aqui no VnV) já sabiam. Na manhã seguinte ao desembarque a Álison comentou:

Comentário de Álison Karina

E as outras cias., quando vão descer direto em Bariloche?

Infelizmente continuamos sem resposta para esta pergunta.

A situação da Andes em Bariloche apenas reproduz o que já acontece em Chapelco (San Martín de los Andes), que desde a semana passada voltou a ser usado por fretamentos, mas não por vôos regulares.

O que a imprensa de Bariloche comenta é que, sem a vinda de um certo "avião verificador" da Aeronáutica argentina, Aerolíneas e Lan não poderiam voltar a operar no aeroporto.

Os vôos da Andes continuaram operando por Bariloche durante o fim de semana. Vamos ver se isso vai influenciar/apressar a retomada da rota direta pelas outras cias.

Mais duas boas notícias no dia!

Em Villa La Angostura, reabriu Cerro Bayo!

E comenta-se que o Paso Cardenal Samoré (fronteira terrestre Argentina-Chile mais próxima de Bariloche) pode reabrir para carros e vans no próximo sábado.

Vamos ao rescaldo da situação na manhã de 30 de julho, sábado:

Neve em Bariloche

Os últimos depoimentos têm sido sorridentes. Muita neve na cidade, todos os cerros operando.

Lan e Aerolíneas

Passageiros da Lan têm falado bem do processo de remarcação dos vôos e da assistência em terra quando os aeroportos fecham. Em princípio a Lan vai operar até o dia 14 de agosto via Esquel; os passageiros precisam remarcar seus vôos por esta rota alternativa via site.  Caso o aeroporto de Bariloche seja retomado, passageiros com reservas via Esquel serão automaticamente reacomodados nos vôos diretos. Ainda não foi divulgado esquema da cia. para vôos a partir do dia 15.

Já a Aerolíneas continua cozinhando seus passageiros com reservas a Bariloche. Eles são enrolados até a penúltima hora, quando então lhes é dada a opção de remarcar via Esquel. As informações via site são liberadas a conta-gotas, e sempre sujeitas a reviravoltas. Neste momento, todos os vôos diretos a Bariloche estão cancelados até o dia 3 de agosto. Depois disso, não se sabe -- não existe uma política clara, como a da Lan. Como se não bastasse, a cia. parece praticar uma espécie de loteria com seus passageiros. Os cancelamentos são freqüentes e a assistência em terra é sofrível.

Ônibus de Esquel a Bariloche

São coordenados com a chegada dos vôos. A viagem dura entre 4 e 6 horas, dependendo da quantidade de neve que houver na estrada. Leve lanche.

Cruce de Lagos e Paso Cardenal Samoré (fronteira terrestre)

Por enquanto a única maneira fazer a travessia de fronteira entre Chile e Argentina é pelo Cruce de Lagos. Pela operadora oficial o trecho Chile-Argentina é feito em dois dias, com pernoite obrigatório em Peulla, num dos dois hotéis da companhia. A volta Argentina-Chile pode ser feita em um dia. A leitora Kathleen, porém, andou pesquisando e descobriu que a TurisTour em Puerto Varas e a Turisur em Bariloche vendem a travessia num dia só, sem pernoite em Peulla, nos dois trechos.

A fronteira rodoviária mais próxima, o Paso Cardenal Samoré, continua fechado. Talvez reabra no próximo sábado dia 6. Quando aberto, deve ser liberado apenas para veículos leves. Isso aparentemente não inclui ônibus, mas abrirá a possibilidade de fazer a travessia por vans; acredito que as agências locais se encarregarão disso.

Aeroporto de Chapelco

Está sendo usado apenas para vôos fretados. Aerolíneas não se manifesta sobre retomada de vôos.

Villa La Angostura

Cerro Bayo reabriu. O Bosque de Arrayanes está visitável apenas por via lacustre.

Demais estações argentinas e chilenas

Todas operando e com neve. As tais nevascas do Chile que apareceram no noticiário de TV do Brasil não estavam no seu caminho.

Ushuaia, porém, apresenta problemas de transporte. Na sexta-feira havia 300 brasileiros ilhados sem vôos da Aerolíneas para voltar para casa, informa a CBN.

Relatos de quem está em Bariloche

A caixa de comentários deste post está repleta de depoimentos deixados por leitores que se encontram em Bariloche. Clique para ler (e também aqui, e aqui).

Assine o Viaje na Viagem por email - VnV por email
Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire


181 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Vanessa
VanessaPermalink

Oi Juliano, não confie em nada que a Aerolineas te disser. Eles estão mentindo na cara dura mesmo. Uma funcionária da Aerolineas de Buenos Aires me disse que estão em greve branca por questões políticas já que são uma empresa estatal. Tem aviões no pátio mas não tem tripulação. Este papo de condições meteorológicas não é verdade. As cinzas não são as vilões da história. Os funcionários da Aerolineas é que estão se aproveitando da situação para piorar ainda mais os problemas. Estão na verdade dando um tiro no pé. Eu e minha família levamos 2 dias para ir do Rio até Bariloche e mais 2 dias para voltar e tudo com muita briga no aeroporto. Bariloche está muito bonita como sempre e funcionando normalmente. Se der, poderia trocar suas passagens para outra companhia como por exemplo a Lan? Se não der, se prepare para possíveis problemas....

Cris
CrisPermalink

Fico mais tranquila então,pq estou indo com meus filhos e estamos com tudo arrumado,pois programamos essa viagem a 2 meses atras,e qdo vimos a noticias ficamos um pouco desanimados...Compramos o pacote pela cvc e vamos de gol.

A Bóia
A BóiaPermalink

Este post está fechado para comentários!

Acompanhe a situação no post mais atualizado. Clique:
https://www.viajenaviagem.com/2011/08/e-oficial-consulado-brasileiro-desaconselha-viagens-pela-aerolineas/