Tempestade Emily passa ao largo da República Dominicana

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Emily

Já que tanta gente cai aqui perguntando sobre furacões no Caribe, este ano vou acompanhar de perto a temporada das ventanias para ver se aprendo alguma coisa mrgreen

O caso desta tempestade Emily é exemplar. Um belo dia o National Hurricane Center americano, que fica na Flórida, identifica a formação de uma tempestade tropical em algum ponto do Atlântico Norte e do Caribe. Tão logo é identificada, a tempestade ganha um nome (de uma lista pré-definida) e, olhem que prestígio, uma página na Wikipedia.




A tempestade é então acompanhada de perto. Prognósticos aproximados da sua passagem são feitos, e todos os países que possam estar no caminho são alertados.

No caso da República Dominicana, o aviso foi dado no domingo,  alertando para a possível passagem desta tempestade tropical nas 72 horas seguintes.

A tempestade é então acompanhada de perto: é feita a sintonia fina da sua trajetória. Na segunda-feira havia a possibilidade da tempestade passar por Punta Cana. Na quarta-feira pela manhã já se sabia que o centro da tempestadade não passaria por nenhuma das zonas turísticas, nem pela capital Santo Domingo. No fim da tarde os radares já previam que o centro da tormenta atravessaria a ilha de Hispaniola pelo oeste, em território haitiano.

(Ser poupado do olho da tempestade, porém, não significa escapar das chuvas; são previstas chuvaradas até sexta-feira em todo o país.)

Assim como a trajetória é redesenhada a todo momento, caso seja notado um aumento da velocidade dos ventos, a tempestade pode ser classificada como furacão. Emily é a quinta tempestade tropical do ano; nenhuma até agora ganhou o temido upgrade.

Lições do dia: 1) nem toda tempestade vira furacão; 2) os ventos não atingem indiscriminadamente todos os países que entram em estado de alerta -- aos poucos a trajetória exata vai sendo definida (e redefinida); 3) mesmo que não sofra com o olho da tempestade (ou do furacão), é impossível escapar da chuva pesada.

Saiba mais a temporada de furacões, que vai até novembro, aqui.

Acompanhe as tempestades no StormPulse.

E se você não quer passar por nenhum stress nesse departamento, tenha em mente que:

1) Aruba, Curaçao, Los Roques e Barbados estão fora da rota dos furacões (mas outubro-dezembro é a época de chuvas em Aruba, Curaçao e Los Roques);

2) O Ceará, o Piauí e o Maranhão tem tempo firmíssimo até o fim do ano;

3) A costa leste do Nordeste, do norte da Bahia pra cima, já fica com tempo seco a partir de setembro (o Sul da Bahia é imprevisível).

Leia também:

Furacões no Caribe: um balanço por Ricardo Freirepor Ricardo Freire

Pequeno guia para descobrir sua ilha no Caribe

Caribe para principiantespor Ricardo Freire

Assine o Viaje na Viagem por email - VnV por email
Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire
Siga o Viaje na Viagem no Twitter - @viajenaviagem


27 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Adriana Cristina
Adriana CristinaPermalink

Ola ,muito bom seus tópicos, obrigada pelas dicas.Como está a metereologia e onde busco para saber mais dia a dia?

Vc sabe se lá pelo dia 16 de agosto em Punta cana, ainda estará em chuva? obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Adriana! Dia 16 esta tempestade já terá passado. Nada impede que passe uma nova -- ou que não passe nenhuma (o que é mais provável). A previsão do tempo na internet nunca é muito animadora nesta época, porque com a alta umidade os sensores sempre informam o pior cenário (chuva). Mas na prática faz sol na maioria dos dias (não é impossível, no entanto, uma seqüência de dias feios). Pense no verão do Sudeste, é parecido (os furacões seriam mega frentes frias trazendo ventos).

lara
laraPermalink

oi estou indo para punta agora dia 08/agosto e estou com muito medo de ter um furacão, será q essa semana tem algum perigo?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Lara! Leia o post acima para se tranqüilizar!

Camila
CamilaPermalink

E quanto a Miami? Qual será o efeito de Emily por lá? Mesmo que o olho não atinja a cidade teremos chuva forte até que dia? Chego no sábado!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Camila! Para clima no território americano, acompanhe o http://www.weather.com , que é bem detalhado e traz todos os alertas necessários. Mas não se estresse à toa.

Andre L.
Andre L.Permalink

Para os aficcionados, lá na página do National Hurricane Center, se vc clicar em cima de uma tempestade, aparecem (dentre outras) três opções:

Hurricane Wind Speed Probability - Áreas em amarelo (ou vermelho) tem grande chance (40% ou mais) de serem atingidas por um ventos com intensidade de furacão daquela tempestade espefícia (os gráficos são por tempestade). É onde, em em geral, são ordenadas evacuações.

50-knot Wind Speed Probability - Áreas em amarelo e vermelho estão mais sujeitas à ventos fortes, do tipo que recomendam vc não sair do hotel por algumas horas quando a tempestade passar por algum lugar, mas improváveis de causarem danos além de sujeira que se limpa em 1 dia.

Trop Storm Wind Speed Probability - Áreas em alarelo e vermelho tem maior probabilidade de ventos no nível de "tempestade tropical". Por "tempestade tropical", entenda-de uma típica tarde de chuva e ventos fortes em São Paulo, Rio ou - digamos - Goiânia. Se uma área está "verde", pode-se ficar mais tranquilo.

É importante, embora seja meio detalhista demais, entender que os furacões agem, para usar uma expressão "leiga", como verdadeiros "sumidouros" de tempestades nas proximidades. Isso significa que se tem um furacão não muito grande passando a 400km, é provável que o céu onde vc está esteja limpo e ensolarado. Antes e depois da passagem de furacões, o tempo fica bom nas áreas atingidas pelo memso.

Por isso, eu sempre digo: o "risco climático" de ir para praias do Sul e Sudeste brasileiros entre novembro e fevereiro (tragicamente, a alta temporada...) é maior do que o de ir para o Caribe, porque as tempestades nesses lugares são mais difusas, podem durar dias, e trazem frentes de chuvas com várias centenas de quilômetros que de movem lentamente - além de derrubarem as temperaturas.

Para quem for mais preocupado, recomendo uma passagem pelo http://en.wikipedia.org/wiki/Atlantic_hurricane . Nesse artigo, vc pode consultar um mapa combinado com a rota de todos os furacões atlânticos desde 1851 e, mais interessante, baixando o scroll vc pode ver gráficos com as probabilidades históricas de furacões por região por mês (agosto, por exemplo, clique aqui: http://en.wikipedia.org/wiki/File:Typical_North_Atlantic_Tropical_Cyclone_Formation_in_August.png). Olhando lá rapidamenta, dá pra observar, por exemplo, que setembro é o mês de maior atividade histórica, e também que o começo do outono (outubro) praticamente não tem furacões no Caribe oriental e meridional, com a atividade predominando no Golfo do México (o contrário de agosto).

Mas, mesmo assim, repito: se alguém contabilizar algo como dias de chuva-que-atrapalha-turismo-a-cada-30-dias ao longo de 20, 30 anos, qualquer ponto ao sul de Itacaré no litoral brasileiro faz feio perto de áreas afetadas por furacões.

O único aspecto que fica realmente afetado por dias após um furacão leve é a balneabilidade. Furacões causam distúrbios fortíssimos nas correntes marítimas e tornam o banho perigoso mesmo depois que o céu "limpou". Mas qualquer ilhota do Caribe é bem sinalizada nesse aspecto.

Daniel Gomes
Daniel GomesPermalink

Eu e minha esposa estamos em Punta Cana, mais precisamente no Now Larimar e estamos sentindo o reflexo do furacão pois o tempo está fechado, nublado, chove de vez em quando e o vendo está muito forte.
Mas está tudo bem por enquanto. Só espero que o sol volte, porque estou em lua de mel e ainda não conseguimos aproveitar nem as piscinas e nem o mar caribenho.

Daniela
DanielaPermalink

Estou em Punta Cana noHard Rock! Chegamos ontem a noite, hoje o tempo esta nublado, chovendo em alguns periodos, porem muito abafado, gracas a deus o hotel é imenso e maravilhoso entao nao paramos nem um segundo!

Adriana Cristina
Adriana CristinaPermalink

Que legal Daniela,estamos indo pro Hard Rock dia 16 ,espero q melhore esse tempo rss, conte mais sobre o hotel,dê -nos dicas rss
Aproveite bem tb rs

Rodrigo
RodrigoPermalink

Nossa, estou indo na segunda-feira (08/08) e agora fiquei bem preocupado. Não com os efeitos do furacão, mas pelos dias chuvosos e fechados...casarei no sábado e vou em lua de mel, espero pegar uma boa semana.

Daniela
DanielaPermalink

O pessoal do hotel me disse que o tempo ruim sera somente hoje e amanha, venha sossegado

Rodrigo
RodrigoPermalink

Valeu Daniela, obrigado e bom proveito ai.

Daniela
DanielaPermalink

Rodrigo, nao esqueça que vc esta de lua de mel então tudo é lindo, estou comemorando 15 anos de casados, o lugar é maravilhoso, e muito quente, vcs vão adorar

Daniela
DanielaPermalink

Adriana estamos no paraiso, o lugar é fantastico, é tudo que o Ricardo Freire disse e mais um pouco, é gigantesco, tem muito restaurantes, bares, lounges, parece um shopping com a exceção que vc não gasta nada para cmer e beber 24 hs. Ganhamos um credito de U$1500,00 para gastar no hotel, vamos gastar em passeios, fotos, jantar romantico, spa, cassino e upgrade carta de vinhos, não se preocupe vc sera paparicada ao extremo, o dificil sera voltar

Adriana Cristina
Adriana CristinaPermalink

Obrigada Daniela, que bom saber de tudo rss mais novidades avise ok, Estou contando os dias já rs,Tomara q faça logo sol.
Abraços

Rodrigo
RodrigoPermalink

Quem bom, Daniela. Então você também está em outra lua de mel, ela deve ser comemorada sempre! Grande agraço.

Bárbara
BárbaraPermalink

Oi Ricardo!
estou planejando minha lua de mel para República Dominicana em outubro/novembro e acompanhando as notícias sobre os furacões. como vi que vc vai acompanhar, segue link que recebi agora de pouco http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI5280517-EI294,00-EUA+meteorologistas+preveem+temporada+de+furacoes+mais+intensa+no+Atlantico.html

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Bárbara! Aqui quem fala é a Bóia. Todos os anos sai uma notícia parecida! Os meteorologistas sempre indicarão o pior cenário grin

Repetindo: quem não quer passar pelo mínimo stress furacônico basta programar suas viagens entre dezembro e junho. O segundo semestre no Nordeste é esplendoroso!

Bárbara
BárbaraPermalink

Bóia, eu estou otimista!
A próposito, estou montando o roteiro com ajuda do blog e da participação de todos os leitores. Iremos para Santo Domingo, Bayahibe, Punta Cana e um dia no Panamá.

Daniela
DanielaPermalink

O sol surgiu hoje em punta cana e o dia foi maravilhoso, venham sem medo!

Adriana Cristina
Adriana CristinaPermalink

Que bom Daniela, as previsoes q chegam pelo hurricane são só de tempo nublado, ciclone... Vc fica até q dia aí?

Daniela
DanielaPermalink

Vou emboradia 11,, infelizmente, hoje o sol foi o dia todo, torrou todo mundo, maravilhoso

Juliana
JulianaPermalink

Olá pessoal....

Oi Daniela, está bom ai???Ai não vejo a hora....Você está em que praia?Que passeios já fez ou vai fazer?

Eu estou acompanhando as noticias por aqui.Vou para Miami dia 7 de setembro e depois vou para Punta cana em 13 de setembro.
Alguém tem alguma dica de site que possamos acompanhar a previsão do tempo e noticias de furacões e tempestades???

Soraia
SoraiaPermalink

Olá Pessoal!

Chego em Punta Cana no dia 12, ficarei hospedado com meu noivo no Paradisus Punta Cana. Alguém tem informações sobre este hotel? Não conseguimos reservar na categoria Royal, será que o atendimento e serviços são muito diferentes?

Abraço à todos!
Soraia

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Soraia, veja opiniões sobre o Paradisus Punta Cana neste post:
https://www.viajenaviagem.com/2011/01/hoteis-de-punta-cana-os-depoimentos-dos-leitores/

Ricardo Freire
Ricardo FreirePermalink

Este post está fechado para comentários.

Leia tudo sobre Punta Cana a partir da nossa página-guia:
https://www.viajenaviagem.com/americas/caribe-a-z/punta-cana-ricardo-freire