De Interlaken ao Top of Europe, pela Jungfraubahn

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Jungfraujoch: Top of Europe

Uma semana depois de ter passado por rapidamente Interlaken, voltei. Não podia seguir viagem sem ver como é aquele que talvez seja o lerê mais importante da Suíça: a subida ao chamado Topo da Europa -- o lugar mais alto do continente aonde se pode chegar de trem.

Separe um dia inteiro para o passeio: o circuito completo dura no mínimo seis horas, combinando linhas convencionais (que servem ao transporte de moradores também) com a Jungfraubahn, o trecho final de acesso ao Top of Europe. De quanto mais tempo você puder dispor, melhor: dá para fazer paradas intermediárias, sem precisar fazer baldeações imediatas.

Quem dorme em Interlaken faz um passeio mais tranqüilo. Estando hospedado em outra cidade você precisa acrescentar mais 1h em cada sentido desde Berna, e 2h em cada sentido desde Lucerna, Zurique ou Lausanne.

O circuito completo

A viagem começa na estação Interlaken Ost, que funciona como a estação central de Interlaken. O circuito é circular. Em Interlaken você decide se quer subir por Lauterbrunnen ou por Grindelwald (você sobe por uma, e desce pela outra). Os horários são sincronizados com a chegada de trens de Berna, Lucerna e Zurique. O Swiss Pass permite ir até Lauterbrunnen ou Grindelwald (e voltar também, claro), sem suplementos.

O primeiro trem do circuito

O primeiro trem do circuito

Eu subi por Lauterbrunnen. São só 20 minutinhos até lá, e então acontece a primeira baldeação, para Kleine Scheidegg. Neste trecho quem tem Swiss Pass tem direito a 50% de desconto.

De Interlaken a Lauterbrunnen

Baldeação em Lauterbrunnen

O segundo trem do circuito

Eu não tinha tempo sobrando (precisava chegar a Lausanne a tempo de pegar minha bagagem no serviço de Fast Baggage), então não pude fazer nenhuma parada intermediária. Mas morri de vontade de parar em Wengen, a 1.300m de altitude, uma cidadezinha debruçada no precipício.

Wengen

Subindo por um lado ou pelo outro, você vai precisar descer do trem em Kleine Scheidegg, a 2.060m de altitude, que fica a 1h20 de viagem desde Interlaken. Ali você embarca na Jungfraubahn. O Swiss Pass dá 25% de desconto.

Kleine Scheidegg

O último trem do circuito

A ferrovia já tem mais de 100 anos. Foi idealizada numa época em que não havia tecnologia de teleférico, e o único jeito de alcançar grandes alturas era por meio de trilhos. Para chegar a 3.500m de altitude, a solução foi construir 7,5 km de túneis por dentro do Eiger e do Mönsch. A viagem desde Kleine Scheidegg leva uma hora, a maior parte dentro do túnel; na ida há duas paradas para apreciar os montes nevados em mirantes envidraçados.

Antes de entrar no túnel

Parada no túnel

Mirante em Eismeer

Quando o trenzinho sai do túnel, lá em cima, a 3.500m de altitude, você está em Jungfraujoch (o "pé do monte Jungfrau"), um belíssimo plateau para contemplar os picos do Jungfrau, do Eiger e do Mönsch, além de impressionantes geleiras alpinas.

Top of Europe

Mas hoje o Jungfraujoch é mais do que as vistas; foi transformado num parque de diversões nas alturas: por isso o nome-fantasia Top of Europe.

Top of Europe

Jungfraujoch, Top of Europe

Lembre-se que ao chegar a 3.500m você não pode correr nem se apressar. Eu levei uma hora inteira, sem pausa para café, só para andar pelas atrações lá de cima. O circuito básico consiste em dois mirantes ao ar livre e um palácio de gelo.

Jungfraujoch, Top of Europe

Jungfraujoch, Top of Europe

Jungfraujoch, Top of Europe

Jungfraujoch, Top of EuropeJungfraujoch, Top of EuropeJungfraujoch, Top of Europe

Fora isso, dá para visitar a loja da Lindt, assistir a um filme com imagens panorâmicas das montanhas, caminhar (40 min.) até um café que fica num ponto mais alto (não fui) e, no verão (deles!), brincar na área Snow Fun, que tem tubing e tirolesa (e alguma neve garantida em julho, ao contrário de Bariloche).

Tchau, Top of Europe!

Jungfraujoch, Top of Europe

Volta-se a Kleine Scheidegg e de lá toma-se o trem para descer pelo lado oposto ao que você subiu. Em Lauterbrunnen ou Grindelwald o seu Swiss Pass volta a valer sem suplementos.

Kleine Scheidegg

Desci por Grindelwald, a 1.035m de altitude, que é -- dizem, não tive tempo para dar um rolê -- o mais arrumadinho e perfeitinho dos vilarejos montanheses suíços (dizem que é até perfeito demais). Ali perto fica Grindelwald First, onde há um lindo lago à beira da geleira. Só não desembarquei por causa da minha bagagem me esperando em Lausanne...

Grindelwald

Entre Grindelwald e Interlaken

Entre Grindelwald e Interlaken

Entre Grindelwald e Interlaken

Cheguei a Interlaken a tempo de pegar o trem coordenado que me levou a Berna e depois a Lausanne, onde minha mala, despachada de manhã cedo em Lucerna, estava à minha espera. Deu certo!

Os trechos Interlaken Ost-Wengen e Grindelwald-Interlaken Ost custam, somados, 25,80 francos suíços. O trecho é gratuito para portadores do Swiss Pass.

O circuito Wengen-Kleine Scheidegg-Top of Europe-Kleine Scheidegg-Grindenwald custa 210,40 francos suíços. Portadores de Swiss Pass têm 25% de desconto. Crianças até 5 anos (inclusive) não pagam.

Ricardo Freire viajou à Suíça a convite do Swiss Travel System.

Leia mais:

362 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Andre L.
Andre L.Permalink

Jungfrajouch é um desses passeios que são famosos, custam caro mas valem cada centavo (ao contrário de gôndolas em Venezia, por exemplo).

Quem está de carro pode estacionar em Wegen.

Alessandro A.
Alessandro A.Permalink

Concordo plenamente! Foi um dos passeios mais bonitos que já fiz, incluindo o visual de todas as vilas pelo caminho.

Claudia Neujahr Klein
Claudia Neujahr KleinPermalink

Pra quem quer gastar um pouco menos e ver as montanhas jungfrau mönch eiger de longe existe a opção de ir a Schilthorn, um local de beleza incrível, que já foi palco de filme do 007. De Interlaken se vai até Lauterbrunnem de trem e depois se pega uma sequencia de cable cars. O visitante é obrigado a caminhar por entre os vilarejos pitorescos. É um passeio imperdível. Maiores detalhes aqui http://www.schilthorn.ch/en/schilthorn/

Olindo
OlindoPermalink

Gostaria de dar uma dica, para os que vão ao Corcovado no Rio de Janeiro,êles tem um convênio com Interlaken, que dá um desconto de 50% de desconto em Interlaken e vice versa, é só levar o ticket do Corcovando.Eu ainda não fui, mas no meu aniversário em novembro, quero estar lá no topo com minha mulher e Deus que acompanha a nós todos.

Mari Campos
Mari CamposPermalink

Foi uma das viagens mais lindas que fiz, sem dúvidas. E achei Grindelwald uma fofura; tomara que na próxima vc faça um stopzinho lá.

Luciana
LucianaPermalink

Faço coro, é o passeio mais lindo que já fiz e vale cada centavo. Interlaken também é uma graça, sugiro alugar uma bike e dar umas voltas!

Andre L.
Andre L.Permalink

Para quem está em grupo (família, por exemplo) e fica fora do orçamento gaster € 500 para um passeio para 4 pessoas, existe um passeio alterntivo que dispensa o trem e pode ser feito em um dia com aluguel de carro entre maio e outubro/novembro (a data exata de início e final depende do clima em cada ano): um circuito rodoviário pelas passagens alpinas de Susten, Furka, Grimsel e San Gotthardo/Gotthard (e talvez Passo della Novena).

Não é um passeio "igual ao Junfraujoch", a altitude máxima é cerca de 600m mais baixa, as paisagens são diferentes, mas também há uma forma diferente de apreciá-los.

Usando Interlaken como base, dá pra fazer o passeio rodoviário em carro alugado em um dia como bate-volta. O trajeto todo tem 188km.

Saia de Interlaken, vá para Gamden, Andermatt, Realp e Grund (isso completa uma rota quadrilátera que pode ser conferida aqui: http://g.co/maps/mcwf6).

Passagens alpinas com mais de 2000m: Susten, Fürka e Grimsel

Não se deixe enganar pela distância: é passeio para um bem preenchido dia inteiro. Serpenteando por várias motanhas e acompanhadno vales, você pode ter uma impressão dos Alpes suíços distinta daquela provida pelos trens.

As estradas alpinas praticamente não tem túneis, vão "escalando" as montanhas (https://picasaweb.google.com/lh/photo/4H6Awa9v0rfb5kLXFLWLwg?feat=directlink), serpenteando os vales (https://picasaweb.google.com/lh/photo/vLMlN_BS3f1OuW8G4zsy6g?feat=directlink) ou percorrendo os entre-águas, áreas altas de montanhas que dividem vales diferentes (https://picasaweb.google.com/lh/photo/LVPBpfJRIpQP8HXgpiXK_w?feat=directlink).

No meu álbum do Picasaweb (https://picasaweb.google.com/andrelot/AlpineMountainPassTour?authuser=0&feat=directlink) tem várias outras fotos de 11 diferentes passagens nos Alpes, incluindo os suíços.

Como disse, o trajeto rodoviário é mais lento do que de trem, devido às baixas velocidades das estradas, e muitas curvas. Mas, em contrapartida, é possível ter acesso a alguns vales ainda mais remotos e, em grande parte, despovoados. A sensação de ir subindo uma montanha de altitude 450m até 2.500m (https://picasaweb.google.com/lh/photo/S7wlRvrnS7KGxQM6L6bkeg?feat=directlink) é algo único e, com tempo favorável, uma experiência inesquecível. É uma experiência diferente (não diria melhor ou pior) do que observar os Alpes pela janela de um trem.

Essas estradas que eu mencionei são bem mantidas, e bem sinalizadas. Há inúmeros mirantes e pontos de observação onde você pode parar, além de alguma estrutura (café, restaurante etc.) em cidadezinhas pelo caminho e no topo de cada passagem. Você pode ir controlando seu ritmo sem pressa.

Além disso, há vilarejos alpinos ainda menores pelos quais você em geral passaria batido em uma viagem de trem (pois exigiriam transfer de Ônibus desde a estação etc.), mas que de carro se tornam acessíveis facilmente: vc estaciona (em geral na entrada da cidade), e faz um pit-stop para agradáveis caminhadas e fotos, muitas fotos. Lugares com população de 300, 500, 1.000 habitantes, sem muita atividade turística dominando toda a área como em Zermatt ou mesmo Sankt Moritz.

Uma nota interessante é que parte dessas passagens rodoviárias foi construída em locais históricos usados deste os tempos do Império Romano para servir de vias de comunicação entre diferentes vales. São estradas que foram sendo reconstruídas e reconstruídas, em geral no mesmo alinhamento próximo, por vários séculos, quase 2 milênios!

Enfim, é um passeio que pode valer muito a pena se você não prentendo subir ao Junfrajoch, ou realmente gosta de montanhas e quer ter tanto a experiência do Junfraujoch e a das passagens rodoviárias. Não é um passeio que precisa sair caro.

Agora, as observações de como fazer esse passeio:

- dá para alugar carro em Interlaken um dia de manhã e devolvê-lo na manhã seguinte (não se apresse marcando devolução para o mesmo dia)

- o passeio é inútil se houver neblina e cerração abaixo de 2000-2500m durante todo o dia. Sites de previsão do tempo informam isso a você

- as passagens alpinas rodoviárias fecham entre o fim de outubro/começo de novembro e o fim de abril/maio. Os melhores meses para fazer a rota são junho e julho, quando o derretimento de neve é maior e os rios e cachoeiras ao lado da estrada mais caudalosos

- não dirija à noite por lá

- lembre-se que o passeio demanda muita atenção do(s) motorista(s). As estradas nào tem congestionamento e a área toda é muito ampla, vasta, mas se a mera ideia de "descer para o litoral" te dá nos nervos por conta das curvas na serra do mar, é melhor não encarar as estradas (a média de curvas fechadíssimas é de uma a cada 2,3km).

San
SanPermalink

Passamos uma semana em Wengen com as crianças e lá comemoramos a chegada de 2009! Muita neve e diversão! Uma região maravilhosa!!!

Sandra
SandraPermalink

Estive na Suíça em maio, fiz o passeio que o André L. relatou e achei realmente maravilhoso. É conhecido como Três Passos (Passo Furka, Grimsel e Sustem) e o descobri no guia da Folha (Suíça). Em pleno mês de maio pegamos uma nevasca no alto da montanha que foi emocionante. Não há comparação com o Jungfrau, uma coisa é uma coisa e outra coisa é outra coisa. Hoje, quando vejo as fotos que tirei, não sei o que é mais bonito. Deve-se fazer o passeio com muita calma, parando em cada mirante para admirar com a alma a beleza dos Alpes e curtir os típicos vilarejos suíços da região.

Pati V.
Pati V.Permalink

Essa viagem é absolutamente imperdível e inesquecível! Não tive a sorte de ir ao Matterhorn por causa do tempo, mas consegui ir ao Jungfraujoch. Que cenário.

Riq, estive naquele café que você citou, é uma caminhada e tanto (ainda mais considerando a altitude) mas vale a pena! Se alguém se interessar, tem um post no meu blog com fotos de lá:

http://garfosequartos.wordpress.com/

Abraço!

Josiane
JosianePermalink

Olá!
Gostaria de obter maiores informações sobre a Jungfrau, se possível alguém me ajudar.
O circuito básico que consiste em dois mirantes ao ar livre e um palácio de gelo deve ser pago a parte?
Para o mês de dezembro entre os dias 26 e 28 as tarifas são mais caras?
Obrigada!

Sandra
SandraPermalink

Josiane,

Agora me lembrei: acho que em dezembro Jungfrau fecha, por causa do frio.
Sandra

Josiane
JosianePermalink

Quais os os atratidos no mês de dezembro?

Sandra
SandraPermalink

Josiane,
A passagem para Jungfrau é cara (não me lembro do valor, acho que CH 120, mais ou menos), mas depois vc não paga mais nada. Vai trocando de trem, tudo muito simples e fácil, é só seguir o fluxo das pessoas. Lá em cima é tudo free, a entrada no Palácio de Gelo, a visita ao mirante, o elevador, quantas vezes quiser. O único passeio que deve ser pago é para escorregar de trenó (CH 15). É legal de ir cedo e sem compromisso na sequência, para poder curtir tudo até cansar, inclusive passear nas cidadezinhas onde se troca de trem. Você não deve, necessariamente, pegar imediatamente o trem seguinte, pode passear à vontade e depois voltar à estação e seguir viagem. É tudo bem democrático. A única despesa é com alimentação (é caro), mas vale levar um sanduichinho. Eu fui em maio, não conheço as tarifas do trem para dezembro.
Faço coro com o pessoal daqui: é um passeio que vale cada centavo.
Abraços.

Josiane
JosianePermalink

Sandra.
Muito grata pelas informações.
Vamos ficar 3 dias em Interlaken, já estou achando pouco... rs...
O frio vai ser de lascar!!!
Já coloquei na cabeça que quero ver tudo!!!

Rafael
RafaelPermalink

Estou precisando de uma ajuda, fui este fim de semana pra Basel e la ia comprar o swiss pass, mas ela disse que é soh 25% de desconto.

Estou vendo o passe errado? E mais diferente do post diz q devo comprar jah em Grindelwald ou Lauterbrunnen, sendo que depois nao tem validade

abraco

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rafael! O Swiss Pass é um passe de trem que possibilita viajar vários dias de trem pela Suíça de maneira ilimitada. Durante a validade do passe você tem desconto nos trens panorâmicos. A razão para comprar o Swiss Pass não é pegar o desconto nos trens panorâmicos; é fazer viagens ilimitadas pela Suíça.

Rafael
RafaelPermalink

Eu sei disso,
mas como nao vou ficar muitos dias na Suica, soh vale a pena fazer o SwissPass se houver este desconto. E queria saber de alguem que jah foi pra montanha, como fez, ateh onde eh a validade do swiss pass e qual foi o desconto, espero nao ter sido mau entendido

PS: Desculpa a mal acentuacao mas estou usando um teclado Italiano.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rafael! O Swiss Pass, se válido no dia em que você for a Interlaken, dá 50% no trecho do Jungfraubahn (Kleine Scheidegg-Top of Europe-Kleine Scheidegg). Os demais trechos estão todos cobertos integralmente pelo passe.

Retificando:
- portadores do Swiss Pass têm 50% de desconto nos trechos Lauterbrunnen-Kleine Scheidegg-Grindenwald, e 25% no trecho Kleine Scheidegg-Top of Europe-Kleine Scheidegg. O passe cobre 100% entre Interlaken e Lauterbrunnen e entre Grindenwald e Interlaken.

Rafael
RafaelPermalink

Muito obrigado pelas informacoes,
acho que agora posso ficar mais tranquilo e planejar outras parte da viagem.

E nossa que rapidez pra responder as duvidas hein, parabens

abraco e mais uma vez obrigado

Fabiana
FabianaPermalink

Olá a todos,

Estou indo pra Interlaken em abril. Minha dúvida é sobre a variação de temperatura durante a subida ao Jungfrau. Vejo pelas fotos do post gente bem agasalhada na neve, mas também outros de braços nus nas cidadezinhas ensolaradas da base da montanha. Não conheço inverno com neve e queria uma orientação sobre o frio lá no topo do Jungfrau. Quanto é a temperatura, mais ou menos nessa época? É preciso usar roupa especial, tipo calcados impermeáveis e casacos pluma de ganso, ou tenis e agasalhos normais quebram o galho? Talvez a Sandra possa me ajudar, já que esteve lá na mesma época, maio.
Parece besteira, mas pra quem não conhece neve, fica difícil ter noção do frio... rsrs

Abraços,
Fabi

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fabi! Leve casaco de penas de ganso, você vai precisar. O topo é gelado até no verão.

Fabiana
FabianaPermalink

Obrigada, Bóia.
Vou levar sim.

Abraço,

Fabi

Fernanda
FernandaPermalink

Olá, Boia! Estarei em outubro na região, camiseta de manga comprida, suéter e casaco de lã até o joelho dá conta do frio? É que não tenho casaco de pena de ganso, é a primeira vez que visito um lugar com neve. Tem algum lugar que aluga por lá? Tem ideia de preço? Estarei em Lucerna, sabe se lá vende esse tipo de roupa a preço acessível? Apesar que desanima de pensar em seguir para a França depois com esse peso na mala... rs Me ajuda...rs Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fernanda! Não há aluguel de roupas de inverno. Lá em cima estará perto de zero grau.

Monica lamonato
Monica lamonatoPermalink

vou ser repetitiva, esse PASSEIO É MARAVILHOSOS!!!!!Inesquecivel!!!! Estivemos em dezembro/janeiro 2010/2011, passamos o reveillon em Interlaken...a paisagemm é tão maravilhosa que compensa qualquer frio que passamos...o Jungfrau não fecha em dezembro e é bastante frio, mas basta estar devidamente agasalhado que não tem erro...
Vale reforçar a importancia das paradas para o cafe que o Ric fala, pq a altiutude pega feio e da mal estar mesmo...tem que andar devagar e parar sempre o lugar é enorme...e alguem ai deu a dica de levar lanchinho, o que realmente vale a pena, pq a comida la em cima é cara e nada de excepcional, e alem do mais não é legal comer muito pra não passar mal( experiencia propria passei muito mal no Titlis, depois de almoço regado a vinho, naquela altitude)...
Se voltar, com certeza vou voltar, ficarei em Grindelwald, essa cidade é muuuuiiito fofa....
O Swiss Pass, vale muito a pena...

Edson
EdsonPermalink

Estarei em interlaken de 12 a 15 de abril de 2012. Quero brincar na neve com a familia. O que devo fazer para aproveitar melhor o passeio? Niguem fala ingles na familia.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Edson! É só imprimir este post e seguir as instruções. Basta estar na plataforma certa, e isso sempre é bem sinalizado. É um sistema à prova de chineses, você vai se dar bem grin

luis
luisPermalink

Olá a todos.

Estou a planear visitar em Junho a Floresta Negra, a Alsacia e estar 5/6 dias na Suiça.
Pretendo ficar com base em Interlaken , pois pretendo visitar a Zona do Jungenfrau, Zermatt, e visitar Berna e Luzerna.
A minha pricipal duvida prende-se com o transporte a usar.
Carro ou comboio.
O Swiss Pass da acesso ilimitado em todos os comboios, mas somos 2 adultos e uma criança de 13 anos, o que perfaz a quantia de 680 €. Será que Vale a pena?
Ao fazer o circuito Lauterbrunne - Grindelwald com o mesmo bilhete, posso sair numa estação, visitar a povoação e entrar no comboio seguinte?
Alguem pode indicar um Hotel em imterlaken ou na região?

Luis

Márcia
MárciaPermalink

Vou para Suiça em abril e estou em dúvida se devo levar euros e fazer o cambio no aeroporto de Zurique, ou se e melhor levar os francos suicos do Brasil mesmo. Alguem pode me dar uma dica.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Márcia! Você provavelmente perderia algum dinheiro fazendo esse câmbio no Brasil. Habilite o seu cartão de banco para saques internacionais. Você vai conseguir moeda local em qualquer caixa eletrônico. Leia mais: https://www.viajenaviagem.com/2011/08/a-melhor-moeda-para-levar-para-o-exterior-seu-cartao-do-banco/

Nat
NatPermalink

Olá Ricardo,

Estou indo agora no final de Abril para Zurich, de lá, pretendo passar 1 dia em alguma dessas montanhas (com gelo), primeiramente gostaria de saber quais são montanhas além de Jungfrau que é possível ver gelo o ano todo, depois, ainda que Jungfrau seja maravilhoso, tenho pouco tempo e estou a procura de algo bem mais econômico e que eu possa ver gelo smile.. você poderia me ajudar? por último, vc sabe informar se há trem noturno partindo para Milão? Fico grata pelas informações.. Um abraço a todos!!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Nat! Aqui quem responde é A Bóia.

Os trens diretos de Zurique a Milão levam apenas 3h30. Não há ligações noturnas. Mesmo se houvesse, não recomendamos. É uma economia que dificilmente vale a pena, você não dorme direito, chega cedo demais. Se quiser dormir deitada, a couchette custa o mesmo que uma cama num albergue.

Zurique não é o melhor lugar da Suíça para se basear: é mais caro e há poucos passeios exatamente na região. Fique em Lucerna, de onde você pode passear ao Monte Pilatus.

NAT
NATPermalink

Oi Bóia,

Muito obrigada pelas informações. Andei verificando, embora o Monte Pilatus tenha neve no pico o ano todo, nessa época que vou (primavera/verão)me parece que é muito pouco, não dá pra esquiar ou fazer outros esportes ligados a neve como o Jungfrau.. Você não conhece nenhuma outra opção?

Fico grata,

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Nat! O Pilatus é o ponto mais alto perto de Zurique.

Invista num passeio ao Jungfrau.

Carol Borba
Carol BorbaPermalink

Oi pessoal!

Estou montando um roteiro pela Suíça para o meio de setembro deste ano (quando concluir mando para pitacos!!). Estou com uma dúvida: o que vale mais a pena, ficar hospedado/montar base em Interlaken ou Lauterbrunne – Grindelwald? Levando em conta que estaremos vindo de montreux de trem, somos 5 mochileiros, com orçamento "apertado" e que querem fazer os passeios da região (Jungfrau e outros.. A preferência $$$ é pelos passeios ). A idéia, em principio, é comprar o swiss pass para transporte entre as cidades...mas tb temos disposição para caminhar bastante no que for possível!! smile

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carol! Setembro é uma ótima época.

O Swiss Pass dá direito 100% até Grindewald ou Lauterbrunne. São duas cidadezinhas para curtir o que seria um vilarejo de montanha (não tão autêntico, porém, por causa do turismo). Interlaken tem mais o que fazer à noite. Procure albergues em http://www.hostelworld.com .

luis
luisPermalink

Ola Pessoal

Para subir ao Jungfrau (Top da Europa)com o Swiss pass temos desconto de 50% apartir de Kleine Scheidegg, ou temos que tirar logo bilhete em Grindewald ou Lauterbrunne.
Se eu quiser fazer um circuito de Grindewald a Lauterbrunne passando por Wengen e Kleine Scheidegg, tenho que tirar bilhete extra ou posso viajar só com o swiss Pass.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luis! O Swiss Pass dá direito até Grindenwald e Lauterbrunne. A partir daí é preciso pagar extras. De qualquer um desses luagres ao Kleine Scheidegg o Swiss Pass dá 50% de desconto. No último trecho (Kleine Scheidegg-Jungfrau), o desconto é de 25%.

Carol Borba
Carol BorbaPermalink

Valeu bóia!!! Muito eficiente até no domingo!!!!!! smile smile smile smile

luis
luisPermalink

Obrigado Boia.
Surgiu-me uma duvida após ter pesquisado alguma informação na Net.
Basta apresentar o cartão nos comboios, ou teremos que passar pelas bilheteiras, e levantar um bilhete, para poder circular?
O Swiss Pass também é valido nos comboios Panoramicos, apenas tenho que fazer a reserva do lugar não é?
O Preço da reserva é consoante o trajecto efetuado?
Ou seja se fizer só metade do trajecto do Glacier Express quanto tenho que pagar pela reserva.

Um abraço a Todos

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luis! Nos trens convencionais, basta estar de posse de um Swiss Pass válido (ou de um bilhete avulso válido para aquele dia).

Para embarcar nos vagões panorâmicos é preciso passar na bilheteria, pagar o suplemento de reserva e o seu respectivo recibo, que precisará ser mostrado ao cobrador.

É possível fazer o trajeto do Glacier Express no todo ou em parte sem precisar usar o vagão panorâmico. Usando os vagões convencionais você só precisará do seu Swiss Pass, sem necessidade de reserva.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2011/10/zermatt-a-st-moritz-no-glacier-express-o-mais-famoso-trem-suico/

luana
luanaPermalink

Ola, estou montando meu roteiro para europa e estou com algumas duvidas apesar de ja ter pesquisado muuito...
Bom,vou fim de outubro,chego em londres, fico 4 dias , vou de aviao para amsterdam,onde fico por 3 dias, depois pego um trem noturno para Lucerna.Chego la dia 31 de out pela manha, e fico ate dia 04 de novembro. Gostaria de fazer um passeio de trem panoramico e um dia em alguma estacao de esqui ( sou iniciante). Pensei em jungfrau ou titlis ou grindelwald. Gostaria de sugestoes!!! Por favor! Por mais q eu pesquise, fica dificil sem saber as distancias, se vale a pena... Da suica vou para paris, so ainda nao sei se de trem ou de aviao.

Sei que ainda esta cedo, mas se nao decidir isso logo, enlouqueco! rsrsrsr muuito obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luana! Lucerna é a base ideal para subir ao Titlis. E de Lucerna também dá para ir ao Jungfrau num bate-volta puxado de um dia. O Ricardo Freire está acabando de postar sobre a Suíça. Fique de olho em posts detalhados nesta e nas próximas semanas.

luana
luanaPermalink

Obrigada!!! Estou aguardando!

Leandro
LeandroPermalink

Moçada,

Estou com dúvidas quanto às roupas. Pretendo ir lá em junho e as temperaturas não estarão tão baixas.
Mas tenho preocupação quanto a calçado (levar uma bota de neve seria necessário, ou um tênis normal já dá?) e quanto às blusas, vi que o Riq sugeriu uma de plumas de ganso, que é a que mais esquenta. Será que acho isso para comprar por lá? Será que acho isso para ALUGAR por lá? Não costumo viajar no inverno, não gosto de frio, só viajo no verão, mas esse passeio, pelo que o pessoal diz é tão imperdível que até estou disposto a encarar um friozinho para fazê-lo.
Se puderem me ajudar, agradeço.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Leandro! No passeio do Top of Europe você não ficará mais do que alguns minutos em temperaturas extremas. O casaco que você levar para o resto da viagem (não se vai à Europa sem casaco, você só não pega frio no sul do continente no alto verão), com um ou dois suéteres (neste caso está valendo o efeito cebola, porque você bota quando estiver lá em cima, e depois é só tirar), serão suficientes.

Leandro
LeandroPermalink

Obrigado, Boia. E quanto aos sapatos? Será que um tênis encharca de pisar na neve, ou pelo fato de serem poucos minutos dá prá aguentar sem ficar molhado o dia todo?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Leandro! Use calçados impermeáveis. Tênis encharcam ao contato com gelo ou neve.

Fernanda
FernandaPermalink

Olá, Boia! Uma bota tipo montaria dá certo? Abração!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fernanda! Precisa ser impermeável se você quiser pisar na neve/no gelo.

Fernanda
FernandaPermalink

Sobre isso só mais uma coisinha: é aconselhável comprar aqui no Brasil ou melhor em Lucerna, onde montarei minha base? Mais uma vez agradeço!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fernanda! Aqui no Brasil você pode comprar nas lojas Decathlon, tem pela internet.

Fernando
FernandoPermalink

Olá! obrigado pelo excelente conteúdo. Vou fazer o passeio em jungfrau em maio e vou seguir exatamente suas recomendações.

O único porém é que não pretendo comprar um swiss pass. Você podia explicar como proceder sem o passe? Tem que comprar cada trecho individualmente? Se na volta eu parar em Grindelwald para conhecer, teri que comprar mais um bilhete pra continuar depois até interlaken?

Sabe dizer quanto custa o swiss pass, e onde comprar?

muito obrigado pelas exelentes informações dos site!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fernando! Basta comprar na bilheteria da estação Interlaken Ost um bilhete Interlaken-Jungraujoch ida e volta, que todo o caminho estará incluído, o dia inteiro.

Você pode comprar o Swiss Pass online ou mesmo quando chegar. No fim da série (falta pouco) o Ricardo Freire vai escrever um post sobre o passe.

Informações sobre o Swiss Pass: http://rail.myswitzerland.com/produkttexte.php?passid=1&lang=es

Leia também: https://www.viajenaviagem.com/2012/02/suica-interlaken-x-zermatt-x-st-moritz/

ademir milton
ademir miltonPermalink

Boa tarde, Bóia. Pelo jeito você é o "nosso google", quando se trata de visitar o Jungfrau... rsrsrs. Bacana, cara! Estive nesta montanha há 15 anos atrás e, realmente, é de tirar o fôlego. Grundewald é qualquer coisa de fantástico. Só que agora, no final de junho estou levando um grupo de 50 pessoas comigo, quase todos acima de 60 anos, inclusive eu. Acho que não haverá grandes dificuldades de conduzir um grupo assim; o que você acha? Meu muito obrigado pela tua opinião!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Ademir! Não entendemos nada de conduzifr grupos por aqui grin

O único conselho que posso te dar é entrar no site da Jungfraubahn e fuçar sobre preços para grupos.

Camila
CamilaPermalink

Boa tarde Ricardo e Bóia,

Eu e mais 3 familiares ficaremos 4 dias em Zurich no final de março, pois nosso vôo chegará e partirá dessa cidade.
Gostaríamos de conhecer Jungfrau (Top of Europe), Berna e Lucerna.
Estamos na dúvida se valerá mais a pena alugar um carro ou comprar o Swiss Pass. O que vcs acham?
Qual é o ponto de acesso mais próximo que poderemos chegar de carro e pegar o trem para o Top of Europe?
Agradeço o auxílio!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Camila! O Swiss Pass é mais negócio do que carro. Carro significa perrengue em cidade grande, problemas para sair da cidade, estacionar, etc.

Berna é uma base melhor para fazer os passeios que você quer (1 hora de todos os lugares).

Camila
CamilaPermalink

Obrigada pela dica Bóia,

Pesquisei no site que vc indicou para comprar o swiss pass e há um desconto de 15% para pessoas que viajam juntas. Entretanto, há taxas de cartáo de crédito e de entrega. E fico receosa de náo dar tem tempo de chegar, pois viajo daqui 15 dias.
Gostaria de saber onde encontro esse passe para comprar em Zurich e se esse desconto de 15% também estará incluído.
Mais uma vez obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Camila! O Swiss Pass pode ser comprado em território suíço. Basta se dirigir a uma estação ferroviária qualquer e ir a um guichê.

kenia
keniaPermalink

Uma dica para quem vai a Jungfrau (Top of Europe) é que o ingresso usado do Corcovado (Rio de Janeiro-Brasil), dá direito a um desconto de 50% para o trecho da subida ao Jungfrau. É só apresentar o canhoto do ingresso já usado no Corcovado, de qualquer ano, na Estação de Interlaken. Acho até que pode-se usar outras vezes o mesmo ingresso pois eles não carimbam. No topo tem até uma foto do Corcovado, pelo motivo de que foi a mesma companhia que construiu as duas ferrovias.

Outra dica para quem vai viajar de trem para e na Suiça, é não comprar os bilhetes pela Internet. Fizemos a pequisa dos preços no Brasil mas não conseguimos comprar, pois o site não completava a transação. Ainda bem! Compramos as passagens em Frankfurt/Alemanha, na Estação principal, para 4 pessoas e ficou bem mais barato, pois reduziu bastante o valor, ficando uma pessoa praticamente de graça. Para quem vai passar poucos dias, talvez não valha a pena comprar o Suiss Pass. É bom comparar os preços.

Luiza
LuizaPermalink

olá, Bóia!!
vou ficar 9 dias na Suiça em dezembro, gostaria de dicas pois quero conhecer Interlaken, Zermatt e Saint Moritz sem correria, quero aproveitar bem as cidades e fazer o passeio a Jungfrau. Vale a pena ficar hospedada nessas cidades? 9 dias é suficiente? vale a pena o Swiss Pass?
Desde já agradeço pela ajuda

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luiza! Encontre por este link as informações que precisa para montar o seu roteiro: https://www.viajenaviagem.com/category/suica/

rose
rosePermalink

Ola, por gentileza poderiam me esclarecer uma duvida? Estarei na europa em maio e gostaria de saber se consigo ver neve e visitar este lugar belissimo nesta epoca? quanto de fato custa para prestigiar este lugar? Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rose! Neve nesta época, só em lugares altos como o Jungfrau. Inclua Interlaken na sua viagem.

carmem
carmemPermalink

Olá Bóia

gostaria de sua para saber qto eu gastaria para ir de Interlaken

ao Jungfau,tenho o EurailPass.Obrigada.

Bjs

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carmem! Portadores do Eurailpass têm os mesmos descontos do Swiss Pass. Não pagam nada para ir até Grindenwald, têm 50% de desconto de Grindenwald a Kleine Scheidegg, e 25% de desconto de Kleine Scheidegg ao Jungrau. os preços estão no finzinho do post.

carmem
carmemPermalink

Oi Bóia,sou eu de novo pedindo mais uma dica,como faço para ir

do aeroporto de Zurique até o Hotel Seidenhof (opçoes).Mais

uma vez obridada.

bjs

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carmem! Pegue um trem até a estação central, depois continue a pé, é pertinho.

Todos os sites de hotéis da Europa costumam trazer informações de como chegar.

Leandro
LeandroPermalink

Pessoas do bem,

Por favor, alguém tem esses ingressos do corcovado para me emprestar/doar. Eu pago os custos de correio (de ida e de volta se for de estimação para a boa alma que me passar isso). Estive lá um tempo atrás, mas não consigo achar os ingressos do trem de jeito nenhum. Como a diferença de preço é imensa, gostaria de ter os ingressos comigo para economizar um pouco.
Preciso de quatro, se alguém tiver. Mas se forem só dois ou um não tem erro já que terei que juntá-los até chegar ao número e preciso começar de algum lugar.
Obrigado a quem puder ajudar. Deixo e-mail para contato desoxi@gmail.com.

rose
rosePermalink

Ola!

Estou tentando comprar ingressos para o Topo da europa pelo site oficial porem dá erros não sei pq. Sabe me dizer se consigo comprar na hora? quanto custa? Este ingresso dá direito a exatamente o que??

Muito obrigada

Rose

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rose! Compre na hora. O ingresso do trecho final, a partir de Kleine Scheidegg, dá direito a subir ao mirante Sphynx, visitar o Palácio do Gelo, percorrer o novo corredor Alpine Sensation e circular pelo pé da montanha gelada.

Os preços estão no final do texto. Por favor: leia com atenção.

Camila e Thais
Camila e ThaisPermalink

Olá a Todos, será que vcs poderiam ajudar duas amigas perdidas... kkkk
Vamos viajar para a Suiça no início de Agosto. Vamos primeiro para St. Moritz ficamos na cidade 1 dia, no outro dia vamos fazer o passeio pelo Glacier Express até Zermatt e ficaremos em um Hotel lá. A nossa idéia é ir no dia seguinte fazer o passeio até o Top of Europe, ou seja fazer um bate e volta de Zermatt até o Top. Alguma dica??? É possível fazer esse bate e volta??? Se sim, o Swiss pass cobriria todo esse trajeto (Zermatt-Interlaken-top of Europe - Zermatt)??? É melhor comprar por aqui???
Desde já muito Obrigada... Estamos já enlouquecendo tentando entender a melhor maneira de aproveitar a Suiça em 5 dias, pois queremos fazer os dois passeios (Glacier express e Top of Europe), economizando ao máximo.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Camila e Thais! Não é possível nem seria desejável fazer o bate-volta de Zermatt a Interlaken. Só circuito da Jungraubahn, a partir de Interlaken, leva de 5 a 6 horas, isto está bastante claro no texto.

Não se preocupem em fazer todos os trens panorâmicos e ver todos os picos espalhados pelo país; uma viagem assim será cansativa e repetitiva.

Leiam:

https://www.viajenaviagem.com/2012/02/suica-interlaken-x-zermatt-x-st-moritz/

https://www.viajenaviagem.com/2012/04/zurique-lucerna-berna/

Camila e Thais
Camila e ThaisPermalink

Olá Bóia, gostaria de agradecer imensamente a sua resposta. Entendemos perfeitamente que o circuito de Jungraubahn leva 6 horas, em um dia de 24 horas não nos importaríamos de usar que fossem 20 horas ou mais para fazer o bate e volta, já que faríamos isso um único dia. Como vamos ficar poucos dias gostariamos de nos esforçar e fazer os dois passeios... Enfim obrigada pela sua atenção!!!

Aline
AlinePermalink

Ola, estarei na Suica de 15 a 18/11/2012.
A principios meus planos sao: Desembarco em Berna e fico la o primeiro dia curtindo a cidade... quero tentar reservar algum tour no parlamento da suica, ouvi dizer que existem varios tour que sao free, mas se nao tiver iremos fazer caminhadas, ver atracoes na rua como Torre do Relogio, Torre da Prisao... conhecer lojas de chocolate, tudo bem light para este dia.
No 2 dia iremos para Interlaken, onde ficaremos dois dias inteiros, por isso ainda estou indecisa se faco o passeio ao Jungfraubahn no primeiro ou segundo dia de Interlaken, o que voces acham? Uma duvida, estou pensando em NAO comprar o Swiss Pass, por isso gostaria de saber se alguem sabe qual o valor do trem de Interlaken Ost para Grindelwald Kleine ou para Lauterbrunnen?
Entao, em Interlaken reservamos um dia inteiro para o Top of Europe e outro dia para caminhadas pela cidades, passeio de bike nas montanhas ou ao redor dos lagos... ou talvez ate mesmo conhecer o Materhorn, conforme estiver o tempo ($$$) hehehe... E entao o ultimo dia na Suica esta reservamos para Zurique ou Zermatt ainda nao sei bem, alguem tem sugestoes que nao sejam muito caras?? razz Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Aline! De Berna a Interlaken Ost a passagem custa 13 francos suíços; de Interlaken Ost a Lauterbrunnen, 3,60 francos suíços. Você pode simular todos os preços em http://www.sbb.ch/en.

Interlaken-Zermatt não é um bate-volta factível. Para aproveitar Zermatt você precisa pernoitar. Com pouco tempo, escolha entre Interlaken ou Zermatt.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2012/02/suica-interlaken-x-zermatt-x-st-moritz/

Veja também tudo o que você pode fazer a partir de Berna, que é a cidade mais bem localizada da Suíça:
https://www.viajenaviagem.com/2012/04/zurique-lucerna-berna/

Leve em consideração que o Swiss Pass não dá direito apenas a trens e desconto nos panorâmicos; o Swiss Pass dá direito a transporte urbano e passeios lacustres.

Rodrigo
RodrigoPermalink

Olá Ricardo!!

Você poderia me esclarecer algumas dúvidas?

Será que você saberia se eu posso embarcar na Glacier-Express a partir de St. Moritz até Disentis? Pois como pretendo ir até Interlaken, acredito que de Disentis ficaria mais viável, posto que não pagaria o trecho em que o meu Save Pass não é válido, Disentis a Zermatt.

Irei também visitar o topo da Europa e gostaria de saber se o Save Pass Eurail, incluindo Suíça, dá direito a trens gratuitos só até a estação de Interlaken Ost ou podemos seguir até Lauterbrunnen?

Por enquanto são estas as dúvidas, agradeço desde já a atenção dada!! Obrigado!!!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rodrigo! Não recomendamos Eurail pass, normalmente é mais negócio comprar os trechos avulsos com antecedência nos sites das cias. européias.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2011/07/vai-por-mim-trem-na-europa/

Recomendamos apenas passes nacionais, como o German Pass e o Swiss Pass.

Informe-se sobre a validade do passe com a operadora.

Leia sobre o Glacier Express neste post:
https://www.viajenaviagem.com/2011/10/zermatt-a-st-moritz-no-glacier-express-o-mais-famoso-trem-suico/

Rodrigo
RodrigoPermalink

Mas não iremos nos deter apenas à Suíça, pois da Itália, partiremos para Suíça: Berna, Interlaken, Disentis, atravessando até St. Moritz pela Glacier-Express, daí seguindo para Zurich, o ponto final da Suíça. Continuando iremos para Paris, de onde visitaremos Versalhes, Dijon, Nancy, entre outra cidades, daí seguir para Benelux com ponto fixo em Amsterdã, para assim conhecer Luxemburgo e Bruxelas. Sendo assim, ainda é mais viável comprar ponto a ponto?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rodrigo! Você verá que os passes têm dias limitados de uso. Quando você precisa usar muitos dias, só compensa se você não tiver comprado os avulsos com antecedência.

Leia:
http://doismapas.com/2012/03/09/desmistificando-a-economia-e-praticidade-do-eurail/

Rosana
RosanaPermalink

Olá,
Estou planejando uma viagem para a Suíça em 2013. Somos três (meu marido, eu e nossa filha, que terá aproximadamente 3 anos e meio durante a viagem). Estamos pretendendo ir no verão (segunda quinzena de junho ou primeira de setembro). Pretendemos ficar em Berna e de lá ir até Interlaken para visitar o Jungfrau. Nossa intenção é sair de Berna às 8h e retornar por volta das 20h. Consultando alguns posts do Ricardo e os horários dos trens, vimos que é possível visitar o monte e dar uma passadinha em algum dos vilarejos. Bom, seguem as dúvidas:
- É viável levar uma criança de três anos ao Jungfrau, não pelo frio, mas pela altitude? Nossa filha já viajou conosco outras duas vezes para a Europa, com um e dois anos de idade. Ela encarou bem as longas horas de voo, os dias inteiros pela rua, as temperaturas baixas (não tão baixas como as da montanha), as comidas diferentes. Mas tememos a altitude. Vcs que já estiveram lá, viram crianças? Não pretendemos fazer trilhas pela neve, só os passeios de dentro da montanha e subir no elevador para ver a vista lá de cima.
- outra dúvida: vimos em um dos post do Ricardo, que Zurich é cara, não sendo indicada para ser a base para passeios bate e volta. Queremos visitar Berna, Interlaken, Lucerna, Zurich e Basiléia. O que vcs acham da seguinte programação: Berna (4 dias - 1/2 do dia da chegada passear em Berna; 2º e 3º dias - Interlaken e Lucerna, um dia para cada um; e 1/2 do 4º dia - terminar o passeio por Berna e seguir de trem, no meio da tarde, para Zurich. Ficar três noites em Zurich. No primeiro dia iremos chegar tarde e não dará para fazer nada. No dia seguinte visitar a cidade. No outro dia ir até Basiléia (bate-volta) e no último dia, visitar mais um pouco de Zurich pela manhã e partir para Munique às 13h.

Quaisquer dicas, opiniões ou pitacos são bem vindos.
Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rosana! Quanto à altitude, o melhor a fazer é consultar o pediatra!

Ana Carolina Raiza
Ana Carolina RaizaPermalink

Olá Rosana, lembro-me de várias crianças pequenas andando por lá. Aliás, os europeus são doidões para os nossos parâmetros latinos, eles vão esquiar com mãe, pai, avós, cachorro e até bebês. A criançada anda de esqui na beira do desfiladeiro... No Jungfrau tem uma parte toda interna, não tem necessidade da criança sair para fora da área construída. Ab

Breno Beltrão
Breno BeltrãoPermalink

Riq,

Agora no fim de abril tive a oportunidade de fazer o passeio. Consegui registrar a experiência em vídeo e postei no Viajante Amador. A paisagem é absolutamente fantástica.

Se puder, dá uma conferida:
http://www.viajanteamador.com/2012/07/jungfraujoch-suica-o-topo-da-europa.html

Abraço!!!

Breno.

Jaqueline
JaquelinePermalink

Olá, gostaria de saber de o passeio até o Top of Europe compensa mais de Trem ou de Teleférico, ou é a mesma coisa? E quanto ao preço?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Jaqueline! Leia com atenção o post. Só se chega ao Top of Europe de trem.

RODINEI
RODINEIPermalink

Olá, saúde e paz a todos !

Alguém pode me dizer se no meu caso o Swiss Pass vale a pena ?
Situação: Eu e minha esposa, 3 dias somente na Suiça,andando de trem nos seguintes trechos:
Zurich - Interlaken
Interlaken - Top of Europe - Interlaken
Interlaken - Zurique e mais algum trecho baratinho se der.
Penso que se comprarmos o bilhete ponto a ponto seria mais barato. Alguém pode nos passar esta experiência ?

Grato desde já.

RODINEI

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rodinei! A conta é muito fácil de fazer, porque na Suíça não há desconto para compra antecipada de passagens.

Simule os valores em http://www.sbb.ch/en . Lembre-se de orçar também os passeios que fará e os descontos que o Swiss Pass oferece.

andreia
andreiaPermalink

Oi, estou indo com marido e filhos de 3, 7 e 10 anos pro club med de peisey vallandry (na franca perto da suica e italia) onde ficaremos 1 semana, saindo de la em 30 de dezembro. nosso voo de volta sai de Zurique no dia 4 de janeiro. qual a melhor maneira de chegar a interlaken nesta epoca, carro ou trem? se trem, qual rota? seria muito tempo passar 5 dias por la? vale parar em montreaux? no ano novo as coisas funcionam ou sera dia "perdido"? da pra pegar um trem de interlaken pro aeroporto de zurique? obrigada,
andreia

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Andreia! Ficando uma semana numa estação alpina, mesmo no Club Med, vocês terão toda a experiência alpina de que vão precisar.

As cidades mais próximas são Lyon (4h de trem) e Genebra (4h30 de trem). Interlaken está a duas horas de Genebra e seria mais do mesmo.

Veja tempos de viagem de trem em http://www.bahn.de/international . Simule sempre nos próximos 60 dias, porque depois disso os trechos ainda não terão entrado no sistema.