Itália: a moça da locadora nem olhou pra habilitação internacional

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Este Toyota Auris, meu até dia 22

De vez (mas beeeeeeeem de vez em quando) aparece por aqui o depoimento de alguém que teve problemas na Itália ou na França para alugar carro sem a carteira internacional (ou PID, Permissão Internacional para Dirigir). O perrengue normalmente vem relatado com a informação de que "agora é lei" na França ou Itália a apresentação da PID para alugar carro.

Eu nunca tive PID e a vida inteira aluguei carro com a minha carteira brasileirinha mesmo. Mas como minha última locação na Europa tinha sido em 2008, vá lá, a coisa podia ter mudado.

PID: permissão internacional para dirigirTanto que fiz este post recomendando a feitura da carteira (não só para evitar problemas com locadoras, mas principalmente para apresentar em caso de algum tête-à-tête com a polícia rodoviária) -- e, aleluia: aproveitei que precisava renovar a carteira nacional e já fiz a internacional junto.



Pois bem. Saí de Capri ontem de manhã e cheguei pimpão à Avis de Sorrento para retirar meu carro. Voucher da Mobility na mão, meu nome na listinha das reservas do dia, meu carro do grupo B (que se revelou um Toyota Auris), para devolver em Florença dali a 16 dias, 865 dólares (665 euros) com tooodos os seguros, me esperando no estacionamento.

Entreguei os documentos -- passaporte, PID, habilitação brasileira, cartão de crédito para bloqueio de garantia. E... quem disse que ela NOTOU a PID? A coitadinha foi solenemente ignorada.

Da janela do passageiro...

Mas ainda assim, continuo recomendando fazer a PID. Quanto menos dor cabeça, melhor, concorda?

A rede AccorHotels.com apoia essa temporada do VnV na Europa.

Os carros desta viagem são alugados com todos os seguros pela Mobility Cars.

O Mondial Travel é a assistência viagem oficial do #viajenaviagem no projeto Europa de carro.

Leia também:

Habilitação internacional: precisar, não precisa (mas é bom fazer) por Ricardo Freire

8 coisas que você não deveria esperar sua próxima viagem para providenciar por Ricardo Freire

Assine o Viaje na Viagem por email - VnV por email
Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem
Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire
Siga o Viaje na Viagem no Twitter - @viajenaviagem


118 comentários

Renata - Mobility

Ótimo seu post Ricardo!
Realmente algumas locadoras nem solicitam a carteira internacional na retirada do veículo, porém, para países como Alemanha e Itália ela é por lei obrigatória e nós sempre informamos os clientes, pois, as vezes de fato ocorrem problemas.

Quem disse que as leis são ignoradas somente no Brasil? Rsrs
Boa Viagem.

Conte com a Mobility.
Abraços,
Renata Correa

RABUGENTO
RABUGENTOPermalinkResponder

Ricardo,

Os cartões de crédito informam que, se pagarmos o aluguel dos carros com os respectivos cartões, eles cobrem o seguro.

Acredito que o ideal seja fazer somente o seguro para terceiros, será que não?

Gabriel Dias
Gabriel DiasPermalinkResponder

Eu só alugo com o seguro do cartão de crédito. Já devo ter economizado mais de U$500 esse ano com isso. O seguro contra terceiros é opcional, mas recomendável.

Ricardo Freire

Na minha opinião, depende 1) do que exatamente o cartão oferece e 2) da sua personalidade. Os seguros que você compra na locação são abrangentes e implicam em no máximo pagar uma pequena franquia (nesses do pacote da Mobility, por exemplo, se acontecer alguma coisa com o meu carro eu pago 50 euros de taxa de processamento, deixo as chaves e nunca mais vou me incomodar com isso).

Já quando você usa o seguro do cartão de crédito, precisa saber exatamente o que está sendo coberto, e de que jeito está sendo coberto. Você pode ter que pagar tudo na hora e depois ser reembolsado pelo cartão, por exemplo -- se o cartão achar que está tudo dentro dos conformes.

Eu nunca arrisquei. A vida inteira paguei todos os seguros à parte. Mesmo nos Estados Unidos, onde alugar com seguro faz uma diferença bárbara. Mas me pélo de medo de ter que arcar com qualquer despesa de acidente por lá.

Marcie
MarciePermalinkResponder

Nunca, nunquinha mesmo, pediram a habilitação internacional pra mim. Em nenhum lugar na Europa. Sorte, talvez?

Marilia Marconi

Quando fomos paradas por um policial na Sicilia, ele pediu a PID.
Mas antes de conferir qualquer coisa, deu uma olhada pra dentro do carro, viu 5 mocinhas voltando da praia e perguntou de onde éramos. Com a resposta "Brasil", ele devoloveu todos os documentos sem olhar e se limitou a dizer "Uau!! Brasil??? Bye bye".

Quem disse que policial é engraçadinho só no Brasil? rsrsrs

Mauro Nogueira

Sempre levei comigo a carteira internacional atualizada, mas nunca tive o "prazer" de utilizá-la, alugando carros na Alemanha, Itália, Portugal e Espanha.
Mas, como ensina nosso amado Capitão, muito melhor prevenir do que discutir com uma meganha na estrada. Na certa você vai se dar mal.

Marcos
MarcosPermalinkResponder

Ricardo, acabei de chegar da Itália, e assim como você resolvi fazer a PID mais como preucação. Aluguei o carro pela hertz aqui no Brasil e ao chegar em Roma para retirar o carro não pediram a PID; Apenas pediram o passaporte, CNH e cartão de crédito(esse eles não esquecem, né?)
Já tinha alugado o carro e pagado por aqui no Brasil com todos os seguros e ao checar ontem minha fatura consta um débito da hertz na Itália do dia que retirei o carro, é mole?

Rodrigo Barneche

Esse ano na França entreguei a PID pra atendente da Hertz e ela me disse: - Ah que legal, mas a que eu preciso é a original do seu país. Vá entender...

RABUGENTO
RABUGENTOPermalinkResponder

Antes de viajar para a Europa, troquei diversas informações com a Budget e me informaram que bastava a nossa carteira de habilitação válida.

Realmente além de ninguém me pedir a internacional, na época nem policia rodoviária eu vi pelas estradas com os Porches Cayenne passando a uns míseros 2ookm/h por mim....

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Riq e Boias, posso deixar umas dicas de aluguel de carro extras sobre Itália, onde já aluguei várias vezes?

Garantindo upgrade quase sempre Se for alugar na Hertz, selecione um carro da categoria D. Se for alugar na Europcar, um CI ou um que tenha I_(letra1 letra2)X. Exceto em aeroportos grandes (e mesmo assim nem sempre), esses carros estão lá só pra fazer concorrência à Avis e principalmente à Sixt, mas Hertz e Europcar (quem aluga com Autoeurope vai usar uma das duas com o voucher) não tem carros específicos dessa categoria.

Como não dá pra fazer downgrade no cliente, o resultado é upgrade de graça para um sedã grandão pagando pouco mais de um compacto. Comigo deu certo, entre 2007 e 2010, várias vezes essa técnicas. Várias mesmo, não falo de 3 ou 4 situações apenas. Só uma vez me entregaram um carro "real" da categoria.

Se vc for alugar não na chegada, escolha uma agência menor (dá uma olhada na que não abre de sábado, na que fecha mais cedo, se isso nào for te atrapalahr) de uma operadora grande. Eles em geral só tem carros econômicos, básicos, intermediários e de luxo. qualquer carro acima do compacto (básico) vai quase sempre de tar upgrade. Também testado e aprovado.

Carro diesel Estamos pouco acostumados no Brasil, mas carro a diesel é super comum na ITália, exceto para a categoria mais simples. Vale MUITO a pena: consome muito menos por litro, o preço do combustível é mais barato e o torque para estradinhas em serras e montanhas ajuda.

Seguros na Itália É obrigatório ter seguro europeu (aquela folha preenchida em verde que fica junto com o registro do carro) contra terceiros para circular na maioria dos países da Europa. Na ITália, seguro contra roubo e terceiros de seguradora nacional é obrigatório, compulsório. Não dá pra fugir.

Disco horário Algumas cidades tem estacionamentos que são gratuitos, mas só por poucas horas, precisando de um disco horário de cartão para ser exibido por dentro. Custa € 3-4 e vendem em qualquer posto.

Mariângela
MariângelaPermalinkResponder

André,

Estou com um grilo na cuca. Já simulei vários alugueis em diversos sites de locadoras, mas eu não sei diagnosticar se o carro é a gasolina ou diesel pelo site. Preciso pegar o carro em Milão no dia 05/11, mas ainda não consegui reservar, pois não decifrei esse enigma. Deve ser uma coisa simples, mas eu não sei. Please, me ajudem. hihi

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mariângela! Realmente esta sintonia fina não aparece nos sites.

Aceita uma sugestão? Dá uma orçada também com a Mobility. Eles fazem exatamente isso que você está fazendo -- cotando com diversas locadoras -- e podem te garantir os detalhes que você fizer questão.

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Mariangela,

A maioria das locadoras nào vai te garantir no papel que o carro é diesel. Vc pode tentar em consolidadoras como a Mobility, que A Boia citou (mas na qual fui atendido de forma péssima uns anos atrás e que nunca mais procurarei), ou então a Auto Europe.

Uma outra saída é vc ligar diretamente no escritório onde irá retirar o carro e perguntar quais categorias são diesel, e quais são gasolina.

O que eu posso te garantir é que pelo menos 70% da frota italiana é diesel. Os carros a gasolina se limitam às 2 categorias mais baratas (o que acaba descompensando parte da economia de alugar o carro mais barato com o combustível mais caro), e aos carros esportivos de alto desempenho. Fora disso, entre sedãs, carros intermediários, compactos de categoria C, quase tudo é diesel.

Mariângela
MariângelaPermalinkResponder

Ahhhh sim, agora esclareceu. Vou seguir as dicas de vocês. Muito, muito obrigada meninos!

Marcia
MarciaPermalinkResponder

Eu também fiz a PID ano passado, pq ia alugar um carro em Portugal e seguir para Santiago de Compostela, partindo de Guimarães. Também ignoraram a carteira internacional e solicitaram a do Brasil. O rapaz da locadora explicou que para alugar não precisa, mas se acontecer algum sinistro tem que ter a tal carteira. É difícil de entender mesmo.
O upgrade a que o Andre L se refere aconteceu comigo, por acaso, há anos atrás em Portugal. Passei de um Peaugeaut 107, acho, para um Seat ótimo, muito mais confortável!!

Carolina
CarolinaPermalinkResponder

Este ano já alugamos algumas vezes carro na Europa (aluguel na Espanha, rodando pelo país e França) e nunca nos pediram a permissão internacional. Mas ela sempre viaja com a gente, pra evitar problema.

E carro a diesel sempre facilita mesmo, sendo mais econômico! Vale a pena solicitar, se for possível.

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Muito boas as dicas do Andre L, aluguei um Renault Scenic na Itália em abril, na Europcar, a diesel (vale muito a pena), e também não me pediram a PID, mas costumo pensar algo do tipo "é melhor ter e não precisar do que precisar e não ter"...

De todo modo o que mais estranhei foi devolver o carro à Europcar, em Roma, na estação Termini, eu havia alugado com o combustível pago, daí não precisava encher o tanque para devolver, não conseguia estacionar de jeito nenhum, deixei o carro em fila dupla, com o pisca alerta ligado (aliás como estavam fazendo vários motoristas) e entrei na estação, já que o quiosque da Europcar fica dentro da estação. O funcionário olhou o meu contrato e disse, ok, pode me entregar a chave! Eu falei que o carro estava do lado de fora, estacionado em fila dupla. Ele disse que tudo bem. Eu insisti que estava em fila dupla, com o alerta ligado, ele disse apenas que nem havia necessidade de ligar o alerta! Me deu o recibo de entrega do carro (onde constava que estava tudo ok) e nem se levantou da cadeira!

Amélia
AméliaPermalinkResponder

Eu também aluguei em Nápoles e devolvi em Roma no Termini. Não pediram a PID. Na hora de devolver guichê fechado e uma placa com o endereço de um estacionamento próximo, lá chegando, você deixava o carro em uma vaga, punha a chave em uma caixinha de madeira e tchau! Ficamos desconfiados , mas era isto mesmo e sem xabú! !

Silvia Andrade

Também não olharam minha PID em Milão (outubro 2010), mas o que me intrigou foi receber no início deste ano uma cartinha da Budget me avisando da cobrança de 42,00 (não sei se euros ou dólares) no meu cartão de crédito (que eles tinham o número) por infração contratual. Está em italiano mas entendi que era por alguma multa de trânsito. Se foi isso onde está a multa? Será cobrada na minha próxima entrada (ou aluguel) na Itália? Entro em contato com a Budget no Brasil e eles deslindam o problema? Alguém tem uma dica?

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Ligue na loja onde vc alugou o carro na Itália. Mesmo que macarrônico, sempre vão falar inglês.

Silvia Andrade

André
a idéia não é boa. O inglês macarrônico atrapalha mesmo olhando a cara do atendente. Não tinha a BMW que eu tinha escolhido no Brasil e levamos uns 40 minutos para ele me mostrar a diferença entre a BMW e o Lancia que ele tinha (beeemmmm maior para passar naquelas ruazinhas das cidadezinhas pequenas - não recomendo para quem quer sair da auto pista). Além do que já faz 1 ano e ele vai ter que consultar registros e arquivos... olha a fortuna em reais que vou gastar para descobrir se estou devendo algo na Itália em multa de trãnsito...

Bóias de plantão - não seria melhor fazer um post só com comentários e dicas sobre o que fazer com as multas internacionais? Please!!! Devo, não nego e quero pagar para não ter aborrecimentos na próxima locação....

silvia
silviaPermalinkResponder

Silvia
Aconteceu o mesmo comigo em São Francisco. Chegou uma correspondencia da locadora avisando do debito da multa no cartão dado como garantia. Paguei a multa no cartão e ficou por isso mesmo. Vc nunca verá a multa . Na correspondencia havia o endereço da multa somente . Depois disso ja entrei varias vezes no Estados Unidos sem problemas.
Acho que vc não deve se preocupar
Trata-se de um problema entre quem aluga e a locadora somente
Agora se vc não pagar o cartão , ai sim pode haver algum impedimento na entrada na proxima viagem pois seu nome pode ficar sujo no sistema de imigração
Espero ter ajudado

Thiago Augusto

Esse ano aluguei em Orlando e a atendente da AVIS devolveu a PID sem nem olhar e perguntou se eu não tinha levado a do meu país mesmo ...

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Boa notícia Riq. Vamos arriscar. Vou refazer minha carteira nacional a partir de Dezembro e vc me deu uma boa idéia - fazer a PID.

Leonardo Alencar

Riq,
Acho válido além das dicas sobre CID e seguro, informar sobre os locais e preços de estacionamentos. Em Florença, por exemplo, morri numa grana preta. Uns 40 euros por noite, no estacionamento indicado pelo hotel. Fora o necessário pedido ao pessoal do hotel pra tirar a multa que lhe é aplicada quando vc entra no centro histórico daquela cidade.
Abraços,
Leo.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Leonardo! O Ricardo Freire vai informar os gastos com estacionamento, sim.

De todo modo, ele não aconselha carro em cidades grandes! No caso de você não conseguir entregar o carro ao chegar, a dica é ficar num hotel mais afastado do centro, que tenha estacionamento próprio.

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

O hotel não tira multa nenhuma. O que ele faz é autorizar sua passagem com a placa. Tem um estacionamento gigantesco em Firenze perto da estação de trem, fora da ZTL.

Aline
AlinePermalinkResponder

André, pretendo pegar o carro no aeroporto de Nápoles e ir para o hotel, onde irei pernoitar para no dia seguinte seguir para Positano. Dias depois estarei desembarcando de ferry em Palermo com o carro e indo pernoitar num hotel localizado no centro histórico. Estou preocupada com o fato de nao poder circular de carro no centro histórico de algumas cidades da Itaila. Como fazer para chegar e sair do hotel? O hotel pode autorizar a passagem? Vc falou em placa??? Na chegada tenho que ir do Porto ao hotel. O que devo fazer para evitar as multas, que tiram qq um do serio.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Aline! A placa que limita a entrada no centro histórico tem um círculo. Informe-se com cada hotel sobre a região onde está instalado. Provavelmente se oferecer estacionamento não estará numa zona restrita.

Fabi
FabiPermalinkResponder

Riq, um casal de amigos acabou de voltar da italia e tiveram um problemao na avis. Eles exigiram a carteira de habilitacao nacional e eles so tinham levado a internacional!!! A avis nao aceitou!!!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fabi! Aqui quem comenta é A Bóia. A Avis estava certa; a habilitação internacional só vale com a nacional junto!!!! (Vai entender, mas é assim...)

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Fabi,

A PDI é apenas uma tradução padronizada em formato internacional do documento original (a CNH, no caso), e só vale em presença deste.

Fabi
FabiPermalinkResponder

Valeu Bóia!! eu sempre ando com as 2, mas não sabia que era obrigatório!

Andressa Santos

Olá!
Estou indo para Italia em março e irei alugar um carro em Veneza com destino a Florença pela Auto Europe, porém no site eles informam que a apresentação da Carteira de Habilitação Internacional é obrigatória. Alguem já alugou com a Auto Europe, realmente é obrigatória a apresentação da PID, ou apenas proform do site?
Aprofeitando se alguem tiver dicas de cidades da região Emilia Bologna que vale a pena visitar (que esteja na rota de Florença) me deem algumas dicas.
Muitissimo obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Andressa! A "AutoEurope" não existe; é um (ótimo) consolidador de locadoras. Você aluga no escuro e só fica sabendo a locadora depois que a reserva é feita. Logo, as exigências seriam as da agência da locadora onde você vai retirar o carro -- pode ser Europcar, Avis, Hertz, Sixt... A Mobility também funciona assim, só que você sabe qual é o carro antes de fechar o negócio.

O Ricardo Freire retirou carros agora em outubro e novembro na Avis, na Europcar e na Hertz, em quatro países diferentes, e em nenhum dos lugares lhe pediram a carteira interancional.

Mas, ainda assim, ele recomenda que você faça a sua PID. Pode, sim, haver uma agência mais cri-cri, e também será útil caso você seja abordada pela polícia na estrada.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2010/09/habilitacao-internacional-precisar-nao-precisa-mas-e-bom-ter/

Veja:
https://www.viajenaviagem.com/2011/12/vai-por-mim-habilitacao-internacional-precisa-ou-nao-precisa/

Andressa Santos

Muito obrigada pelas orientações! Agora é decidir se faço ou não a bendita PID, afinal vou locar para apenas uma dia...mas enfim...muitissimo obrigada.

Silvia
SilviaPermalinkResponder

Discordo de vc, a Auto Europe apesar de ser uma onsolidadora de locadoras ela mostra sim a empresa com quem vc esta contratando, desde no inicio da reserva, logo abaixo das informações do carro tem o banner da locadora. Fiz uma reserva no site do UK http://www.auto-europe.co.uk/car.cfm e não tive problema algum. Eles são super transparente e o atendimento excelente!

Mariana D.
Mariana D.PermalinkResponder

Tive uma péssima experiência com a PID e concluí que ela mais atrapalha do que ajuda...

Da primeira vez que fui alugar carro no exterior, em maio/2008, li sobre a PID e achei que fosse fundamental. Pois bem, fiz a bendita, mas caí na asneira de achar que ela bastava, já que era a carteira internacional, e na inocência nem levei a brasileira... Ia alugar 3 carros na viagem, na Escócia, Inglaterra e Noruega e reservei todos os carros na ocasião pela easycar (que por sua vez reservou com a Alamo). Aliás, easycar é a maior roubada!! Não recomendo.

Enfim, na Escócia, apresentamos a PID, passaporte e cartão de crédito. A mulher pediu a CNH brasileira, eu disse que estava no Brasil, e ficou por isso mesmo. Pegamos o carro. Já na Inglaterra (Gatwick airport), o cara exigiu mesmo a brasileira... Dei a PID pra ele, mas ele disse que aquilo não servia pra nada, que eles só precisavam da brasileira. Aliás, pra quem nunca viu, a PID sequer é uma carteira. Lembra mais uma caderneta de escola, com todas as informações na página principal escritas em - pasmem - português... lá no fim tem umas páginas em que traduzem aquelas informações para outras línguas, mas a má vontade do funcionário londrino não permitiu que se desse ao trabalho de ver as traduções... resultado: não conseguimos alugar o carro. E as outras locadoras não tinham carro para alugar, pois era início de um feriadão. Fui frustadíssima para Londres e no diz seguinte conseguimos alugar com a PID numa Avis no centro e partimos pro interior. Na Noruega, conseguimos alugar, sem maiores problemas.

Desde então, a PID vai no fundo da mala e nunca mais nos pediram a mesma. Aluguei carro só com a CNH brasileira em Portugal, Espanha, Italia e Nova Zelândia (um na Ilha Norte e outro na Sul) sem nenhum problema. Ninguém nem menciona a dita cuja.

Resumo da ópera: se quiser fazer a PID, faça, mas SEMPRE LEVE A BRASILEIRA, pois é a única que eles exigem.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Mariana! A PID sozinha não resolve. Sem a carteira brasileira não vale nada.

Edson
EdsonPermalinkResponder

Pessoal,
Estve na Flórida nesse final de ano. Não tenho PID e loquei um carro com a CNH.
Levei uma nulta por aestacionamento proibido. Estava no para brisas e imaginei que acertava com a locadora na entrega do carro.
Me disseram que não poderiam fazer nada pois er deveria ter pago no municipio da infração(Key West).Me disse para procurar uma agencia do City Bank no aeroporto que faria o pagamento. Como estava em cima do voo deixei para faze-lo no Brasil. Aqui a agencia do City ignorou e falou para procurar o Detran e ainda me disseram que se não pagar posso perder o visto americano. O Detran desconhece o procedimento e ainda levei um puxão de orelha por digigir sem PID. Alguem saberei me dizer como proceder para pagar essa multa?

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

O Detran brasileiro não tem bulhufas a ver com multas de trânsito no Exterior.

Procure o site da administração municipal de Key West, lá deve ter instruções de como pagar.

Ernesto, o pato

Edson

Acho praticamente impossivel voce perder o visto por causa de uma simples multa. A legislação americana só permite a revogação do visto no caso de crime, trablaho ilegal, extensão ilegal ou fraude, o que não é seu caso. Mas, siga o conselho do Andre, procure o site da prefeitura, e veja se consegue fazer o pagamento.

silvia
silviaPermalinkResponder

Edson
Aguarde chegar o aviso de debito em seu cartão pela locadora , pague e boa !!!
Acho que todas essas informações de pagar na cidade da multa, detran, city bank , é tudo chute !

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Silva, a legislação de alguns países (Italia é um exemplo) proibe que locadoras ou empresas sejam cobradas por multas sem identificação dos motoristas.

Edson
EdsonPermalinkResponder

Pessoal,
Grato pelas dicas. Quando resolver esse assunto prometo divulgar.

Marcelo Martins

Estive em viagem pela Italia em Julho de 2010 e está semana recebi uma multa por trafegar em area restrita no valor de 101 euros, vcs sabem o que acontece se eu não pagar a multa, o que me faz negar a pagar é que fiquei em um hotel longe do centro para evitar este problema, mas andei em uma rua uns 50 metros para chegar ao hotel e fui pego pela camera. 101 euros por 50 metros de rua, ninguem merece. Enfim se alguem puder comentar se já foi multado e se pagou ou não a multa ficarei agradecido. Só para constar, levei a PID mas não pediram em momento algum.

Samira
SamiraPermalinkResponder

Olá a todos!
Bóia ou quem mais souber: eu e o marido precisamos de uma orientação. Pretendemos alugar um carro em Florença para conhecer a Toscana e a Cinque Terre, em junho. Estou preocupada com a tal da ZTL em Florença. Como é esse negócio de retirar um carro perto da estação Santa Maria Novella? Aquele local e os arredores estão cheios de zona de tráfego limitado não é? Nesse caso, como é que temos que proceder se a locadora estiver nessa zona?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Samira! Se você retirar o carro numa zona de tráfego limitado, a locadora terá as manhas. Ou você acha que eles vão deixar todos os seus clientes serem multados? shock

Anderson
AndersonPermalinkResponder

Sim, bóia, eles deixam. Acabei de receber a notificação da Avis cobrando taxas pelo recebimento de duas multas em Florença, por dirigir em Zona de Tráfego Limitado, ambas no mesmo dia, no valor de 42,35 euros cada. A multa não veio, ainda. Foram aplicadas no trajeto de retorno para entrega do carro, na Borgo Ognissanti.

Juliana
JulianaPermalinkResponder

Olá, tenho a mesma dúvida da Samira...iremos alugar um carro em Florença, mas na Europcar, à uns 800 metros da S. M. Novella e iremos sair da cidade pois ficaremos hospedados no Ibis ... li esse post aqui e fiquei preocupada...
http://www.viajenodetalhe.com.br/2011/08/dirigir-italia-evitar-multas/

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

A Hertz está fora da ZTL.

Samira
SamiraPermalinkResponder

Oi André. Estamos dando uma olhada e a Hertz tem vários endereços em Florença. Qual deles está fora da ZTL, você sabe? O da via Sansovino, talvez?

Valdestefani
ValdestefaniPermalinkResponder

Bom dia Bóia! Chego e saio da Itália por Milão, mas meu destino final é Siena, onde estarei de carro, passeando pela Toscana. O que seria melhor: devolver o carro em Florença e seguir de trem até Milão para voltar ao Brasil ou devolver o carro em milão a partir de Siena?
Obrigada mais uma vez.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Valdestefani!

São 420 km de Siena ao aeroporto Malpensa. Você levaria entre 4 horas e meia e cinco horas na estrada. Quem ama dirigir preferirá esta alternativa.

O Ricardo Freire certamente devolveria o carro em Florença, iria de trem a Milão -- tudo isso na véspera. E ainda ficaria com o dia da volta para aproveitar sem stress.

Valdestefani
ValdestefaniPermalinkResponder

Anotado! Como não amo dirigir... Melhor mesmo entregar o carro em Florença. Obrigadão!

Cintia
CintiaPermalinkResponder

Oi bóia, visitaremos em junho o Museu da Ferrari e meu marido está louco para alugar e dirigir uma Ferrari. Tentamos encontrar na internet se é obrigatória a apresentação da PID ou se a nossa CNH é suficiente, mas não encontramos nenhuma informação. Você sabe me dizer se é necessário? Ou, onde posso tentar encontrar essa informação? Não alugaremos carro na Itália e ter esse custo somente por 10 min. é complicado, mas também ir até lá e não fazer o passeio é pior ainda. Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Cintia! O passeio de Ferrari é oferecido por "particulares", não são locadoras. Há sempre um instrutor que está junto. A carteira nacional basta.

marcelo
marceloPermalinkResponder

vou de roma até monaco de carro e sempre dizem que é melhor nao mudar de pais com o carro pois as locadoras cobram uma taxa de devoluçao. No entanto nao estou localizando uma locadora numa cidade italiana perto da fronteira ( ainda na italia) para efetuar a devolucao e seguir de trem.... alguem pode ajudar indicando uma cidade para devolvar / uma locadora ? muito obrigado

Rosana Peixoto

Renato preciso da sua ajuda. Vou fazer de trem Veneza para Roma mas, gostaria de parar em Firenze - Pisa e depois continuar a viagem no mesmo dia. Devo comprar um bilhete único - Veneza/Roma ou Devo comprar bilhetes por trecho?
Grata
Rosana Peixoto

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rosana! Aqui quem responde é A Bóia. Nos trens de alta velocidade você precisa comprar por trecho, com horário e assento marcado. Só o trecho Florença-Pisa-Florença é que pode ser comprado na hora. Mas veja bem: não há como fazer tudo isso de trem num dia só. Você vai conseguir passar o dia em Florença e já não vai conseguir ver muita coisa...

Sergio A
Sergio APermalinkResponder

Estive na Costa AMalfitana em Junho. Alugamos carro em Roma, Fiumicino, e não pediram a PID. Apenas. Habilitação brasileira e que eu escrevesse o endereço residencial de próprio punho. Na estrada foi tranquilo, exceto por uma multa que fui obrigado a pagar no pedagio por retorno em local proibido. Paguei 70 euros no cartão de credito na maquina do pedagio e segui em frente. outra surpresa foi a cobrança que veio pelo correio quando voltamos que pRece ser uma TAXA por emissão de CO2???????? A Bóia ajudou muito em tudo. O roteiro da costa evitou problemas e focou os passeios. Quem for não vai se arrepender!!!!!!

Leila P.
Leila P.PermalinkResponder

Olá Sérgio,
Estava lendo o seu comentário sobre o passeio pela costa amalfitana e vc falou do "roteiro da costa", que roteiro é esse? tanho interesse pois estou embarcando dia 29 de setembro próximo e vou tb alugar um carro e fazer a costa amalfitana!

Leila P.
Leila P.PermalinkResponder

Tenho uma viagem marcada para Itália dia 29 de setembro próximo. Quero alugar uma BMW X5 ou uma Range rover Evoque para fazer a toscana e costa amalfitana. Tenho procurado esses modelos em várias locadoras. As maiores não têm esses modelos e quando dizem que tem e tento reservar, nunca consigo confirmar. Pesquisei em algumas locadoras de carros de luxo, mas a diária está caríssima, acima de EUR 300. Alguém teria uma dica de alguma locadora com preços mais acessíveis?! Vou pegar e devolver o carro em Roma no aeroporto fiumicino. preciso alugar por 9 dias. Aguardo dicas...obrigada!!!!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Leila! Milagres não existem. Carros de luxo são caros. Se quiser a assistência de especialistas brasileiros, procure a http://www.mobility-online.com.br , eles têm um departamento de carros de luxo.

A. L.
A. L.PermalinkResponder

Leila P., eu DESRECOMENDO levar Range Rover para a Costiera Amalfi e para estradinhas rurais. Motivo: as estradas italianas secundárias são estreitas e, principalmente, os 60cm a mais na largura total fazem ser um tormento estacionar jipes em estacionamentos demarcados ou manobrá-los em garagens.

Leila P.
Leila P.PermalinkResponder

E qual carro vc recomendaria para fazer a costa amalfitana e a toscana? pensei em um cabriolet menor mas tem um detalhe: sou eu e minha filha, com duas malas tamanho medio e mais duas de mão e dai em geral esses modelos quase não tem porta-malas! Na verdade estou tentando realizar dois sonhos ao mesmo tempo: o meu seria dirigir um "carrão" e o da minha filha seria fazer um passeio de carro pela costa amalfitana...

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Leila! No começo de outubro estará frio para conversíveis. As estradas mais bonitas da Toscana são lentas, não proporcionam velocidade.

Sut-Mie | Viajando com Pimpolhos

Já na França, minha cunhada quase fica sem carro: pediram a PID E a original, brasileira (que ela não levou, achando que já que estava com a internacional, estava tudo certo). Ela teve que ver várias locadoras no Charles-de-Gaulle até que uma aceitou "abrir uma exceção". Portanto: PID + original, sempre!

Marcelo | Alemanha! Por que não?

Acho que está escrito em algum comentário acima, mas é bom lembrar novamente:

A PID nao é uma carteira internacional, é apenas uma traducao oficial da carteira brasileira! Ela nao vale sem a CNH.

Você pode viajar somente com a CNH, apesar de alguns países chiarem com isso, mas nao pode viajar somente com a PID.

O melhor é levar as duas.

Daniela
DanielaPermalinkResponder

Olá, gostaria de saber se alguém conhece uma locadora de motos na Europa onde eu possa retirar a moto em um país e devolver em outro?
Obrigada!
Daniela

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Daniela! Já é difícil fazer isso com carro, com moto então...

Mari
MariPermalinkResponder

Aluguei carro na Franca sem PID, na maior tranquilidade!

Eliza Mançano Leporati

Boa Tarde, já tirei muitas duvidas neste site, obrigado, mas pretendemos fazer uma viagem de carro em junho, de roma até Parma e adjacencias, mas queria ir pelas estradinhas vicinais e não pela autoestrada, gostaria de saber se vcs podem me indicar que tipo de mapa ou site eu devo consultar para saber as distancias entre uma cidadezinha e outra e se há hoteis nos lugares, pois meu marido e eu já temos 60 anos e não dá mais pra fazer loucuras, como dormir em carros e coisa assim.Agradeço a atenção.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eliza! Faça seu planejamento pelo http://www.viamichelin.com , pedindo os caminhos panorâmicos ou de descoberta.

Saia de casa com o roteiro planejado e os hotéis reservados. Sites como o Booking informam os hotéis disponíveis na data que você precisa.

Eliza Mançano Leporati

Muito obrigado A Boia,
Se tiver mais duvidas volto a falar com vcs que sabem muitooooo, vou tentar organizar, mas será que preciso mesmo reservar os hoteis antes, pois na verdade o meu desejo era ir meio assim:Se gostar desse lugarzinho fico mais um pouco e se nao gostar toco em frente assim meio easy rider, pra ver como o povo vive, pois as grandes cidades eu já vi e arte renascentista já vi pelo resto da vida, agora quero ver a vida simples do povo italiano. Ah! e como conseguimos a cidadania italiana, quero me sentir uma nativa. Obrigado pelo carinho vcs são incriveis. abraços

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Eliza! Recomendamos ler, planejar e reservar.

Liana
LianaPermalinkResponder

Olá, Ricardo e Bóia! Iremos para a Itália em maio e gostaríamos de saber se é tranquilo devolver o carro que alugaremos no Termini, em Roma, ou se seria mais recomendável devolve-lo no aeroporto Fiumicino. Estamos receosos com o trânsito na cidade de Roma em plena terça-feira.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Liana! É mais tranqüilo devolver no aeroporto.

Arnaldodelima
ArnaldodelimaPermalinkResponder

Prezados ,

Li vários comentários , porém estou com dúvidas?

Chego em Milão no dia 11 de março e quero me deslocar de carro até Mônaco.

É melhor efetivar locação antecipada aqui no Brasil, se sim qual site é mais confiável?

A condição climática em março permite utilizar um carro conversível?

A empresas na Itália cobram valor extra caso o veículo seja entregue em outro aeroporto?

Obg e me desculpem caso alguma pergunta já tenha sido respondida anteriormente.

Valeu e abs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Arnaldo! Março ainda vai estar frio. Pense em usar o conversível de junho a setembro. As locadoras cobram taxas pesadas para devolução do carro em outro país. Depois de fazer Mônaco, você pode voltar um pouco pela estrada e devolver o carro em Ventimiglia ou San Remo, depois seguir de trem a Nice, onde está o aeroporto.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2013/02/milao-italia-nice-cote-dazur-trem/

José
JoséPermalinkResponder

Olá,
Vou alugar um carro em Roma e dirigir rumo a Toscana.
Gostaria de saber, afinal, qual é a melhor locadora/mais recomendada.
E também, se é melhor alugar um carro menor, por causa das ruas estreitas das pequenas cidades.
Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, José! Carro compacto é imprescindível na Costa Amalfitana; na Toscana não é tão necessário. Você não vai poder entrar no centro histórico das cidades, ou vai tomar multa a cada entrada.

Faça cotações em sites como autoeurope.com (consolidadora), http://www.mobility-online.com.br (consolidadora brasileira), http://www.kayak.com (comparador de preços).

Jose
JosePermalinkResponder

Ola Jose.
Olha o site da www.rentalcars.com e uma empresa boa nao e pq trabalho la nao rs.
Mais serio caso vc encontre um valor menor do que o mostrado no nosso site cobrimos esse valor.
Meu nome e Rodrigo se quiser possa passar ocarmentos para vc sem nenhum compromisso e vc pode estar olhando em outros sites para comparar.
rodrigorodriguesdemoura@rentalcars.com
esse e meu e-mail da empresa e so mandar a duvida la q respondo ou passar o telefone que posso te ligar tambem..a nossa empresa e a mesma do e-booking.com

Lúbia S. zilberknop

Vamos viajar em abril e pretendemos alugar um carro pequeno em Roma, devolvendo-o em Paris. O roteiro compreenderá La Spezia, Cinque Terre, Gênova, Provence e Paris. A taxa de devolução que me apresentaram é uma pauleira (577 dólares) afora o valor do veículo. Vi que vocês aconselharam para alguém entregar o carro em Ventimiglia e pegar ali um trem para Nice. Pergunto: quanto custa mais ou menos o trecho de trem para 2 pessoas? Embora bem dispostos, somos idosos. Não vai ser muito cansativo se escolhermos devolver o carro em Ventimiglia, pegar o trem lá e alugar um outro carro em Nice? E a diferença de preço seria muito grande, ou a economia não compensa? Desde já, agradeço a resposta.

--A.L.
--A.L.PermalinkResponder

Lúbia, uma alternativa que vc pode considerar se sua viagem demorar mais de 17 dias é um leasing com a REnault ou Citroen. Sai o mesmo preço do aluguel e vc não paga para devolver carro na França.

Rodrigo
RodrigoPermalinkResponder

Aluguei na Hertz de Roma- Via Venetto em fev.2012 e não tinha PID, a carteira brasileira foi aceita sem problemas. E agora vou para França em abril deste ano, provavelmente alugarei pela Europcar na Gare del Est. Mudou alguma coisa de um ano pra cá quanto ao PID, Bóia ?

Grato

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Rodrigo! Na dúvida, faça a PID. É a recomendação técnica sem riscos.

Helen Magalhaes

Programamos por bastante tempo uma viagem pela Italia para comemorar nossos 30 anos de casados, pegamos varia dicas por voces, mas aluguei o carro para pegar em Veneza e fazer a Tosna de carro entregando em Roma na rentalcars. Nos preocupamos em providenciar a habilitaçao internacional ,mas por desconhecimento e ignorancia meu marido nao trouxe a carteira nacional. Nao conseguimos tirar o carro porque meu marido, o condutor estava apenas com a habilitaçao internacional e a atendente da Avis exigiu tambem a habilitaçao nacional. Sugeri solicitar que mandassem do Brasil via email mas ela disse que so aceitaria a original, foi super intransigente, grosseira, nao procurou dar uma soluçao para o nosso problema. Disse que era uma convençao de Viena e que nao alugariamos em nenhum outro lugar. Tentamos ligar para o 800137007 mas nao conseguimos atendimento, passamos muitos minutos e nao havia atendente disponivel. Nao conseguimos ligar para o numero pago pois os telefones publicos do aeroporto nao completavam a ligaçao. Depois de muito estress e desespero, pois iriamos fazer a Toscana italiana de carro a partir dali, com tudo pago e determinado. Fomos na europcar e o atendente gentilmente nos alugou um carro apenas com a habilitaçao internacional, sem problemas, apenas pagamos uma tarifa balcao bastante superior,a que pago atraves da rentalcars. Ao chegar ao hotel consegui falar a rentalcars na pessoa do atendente Rodrigo que disse que nao podia fazer nada, pois a reserva ja estava bloqueada que eu mandasse um email pra saber o procedimento para o ressarcimento do valor que paguei e nao pude utilizar o serviço, por ma vontade e incompetencia da empresa parceira de vcs, Avis. que fazer para sermos ressarcidos ou conseguir que o credito fosse aproveitado na europcar que tambem era parceira deles.
Infelizmente o que nos noticiaram era que estava tudo nos termos e condiçoes da locaçao e que os 773 dolares que pagamos iriam nos ressarci de apenas 442 pq o resto era multa pela falta dos documentos. Achei a atitude da empresa terrivel, em nao resolver o nosso problema, tivemos um grande prejuizo em alugar um carro de ultima hora com tarifa balcao sem descontos e ainda nos obrigarem a pagar 331 dolares? Isso é absurdo, como era obrigatorio se a outra locadora que tmb trabalha com a rentalcars alugou?
Fiquem de olho no belo atendimento 24 horas ao cliente que essa empresa de serviço oferece, quando voce realmente precisa nao tem a quem recorrer. Anotem nao aluguem carro por essa empresa RENTALCARS.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Helen! A primeira agência estava certa. Você precisa, sim, da carteira de habilitação nacional para dirigir no exterior. A sua habilitação internacional só vale com a nacional junto. Um leitor, inclusive, relatou ter tido problemas com a polícia por não estar com o documento brasileiro.

A segunda agência só deu um "jeitinho".

Leia mais aqui:
https://www.viajenaviagem.com/2010/09/habilitacao-internacional-precisar-nao-precisa-mas-e-bom-ter/

Claudia
ClaudiaPermalinkResponder

Vamos alugar um carro na França e queremos deixar reservado e pago. Estou fazendo diversas pesquisas de preços e estou com dificuldade para fazer o orçamento pelos sites com isenção de franquia. A maioria dos sites não habilita essa opção de escolha. Tentei Hertz, Avis e os agregadores, entre eles Auto Europe, Europcar e o Voiture de Location. Alguém já conseguiu alugar pela internet com total isenção de franquia? Podem me ajudar? Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Claudia! Não entendemos o que você quer dizer com isenção de franquia. Se você quer comprar o superseguro que cobre inclusive o pagamento de franquia, pode comprar ao retirar o carro.

vanderlei pinheiro

Consegui fazer isto com a Hertz, porém através de uma operadora de turismo. Preço abaixo que no site da Hertz.

Paola Valenzuela

Oi gente. Alguem sabe me dizer se o trânsito é complicado perto da estação S. M. Novella em Florença? Estaremos de carro na Toscana e pretendemos devolver o carro lá antes de pegar um trem para Roma.
Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Paola! Apenas tome cuidado para não entrar numa zona de tráfego controlado, onde é proibido trafegar se a placa não estiver registrada.

http://www.florence-on-line.com/maps-of-florence/florence-driving-map-ztl.html

Paola Valenzuela

Obrigada Bóia. smile
Outra coisa, você acha que devolver o carro em Roma também seria viável? Como estaremos na Toscana pensamos que devolver o carro em Florença e ir de trem para Roma seria melhor, mas estive pensando que podíamos devolver o carro em Roma Fiumicino e daí pegar um trem para Roma Termini. O que acha?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Paola! É uma boa alternativa, claro.

Daniel
DanielPermalinkResponder

Boa noite pessoal! Próxima semana estarei chegando em Firenze, onde irei alugar e devolver um carro (aeroporto). Vou fazer um roteiro pela Toscana, depois vou para Roma, desço até Nápoles/Pompéia e, por fim, subo tudo até Mestre (para ir à Veneza). Pois bem, estamos em 6 (sim rs, família toda a lá italiana). O único carro disponível, que comportaria toda a tropa, é um Mercedes Vito - gigante, com 9 lugares incluindo o do motorista. Alguém sabe me dizer e, para ele, preciso de categoria especial de habilitação? ou é a "B" mesmo?

Bem esclarecedor esse post, obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Daniel! Acreditamos que basta a sua carteira normal. Sugerimos que você faça os trâmites com um bom intermediário, como a http://www.mobility-online.com.br , que faz cotações com várias locadoras e te responderia essa pergunta com 120% de certeza.

Dagoberto
DagobertoPermalinkResponder

Daniel, foi necessária a Carteira especial de habilitação para o Mercedes Vito, com 9 lugares ou a categoria “B” foi suficiente?

vanderlei pinheiro

Em julho na Itália, já aluguei um Fiat Punto. Pergunta: realmente, compensa mais retirar um carro a diesel do que a gasolina? Quais são as reais vantagens? Obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, VAnderlei! O diesel é um pouco mais barato.

Daniel
DanielPermalinkResponder

Muito obrigado, A Boia!
Estou entrando em contato com a Mobility agora.
Abração

Dudu
DuduPermalinkResponder

Ricardo / A Boia, o site de voces realmente é sensacional e estes forums realmente tiram muitas duvidas. A minha é em relação a: vou alugar um carro na estação termini em Roma, e partir para civitavecchia pegar um ferry para a Sardenha. Duvidas:
1) Em Roma para sair da Termini até a autoestrada de carro, eu passo por alguma ZTL? Como fazer para escapar e nao levar multa?
2) Chegando em Civitavecchio, como funciona o sistema de check-in dos ferries? É preciso chegar com quanto tempo de antecedencia?
3) Ao comprar passagem do ferry, é solicitado que seja informado qual o modelo do veículo e registro do mesmo para ser cadastrado junto a passagem (e calculam o preço da passagem pelo tamanho/modelo do mesmo). Selecionei na Hertz uma categoria de carro x para locar, porém não tenho como saber qual o real veículo que irei locar muito menos o registro do mesmo, apenas a categoria do mesmo. Existe o risco de me cobrarem a mais, dependendo do que alugar? e como seria essa cobrança?

Obrigado e mais uma vez parabens pelo sucesso do site. abs

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Dudu! Você não passará por ZTL. Chegue com duas horas de antecedência ao embarque. Só haverá mudança de categoria se derem para você um super upgrade.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia de férias. Só voltaremos a responder perguntas que forem postadas a partir de 3 de junho. Relatos e opinões continuarão sendo publicados.
Cancelar