Suíça: Interlaken x Zermatt x St. Moritz

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Zermatt

Tão logo você começa a montar o seu roteiro suíço, descobre o inevitável: é muita Suíça pra pouco tempo, minha gente! Não tem jeito: você vai deparar com várias escolhas-de-sofia até definir o itinerário final.

Para ajudar a priorizar lugares e enxugar/racionalizar o seu roteiro, começo agora uma série de posts comparativos entre os lugares mais famosos em três categorias: vilarejo de montanha (Interlaken x Zermatt x St. Moritz), base alemã (Zurique x Lucerna x Berna) e base francesa (Montreux x Lausanne x Genebra).

Claro que esses lugares são apenas -- perdão, Nossa Senhora do Clichê Congelado -- a ponta do iceberg da lista de destinos suíços. Mas acredito que esta série será uma mão na roda para você montar de um jeito consciente as suas bases, itinerários e trechos panorâmicos.

INTERLAKEN | Mas pode chamar de Interloche

Interlaken

A 2h15 do aeroporto de Zurique (com uma baldeação em Berna), Interlaken é o principal centro do turismo alpino suíço -- simplificando bastante, e em bom português brazuca, é a Bariloche da Suíça.

Sua localização é adorável: Interlaken signfica "entre lagos", pois fica na intersecção dos lagos Brienz e Thun. É circundada por montanhas majestosas -- Eiger, Mönsch e Junfrau. De lá você pode zanzar por toda a região das "Bernese Oberland" ("terras altas de Berna"). Não faltam passeios, tanto no inverno, quanto no verão.

Devido à altura, o topo do Jungfrau tem gelo e neve o ano inteiro. É possível até esquiar no verão.

Interlaken como bate-volta

A uma hora de Berna e duas horas de LucernaZurique ou Lausanne, Interlaken cabe num bate-volta -- bastante intenso, mas cabe.

No esquema de ir e voltar no mesmo dia, você vai precisar descer em Interlaken Ost e já pegar a próxima saída da Jungfraubahn, a ferrovia que leva aos vilarejos alpinos e à ferrovia mais alta da Europa. Leve em consideração que o circuito completo até o Top of Europe leva no mínimo seis horas.

Para aproveitar o dia vindo de Lucerna, Zurique ou Lausanne, você vai precisar sair no máximo às 8 da manhã (e dificilmente vai estar de volta antes das 8 da noite). De Berna, que fica a apenas uma hora, o passeio é menos puxado. De Genebra ou Montreux (2h30) fica puxado demais.

Interlaken como pit-stop

Usando o serviço Fast Baggage das ferrovias suíças (em que você entrega a bagagem na estação de ida antes das 9h e retira antes das 19h na estação de chegada), ou se valendo do guarda-volumes da estação Interlaken Ost, você pode fazer de Interlaken um pit stop entre dois destinos. Dá para sair cedo de Zurique ou Lucerna e dormir em Berna ou Lausanne (ou vice-versa), usando o tronco ferroviário convencional (Zurique ou Lucerna-Berna-Lausanne).

O pit stop não é possível pela rota panorâmica (Golden Pass Line, entre Montreux e Lucerna), por duas razões: o trajeto é mais demorado (ficaria ainda mais apertado para fazer o circuito completo da Jungfraubahn) e o segundo tramo da viagem seria feito no escuro durante boa parte do ano.

Interlaken como base

O mais interessante de pernoitar em Interlaken é poder fazer com calma a região do Jungfrau, que é repleta de atrações. Você tirar um dia para ir até o ponto final da Jungfraubahn e curtir todas as atrações do Top of Europe (o centro de diversões alpinas que tem lá em cima); e num outro dia pode se dedicar aos vilarejos do caminho, como Wengen e Grindenwald (não perca o tobogã de maio a outubro). Neste segundo dia também dá para incluir uma subida ao Harder Kulm (entre abril e outubro).

Dias suplementares podem ser usados para fazer:

passeios de barco pelos lagos Brienz e  Thun (veja os meses em que os passeios são oferecidos aqui);

- bate-voltas a Berna (1 hora de trem) e a Lucerna (2 horas de trem) -- em dias diferentes, claro;

- fazer atividades pela cidade mesmo (como este passeio de Segway);

- subir subida ao Schilthorn para comer no restaurante panorâmico giratório;

- visitar as cavernas de São Beato (abril/outubro);

- fazer uma excursão ao Jardim Alpino de Schynige Platte (junho a outubro)

Outra vantagem de montar base em Interlaken é poder monitorar a meteorologia e escolher um dia claro para subir ao Jungfrau.

Entre as estações de esqui dos arredores estão Grindenwald-First (onde está o parque de snowboard para iniciantesWhite Elements), Mürren-SchilthornKleine Scheidegg/MännlichenBeatenberg-NiederhornAxalp em Brienz (com boa estrutura para crianças) e Habkern.

Trens panorâmicos de/para/em Interlaken

Jungraubahn

Interlaken tem um circuito panorâmico completo -- essa Jungfraubahn que eu já citei várias vezes nos tópicos anteriores. O circuito é perfeitamente circular -- dá para ir por um lado (Lauterbrunnen) e voltar por outro (Grindenwald, ou vice-versa). O passeio completo, contando com uma parada de 90 minutos no Top of Europe, leva no mínimo seis horas.

Os trajetos entre Interlaken e Grindenwald e entre Interlaken e Lauterbrunnen estão 100% incluídos no Swiss Pass. Para lá de Grindenwald e Lauterbrunnen, a Wengen e Kleine Scheidegg o Swiss Pass dá 50% de desconto. No trecho final entre Kleine Scheidegg e o Top of Europe o Swiss Pass dá 25% de desconto. Os trens saem de Interlaken Ost.

Golden Pass Line

Interlaken está no centro da linha panorâmica mais útil da Suíça, a Golden Pass Line. Por que é a linha mais útil? Porque liga destinos desejados da Suíça francesa e da Suíça alemã pelo caminho mais bonito. E não deixa ninguém ilhado: dá para seguir viagem facilmente de onde você parar, sem precisar voltar pelo mesmo caminho.

O trecho entre Montreux e Interlaken leva 3 horas, com baldeação em Zweisimmen. A subida começa imediatamente ao sair de Montreux (lindas vistas da cidade e do lago lá de cima); depois que o trem ganha altitude aparece aquela a paisagem que você espera da Suíça -- pastos e vaquinhas com sininho ao pé de montanhas com cumes nevados. Entre os vilarejos do caminho está a badalada Gstaad. A última meia hora de viagem é passada costeando o lago Thun.

O outro trecho da Golden Pass Line, entre Interlaken e Lucerna, leva exatas duas horas. Costeia o lago Brienz -- que nos dias ensolarados tem água azul-turquesa -- e segue por vales escassamente povoados, num percurso 100% fotogênico.

(Para comparar: o caminho mais rápido entre Montreux e Lucerna leva 2h40 -- praticamente metade do tempo da Golden Line completa --, mas usa o corredor densamente ocupado Lausanne-Berna-Lucerna.)

É possível fazer os dois trechos da Golden Pass Line com o Swiss Pass, desde que se viaje nos vagões convencionais. Para viajar nos vagões panorâmicos é necessário fazer reserva e pagar suplemento.

Onde ficar em Interlaken

Interlaken tem duas estações: Interlaken Ost e Interlaken West.

Interlaken Ost é turisticamente a mais importante, porque a Jungfraubahn sai dali também -- e a subida ao Harder Kulm fica a uma distância caminhável. Mas não é um pólo hoteleiro; há poucos hotéis nas redondezas. o mais bacana é o chiquérrimo Lindner Grand Hotel Beau Rivage); o confortável Carlton é uma alternativa menos cara. Há um elogiado Youth Hostel ao lado da estação.

Interlaken West é uma estação mais central. O Centro é a principal zona hoteleira da cidade; ali é mais fácil se deslocar a pé para comer e se divertir. Por ali, entre as alternativas com bom custo x benefício estão o City Oberland Swiss Quality, o CityChalet Historic (autenticamente alpino), o Best Western Bernerhof e o Crystal (bem econômico). Quanto mais perto você se hospedar do canal que liga os lagos, melhor; do outro lado da ponte da Bahnhofstrasse está o bairro (tecnicamente um outro vilarejo) de Unterseen, que tem a noite mais simpática da cidade. Querendo ficar direto deste lado, considere o indinho Beausite (que tem uma ala econômica Beausite Budget), o Rössli e o Post Hardermannli.

ZERMATT | Fofinha & completa

Zermatt

Se Interlaken é uma base perfeita para visitar típicos vilarejos alpinos, Zermatt é o próprio vilarejo típico alpino. Grandinho e turístico, decerto, mas com a arquitetura e a topografia que você espera de uma aldeia montanhesa suíça. Zermatt é a mãe de todas as Campos do Jordão! O pano de fundo que lhe enfeita a paisagem é o cartão-postal mais fotografado do país, o pico Matterhorn, que você conhece das embalagens de Toblerone e Caran d'Ache. E praticamente não há carros nas ruelas: o trânsito de carros particulares é proibido; circulam apenas pequenos veículos elétricos que funcionam como táxi e transportadores de carga e bagagem.

Toda essa fofura concentrada, no entanto, vem com suas desvantagens: o acesso não é tão simples, o que desestimula bate-voltas e deixa a cidade de fora dos itinerários mais esbaforidos.

Zermatt como bate-volta

São poucas as cidades importantes que estão num raio de até duas horas de Zermatt -- para mim, o limite máximo para um bate-volta confortável. Quem está em Berna pode subir em 2h10 (com baldeação em Visp); a viagem desde Interlaken também leva um tempo parecido (2h15, mas com segunda baldeação, em Spiez).

Num bate-volta, o passeio mais óbvio é a subida ao Gornergrat, de onde se tem a vista mais bonita para o Matterhorn. No verão, por causa dos dias mais longos, se você chegar cedo a Zermatt pode combinar o passeio do Gornergrat com outra subida, ao Glacier Paradise do Klein Matterhorn.

Eu não recomendaria bate-voltas para quem está baseado em Zurique (3h10), Lucerna (3h15), Montreux (2h30), Lausanne (2h50) ou Genebra (3h40).

Zermatt como pit-stop

Usando o serviço Fast Baggage das ferrovias suíças (em que você entrega a bagagem na estação de ida antes das 9h e retira antes das 19h na estação de chegada), ou se valendo do guarda-volumes da estação de Zermatt, você pode fazer de Zermatt um pit stop entre dois destinos -- sobretudo se o destino inicial ou final for Berna ou Interlaken, que estão a duas horas de lá.

Você pode compor seu roteiro saindo de Montreux ou Lausanne para dormir em Interlaken ou Berna, por exemplo. Use o Fast Baggage apenas se você tiver certeza de que vai chegar ao destino final antes das 19h, senão você só vai retirar as bagagens no dia seguinte. Mas considere seriamente pernoitar em Zermatt: você vai aproveitar muito mais a viagem.

Zermatt como base

Dormir em Zermatt proporciona a experiência de se hospedar num vilarejo alpino com a possibilidade de fazer muitos passeios, aproveitando a boa estrutura turística da cidade.

Há vários picos para visitar, usando os meios de acesso mais variados -- ferrovias, teleféricos, gôndolas. Você pode subir ao Gornergrat, ao Glacier Paradise do Klein Matterhorn, ao Rothorn, ao Sunnega e ao Schwarzsee.

No inverno a praça central da cidade vira um ringue de patinação.

Nas férias escolares européias (junho-agosto e virada do ano) há uma série de atividades para crianças no Kinder Paradies Zermatt. No verão tem também um parque de arvorismo, o Forest Fun.

Quem não esquia pode descer de tobogã de Rotenboden. E entre o Natal e abril dá para dormir uma noite num iglu na Igloo Dorf.

Há um centro histórico com casas tradicionais preservadas. E a noite é bem fervidinha, tanto na temporada de inverno quanto na de verão.

O entorno de Zermatt tem 30 pistas de esqui, servidas por vários meios de elevação. É possível ver quais estão em funcionamento neste link. Mesmo no verão é possível esquiar no Klein Matterhorn, pela manhã (às duas da tarde as pistas são fechadas porque neve e gelo começam a derreter).

Trens panorâmicos de/para/em Zermatt

Visp-Zermatt-Visp

Para subir até Zermatt de trem é necessário fazer uma baldeação em Visp. E ali você obrigatoriamente pega um trem panorâmico da Matterhorn Gotthard Bahn, com janelões enormes mesmo na segunda classe, e que leva uma hora até chegar ao centro de Zermatt. Este trecho inclusive faz parte do Glacier Express, o mais famoso trem panorâmico da Suíça. Ou seja: simplesmente chegar a Zermatt já envolve uma viagem panorâmica. E o que é melhor: este trecho de Visp a Zermatt está 100% incluído no Swiss Pass, sem necessidade de suplemento.

Gornergrat Bahn

Passeio mais procurado em Zermatt, a ferrovia Gornergrat Bahn leva você a uma altitude de 3.100 metros, de cara com o Matterhorn. A viagem leva meia hora em cada sentido. O Swiss Pass dá 50% de desconto.

Teleféricos, planos inclinados, funiculares & gôndolas

Dá para ascender a inúmeros picos por variados meios de elevação. O Swiss Pass normalmente dá 50% de desconto na tarifa de transporte.

Glacier Express

Ahá! É o mais cobiçado dos trens panorâmicos. Vai de Zermatt a St. Moritz em quase oito horas de viagem. Quem tem Swiss Pass só precisa pagar a reserva dos vagões panorâmicos. Mas é possível fazer a viagem inteira em trens convencionais, sem pagar suplemento. Clique abaixo para ler o post completo desta viagem.

Onde ficar em Zermatt

Zermatt é pequenina e pode ser percorrida a pé. Jogue sempre no Google Maps o seu hotel para ver a distância até a estação central. O embarque para o Gornergrat é na praça central, mas os meios de ascensão para o Glacier Paradise saem da outra extremidade da cidade. De todo modo, em caso de frio extremo, mau tempo ou dificuldade de locomoção, sempre dá para chamar um táxi. Nos arredores da estação, o Sarazena, o Ambassador e o Schlosshotel costumam ter tarifas encaráveis. Há muitos hotéis alpinos em que os apartamentos têm cozinha equipada -- como o Chalet Bergkristall e o Haus Graven. Eu fiquei num hotel básico-moderninho bastante simpático, a menos de dez minutos a pé da estação, o Aristella Swissflair. Com o bolso recheado, eu ficaria no Omnia.

ST. MORITZ | Neve com grife

Vale do Engadin

Se você achou difícil chegar em Zermatt, é porque você não viu onde está St. Moritz. A mais chique das estações de esqui suíças está no cantão (com trocadilho, por favor!) de acesso mais complicado da confederação helvética. A grande cidade mais próxima, Zurique, está a 3h20 de trem. Os trilhos são lentos, os preços são altos, mas a paisagem é um deslumbre: St. Moritz está no Vale do Engadin, pontilhado de lagos (Sils, Silvaplana, St. Moritz) e dominado pelo pico Piz Bernina.

St. Moritz como bate-volta

Esqueça essa possibilidade. St. Moritz só vale para passar o dia e voltar se você já estiver baseado nas redondezas. A "grande" cidade mais próxima é a pequenina Chur, que está a duas horas (e é boa base também para um bate-volta ao principado de Liechtentstein). A igualmente chique (e um pouco mais discreta) estação de esqui de Davos está a uma hora e meia. Você também pode passar o dia vindo de Tirano, na Itália, que está a 2h15 de trem (nos horários mais rápidos).

St. Moritz como pit-stop

Se você acordar em Chur e estiver disposto a dormir em Tirano ou em Milão, pode dar uma paradinha em St. Moritz. O esquema é o seguinte: saia de Chur num trem cedinho -- tipo o das 7h58, que chega a St. Moritz às 9h58. Deixe as malas no guarda-volumes da estação. Se você seguir a Tirano no trem das 16h45 (que chega a Tirano às 19h12), terá mais de seis horas líquidas para passear pela região. Se quiser dormir em Milão, pegue o trem das 15h45, e às 21h40 você deve chegar a Milano Centrale.

É bom lembrar que o trecho Chur-St Moritz faz parte da rota do Glacier Express, e que St. Moritz-Tirano segue o itinerário do Bernina Express. Basta usar trens convencionais, porém, para não precisar pagar suplemento (leia mais sobre isso adiante).

O que dá para fazer em cinco ou seis horas em St. Moritz? Eu subiria ao Muottas Muragl, para a mais bela vista do vale do Engadin.

St. Moritz como base

St. Moritz está a 3h10 de Zurique, 4h20 de Lucerna e também de Berna, 5h20 de Interlaken, 5h40 de Lucerna e 7h40 de Zermatt (pelo Glacier Express). Milão está a 4h30 (pela rota mais rápida) ou 6h (via Tirano pelo Bernina Express).

No inverno, além do esqui (em estações como Corviglia, Corvatsch e Diavolezza), há muitos tobogãs, snowparks para crianças, corridas de trenó (bobsled) e... pólo na neve, a mais esnobe das tradições locais.

No verão, a região vira o paraíso de andarilhos, corredores e praticantes de esportes aquáticos -- como vela, windsurf e kitesurf.

No inverno e no verão, pode-se fazer passeios panorâmicos pela histórica Rhätische Bahn, ferrovia tombada como patrimônio histórico pela Unesco (que tem trechos pertencentes às rotas do Glacier Express e do Bernina Express).

Outro esporte em cartaz o ano inteiro é o das... compras. A via Serlas é o grifódromo local.

Trens panorâmicos de/para/em St. Moritz

St. Moritz é servida por uma ferrovia tombada pela Unesco, a Rhätische Bahn (Ferrovia Rética). Seus trechos mais bonitos (a ferrovia Albula e a ferrovia Bernina) fazem parte do trajeto de dois trens panorâmicos famosos, o Glacier Express (que faz a rota Zermatt-St. Moritz) e o Bernina Express (que faz St. Moritz-Tirano, com continuação de ônibus a Lugano).

Se eu fosse você, escolheria um dos dois; fazer os dois trajetos na seqüência é um tanto repetitivo. Eu achei o Bernina mais bonito do que o Glacier (talvez por ser mais enxuto, também). Um bom roteiro é vir de Zurique via Chur, ficar de uma a três noites em St. Moritz e então continuar a Milão (ou a Lugano).

Para quem tem um dia para investir neste passeio, a rota do Bernina Express também proporciona a mais linda viagem entre Zurique e Milão (ou vice-versa). É preciso sair cedo e coordenar direito as conexões (em Chur, de/para Zurique, e Tirano, de/para Milão).

Note que, usando os trens comuns (e não os vagões panorâmicos), a rota do Bernina Express pode ser feita com o Swiss Pass, sem pagamento de suplementos.

Onde ficar em St. Moritz

A estação de trem fica no plano, mas o centro da cidade está colina acima. Você vai precisar de táxi para ir da estação ao hotel. No centrinho, considere o Monopol, o Hotel Arte e o econômico Languard

Além de St. Moritz propriamente dita, considere hospedar-se nos arredores. Você pode encontrar melhor relação custo x benefício nos vilarejos de Pontresina, Celerina, Samedan e Silvaplana.

Eu não me hospedei mas fiquei gamado (ops) no Romantik Hotel Muottas Muragl, que fica isolado na montanha, ao final de um funicular com vista incrível para o vale do Engadin. O hotel foi recentente renovado e ganhou um prêmio nacional de sustentabilidade ano passado. Fora de temporada seus preços não são absurdos.

Ricardo Freire viajou à Suíça a convite do Swiss Travel System.

Leia mais:

349 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Junior
JuniorPermalink

Vou viajar de Milão para Interlaken, depois subir o Jungfraujoch, fazer um passeio de barco nos lagos de Interlaken, e também ir passar um dia em Berna, depois ir de Interlaken a Paris. Minha dúvida é a seguinte estou em um grupo de 6 pessoas vale a pena comprar o Swiss Pass?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Junior! Infelizmente a única maneira de saber se vai valer a pena é simulando os trechos no site da http://www.sbb.ch/en . O Swiss Pass pode valer a partir de Lugano e até a Basiléia (Basel).

Junior
JuniorPermalink

Mais não Irei a Lugano nem a Basel ?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Junior! Significa que, se você tiver o Swiss Pass, só precisará comprar passagem de Milão até Lugano, e da Basiléia (Basel) até Paris. Os trechos internos da Suíça estarão cobertos.

É uma conta complicada de fazer, você vai precisar fazer mil simulações, mas é a única maneira de descobrir se o passe vale ou não.

Daniela
DanielaPermalink

Eu e meu marido planejamos ir para Suica em julho. Por favor como seria interessante dividir os dias entre as cidades: Zurique, Lucerna Interlaken, Zermatt, Montreux e Genebra (vale a pena ir ate Genebra?). Temos 12 dias de ferias, Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Daniela! Combine uma cidade alemã beira-lago (recomendamos Lucerna) com uma estação de esqui (escolha entre Interlaken e Zermatt) com uma cidade francesa ou italiana (Lausanne ou Lugano). Tempere com um ou dois trens panorâmicos. Faça um bate-volta a Berna desde Lucerna e a Montreux desde Lausanne (ou o oposto, se ficar em Lausanne). Zurique e Genebra são apenas grandes e famosas, as outras cidades são mais interessantes.

Leia mais sobre Suíça:
https://www.viajenaviagem.com/category/suica

Fagner
FagnerPermalink

Ola,

Pretendo sair da Euro Disney Direto para Interlaken ou uma area com neve e que seja bacana pra crianças, 4 e 5 anos com 4 adultos.
Como sairemos dia 31 e temos que retornar dia 02, o que voce sugere ?
PElo que li , Saint Moritz nao é legal pra passar curtas temporadas de 1 ou 2 dias pela distancia e dificuldade. Seria chamonix uma alternativa mais proxima ? O uinterlaken poderia ser bem interessante para os pequenos,
Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fagner! Da Disneyland Paris a Interlaken são 6h com duas baldeações; a Chamonix são 6h40 com três baldeações. É preciso voltar a Paris e pegar o trem na Gare de Lyon. Em Interlaken você precisa de um dia inteiro para fazer o passeio ao Jungfraujoch. A volta a Paris dá 5h desde Interlaken e 5h30 desde Chamonix.

Marcelo
MarceloPermalink

Ola!
Pretendo ir a Suica em fevereiro, e gostaria de fazer o trecho entre Grindelwald, Interlaken, Lucerna e Zurique de carro. Seria recomendavel? Nunca dirigi veiculos em pista com neve, e receio que o trecho deva ser bastante carregado. Ou seria melhor ir de trem?

-- A.L.
-- A.L.Permalink

Marcelo, nas partes baixas neve não é uma constante. Pode ou não ter neve. NEve permanente só nas áreas altas da montanha, onde só se chega de gôndola/furnicular/teleférico mesmo.

As rodovias são tranquilas. Se vc for dirigir nessa época, reserve as correntes ou, melhor ainda, tente reservar um carro com pneus de inverno. Respeite SEMPRE a sinalização de pistas fechadas, evite dirigir à noite e vá com calma.

Eles sempre jogam sal nas rodovias, daí fica fácil dirigir, relativamente.

Sirlei
SirleiPermalink

Olá. Estou indo para Suiça e Austria. Tenho reserva do primeiro dia em Zurich e últimos 3 em Viena. No meio, estou livre. Gostaria de conselhos para o caminho. Pensei em Berna, Interlaken, lecerne, engelberg(titlis), insbruk e salsburg. O que vc acha?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Sirlei! Monte base em Lucerna para fazer o Titlis e ir a Berna; Interlaken pode ser feita também como bate-volta de Lucerna ou com pernoites, para fazer mais passeios na região. De Lucerna a Innsbruck são 5h30 de trem, com baldeação em Zurique. Innsbruck não vai apresentar nenhuma novidade com relação ao que você já viu nas estações suíças. Munique está também a 5h30 de trem, com a mesma baldeação em Zurique, e comporá uma viagem mais diversificada. De lá da 1h30 de trem a Salzburg, e de Salzburg 3h a Viena.

Adriana
AdrianaPermalink

Olá! meu marido e eu estaremos em Interlaken entre 27mai(noite) e 30mai(manha), seguiremos suas dicas para aproveitar ao máximo estes poucos dias, e por isso gostaríamos de saber se as passagens do trem panorâmico, inclusive a reserva nos assentos nas janelas panorâmicas, podem ser comprados quando chegarmos lá ou se existe a possibilidade de não haver lugar. É possível comprar aqui do Brasil? se sim, como receber os bilhetes? Você recomenda a compra via site? Não usaremos o Suiss Pass, pois estaremos de carro e continuaremos a viagem para a França.
Muito obrigada pelas dicas
Adriana

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Adriana! Não há reserva de assento na Jungfraubahn. Os trens inclusive carregam passageiros de pé. Para sentar na janela, basta esperar a próxima saída. A passagem não varia de preço, apenas há desconto para quem tem Swiss Pass (100% até Lauterbrunnen ou Grindenwald, 50% de lá até Kleine Scheidegg, 25% de Kleine Scheidegg até o Top of Europe).

ADIR
ADIRPermalink

Marcelo e Adriana,
Estive em janeiro de 2013 por dez dias na Suíça com minha família. Alugamos um carro em Milão , fizemos algumas cidades do Norte da Itália e atravessamos a fronteira Itália-Suiça. Antes de mais nada a Suíça exige um adesivo que você coloca na frente do carro(valeria como pedágio único)e que é vendido nas fronteiras ou postos de gasolina. As rodovias, obviamente, perfeitas!Alugamos as correntes de neve, mas nem chegamos a usá-las. Visitamos Lucerna, Berna , Zurique, Interlaken, Fraiburg, Broc(onde está a fábrica dos chocolates Cailler), Gruyeres e Genebra. Sendo que achei Lucerna , Interlaken e Berna encantadoras. A subida para o "top of Europe" (Jungfraujoch) foi uma das paisagens mais lindas que já vi. Compramos na hora, dentro da estação Interlaken Ost, os bilhetes, sem problema algum (Há um estacionamento ao lado da estação). A subida de trem é cara(quase 100 euros, se não me falha a memória), mas vale cada centavo. A vendedora ainda te dá um mapa do circuito e outra folha com os horários dos trens. Dá para visitar outras estações de esqui. Descemos para conhecer Wegen,Grindenwald e a última parada antes do Jungfraujoch(o circuito pode ser feito no sentido horário ou anti-horário do mapa). Lembrando que era janeiro(auge da neve na Suíça), mas não tivemos problemas em comprar os bilhetes.Espero ter ajudado.

Bruno
BrunoPermalink

Olá. boa tarde! Muito obrigado por todas as dicas! Chego em Zurique em setembro e, antes de ir para Paris, gostaria de ficar pelo menos 2 dias em Zermatt e 2 dias em Interlaken. Pretendo fazer todos os percursos de trem, mas estou na duvida de que forma eu poderia fazer este percurso na Suíça de forma que ficasse mais proveitoso:
Zurique - Zermatt - Interlaken - Zurique - Paris?
Existe outra forma rapida e turistica de ir para Paris sem ter que voltar em Zurique?
Obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Bruno! O Ricardo Freire recomenda escolher uma estação e fazer todos os passeios disponíveis. Não é preciso voltar a Zurique para seguir a Paris.

De Zermatt a Paris são 7h20, com baldeações em Visp e Lausanne.

De Interlaken a Paris são 5h07, com baldeação na Basiléia (Basel).

Andreia
AndreiaPermalink

Olá, bom dia! Amo este blog e sempre o consulto antes de qualquer viagem. Parabéns pelo excelente trabalho de vocês!
Eu e meu marido estamos programando uma viagem para a Europa no final de outubro e estamos com uma imensa vontade de incluir a Suiça no roteiro (ainda mais depois de tudo o que lemos aqui!). Seriam 6 ou 7 dias no início de novembro. O problema é que muita gente fala que não é uma boa época para conhecer a Suiça, em razão de ser um período com tempo muito instável, no qual muitas das atrações estarão fechadas para se preparar para o inverno. Então, gostaria de saber se alguém que ja esteve lá nesta época poderia me ajudar, com as seguintes questões: Existem passeios legais para fazermos nesta época? É possível, por exemplo, fazer o passeio do Jungfraujoch? A princípio, seguindo as orientações do Ricardo, pretendemos estabelecer base em três cidades: Lucerna, Interlaken e Montreaux ou Lausanne. Considerando a época, é um bom roteiro?
Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Andreia! O problema da época de transição é especificamente para quem quer esquiar. Se você quer apenas andar nos trens ou ver gelo ou neve, não terá problemas. O roteiro é bom.

Mariane
MarianePermalink

Boa noite. Viajaremos em dezembro para a Europa e , no trecho da Suíça ( 7 dias ) , planejamos ficar em Lucerna e fazer alguns bate-e-volta. Vcs acham uma boa opção? Nesse cas, o swisspass seria a melhor escolha ( somos em 4 )? Da Suíça partiremos para Milão. Estamos com vontade de fazer uma parada em Lugano. Há algum trem panorâmico nesse trajeto? Obrigada. Mariane

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Mariane!

Veja todas as possibilidades de Lucerna:
https://www.viajenaviagem.com/2012/04/zurique-lucerna-berna/

O Swiss Pass é uma boa escolha.

Leia sobre o Wilhelm Tell Express a Lugano:
https://www.viajenaviagem.com/2012/01/wilhelm-tell-express/

Pedro
PedroPermalink

Boa noite! Estamos organizando nossa viagem de lua de mel para fim de setembro-começo de outubro. Sairemos de Paris e temos oito dias até terminamos em Zurich. Inicialmente estamos pensando em fazer montreaux seguir pela golden line para interlaken e depois lucerna de onde pegamos o trem direto ao aeroporto de Zurich....estamos devorando essa serie de posts sobre a Suíça e tem nos ajudado imensamente. Tenho basicamente três duvidas que adoraríamos se vcs pudessem ajudar...
1-quantos dias em cada uma das 3 cidades (montreaux, interlaken e lucerna)
2-tem como incluir Zermatt nesse roteiro? Será que dá para pernoitar?
3-qual cidade da Suíça francesa ficar? E como chego vindo de Paris de trem
Muito obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Pedro! Você pode ficar dois dias em Montreux ou Lausanne, dois dias em Zermatt (vá pelo Golden Line), dois dias em Interlaken, dois dias em Lucerna. O ideal seria escolher entre Zermatt e Interlaken e ficar três dias, aumentando um dia em Montreux ou Lausanne para explorar melhor o lado francês.

Como cidade do lado francês, escolha Montreux (pequena) ou Lausanne (média).

sarah
sarahPermalink

Olá!!! Estou indo de lua de mel para a Europa e terei 5 dias na Suiça. Sairei de Veneza, ficarei 5 dias na Suiça e após seguiremos viagem para Paris.
Pensamos em ficar esses 5 dias em Lucerna e Interlaken. Queríamos ficar em cidades menores e mais alpinas.
Teriam cidades melhores?
5 dias seria muito para apenas essas 2 cidades?
É melhor hospedar em uma cidade só e fazer bate e volta ou dividir e ficar em 2 hotéis?
Se ficarmos em apenas um hotel, onde é melhor de ficar, Interlaken ou Lucerna?
Muito obrigada!!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Sarah! Divida a estada entre as duas cidades.

sarah
sarahPermalink

Olá, obrigada pela resposta! Mas se optarmos ficar em apenas um hotel, para evitar check in, check out... seria melhor hospedar em Lucerna ou Interlaken? Qual tem mais opções de passeios? Obrigada.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Sarah! Veja os passeios de Lucerna neste post:
https://www.viajenaviagem.com/2012/04/zurique-lucerna-berna/

Os de Interlaken estão no texto acima. Se você vai ficar em uma cidade apenas, fique na que oferecer o maior número de passeios que você pretende fazer. Note que não faz sentido fazer dois bate-voltas consecutivos a uma mesma cidade.

Sheila
SheilaPermalink

Dica mega importante pra quem vai ao Jungfraujoch !!!
Ao comprar o bilhete, se vc apresentar um bilhete usado do Corcovado você paga apenas 50% !!! Mandei um email pra averiguar, e eles confirmaram. Para nós em reais é como ao invés de pagar 400,00, pagar 200,00. Bom, né? Abaixo o email:
Dear Mrs Souza
Thank you for your Email.

Yes, with a ticket from the Corcovado you will get a 50% discount for tickets up to the Jungfraujoch. You pay from Interlaken Ost to Jungfraujoch and back, per person CHF 98.80. The only thing you have to do is to show your Corcovado ticket before buying the ticket to Jungfraujoch.

For any further information please do not hesitate to contact us again. We shall be pleased to be of any assistance to you. Also we recommend you our internet site www.jungfrau.ch

Yours sincerely

Doris Seiler

JUNGFRAUBAHNEN / JUNGFRAURAILWAYS

RAIL INFO

Harderstrasse 14

3800 Interlaken

Tel. +41 (0)33 828 72 33

Fax. +41 (0)33 828 72 6 info@jungfrau.ch

Carolina
CarolinaPermalink

Sheila,
Você sabe me dizer se o bilhete do Cristo é nominal ou se posso usar de algum conhecido?

renata
renataPermalink

brasileiros....tsktks

Eloise
EloisePermalink

Olá! Tudo bem? Pretendemos ir para a Suíça nas duas última semanas de julho. Esta é a época mais cheia de turistas no ano? Gostaria de saber se realmente tudo fica muito lotado e com muitas filas...Gostamos de lugares mais tranquilos.

Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Eloise! É verão; há muitos turistas em férias na Europa. Fica mais cheio, mas as cidades também ficam mais animadas, com eventos ao ar livre smile

Eloise
EloisePermalink

Bom dia! Tudo bem?
Obrigada pela resposta.
Gostaria de sua sugestão. Chegaremos à Suíça dia 21 de julho e passaremos 14 dias completos.
Somos em 4 (duas crianças e dois adultos) e pensei no seguinte roteiro:
Zurique + passeios arredores (Lucerna) 3 dias
Interlaken 4 dias
Zermatt com trem panorâmico 3 dias
Genebra + arredores (Lausanne) 3 dias
Zurique 1 dia

Com estamos com crianças não queria mudar muito de hotel.

O que acha?

Muito obrigada

Eloise

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Eloise! O Ricardo Freire sugeriria Lucerna e Lausanne como bases, em vez de Zurique e Genebra.

Sabrina
SabrinaPermalink

Boa note, estou indo em janeiro para zermatt, vamos ficar 6 noitescna estacao, neste tempo qual programacao perto posso incluir? E depois estava pensando em esticar mais 7 dias... Estamos pensando em austria e republica tcheca!!!!! E berne mas estou perdida no roteiro e tempo em cada lugar????? Obrigass

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Sabrina! Aproveite para curtir bastante Zermatt, fazendo todos os passeios disponíveis. No capítulo bate-voltas, Berna está a 2h15 de viagem; Montreux, a 2h40.

Para os restantes sete dias, você pode voar de Zurique a Viena, ficar três dias, depois ir de trem a Praga, ficando quatro dias e voando de volta a partir de lá.

andre
andrePermalink

estou em interlaken, gostaria de saber como faço para chegar no aeroporto de geneve. gostaria de saber tambem se não ficaria mais facil , ou ser não seria mais perto ir para zurique, e la pegar um voo para noruega. obrigado

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, André! Interlaken está a 2h15 do aeroporto de Zurique e a 3h do aeroporto de Genebra. Procure vôos para a Noruega em http://www.skyscanner.net .

Angela sales
Angela salesPermalink

Olá!
Farei o trecho St Moritz/Zermatt em setembro com o Glacier Express.
Dormirei uma noite em Zermatt.Para voltar a St Moritz existe outra opção a não ser novamente o Glacier?
Poderia sugerir outro trem ou ônibus para não repetir o mesmo trajeto?
Não consigo encontrar outra alternativa.Obrigada pela ajuda.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Angela! O ideal é fazer esses trens panorâmicos como parte de um roteiro que continue a partir do destino de chegada, sem precisar voltar ao destino inicial.

Talvez você possa fazer uma rota alternativa indo de Zermatt para o destino que você vai visitar depois de St. Moritz.

Maria Ivani
Maria IvaniPermalink

Olá!!! Rico... estou com varias duvidas!!

E só vc pra me esclarecer tdas!!

è o seguinte; pretendo dia 24 de outubro, ir a Suiça. Qual a cidade

que vc me orienta a ficar pra pegar ou Bernina Express ou o Glacier

Expresse?

Estive observando os comentarios... Estou na duvida sem saber bem

o que fazer!! vamos supor que escolho o Bernina Express, Chegarei por Zurique, durmo e de la tenho que pegar um trem pra Chur que é de onde sai o Bernina Express.. Vou até Tirano , e qdo chegar la, pego o onibus áté Lugano.. Durmo em Lugano...No dia seguinte quero ir pra Interlaken!! Pra fazer o outro passeio de Trem!!Como planejo esse roteiro? Isso nao estou conseguindo... Mas acho que de Lugano pego o Trem até Bellinzona e de lá até Domodossola até Interlaken.. Estarei em Varsovia e de lá, quero ir á Suiça...

Vou ficar no aguardo.. Ta complicado..

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Maria Ivani! Quem responde é A Bóia.

De Lugano a Interlaken, pegue o Wilhelm Tell Express até Lucerna, siga de trem a Interlaken.

Bárbara
BárbaraPermalink

Ola, pessoal! Eu e meu namorado vamos passar 30 dias na Europa fazendo mochilao no inicio de 2014. Queremos sair de Berlim com destino a Suiça por volta do dia 15 de fevereiro, para passar 2 noites/ 3 dias. A ideia era conhecer uma estacao de esqui, mas em um passeio low cost. É possivel gastar pouco em uma viagem pela Suiça no inverno? O que voces me indicam? Obrigada!

Bárbara
BárbaraPermalink

Esqueci de dizer que a proxima parada sera a Italia, onde queremos pelo menos visitar Roma e Veneza.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Bárbara! Pela questão da valorização do franco suíço, a Suíça é o país mais caro da Europa.

Leia sobre o Jungfraujoch:
https://www.viajenaviagem.com/2011/09/de-interlaken-ao-top-of-europe-pela-jungfraubahn/

Marcelo | Alemanha! Por que não?

Barbara,

Se sua ideia é apenas conhecer uma estacao de esqui, existem várias outras opcoes muito mais baratas que alguma estacao da Suíca. Por exemplo, Innsbruck na Áustria, ou Garmisch-Partenkirchen na Alemanha.
Existem várias outras, mas estas duas em especial sao interesantes pois as cidades nao giram apenas em torno do esqui, e existem várias outras atracoes a serem visitadas.

Agora, se você quiser conhecer a Suíca independentemente de estacao de esqui, vai precisar de mais dias por lá. E mais dinheiro também, pois nao existe "low-cost" na Suíca.

selma helene
selma helenePermalink

Olá
Tenho do dia 18- 23,( 5 dias e meio)

18-1/2 dia zurich
19 lucerna - monte ttlis- interlaken
19-20--Interlaken 2 noites( jungfrauh)
21- berna
22- gruyeres
A partir daqui nao consigo incluir ZERMAT E O LAGO GENEVE
COMO FAÇO....??? Alguma sugestao??
Abços selma

Nao consigo incluir

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Selma! Escolha uma estação de esqui, Interlaken ou Zermatt. Não há tempo para duas. Durma duas noites em Montreux, à beira do lago Léman ("Lake Geneva" em inglês). Faça pit stop em Berna vindo de Interlaken (ou seja, sem pernoite) e no dia seguinte faça o trem do Chocolate, que sai de Montreux para Gruyère.

Flavia
FlaviaPermalink

Ola, tenho um seminario em Genebra em setembro e vou aproveitar para passar de 7-10 dias na Suíça, sozinha. Alguma sugestao de roteiro, partindo ou terminando em Genebra? Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Flavia! O Ricardo Freire recomenda combinar uma cidade à beira-lago + uma estação de esqui e combinar com um trem panorâmico.

Leia nosso conteúdo de Suíça:

https://www.viajenaviagem.com/category/suica

João Carlos
João CarlosPermalink

Estamos em viagem para Suiça em Novembro de 11 a 19.De 14 a 19 fizemos um roteiro: Zurique/Berna/Lausanne/Genebra.
Temos 2 dias livres, partindo de Zurique. O que sugere? St Moritz ou Zermatt /Interlaken ? Considerando que queremos conhecer a região de montanhas.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, João Carlos! Neste post você encontra os pontos altos das três. Escolha uma delas apenas e fique duas ou três noites para fazer os passeios disponíveis.

Henrique
HenriquePermalink

Primeiro Parabéns pelo site,

Por gentileza estamos de viajem quase marcada para final de dezembro/inicio de janeiro, estou efetuando uma rota pela região da suíça de carro, sobre as estradas seria um bom período devido ser inverno? (explo - Interlaken)

abraço.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Henrique! Particularmente não temos experiência em viagens de carro pela Suíça, muito menos na neve. Leve em conta que as estradas mais bonitas são também as mais estreitas e mais cheias de curvas e mais sujeitas a ganharem uma capa de gelo. Que tal o trem?

Raquel
RaquelPermalink

Boa noite, Ricardo! Seu site é minha inspiração de viajem! Vou para Suíça em Outubro e gostaria muito de fazer o glacial express ou o Bernina. Que cidades seriam boas bases para esses passeios? Estarei de carro e vou precisar voltar para a mesma cidade para pegá-lo de volta. Existe algum caminho alternativo mais rápido que os trens panorâmicos?

Obrigada,
Raquel

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Raquel! Quem responde é A Bóia. Recomendamos o Glaciar Express ou o Bernina Express para quem está cruzando a Suíça de trem. Se você está de carro, é melhor fazer o circuito do Jungfrau, em Interlaken.

Livia
LiviaPermalink

Boa nte!
Viajarei para Suiça e França na nossa lua de mel. Comecando pela suiça, Gostariamos de um hotel de luxo spa nos 3 primeiros dias e depois seguimos para Lausanne para 4 dias. O problema é que nosso aereo chega em Paris. Pela logistica onde vc recomendaria esse hotel spa? Brigada.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Livia! Sempre compre sua passagem aérea até o primeiro lugar que você vai efetivamente visitar. Ao chegar em Paris, você estará a pelo menos 5h de alguma estação alpina Suíça. Terá que dar um intervalo grande o suficiente entre a chegada do avião e a saída do trem para não perder a passagem. Tudo isso depois de uma viagem internacional. Você deveria ter comprado passagem com destino final Zurique ou Genebra. Interlaken (5h de trem, uma baldeação) ou Chamonix (5h40, duas baldeações) pode ser um bom destino inicial na Suíça para quem vem de Paris e vai a Lausanne.

Paulo Quintela
Paulo QuintelaPermalink

Prezados

Poderiam me esclarecer uma dúvida por favor? Vou a Interlaken, mas chegarei de Zurique de manhã direto para o passeio top of europe. Não terei o swiss pass porque passarei apenas três dias na Suiça.
Gostaria de adquirir antecipadamente os tickets para o passeio, porque tenho receio de não conseguir na hora. Há algum site que me indiquem para adquirir os tickets ?

Obrigado

Paulo Quintela

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Paulo! Não há dificuldade em comprar na hora. A sua dificuldade será em ir de Zurique a Interlaken a tempo de subir até as 10h da manhã. O circuito inteiro leva pelo menos 7 horas.

Luiza
LuizaPermalink

O trajeto de carro é viável??

Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luiza? Qual trajeto? Não entedemos.

Simule roteiros rodoviários em http://www.viamichelin.com .

No inverno você vai precisar de correntes nos pneus, calma e destreza nas estradas montanhosas, que podem ser recobertas por fina camada de gelo.

Luciana
LucianaPermalink

Olá! Em dezembro farei uma viagem entre Austria e Suiça e estou me batendo um pouco com um trecho de trem, vocês me ajudam?

Nós vamos de Salzburg para St. Moritz, e é principalmente sobre este trecho que tenho dúvida. Compro no site da OBB como o outro trecho da Austria? Tem trecho direto ou preciso parar em outra cidade antes.

Após pernoitar em St. Moritz vamos pegar o Glaciar Express até Zermat e passar uns dias em Lausane.

Como teremos outros trechos na Suiça pensei em comprar o Swiss pass.

Alguém já fez Salzburg/ St. Moritz de trem? Help!! E desde já obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luciana! São 7 horas de viagem, com baldeações em Sargans e em Chur. Dá para comprar o trecho inteiro na http://www.oebb.at/en . Você poderia emitir também só até Chur, e validar seu Swiss Pass lá. Mas o trecho Chur-St. Moritz custa 40 francos suíços; você precisa fazer as contas se vai valer a pena queimar um dia de Swiss Pass no trecho.

(Sempre lembrando que você pode pegar o Glacier Express em Chur mesmo, no dia seguinte. O que você perderia seriam os viadutos da Ferrovia Rética.)

Luciana
LucianaPermalink

Obrigada, eee, viva a Bóia!

\o/

Patricia
PatriciaPermalink

Olá! Irei de carro de Milão pra Suíça e ficarei 5 noites , gostaria de esquiar um dia pois estarei viajando em dezembro . Tinha pensado ficar 2 noites em St Moritz para esquiar e os demais em Interlakem e depois estarei partindo de carro pra Paris .O que acha tem alguma sugestão ? Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Patricia! St Moritz e Interlaken são duas cidades alpinas. Serão redundantes no seu roteiro. Se é para ficar em duas bases diferentes, escolha uma cidade beira-lago para a outra base.

Patricia
PatriciaPermalink

Qual cidade vc me sugere?? Obrigada

Patricia
PatriciaPermalink

Olá, então será que escolho St Moritz duas noites e três noites Lucerna , ou 2 noites Interlakem e três noites Lucerna ou Zurique .

Grata

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Patricia! Interlaken está num ponto mais à mão para chegar e sair. St. Moritz é mais cara e está num canto da Suíça que só serve no seu roteiro se você continuar à Itália.

Luiz Eduardo
Luiz EduardoPermalink

Luciana e Patrícia:
1. Se estão pensando em Interlaken saibam que em Lauterbrunnen fica mais barato e demora 21 minutinhos de trem, que sai todas as horas, nos minutos 03 e 33, até a estação Interlaken Oost, de onde se tem trem para o resto da Suíça em, no máximo, 10 minutos.

2. Não sei se Lucerna seria uma boa ficar, pois dá para fazer um day tour a partir de Interlaken, onde me hospedei no Hotel Staubach (diária de CHF 160.00 contra CHF 220.00 em hotel similar em Interlaken. Pode esquiar em Murren, é só subir o morro smile

3. Em Lucerna, além da travessia da Ponte da Capela e do Leão de Lucerna, ambos próximos da estação ferroviária, vale uma subida até o Pilatus, subindo pela cremalheira (PilatusBahn) e descendo pelas gôndolas, pelo outro lado. Já fiz o passeio e é tranquilo em um dia.

4. A viagem pelo Glacier Express é um pouco cansativa. Eu a fiz indo pelo Bernina Express de Tirano (na Itália) até Davos (onde me hospedei no Hotel Bünda) e de lá pelo Glacier Express até Zermatt (Hotel Coeur des Alpes). O trem a partir de Davos tinha vagão restaurante (almoço completo a CHF 41.00, podendo reservar o almoço pela internet (RealGourmino).

5. Qualquer coisa que precisar estou às ordens.

Luiz Eduardo

Luiz Eduardo
Luiz EduardoPermalink

Corrigindo a informação 2: o Hotel Staubach é em Lauterbrunnen.

carla
carlaPermalink

Olá Bóia!
Estou indo a St. Moritz agora no meio de outubro. Você sabe me dizer quais dessas atrações que foram sugeridas por vocês eu conseguirei fazer? Como foi falado só em inverno e verão, fiquei confusa.
obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carla! Outubro vai ser meia-estação. Entre no site do turismo da cidade (linkado ao pé do texto) e você verá as atrações que funcionam no seu mês.

Túlio
TúlioPermalink

Olá, Boia!
Em março vou conhecer Suíça, Áustria e República Tcheca. Nessa época, na Suíça, qual vilarejo de montanha você sugere para pegar neve? Não queria pernoitar em várias cidades por questão de tempo de check in, check out e deslocamentos (reservei apenas 5 dias no país). Qual cidade você indicaria como base, Zurich ou Berna? Obrigado!! Abs

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Tulio! Haverá neve em todas as cidades alpinas.

Leia este post, tem roteiros para 5 dias:
https://www.viajenaviagem.com/2013/09/roteiros-trem-suica-swiss-pass/

Túlio
TúlioPermalink

Ok, Bóia! Valeu! Abs

Rita
RitaPermalink

Olá Bóia
Estou indo para Genebra em 28 de novembro e vou ficar por 3 dias. Gostaria de visitar Zermatt ou Jungfrau, queria saber qual dos dois tem um custo menor e Qual das duas estações faz mais frio nessa época? Sinto muito frio mas só posso ir nesse período . Chegando ao topo se eu sentir muito frio posso permanecer dentro do trem ou tem algum lugar onde posso ficar agasalhada?
Grata, Abs,
Rita

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rita! Fará muitíssimo frio nos dois lugares.

Veja todos os preços e durações de viagem neste post:
https://www.viajenaviagem.com/2013/09/roteiros-trem-suica-swiss-pass/

emerson calil
emerson calilPermalink

Ricardo, parabens pelo site, tem otimas dicas, sempre acesso antes de minhas viagens e acompanhava seus toques no radio. Estarei em abril de 2014 com minhas filhas, e quero fazer um bate-volta de carro a partir de Milão. O que é melhor Interlaken ou St Moritz? Nas duas cidades havera neve no periodo?
Obrigado

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Emerson! Quem responde é A Bóia. O que você quer dizer com "bate-volta"? Ir e voltar no mesmo dia é impossível nos dois casos. Para pernoitar, é indiferente, estude as cidades e fique de duas a três noites para fazer os passeios disponíveis. Simule as rotas em http://www.viamichelin.com . Haverá neve.

maria luiza
maria luizaPermalink

ola, passaremos 2 semanas na suiça, partindo do Brasil dia 22/12 p Zurique, gostaria de sua opiniao sobre alugarmos um carro todo esse período, pretendemos conhecer o melhor da suiça alema/ francesa e se possivel chegar até o vale Aosta (Itália), vc acha possivel esse roteiro de carro, p/e por ser inverno. Agradeço, aguardo suas dicas. Obg.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Maria Luiza! Infelizmente não temos experiência sobre viagens de carro na Suíça.

Leia sobre roteiros de trem:
https://www.viajenaviagem.com/2013/09/roteiros-trem-suica-swiss-pass/

Poliana Araujo
Poliana AraujoPermalink

Montei meu roteiro pela Suíça seguindo orientações deste blog para junho de 2014 , fazendo o percurso do Golden Pass . Chego por Genebra - Montreaux ( 2 nts) - Interlaken (4 nts Jungrafrou, trilhas em Grindewald e Lauterbrunen, passeio de barco no Lago brienz, grutas, Harder kulm)) - Lucerna (3 nts - bate volta em Berna e Titlis) - Zurique , ou vice versão na rota. Como eu poderia colocar o Bernina nesta programação já que ele e totalmente fora de mão? Tenho uns 11 dias de viagem e a cidade final eu partiria de volta ao Brasil.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Poliana! É fora de mão.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2013/09/roteiros-trem-suica-swiss-pass/

Gabriel
GabrielPermalink

Olá querida, tudo bem? Estou indo pra suíça esquiar e pelo que tenho procurado, vi como melhores opções interlaken e Zermatt. Mas qual das duas é melhor? vou ficar de segunda à quinta e quero aproveitar o máximo possivel. Em qual das duas cidades tem a noite melhor? Isso é importante tb pra minha decisão. Estou indo sozinho!

-- A.L. (Dois Mapas)
-- A.L. (Dois Mapas)Permalink

Interlaken é um hub ao redor de várias áreas de esqui, é muito maior que Zermatt e tem vida noturna agitada (embora cara). Todavia, Interlaken em si está em baixa altitude, vc precisa sempre usar trens para chegar às bases dos meios de elevação. O esquema funciona bem, há passes que incluem todo o transporte, mas vc sempre vai gastar um tempo razoável entre sair do hotel e chegar ao ponto de partida da sua pista escolhida.

Zermatt é bem menor, mas fica em altitude elevada, muito mais próxima dos meios de elevação. Há mais pistas de dificuldade elevada por lá. Você não precisa viajar 20-40 min de trem até as estações-base como precisa em Interlaken. A média de idade em Zermatt é mais alta.

Gabriel
GabrielPermalink

Quanto eu gastarei em média por um dia de esqui nas proximidades de intelaken? Fora o hotel. Pergunto entre o transporte até a montanha e o aluguel do snowboard. Aliás me deram essa dica.. A montanha pra snowboard é diferente da montanha para esqui. Porque o snowbord é só pra descida.. se tiver trecho reto não da pra andar como anda com o esqui.

Outra pergunta que parece ser meio boba mas estou com dúvida. A gente paga pra subir na montanha e desce de snowboard ou esqui. Pra subir denovo tem que pagar novamente??

-- A.L. (Dois Mapas)
-- A.L. (Dois Mapas)Permalink

Se vc entrar nos sites das cidades, todas elas tem informações sobre passes de tranporte (de dia inteiro, para esquiar no começo da manhã ou só a tarde, de vários dias etc) e mapas detalhados das pistas. Os resorts suíços sõa bem estruturados, seja em Zermatt, seja em Interlaken ou outros de altitude elevada sempre haverá pistas de vários níveis, pistas para snowboard, cross-country, pista para iniciantes etc.

Então vc consegue verificar custos de hospedagem, transporte, elevação.

Gabriel
GabrielPermalink

Poxa, nem agradeci pela primeira resposta. Obrigado!

tenho mais uma pergunta. Fora o hotel. Onde é mais barato esquiar? Zermatt ou Interlaken? Cito a subida na montanha, aluguel do equipamento etc..

Zermat tem alguma outra atração fora esquiar, como tem em interlaken?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Gabriel! Entre nos sites das cidades, que estão linkados no post. Em seguida, entre nos sites das estações de esqui. Os preços dos passes diários estarão lá. Infelizmente não temos como fazer cálculos para os leitores -- ainda mais porque é fácil pesquisar por conta própria. Os links estão no texto.

Gabriel Mattedi
Gabriel MattediPermalink

E quanto ao lance da montanha.. A gente paga pra subir, desce esquiando e depois paga pra subir novamente? Ou paga uma vez só?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Gabriel! Você compra um passe diário de esqui e tem direito a usar os meios de elevação da estação de esqui naquele dia.

Theo
TheoPermalink

Olá ,
Estive em Lugano e gostei, fui de Milão, agora quero ir de avião para alguma. Cidade tipo Berna ou interlakem ou outra, e pegar um trem talvez para zermatt, devo estar na Itália ou Espanha, queria algo mais pratico e rápido, que me recomenda ?
Abs

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Theo! Os aeroportos principais são Zurique e Genebra. Há aeroportos secundários na Basiléia (Basel-Mulhouse) e Lugano.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2013/09/roteiros-trem-suica-swiss-pass/

Diogo
DiogoPermalink

Olá Boia, pretendo passar 1 semana entre Milão e St. Moritz. Chego em Milão no dia 24/01/14 e gostaria de 2 noites lá, para depois curtir mais 4 dias em St. Moritz, começando em 26 e terminando em 29/01. Você sugere fortemente ir de trem de Milão a St Moritz? Quanto custa a passagem/pessoa? É concorrida? Ficarei em Pontresina. É fácil ir de lá para St. Moritz? Dá para pegar algum transporte com malas e tudo? Pensei na hipótese de alugar um carro para fazer o trajeto partindo de Milão, vi pelo maps que demora cerca de 3h.
Já em St. Moritz, os hotéis da região costumam oferecer um ski pass e uma gratuidade no transporte público. O que isso abrange? Posso ir de ônibus de Pontresina para St. Moritz gratuitamente? Como acessamos as estações de esqui? Desculpe pelas inúmeras dúvidas, é que será a primeira vez na neve/suíça/estações de esqui. Muito obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Diogo! Informe-se com o hotel se a gratuidade no transporte é só em St Moritz ou se em todo o vale do Engadin.

Recomendamos subir a St Moritz pelo Bernina Express. Veja o link do post ao pé do texto.

Carolina
CarolinaPermalink

Ricardo, parabéns pelo site! Foi ficar uma semana em St. Moritz, viajo sozinha, para esquiar, vc acha que vale a pena ir até Milão? E qual trem eu pegaria? Chego dia 29.12 e volto para Zurique 05.01.14. Depois pensei fazer nos 4 dias em que fico em Zurique como base bate volta para Lucerna, Berna, Lausanne e Lugano. O que vc acha? Vale o Swiss Pass para essas regiões nesses 4 dias?
Obrigada. Att, Carol

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carolina! Quem responde é A Bóia. Para ir a Milão você precisa pegar um trem a Tirano (pode ser o Bernina ou qualquer trem convencional que faça a rota) e seguir de lá num outro trem. Você teria que dormir em Milão algumas noites.

Entenda o Swiss Pass e veja 30 possibilidades de roteiro pela Suíça, então faça você mesma seu próprio roteiro:
https://www.viajenaviagem.com/2013/09/roteiros-trem-suica-swiss-pass/

allan
allanPermalink

Olá, Bóia!
irei de paris para suíça dia 26/01, tenho 5 dias para elaborar o melhor roteiro, estação de esqui é melhor próximo a zermatt ou interlaken?
e além desses 2 destinos, qual outro lugar você me indicaria para conhecer?
att.
Allan

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Allan! Veja roteiros prontos aqui: https://www.viajenaviagem.com/2013/09/roteiros-trem-suica-swiss-pass/

allan
allanPermalink

Muito Obrigado!!

Polyanna Carlos
Polyanna CarlosPermalink

Olá Ricardo/Boia!

Em fev/mar de 2014 estarei na Europa e pretendo ir para Suíça de Munique. Pensei ir de trem ate Zurique, passar 2 dias (pois quero fazer um passeio até Gruyères). É o melhor lugar para chegar?

Tenho mais 3 dias e gostaria de conhecer algumas pistas de esqui. Pensei ficar em Berna ou Lucerna e de uma delas ir ate Interlaken. Qual das duas cidades é melhor para se hospedar? Dai parto para Milão ou Veneza. De onde é melhor pegar o trem? Dá para fazer o trecho Suíça - Milão ou Veneza em trem panorâmico?

Seria viável eu ir de Berna ou Lucerna para Zermatt ou St Moritz dormir 1 noite e seguir para Itália por estarem mais perto da fronteira? Assim aproveitaria para conhecer uma delas.

Já agradeço por poder contar com a ajuda de vocês!,

Polayna Carlos
Obr

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Polyanna! Zurique fica muito longe de Gruyères.

Veja este post:
https://www.viajenaviagem.com/2013/09/roteiros-trem-suica-swiss-pass/

Polyanna Carlos
Polyanna CarlosPermalink

ok...