Toscana sem carro: 5 bate-voltas de trem ou ônibus, saindo de Florença

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

San Gimignano

Há duas maneiras, proveitosas e complementares, de explorar a Toscana.

Quer passear a esmo pelas estradinhas dos vales, subindo aos vilarejos encarapitados nas colinas? Alugue um carro e monte base perto de Siena (de preferência, fora da cidade).

Quer explorar as cidades maiores sem se preocupar com estacionamento, zonas de tráfego restrito e quantidade de taças de vinho no almoço? Então passe um tempinho em Florença e aproveite o que pode ser visitado por trem e ônibus.


View Florença: bate-voltas de trem e ônibus in a larger map

Siena, de ônibus

Siena

As cidades muradas do sul da Toscana são mal servidas por trem. As linhas são lentas; os horários, espaçados; e as estações normalmente ficam longe do centro (o que é natural: uma estação de trem no meio de um centro histórico medieval desfiguraria a cidade). Siena não escapa à regra. E a ligação a Florença por uma auto-estrada rápida faz com o ônibus seja uma opção bem mais interessante do que o trem.

Vale a pena comprar um Opa Si Pass, que dá direito a visitar o Duomo e a usufruir das vistas do Museo dell'Opera sem enfrentar filas. Perca-se pela cidade; pegue uma mesa num bar do Campo e imagine a praça num dia de Palio; escolha uma osteria para experimentar comida senese (eu adorei o pici -- macarrão toscano sem ovos -- com ragu de porco da osteria Il Campaccio).

Os ônibus fazem o trajeto em 1h15 (escolha a "Corsa rapida"; a "Corsa ordinaria" vai parando). Compre a passagem direto na rodoviária; cada perna custa € 7,10. Nos finais de semana, há saídas de Siena até 20h30, e até 20h45 de segunda a sexta. Veja todos os horários aqui.

Pisa e Lucca, de trem

Pisa

Nenhuma visita a Florença é completa sem o bate-volta regulamentar a Pisa. A viagem é facílima de fazer por conta própria. Os trens rápidos à estação Pisa Centrale levam apenas uma hora; de lá você sai caminhando (menos de meia hora), pega um ônibus (LAM Rossa ou Linha 4) ou um táxi (menos de 10 euros). Viajando com o trem regional, você leva um pouco mais tempo (1h30) mas salta na estação Pisa San Rossore, que está a cinco minutos de caminhada da Torre.

Subir na Torre não é essencial, mas se você tem intenção de sentir a tonturinha de rodopiar pelos anéis superiores do monumento, compre seu ingresso com hora marcada pelo site da Opapisa com 45 a 15 dias de antecedência. Leia mais aqui.

A visita à Torre de Pisa é facilmente combinável com uma escapada à cidade murada de Lucca, que fica apenas 20 minutos adiante, tomando o trem na estação Pisa San Rossore. A estação de Lucca fica próxima a uma das portas de entrada da cidade antiga (basta atravessar a rua). O barato ali é alugar uma bicicleta e usar a magrela para dar a volta nas muralhas.

A volta de trem a Florença leva 1h20.

Os preços das passagens são camaradíssimas. Florença-Pisa sai € 7,10; Pisa San Rossore-Lucca,  € 3; e Lucca-Florença, € 6,40. Não é preciso comprar as passagens com antecedência.

San Gimignano, de trem + ônibus (com ou sem Pisa)

San Gimignano

San Gimignano, com suas torres altíssimas (é a Manhattan medieval da Toscana), está no topo da lista de desejos de quem vai a Florença. É uma cidade mais facilmente visitável de carro -- num passeio em que dá para combinar com Volterra, ou então com Colle di Val d'Elsa e Monteriggioni.

A viagem de transporte público também é perfeitamente factível; o único perrengue é ter que fazer baldeação em Poggibonsi, a 12 km da cidade murada. Você sai de Florença de trem ou ônibus (os trens são mais freqüentes) e em uma hora chega a Poggibonsi; lá pega um ônibus que leva mais 25 minutos a San Gigmignano. Um táxi leva 10 minutinhos.

Em San Gimignano, aproveite que não está dirigindo e tome uma taça de Vernaccia, o ótimo vinho branco local. Querendo ir no dia mais colorido, vá na quinta-feira, quando acontece o mercado na Piazza del Duomo (de manhã, claro!).

A passagem de trem Florença-Poggibonsi sai € 6,40; o ônibus Poggibonsi-San Gimignano,  €  3,20. O percurso inteiro de ônibus (Florença-Poggibonsi-San Gimignano) custa € 6,80; simule horários aqui. Se preferir o táxi entre Poggibonsi e San Gimignano, espere pagar € 20 em cada direção.

Quem estiver muito, mas muito apertado de tempo pode combinar San Gimignano com Pisa. A viagem leva 1h30, com baldeação em Empoli. A passagem desde Poggibonsi custa € 7,10. De Pisa você volta a Florença em uma hora. Leia mais sobre a Torre aqui.

Não é necessário comprar as passagens antecipadamente.

Cortona, de trem (com Arezzo, se quiser)

Cortona

Sair de Florença para passar o dia no cenário dos livros de Frances Mayes não é nada complicado. O trem leva em 1h20 até a estação Camucia, que por sua vez está a 10 minutinhos de ônibus colina acima até a entrada da cidade.

Quanto mais cedo você chegar, melhor: Cortona é mais encantadora quando ainda está vazia de turistas. Explore depois o interior das igrejas ou pegue o mapinha no posto de informações turísticas e faça uma pequena escalada até Bramasole, a casa-personagem da sra. Mayes (a propósito: dizem que ela praticamente não fica mais lá; a família comprou uma segunda casa, Fonte delle Foglie, ali perto).

Caso dê Cortona por vista, você pode aproveitar a volta para dar uma passada em Arezzo, que oferece um contraste interessante, por ser maiorzinha e menos voltada para o turismo. Caso você programe esta parada com antecedência, não deixe de marcar hora para ver os afrescos de Piero della Francesca na Basílica de São Francisco (reserve aqui).

Leia mais sobre Cortona e Arezzo aqui.

Arezzo está a 18 minutos de trem de Camucia e a 1h de Florença.

O percurso completo Florença-Arezzo-Cortona, com ou sem parada em Arezzo, sai € 8,90 em cada sentido. Não é necessário comprar antecipadamente.

Assis, de trem

Assis

A duas horas e meia de trem, Assis é o menos confortável dos bate-voltas desde Florença. Provavelmente você passará mais tempo no deslocamento (cinco horas no total) do que na cidade de São Francisco. Mas para muitos visitantes isto é mais do que uma viagem: é uma peregrinação.

A estação fica fora da cidade, mas é ligada ao centro por um ônibus freqüente. A Basílica de São Francisco abre diariamente até as 19h; mas no domingo de manhã permite-se apenas a entrada de quem quer assistir à missa.

A bela cidade de Perugia fica no caminho, a apenas 20 minutos de trem. Num bate-volta desde Florença, porém, vai ser difícil sobrar tempo para visitar as duas. (Estando de carro, com base em Siena, o passeio combinado fica mais factível.)

A passagem de trem entre Florença e Assis sai € 11,85 em cada direção. Não é preciso comprar antecipadamente.

Preços de 2012.

Leia mais:

718 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Philipp
PhilippPermalink

Comandante, acredito que Perugia com Assis vale pelo menos um pernoite em Perugia, eu nao aconcelharia um bate-e-volta de Florenca, principalmente pelo fato de Perugia ser uma cidade linda, com muitos bons restaurantes e coisas para ver, um dia inteiro eu considero pouco.

Para quem tiver tempo, pode-se tambem adicionar Corciano (uma das mais belas vilas medievais que já estive) e Spello (que ainda nao fui mas dizem ser espetacular).

Gustavo  - Viajar e Pensar

Oi Riq,

Fiz um tour de onibus pela região Vinícola de Chianti, recomendo aos que possuem desejo de conhecer as plantações de Uvas e Oliveiras e conhecer Grve di Chianti. Vale a pena para poder beber, pois de carro com vinho na cabeça e aquela muitas curvas não seria muito recomendado.

http://viajarepensar.blogspot.com.br/2011/03/bebendo-e-visitando-o-chianti.html

Vinicius SS
Vinicius SSPermalink

Estive em toda elas neste mês de maio (exceto Assis).
Achei A noite em Siena a melhor da região e o bate e volta de trem certamente impede ficar na cidade até escurecer. Como estava de carro isso não foi problema além do fato de que fiquei uma noite em Siena no hotel Minerva (mais que recomendado e fora da ZTL).
Acredito que todas as cidades citadas sejam percorridas em meio período mas eu particularmente gostei muito de Lucca (fizemos base 3 dias lá para conhecer lucca, pisa e Cinque Terre) e foi a cidade qe minha esposa e eu mais conseguimos curtir (muitas opções de restaurantes e muito agradável de caminhar). Ao contrario das demais cidades medievais lucca é totalmente plana. Como os joelhos da minha esposa já estavam no bagaço isso foi muito bem vindo.
A Zica foi que decidimos ir de Lucca a 5 Terre de trem. Levamos 2 horas entre conexões. Mais 2 pra voltar. Perdemos 4 horas quando que se tivesse usado o carro seria metade desse tempo. Acredito que em Florença, mesmo sendo mais distante há mais opções de trem.

Dri
DriPermalink

Como eu sempre comento aqui no blog, quando falam de Lucca: viva as diferenças! Eu e meu namorado simplesmente ODIAMOS a cidade. Achamos feia e suja, não gostamos do fato de carros e motos circularem em alta velocidade pelo centro histórico, achamos as muralhas decepcionantes. Sempre dizia que tinha sido o maior "pega turista" que eu já tinha ido na vida, mas agora, recém voltada de um giro na Provença, devo dizer que Gordes está na disputa, cabeça a cabeça...

Cristina
CristinaPermalink

Dri, em que época vc e seu marido foram a Lucca e a Gordes? Gosto é muito pessoal (eu sou das poucas que não achou nada demais em Praga, por exemplo), mas acho que o período influencia muito. Meu marido odiou Veneza num feriado de finados do ano passado, quando eu havia ido antes em um mês de Maio e adorado. Coincidentemente, tanto Lucca quanto Gordes eu visitei em um mês de Maio, em 2004 e 2010, respectivamente.

Celina
CelinaPermalink

Visitei Florença em março e fiquei completamente apaixonada pela região! Tanto que deixei alguns bate e voltas para a próxima vez, pois pretendo voltar e voltar...
De Florença fui de õnibus (Terravision) superconfortável para Pisa por 4,70 euros em 1h 10 cravados! Dá para comprar pelo site do Terravision, ou no café em frente aos fundos da Estação Sta Maria Novella.
Amei loucamente Siena, principalmente porque fiz um tour guiado por uma local que nos contou todos os "causos" da cidade explicando tudo sobre as Contradas e Il Palio. Achei Sam Gimignano lindinha, e a paisagem da colina é um escândalo!
O últimos post do blog são todos dessa região!
www.maladerodinhaenecessaire.com

Cândida Silva
Cândida SilvaPermalink

Um sonho que espero realizar muito em breve: Itália em 30 dias!

petter
petterPermalink

Estive na região em abril. Dessas cidades só faltou conhecer Assis e Cortona. Gostei de todas, mas San Gimignano foi quem "me tirou de tempo". Ô lugar lindo!

Mauricio
MauricioPermalink

Ricardo / pessoal,
Eu e minha esposa voltamos semana retrasada da Itália e, a partir de Florença, fizemos vários passeios que estão neste post (claro, com as dicas do VNV!). Pra quem estiver em dúvida, digo: vale muito a pena, mesmo com a canseira do trem (para Assis, são 2h em meia mesmo, em cada sentido). Em Pisa, não subimos a torre (já íamos subir a de San Giminiano à tarde), mas fomos nos outros prédios. Confesso que o lugar não me empolgou muito não... De Siena gostamos mais, é muito bacana! Assis não tem tanto assim o que ver, mas também gostamos. Mas San Giminiano é imperdível! (me lembrou um pouco Toledo, na Espanha). Em Florença, ficamos hospedados bem perto da estação de trem e da rodoviária (que fica meio escondida atrás de um prédio), o que foi uma mão na roda na hora de sair e chagar dos passeios.

Rogério Géa
Rogério GéaPermalink

Maurício, espero que vcs tenham conhecido em Siena o restaurante Trattoria Papei. É um lugar muito simpático, boa comida, preços módicos, vinho chianti delicioso. Fica na Praça do Mercado (pouco abaixo da Praça do Palio) e tem um garçon chamado Daniele, que é uma figura impar!

Heloisa Maria
Heloisa MariaPermalink

Adorei o blog. Estou indo para Italia em Outubro. Vpu ficar em Siena do dia 15-10-2012 ate o dia 19-10-2012 entao gostaria de algumas dicas pois nao sei como fazer: gostaria de conhecer as seguintes cidades: Verona , San Gimignano, Florenca e algumas mais que voce sugerisse...devemos alugar um carro em Siena ou voce conhece alguma agencia que faz este tour cobrando por dia pois estamos indo em 3 pessoas...qual seria mais facil ... Se possivel gostaria tambem de uma dica de como dexar a cidade de Siena para Milao se vou de trem ou outro meio de transporte tipo taxi...Muito Obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Heloisa! O Ricardo Freire sugere um roteiro aqui: https://www.viajenaviagem.com/2007/04/italia-pra-aluna-da-carla/

Valdinho Pellin
Valdinho PellinPermalink

Favoritado..... ótimo post

Lívia Mochileira
Lívia MochileiraPermalink

Ah, que post maravilhoso pros meus 16 dias na Itália agora em agosto...

Guilhermina Fuori
Guilhermina FuoriPermalink

Olá
Eu fui pra Itália e passei 15 dias viajando com um guia brasileiro maravilhoso. Me levou para lugares incríveis na Toscana e outras
regiões da Itália.
Eu e meu marido tínhamos em mente os lugares que queríamos conhecer e esse guia nos ajudou no roteiro, tanto que acabamos conhecendo a Suiça e o sul da França como Monaco, Cannes e Saint Tropez.
Eu achei ótimo porque ele nos auxilia nas viagens e conhece lugares escondidos fora dos pontos tradicionais.
Se alguém se interessar, tem site. conciergenaitalia.blogspot.it

baci a tutti

Marcia Gonçalves
Marcia GonçalvesPermalink

Oi Guilhermina,pretendo viajar para Italia em setembro, vi o site do conciergenaitalia....voce tem mais infomações deste guia?

Obrigada

Maria Cristina
Maria CristinaPermalink

Ricardo Freire,
Eu e meu marido voltamos há poucos dia da Itália. Foram 22 maravilhosos dias (Veneza, Florença e região, Roma, Taormina e Palermo)!
Suas preciosas dicas de melhor lugar para hospedagem, passeios, meios de locomação e seus próprios passeios e blogs indicados foram fundamentais para o sucesso da viagem.
Até a indicação do sim card, que usei no Ipad (da Tim, funciona na hora) foi na mosca.
Obrigadíssima e sucesso sempre!

Fabio H. >> Por Todos os Lados

Oi Riq,
Adorei as dicas!
Comecei a planejar uma viagem para essa região da Itália e elas vieram em ótima hora.

Carlos
CarlosPermalink

Adorei o Post, estou indo para Florença no próximo dia 9 e ficarei por lá 9 dias, irei fazer todos estes bate-volta.

IzaPelo Mundo
IzaPelo MundoPermalink

Parabéns pelo Blog. Você tem muita dica legal por aqui. Adoro ler e falar sobre viagens e tenho um blog também. Dá uma passad lá para conhecer e dar sua opinião.
www.izapelomundo.blogspot.com.br
Boa sorte!

Juliana Stuginski Barbosa

Vou passar 4 noites em Florença só, e no domingo, para tentar conhecer alguma coisa, como vou sozinha, pensei em fazer um passeio pela região. Encontrei este passeio no Trip Advisor. http://www.tripadvisor.com.br/Attraction_Review-g187895-d1102599-Reviews-The_Best_of_Tuscany_Tour-Florence_Tuscany.html
Alguém aqui já foi? Vale a pena?

Cristina
CristinaPermalink

Eu e meu marido destacamos - Arezzo é facilmente cortável, Cortona sim vale a viagem. E de carro wink Só não fomos a Assis desta lista. E por favor, subir a Torre de Pisa é um "must do" da viagem!

leonardo
leonardoPermalink

Estarei em Florença entre 28/06 e 03/07.

Como faço para ver o Palio em Siena, dia 02? Pra conseguir hospedagem em FLORENÇA nesse dia já foi difícil.

Pego o ônibus cedo?

Que horas tenho que chegar na praça? Até que horas ficarei preso lá na multidão?

Vou pegar uma INSOLAÇÃO??? rsrsrsrs

Resumindo: vale a pena o perrengue?

Abração pra boia.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Leonardo! A não ser que você pague por um lugar no terraço, prepare-se para ficar horas preso na praça, debaixo do sol, sem banheiros à disposição.

Daniele
DanielePermalink

Ricardo, acabamos de voltar da Itália e agradeço muito as dicas do site. Foram 17 dias, dos quais 7 dias dedicados à Toscana e gostaria de dividir um pouquinho de nossa experiência com os tripulantes. Ficamos 4 noites em Siena, que estabecemos como base, e nos hospedamos no hotel Palazzo di Vali. Excelente custo benefício: fica fora da cidade, a 500 metros da Porta Romana. Lugar charmoso, limpo, vista panorâmica de Siena e dos arredores, café da manhã gostoso e um gerente (Lorenzo) super simpático. É daqueles hotéis pequenos, agradáveis, que dá vontade de voltar no final do dia! Recomendo muitíssimo.
Dedicamos um dia inteiro a Siena e nos outros fizemos bate-voltas (alugamos carro em Florença no primeiro dos 4 dias, chegando de Roma, e seguimos para Siena. No caminho, já paramos em San Gimigniano e Monterrigioni - lindas). No segundo dia, saímos de Siena em direção à Montalcino, passando por Asciano, e continuamos na estrada até chegar à Abadia de Monte Oliveto Maggiore (indicação do Lorenzo). É um local bonito, onde moram 32 monges e há produção de vinho. De lá, seguimos para Montalcino (almoçamos no Ristorante Antõnio e Roberta - excelente), depois San Quirico d'Orcia, Bagno Vignoli, Pienza, Monticchielo e Montepulciano (ufa). As estradas são maravilhosas e, apesar de ter conhecido tantas vilas medievais, acho que o passeio ficaria perfeito apenas com a Abadia Monte Oliveto, Montalcino, Pienza e Monticchielo, pois dá pra curtir mais cada lugar. O terceiro dia foi dedicado à região do Chianti: pegamos a via Chiantigiana e paramos primeiro em Castelina in Chianti (cidade fofa), depois Radda in Chianti (linda) e, para almoçar, Volpaia (uma jóia medieval, com menos de 50 habitantes, onde fica o restaurante La Bottega, de Carla Barutti. Lugar especial, mágico, comida excelente! Em dias de céu azul, como foi o nosso, as pessoas ficam nas mesas na área externa, que tem uma vista espetacular da região). No final da tarde, paramos para conhecer o Castelo de Brólio, que também é lindo e vale muito a visita. Dia perfeito! No outro dia, voltamos para Florença, onde devolvemos o carro e ficamos por 3 noites.
Em Veneza, fizemos um passeio que achei excepcional: fomos, de lancha, à ilha de Murano conhecer a fabricação dos vasos. A lancha é linda, de madeira, banco de couro, motorista exclusivo. O visual é incrível. Talvez seja mais emocionante que um passeio de gôndola.
Em Roma, para quem gosta de arquitetura contemporânea, recomendamos uma visita ao Parco della Música (projeto de Renzo Piano - fazer a visita guiada: mesmo em italiano, dá pra entender tudo, é só pedir a guia para parlar lentamente) e ao MAXXI (Museu de Arte do Século XXI - projeto da iraniana Zaha Adid). Outro passeio legal em Roma é o Parque Borghese, passando no final pela Via Veneto. Normalmente esses lugares não estão indicados para o circuito básico de Roma e consideramos imperdíveis. Espero que nossas dicas ajudem aos viajantes!!!

Renata Queiroga
Renata QueirogaPermalink

Achei interessante ficar na praça, pois fica bem no agito.Tem outra vantagem, pois quando vai chegando próximo da hora da corrida, fica praticamente impossível de sair ou entrar da ciadade medieva. Estacionar carro, nem se fala, muito embora tenho um "parcheggio" bem próximo do feudo.
Atente para

jorge fortunato
jorge fortunatoPermalink

Na minha viagem de 16 dias pela Itália cheguei a conclusão que o bate-volta é algo complicado. Não digo que não valha à pena, claro qu vale, mas um dia que vc sai da sua cidade base é menos um dia que vc deixou de explorá-la. fiquei 6 noitess em Florença e 6 noites em Veneza. De florença fiz Lucca/Pisa, mas optei por ir à Lucca primeiro e se sobrase tempo iria à Pisa. Duas cidades num mesmo dia = perda de tempo. Se um dia não é suficiente para uma imagine duas. Passei um ótimod ia em San Gimignano e saí de lá querendo ficar mais. O mesmo aconteceu com Siena.De Veneza fui á Verona e só. Desisiti de ir à Vicenza (com passagens e tudo). concluí que iria ficar cansado, correndo para ver algumas ótimas atrações e ao mesmo tempo, deixando de fazer o que mais gosto, andar, parar, conversar com os locais. Sei que nem todo mundo pode se dar ao luxo de ficar um mês viajando, mas se puder faça isso. conhecer com calma é o melhor, viagemm não é maratona. Depois da itália fui para Paris, de lá passei um final de semana em Nantes e o resto do tempo 10 dias só em Paris, do meu jeito. Isso é pessoal, há quem goste de ficar pulando de cidade em cidade. Mas, será que compensa? Abraços. Meus relatos estão no blog www.acabouocaviar.com

jorge fortunato
jorge fortunatoPermalink

Comentei e nao entrou. Resumindo. Fiz bate-voltas na minha viagem á Italia e achei complicado. San Gimignano, Siena mercem ao menso 2 noites e Florença 5 noites. Viajar não pode ser uma maratona. Meus relatos no meu blog www.acabouocaviar.com

Marcio Antonio
Marcio AntonioPermalink

Em 2006 eu fiz dois bate-voltas, Siena de ônibus e Arezzo de trem. Siena é uma cidade encantadora, você se perde pelas ruelas e de repente sai em uma praça linda; volta para o labirinto e vai parar em outra praça, e por aí vai. A catedral é uma coisa única, o estilo é irrepetível. O Palazzo Pubblico é muito interessante, especialmente o afresco do bom e do mau governo, de Lorenzetti (se não me engano). Pena que o tempo estava feio e nesses casos não deixam subir na Torre del Mangia.

Já para Arezzo eu fui atraído pelo ciclo de afrescos da Verdadeira Cruz (dica - leve binóculos), mas chegando lá descobri uma cidade muito bacana, onde foi rodado um dos meus filmes preferidos, "A Vida é Bela".

Um outro bate-volta que fiz e recomendo, mas NÃO é saindo de Florença: ir a Ravenna, com seus mosaicos dos séculos 4º e 5º. Para esse bate-volta, usei Bolonha como base.

Sonia Pompermaier
Sonia PompermaierPermalink

Acabamos de voltar da Toscana! As dicas do VnV foram fenomenais.
Ficamos na periferia de Florença pois estávamos de carro, Foi super tranquilo, estacionamento disponível na rua, trem regional a 5 minutos e preço camarada. Fizemos os bate voltas citados, só nao fomos a Assis.
Realmente maravilhoso! A roca chique italiana e magnifica!

Sonia Pompermaier
Sonia PompermaierPermalink

Ah! Sugiro incluir Fiesole como dica imperdível de fim de dia.
Você sobe o morro e Florença esta a seus pés! Há um museu arqueológico (que nao vimos por ser segunda), igrejas, praças, restaurantes enfim uma graça! O restaurante Lá Reggia Degli Etruschi fica no alto da colina com uma vista maravilhosa de Florença!

Jackie
JackiePermalink

Boia, me ajude!! Onde está essa indicação do sim card no Ipad, que a Maria Cristina comentou no dia 01/06/12? Dei uma busca no site, mas não encontrei...

A propósito, estive na região da Toscana no ano passado e amei. Florença é tudo de bom. Obrigada pelo site, sempre me ajudam muuuuito!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Jackie! Se o seu iPad tem chip e é desbloqueado, você pode instalar um simcard estrangeiro, tal qual um telefone.

Mariana
MarianaPermalink

Olá,
Alguém já ouviu falar e sabe onde posso conseguir informações sobre um passeio em Florença que passa por um "caminho" (que era usado por operários, ou algo assim) no qual é possível ver inúmeros telhados?

Rê & Itaniel
Rê & ItanielPermalink

Bóia ou viajantes
Estou num dilema cruel rs e preciso da ajuda de vocês. Sairei de Roma no dia 15/09 e preciso sair de Veneza no doa 20/09 porque irei para Amsterdã.Porém estou com muita dúvida nesse "recheio".
1a opção: 15/09 - Alugo um carro paro em Assis e sigo para Florença (ou Siena) no mesmo dia. 16/09 – De carro visito Pisa, San Gimignano e Lucca ou visito outras cidades (Cortona, Arezzo …). 17/09 – Aproveito Florença e 18/09 pego o trem para Veneza. Confesso que estou achando muito corrido.
2a opção: 15/09 – pego um trem para Florença (aproveito a Cidade neste dia). 16/09 – De trem/ônibus Pisa, San Gimignano. 17/09 – Assis e a tarde Florença e 18/09 pego o trem para Veneza. Gostei da dica da Juliana Stuginski Barbosa e de repente faço o passeio The Best of Tuscany Tour no dia 16/09.
3a opção: Faço um bate e volta para Assis no período que eu estiver em Roma. 15/09 – Trem para Verona (base). 16/09 – Bate e volta de Trem para Pádua. 17/09 – Bate e volta de Trem para Vicenzza. 18/09 – Veneza.
Obrigada pela ajuda. Renata

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rê! A segunda opção é a mais sensata.

Victor
VictorPermalink

Boia ou viajantes
primeira vez a Italia, chegada e partida de milao em set/out por 15 Dias

Vale a pena alugar carro para bate-Voltas ou fico apenas com milao, florence, veneza e Roma?

Obrigado

Frank (Dois Mapas)
Frank (Dois Mapas)Permalink

Depende muito do estilo de viagem que vc quer fazer... Se for só para ir a cidades grandes não vale a pena...

victor
victorPermalink

Bóia ou viajantes
Por favor, o que devo fazer?
Chego dia 27/9 a tarde em Milao, fico por 1 noite
1) sigo para Verona - 1 noite, Veneza - 2 noites, Florença- 5 noites ou de Milao vou direto para La Spezia/ 5 Tierre por 2 noites e ai sigo para Verona - 1 noite, Veneza - 2 noites, Florença- 5 noites
2) Bate-voltas para Siena, Pisa, San Gimignano e Lucca ,Cortona e Arezzo , Assis de carro para nao perder tempo nos trajetos ou de trem
3) Roma por 5 noites, Napoles/ Positano e Sorrento por 2 noites, volto para Milao/ MXP de aviao pela Easyjet
obrigado e ate mais

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Victor! Não conseguimos avaliar roteiros caso a caso, infelizmente! Quais são especificamente as suas dúvidas?

victor
victorPermalink

Para visitar tb o lago Como, e ficar apenas 2 noites em Milao, é melhor alugar um carro?
Vale a pena dormir em Verona e Napoles?
Para visitar Siena, Pisa, San Gimignano e Lucca ,Cortona e Arezzo e Assis é melhor alugar um carro?
obrigado pela paciencia

Angela
AngelaPermalink

Estou pensando em ir à Itália em janeiro de 2013... como é fazer esses passeios no inverno? Alguém tem experiência?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Ângela! É frio, escurece cedo. Visite uma cidade por vez, não dá para combinar duas num dia só.

Angela
AngelaPermalink

Agradeço pela resposta! Encontrei um post e uma consulta sobre viagens no inverno e foi bem instrutivo! Vou programar melhor a viagem.

Heloisa Maria
Heloisa MariaPermalink

Outra duvida... Este sim card para Ipad eu compro aqui no Brasil ou la na Europa....

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Heloisa! Compre o seu sim card no país de destino.

Loanda
LoandaPermalink

olá, eu e meu marido estivemos na Italia e como não queriamos nos preocupar em dirigir, nem procurar lugar para estacionar, optamos por montar base em Firenze. Ficamos lá 12 dias, sendo que, em um dia visitavamos a cidade e no outro faziamos um bate-volta. Fomos de trem a San Gimignano(imperdível),Pisa,Luca,Arezzo,Bologna. Pegavamos a trem de manhã cedo e voltávamos no ultimo horário da noite para curtirmos a cidade ao anoitecer. Conhecemos todos os cantinhos de cada uma delas e por vezes ficávamos sentados em um café ou praça, simplesmente observando o dia-a-dia dos moradores. Literalmente nos permitimos um "dolce far niente". A Siena fomos de onibus pois a estação de trem fica um pouco distante do centro historico. Gostamos muito de fazer o roteiro dessa forma, sem stres e curtindo bastante.

ecouto
ecoutoPermalink

Olá,

Estarei na Toscana por 7 dias em outubro, com base em San Gimignano. Gostaria de sugestões de que estrada devo pegar no percurso, ja que a auto-estrada meio que tira o charme do trajeto. Pretendo ir a Pisa/Lucca, Região de Chianti, Volterra...

Obrigado!!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Ecouto! Você só precisará da auto-estrada para encurtar a volta, se for o caso. Leve um GPS do Brasil e programe para evitar auto-estradas, é simples.

Juliana
JulianaPermalink

Olá a todos, acabo de voltar da Itália, fizemos Roma/Florença de trem, Italo, tudo novo, trem ótimo e rápido. Recomendo!
Indicação de vocês! Outra dica que usamos e foi ótima, maravilhosa mesmo, comprar os ingressos antes. Evitamos filas em diversos locais e valeu muito a pena.
Sou fã de vocês e de todos que colaboram para que nossas viagens sejam ótimas!

Gustavo
GustavoPermalink

Olá bóia e tripulantes! Quanto mais leio sobre a Toscana, mais em dúvida fico sobre quais locais escolher em minha primeira vez na Itália... Teremos 4 noites por lá e uma grande dúvida: montar base em Siena as 4 noites ou dividi-las entre Siena e Florença? Viremos de carro desde Nice, entregando em Roma. Quais são os bate-volta e locais imperdíveis, e o mais importante, factíveis com o tempo que temos disponível?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Gustavo!

Leia todo o nosso material sobre a Toscana, vai ficar mais fácil decidir:

https://www.viajenaviagem.com/category/toscana

Gustavo
GustavoPermalink

O pior é que já li tudo e as dúvidas permanecem!! rss

A. L.
A. L.Permalink

Como diz o Cmte. Riq, viajar é escolher grin

regrazzito
regrazzitoPermalink

Gustavo,

Siena por si ja basta nestes 4 dias. Aproveite as pequenas cidades que o pessoal ja citou e deixe Florença para a proxima vez, que ela merece uma visita especial.
Bom passeio.

Livia
LiviaPermalink

Olá, Ricardo!
Dúvida...vou à Itália em jan/13 e tenho 2 dias para Toscana (sem contar Firenze, para a qual reservei outros 2 dias inteiros).
Para os 2 dias ainda livres, seria uma boa escolha Pisa + San Gimignano no dia 1 e Siena no dia 2? Sei que no inverno o dia é curto, mas não queria deixar de visitar estas 3 cidades. Agradeço desde já pela ajuda!!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Livia! Aqui quem responde é A Bóia. É uma boa escolha.

Camila
CamilaPermalink

Bóia,
O blog aconcelha ir de ônibus de Florença a Siena, mas li uma reportagem na Revista Viagem e Turismo que a estrada A S-222 ou Chiantigiana é encatadora, passando-se por vilas e castelos. Assim, qual seria o melhor local para alugar o carro e acessar esta estrada em Florença. Ficarei em Florença e farei um bate e volta a Siena.
Grata

Claudia
ClaudiaPermalink

Estarei na Italia em setembro e montei uma base em Siena. Lá alugarei um carro para rodar nas cidades pequenas. Lembro de ter lido no viaje na viagem um post sobre como o Comandante alugou um carro, etc mas nao estou achando. Poderiam me mandar o link? Outra coisa, é muito complicado entregar o carro em Roma?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Claudia! Se não quiser entrar na cidade, pode marcar a entrega para o aeroporto.

Leia sobre carro na Toscana aqui:
https://www.viajenaviagem.com/category/toscana

Na última viagem o Ricardo Freire pegou o carro em Sorrento.
https://www.viajenaviagem.com/2011/10/italia-a-moca-da-locadora-nem-olhou-pra-habilitacao-internacional/

Camilla
CamillaPermalink

Olá
Eu estou indo estudar na Espanha por um mês com o namorado e reservamos uma semana para Italia antes de voltarmos ao Brasil. A princípio pensei em 2 dias para Veneza, 2 para Florença e 3 em Roma que é de onde pegaremos o vôo de volta. Logo que comecei a pesquisar nos blogs fui mudando de ideia e agora quero conhecer o que der da Toscana. Chegaremos em florença 04/10 a noite e ficaremos na cidade dia 05. Já compramos passagens de trem para um bate-volta em Veneza no sábado 06. Sei q é um pecado mas mesmo planejando para uma próxima vez, quero ir lá! Gostaria que vocês me ajudassem com o restante do roteiro. Pensei em ir para roma dia 09 cedinho e ficar até dia 11 a noite q é a data do retorno ao Brasil. Eu gostaria de sugestões para os dias 7 e 8. Ficamos em Florença fazendo os passeios de trem ou vamos para Siena de carro e de lá para as cidades mais próximas? Estamos pensando em alugar um carro no domingo e devolvermos em Roma na quinta antes do vôo.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Camila! Os passeios de trem e ônibus estão neste post.

Veja passeios de carro nesta página:
https://www.viajenaviagem.com/category/toscana

Não recomendamos carro para quem está com pressa. Carro na Toscana é para slow travel. Para fazer essa viagem que vocês têm na cabeça, vocês precisariam de uma semana só de Toscana.

Repensem o bate-volta a Veneza. Não se faz bate-volta a Veneza.

Camilla
CamillaPermalink

Obrigada, Bóia! Quanto a Veneza, eu sei bem que não deveria ter feito, mas a gente já comprou as passagens de trem e também porque não sei quando voltaremos a Itália. O carro seria para descer de Florença a Roma daí pensei em passar em San Gimignano e dormir em Siena antes de seguirmos viagem para Roma terça cedinho. Gostaria de uma opinião em relação a se a gente faz isso de dormir em Siena na segunda ou se vamos direto para Roma passar mais tempo lá. Eu queria conhecer mais a Toscana, mas já que todos vocês dizem que eu preciso de mais tempo, queria conhecer melhor ao menos um desses lugares.

Jacqueline
JacquelinePermalink

Acabei de voltar da Itália. Siena é maravilhosa e vale muito a pena a visita. Apesar de ser a única que eu passei que além de cobrar a taxa de estadia (2 euros) ainda cobra 1 euro pelo mapa!!! ainda sim, vale a pena. Fiquei hospedada em dois hotéis, o 1º consegui uma promoção no booking foi o NH Excelsior, simplesmente maravilhoso, por 58 euros!!! O 2º foi o B&B Duomo, um quarto para 4 pessoas. Estávamos em 2 casais e o quarto foi ótimo!! é enorme!!!
Um local ótimo para comer pizza e comprar vinho é o Consorzio Agrario di Siena, perto da entrada pela praça dos ônibus. É como se fosse uma cooperativa, você entra, pesa a sua pizza, compra o seu vinho ou sua caixinha de leite orgânico (rsrsrs) e come lá dentro ou na praça mais próxima - um ótimo picnic.
Eu subi na torre e a vista da Piazza del Campo é linda, mas estava um dia com muito vento e não conseguia tirar fotos boas!! Vá para a Piazza del Campo à noite... é maravilhosa.

Jacqueline
JacquelinePermalink

Também fui para Pisa, Cortona e Lucca. Não tive muita sorte em Pisa, só me encontrei com italianos sem educação e foi o pior almoço da minha viagem! além do que, para mim, aquela torre torta não teve graça.
Já Lucca é uma gracinha!! alugamos uma bike para conhecê-la melhor. não foi difícil pedalar pois a cidade não é cheia de ladeiras como Siena. Cortona também é bonita, mas achei Lucca mais arrumada.

Jacqueline
JacquelinePermalink

Em San Gimignano fiquei no Palazzo al Torrione (reservei pelo venere.com). San Gimignano é a mais bonita das cidades medievais, a mais bem conservada, vale muito a pena passar uma noite lá.

Carolina Gomes
Carolina GomesPermalink

Oi pessoal!!!

Estamos planejando a parte Italiana da nossa viagem a Europa! Nossa ideia é passar cerca de 7 dias nessa região, assim distribuídos:
18/09- Saímos de Paris em direção a Roma de avião...chegamos em Roma à noite.
19/09- Roma
20/09- Roma
21/09- Roma-Florença
22/09- Florença
23/09- Florença
24/09- Florença
25/09- Florença-Roma- Alemanha

A ideia é conhecer o básico (mesmo) de Roma e depois aproveitar Florença e as cidades próximas da Toscana, sem estresse e sem grandes correrias! Só estou na dúvida se é tempo suficiente para a Toscana... e se não vai ser tudo "meio igual/muito repetitivo" (se é que me entendem... =D)!!

Na real, acho que fiquei com um pouco de medo depois que um amigo me disse que o "Vale dos Vinhedos (RS) é mais bonito que a Toscana" (mega bairrismo!) =D

Pitacos são bem-vindos!!!! =) =) =)

Desde já agradeço!

Bjos

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carolina! Florença é a melhor base para fazer a Toscana de trem. Se quiser se aventurar pelas estradinhas panorâmicas, então antes ou depois de Florença alugue um carro e monte base pelo menos três dias nos arredores de Siena.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/category/toscana

Carolina Gomes
Carolina GomesPermalink

Obrigada!!! smile

Luciana
LucianaPermalink

Olá a todos!
Já não sei se foi aqui no blog que li sobre apresentações de música nas tardes/noites de Lucca...
Alguém sabe informar sobre o assunto? Teria que dormir lá?
Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luciana! Aqui estão as programações dos festivais de verão e inverno:
http://www.summer-festival.com/

Dagoberto Sales
Dagoberto SalesPermalink

Boa noite Ricardão (e Bóia),

Estou em Florença agora e acabei de voltar de Cortona e Arezzo, o dia foi maravilhoso e as duas cidades me impessionaram muito, principalmente Arezzo, pois amanhâ será a esperada "Giostra del Saracino", então a cidade estava toda em festa.
Claro que eu imprimi este post e uso como guia para a minha viagem, tem sido muito mais facil que descobrir tudo na raça.

Obrigado e abraço.
Obs: amanhâ é dia de San Gimignano e Siena smile

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Dagoberto! A-do-rei o Ricardão mrgreen Só não sei se a chefia vai gostar! Boa viagem!

victor
victorPermalink

bom noite, Boia
esterei em Florenca de 02 a 06/10/12, vindo de Roma de trem
pretendo visitar por bate-vilta de trem + onibus: Pisa+ San Gimignano, Siena
Vale a pena ir a La Spezia/ Cinqueterre apenas em um dia ou
Arezzo/ Cortona?

obrigado e abc

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Victor! Para Cinqueterre você precisa de no mínimo uma noite, de preferência duas (chegando no fim da tarde da véspera e usando o dia seguinte inteiro para passear). Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2012/04/cinque-terre/

Denise Araujo
Denise AraujoPermalink

Ja usaram o site homelidays ? E seguro ?
Gostaria de alugar 1 apartamento em Florenca....
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Denise! É seguro desde que você não faça transferências bancárias.

Já ouviu falar no AirBnB?

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2012/08/dicas-airbnb-aluguel-apartamento/

https://www.viajenaviagem.com/2011/12/vai-alugar-ape-no-exterior-nao-faca-transferencia-bancaria/

Carmem
CarmemPermalink

Olá amigos!
Em primeiro lugar quero agradecer a vcs pelas dicas. Mudei todo o esquema, fiz o "dever de casa" direitinho e agora acho que vai dar certo,rs.
Peço uma orientação mais uma vez, chegarei a Roma e ficarei 4 dias, seguirei para Florença mais 4 dias, sendo 2 pra conhecer a cidade, 1 pra San Gimignano e Pisa, 1 para Assis, seguirei para Veneza e depois Paris. Quero ir a Verona. Minha dúvida é, devo fazer um bate e volta pra Veneza ou sigo pra Verona e pego o trem de lá para Paris?
Muito obrigada mais uma vez?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carmem! Dependendo de quantos dias você ficar em Veneza, pode fazer um pit stop em Verona entre Florença e Veneza, deixando a mala no guarda-volumes da estação.

De Veneza a Paris recomendamos avião.

Carmem
CarmemPermalink

Desculpe esse ponto de interrogação. Errei.

Carmem
CarmemPermalink

Bom dia Bóia!
Pretendo ficar em Veneza só 2 dias e essa é a dúvida se no terceiro dia iria pra Verona e seguiria para Paris ou faria o bate e volta e seguiria a noite pra Paris de trem. Por que você recomenda avião de Veneza para Paris? Sei que seria menos cansativo. Seria melhor então pegar mesmo o trem em Verona? estamos pensando em fazer essa viagem de trem a noite para chegar pela manhã em Paris e assim tb evitar aeroportos. O que você acha? Não vale a pena?
Obrigada

A. L.
A. L.Permalink

Não vale a pena pq vc chega cansadíssima no dia seguinte em Paris (se for como 80% dos humanos que precisam de uma superfícies estável para dormir) e a ilusão do tempo ganho viajando à noite se desfaz quando se chega cansado ao destino.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carmem! Assim como o A.L., o Ricardo Freire não recomenda trens noturnos. Se você só tem dois dias para Veneza, dedique os dois dias integralmente a Veneza, não vale a pena perder um dia para ticar Verona.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2011/07/vai-por-mim-trem-na-europa/

Carmem
CarmemPermalink

Muito obrigada! Já decidi, vou mesmo de avião. como foi bom encontrar esse site!