Dinheiro no exterior: dólar ou euro x débito x crédito x VTM

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Este post ficou desatualizado.

Para a versão mais completa e atualizada deste texto, clique aqui.

Leia a versão atualizada:

839 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Fernanda
FernandaPermalink

A minha experiencia com cartao Santander Platinum: utilizo habitualmente em minhas viagens internacionais na funcao debito, diretobda conta. Tive otimas experiencias no sul da italia nos caixas eletronicos da Posta Italiana, sempre junto de uma caixa de correiobe com aspecto bem mequetrefe! Mas saia direto da minha conta com otimo cambio e sem taxas. O limite foi de aprox. 500 euros por dia, mas variava de caixa pra caixa. Tive uma experiencia ruim nessa viagem quando utilizei um caixa todo bonito de um banco internacinal, nao lembro qual, em Positano. Pedi debido mas saiu no credito. Foi ruim porque paguei o iof alto. Mas percebi no mesmo dia indo verificar no internet banking e nao voltei a cometer o mesmo erro, voltei para a Posta Italiana, um sucesso! Fiz saques direto da minha conta tambem em NY e Chicago, sempre em caixas eletronico, é so procurar um q nao cobre taxa, eles avisam antes da confirmacao do saque e vc pode optar por cancelar a operacao. Usei tanto master quanto visa. Desabilitei antes no Brasil. Em NY eu sugiro ir ao banco conveniado ao seu, no meu caso era um banco que era /Santander, nesse o limite era mais alto e nunca cobrava tarifa nenhuma. Deu super certo. Mas o meu irmao teve uma experiencia ruim mes passado em Portugal. La tudo é Multibanco e todos os saques q ele tentou fazer saiam como credito. Mesmo indo ate o proprio Santander. Sugeriram que ele separasse o cartao de credito do de debito, que, talvez, funcionasse. No caso dele nao foi bom. Informaram tb que nao funcionaria em nenhuma cidade de Portugal e, de fat, todas que ele tentou nao funcionaram......boa sorte a tods!

Luiz
LuizPermalink

Olá,
Minha noiva é portuguesa e possui um cartão de crédito de lá. Ela ja usou esse cartão para saques anteriormente, aqui no Brasil, porém, ontem, após um mês sem usar este cartão, tentamos sacar dinheiro e fomos surpreendidos com um "sem comunicação". Gostaria de saber do que se trata e se é temporário, como sistema fora do ar.
Tentei o saque em dois terminais eletronicos diferentes do BB algumas vezes do dia e sempre alegou isso.

Grato.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luiz! Aparentemente é sistema fora do ar. Mas o melhor a fazer é ligar para a administradora do cartão para saber se pode ter havido outro problema.

Luiz
LuizPermalink

Obrigado, bóia. smile

Se tiver que realmente ligar para a administradora, venho relatar o problema. Espero que não. Kkkkkkkk

Cheguei de Portugal há 1 semana. Levei 400€ em dinheiro e 400€ no VTM. Fui sacar todo o dinheiro do VTM e não pude, devido o limite, creio. Mas nos dias seguintes não pude sacar o dinheiro que restou, sempre dava "operação não autorizada pelo banco", então fiz uma compra diretamente pelo cartão e logo em seguida, consegui sacar o resto do dinheiro.
Preferi retirar todo o dinheiro, pela possiilidade de alguns estabelecimentos nao aceitarem cartão.
Eis um relato, que pode ter sido por motivos já conhecidos ou não. Se alguém esteja passando e estiver preocupado como fiquei, deve ajudar, se houver relação.

Jorge Neto
Jorge NetoPermalink

Olá, estou no Brasil e me aconteceu o mesmo "sem Comunicaçao". Estou a espera de uma solução. Sou cliente Caixa.

Valéria
ValériaPermalink

Roberto,

devido a crise argentina, fui informada que eles não estão aceitando os cartões de débito ou travel money. Diante disso é melhor levar dólar ou real em espécie? Vou também para o Uruguai e Paraguai, qual a melhor opção nesse caso de ir a mais países numa mesma viagem.

Fabiola Pacheco Antenor

Olá
Também gostaria de saber se é viavel abastecer meu VTM com dolares pra viajar para o Uruguai e Argentina??? Que outras opções seriam melhores?? ATT

Silvia
SilviaPermalink

Fabiola,
No Uruguai eu não tenho certeza, mas fui para argentina no início do ano e levei reais mesmo, troquei o dinheiro no Banco de la Nacion Argentina http://www.bna.com.ar/, dentro do aeroporto de Ezeiza, é a melhor cotação que vi por lá! Muitas e muitas lojas aceitam reais, mas a cotação não é das melhores!

Deixava o dinheiro guardado no cofre do hotel pra não correr riscos e calculava muito bem o que eu pretendia gastar em cada dia. Nas emergências usei o cartão de débito para sacar dinheiro e o cartão de crédito, mas na maioria das vezes o esquema do dinheiro deu certo.

Gustavo
GustavoPermalink

Boa tarde tripulantes!

Embarco semana que vem com minha esposa para a Europa e chegaremos por Londres (onde ficaremos 6 noites). Depois vamos para a Bélgica, Holanda e França.

A pergunta: estamos levando EUR 500 em especie + um cartão VTM em LIBRAS (carregado com aprox. 1500 libras) + outro cartão VTM em Euros + 02 cartões de crédito.
O fato de passarmos pela imigração em Londres portando apenas EUROS em espécie pode nos atrapalhar em algum sentido?

Minha idéia era sacar dinheiro no Heathrow mesmo, pois além de ser mais seguro não andar com muito dinheiro "vivo", a cotação das libras em espécie aqui no Brasil está terrível.

Obrigado pela ajuda!
OBS: os valores informados são para 02 pessoas e não POR pessoa

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Gustavo! Está tudo certo, não se preocupe.

Ane
AnePermalink

Oi Gustavo! Embarco p/ Europa em julho de 2013! Depois do regresso de vcs, gostaria de compartilhar essa experiência vivenciada! Tenho mtas dúvidas qnto aos países à visitar! Vou direto à Lisboa! Como organizo um roteiro se não vou por agência? Boa viagem pra vcs! Ane

dirce
dircePermalink

oi, vc. pode me dizer quanto custa em pesos, uma refeição básica em santiago, pois, estarei lá entre 01/09 e 05/09. obrigada, dirce

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Dirce! Dê uma olhadinha neste post: https://www.viajenaviagem.com/2011/03/quanto-vou-gastar-em-alimentacao/

Zorro
ZorroPermalink

Oi. Estou viajando para Cuba em Outubro e passarei 1 ano em Havana. Qual a melhor forma de envitar a perda de dinheiro pelas taxas, câmbios, etc. Estou em dúvida quanto a utilização do cartão de crédito e do VTM. Em Cuba, acho que não terei muitas opções de realizar compras com cartão de crédito. Pensei em recarregar o VTM com EURO para realizar saques na moeda local e efetuar a maior parte das minhas comprar em dinheiro vivo ou no débito no estabelecimento que aceitar. O que você me sugere? Tem alguma experiência em Cuba que possa me auxiliar?
Grato pela atenção.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Zorro! Este não é o fórum adequado para você se preparar para essa empreitada. Procure informar-se junto a moradores de Cuba ou outros visitantes que estejam na sua condição.

Angela
AngelaPermalink

Tenho amigos em Cuba e o dinheiro, quer seja, euro, dolar, real, vale muitoooo lá. Transaçoes atraves de depositos em conta. Wester Union nao existe. Aporveite imenso esta viagem que vale a pena.Nao deixe de ir a Havana velha, a Bodeguita,fumar um autentico charuto (para quem gosta) a beber um morritos... Inveja!

Leandro
LeandroPermalink

Vamos lá com minhas experiências. Como já citado acima, depois de apanhar muito dessa questão "peço débito e vem crédito" desmembrei meus cartões e agora tenho um puro débito.

Fui para Santiago e o saque foi ok. Em Papeete, idem. É uma ótima.

Porém também já tive problemas com o cartão. Curaçao não consta da lista de países do Santander (está Antilhas Holandesas, eu acho) e sempre dava limite bloqueado ou me permitia sacar 100 dólares. Numa dessas o caixa eletrônico debitou minha conta mas não me deu o dinheiro. Liguei no 0800 do Santander e, não sem um pouco de sufoco, estornaram os valores.

Em Aruba, funcionou muito bem, sem problemas.

Nos EUA funciona muito bem, mesmo o cartão múltiplo. Eles conseguem fazer a diferenciação crédito/débito e funciona. Descobri isso quando resolvi não assinar a tela num dos outlets e me veio a opção de pagar no débito. Usei bem e funcionou, mas o limite não é alto. Tentei comprar um notebook de 900 USD e não deixou.

Na Europa, de modo geral, vai bem. A função débito funcionou nas máquinas de metrô alemãs e nas lojas sem problemas. Na Itália tive uma dificuldade num saque (talvez fosse problema do próprio ATM, mas de modo geral funciona bem). Na Suíça é o melhor. Saquei 1000 Fr. numa máquina de estação de trem e passou. Foi o meu máximo até hoje (já saquei 900 USD em NY). Em Paris, fazia saques normalmente (um ou outro bloqueio, mas deu certo) porém o débito não funcionou de jeito nenhum. Foi o único lugar da Europa que deu chabu.

Tive um outro problema na Suíça (fui abastecer o carro alugado e caí na bobeira de passar o cartão de débito na bomba). Ela fez um rolo imenso, cobrou em duplicidade, depois estornou, depois cobrou de novo. Mais uma ligação para o banco aqui no Brasil (via Skype) e tudo resolvido.

De vez em quando dá problema, mas de modo geral é a melhor opção.

Ah, seguindo dicas do próprio Riq eu sempre levo esses 300 USD em cash para problemas. Já me salvou em Curaçao (acabei com a reserva por causa do erro da atendente). O detalhe é que eu ando com o app do banco no meu celular e vejo, imediatamente após o saque (sempre acho algum wifi) o extrato para ver se deu certo. Infelizmente esse método mais barato de pegar dinheiro tem alguns problemas.

Cartão de crédito (mais de um) sempre vão para o plano B. Em ultimíssima estância é só ligar para um parente fazer uma transferência pela western union. É caríssimo, mas mais barato do que ficar sem dinheiro pelo mundo.

Sucesso

Armando
ArmandoPermalink

Leandro, os saque que você fez em Paris caíram como função débito ou crédito?

Obrigado

Sabrina
SabrinaPermalink

Muito bom o post! Como sempre!
Eu sou super indecisa e estou ainda com muitas dúvidas do q fazer! Sempre viajo com dinheiro, mas tenho que me modernizar né? Questões de segurança!
Alguém com alguma experiência com o VTM Plattinum do banco Rendimento?
Outra coisa, aonde faz esse VTM do Confidence?
Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Sabrina! O Platinum funciona igualzinho, apenas oferece algumas garantias suplementares.

Quanto a comprar de qualquer corretora, é só buscar o site da corretora e ligar.

Gabriel
GabrielPermalink

Muito bem colocado esse post!

Sempre faço esse roteiro que vc passou! Sacar em ATM no exterior, 0,38 apenas (algumas contas especias, ex: HSBC PREMIER, vc não taxa de serviço em saque no exterior). Percebi ,tb, que sempre a melhor cotação aqui no brasil é a do BB.
Esse ponto do cartão de débito é sempre uma coisa que me intriga, de três tentativas de usar o débito p/ fazer compras 2 dão não passam. Mas o crédito é na hora!!! Uma vez nessa, meu cartão de débito acabou bloqueado. Então, agora faço o seguinte levo 2 cartões de débito da mesma, um master e outro visa. Se um bloqueia, tenho o outro. (nessa vez, foi o que me salvou) Então fica a dica aqui tb! Obrigado pelas informações,
Gabriel
ps: se vc busca fazer milhas e seu contrato de milhas for 1 dolar uma milha, as vezes compensa em usar mesmo o cartão de crédito!

Sabrina
SabrinaPermalink

Obrigada Bóia!
Algum correntista do Banco do Brasil? Qual a experiência de vcs com o VTM do BB? O Fato dele vir sem o nome atrapalha muito?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Sabrina! Quanto à ausência de nome, normalmente não há encrenca, não. Faça uma busca nos comentários anteriores para ver as experiências de correntistas do seu banco!

Hosana
HosanaPermalink

Usei o VTM do BB tanto nos EUA quanto na Europa sem qualquer problema, mas de qualquer forma como vc pode ler aqui no site, a melhor opção é diversificar, para se der problema vc não perder a compra!

Sabrina
SabrinaPermalink

Só pra completar: viajarei pra NY.

Hosana
HosanaPermalink

Sim, estive em NY tb! E repito, não tive problemas.

Suzana
SuzanaPermalink

Olá Boia e leitores! No próximo final de semana estarei embarcando p/ LONDRES > PRAGA > VIENA e só falta fechar essa (difícil) questão de $. Até o momento não consegui me decidir qto à escolha da bandeira do cartão TRAVEL MONEY. Sou correntista do Banco Itaú e, por comodidade, pensei em contratar o AMEX GLOBAL TRAVEL CARD que é comercializado por eles. Porém, tenho uma dúvida: AMEX tem boa aceitação na Europa? Fiz uma boa pesquisa, mas não encontrei esta resposta. Me parece que VISA e MASTER são melhor aceitos. Quem puder ajudar c/ alguma info, agradeço. Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Suzana! É melhor fazer com bandeira Visa ou Master; o Amex é pouco aceito na Europa.

Suzana
SuzanaPermalink

Obrigada pela ajuda, Bóia! Acabei optando pelo VISA antes mesmo de ver sua resposta e não tive problema alguma de aceitação na Europa smile

MONICA
MONICAPermalink

Bom dia.
Meu irmão vai a Europa no dia 23/09/2012 e vai ficar até dia 01/10/2012. Junto irão a esposa, tres filhos sendo uma criança e dois adolescente e mais um adulto que é socio dele. Vai ficar em Rimini por dois dias, 01 dia em Veneza, 02 dias em Paris e volta para Roma, para voltar para o Brasil. Já tem passe livre pos 5 dias, os hoteis já foram pagos e todas as passagens de trens noturnas. Mesmo assim eu acho que 3000 euros é muito pouco, mesmo que esteja pensando somente na alimentação. Estão levando cartão de credito, mas como o IOF é bem alto, só vai servir para emergencias. Voce acha que a minha preocupação é em vão?
Obrigada.
Monica.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Monica! Nós não podemos palpitar sobre gastos pessoais. De qualquer forma, ele pode usar o cartão do banco para sacar dinheiro em caixas eletrônicos.

George
GeorgePermalink

Ola Suzana,eu tb sou correntista do Itau,fui p a França com o Amex Global Travel Card e nao tive problema! O unico senao foi recarregar o cartao! A operacão ia bem até o momento em que vc tem que por o código do IToken! Levei o referido ...e nada! Tentava com o IToken SMS ...e nada! Mandei n emails p o gerente ...e nada! A central do Amex tb nao me ajudou! Entao nao fique contando em recarregar o cartão! Boa viagem

Suzana
SuzanaPermalink

Obrigada pela ajuda, George! Acabei optando pelo VISA mesmo e não tive problema algum c/ aceitação. Mas caso tivesse optado pelo AMEX não teria o mesmo problema que vc teve. Recarga não seria uma opção p/ mim, estava c/ dinheiro contadinho, contadinho... smile

George
GeorgePermalink

Tenho o Visa Infinite e o Mastercard Black do BB e um Visa Platinum do Itau. Na França quando tentava passar o Visa Platinum do Itau na função débito dava transaçao não autorizada. Já o Mastercard Black do BB passava normalmente na funçao débito. Guardei todos os comprovantes. Quando veio a fatura...todas as compras que eu fiz na função débito apareceram cobradas como crédito! Entao,cuidado,pois mesmo que aparentemente passe a funcao débito...

Hosana
HosanaPermalink

George, a solução para esse problema é fazer um cartão do banco só com a função débito. Fiz isso esse ano no BB através do 0800 e resolvi o problema. Toda vez que queria a opção débito ou o saque no caixa rápido utilizei este cartão. Continuei com meu infinite visa e agora tenho mais esse que é visa electron.

Guilherme
GuilhermePermalink

Eu tenho um cartão do BB que é só débito. Uma vez paguei um hotel na Argentina com ele. O BB gerou uma fatura de cartão de crédito pra eu pagar. Não paguei anuidade e a função de crédito do meu cartão continua desabilitada. Muito estranho.

Marcelo
MarceloPermalink

Bom dia! Gostaria de dizer que o site foi de grande ajuda pra mim. Estou indo pro Peru nesse final de semana e resolvi levar meu VTM como primeira opção (também levarei meus cartões de débito e crédito e espécie), isso pq a cada saque que faria com meu cartão de débito o banco me cobraria R$ 9,00 afora os encargos da máquina, e o VTM me cobra US$ 2,50. E ,considerando o país que estou visitando, fui avisado pela própria atendente do itaú que caixas eletrônicos que me servissem não seriam achados facilmente. Obrigado e parabéns pela página!

Thiago
ThiagoPermalink

Gostaria de saber se o meu VTM, carregado com dólar, quando for ser utilizado para pagar uma conta na Argentina, será descontado em dólar, ou se fará uma conversão automática. Pois todos dizem ser mais vantajoso levar dólar para a Argentina, só que viajarei para lá no meio de novembro e no fim do mesmo mês estou indo para os E.U.A. Não queria comprar dólar e peso.
Grato, desde já.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Thiago! A conversão é feita automaticamente na hora do pagamento. Você terá um equivalente em dólares descontado do seu saldo.

Thiago
ThiagoPermalink

E tem como eu saber qual o câmbio que eles usam? Obrigrado pela resposta.

Lourdes
LourdesPermalink

Viajarei para Santiago do Chile, com marido e dois filhos adultos, no período de 20 a 25 de dezembro de 2012, bem no período natalino, estou na duvida quanto a hospedagem em providencia ou no centro? peço a gentileza da dica devido ao período, se no centro será muito movimentado,? e como é o Natal em Santiago?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Lourdes! Todas as dicas para o seu roteiro estão aqui: https://www.viajenaviagem.com/2012/02/roteiro-santiago/

Leia sobre passar o Natal fora de casa aqui: https://www.viajenaviagem.com/2010/11/noite-de-natal-fora-de-casa-o-que-fazer/

Ana Cristina Ferreira de Araujo

Bom dia, existem caixas eletrônicas do Banco Santander no aeroporto Charles de Gaulle?
Muito obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Ana Cristina! Uma vez habilitado para saques no exterior e desbloqueado para os países da sua viagem, o seu cartão funcionará em qualquer caixa eletrônico. Não é preciso achar um do Santander.

Rafaela
RafaelaPermalink

Oi!
Estou indo fazer trabalho voluntario na india por um mês e depois vou passar 10 dias em Londres.
Para Londres já arrumei meu VTM carregado em libras, mas estou super confusa sobre qual forma levar dinheiro pra India.
Meu cartao de credito tem limite baixo, e nao posso depender dele por nada!

Obrigada smile)

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rafaela! Qualquer que sejaa moeda escolhida, na Índia você pagará 5% de operação cambial. É o que você perderia numa casa de câmbio trocando dinheiro de papel. Para não complicar, façao VTM em libras para tudo.

Gabi HP
Gabi HPPermalink

Ric, adorei o post! Estou super alinhada com esta combinação de Papel + VTM + Cartão de Crédito, por segurança, praticidade e comodidade em casos indesejados.
Nunca tive qualquer problema com o uso do VTM, mas recomendo sempre que o viajante se informe bem sobre o aceito no seu destino.
Abs!

Carlos Miller
Carlos MillerPermalink

Bom dia. Vc teria alguma sugestão para mini vans para transfer de 5 adultos entre Ezeiza/ hotel?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carlos! Combine um trânsfer com seu hotel.

Carlos Miller
Carlos MillerPermalink

Ótima dica.
Obrigado.
Deveria ter pensado antes.
Vou contatá-los.
Abs,
Carlo

Maira
MairaPermalink

Olá!

Queria deixar um breve aviso sobre o Visa Travel Money do Banco do Brasil. Por algum motivo, até o momento (setembro de 2012) o BB só emite o VTM em cartão magnético, sem chip. Cheguei na Itália com meu rico dinheirinho no VTM e fui pega de surpresa: as máquinas de dinheiro daqui não só não reconheceram o cartão, como o engoliram e não me devolveram mais! Aconteceu comigo três vezes em menos de dois dias (e uma delas em uma máquina com o símbolo do Visa Plus). Tive que depois voltar na agência conversar com os atendentes para pegar o cartão de volta.

Então fica a dica, que talvez valha a pena incorporar no seu ótimo texto: cuidado com os cartões VTM sem chip. Só coloque ele no ATM que tenha o símbolo do Visa Plus, e mesmo assim fique ciente de que pode simplesmente não funcionar! Não conte com o VTM como a única fonte de dinheiro para a sua viagem.

Grande abraço e parabéns pelo site smile

João
JoãoPermalink

Olá a todos!

Eu tive a mesma experiência com o VTM do Banco do Brasil: foi engolido duas vezes em Veneza. Na segunda vez, como a tentativa de retirada foi feita em caixa eletrônico de agência bancária, com o banco aberto (por segurança), resgatei o cartão (o anterior, engolido à noite, foi por mim cancelado na mesma hora) com os funcionário do banco que me informaram que todo os dias isto acontecia para o cartão VTM do banco do Brasil. Eu só não sabia que era por falta do chip.
Em resumo, o cartão somente serve para pagamentos em geral, não para saques.
=> vai aqui uma dica: quando estou na Itália, utilizo um chip da WIND para ligar para o Brasil. Custa 5 euros, mais 5 de carga mínima. As ligações para o Brasil feitas do celular por meio deste chip atualmente custam apenas 8 centavos de euro por minuto! Só é necessário comparecer a uma loja Wind com o passaporte. As recargas são feitas como no Brasil, por meio de cartões que são encontrados em qualquer tabacaria.
Eis o link das tarifas: http://www.wind.it/it/opzioni/pagina59.phtml?sez=EsteroItalia.

Abraço!

Natalie
NataliePermalink

No Peru tive esse problema com o débito/crédito do platinum do Santander... Comprei algumas coisas no débito e quando voltei estava tudo no crédito (ainda bem q foram pouquíssimas coisas). Essa dica de separar os cartões e ter um só para débito é ótima. Quanto aos saques funcionaram super bem por todo o roteiro: Cusco, Águas Calientes, Puno e Lima.
Estou indo para Buenos Aires dia 10, acho q não dá tempo de ter o cartão de débito em mãos, mas vou levar uns 300 USD e o cartão para saques e crédito. Acho q vou estar bem coberta por 1 semana.
Em 2009 cai na besteira de levar dinheiro "vivo" e fui furtada na florida, bem na hora q sai para as compras, levaram uns mil reais... isso acabou com a viagem, pq até conseguir o saque emergencial não consegui fazer nada.

Beatriz Mazer
Beatriz MazerPermalink

Acabo de voltar de uma viagem pela Croácia e Itália. Levei 500 Euros em espécie, 2 cartões de credito e 1 VTM. Na primeira vez que fui sacar com o VTM em Dubrovnik, o cartão já ficou preso na maquina...não saiu nem o dinheiro, nem devolvia o cartão. Depois de ficar meia hora parada em frente da maquina, resolvi voltar ao apartamento ver as instruções do cartão. Lá li que costuma acontecer de um cartão ficar preso, por isto já dão 2 , mas tem que ligar a cobrar para a operadora no Brasil cancelando o cartao que ficou preso.Eu não tinha levado celular, e depois de achar um telefone publico, estava tudo escrito em Croata, e eu não descobri como fazer a tal ligação.Outra desvantagem do VTM, e que ele não avisa o saldo, logo você tem que controlar o quanto vai gastando, pra não sobrar nada nele, pois como descrito acima, não vale a pena. O cartao visa também muitas vezes não funcionava... Não sei porque...e no aeroporto de Madri também acabou preso ... Mesmo caso.... Só o MasterCard não deu problema! Na próxima vou levar + dinheiro em espécie e apelar pra famosa cintinha... Foi muito estresse...

Fernanda
FernandaPermalink

Olá pessoal, tudo bem?

Estou com uma dúvida, espero que possam me ajudar!

Estou indo para Buenos Aires agora em outubro e pretendo levar R$1500 reais e USD300.
Só estou achando muito arriscado levar isso em dinheiro vivo.
Eu não tenho conta corrente, somente conta poupança da Caixa, o que não me dá direito a efetuar saques nem usar como débito no exterior.

A minha mãe tem uma conta corrente no BB. Vocês acham que seria possível eu ir com o cartão dela e utilizá-lo na função débito? Seria muito arriscado se o pessoal pedisse a identidade? O cartão dela é com senha.

E outra coisa, liguei no BB e eles informaram que para cada compra na função débito realizada no exterior é cobrado o IOF de 0,38% + 1% sobre o valor total da compra.
E para cada saque é cobrado o mesmo IOF de 0,38%, estes 1% e R$12,00.

Acham que é possível eu fazer dessa maneira? Aí levo uns R$400 em dinheiro vivo e os dólares e o resto deixo nesta conta da minha mãe e uso o cartão na função débito ou para saque, caso eu precise.

Falando nisso.. alguém que já foi para BUenos Aires é fácil encontrar caixas automáticos do BB?

Espero que possam me ajudar.

Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fernanda! Uma vez habilitado o cartão para saques internacionais, e desbloqueado para o período da viagem, ele pode ser usado em qualquer caixa eletrônico, não é preciso procurar os do BB.

Pense em usar na função saque (mas atente para o fato de haver limites por operação e diários), mas não se fie em usar como débito; muitos gastos acabam sendo registrados como crédito.

Flávia Mendes
Flávia MendesPermalink

Boa Noite
Estou, com uma dúvida ... , vou para a China,e gostaria de saber se seria melhor já ir com o VTM carregado com a moeda local ( YUAN) , ou carregar em dólar e depois trocar lá, pela moeda local . Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Flávia! No site do Visa Travel Money há a informação de que a corretora Cruzeiro do Sul trabalharia com VTM em yuan.
http://www.visa.com.br/conteudo.asp?pg=1340

O que você precisa fazer é perguntar a cotação do yuan oferecida e comparar com o que a que for informada no http://www.oanda.com/lang/pt/currency/converter/ (hoje, 2 de outubro, 1 real = 3,11 yuans). Se a cotação for muito menor do que isso, compre VTM em dólar mesmo. Haverá uma perda de 5% nas operações em yuan, mas isso é o que aconteceria também se você levasse dólares em espécie e fosse trocar na casa de câmbio.

Gustavo
GustavoPermalink

Boa tarde Bóia,
Gostaria de uma luz amigo, é o seguinte.
Estou embarcando para Londres dia 15 e não sei qual a melhor forma de levar meu dinheiro. Minha maior preocupação são as taxas cambiais. Ao adquirir o VTM pagarei por cada Libra algo em torno de 3,7 Reais + uma taxa de IOF, e comprando a moeda em papel sai praticamente o mesmo salgado preço.
Tirei algumas horas para pesquisar e esta me parecendo que se levar meu cartão de débito do Santander carregado com meus tantos reais, ao sacar la, ja convertido em libras, ele saira mais em conta. Ainda não consegui averiguar se este fato é verdade ou se é ao menos vantajoso.

Claro que tenho a intenção de levar algum dinheiro em moeda, e também, por precaução, no VTM e mais cartões de crédito.

Obrigado pela atenção
e tenha uma boa tarde.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Gustavo! Veja no pé do post que as suas conclusões batem com a fórmula do Comandante wink

marilda de souza
marilda de souzaPermalink

Também sempre levei dinheiro no porta dolares na cintura, agora estou indo á India em Dezembro, e não sei como fazer. Pelo que tenho lido, não conseguirei fazer cambio lá. só os indianos conseguem ter rúpias. se for trocar clandestino,corro o risco de ser lesada. O que levar. MEU banco e Itau e bradesco, se alguem puder me ajudar, agradeço. Marilda.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Marilda! Você pode sacar em caixas eletrônicos com seu cartão de banco ou VTM ou trocar dólar em bancos ou hotéis (nos hotéis, por cotações menos interessantes).

Fernanda
FernandaPermalink

Bóia, tudo bem?

Estou tentando postar um comentário no post "Primeira viagem a Buenos Aires" perguntando a uma menina que postou um comentário recente sobre la, e o meu comentario nao aparece de jeito nenhum.

Mandei um.. passou um tempão mandei outro e agora tentei de novo e nao aparece de jeito nenhum. O que pode estar ocorrendo?

Me ajude!

Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fernanda! Seu comentário foi recuperado smile

Rodrigo
RodrigoPermalink

Caros,
Estou indo com a patroa para 20 dias nos EUA ( Washington, NY e Atlanta ) e estamos com uma dúvida, o valor do dólar para pagamento em débito é dólar comercial ou dólar oficial?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rodrigo! Os bancos estão todos praticando uma cotação próxima ao dólar-turismo em todos os casos.

Gabriela
GabrielaPermalink

Olá,

Entrei aqui pois na minha busca no google saiu a resposta pra minha procura aqui, mas juro que li tudo e nao achei nada. Fui comprar meu VTM e fui informada de que a Argentina ainda está praticando a utilização de apenas dinheiro e nenhum cartão. To completamente desnorteada, alguem me dá uma luz por favor?? rsrsrs

Muitooo obrigada desde já!

Gabi

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Gabriela! Isso não é verdade! Leia notícias fresquíssimas sobre o câmbio na Argentina aqui: https://www.viajenaviagem.com/2012/10/novidades-cambio-buenos-aires/

Leia também:
https://www.viajenaviagem.com/2012/01/que-moeda-eu-levo-para-a-argentina/

Rejane Gama
Rejane GamaPermalink

Prezado,
a minha dúvida ainda continua. Porque o Bco.Itau vem me cobrando taxa de "IOF" se eu não faço transação nenhuma no exterior e nem muito menos viajo para o exterior.
e eles teimam em dizer que é sobre movimentação. o meu cartão é nacional. vou entrar com uma ação, já que eles insistem com isso, além de cobrar taxas de coisas que eu não peço.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rejane! Nosso assunto aqui é turismo. Acerte as contas com o Itaú diretamente wink

Leonardo Morais
Leonardo MoraisPermalink

Minha experiência com o VTM do Banco do Brasil foi péssima. Viajei para a Espanha. Os caixas eletrônicos (com símbolo Visa Plus) de todos os bancos na Espanha ignoram o cartão e, na maioria das vezes. eles ficam retidos. Meus dois cartões (principal e reserva) ficaram retidos. No fim, fiquei sem cartão e dinheiro!! O tal cartão emergencial demora 20 dias ÚTEIS para chegar nas mãos!!
Só consegui usar o VTM para compras. Mas mesmo assim é uma TEMERIDADE: não exigem senha. Qualquer um passa o cartão e o débito é feito na hora. Num determinado estabelecimento o lojista digitou o valor errado e fez o estorno em seguida. Tudo feito sem que eu pudesse conferir, já que a senha não é exigida. Resultado: o débito caiu na hora. O estorno até hoje (faz já 10 dias) não caiu na conta.
Se o valor de uma compra errada for alto, a pessoa pode ficar sem dinheiro na conta do cartão (o débito é instantâneo) pois o estorno demora semanas para cair.
No posto bancário do BB de Madrid a funcionária informou que TODO DIA aparece brasileiro lá com esse problema de não conseguir sacar.

MUITO CUIDADO COM O VTM do Banco do Brasil!!

leonardo melo
leonardo meloPermalink

Boa noite vou para cancun em lua de mel em dezembro e gostaria de saber o que e melhor levar uns USS500,00 em dinheiro, um VTM com uns USS2000,00 e um cartao de debito do bb e do itau e um de credito so que esse de credito de minha mae ele e de chip sera que terei problemas se for ter que usa lo por ser de minha mae

Obrigado e estao de parabens

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Leonardo! Sim, você terá problemas com cartão de crédito que não seja seu. Faça um VTM no seu nome.

Leia:
https://www.viajenaviagem.com/2012/08/que-moeda-eu-levo-para-o-caribe/

Gustavo
GustavoPermalink

Olá tripulantes! Passei 20 dias com minha esposa na Europa e voltei para compartilhar minha experiência:

Em espécie, levei apenas EUR 500.

Para não correr o risco de pagar uma taxa muito alta no câmbio na véspera da viagem nem nas transações de débito da conta corrente do banco (que hoje é baseada no câmbio turismo e não mais no câmbio comercial, como antigamente), fiz um cartão pré-pago VTM alguns meses antes da viagem e abasteci aos poucos.

Além da segurança e da cotação mais favorável que na compra de dinheiro em espécie (cerca de 3 centavos a menos), a principal vantagem é que a carga no VTM é feita em moeda local. Ou seja, um cartão carregado com EUR 1.000 continuará com os mesmos EUR 1.000 mesmo que a cotação da moeda desvalorize após você ter feito suas cargas.

Em quase todos os lugares o VTM funcionou perfeitamente (nas ocasiões que deu erro eu sempre tinha dinheiro no bolso).

Quando precisava de mais dinheiro em espécie, sacava. Mesmo pagando EUR 2,50 por saque valeu a pena pela segurança e praticidade. Mas como diz o nosso comandante, tente sempre usar o limite máximo permitido por saque (no caso do VTM são 400 euros, 400 libras, 400 dólares, etc) para compensar a taxa.

Faça as contas: se você tiver EUR 1.600 e fizer 4 saques de EUR 400, “perderá” EUR 10. Mas supondo que EUR 1,00 para carregar no cartão VTM custe R$ 2,80 e para comprar dinheiro em espécie custe R$ 2,83, sua perda seria de R$ 48,00, quase o dobro. Além do risco de andar com esse monte de dinheiro.

DICAS:

- se sobrar algum saldo no cartão VTM no final da viagem, você ainda terá uma última chance de gastar na moeda local ao comprar no Duty Free do aeroporto de retorno. Ou então guarde para a próxima viagem, pois o cartão costuma ter validade de 2 a 3 anos;

- deixe para usar seu cartão de crédito apenas do Duty Free aqui no Brasil, pois nesse caso será uma compra nacional e não haverá incidência dos temidos 6,38%.

Taís
TaísPermalink

Ricardo, sempre leio seus posts!
Fiquei babando no que vc fez dos 5 lugares para descer do carro na California. E é para lá que estou indo daki umas semanas e vim até aqui ver se vc responde minha pergunta (vindo de um especialista como vc, é sempre bom ter conselhos)
Vou para os EUA e pretendo levar $200 dolares em cash (para despesas chulas na conexão e etc) + meu cartão de débito. (o de crédito tbm estará comigo mas pretendo usá-lo em última instancia #sou do time que morre para pagar o IOF de 6,38%!!)
Tenho um bom saldo no meu cartão de débito. É vantajoso ainda sim fazer o VTM?
Embora tenha o limite de gastar até $2.100 dolares por dia no débito, será que ainda sim levo mais uns 500 dolares no VTM? Fico nesta dúvida a dias... No que mais ele seria "útil" tendo em vista que ja estou levando o débito?

Um grande abraço,
Taís

Victor Hugo
Victor HugoPermalink

Taís, deixa eu meter meu bedelho... Sempre que viajo levo um VTM para emergências. Afinal, se tudo der errado, alguém pode te mandar uma grana a partir do Brasil.

Taís
TaísPermalink

Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Taís! O VTM é excelente para emergências. Leve mesmo se não tiver intenção de usar.

Taís
TaísPermalink

Obrigada, Ricardo!

Glícia Maria
Glícia MariaPermalink

Bem, vou pra Londres no final do ano e pensei na seguinte solução:
1) Levar pelo menos 200 libras em mãos
2) Levar 300 libras no VTM
3) Deixar o restante do meu dinheiro na conta corrente do BB.
Assim, caso não funcione a função débito do meu cartão, tenho como usar o internet banking pelo notebook e transferir a grana para o VTM.

Queria só uma ajuda de vocês. De que forma garanto que a compra vai ser em débito e não em crédito? A melhor forma mesmo é solicitar um cartão só de débito? Não consegui fazer isso pelo BB.
Lá, assim como aqui, temos a opção de escolher a forma de pagamento (débito/crédito) no momento da compra?

Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Glícia! Como está escrito no texto, no cartão múltiplo a coisa parece ser incontrolável. Se o BB não dispõe de cartão só de débito, use o VTM ou faça saques. Lembre que o saque internacional tem limites, não é definido pelo saldo na conta.

Guilherme
GuilhermePermalink

Olá Bóia!

Eu tenho um cartão BB só de débito. Utilizei ele pra pagar um hotel na Argentina acreditando que estava no débito. Para minha surpresa, naquele mês o BB gerou uma fatura de cartão de crédito pra eu pagar. Não paguei anuidade e meu cartão continua com a função de crédito desabilitada. Realmente não dá pra garantir que a compra caia no débito nem quando o cartão é só de débito.

Carolina Akemi
Carolina AkemiPermalink

Olá,
Em dezembro farei uma viagem para Ásia onde passarei por Camboja, Tailândia, Malásia, Cingapura e Dubai no retorno.
Portanto, não sei exatamente como levar dinheiro, pois cada local tem uma moeda diferente.
Pensei em levar metade em espécie em dólar e outra metade em VTM dólar. Sei que em Camboja aceita dólar, mas nos outros locais pensei em trocar o dinheiro em espécie em casas de câmbio e utilizar valores maiores no VTM em dólar, pois ele faz automaticamente a conversão para moeda local, não é?
Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Carolina! Nos lugares em que a moeda é diferente da que você carregou no seu VTM, ele funciona exatamente como uma casa de câmbio: suas operações de saque e gastos são na moeda local, e há uma taxa de tipo 5% para essas conversões. Na casa de câmbio física, com dinheiro de papel, você também perderia isso.

Doris
DorisPermalink

Eu gostaria de relatar a (péssima) experiência que tive com o Banco do Brasil. Tentei obter informações sobre o câmbio usado, antes de uma viagem para Paris. Segundo o atendimento telefônico, o câmbio do banco seria o mesmo no cartão de crédito, no débito, na agência (câmbio de moeda) ou em retiradas no exterior. As diferenças seriam o IOF (6,38% para crédito; 0,38% para débitou ou retiradas), a taxa de corretagem para câmbio na agência (3%) e a taxa de retirada no exterior (12 reais por saque). Optei por fazer uma retirada no exterior e fiquei surpresa ao ver o valor na minha conta corrente. Depois de muitos telefonemas e nenhuma resposta, abri um chamado no SAC para que me explicassem de onde havia saído o câmbio daquele dia. Hoje recebi a resposta: além dos R$ 12,00 por retirada e dos 0,38 % do IOF, o banco cobra uma TAXA DE CORRETAGEM de 5,41%, que só existe no momento do saque. Ou seja, ninguém sabe que ela existe, não há a informação no site, não se obtém essa informação ao telefone. Só se descobre no momento da retirada. Resposta do funcionário à minha indignação? "Entendo, mas não posso fazer nada". No dia 15/10, a taxa de câmbio do Euro, no BB, era de 2,6429. No meu saque foi debitado R$ 2,7859 por Euro. Fui orientada a procurar a agência e solicitar a devolução da taxa, mas quero espalhar essa cobrança indevida para que outros não usem o Banco do Brasil para saques no exterior. Aliás, usei o cartão Santander sem nenhuma surpresa.

fernanda
fernandaPermalink

Parabéns pelo site!!
Estou indo para Cancun em novembro e depois de ler todos os posts fiquei na dúvida..estava pretendendo levar o visa travel, mas vi que as vezes se perde muito na conversao, uma vez que o peso mexicano tem a cotação muito baixa e tipo 450 dolares retirados se transformam em 499 na conta.. enfim... trabalho com o BB, tenho a função credito e debito no mesmo cartão.. a melhor opção pelo que 3entendi é o débito,e saque de conta conrrente, não? se encontra facilmente lá caixas eletrônicos com convênio com o BB??

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Fernanda! Como está bastante explicado no texto, uma vez habilitado e desbloqueado, seu cartão funciona em qualquer caixa automático. Mas está escrito também que o limite de saque é limitado. Por favor, releia com atenção.

Marcelo
MarceloPermalink

Obrigado pelas dicas!!
Vou usar este ano nos EUA pela primeira vez o "Travel Card" da Amex.

No ano passado Viagei para a China e utilizei direto o meu cartão do HSBC em função Débito, funcionou muito bem. As quantias para o meu tipo de conta que era o ADVANCE foi de USD 300,00 a cada 24hs, para o Premier é de USD 500,00.Usei em Shanghai, Benjing e Xian.
O valor cobrado na função débito é somente os 0,38% direto na conta em reais. A Rede ATM geralmente não cobra tarifas adicionais para saque.

Para os EUA atentar ao seguinte:

Saque é “withdraw” e extrato é “statement”.

“credit account” é para sacar de seu cartão de crédito,
“checking account” é para sacar na função débito de sua conta corrente e,
“saving account”, para saques na função débito de sua conta poupança.

O valor cobrado na função débito é somente os 0,38% direto na conta em reais. A Rede ATM geralmente não cobra tarifas adicionais para saque.

Priscilla
PriscillaPermalink

Muitíssimo parabéns pelo site! Baseei toda a minha viagem ao México (Riviera Maia) por aqui e foi perfeito!
Fiz uma reserva de hotel em NY pelo site do hotel com cartão de crédito. Chegando lá posso fazer o pagamento com o VTM? Ou necessariamente terei que usar o cartão de crédito da reserva?
Além disso, o que mais me preocupa é que li em alguns sites que ao reservar hotel com o VTM, o saldo do cartão fica bloqueado. Isso tbm acontece quando eu já estiver lá e efetivamente pagar o hotel com o VTM?
Receio que isso aconteça, pois estou levando boa parte do dinheiro no VTM!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Priscilla! Para hotéis cujo pagamento é feito no check-out, você pode trocar o meio de pagamento, sim. Algumas pessoas têm relatado esse problema do bloqueio no pagamento de hotéis (a lógica deve ser: o hotel precisa ter uma garantia que poderá fazer alguma cobrança de furto/estrago/minibar não declarado). Para ter certeza de que isso não vai acontecer, você pode tirar o dinheiro no caixa eletrônico.

Priscilla
PriscillaPermalink

Obrigada!!

ana
anaPermalink

olá! uma perguntinha: o valor que carregamos no VTM conta naquele permitido R$10 mil que se prevê para a saída do Brasil??? ou esse valor só vale para moeda e cheques?? ou seja, além do que está no cartão eu poderia levar mais um pouquinho em dinheiro, que somados passam de R$10 mil?? é que vou passar 6 meses na Itália e precisaria levar um pouquinho a mais.
obrigada

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Ana! O limite é em papel-moeda. Mas o VTM tem limitações de carregamento também. Não é preciso, porém, sair com todo o dinheiro carregado; o interessante do VTM é que pode ser recarregado à distância por internet banking.

ana
anaPermalink

ok.smile é que sou meio avessa à transações financeiras pela internet. só quero dar menos trabalho para quem vai me auxiliar daqui do Brasil. obrigadão!!! abraço

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Ana! Você pode fazer isso de qualquer computador do mundo, basta manter sua conta aberta no Brasil.

Observe que brasileiros só podem ficar até 90 dias por semestre na Comunidade Européia. Excedendo isso você entrará na clandestinidade, a não ser que tenha passaporte europeu ou um visto adequado.

ana
anaPermalink

sim,, eu tenho o visto. vou continuar acompanhando seu site de lá. obrigada! smile

emanuel
emanuelPermalink

Tenho parentes em Cuba e mando atraves de transações bancárias. Até aqui confortável, mas o saque por dévito é caro nos bancos do centro das cidades. Veja 900 reais viram na mão lá 360 cuc (peso convertível lá equivalente a 0.9 cuc --> 1 us dolar). Isto é, 2,5 reais por cada CUC. Alem disso só tira 90 CUC por vez.

Espero que isto ajude, mas não sei o porquê deste câmbio injusto.

Rachel
RachelPermalink

Ótimo post!

Minha experiência em duas viagens diferentes no Canadá:

Tenho conta no Itaú, com cartão de débito e crédito separados e internacionais. Fiz os desbloqueios antes de ir.

Nas duas vezes, consegui sacar com o débito sem problemas (exceto no primeiro saque da primeira viagem, o que me deixou em pânico, mas foi resolvido), pagando apenas a tarifa por saque (que à data das viagens, março e dezembro de 2011, era de 9 reais). Porém, em momento algum consegui realizar compras no modo débito.

No final, fiz a maioria das compras em crédito e saquei em débito. Mas não sabia dessa diferença no IOF do saque, achava que todos eram 6%.

Da próxima vez que viajar, acredito que farei um VTM para evitar o IOF alto em compras que eu não queira fazer em dinheiro (não gosto de ficar carregando dinheiro).

Lucia Pim
Lucia PimPermalink

Olá,
Estarei viajando em dezembro para Praga e seguir para a Suiça.
Tenho dúvidas qto ao Cartão VTM, li varias respostas mas ainda assim gostaria de uma explicação mais especifica.,
Vou levar em especie um pouco de euros, e sempre costumo usar mais o VTM, mas nunca fui onde a moeda não é a mesma(euro).
Sei que posso fazer saques, mas qto ao pagamento de despesas diversas eu tenho dúvida se todos os estabelecimentos aceitam o cartão VTM, se perco muito na conversão, enfim se usasse o cartão de credito mesmo com o IOF se seria mais vantagem.
Talvez já tenha respondido minha pergunta, mas me sintirei mais segura com a resposta dirigida a mim.
Obrigada!!!

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Lucia! Como está escrito inúmeras vezes no texto e respondido inúmeras vezes nessa caixa de comentários, os estabelecimentos que aceitam uma bandeira (Visa, MasterCArd ou American Express) de crédito aceitarão também esta bandeira no cartão de débito tipo VTM.

Ao pagar com um cartão de débito carregado em euros num lugar onde a moeda é outra, como está escrito no texto e respondido várias vezes na caixa de comentários, haverá um deságio, taxa, comissão, não importa como você queira chamar, de 5%. É o que aconteceria, como já dissemos várias vezes no texto e nas respostas, se você fosse com euros numa casa de câmbio e trocasse pela moeda local.

Mais algum ponto do texto que você quer que a gente reescreva exclusivamente para você?

Filvivas
FilvivasPermalink

Pretendo viajar para Orlando em abril de 2013 e estou pendente a utilizar o cartão pré pago, no entanto, tenho dúvidas acerca de qual cartão é mais vantajoso atualmente e qual pratica a melhor taxa de conversão do dólar e demais taxas??? Alguém possui sugestões???? Eu sei que tanto o visa, quanto amex e o master são bem aceitos, a dúvida é quanto a taxa de conversão do dólar e as taxas de carga, recargas... Eu cheguei até a ver o visa travel money do BB, há duas semanas mais ou menos e tava R$2,08.. E taxa de recarga de R$50,00... Quem é adepto do cartão pré-pago, tem utilizado qual??? Grato...