Enxoval de bebê nos Estados Unidos: o superguia de compras do Hugo

Mariana Amaral
por Mariana Amaral

Amazon.com

Montar o enxoval de bebê têm levado futuros pais e mães a fazer as malas e partir para as compras. O destino, claro, são os Estados Unidos e seus outlets. Nossos leitores garantem que, colocando na ponta do lápis, uma viagem a Miami ou Nova York pode até se pagar só pela economia que se faz com carrinhos, roupas e outros produtos que aqui no Brasil ainda custam muito caro.

O Hugo Medeiros, que não é muito chegado em shopping, bolou uma estratégia mais prática para as compras do enxoval: em vez de bater perna, resolveu quase tudo online, antecipadamente. Não carregou peso, não pagou sales tax e ainda pôde curtir melhor a última viagem a dois, antes da chegada do primeiro filho.

No relato a seguir, o Hugo ensina como fazer o enxoval no site da Amazon, dá dicas de lojas e shoppings em Miami e Nova York e ainda indica produtos úteis para comprar. Vai pelo Hugo:

Texto | Hugo Medeiros

Por que fazer o enxoval do bebê nos Estados Unidos

Através de uma rápida busca na internet é possível encontrar muitas informações sobre enxoval de bebê nos EUA. No entanto, algo que ainda pouco explorado é como fazer o enxoval e ainda assim aproveitar suas férias. Inclusive, algumas pessoas têm horror a compras, e acham um absurdo programar uma viagem para fazer um enxoval. Contudo, na prática, no exterior achamos alguns produtos que não temos no Brasil, e os preços são realmente muito melhores. Então vale a pena sim, mas o melhor mesmo é fazer as compras sem prejudicar muito o lazer.

A viagem para compra do enxoval muito provavelmente será uma das últimas que o casal realizará por um bom tempo, já que com a chegada do bebê as coisas tendem a ficar muito mais corridas. Além disso, a viagem deve ser o mais tranqüila possível, pois a mulher estará grávida, o que dificulta a locomoção e exige cuidados redobrados.

Por que comprar na Amazon

Pensando nisso, fiz um rápido roteiro que permite comprar 80% de tudo que você vai precisar pela internet. Dessa forma, com apenas 2 dias será possível comprar todo o enxoval de forma calma e tranqüila, dedicando-se o resto da viagem a um merecido descanso.

Para que isso seja possível será necessário utilizar os serviços da loja que, na minha opinião, é a melhor que existe: a Amazon.com.

Para entregas em determinados estados a Amazon não cobra sales tax, como é o caso das vendas para Miami. Já em outros lugares, como Nova York, dependendo de onde esteja localizado o centro de entrega, também não é cobrado nenhum imposto. Por exemplo, na compra do carrinho, um dos itens mais caros, eu economizei 65 dólares somente pelo fato de ter comprado pela Amazon, e não precisei carregar nenhuma caixa grande e pesada da loja para o hotel.

O primeiro passo é fazer um cadastro no site, que desde já irá exigir um número de cartão de crédito. Não entrem em pânico porque esse é um procedimento normal, e só irão debitar algo se você efetuar uma compra.

Em seguida o casal deve dedicar seu tempo livre a elaborar uma wish list com todos os produtos que pretendem comprar. O ideal é reserva pelo menos 1 mês para as buscas. Vejam que o grande segredo é ao invés de dedicar o tempo da viagem para isso, gastamos o tempo livre que temos aqui no Brasil. Pesquisem à vontade, perguntem para os amigos e parentes, reflitam o quanto quiserem se vale ou não comprar um determinado item.

Não deixem de explorar os departamentos “baby” e “toys” onde com certeza encontrarão vários itens interessantes que você nem sabia que existia.

Algo muito bom é que em cada produto constam as opiniões de quem já comprou, pois isso já é possível saber quem gostou ou não, e os motivos. Isso ajuda bastante na hora de decidir.

De forma bem objetiva, vale a pena comprar de tudo na Amazon. Os únicos itens que não recomendo comprar na Amazon são as roupas. Dessa forma, durante a viagem, o casal terá que comprar apenas as roupinhas do bebê, já que todo o restante será entregue diretamente no hotel, precisando apenas ser embalado.

Mas fiquem atentos para os produtos que sejam, ou pareçam ser, grandes. Nestes casos, se existe dúvida sobre o real tamanho do item, melhor deixar para comprar na loja, a menos que seja algo que será comprado de qualquer jeito.

Uma coisa importante sobre a Amazon é que ela tem 3 tipos de vendas:

  • Vende produtos do estoque da própria Amazon. Neste caso vem escrito “Ships from and sold by Amazon.com”
  • Vende produtos que ela armazena, mas que são de outras empresas. Neste caso vem escrito “Sold by NOME DA LOJA and Fulfilled by Amazon”
  • E vende produtos que estão com outras empresas. Neste caso vem escrito “Ships from and sold by NOME DA LOJA”

Nos dois primeiros casos, podem comprar tranqüilos, porque é a própria Amazon quem vende e envia. Com isso fica garantida a entrega.

A terceira hipótese é bom evitar, porque quem envia é outra loja. Com isso o prazo de entrega é normalmente maior, e se tiver algum problema tem que resolver com a loja, e não com a Amazon.

Amazon Prime e formas de entrega

Quando à entrega, a Amazon oferece 30 dias gratuitos para utilização do serviço Amazon Prime, onde você consegue enviar produtos pelo frete de 2 dias úteis sem pagar nada mais por isso. Basta cadastrar uns dias antes de começar a comprar, e cancelar depois que voltar de viagem. Mas é importante cancelar até 30 dias depois do cadastro, porque se não fizer isso eles vão debitar 80 dólares no seu cartão de crédito.

Se a decisão for por fazer compras pela internet, para valer a pena, o hotel escolhido não deverá cobrar nada para receber as caixas. E quando digo nada é nenhum centavo de dólar mesmo. Isso porque a Amazon tem centros de distribuição em vários lugares, então na compra de 2 itens, por menores que sejam, podem ser entregues em duas caixas, então se o hotel cobrar 1 dólar por caixa, em pouco tempo haverá um grande valor a pagar.

Como a entrega é de 2 dias úteis, comprem ainda no Brasil, de forma que as encomendas sejam entregues no dia que vocês chegarem nos Estados Unidos, ou no máximo no dia seguinte.

Na própria “wish list” é possível transferir o produto para o carrinho de compras. E após concluída a compra o produto é automaticamente deletado da “wish list” o que facilita o controle por parte do casal.

Selecionem de cada vez em torno de 15 a 20 itens. Isso porque por mais eficiente que a Amazon seja, se forem colocados 60 itens no carrinho de uma vez só, existe uma boa chance da entrega atrasar um dia. E como no Amazon Prime você pode enviar quantos pedidos quiser, façam um conjunto de 15 itens, concluam a compra, e em seguida repitam o processo com outros 15 produtos.

O endereço de entrega deve ter esse formato:

Nome do Hotel (Guest Nome de quem fez a reserva)
Endereço do hotel
Número da reserva - xxxxxx - staying dia-dia mês (período em que o casal estará no hotel)
Cidade, Estado zip code
United States
Phone: telefone do hotel

Quando chegarem aos EUA fiquem preparados, vocês irão receber muitas caixas. Acreditem, é um volume absurdo de papelão e plástico para separar e jogar fora. Nestas horas o melhor é conversar com a camareira e deixar uma boa gorjeta para que tudo seja retirado.

Compras "offline"

Feito isso serão necessários não mais do que uns 2 dias para as compras das roupinhas.

Em Nova York minha sugestão é uma ou duas manhãs no outlet Century 21, pois lá será possível adquirir quase 80% de todas as roupinhas necessárias. Cheguem bem cedo porque é quando a loja ainda está calma e vazia. Depois da 10 horas da manhã a situação se complica. A vantagem é que a loja fica em Manhattan, perto do marco zero. Então, melhor do que passar o dia lá, é ir duas manhãs seguidas, pois será muito mais produtivo. Levem também uma mala com rodinhas, pois ajuda muito na hora de levar tudo para o hotel, ou se estiverem precisando comprar malas, aproveitem e comprem a mala na própria loja, que tem preços muito bons.

O restante pode ser comprado em lojas comuns, como Old Navy, GAP e Carters.

Já em Miami recomendo um dia no Dolphin Mall ou Sawgrass, e outro dia em Miami Beach. No entanto, quem gosta muito de shopping pode ir um dia no Dolphin e outro no Sawgrass. Como shopping não é muito do meu gosto, prefiro dedicar um dia para passear e comprar em Miami Beach mesmo, ainda que os preços não sejam tão bons.

Se o casal tiver verdadeiro horror a compras e lojas, ainda assim será possível fazer o enxoval nos EUA. Neste caso, entrem no site da Gap e Old Navy, onde é possível comprar várias roupas de bebê. Inclusive, várias delas têm bons preços nas seções de “sale”. A entrega em 2 dias úteis custa 14 dólares.

Também já comprei na Gap e Old Navy pela internet e deu tudo certo. Não se esqueça de cadastrar no site pois sempre tem alguns bons cupons de desconto.

Trocas e devoluções

No entanto, mesmo com todo o planejamento problemas podem ocorrer. Quem não gostar de algum produto da Amazon deve acessar o site, entrar na ordem do pedido, selecionar os itens a serem devolvidos e imprimir a folha. Os produtos podem ser reembalados na mesma caixa que foram recebidos, colando-se a folha de devolução do lado de fora. E para maior comodidade, por 6 dólares a Amazon pega a caixa no hotel, ou então você leva direto numa agência da UPS. Assim que a mercadoria chegar na Amazon eles estornam o valor no cartão de crédito.

Para itens que por alguma razão não foram entregues a tempo, envie um e-mail para a Amazon informando o ocorrido e pedindo a devolução do dinheiro. Em seguida orientem os funcionários do hotel a recusarem a encomenda caso ela seja entregue.

Com relação ao site da Gap e Old Navy, o procedimento é semelhante, sendo necessário imprimir uma folha de devolução no site. Mas junto com as mercadorias precisam incluir a nota fiscal com os itens que estão sendo devolvidos devidamente circulados com caneta.

Com essas medidas simples é perfeitamente possível viajar para os EUA, fazer todo o enxoval do bebê, e ainda assim aproveitar merecidas férias.

Produtos imperdíveis

Logicamente fiz uma longa pesquisa sobre o que comprar nos EUA, mas como o objetivo do tópico não é o que comprar, mas como comprar, vou deixar apenas 5 itens que acho que valem muito a pena:

Cradle Swing: é um balancinho enorme, mas que desmonta todo, o que facilita o transporte. Pela minha experiência foi simplesmente fantástico para ajudar na hora de colocar o meu filho para dormir. Mesmo sendo grande e difícil de trazer, acho que valeu muito a pena.

Leachco Safer Bather Infant Bath Pad, Blue Fish: é uma grande almofada que se coloca na banheira na hora do banho. Utilizamos desde o primeiro banho e dá uma segurança e tranquilidade enorme, principalmente para pais de primeira viagem. O melhor de tudo é que pelo desenho é possível lavar as costas sem precisar virar o bebê, basta colocar a mão por baixo.

Babá eletrônica com vídeo: provavelmente o item mais caro do enxoval. Mas compensa muito, pois quando o bebê faz algum barulho basta olhar no vídeo para ver se está tudo bem ou se você precisa ir lá. Sugiro marcas como a Summer Infant ou Avent.

BabyBjörn Soft Bib: São babadores de plástico com um recipiente para as migalhas. Basta lavar e enxugar que estão prontos para serem utilizados novamente e, diferentemente dos outros babadores, não deixam a comida cair no bebê.

Angel Dear Blankie: é um cobertorzinho pequeno que deixamos com nosso filho na hora de dormir desde os 2 meses. Hoje são amigos inseparáveis. Ajuda bastante para que o bebê cresça e o ajude a ficar mais tranqüilo na hora de dormir.

Tem várias outras coisas, mas não dá para falar de tudo. Se tiverem alguma dúvida sobre como ou o que comprar coloquem na caixa de comentários que tentarei ajudar.

Muito obrigada pelo guia, Hugo!

A nós do Viaje na Viagem cabe fazer só uma observação: muitos leitores relataram ter sido taxados, no retorno ao Brasil, sobre as compras para o bebê. Na interpretação da Receita Federal, roupas e acessórios para crianças que ainda não nasceram não podem ser considerados de uso pessoal e, portanto, não têm passe livre. Se as compras ultrapassarem a cota de 500 dólares por pessoa e não forem declaradas, é possível ter que pagar multa sobre o excedente. De todo jeito, guarde sempre as notinhas. Leia mais aqui e aqui.

Leia mais:

279 comentários

Lena
LenaPermalinkResponder

Cheguei a semana passada de N.Y. com enxoval de meu neto e realmente todo vôo vindo dos EUA eles estão parando e taxando o que excede a 500 dólares, mas mesmo assim acho que vale a pena, pois os produtos são melhores e bem mais baratos que aqui. Guardem as notas para apresentar.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Lena, o importante é escolher muito bem o que comprar. Acredito que com 2 mil dólares seja possível fazer uma excelente compra. Com 500/600 dólares dá para pegar muuuitas roupas de bebe num outlet. E com 1500 dólares compram-se diversos produtos na Amazon.

Na volta para o Brasil, sendo um casal, cada um irá pagar 250 dólares de imposto, sendo que mesmo assim compensa demais.

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Hugo, valeu compartilhar com tantos detalhes! Vou aproveitar as dicas - mas como titia de primeira viagem.... grin

Dani Willig
Dani WilligPermalinkResponder

Eu sou muito fã da Amazon, compro tudo, farinha láctea, fralda, papel higiênico, além do básico: livros e eletrônicos. Com relação à devolução, se você der como motivo algo que a loja seja culpada, como por exemplo o produto é diferente do descrito no site, eles fazem o pick up for free. Vale muito a pena ler os reviews, a grande maioria é de pessoas de verdade. Uma diquinha é o babador da Dexbaby, http://www.amazon.com/Dex-Baby-Dura-Mouth-Panda/dp/B005M4SKI8/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1352778023&sr=8-1&keywords=dex+baby+bibs, eles tem a bolsinha que segura as migalhas mas ela abre completamente para facilitar a limpeza smile boas compras!

Raquel Rios
Raquel RiosPermalinkResponder

Hugo, ajuda completíssima como sempre!!!

RABUGENTO (@RABUGENTO)

Grávidas com muitas malas já tem fila especial no aeroporto de Guarulhos...

Sylvia
SylviaPermalinkResponder

É muito importante prestar atenção neste item :::
Nome do Hotel (Guest Nome de quem fez a reserva)

tendo a certeza de escrever o nome exatamente igual
ao que consta na reserva do hotel
caso contrário a mercadoria pode ser devolvida

Hugo
HugoPermalinkResponder

Verdade Sylvia. E uma semana antes de comprar eu sempre mando um e-mail para o hotel avisando que as encomendas irão chegar, para que o pessoal da recepção fique preparado.

Oscar | MauOscar.com

O Amazon Prime é tudo de bom!!!

Uma verdadeira mão na roda para quem mora nos EUA....

Agora quem não vai ficar muito feliz com essas dicas são os hotéis.. Não é por acaso que muitos cobram ou até recusam o recebimento de encomendas, principalmente da UPS.. E é por essas e outras que a Amazon está criando o serviço de Lockers ( http://abrindoobico.com/2012/08/um-locker-pra-chamar-de-seu/ )

Hugo
HugoPermalinkResponder

Oscar, por causa do volume enorme de caixas eu compro de forma que as encomendas cheguem quando eu já estiver hospedado, ou no máximo um dia antes. Dessa forma eles já podem deixar as encomendas no meu quarto e não fico ocupando espaço físico do hotel.

Mas é essencial olhar antes se o hotel recebe e se cobra para isso.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Adri Lima, Dani e Raquel, muito obrigado smile.

Sofia Sousa
Sofia SousaPermalinkResponder

Excelentes dicas, Hugo. Facilitou a vida de muita gente.

Cintia
CintiaPermalinkResponder

Hugo, ótimo post. Penso da mesma forma. Viajar apenas para comprar não é comigo. Acho que tem que ser aproveitada a última viagem do casal e as compras são um adendo. Esse post veio em ótima hora para a minha viagem do ano que vem, ainda mais porque pretendo ir para Nova York e comprar o máximo que puder pela internet.
E tenho uma dúvida: coube tudo em malas? Como foi o transporte do carrinho e itens maiores?
Obrigada.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Cintia, o primeiro cuidado que você deve ter é com a Cia aérea. Eu voltei pela American Airlines e na época eles não aceitavam despachar caixas no JFK. Além disso, alguns voos, como o que fazia NY-Brasília, não admitia nem mesmo mala extra.

No meu caso utilizei duas malas grandes e duas sacolas desse modelo aqui, tamanho x large:

http://www.amazon.com/gp/product/B000FLI5JC/ref=oh_details_o00_s07_i01

Na verdade, por causa dos limites de peso e tamanho dos volumes, nem pude encher a sacola, mas por ser grande ela acomoda praticamente qualquer coisa.

No caso de itens mais delicados eu sempre colocava muitas roupas ao redor para proteger.

E não deixe de comprar uma balança portátil, pois assim você consegue distribuir o peso de forma equilibrada, evitando pagar excesso ou ter de realocar itens na hora do check in:

https://www.amazon.com/gp/css/order-history/ref=ohs_order_orderid?ie=UTF8&hasWorkingJavascript=1&opt=ab&qid=&search=103-2455786-5925064&sr=

Cintia
CintiaPermalinkResponder

Obrigada Hugo.
Acho que você deveria fazer a parte II do post....

Andrea
AndreaPermalinkResponder

Hugo, parabéns ! Guia completissimo ! Uma pergunta : vc consegue comprar na Gap e Old Navy pela internet com cartão de crédito com billing address do Brasil ? Estou tentando e não consigo ... Diz que o meu endereço de cobrança do cartão deve ser nos EUA ...
Tem algum truque ?
Obrigada
Andrea

Hugo
HugoPermalinkResponder

Oi Andrea, coloque no biling address o mesmo endereço dos EUA para onde você está enviando as roupas.

Vivi
ViviPermalinkResponder

Gostei muito desse post, valeu!

Flavio
FlavioPermalinkResponder

Compramos o enxoval do nosso primeiro filho em Orlando e, quando tivermos o segundo, iremos de novo. Vale muito a pena, tanto pelo preço quanto pela variedade e qualidade dos produtos.

A babá eletrônica foi o mico do enxoval: nunca usamos. Nosso apartamento é pequeno, então quando ele chora no berço, ouvimos sem precisar de alto-falante. Coloquei até à venda no Mercado Livre.

O Angel Dear Blanket é ótimo, meu filho tem dois, são seus melhos amigos!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Flávio a babá só com som realmente só é útil em casas ou apartamentos muito grandes. No meu caso comprei a com vídeo e utilizo todos os dias.

Toda noite quando meu filho dorme ele fica no quarto dele. Eu e minha esposa fechamos a porta do quarto e vamos jantar, ver televisão, conversar, etc. E sempre que ele dá um chorinho ou faz um barulho diferente olhamos na babá antes para ver se está tudo bem. Com isso 70% das vezes não precisamos ir no quarto.

Isso é muito útil pois quando entramos sem necessidade ele normalmente fica mais agitado. Hoje em dia, por exemplo, só vamos se ele fica em pé no berço. Quando está sentado, mesmo chorando, esperamos porque são grandes as chances dele deitar e voltar a dormir.

Além disso, uma ótima babá com vídeo nos EUA custa em torno de 180 dólares. Aqui no Brasil, mesmo usada, você vende mais cara do que isso.

Agora o Angel Dear Blanket realmente é indispensável. Temos um na "ativa" e dois guardados para substituições.

Ana Carolina
Ana CarolinaPermalinkResponder

Fiz minhas compras de enxoval em Orlando e achei o post muito interessante.

E concordo que a melhor aquisição foi a babá eletrônica com vídeo, pois evita muitas idas desnecessárias ao quarto, o que não acontece com babá só com som. É item de primeira necessidade!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Ana, e mesmo hoje, com o meu filho já estando com 1 ano e 2 meses, utilizamos a babá todo dia. Quando ele acorda chorando ficamos observando. Muitas vezes ele deita e volta a dormir. Mas quando fica em pé no berço vamos lá porque sabemos que ele precisa de ajuda para se acalmar.

Érika Marques - Outros Ares

Hugo, choquei com este post!! Utilidade pública, levando em consideração que muuuuuuitos brasileiros viajam para EUA com este objetivo. Bem que poderia fazer outro post exclusivo com os produtos imperdíveis wink smile

beijo

Hugo
HugoPermalinkResponder

O Erika, se o Riq achar interessante posso fazer com certeza. Mas enquanto isso, nesse post mesmo acho que podemos falar sobre o assunto. Além de ter pesquisado muito na época, e foi muito mesmo, hoje já tenho experiência do que foi útil ou não, já que o meu filho está com 1 ano e 2 meses.

Se tiver qualquer dúvida pode perguntar. Enquanto isso vou já deixo aqui algumas sugestões de pomadas, que é algo que só aprendemos depois que o nosso filho nasceu.

Para o dia a dia, a melhor é a A+D. Super fácil de passar, de tirar e protege bem o bumbum do bebê:

http://www.amazon.com/Original-Ointment-All-Purpose-Skincare-Formula/dp/B000R37O18/ref=sr_1_3?ie=UTF8&qid=1352892441&sr=8-3&keywords=a%2Bd

Para a noite, quando se troca menos a fralda, o melhor é a Desitin do pote azul. É bem mais espessa e aquenta a noite toda:

http://www.amazon.com/gp/product/B003DN1WJY/ref=oh_details_o02_s07_i02

Para as eventuais assaduras uma dessas aqui é o ideal. Na verdade, essas são as mais importantes porque não é comum assar, mas quando acontece temos que ter algo muito bom para ajudar:

http://www.amazon.com/Mustela-Dermo-Pediatrics-Stelactiv-Diaper-Cream/dp/B00095LIPC/ref=sr_1_2?s=hpc&ie=UTF8&qid=1352892645&sr=1-2&keywords=mustela+diaper

http://www.amazon.com/Triple-Paste-Medicated-Ointment-16-Ounce/dp/B000GCL2B8/ref=sr_1_1?ie=UTF8&qid=1352892463&sr=8-1&keywords=triple+paste

http://www.amazon.com/Desitin-Maximum-Strength-Paste-4-Ounce/dp/B003O32P8U/ref=sr_1_9?ie=UTF8&qid=1352892441&sr=8-9&keywords=a%2Bd

Cintia
CintiaPermalinkResponder

Riq...queremos a parte II do post!!!!

Douglas
DouglasPermalinkResponder

Assino embaixo do Hugo....DESITIN é a melhor pomada do mundo...rsrsrs

Minha filha (1 ano e 2 meses tbm) nunca teve assadura!!!

Fiz o enxoval em Miami, comprei so 2 da azul, ai acabou, mas consegui comprar depois em Londres, ai ja fiz um estoque de pomadas...rsrs.

Usamos a azul para o dia a dia e a roxa para dormir a noite toda!!!

Desitin é essencial

Hugo
HugoPermalinkResponder

Pois é Douglas, ajuda muito. Aqui em casa gastamos em média um pote de A+D a cada 4 meses e 1 pote de Desitin azul a cada 6 meses.

Já as pomadas para assadura gastam menos, mas sempre temos pelo menos uma de cada sugestão que indiquei acima.

rachel
rachelPermalinkResponder

Adorei o post!!! Ano que vem eu vou! Mas estou pensando em Orlando. Se tiver mais dicar serão bem vindas!Valeu!!!

Rafael
RafaelPermalinkResponder

Minha irmã já fez isso duas vezes (uma pra cada filho), na primeira vez passou direto, mas na segunda vez levou a tungada da Receita Federal, sem choro nem vela.

O bom é ir (se possível) com algum amigo ou parente para poder usar a cota de US$ 500 desta pessoa, o que ajuda a aliviar as taxas e a economia em impostos em cima dos $500 extras de cota já até custeia o voo nestes tempos atuais de passagem barata. smile

Hugo
HugoPermalinkResponder

Pois é Rafael, para fazer compras 1 é pouco, 2 é bom e 3 é melhor ainda. O melhor é dividir as malas com o enxoval entre os viajantes, pois assim cada um usa sua cota e se necessário paga o imposto só sobre o excedente.

Hosana
HosanaPermalinkResponder

Hugo, e localização? Qual a melhor localização para quem pretende fazer o enxoval e depois descansar. Irei final de janeiro, acho que praia vai ser só para olhar.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Hosana, pela sua pergunta você já está com viagem marcada para Miami, certo? Não conheço muito a cidade, porque as duas vezes em que estive lá foi tudo muito rápido. Mas se fosse para lá hoje ficaria em South Beach, porque adorei o clima daquela região, onde é possível fazer passeios a pé, tem bons restaurantes e lojas interessantes.

Luciane Aquino

Oi, dando meu pitaco: o melhor lugar para comprar roupas de bebê em Miami, na minha opinião, é o Sawgrass Mills ( http://www.simon.com/mall/sawgrass-mills ), que fica lá onde o diabo perdeu as botas ( https://maps.google.com/maps?daddr=12801%20W%20Sunrise%20Blvd,+Sunrise,+FL+33323-4020 ). É o maior outlet dos EUA, com 350 lojas (por sorte, as de criança estão concentradas numa área única), e é quase impossível passar menos de dois dias lá. Você tem duas opções nesse caso: hospedar-se nas redondezas (eu acho deprimente) e depois fazer a mudança para Miami Beach, ou já ficar direto em Miami Beach, como sugere o Hugo.
Em qualquer caso, alugue um carro. A combinação Miami e outlet sem carro é receita de esgotamento nervoso. Antes de reservar, dê uma olhada nos pacotes hotel+carro. Eu já fiz isso e saiu beeem mais em conta. Aqui tem os links para pesquisa: http://vouviajar.blogspot.com.br/2011/06/pacotes-hotelaluguel-de-carro-nos.html

Boa sorte lá!

Rafaella satva

oi hosana tb esterei em miami no fim de janeiro, vi boas dicas de ficar em fortlauderdale(( acho q errei na escrita rsrsrs). você vai em que data, podemos até os encontrar por lá. qq coisa me envia um email rafasatva@yahoo.com.br

Luciana Bordallo Misura

Hugo, mesmo morando aqui nos EUA eu fiz o enxoval dos meus dois filhos pela Amazon wink Mas isso é porque eu não tenho muita paciência de ir de loja em loja, sou compradora fiel da Amazon há muitos anos e não poderia deixar de usar pra fazer o enxoval também.

Mas deixa eu contar uma coisa que pra você não serve mais mas pra futuros candidatos a fazer enxoval pela Amazon vale a pena saber: se você ao invés de uma wish list criar uma baby registry (que é a lista de enxoval de bebê, como uma lista de enxoval de casamento), e colocar todos os itens lá como você faria com uma wish list, 30 dias antes da data do evento (nascimento previsto ou data do chá de bebê, a data é você quem coloca quando cria a lista) a Amazon vai te dar 10% de desconto pra você comprar os itens todos da lista que não foram comprados ainda. Ano passado quando o Eric nasceu eu usei esse desconto e arrematei tudo o que estava faltando, foi uma maravilha!

Aqui as regrinhas pra receber e usar esse desconto:
The discount amount is 10% and may only be redeemed through the Amazon account of the primary registrant. It applies to items sold and fulfilled by Amazon.com that appear in your 10% Completion Discount view. The discount is valid 30 days before the registry event date and 60 days after. Please note your registry must be active for 14 days before you are eligible. For a one-time purchase only. Limited to one discount per customer for 8 months from activation. There is a maximum purchase amount of $5,000.00 US Dollars ($500.00 discount.) You will not be able to add any additional promotional items to your cart once you begin purchasing. So be sure that you have all the promotional items you want in your cart before you checkout. Once the items in your cart reach the maximum discount allowed, you will no longer be able to add items.

Pra quem está perguntando sobre itens legais pra comprar, eu tenho vários posts lá no blog sobre o assunto e tem um nos meus rascunhos justamente com os itens bacanas que eu tinha colocado na lista do Eric, vou ver se consigo terminar o post em breve! E pra quem gosta de ir nas lojas ver tudo pessoalmente temos vários posts lá no Aprendiz de Viajante com os endereços e dicas de lojas.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Luciana, fantástica sua dica. Muito obrigado.

vanna Cabral
vanna CabralPermalinkResponder

Luciana, manda seus rascunhos pra mim, ou publica a istinha pra q todos possam se eneficiar desta sua maravilhosa dica!! vannacabral@hotmail.com

juliana
julianaPermalinkResponder

Olá, mesmo quando a entrega é em hotel, existe esse desconto?? Obrigada

Hugo
HugoPermalinkResponder

Juliana, o desconto vale também para entregas realizadas em hotéis.

Carol
CarolPermalinkResponder

Super legal as dicas!
Estou indo eu e mais duas pessoas, vamos tentar racionalizar as compras (ou não!, rs)

Hugo
HugoPermalinkResponder

Carol, as compras pela Amazon você consegue pesquisar com antecedência, analisar o que vale a pena e decidir o que comprar. O maior problema são as roupas. Faça um boa lista, considerando inclusive a época em que o bebê vai nascer. Se o nascimento for em julho, compre roupas de inverno de 0-3 meses, intermediárias de 3-6 e de verão de 6-9 meses.

E saiba que mesmo com tudo anotado você vai se perder um pouco quando estiver nas lojas. Mantenha tudo organizado e se precisar pare um pouco, veja o que já pegou e só então continue.

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Hugo, eu e a Carol voltamos, e mesmo com suas dicas não teve como não nos perdermos naquela montanha de opções. Obrigada mesmo pelas dicas, valeram demais, mas acabamos optando por pedir pela Amazon só o que não encontramos nas lojas, o que foi muito pouco.

Fizemos assim porque acabamos indo no período da Black Friday, e queríamos aproveitar as promoções do dia, algumas só divulgadas quase já no fim de semana.

Estivemos na Babies R Us na Black Friday e encontramos muitos produtos em promoção. A babá eletrônica saiu por menos da metade do preço. Muitos itens com 50% de desconto. E isso porque era já passado das 12h... as melhores promoções do dia ocorrem até o meio-dia.

Além dos descontos já divulgados pelas lojas, ainda ganhamos 20% de desconto nas proximas compras a cada US$50 na Carters. Enfim, ter controle realmente é muito difícil, uma vez que depois que vc acha que já comprou tudo, a loja ainda te tá um 'vale' para uma próxima visita.

Bem que tentamos, com planilhas organizadas, seguir as quantidades! Neste ponto a Amazon é a melhor opção, a compra fica bem mais racional.

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Ah, sim, e depois da farra direto nas lojas, o que não achamos compramos pela Amazon para entrega rápida, prazo que foi cumprido direitinho!

ANA LAURA
ANA LAURAPermalinkResponder

Hugo suas dicas são ótimas!

Principalmente, para uma planejadora como eu. rsrs.

Sendo assim... Ric a parte II do post é algo de "extrema utilidade pública"!

VIVIANE RAMIRES

Pessoal, sensacional os comentários de vcs! Estou programando minha viagem, estava meio perdida mas ... acabei de me encontrar!!! kkk

Carla Torres
Carla TorresPermalinkResponder

Hugo. Parabéns pelo trabalho e por ser tão atencioso com todos. Fui à NY ano passado e fiz todo o enxoval. Deixei o que acho útil no meu blog: http://filhinhosdamamae.blogspot.com.br/2012/10/enxoval-nos-estados-unidos-o-que-e.html vou colocar um link lá para seu post para ajudar o máximo de grávidas possível.
Abraços.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Ótimas dicas Carla. Vendo sua lista me fez lembrar das compras que eu e minha esposa fizemos. Dá trabalho mas é uma experiência muito legal.

Esmeraldino Neto

Olá! Estou em Miami e fiz o enxoval do bebe aqui. Só que compramos várias outras coisas, presentes, que agora passam de quatro volumes (2 malas por pessoa!) como diz. Vou viajar de COPA para MANAUS. Alguem sabe se só posso levar os 4 volumes ou se, caso passar, pago a mais?! O que é melhor fazer?

Abraços

Hugo
HugoPermalinkResponder

Esmeraldino, no caso do trecho EUA-Brasil pela COPA, pode-se trazer até 2 malas extras por pessoa, veja abaixo:

Taxa de bagagem adicional: US$175 por mala
Não mais do que duas malas adicionais serão permitidas.
Malas individuais pesando mais do que 32 kg (70 lb) e com mais de 62 polegadas lineares não são permitidas.

Mara
MaraPermalinkResponder

Eu e meu marido acabamos de fazer o enxoval do nosso filho em Miami e Orlando. E a nossa opinião (que é contrária a de quase todos os posts anteriores!) é a de que o saldo da viagem tende a ser negativo, especialmente se os futuros papais e mamães estiverem pensando em conciliar compras e turismo. Essa mistura é explosiva, a menos que o casal seja muito organizado e tenha planejado a viagem nos seus mínimos detalhes. E não estamos falando apenas em termos monetários. No nosso caso, infelizmente não seguimos as dicas do Hugo sobre compras on-line. Como preferimos "ver ao vivo" o que pretendíamos comprar, fizemos tudo "à moda antiga", na base da peregrinação de loja em loja. Resultado: a viagem acabou sendo muito cansativa. Um dia num outlet como o Sawgrass é de esgotar as energias de qualquer um, especialmente se você tiver de enfrentar a fila dos caixas... Os outlets de Orlando são menores, mas não menos exaustivos. Depois de um dia compras, é preciso ter muito tempo e disposição para, no dia seguinte, encarar um daqueles parques de diversões imensos de Orlando ou alguma atração de South Beach. Se alimentar também não é tarefa das mais fáceis. Seu estômago terá que aguentar heroicamente alguns dias de fast food. Não há outra opção nos parques e outlets! Então, o problema é que, no conjunto, essas dificuldades tendem a ser até prejudiciais às gestantes. Nossas dicas são as seguintes: nem pense em sair de casa sem lista de compras. Detalhe tudo o que você precisa, inclusive com as marcas, se possível. Comprar um carrinho de bebê pode ser mais díficil do que comprar um carro! São inúmeros modelos e preços, com suas respectivas vantagens e desvantagens. Pechinchar demais é uma fria: você corre o risco de não encontrar mais o mesmo produto ou, o que é provável, de não ter mais disposição para voltar àquela loja tão distante...Se gostar muito de alguma coisa, compre logo. Para as roupinhas do dia-a-dia, dê preferência a lojas como a Carters (que tem descontos cumulativos!) e às lojas de departamento como Burlington, Ross, Target, TJ Max ou mesmo o Walmart. Este último tem preços imbatíveis em artigos de farmácia (pomadas contra assaduras, termometros etc) e alimentação (mamadeiras). Mas se prepare para não achar tudo numa única filial. As lojas especializadas (Macro Baby, BuyBuy Baby etc) oferecem quase tudo para o seu enxoval, mas alguns itens saem bem mais caro (se comparados aos preços das outras lojas de lá, é claro). Se estiver em Orlando, não deixe de comer no Olive Garden. A comida (italiana) é boa, abundante e barata, sem falar na deliciosa salada e no paozinho quente oferecidos como cortesia. De todos os parques, o mais interessante para as futuras mamães é o Sea World, já que elas podem assistir a muitas atrações sentadas. O menos recomendado é o Islands of Adventure, da Universal, porque quase todas atrações devem ser evitadas por gestantes. Aliás, mesmo se não houver uma placa restringindo a entrada de "expectant mothers", não deixe de perguntar a alguém sobre os riscos. É isso.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Oi Mara. Muito bom o seu relato. Concordo que fazer compras é terrível. Eu mesmo não tenho a menor paciência de ficar numa loja ou shopping o dia todo. Depois de umas 3/4 horas já fico de mal humor.

Por isso mesmo preferi comprar tudo pela internet. Muita coisa peguei no escuro, mas não me arrependi de nada.

Quanto à alimentação, nós também nos preocupamos com isso. Nossa viagem foi São Francisco, Chicago e NYC. Nas duas primeiras cidades foi só para passeio. Numa loja ou outra passávamos para olhar alguma coisa, mas sem compromisso. Em NYC é que tiramos 2 manhas para as compras. E mesmo assim, na hora do almoço, parávamos tudo, íamos num bom restaurante e a tarde íamos passear.

Para os EUA uma opção interessante para restaurante é olhar o Guia Michelin antes. Com isso, antes de sair do Brasil nós já tínhamos um restaurante selecionado para cada dia. Com isso, até as refeições mais simples foram interessantes. Fast Food mesmo, durante 15 dias de viagem, foram umas 3 vezes, no máximo.

Mas concordo inteiramente com você Mara, uma viagem com muitas compras para uma grávida, mesmo que no início, é extremamente desgastante. Até mesmo para segurança do bebê deve-se evitar ao máximo esse tipo de esforço e cansaço, ainda mais que se está num país estranho, muitos quilômetros longe de seu médico.

Carol França
Carol FrançaPermalinkResponder

Pessoal,

Este post está demais! Ainda não tenho filhos mas estou aprendendo bastante aqui.

Sugiro um forum sobre viagens para gravidas! O que acham?

Seria ótimo ver por onde passaram os viajandões nessa fase. Acredito que ajudaria muitos casais gravidos a programar as férias visto que as preocupações e necessidades são diferentes durante a gravidez.

Obrigada!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Carol, a viagem é diferente mesmo. Antes de qualquer coisa a prioridade é o bem estar da mulher. O ideal é viajar entre 3 e 6 meses, pois já passou o período inicial mais delicado e o tamanho da barriga ainda não está atrapalhando muito.

Mesmo assim, pelo menos no nosso caso, andamos mais de metrô e ônibus que o normal, já que distâncias maiores podem ser desconfortáveis para a grávida. Compras foram feitas só numa parte do dia, para não ficar muito cansativo.

E por fim, um bom seguro de viagem, levar todos os remédios essenciais e não abusar.

Carol França
Carol FrançaPermalinkResponder

Perfeito Hugo, também gostaria de aproveitar e mesclar férias com compra de enxova e suas dicas são preciosas!
Mas, também tenho duvidas sobre bons locais para férias em geral durante a gravidez.
Por exemplo, na minha lista tem Africa do Sul e Peru como destinos prováveis em 2013 mas sei que grávidas não podem tomar vacina, talvez a altitute possa fazer mal...por isso gostaria de um forum com dicas variadas de destinos legais nessa fase.

smile

Hugo
HugoPermalinkResponder

Carol, apesar de tudo ter transcorrido perfeitamente, eu e minha esposa optamos por não viajar nem no primeiro nem no terceiro trimestre.

No caso do primeiro foi por causa do risco maior de aborto, e no terceiro pelo fato de já estar num período em que o parto já pode vir a ocorrer, além de que a barriga já traz desconforto para a gestante.

E mesmo em nossa viagem para elaborar o enxoval, ocorrida durante o segundo trimestre, ficamos em cidades com bons hospitais, evitamos longos deslocamentos a pé, nos preocupamos com a alimentação e levamos os remédios básicos recomendados pela médica.

O ideal é que você faça viagens para locais em que você se sinta bem, sem preocupações. Cada casal é que pode decidir melhor onde e quando ir.

Mas minha sugestão é, independentemente do local, ter sempre um hospital próximo que possa atender caso seja necessário. E claro, fazer um ótimo seguro de saúde.

Marina
MarinaPermalinkResponder

Boa noite Hugo! Seus posts sobre compras p gestantes sao perfeitos...muito úteis mesmo.
Viajo dia 30/01 e ainda náo fiz o seguro saude, gostaria de saber qual vc indica? Grata,

Mariana
MarianaPermalinkResponder

Obrigada pelas dicas, Hugo! Você teria algum seguro saúde para indicar, para fazer esta viagem para os EUA? Obrigada!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Mariana, acho melhor você olhar o seguro com o gerente do seu banco ou com um corretor de confiança. No meu caso eu fiz a cotação no banco Itaú e deu tudo certo.

Procurando o gerente do banco ou um corretor, caso precise utilizar o seguro no exterior, tem alguém que você pode contatar se tiver alguma dificuldade.

E lembre-se de levar com você a apólice e as regras do seguro.

Boa viagem e ótimas compras.

ROBERTA
ROBERTAPermalinkResponder

Olá Hugo, estou pretendendo fazer meu enxoval nos EUA. Tenho algumas dúvidas.
É melhor fazer em Miami ou Orlando? Ouvi vários amigos que dizem que Orlando é muito mais prático, por causa da distância dos outlets de Miami, além da hospedagem em Orlando ser mais barata.
Outra dúvida, no site da amazon pagamos com cartão de crédito internacional? É cobrado IOF?
tem como comprar e não vir cada compra em uma caixa? tipo se colocarem uma caixa pra cada chupeta.. coitado do hotel.. kkkk
Obrigada
roberta

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Roberta! É cobrado IOF.

Leia sobre as diferenças de compras em Miami, Nova York e Orlando:
https://www.viajenaviagem.com/2011/01/compras-onde-e-melhor-nova-york-miami-ou-orlando/

Hugo
HugoPermalinkResponder

Roberta, na Amazon o pagamento é com cartão internacional e o IOF vem destacado na fatura.

Infelizmente não tem como evitar que a Amazon utilize várias caixas para enviar os produtos. O melhor é escolher um hotel que não cobre para receber encomendas e pagar uma boa gorjeta para a faxineira levar as caixas embora.

Leve na viagem tesoura e um canivete para ajudar a desembalar. E na medida do possível tente programar as compras de forma que elas sejam entregue no dia do seu check in, pois assim, mesmo que cheguem muitas caixas, eles já podem acomodar no seu quarto.

Quanto a Orlando, eu ainda não conheço. Mas em Miami, se for o caso, programe duas ou três noites de hospedagem perto do Sawgrass e depois vá para South Beach descansar e passear.

Carol
CarolPermalinkResponder

Hugo, muito bom o texto! Tem como vc me passar por email a listinha do que comprou e gostou?
Obrigada!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Oi Carol. Na verdade já tem um post sobre o que comprei e gostei:

https://www.viajenaviagem.com/2012/12/enxoval-de-bebe-nos-estados-unidos-o-que-comprar/

Se tiver alguma dúvida ou quiser alguma informação complementar é só perguntar.

Arthur Toledo
Arthur ToledoPermalinkResponder

Hugo, suas dicas são ótimas mesmo e esse post com certeza vai nos ajudar.

Aproveito para perguntar se alguém sabe como está a "marcação" da Receita no aeroporto de Belo Horizonte???!Essa "imagem" de filas especiais para grávidas em Guarulhos congelou o meu estômago...

Hugo
HugoPermalinkResponder

Arthur, na minha viagem em 2011 eu cheguei por BH. A receita aqui é pequena e estavam parando muita gente. Infelizmente não tem como prever, pois o fator sorte influencia muito. Tem gente que chega cheio de malas e passa sem problemas, outros chegam com menos volumes e já são parados.

Minha sugestão é não comprar nenhum eletrônico, pois eles são visados e pegam uma boa parte da cota. Além disso, tirem tudo das caixas e etiquetas, para não pensarem que vocês vão revender.

E cada um tem sua estratégia, mas para mim o melhor é passar no meio da muvuca, não sendo nem o primeiro nem o último.

Arthur Toledo
Arthur ToledoPermalinkResponder

sad Pois é, estava pensando em trazer um iPad e um iPhone além do enxoval. Talvez tenha que escolher um deles.
Pergunta de amador: a taxação é sobre o que excede US$500, correto?
Então, por exemplo, se eu trouxer US$800, terei um excesso de US$300 e pagarei US$150, certo?

Muito obrigado!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Se o Iphone for o único celular que você estiver trazendo, se vier fora da caixa e com um chip do Brasil, não entra na cota.

O Ipad não tem jeito, entra na cota de qualquer forma. Para mais informações olhe esse post aqui:

https://www.viajenaviagem.com/2011/10/compras-no-exterior-conheca-limites-isencoes-e-impostos/

O cálculo é esse mesmo, se você estiver trazendo 800 dólares e declarar, vai pagar 150 dólares de imposto (800 - 500 = 300 * 50% = 150).

Caso não declare, além do imposto de 150 ainda pagará uma multa de 50%, ou seja, 75 dólares no caso do nosso exemplo (150 * 50% = 75).

Arthur Toledo
Arthur ToledoPermalinkResponder

Ok, Hugo, obrigado.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Arthur! Sim.

Arthur Toledo
Arthur ToledoPermalinkResponder

ok, Bóia, obrigado também.

Priscila Nunes

Alguém sabe como funciona a questão dos moisés que usamos também como cadeirinhas de carro para os bebes/crianças? Elas precisam ser certificadas pela INMETRO para ter validade aqui. caso o contrario, os pais podem ser multados.
Tem como comprar essa cadeirinha ja com a certificação do INMETRO la nos USA?

Hugo
HugoPermalinkResponder

Priscila, o selo do Inmetro é uma exigência para que as cadeiras, nacionais ou importadas, sejam vendidas no Brasil. Se você comprar no Brasil tem que exigir o selo, e se não tiver, pode denunciar. Ou seja, a fiscalização é junto aos lojistas, e são eles é que podem ser multados.

O Detran não fiscaliza se a cadeira tem ou não o selo. De acordo com a Resolução Contran n.º 277 , de 28 de maio de 2008 essa não é uma exigência.

Já o moisés é um bercinho em que a criança fica deitada, e que você pode, por exemplo, ser colocado em alguns carrinhos ou levado na mão. Ele não serve para ser utilizado no carro.

Para bebês, o equipamento próprio para carro é o bebe conforto. Nele a criança fica mais sentada (e não deitada como no moisés), tem cinto de segurança de 5 pontos e estrutura rígida.

Arthur Toledo
Arthur ToledoPermalinkResponder

Existe alguma diferença de preço das lojas físicas (tipo a Babies R us, ou a Best Buy) para essas mesmas lojas virtuais, tipo você chega no Sawgrass um dia qualquer e aquela loja está fazendo um saldão?

Hugo
HugoPermalinkResponder

Arthur, funciona como no Brasil. Os preços normalmente são parecidos entre as lojas físicas e as virtuais da mesma marca.

No entanto, as promoções da loja física não são as mesmas da loja virtual. Por exemplo, uma mamadeira loja física da Babies R us pode estar por 15 dólares, enquanto que na virtual está em promoção por 10 dólares, ou vice versa. E isso pode ocorrer com vários produtos.

Quanto aos outlets, como regra os produtos são mais baratos do que nas lojas físicas/virtuais. Mas nos outlets você não tem toda a variedade, e alguns itens são de coleções passadas.

Tatiana
TatianaPermalinkResponder

Hugo,
Boa tarde!

Você por acaso poderia nos informar o hotel onde se hospedou em NYC/MIA?

Obrigada,
Tatiana

Hugo
HugoPermalinkResponder

Em NYC eu opto por hotéis na Times Square e próximos de estações de metrô. Já fiquei no 414 hotel (mais simples) e no The Muse. Minha esposa em outra oportunidade ficou no Iroquois hotel.

Todos são bons, mas foram escolhidos na época por causa do preço. Nos sites dos hotéis, ou em agências como a booking.com, sempre tem alguma oferta.

Em Miami fiquei no Sheraton, próximo ao aeroporto. Foi uma parada só para compras, então a localização e o preço foram essenciais na escolha. Tem uma van que passa pelo aeroporto a cada 30 minutos, tem uma van que vai para o Dolphin Mall em horários determinados, e o ônibus para Miami Beach é bem perto.

Mas se você quiser passear, acho melhor ficar em Miami Beach mesmo.

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

Fizemos nossas compras ano passado e realmente vale muito a pena! A diferença de preço é incrível e a qualidade também

ANA LAURA
ANA LAURAPermalinkResponder

Hugo!
Adorei as suas dicas e fico feliz de não ter sido a única!
Valeu!

Jorge Okamoto
Jorge OkamotoPermalinkResponder

Hugo,

Você pode indicar algum hotel em conta $ perto do aeroporto de Miami? Além disso, li que é preciso verificar se o hotel aceita receber as encomendas...

O Sheraton seria a melhor opção? Vi no site booking.com vários hoteis na faixa de 100.00 por dia mas na verdade são moteis...

Tanto no Dolphin Mall como no Sawgrass haveria lojas para comprar carrinho de bebe? Estou em dúvida se compro um carrinho apenas ou o conjunto (carrinho + bebe conforto). O problema é que eu iria viajar sozinho.

Obrigado e muito bom seus artigos.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Jorge, o Sheraton eu reservei na época porque estava com um bom preço no booking.com. Mas lembro que vi várias opções interessantes, mas acabei decidindo no final pelo mais barato. Próximo ao aeroporto a maioria dos hotéis tem transfer gratuito, o que já economiza no táxi. E para o Dolphin, se não passar nenhuma van no hotel que você escolher, vá até o aeroporto pois lá tem um ônibus que vai para o shopping.

Acompanhe os sites de ofertas, porque sempre surge algo interessante. Se você for ansioso como eu, faça a reserva de um hotel que tenha "cancelamento gratuito" e se surgir algo melhor você cancela e faz a nova reserva. Caso contrário já tem alguma coisa garantida.

No Sheraton eles cobravam em 2012 2 dólares por caixa recebida. Na época fiz apenas algumas compras complementares, por isso o valor não atrapalhou. Mas se você efetuar muitas compras, é interessante tentar algum lugar que não cobre nada para isso.

Quanto ao conjunto carrinho + bebê conforto, acredite, é um volume muito grande. Dependendo do modelo escolhido o carrinho vai ocupar uma mala inteira e o bebê conforto pelo menos metade da outra mala.

Se você está sozinho, ou seja com direito a 2 malas, e no máximo mais 1 volume extra (e com esse volume extra já fica complicado até mesmo para manusear a bagagem, e a alfândega com certeza vai te dar uma atenção especial), acho que o bebê conforto pode ser comprado somente se tiver espaço. Até porque no Brasil temos boas opções por preços interessantes.

O carrinho já compensa mais, mas mesmo assim vai tomar muito espaço.

Se fosse eu, compraria as roupinhas primeiro e os itens mais básicos. As roupas por exemplo são muito mais baratas do que no Brasil, e você utiliza bastante. Para ter idéia, com 20 reais você compra uma calça de malha básica no Brasil, mas com 10 dólares no outlet dá para pegar uma calça jeans bacana.

Se depois disso tivesse espaço, eu pegaria o carrinho. E se depois ainda sobrasse algum lugar, eu tentaria o bebê conforto.

Nathalia Siqueira

Hugo, vc tem sugestões de hoteis que não cobram pra receber essas caixas? E sabe me dizer se o preço das mercadorias são mais caras em NY a Miami?

Hugo
HugoPermalinkResponder

Nathalia, em NYC o Iroquois e o The Muse não cobram. Em Miami não sei de nenhum. Mas os preços dos hotéis variam muito. Veja quais são os mais baratos na região que você gosta e mande e-mail perguntando.

Se eles responderem que não cobram é bom você também levar o e-mail impresso, pois é uma garantia, caso mudem de idéia depois.

Quanto ao preço, na minha opinião, os preços dos outlets de Miami são parecidos com os da Century 21 de NYC. A vantagem de Miami é que tem mais opções, mas também é tudo muito grande, distante e cansativo.

Nathalia Siqueira

Muito obrigada!

Arthur Toledo
Arthur ToledoPermalinkResponder

Pessoal, como é mesmo esse lance dos cupons?
Fiz um cadastro no site da Babies r US e não consigo achar nada de cupons na página nem recebi e-mail algum referente a isso (apenas o da confirmação do meu registro).
Em que outras lojas (do tema enxoval de bebês) consigo esses cupons?
Obrigado.

Hugo
HugoPermalinkResponder

Arthur, eu comprei algumas roupas na GAP/Old Navy. O site é único, e na aba de cima você seleciona qual loja quer. Fiz o meu cadastro e recebo os cupons por e-mail, sendo que alguns são muito bons, como 30% de desconto para compras on line.

Mas às vezes demora para enviarem um cupom. Tem semana que não recebo nada. Quando à Babies r US, faça o cadastro novamente, pode ser que resolva.

Fernanda
FernandaPermalinkResponder

Gostaria de perguntar pro Hugo se épossivel marcar data de entrega pela Amazon ou se realmente eu tenho q fechar a compra alguns dias antes pra bater com os dias q estarei em Miami. Isso porque viajarei primeiro para outro destino para depois chegar à Miami e gostaria de já deixar comprado no Brasil. Obrigada!!!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Fernanda, pelo que sei isso não é possível. Eu e minha esposa, antes de irmos fazer as compras em NYC, também passamos por outras cidades. Nesse caso, 2 dias antes de chegarmos emNYC, entramos na internet no hotel mesmo e fizemos as compras. Como tudo já estava na wish list foi um processo super rápido.

Se você não tiver como acessar a internet, ou ficar com receio de ter algum problema, deixe os dados da sua conta da Amazon e do seu cartão de crédito com alguém de confiança no Brasil. Assim, no dia certo ele entra e faz as compras. O endereço do hotel para entrega você já pode cadastrar antes, então fica muito fácil.

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Hugo,

Você chegou a cogitar despachar algo pelo correio? Será que vale a pena pela sua experiência, pois achei bastante interessante os carrinhos com bebê conforto, parece ter um custo benefício ótimo, porém deve ocupar um espaço grande de bagagem. A diferença de preços pelo que pesquisei aqui no Brasil é bastante grande! Obrigada

Hugo
HugoPermalinkResponder

Cristina, para envio pelo correio você tem 2 opções principais, a First Class (FC) e a Priority Mail (PMI).

A FC é para volumes pequenos, não possui rastreio e demora para chegar. Ou seja, é muito arriscado e para o carrinho não é possível pois ele é muito grande e pesado.

O PMI tem rastreio (mais segurança), é mais rápido e aceita volumes e pesos maiores.

Para um carrinho de 15 kg você pagará em torno de 150 dólares de correio. Chegando no Brasil, a isenção para os correios é apenas para encomendas de até 50 dólares enviadas por pessoa física no exterior para pessoa física no Brasil.

Encomendas menores, mesmo que custem mais do que 50 dólares, podem até passar sem tributação, mas um carrinho é 99,99% de chance de tributarem.

Por isso, o seu carrinho pagaria 50% de imposto. Esse imposto, de acordo com a lei, incide sobre o preço do carrinho + valor do correio, mas é comum que os fiscais calculem apenas sobre o preço do carrinho. Alguns Estados, como é o caso de Minas Gerais, ainda cobram 18% de ICMS.

Ou seja, na melhor das hipóteses, um carrinho de 300 dólares, pesando 15 kgs, seria acrescido de 150 dólares de correio e mais 150 dólares de imposto no Brasil. Se você morar em Minas Gerais, ainda terá que pagar 81 dólares de ICMS (18% sobre 450 - valor do carrinho + imposto federal).

E é bom lembrar que mesmo com rastreio existe sempre um risco de extravio, ainda mais depois que chega no Brasil.

Por isso é bom analisar bastante para ver se essa opção é vantajosa para você.

Karin
KarinPermalinkResponder

Hugo, gostei mto de suas dicas, só não ficou mto claro sobre o transporte do Cradle Swing, vc conseguiu colocá-lo dentro daquela mala que indicou? Obrigada

Hugo
HugoPermalinkResponder

karin, nós trouxemos 2 malas grandes (rígidas) e 3 sacolas grandes e distribuímos as partes dos balancinhos entre os volumes. Como ele vem desmontado não é tão difícil.

Karin
KarinPermalinkResponder

Hugo, muito obrigada pela sua dica. Arriscarei em colocar dentro das malas.

Gabriela
GabrielaPermalinkResponder

Gente, estive este ano em Miami para fazer o enxoval da minha pequena. Quando comecei a pesquisar quase pirei com tantas opções e uma amiga me deu a melhor dica de todas! Contratem uma personal shopper! E dois dias você resolve tudo, ela faz as compras on line para voce e te explica coisa por coisa. Mesmo que vc ja conheca bastante a cidade como e o meu caso, vale a pena. Fizemos as compras em dois e fica,os 3 dias de pernas pro ar, aproveitando a cidade, namorando e descançando. Ah, e e o melhor dinheiro gasto, pois ela tem muitos descontos em todas as lojas. Ano que vem voltaemos para fazer mais compras com ela com certeza... Dica de ouro hein! Ah, o nome dela é Paula Lafront! Existem outras que fazm este tipo de serviço, mas nao e personalizado como o dela!

Bjs

RENATA RIQUETTE

Oi, Hugo. Estou indo para Boston (porque minha irmã mora lá) comprar o enxoval da minha bebê. Estou em dúvida se compro as coisas online ou pessoalmente. Na Carters, por exemplo, tem promoção com 50% de desconto e é muito tentador. Na Amazon, as coisas estão baratas também. Só que irei no período de páscoa. E dizem que os feriados, nos EUA, têm sempre promoção. Você sabe como é o feriado da páscoa? O bom de comprar pessoalmente é que levarei o travel money, e não pagarei 6,38% de IOF, como se eu comprasse online, com cartão de crédito internacional. Além disso, penso nas possíveis promoções de páscoa. Irei agora, no final do mês, no dia 26/3. E ficarei por 1 semana, até 03/04. MUITO OBRIGADA!!!!!!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Oi Renata, roupas eu acho que vale a pena comprar pessoalmente. Se for on line, ao invés da Amazon, compre na GAP/Old Navy, pois eles tem uma seção de Sale com bons preços.

Minha sugestão seria, comprar na GAP/Old Navy aquelas peças em promoção que você adorar, e o restante deixar para pegar lá mesmo, pois assim você vê e ainda pode aproveitar eventuais promoções.

Na Amazon pegue os produtos em geral. Veja a minha lista no link abaixo:

https://www.viajenaviagem.com/2012/12/enxoval-de-bebe-nos-estados-unidos-o-que-comprar/

Quanto ao feriado de páscoa, estive nos EUA nessa época em 2010, mas como era uma viagem normal não prestei muita atenção às compras. Mesmo assim, não vi nada de muito especial.

RENATA RIQUETTE

Muito obrigada, Hugo! Vou fazer o que você indicou!!!!!

RENATA RIQUETTE

Oi, Hugo e pessoal. Estou indo para Boston (porque minha irmã mora lá) comprar o enxoval da minha bebê. Estou em dúvida se compro as coisas online ou pessoalmente. Na Carters, por exemplo, tem promoção com 50% de desconto e é muito tentador. Na Amazon, as coisas estão baratas também. Só que irei no período de páscoa. E dizem que os feriados, nos EUA, têm sempre promoção. Você sabe como é o feriado da páscoa? O bom de comprar pessoalmente é que levarei o travel money, e não pagarei 6,38% de IOF, como se eu comprasse online, com cartão de crédito internacional. Além disso, penso nas possíveis promoções de páscoa. Irei agora, no final do mês, no dia 26/3. E ficarei por 1 semana, até 03/04. MUITO OBRIGADA!!!!!!

Elisa
ElisaPermalinkResponder

Olá Gabriela.

Você se incomodaria de dizer quanto custa este serviço? Fiquei bastante interessada.

Obrigada!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Elisa, tente entrar em contato com a Paula através do site dela:

http://paulalaffront.com/

Alessandra Rodrigues

Hugo, cheguei hoje de Miami, suas dicas foram valiosas... Comprei tudo o q vc indicou pelo site da Amazon mais o bb conforto! 4 malas gigantes!!! Não ter tido problemas na Alfandega foi um alívio!!!! Espero que a minha boneca use e aproveite tudo! Bjooo

Hugo
HugoPermalinkResponder

Que bom que deu tudo certo. É um alívio quando finalmente chegamos em casa com toda as coisas que compramos. Melhor ainda se passa ileso pela alfandega. Agora é arrumar tudo e esperar sua filha chegar.

Arthur
ArthurPermalinkResponder

Hugo, beleza? Também segui muitas das suas dicas, cheguei anteontem e confesso que não compramos muuuita coisa, só o que achamos realmente essencial, mas levei todos os seus comentários em conta.
Uma dúvida quanto ao Prime da Amazon: estou tentando desabilitá-lo e o que encontrei foi um botão "Disable automatic upgrade" e a mensagem que aparece nessa mesma página agora é "Your trial membership will not upgrade to a paid membership automatically on..."
É só isso mesmo, né?
Obrigado mais uma vez.

Hugo
HugoPermalinkResponder

É só isso mesmo Arthur. Diferente de muitas lojas aqui no Brasil, a Amazon tenta facilitar ao máximo.

Muito bom que saiu tudo certo na sua viagem e que vocês já estão em casa.

Flavia beraldo

Ola! Vou para miami dia 30/03, farei uma parada em manaus!
Ficarei quase 24hrs la! Alguem sabe se eh obrigatorio vacina da febre amarela para gestantes ou nao?
E sobre o surto de gripe, sera que meu marido precisa tomar a vacina?
Ha, como a volta tbem tera uma parada em manaus, o peso da bagagem eh de 23kg ou 32kg?
Obrigada
Flavia

Arthur
ArthurPermalinkResponder

Oi, Flavia, como disse acima nós acabamos de voltar de lá, minha esposa está grávida e não houve nenhuma cobrança nesse sentido, nem aqui no escritório e embaixada americanos nem lá na imigração. Não sei se o fato de você parar em Manaus muda alguma coisa, mas sinceramente acredito que não por que o processo está muito padronizado.
Quanto à gripe, Miami está muito quente e com umidade razoável. Lá pra cima é que esse negócio de gripe é mais feio por causa do frio. Eu não tomei vacina, mas valem os cuidados de sempre lavar as mãos antes/durate/depois de quaisquer passeio (ou seja o tempo todo).
Esse lance da bagagem na TAM, nos voos internacionais com retorno dos EUA o limite de peso é 32 KG, mas não sei se varia de companhia para companhia...

Hosana
HosanaPermalinkResponder

Oi Flávia,
Complementando a resposta do nosso amigo Arthur, quando a passagem é comprada junto, independente de ter escala ou conexão o vôo todo tem limite de bagagem de vôo internacional. Se for comprada separada a partir de Manaus vira voo nacional com outro limite de bagagem.
Não sei se a vacina de febre amarela é obrigatória, mas acho que é conveniente vacinar.
Tb acho conveniente vacinar contra a gripe.

Thayane
ThayanePermalinkResponder

Hugo,
Se entendi direito, em algum lugar você sugeriu que a pesquisa comece com dois meses de antecedência da viagem, enquanto a wish list com um mês. O que não entendi é se só poderei me cadastrar na amazon uns dias antes da viagem para dar tempo de fazer o cancelamento sem custos ou se posso me cadastrar na Amazon e depois fazer um upgrade para o Prime.
Espero que possa me tirar essa dúvida.
Obrigada!

Hugo
HugoPermalinkResponder

Thayane, o cadastro na Amazon pode ser feito a qualquer momento. Depois disso você já pode ir olhando os produtos e colocando na sua wish list.

Recomendo começar as pesquisas 2 meses antes, mas se tiver disponibilidade pode ser ainda mais cedo. Tem muita coisa para olhar, e com tempo sobrando fica tudo mais divertido.

O upgrade para o Prime é que você faz alguns dias antes da viagem e cancela assim que voltar. Você tem direito a utilizar gratuitamente o Prime por 30 dias, depois disso eles começam a cobrar, por isso é importante efetuar o cancelamento no prazo.

Thayane
ThayanePermalinkResponder

Ótimo! Já estou fazendo minha wish list.
Obrigada!

Daniele pereira Benjamin

Huuuugo! Me cadastrei no amazon e já estou fazendo minha wish list! Vou pedir p entregar tudo na casa da minha amiga, que mora em Orlando... Não entendi direito essa história do " prime"., rs
Vc pode me ajudar???

Hugo
HugoPermalinkResponder

Daniele, fazendo a inscrição no Prime você tem 30 dias para enviar suas encomendas com entrega em 2 dias úteis, sem pagar nada mais por isso. É muito mais rápido do que a entrega gratuita convencional.

O importante é cancelar em até 30 dias contados da inscrição, pois se não fizer isso eles vão cobrar em torno de 80 dólares no seu cartão. Essa cobrança permite que você envie encomendas com entrega em 2 dias úteis pelo prazo de 1 ano.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Cancelar