Enquete: no esporte das compras, qual é a sua modalidade?

Mariana Amaral
por Mariana Amaral

Woodbury Premium

Voltando de Foz do Iguaçu no carnaval, vi um rosto familiar: "Eu conheço esse cara... será que é jogador de futebol?". Que nada. Era um mesmo rapaz que estava no meu vôo de ida, só que muitas peças adquiridas no Paraguai depois. Achei engraçado, mas quem sou eu para julgar? Dispensei o tour a Ciudad del Este, mas mesmo em Puerto Iguazú, um deserto de compras, consegui descolar mais um parzinho de alpargatas Paez para trazer pra casa.

É... ok, dois pares.


Imagino que eu e meu companheiro de vôo sejamos praticantes do esporte de compras em modalidades diferentes: enquanto alguns, como eu, são mais rápidos e objetivos, estilo 50 metros livres em lojas de rua, outros se dedicam a outlets, shoppings, grifes, lojas de departamento, numa espécie de 400 metros medley com sacolas.

Queremos saber: qual a sua modalidade de compras? Quanto tempo de viagem dedica a lojas, shoppings e outlets? Já viajou tendo as compras como prioridade? O que nunca deixa de trazer para casa?

Aos comentários!

Siga o Viaje na Viagem no Twitter - @viajenaviagem

Siga o Ricardo Freire no Twitter - @riqfreire

Visite o VnV no Facebook - Viaje na Viagem

Assine o Viaje na Viagem por email - VnV por email


62 comentários

Valéria
ValériaPermalinkResponder

Nunca viajo pensando em comprar, mas sempre volto com alguma coisa. Mas são sempre compras feitas em lojas que estão no meio do caminho entre uma atração e outra. Em geral, deixo o último dia para comprar os souvenirs que não foram encontrados nessas lojas.

Quando fui a Foz, resolvi tentar a sorte e passei algumas horas no Paraguai. Fui com uma lista das lojas que valiam a pena, segundo um expert em muambas. Depois de percorrer uns quatro estabelecimentos, inclusive os shoppings bonitões, tudo que eu queria era ir embora daquele caos!

Isadora
IsadoraPermalinkResponder

No brasil, sou uma compradora compulsiva, que não entra em um shopping sem sair com uma sacolinha na mão.
Em relação à viagens, precisei cometer alguns erros para perceber que não sou grande fã da modalidade.
Dias dedicados à compras? Só se tiver muito tempo de viagem e estiver valendo a pena. Exemplo: 8 dias em foz do iguaçu, Um passado no paraguai.
Fora isso, entro nas lojinhas simpáticas pra comprar o que não posso comprar aqui, e aproveito o resto do tempo para passear.
Agora que minha estréia em NY se aproxima, estou tentando internalizar que mais valem os passeios que as compras. Wish me luck!

Adriana
AdrianaPermalinkResponder

Bom, pela minha experiencia, EUA (principalmente Miami) e para compras. A Europa, para passear, comer e beber (eventualmente, trazer algum souvenir). De preferencia, procure saber qual a especialidade do pais para o qual esta viajando: as vezes, mesmo a Europa sendo mais cara, tem coisas que so existem la, entao, no final, vale o custo beneficio. Ex.: vai para a Suica? Canivete victorinox, claro! E chocolates. Alemanha? Tem as melhores facas do mundo (e kits de manicure) e assim por diante... Ah, roupa de inverno: nao e qtd, mas qualidade: procure os underwears que os esquiadoes usam - de la finhinha, material que nao ha no Brasil.

Entao, ja q o assunto sao compras, vamos la: depois de muita compra compulsiva, aprendi que o melhor a fazer e ir fazendo uma listinha de desejos antes da viagem. O que voce esta precisando? O que as criancas precisam? Que eletrodomesticos estao faltando na sua casa? Qual o sonho eletronico de consumo do maridao? Va refinando a lista e, qdo o dia das compras chegar, va focado. Lembre-se de que nos EUA/europa, a estacao e oposta, ou seja, planeje para comprar roupas para a proxima estacao (principalmente para as criancas, que crescem muito rapido). Tambem vale a pena ja trazer presentinhos para os amiguinhos. Ao entrar na loja, procure a secao de Clearance (queima Total) e depois, Sale. Outlets sao mais em conta, mas compre pecas mais classicas, senao a moda passa e voce so vai ter mais entulho no armario.
Tambem tenho uma lista da farmacia (isso mesmo, inacreditavel, faco shopping na CVS!): vitaminas, neosporina spray, benadryl spray ate band-aids de personagens! Coisinhas p casa (facas, tesoura, alguns eletrodomesticos, jogosamericanos, ducha p banheiro: BAd, Bath & Beyound.
Ultimo lembrete: a nao ser que voce queira e possa pagar excesso de bagagem, com o tempo vai ver avaliar previamente se o que voce quer cabe na mala, nao vai quebrar, ou seja, e facil e leve de transportar. Nada pior do que comprar e ter de trazer na mao. Ah, nao menos importante: checar o saldo da conta? Gastar mais do que se pode so faz trazer dor de cabeca e culpa depois.
E, como me aconselhou uma tia muito querida, qdo da minha primeira viagem intl: "na duvida, compra!"

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar