10 experiências que só acontecem em Las Vegas #ad

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Las Vegas

post-patrocinado1

"O que acontece em Vegas, fica em Vegas", diz o slogan da cidade mais animada do mundo. Fique em Vegas, e veja 10 experiências top que podem acontecer nas suas férias:

1 | Um drink elétrico no Chandelier Bar

Chandelier Bar

O Chandelier Bar, no Cosmopolitan, é um dos bares mais bonitos do planeta -- os candelabros criam uma atmosfera única. Aproveite para pedir alguns dos drinks mais singulares da sua vida: um Verbena, à base de vodka, com suco de limão, purê de gengibre e um botão de Sezchuan -- uma frutinha elétrica que turbina suas sensações.

2 | Tratamento ártico no The Spa

The Spa

No The Spa do hotel Wynn as garotas deixam-se mimar por tratamentos como o Choco Latte Body Buff (esfoliação e hidratação com café e cacau orgânicos do Havaí) e o Red Carpet Wrap (para endurecimento corporal). Mas o nirvana está no Wynn Escape, que usa ingredientes puríssimos vindos do Ártico para limpar, exfoliar, nutrir e hidratar o seu corpo.

3 | O sports bar do futuro no Lagasse's Stadium

Lagasse's Stadium

Localizado no The Palazzo, o Lagasse's Stadium decreta o fim do sports bar como nós conhecemos: a atmosfera de estádio envolve em 360º as mesas, dispostas como uma arquibancada. Para completar a experiência, o chef Emeril Lagasse -- ele próprio fanático por esportes -- elevou à categoria gourmet o menu de petiscos perfeitos para assistir jogos.

4 | A longa  happy hour do Tacos & Tequila

T&T

O autêntico mexicano do Luxor tem comida tex-mex da melhor qualidade e, entre 2 e 6 da tarde, uma happy hour que dura a tarde inteira. Tempo suficiente para sua turma dar conta dos baldes de 7 cervejas Sol por US$ 18. (A qualquer hora, o combo Macho Borracho oferece 6 tacos, 6 Sol e 6 shots de tequila José Cuervo por US$ 59.)

5 | Os sabores do sudoeste americano no Mesa Grill

Mesa Grill

Se você não vai ao Novo México, o Novo México vem até você em Las Vegas, no Mesa Grill do Caesars Palace. Não perca o brunch, em que o celebrado chef Bobby Flay serve delícias como sopa de batata doce, nachos de atum e os tamales de camarão gigante.

6 | Drinks borbulhantes no Fizz Champagne Lounge

Fizz

O bar de champagnes do Caesars Palace (que tem entre os sócios David Furnish, marido de Sir Elton John) é o lugar de Vegas para você provar drinks estilosos à base de espumantes. Você nunca imaginou que o champagne pudesse ficar ainda mais divertido.

7 | O churrasco inigualável de Tom Colicchio

Tom ColicchioTom Colicchio

Heritage Steak, no The Mirage, é onde Tom Colicchio mostra quais cortes devem ser assados na chama e quais se casam melhor com o carvão. A carne vem de raças tradicionais, criadas à moda antiga, com alimentação orgânica e sem hormônios. A diferença você sente à primeira mordida.

8 | A queda livre das Tower Thrill Rides

Thrill Rides

As montanhas russas que nos desculpem, mas nenhuma ativa a adrenalina tanto quanto as Tower Thrill Rides do terraço do Stratosphere. Você vai ter a sensação por alguns segundos de cair em queda livre, para então ficar pairando sobre o skyline de Las Vegas, à altura do 108º andar. Vai encarar?

9 | O mergulho com tubarões no Shark Reef

Shark Reef

O fundo do oceano é aqui: no Shark Reef Aquarium do Mandalay Bay você pode mergulhar com tubarões brancos -- com toda a segurança, mas também com toda a emoção de estar próximo a um dos maiores predadores do mar.

10 | Dar uma volta na High Roller, a mais alta do planeta

High Roller

Não bastasse ter uma pirâmide, uma montanha russa em torno de um hotel, a mais famosa fonte musical do mundo, um vulcão que entra erupção várias vezes por noite e réplicas da Torre Eiffel e da Piazza San Marco, a Strip -- a avenida principal de Vegas -- acaba de ganhar mais uma atração imbatível: a High Roller, a única roda de observação do mundo que eleva você a 550 metros do chão (e revela Las Vegas em seu estado mais feérico).

A inesquecível experiência de Las Vegas está à sua espera. Saiba mais em VisitLasVegas.com.br!

* Posts patrocinados são publieditoriais cujo conteúdo é avaliado como útil e vantajoso para os leitores do Viaje na Viagem. As informações são de responsabilidade do anunciante.


14 comentários

Natalie Soares

O Heritage Steak é realmente ótimo smile provei um tipo de sirloin com cogumelos frescos que estava divino. O ceviche de vieira com vodka também é sensacional. Vale conferir wink

Karina Rodrigues

Ótimas dicas Ricardo! Vou viajar em outubro para Los Angeles, ficarei 10 dias, estou pensando em ir de carro até Vegas e ficar 3 dias para conhecer a cidade.Vale a pena,é a primeira vez que estou indo para Califórnia
?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Karina! O ideal seria um mínimo de 4 dias em qualquer uma das cidades. A partir do 5º dia em Los Angeles você talvez queira explorar os arredores, como San Diego ou mesmo Santa Barbara.

Luiz Ramalho
Luiz RamalhoPermalinkResponder

Concordo com o Rodolfo. Se tiveres tempo tente conhecer o Parque Nacional de Zion que eu reputo o lugar mais lindo do planeta. Desbancou Torres del Paine (experiência anterior).

Grande abraço.

Rodolfo
RodolfoPermalinkResponder

3 dias em Vegas??? Eu já estive mais de 25 vezes em Las Vegas, e cada vez que vou tem algo a conhecer. Sugiro no minimo 7 dias Vegas para conhecer, ao menos, os principais casinos e suas particularidades e atrações, o Grand Canyon (west rim) incluindo Skywalk e Hoover Dam (1 dia que vale por mil), sobrevoar Las Vegas de helicoptero, curtir uma noite na Fremont Street, a roda gigante é FANTASTICA, fazer compras (é um lugar muito bom pra isso), etc,etc, etc. Existem sites com centenas de dicas sobre LV. Dedique 0 dias em LA... transito pior que o de SP, nada diferente para conhecer a não ser o glamour das ruas de Beverly Hills (que pra mim não impressionam nada). San Diego é uma cidade linda, mas enjoa rápido.

Silvio Carlos Cury

Rodolfo, concordo. Ficamos sete dias em Las Vegas e conhecemos muito pouco. Não sei se voltaremos. Temos muito para conhecer e pouco tempo de vida - ehehehe!

Adelaide Rossini de Jesus

Não quero pagar os 6,38% de juros sobre as compras feitas pelo cartão de crédito.Existe alguma outra forma de levar o dinheiro sem risco?
Agradecida
Adelaide

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Adelaide! Para não pagar os 6,38% de IOF, só levando dinheiro vivo. Levar muito dinheiro é sempre um risco. Use o cofre do quarto do hotel e leve o dinheiro do dia em uma doleira, por debaixo da roupa.

Adelaide Rossini de Jesus

Agradecida Boia
Mas não vamos ficar em hotel algum.Estamos alugando um RV em Miami e com ele vamos percorrer até onde for possível.Ouvi falar de um depósito pré que é feito no Banco do Brasil e pode ser utilizado sem o pagamento das taxas, isso é verdade?Tenho várias doleiras uma inclusive para colocar no tornozelo uma vez que todos sabem que carregamos na cintura.As minhas tem zíper e coloco uma de cada lado e outra atrás.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Adelaide! Não somos fãs dessa estratégia não, mas levar o dinheiro em espécie é a única forma, hoje, de não pagar o IOF de 6,38%.

Débora
DéboraPermalinkResponder

Duas coisas que aconteceram comigo em Vegas: Vi uma mulher com peruca sendo presa dentro do Bellagio (épico) e tomei uma garrafada muuuito forte sem nem ser possível imaginar da onde veio a garrafa no meio da Las Vegas Boulevard.

Maria
MariaPermalinkResponder

Vou passar uma semana e Vegas e gostaria de ir ao Gran Canyon, estilo bate volta. Li em alguns lugares que compensa ir na parte SUL, mas próxima. O q você acha? Vale a pena?

Silvio Carlos Cury

Olá Maria. Estivemos no Gran Canyon, no estilo bate e volta. Fomos de helicóptero, desde Las Vegas, e após um breve sobrevôo descemos para conhecer a passarela de vidro "Skywalk". O passeio durou aproximadamente 3 horas: duas de vôo e o restante para curtir. Não recomendo. Deve ter muito mais atrações para serem vistas. Além de caro nós acreditamos não ter conhecido o Gran Canyon. Quem for de "voando" deve torcer para ir sentado ao lado do piloto ou nas janelas.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Maria! Veja o guia completo aqui: https://www.viajenaviagem.com/2011/07/vai-por-mim-grand-canyon/

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar