De São Paulo ao Sul da Bahia de carro: como estão as estradas

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

BR 418, perto de NanuqueBR 418, perto de Nanuque

Fazia muito tempo que eu não ia de carro de São Paulo até a Bahia. A última vez tinha sido em 2007. (Em 2008 eu fiz o trecho da Bahia só até Vitória, onde entreguei o carro.)

De São Paulo à Bahia pela BR 101

Como eu ia parar em Búzios e fazer o Espírito Santo, fui pelo caminho que sempre usei, a BR 101. São 1.530 km.

No geral, o caminho está muito bom. Os trechos fluminense e capixaba da BR 101 foram privatizados e estão com asfalto em bom estado e excelente sinalização de curvas. Mas há muitas obras de manutenção pelo caminho. Não fiz o trecho entre Rio Bonito e Macaé (porque fui a Búzios e segui pela litorânea -- uma burrice; tinha que ter voltado à 101 em Rio das Ostras). O caminho está duplicado de São Paulo a Rio Bonito; entre Macaé e Campos há alguns trechos já duplicados e outros em duplicação.

O fato da estrada estar privatizada entre São Paulo e o norte do Espírito Santo é meio que uma garantia de que as condições de rodagem estarão sempre adequadas.

BR 101, Sul da Bahia

BR 101, à altura do Monte Pascoal

Passando a fronteira com a Bahia, a 101 volta a ser federal -- então seu estado (ops) vai sempre depender da última manutenção feita, o que por sua vez depende de liberações orçamentárias e vontade política. O trecho da fronteira até Itamaraju está em boas condições. De Itamaraju a Eunápolis o asfalto está mais gasto e aparecem alguns buracos -- mas nada crítico. Ruinzinha mesmo está a BA 001, que sai da estrada Eunápolis-Porto Seguro e leva ao Arraial d'Ajuda e a Trancoso. Tem umas crateronas que exigem atenção do motorista.

Meus pitacos:
O melhor jeito de fazer esse percurso é parando no caminho. Há quatro ótimos pontos de parada: Rio, Búzios, Vitória e Itaúnas. Escolha dois na ida e dois na volta e fique duas noites em cada. Assim, você viaja um dia e descansa o outro.

Caso queira fazer um corridão, vá se revezando na direção e não rode à noite. A presença de caminhões lentos e a irresponsabilidade de motoristas torna nossas estradas perigosas de dia e ultraperigosas à noite. Pare e durma. O meio do caminho pela BR 101 é em Cachoeiro do Itapemirim. Dá para fazer em dois dias, dirigindo só durante o dia.

De SP à BA pela BR 116: o último trecho de Minas

Muita gente que não quer ir parando pela costa pega um diretão pela BR 116 até Teófilo Otoni, entrando na Bahia pela BR 418, que passa por Nanuque e chega ao litoral baiano à altura de Nova Viçosa, antes de Teixeira de Freitas. Desde São Paulo são 1.590 km.

Eu nunca fiz esse caminho inteiro, mas desta vez, como fui de Porto Seguro para Minas, acabei pegando o trecho final, entre o sul da Bahia e Governador Valadares.

BR 116

BR 116, entre Governador Valadares e Teófilo Otoni

O trecho da BR 116 que peguei, entre Governador Valadares e Teófilo Otoni (140 km) estava OK, com asfalto em bom estado, comparável ao melhor trecho federal da 101 (entre Mucuri e Itamaraju). Gostei que havia mais "terceiras pistas" em subidas; achei bem mais comum isso nesse trecho da BR 116 do que em todos os da BR 101 (não-duplicados) que peguei.

Já a estrada entre Nova Viçosa e Teófilo Otoni, a BR 418, é bonita e tem tráfego beeeeeem mais fluido que as BRs principais. Entre Teófilo Otoni e Nanuque há alguma sinuosidade, mas entre Nanuque e a Bahia é praticamente um retão. O asfalto estava excelente.

Meus pitacos:
Não tendo feito o caminho inteiro, o meu pitaco é teórico, mas acredito que valha. Evite viajar à noite, é muito perigoso. Se quiser fazer o primeiro dia render muito, saia de madrugada de São Paulo, para pegar noite ainda nas estradas duplicadas, e vá revezando na direção. O meio do caminho dá mais ou menos em Caratinga.

E a sua experiência?

Você foi recentemente do Sudeste ao Sul da Bahia de carro? Qual caminho escolheu? Um desses, ou ainda a Fernão Dias via Belo Horizonte? Compartilhe com a gente, obrigado!

Leia mais:

70 comentários

Edward Firmo
Edward FirmoPermalinkResponder

Eu faço muito SP / Belo Horizonte pela Fernao Dias e a estrada é excelente, com pedágios baratinho (deve sair uns R$15,00 ou menos pelo trecho completo).
O problema fica na saída de Belo Horizonte para João Monlevade. O asfalto até não é ruim, mas a estrada é muito movimentada e cheia de curvas, tornando o percurso perigoso e cansativo. Agora ainda há obras de duplicação que podem te obrigar a fazer algumas paradas chatas, que podem acontecer mesmo onde não há obras, mas por conta de um eventual acidente.

Passando Monlevade a estrada flui bem até Governador Valadares, onde você cai no percurso que você já descreveu.

Eu certamente iria por este caminho, pois a ida até BH é rápida, toda duplicada. Ainda que mais longo um pouco, você ganha um tempinho aí e ainda cansa menos.

Filipe
FilipePermalinkResponder

Já fiz várias vezes BH/Trancoso. O trecho todo tem asfalto bom, praticamente isento de buracos, o que varia mais é a condição da sinalização. De BH até Ipatinga, trânsito pesado, o que torna a viagem lenta. De Ipatinga até Teofilo Otoni, o trânsito diminui progressivamente. O filé da viagem é Teofilo Otoni/Nanuque, a estrada do boi. Praticamente vazia o ano todo, visual bem bacana, asfalto regular e um traçado que é uma delícia. De Nanuque para frente é um retão até a 101, asfalto bom. Na 101 Bahiana realmente a estrada está bem velha, traçado antigo e buracos são mais comuns. Pessoalmente gosto muito de fazer essa viagem, o ideal é ir de BH até Teixeira de Freitas, 720 km. Dorme lá e termina de chegar no outro dia. Abraços e boa viagem.

mirella matthiesen

Eu ainda sou doida pra fazer essa viagem ... quem sabe um dia sai smile
bjin

Pietro Araujo
Pietro AraujoPermalinkResponder

Eu morava em Natal e vim morar em Colatina/ES, então todas as oportunidades que me dão uma semana livre eu volto pra Natal de carro e rodo aproximadamente 2.200 km. Grande parte pela BR 101. Creio que o pior trecho é de Maceió a Recife, então sempre vou pela BR 104 até Campina Grande e de lá sigo por rodovias estaduais até Natal. É um trajeto de aproximadamente 28 horas. Por que de carro? Amo interagir com a paisagem smile

Tiago
TiagoPermalinkResponder

Bom, tenho a grande vantagem de morar em Vitória e estar na metade desse caminho todo. =)
Realmente as condições da BR 101 no ES melhoraram muito. Mas a verdade é que a grande melhoria mesmo só virá com a duplicação.
Para quem tem tempo e quer explorar caminhos alternativos, eu sugiro a Rodosol no Espírito Santo, que segue paralela à 101 e vai margeando todo o litoral de sul a norte. Você anda mais, mas o tráfego de carros e caminhões é bem menor e o visual compensa. A melhor pedida é pegar a entrada para Piúma alguns quilômetros depois de Iconha e seguir pelo litoral até Vila Velha/Vitória.
Passando Vitória, também há opção de seguir pelo litoral ao invés da BR. É só seguir pela ES 060, na Serra, e seguir subindo pelo litoral. A rodovia acaba na BR um pouco antes de Linhares e garante boas paisagens.
Mas é claro que essas opções são só para quem tem tempo e quer ir curtindo o trajeto.

Antonio Corrêa

Faço o trajeto São Paulo Arraial d' Ajuda até duas vezes por ano. Já testei vários caminhos, com estradas pouco utilizadas, mas o melhor trajeto nos quesitos tempo, segurança e economia de combustível é pela Fernão Dias até BH, João Monlevade, Governador Valadares, Teófilo Otoni, Nanuque. São 1.520 kms totais que faço em duas fases: saio de madrugada de SP e durmo em Nanuque, são 1.190 kms. Gosto muito de dirigir e acho esse trajeto menos cansativo no início e no fim. No dia seguinte são "apenas" 330 kms. Chego no Arraial por volta do meio dia com direito a um bom almoço e caminhada na praia. De qualquer forma a viagem rodoviária tem riscos claros de acidentes necessitando planejamento, manutenção do veículo e atenção absoluta com os caminhoneiros cansados e com os motoristas menos experientes.

Marcelo
MarceloPermalinkResponder

António,

desculpe incomodar más estou indo passar o natal em arraial com a familia vamos de carro gostaria de conversar ter conselhos e dicas de quem já fez esse percurso, será nossa primeira vez

Refinas
RefinasPermalinkResponder

Olá estou planejando ir a Arraial de BH pelo trajeto indicado por vc Antônio, mas como vou com uma criança de 3 anos no carro pensei em dirigir no máximo 5 hrs por dia qual cidades são melhores para pernoitar? Tem dica de algum lugar com custo/benefício bom para indicar?

Jessica
JessicaPermalinkResponder

Olá, vc conseguiu alguma dica de lugares para pernoitar???

Raquel
RaquelPermalinkResponder

Fique em Teofilo Otoni, bem no meio do caminho. O Hotel das Palmeiras tem bom preço e uma ótima piscina para relaxar no fim da tarde. Há um restaurante legalzinho em frente que serve picanha ou carne de sol na chapa, pizzas, etc. Reserve antes!

Renato
RenatoPermalinkResponder

Antonio Correa, boa tarde. Estou indo esse sabado para Porto Seguro de carro, por gentileza pose passar o seu telefone para pegar umas dicas com voce, vou fazer esse caminho. Obrigado meu e-mail renato.serafim@assistcare.com.br

Tati
TatiPermalinkResponder

Que ótimo post. Moramos em Recife e temos família no Rio. Sempre bate a vontade de irmos de carro, mas nunca rola. Vou fazer pressão para a família se animar.

MARCIO KUNTZE
MARCIO KUNTZEPermalinkResponder

Alguém tem dicas do caminho para o sul da Bahia, partindo de Brasília??

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Marcio! Vamos compartilhar sua pergunta no Perguntódromo. Havendo resposta, aparecerá aqui!

MARCIO KUNTZE
MARCIO KUNTZEPermalinkResponder

Valeu A Bóia

A. L.
A. L.PermalinkResponder

Se for a Porto Seguro ou pontos ao norte, a rota mais viável é essa: http://goo.gl/maps/cCIhp

Tatiana
TatianaPermalinkResponder

Vou fazer essa mesma viagem em janeiro, com duas crianças... Na verdade, vou até Santo André. Dica de lugar para parar pra dormir? Essa rota está transitável? Valeu!!!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tatiana! Santo André fica 25 km depois de Porto Seguro, pela orla. A estrada é boa. Tem uma balsa, só isso.

Os lugares para parar no caminho estão no texto, o caminho não difere absolutamente nada.

Tatiana
TatianaPermalinkResponder

Valeu, Bóia!

Rodrigo Santos

Quando vou do Rio de Janeiro à Sergipe, sempre fui pela BR-101.
Saio do Rio 5h e chego ao anoitecer, por volta das 19h em Teixeira de Freitas-BA.

Fernando
FernandoPermalinkResponder

Olá, 2 perguntas,
1a) como está a estrada de acesso a Cumuruxatiba (30 km de terra). Passa bem com chuva ???
2) Arraial d'Ajuda, sofre muito com o excesso de turistas (estudantes) nessa época do ano (Outubro) ???
Grato

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernando! Na semana do saco cheio o Arraial fica animado, mas insuportável mesmo fica Porto Seguro.

A estrada de Cumuru é passável o ano inteiro. Com chuva seu carro será mais exigido.

Fernando
FernandoPermalinkResponder

Grato Bóia !!! (Ahhhh, valeu muuuito ter vindo aqui no site antes de fazer Inglaterra e França de trem...!!!)

andre
andrePermalinkResponder

Obrigado pela postagem. Me ajudou muito. Vou de Campinas para Salvador em breve e cogitei ir pelo RJ e ES, mas acho que vou seguir até Nanuque e, dali, subir a BR-101.

fernanda
fernandaPermalinkResponder

Olá! Seguindo pela 101, o trecho que vai do Rio até Conceição da Barra tem alguma parte duplicada? Obrigada!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Fernanda! A estrada é duplicada até Rio Bonito. Depois, está duplicada somente em alguns trechos curtos, antes de Campos. No Espírito Santo a estrada tem pista simples em todo o estado.

Valter
ValterPermalinkResponder

Estou indo para Teixeira de Freitas dia 20/12/14, é melhor ir pela 101 passando pelo ES ou pela 116 até Nanuque, qual trecho melhor?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Valter! O que sabemos está comentado no texto. Leia os comentários dos leitores também.

Valter
ValterPermalinkResponder

Vlw Bóia! depois de analisar os comentários, decidi ir pelo litoral, abração e felicidades!!!

Jessica
JessicaPermalinkResponder

Olá, vcs não tem dicar de hotéis para dormir e lugares para comer no caminho?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Jéssica! Recomendamos verificar disponibilidade e preços no Booking;

carlos freitas

costumo passar o carnaval em GURIRI (São mateus/ES) saindo de BH (a noite 22 horas) indo até Gov. Valadares, Central de Minas, Mantena, Barra do São Francisco, Vila Pavão, Nova Venécia (CUIDADO COM MECÂNICOS TRAMBIQUEIROS E DESONESTOS NESTA CIDADE - GUINCHOS E ETC... MÁFIA DO ASFALTO)., São Mateus e Guriri. Devido ao relevo de MInas Gerais há muitas curvas perigosas entre BH e João Monlevade, pistas simples (maioria). Cuidado também em Central de MInas com queda de barreiras em época de chuvas e afundamento asfalto. Se vc não conhece esses trechos, EVITE VIAJAR A NOITE, SÉRIOS RISCO DE ACIDENTES!!! De Guriri costumo também ir até Dunas de Itaúnas/ Conceição da Barra (retão, bem pavimentada mas pista simples) e depois já em solo baiano até CUMURUXATIBA (passando por Pedro Canário, terrinha meus parentes: Teixeira de Freitas, Alcobaça, Prado e CUMURUXATIBA). Solo baiano, alguns retões com aclives e declives que em época de chuvas formam bolsões água na estrada ( CUIDADO ),evite grudar nos caminhões e carretas, pistas simples e não tentem ultrapassar carretas se um carro de baixa cilindrada e torque (populares 1.0) estiver a sua frente já ultrapassando o "pesado", pois carreteiros não tiram o pé do acelerador para embalar o bichão e vc não vai ter tempo e espaço suficientes para voltar a sua mão de direção. Próxima viagem será de BH até Cumuruxatiba passando por Teófilo Otoni/MG até chegar em Teixeira de Freitas e Cumuru. No mais, boa viagem a todos por esse nosso Brasil. Feliz Natal e 2015 de paz, saúde e prosperidade. Obrigado pelas dicas das estradas saindo de BH até o sul da BA.

Ovídio Marques

Moro em Niterói RJ, saio as 5 da matina pela 101, passo por Campos entre 9 e 10 horas, já almoço em território capixaba, depois uma esticada até Linhares onde dormimos(640 km), no dia seguinte esticamos ate Porto Seguro(450 Km), tranquilo!!!

Valter
ValterPermalinkResponder

Saí do Rio às 05:00 hs pela BR 101 com destino a Teixeira de Freitas-BA, percurso tranquilo, cheguei às 18:00 horas e fiz varias paradas, apesar de ainda não está duplicada as pistas, mas em boas condições de trafego. Um detalhe negativo é a quantidade de pedágios com as obras ainda no início.

Tulius
TuliusPermalinkResponder

Olá, estou fazendo o trajeto Salvador - Belo Horizonte e gostaria de dicas sobre a melhor estrada. Não precisa ser necessariamente o melhor visual, mas preferencialmente condições de pista e tráfego. Muito Obrigado! Ps: viajo em 5 dias!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tulius! Vá pela 116 até Teófilo Otoni, então pegue a estrada para Nanuque e Bahia.

Victor
VictorPermalinkResponder

Ja fiz o trajeto SP / Teixeira de Freitas 2 pela Dutra BR101 e a ultima pela Fernão Dias, E estou indo mês que vem novamente, e sem sombra de duvidas vou pela Fernão!!!

De Sp até BH não tem o que reclamar estrada ótima, muito bem sinalizada, duplicada.

Após BH ela continua boa, mas menos sinalizada e não duplicada e muitas carretas a 10 km/h na serra. porém com prudência, a viagem segue tranquila (afinal quem está indo se divertir, não precisa correr que nem louco).

Angélica Correia

Quero ir pra Trancoso e vi que o mais próximo é o aeroporto de Porto Seguro... mas os vôos são caríssimos!! Alguém sabe explicar pq? estou vendo para março ...uma média de 1200,00 por pessoa (!!!!)
Sai (bem ) mais em conta ir de carro não é? Sou de Santos/SP

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Angélica! Espere para comprar nos fins de semana de promoção. Se estiver pensando em viajar na semana da Páscoa, realmente vai pagar caro.

Terezinha Lauermann

Olá ! Alguém tem infirmações sobre a BR 101 sentido Rio São Paulo. Quero ir para Curitiba mas não gostaria de passar pelo centro de São Paulo.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Terezinha! Você virá pela Dutra e usará a Marginal Tietê.

Reinaldo
ReinaldoPermalinkResponder

olá, apesar de ter sido feito a pergunta em 2015, vindo pela Dutra vc deve pegar o rodoanel depois de Santa isabel e vai ate a rodovia regis bitterncurt!

marco antonio de oliveira

Na quinta feira passada dia 6 de agosto de 2015 sai de minha casa em Araucaria Parana na região de Curitiba, peguei meu FIAT UNO MILLE, cai na estradas 15;00 horas fui em direção a Salvador, fis o trajeto Regis Bitencurte ate São Paulo, parei na casa de meu irmão que mora na região de COTIA, as 4;00 horas da manha peguei a estrada em direção ha Fernão Dias para BH, almocei em BH e toquei ate uma cidadezinha perto de Jequié, resumindo no Sábado as 20 horas estava chegando em Salvado Bahia, esta viagem foi muito boa as belezas naturais de nosso pais são inigualáveis, valeu apena fazer 2370 quilômetro para conhece-las, no fim do mês de Agosto retorno a Curitiba com meu FIAT UNO MILE, abraco a todos os estradeiros.

Paulo Henrique

Fiz Vitória a São Paulo de carro em agosto...Por já conhecer o litoral, optei por um caminho alternativo à óbvia Dutra / BR-101:
Na verdade, eu estava de mudança e tinha três dias livres, então fiz com calma...
Peguei a Ayrton Senna / Dutra fiz uma parada em Aparecida-SP e à tarde saí para Vassouras-RJ, onde eu pernoitei. O inconveniente deste trecho foi o trânsito intenso para cruzar Volta Redonda-RJ e pegar a BR-393.
Todo trecho até Volta Redonda é sabidamente muito bom, e a BR-393 até Vassouras, apesar de pista simples, também é bem estruturada e sinalizada.
Em Vassouras, passei o dia seguinte e aproveitei para conhecer uma fazenda colonial, a Cachoeira Grande (fantástica visita!), além da parte histórica da cidade, que é muito simpática. Fiquei hospedado no Mara Palace Hotel, certamente um dos melhores da cidade.
No terceiro dia, fiz o trecho Vassouras - Vitória passando pelo restante da BR-393 até a divisa do RJ com o ES. Este trecho é mais sacrificante porque até Além Paraíba-RJ, a estrada corta várias cidades pequenas e o trânsito é lento nessas cidades, muito embora ainda seja privatizado e a qualidade da estrada boa. Depois de Além Paraíba, há um pequeno trecho em MG que é bem tranquilo, apesar de ser estatal ainda. Ao retornar ao RJ, a BR-393 continua sem ser privatizada, e o piso é bem irregular, sem pontos de ultrapassagem: este foi o pior trecho da viagem, apesar de não ter havido maiores problemas.
Entrei no ES, após cruzar a cidade de Bom Jesus do Itabapoana e acessar a BR-101 por um trecho da ES-297, que corre paralelamente à divisa ES-RJ. A BR-101 no ES está toda privatizada e bem sinalizada, embora com pista simples. O movimento de caminhões é grande e o trecho próximo a Iconha-ES é o pior por ser sinuoso e sem pontos de ultrapassagem. Uma alternativa é pegar a ES-010 (Rodovia do Sol), que entre Guarapari e Vitória é duplicada.
Por fim, para quem que conhecer o melhor do trecho, talvez esse não seja o melhor caminho, por não passar pelo litoral do RJ, que tem o Rio e Búzios como pontos fortes. Mas para fugir da movimentada BR-101 no trecho fluminense e conhecer o Vale do Paraíba foi uma boa alternativa.

Carlos Batista

Ha 15 anos viajo de S.Paulo para Porto Seguro pois tenho casa por lá. Antes viajava pela Dutra/Av.Brasil/Ponte/BR101. Partia ás 00hs de Guarulhos para atravessar a Av Brasil ás 5:00hs (antes do movimento matinal).
Atualmente viajo pelo trecho citado por nosso amigo Paulo Henrique para evitar cruzar a Av. Brasil. Realmente tem alguns trecho que não são bons mas viajar pelo Vale do Paraiba é muito agradável. Ja tentei fazer outras rotas mas vou continuar com essa.

Raquel
RaquelPermalinkResponder

Faço muito BH/Trancoso. Um lugar bom para pernoitar nesse trajeto é Teofilo Otoni. O Hotel das Palmeiras fica à margem da rodovia e é ótima opção. Em Nanuque indico o Hotel Panorama. Na volta, gosto de sair de Trancoso só no fim do dia e pernoitar em Teixeira de Freitas. Nesta cidade prefiro os hotéis di centro, mais novos e baratos que os à margem da estrada. Quanto à estrada, não é uma maravilha no geral, pois não é duplicada, mas até que é boa. Os trechos perigosos ficam entre BH/Monlevade e na 101 até Eunápolis. A estrada após o trevo de Ajuda/Trancoso está bem esburacada, mas é um percurso mais curto, com paciência (e esperança de ver aquele marzão lindo) dá para levar.

Antonio Bastos

costumo ir pra Baia, saindo do litoral de São Paulo. Vou até S P, de lá , pego a Fernão Dias, até Betim, antes de entrar em Belo Horizonte, pego a BR 040, sentido Brasília, vou até o KM 425, mais ou menos. Então entro à direita, BR 135, sentido Montes Claro. chegando lé, pego a BR 251, e vou até a BR 116, já chegando na divisa da Baia. É muito boa ! o tráfego é suave, com poucas curvas e serras. Nem parece que é estado de Minas. É o melhor caminho , pra quem quer ir pra Baia.

Cila
CilaPermalinkResponder

Eu e meu marido fizemos o percurso de Londrina - PR até Salvador. Passamos por Uberlândia onde ficamos por uma noite assim com em BH que eu queria muito voltar no Mercado Municipal.Seguimos para Vitória, mas passei por Linhares, onde temos amigos. Uma noite em Vitória, passamos o Reveillon em Porto Seguro depois Ilhéus, Feira de Santana, Lencóis na Chapada Diamantina, com direito a escalar o morro do Pai Inácio e, finalmente Salvador. As estradas do Espírito Santo tem muitas curvas sendo necessário muito cuidado. Há muuuuita fiscalização eletrônica, forçando o motorista a manter maior segurança no percurso. Na Bahia a pista na 101 está boa, mas quase não tem terceira faixa o que me fez ficar atenta o tempo todo, pois meu marido vez ou outra queria se aventurar a ultrapassar em lugares perigosos. Eu fui de copiloto já que ele prefere dirigir. O percurso é maravilhoso. Não conhecia a Bahia e meu sonho era fazer esta viagem de carro. De Londrina a Salvador gastamos cerca de 100,00 de pedágio. Voltamos por Brasília, Goiânia e Itumbiara. De uma forma geral, as estradas estão boas apesar da necessidade de duplicação.

Jeanison Barreira Barbosa

Fiz o caminho para garanhuns-pe , sai de São Paulo rodei de dia e pousei um Ipatinga-mg a Fernão dias está em boas condições, na br 381 perdemos muito tempo na região de João monlevade. Chegando na br 116 norte de minas uma porcaria, muita curva , muitos caminhões lentos e buracos que pegam metade da pista. Chegando na via bahia br 116, apesar de ter chovido muito e devido ao trafego pesado apareceram buracos, mas diferente de minas a estrada e bem sinalizada e a pista reta em praticamente toda a extensão. Chegando em Alagoas pela br 423, por incrível que pareça foi o melhor trecho, bem sinalizada, poucos caminhões, pista reta e praticamente nenhum buraco. Chegando em garanhus, que aliás está faltando água, e prefeito lento, resolvemos depois de alguns dias ir até caruaru, excelente pista duplicada.

Denise Donadio

Olá, muito interessante os conselhos de quem já viveu esta experiência. N próximo dia 08 de março vou sair de São Paulo com destino à Salvador/BA - quero fazer uma parada em Buzios, outra em Guarapari, outra em Porto Seguro, e depois Salvador. Não gostaria de entrar no Rio de Janeiro e nem atravessar a Ponte Rio Niterói para chegar na região dos Lagos para chegar em Buzios, o que vocês me aconselham? Muito obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Denise! Você terá que seguir pela BR 116 e passar por Magé.

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

Denise, a melhor opção é pela Ponte.

ROSANGELA BATISTA KAWAKAMI

Gostaria de agradecer a sua dica Antonio Correia, eu e meu marido fomos para Arraial d'ajuda no dia 09/06/2016 pela Fernão Dias, saímos as 07:00 hrs da manhã chegamos em Governador Valadares as 19:00 hrs, paramos para dormir, e seguimos viagem as 8:00 hrs da manhã e finalmente chegamos em arraial as 19:00 hrs, não conseguimos fazer o mesmo tempo que o seu Antonio, pois fizemos várias paradas, mas adoramos o trajeto, gastamos pouquíssimo de pedágio...Na volta optamos por voltar pelo Espírito Santo, gastamos muitissímo de pedágio e achei mais cansativo e foi um pouco mais complicado pra achar um lugar pra dormir em Guarapari...Quem estiver pensando em viajar de carro, viaje sim, pra mim foi uma experiência maravilhosa, claro que temos que tomar cuidado, revisar o carro, dirigir de dia, mas vale muito a pena.

RICARDO CAETANO

Em Junho de 2014 fiz minha tão sonhada viagem de Carapicuiba a Eunapolis extremo sul da Bahia ,com minha Esposa e meu filhinho que na epoca completou 01 ano de vida justamente no dia que saimos de viagem .fui pela Dutra ate Volta Redonda ,onde peguei a Br 393 ate Alem Paraiba ,onde entrei na Br 116 á famosa Rio-Bahia e fui até Teofilo Otoni onde sai para a Br418 , que liga a Br 116 á Br 101 dai segui ate meu destino , sem que muitos não gostam de trajeto e preferem ir pela Fernão Dias , porem quando chegam em Governador Valadares , dai em diante e o mesmo caminho que mencionei.Eu Particurlamente gostei muito do trecho que fiz e pretendo voltar ano que vem pelo mesmo caminho, as paisagens são lindas e vc indo sem pressa , com calma com certeza ira curtir muito a viagem.Abraço a Todos

Carllo Guilherme

Parabéns ao autor do blog, Ricardo Freire, e aos internautas que comentaram na página! Vou de Vitória (ES) à Porto Seguro este mês, e é sempre bom ler algumas dicas de quem já fez o trajeto.

Estradeiro BH
Estradeiro BHPermalinkResponder

Belo Horizonte / Porto Seguro / Arraial d'Ajuda / Trancoso / Itacaré

Olá Pessoal.

Vou contar um pouco da minha viagem de Belo horizonte para o Sul da Bahia.

Belo Horizonte / Porto Seguro / Arraial d'Ajuda / Trancoso / Itacaré

Ida: 19/11/2016
Retorno: 28/11/2016

Caminho de ida (940 km) : Belo Horizonte - João Monlevade - Ipatinga - Governador Valadares - Teófilo Otoni - Nanuque - Trevo BR-101 - Teixeira de Freitas - Eunápolis - Porto Seguro - Arraial d'Ajuda

Este foi o caminho de Belo Horizonte ate Arraial d'Ajuda. Fomos pela BR-381 até Governador Valadares,depois seguimos para Teófilo Otoni. Após Nanuque uns 50 km entramos na BR-101 até Eunápolis. Em Eunápolis tem a entrada para as praias (Porto, Arraial , Trancoso) da uns 60 km ate Porto Seguro , mas na metade do caminho tem um entrada para Arraial d'Ajuda e Trancoso. Outra opção é ir de Eunápolis até Porto seguro e atravessar de balsa até Arraial.

Depois de alguns dias , fomos de Arraial d'Ajuda para Itacaré. (380 km)

Arraial d'Ajuda - Eunápolis - Itabuna - Ilhéus - Itacaré.
Entrar dentro de Itabuna sentido a Ilhéus é uma boa opção , a estrada em volta de Itabuna é horrível.

Caminho de Volta (1200 km) : Itacaré - Ilhéus - Itabuna - Eunápolis - Teixeira de Freitas - Trevo BR-101 - Nanuque - Teófilo Otoni - Governador Valadares - Ipatinga - João Monlevade - Belo Horizonte.

Vou contar mais detalhes da nossa viagem.

Partimos de Belo horizonte rumo a Porto seguro , dia 19/11/2016 um sábado , as 07:00 da manha. Fomos em um Fox 1.0 2013 , 4 adultos. Chegamos 21:40 em Arraial d'Ajuda.
O caminho percorrido foi pela BR-381 ate João Monlevade , cuidado o Google Maps manda ir por Itabira , mas é só seguir a BR-381. Estão duplicando a BR 381 , as obras estão intensas entre o trevo de Sabará e Caeté , na ida passamos por lá umas 8:00 sábado , não tinha ninguém trabalhando , na volta passamos terça-feira 12:30 muitas maquinas e operários , transito intenso e lento e um calor de 36 graus. A rodovia entre Belo horizonte e João Monlevade tem muitas curvas e bastante caminhões, estrada esta boa. João Monlevade até Ipatinga pista boa sem problemas.
Os problemas começam apos Governador Valadares, muitos buracos na pista até Teófilo Otoni. Entre Frei Inocêncio e Teófilo Otoni neste trecho foi a pior parte da viagem em relação a estrada , muito e muito buracos fundos na pista , atenção redobrada neste trecho. Teófilo otoni até Nanuque os buracos na pista vão diminuindo. Depois de Nanuque a estrada melhora bastante , andamos um pouco e chegamos na divisa Bahia/Minas Gerais. Nesta parte ate o trevo da BR-101 pegamos um trecho de 30 km de reta, pista um tapete.
Sou mineiro de BH , as estradas do sul da Bahia são um tapete em relação as estradas de Minas , muito mas muito melhores.
Continuando a viagem , passamos por Teixeira de Freitas , sempre pela BR 101 , pista em ótimas condições , mas pista simples e muitos caminhões. Entre Teixeira de Freitas e Itamaraju foi a parte mais lenta da viagem , muitos caminhões e muitas curvas.
Chegando em Eunápolis , tem as entradas para as Praias (Porto seguro , Arraial e Trancoso). Tem duas opções para ir ate Arraial d'Ajuda e Trancoso. Uma delas é ir ate Porto seguro e atravessar para Arraial pela balsa , tem balsa de 30 em 30 minutos , depois das meia noite de 1 em 1 hora. A outra opção é pela estrada , entre Eunápolis e Porto seguro tem uma entrada para Arraial d'Ajuda e Trancoso , a estrada estava boa. Na ida fomos pela balsa a noite e com chuva , na volta viemos pela estrada e de dia. As duas opções são boas.
Saímos de Belo Horizonte 07:00 chegamos em Porto Seguro as 21:15 , estávamos em Arraial d'Ajuda 21:40. Pegamos a balsa das 21:30. Fui dirigindo sozinho todo o percurso , muito cansativo para uma pessoa, mas da pra fazer.
Pegamos muita chuva no percurso o que atrasou muito a viagem, apesar de não chover muito nas regiões que passamos, não demos sorte. Deveria ter saído mais cedo de Belo horizonte.

Na segunda parte da Viagem fomos de Arraial d'Ajuda até Itacaré , estrada boa. Voltamos para Eunápolis e seguimos para Itabuna , na ida passamos por fora de Itabuna sentido a Ilhéus uns três km de estrada de buracos, é melhor passar por dentro de Itabuna sentido a ilhéus. Entre Ilhéus e Itacaré tem alguns buracos , mas nada comparado com as estradas de Minas.
Na volta partimos de Itacaré segunda feiras 28/11 as 9:00, mas tivemos um probleminha em uma roda do carro e paramos em Ilhéus para resolver, nada demais. Saímos as 11:00 de Ilhéus , paramos em Nanuque as 19:30 , dormimos em Nanuque. As 05:30 da terça-feira dia 29/11 estávamos na estrada de novo as 14:00 chegamos e Belo horizonte. Na volta estavam tampando os buracos entre Teófilo otoni e Governador Valadares. A viagem é muito cansativa , é pra quem gosta mesmo de dirigir e tudo vale a pena quando chega nas praias maravilhosas da Bahia.

Sempre viajar durante o dia , buraco não da pra ver de noite, alem de ser difícil achar qualquer auxilio durante a noite .

Essa foi minha experiencia, para quem vai para o sul da Bahia , espero ajudar =)
Desculpe os erros de portugues.

Meu email: mtsvilasboas@gmail.com

Clodoaldo Augusto perboni

Olá pessoal! Pbéns ao colega que nós proporcionou esse espaço de comentar sobre as viagens ao sul dá Bahia...Eu tbem junto com minha esposa e mais um casal de tios fazemos essa viajem tdo ano assim que possível, moramos em uma pequena cidade do estado de são Paulo chamada Cabreúva, temos parentes Almenara norte do estado de MG divisa com a Bahia...Nosso caminho primeiro é sair de Cabreúva SP ir até santa luzia MG para fazermos nossa primeira parada, um sítio aconchegante de um casal amigos dá família que nos acolhem com mto carinho, agente chega a tarde e logo de manhã por volta das 7:30 HS tomamos aqle café mineiro do sítio e proceguimos nossa viajem, até então pararmos para almoçar em uma churrasqueira em Ipatinga mto boa por sinal, depois para a viagem não ficar tão cansativa paramos em Teófilo Otoni para hospedar no hotel real, no outro dia de manhã saímos e seguimos pela BR 418 sentido a BR 101 o caminho nós proporciona várias paisagens lindas como as montanhas de pedras onde paramos no posto caladão para tirarmos fotos e tomarmos um sorvete, após chegarmos na BR 101 vamos parar para almoçar e então por volta das 15;00hs chegarmos em porto seguro...No outro dia é só desbravar essa linda cidade e arredores...Após curtimos a praia de taperapuã seguiremos até arraial a noite na feira noturna , no outro dia curtiremos o eco parque em arraial, show de bola , no outro dia subiremos até santa cruz Cabrália e curtimos tdo por lá , após alguns dias de curtição seguiremos para Almenara MG onde os parentes nos esperam com mto carinho...grato. se puderem fazer esse caminho irão gostar mas lembrando tem que gostar de dirigir.

Raphael Cruz
Raphael CruzPermalinkResponder

Boa noite pessoal!!

Estou indo para a Chapada Diamantina BA saindo do RJ, tenho duas ótimas opções, BR 101 e BR 116, já viajei duas vezes para Porto Seguro pela BR 101 e conheço bem o trajeto, entretanto vi que é mais rápido pela BR 116. Alguém aqui já fez este trajeto e poderia me dar uma dica? Neste período de carnaval a BR 101 fica muito congestionada e a BR 116?

Obrigado!

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Raphael! O caminho mais curto é pela 116. No carnaval há congestionamento na saída das cidades grandes. O caminho do Rio até Rio Bonito (entrada para Búzios) estará mais engarrafado do que a 116. Waze ou Google Maps indicam o caminho menos demorado no momento.

Suricato
SuricatoPermalinkResponder

Agora mesmo eu estava na rodovia Tamale-Navrongo no Gana na África. Para ser rápido, vi 2 coisas que en passant comento : uma caminhonete ZX grandtiger novinha e toscos barracos de vendedores parecidos com uns que a gente vê na beira de estrada no Brasil. Há muito mito de que a coisa lá é feia. O mundo vai-se equalizando. Gana é pobre, mas se estiver à margem da história, nós também estamos...

Rubens
RubensPermalinkResponder

Fiz a viagem de carro de São Paulo a Porto Seguro indo pela 381. O trecho ruim é de BH para João Monlevade MG depois melhora bastante. A parte do Sul da Bahia está muito boa e todo trajeto tem visual incrível. Sai de casa as quatro da manhã e cheguei em Teófilo Otoni as 19:00 para descanso e segui no dia seguinte chegando em Porto Seguro as 13:00, adorei ir de carro e recomendo

Pedro Gilberto

Fiz em janeiro 2017 uma viagem de praia grande sp até salvador
Primeiro​ trecho dormi em Curvelo MG, outro trecho dormi em Brumado na BA.
Trajeto feito por Guanambi paralelo a vitória da conquista, estrada ótima e sem tráfego pesado.

BA -> RS
BA -> RSPermalinkResponder

Fiz o trecho de Salvador, BA até Bento Gonçalves, RS em janeiro de 2017. Apesar de ter estudado o trajeto e visto que alguns trechos eram melhores pela BR116, optei por fazer tudo pela BR101. Realizamos 5 paradas mas é possível fazer em 4. Saindo de SSA paramos em Arraial D'Ajuda(2d) e Trancoso(1d). Seguimos até Campos dos Goytacazes onde apenas pernoitamos. Seguimos até Paraty (3d) e depois para Joinville onde novamente pernoitamos. Seguimos ate Criciuma onde novamente pernoitamos para no outro dia chegar em Bento Gonçalves, RS completando exatos 3.650km rodados.
Dicas e dados:
* Jamais viajamos a noite e saíamos sempre muito cedo para pegar estrada. Noite eventualmente na chegada à cidade onde ficaríamos;
* Usar algum programa de GPS ajuda muito a fim de identificar os controladores de velocidade e melhores situações de ultrapassaqgens (retas apos as curvas). Usei WAZE e mesmo asim, alguns não estavam cadastrados no sistema. Ao total acredito que passamos por mais de 300 controladores;
* Busquei manter velocidade média de 70km/h (isso considera paradas, almoços, pedágios...);
* A estrada não é 100% mas não tivemos problema algum com pneu furado. Os piores trechos estão no sul da Bahia com grande destaque para as BAs 001, 986 e BR 367 as quais dão acesso a Trancoso e Arraial D'Ajuda. Buracos que podem não só furar pneu mas danificar seriamente a suspensão e a frente do carro;
* Ganha-se muito tempo e segurança fazendo-se uso de algum sistema pré-pago de pedágios, principalmente por não precisar ultrapassar caminhões lentos 2x. São mais de 15 praças.
* Vale muito a pena pelas paisagens com destaque para RJ, BA e ES além dos períodos de estadia nas cidades litorâneas;
* Levei 9 dias mas é plenamente possivel fazer, revezando a direção, em 5 dias ou até em 4 sem pegar estrada a noite ou abusar da velocidade. Ganha-se em tempo mas perde-se de conhecer cidades fantásticas!

elaine moura
elaine mouraPermalinkResponder

Que top esse site!!! Amei as informaçoes reais de viajantes reais...
Estou programando minha viagem de SP a Itararé e a minha maior preocupaçao sao as condiçoes das estradas.... Minha ideia é ir em 2 dias ... sem muitas paradas ... e na volta ai sim vir fazendo paradas... em Trancoso, Arraial d Ajuda, Guarapari, Cabo Frio e Arraial do Cabo. Por isso penso em ir pela estrada mais rapida e de melhor condiçoes e voltar por esse roteiro...
Curti e ja vou aproveitar diversas dicas aqui comentadas...mas se tiver mais coisas atuaizada... eu super agradeço....
Espero,logo mais, fazer minha contribuiçao com o site tambem.

Elaine

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Já fiz em 2016 e repetindo agora em 2017, rio x salvador...bem saio 5:00 e as 17:30/18:00 estou em Teixeira de Freitas, lá agendo pelo booking antecipadamente o hotel vento sul, pois conta c churrascaria embaixo e ótimas acomodações e preço, saio depois do café da manhã, é que café, kkk e aí vem o melhor, almoço em Itabuna, entro em direção a ilhéus, acesso a baixo 001, vou até Itacaré e ali fico uns três dias, baratinho as pousadas, simples mas aconchegantes, praias show de bola, depois acesso novamente a Br 101 por Valença, q a estrada é asfaltada e chego na hora do almoço em salvador, só viajo de carro, curto muito mais, planejo p booking e o importante é saber seu limite ao volante e ir passeando, pressa tem q pegar avião. Boa viagem, de carro.

Jorge
JorgePermalinkResponder

Olá,
Em janeiro de 2018 estou indo para o Jorro na Bahia, gostaria de dicas de trajetos pois será minha primeira viagem de longa distância!!
Até hoje o máximo que rodei em um dia foi 400km

Alexandre Schlichting

Estou planejando viajar com minha família pela primeira vez de São Paulo-SP até Itaberaba-BA, em seguida Salvador, um total aproximado de 1900Km.

Robson Moreira

Fui em jan 2017 de SP até Teofilo Otoni no esquema sempre viajando de dia (8-10h), carro hatch, 3 adultos e 1 criança, pousando 1 noite na estrada. Na Ida: Vim de SP pela BR-381, pousando 1 noite em Belo Horizonte. O primeiro trecho é 100% duplicado, bem sinalizado e seguro, levei umas 8h com as paradas. o segundo trecho é pista simples, requer mais paciência e atenção. de BH até João Monlevade o asfalto é ruim, mal sinalizado e sinuoso, evite horários de pico pois são mt caminhões. depois segue bem mais tranquilo.em relação a paradas indico Camanducaia em SP, Brumadinho (antes de BH) Graal em Monlevade e Shopping Vale do Aço, a beira da estrada em Ipatinga; na Volta: Vim pela 116 pousando no RJ.pista simples, estrada tranquila e boa até Valadares, dai até Caratinga muitos perímetros urbanos, velocidade baixa. Depois de Caratinga é bem tranquilo, pouco movimento e menos morros e bem menos sinuosa que a 381 da ida. na divisa em Além Paraíba, vc pode tocar direto pra SP pegando a 393 até volta redonda e sair na Dutra, no meu caso segui pela 116 para pousar no Rio, passei em Teresópolis descendo a serra dos òrgãos (muito linda por sinal) mas bem movimentada. pousei no Rio e no outro dia depois segui viagem pela dutra, mais umas 6h. paradas: na volta parei em caratinga, além paraíba e no outlet premium Rio em duque de caxias. se for direto sem entrar pelo Rio, depois de alem paraíba tem um Graal em resende, na Dutra, ou em volta redonda mesmo tem bastante opçaõ pois a estrada corta o meio da cidade.

Carlos Cohen (SlayeCohenX)

Única vez que eu fui de carro pra Bahia (Salvador), fui com meu irmão mais velho, estávamos em 4 pessoas no carro e fomos sem parar pra dormir, apenas um cochilo do meu irmão que estava dirigindo, fora isso apenas paramos para comer e fazer as necessidades básicas, sinceramente sou dos poucos que discorda que de dia é melhor, na minha opinião de noite além de quase não haver transito, é mais fácil de dirigir pra quem gosta e tem experiencia, durante o dia eu acho melhor parar, comer e fazer o que deve ser feito para recuperar as energias. Fizemos a viagem em cerca de 18h-22h, foram cerca de 2000-2150km de distancia e sinceramente achei maravilhoso, uma pena na época apesar deu saber dirigir, eu não ter habilitação... Com certeza foi muito cansativo pro meu irmão dirigir sozinho a viagem inteira, mas ele faz isso com uma certa frequência na sua empresa, então ele está "acostumado". Eu voltei de avião porque não aguentei o tédio de apenas assistir a viagem, agora em 2018 eu vou pra salvador com meu carro, amo dirigir e dirijo desde os meus 11 anos (tenho 30), pretendo fazer no máximo uma parada pra dormir umas 6h e vou direto.

Robertson
RobertsonPermalinkResponder

Fiz o percurso de Iacanga/SP a Porto Seguro/BA da seguinte maneira: Sai da cidade de Iacanga (interior de SP) no dia 13/01/2018 por volta das 11h00 passando por Ribeirão Preto e acessando a Rodovia MG-050 até Belo Horizonte, chegando por volta das 22h, claro que fui parando para abstecimentos, refeições e até algumas fotos em Capitólio-MG. Neste trecho, a estrada é boa, bem sinalizada, com bastante curvas e trechos de perigo mas respeitando as placas não há perigo algum. Hospedei-me em um hotel no centro de BH e no dia 14/01/2018 sai por volta das 09h00 até Nanuque-MG. No trecho entre BH e Nanuque, já precisa um pouco mais de atenção nas estradas, pois há muitas curvas, aclives, declives, trechos em obras até João Monlevade, com bastante cameras de detecção de velocidade. Entre Teofilo Otoni e Nanuque, a Estrada dos Bois é uma rodovia de muita atenção, muitos trechos com buracos e não há nada de cidades ou vilas por pert da estrada, avistei uma (Carlos Chagas). Dormi na cidade de Nanuque-MG e no outro dia (15/01/2018) sai por volta das 08h00, pegando a BR-101 que teve três paradas por causa de obras e estava em meia pista. Precisa um certo cuidado também, muitos caminhões. Mas no geral, esse trecho todo não está tão ruim, pois seguindo o que está descrito nas placas não há risco. Cheguei a Porto Seguro no dia 15/01/18 por volta das 13h00. Na volta até São Paulo/SP, sai de Porto Seguro no dia 19/01/18 por volta das 11h00 e vim direto (paradas somente para abastecer e refeições) pelo mesmo caminho até Belo Horizonte com unica mudança que fui à São Paulo pela Rodovia Fernão Dias, chegando em São Paulo por volta das 14h00 do dia 20/01/18. Espero contribuir com as informações pois foi daqui que extrai todo esse roteiro que fiz.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar