Enquete | Rota Romântica, na Alemanha: qual foi o seu roteiro?

Mariana Amaral
por Mariana Amaral

Criada nos anos 50 para impulsionar o turismo na Alemanha pós-2ª Guerra Mundial, a Rota Romântica veio a se tornar uma das maiores atrações do país. Ao contrário do que o nome sugere, a beleza da viagem não está tanto na estrada, mas nas cidadezinhas ao longo dos 400 km de rota entre Würzburg e Füssen. Castelos, palácios e as típicas casas de arquitetura enxaimel fazem deste roteiro um deleite visual e um passeio pela História.

Rothenburg ob der Tauber, Dinkelsbühl e Augsburg, além das portas de entrada e saída Würzburg e Füssen, são as principais cidades ao longo da Rota Romântica. O ideal é fazer o trajeto de carro, escolhendo uma ou duas bases para pernoite.

Viajar pela Rota Romântica de trem também é possível, mas leve em conta que as cidades são ligadas por (poucos) trens regionais lentos.

O interessante em viajar de trem é poder usar o Bayern Ticket, um passe de 1 dia que permite viajar mais barato entre as cidades da Baviera. (Toda a Rota Romântica está dentro da Baviera, assim como Munique, Nuremberg, Oberammergau e Garmisch-Partenkirchen também estão).

Compre um Bayern Ticket para cada dia de passeio. Um passageiro paga o preço único de 23 euros pelo passe diário, e os acompanhantes, apenas 5 euros cada, com o largo limite de 5 passageiros por ticket.

O Bayern Ticket vale para viagens em trens lentos entre 9h e 3h (do dia seguinte) em dias de semana, e de 0h às 3h (do dia seguinte) aos sábados e domingos. Não vale para trens InterCity. Viajar fora destes horários dá multa, se você for pego pela fiscalização.

Ônibus turísticos, como o Romantic Road Coach, e tours organizados são outras alternativas para quem não dirige.

Queremos saber: você já percorreu a Rota Romântica? Em quantos dias? Em quais cidades montou base? Que transporte usou? Conheceu algum restaurante imperdível? Os hotéis valem uma recomendação?

Conta pra gente! As respostas serão compiladas em um guia com dicas dos leitores.

Aos comentários!

Leia mais:

47 comentários

Edivaldo
EdivaldoPermalinkResponder

Vou para Alemanha agora dia 15/3 Vou passar por Wurzburg e depois Fussen um bate volta a partir de Munich. Vou de trem. Agora preciso de uma ajuda dos amigos do VnV: alguém conhece lugares para comer em Frankfurt bom e barato?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Edivaldo! Você pode pedir dicas de restaurantes mais em conta, para o seu hotel.

Veja também as dicas de restaurantes no Sundaycooks:
http://sundaycooks.com/2013/11/01/dicas-melhores-restaurantes-frankfurt/

Ana dias
Ana diasPermalinkResponder

olá! Percorremos a rota em 4 dias. As cidades base foram wurzburg, Rothburg, Augusburg e Fussen. Fomos de carro, que acredito ser a melhor forma de percorrer aquelas estradas belíssimas. A cidade que mais gostamos foi Wurzburg e percorremos um dia todo por ela! Vale a pena. O biergaten/ restAutante Alter Kraner tem um joelho de porco esplêndido! Recomendo também o hotel de mesmo nome. Aconselho tb ficar nos hotéis familiares mais pitorescos com estilo local. São baratos, limpos, confortáveis e vc se sente no clima. Essa viagem é inesquecível! Recomendadíssima!!!!

local!

Liliane Inglez

Ana, também amo os hotéis/pousadas familiares! Sempre procurava ficar em alguma GastHof!! Bjs

Liliane Inglez

Olá!!! A Estrada Romântica e uma das rotas mais apaixonantes que percorremos. A nossa rota foi a seguinte: Iniciamos por Wurzburg, onde passamos 1 noite. Fizemos a primeira "metade" da rota no dia seguinte, dormindo em Nordlingen. Depois, percorremos o segundo trecho, até Füssen, onde ficamos mais duas noites. Tenho posts contanto tudo:
http://trilhasecantos.blogspot.com.br/2013/10/wurzburg.html
http://trilhasecantos.blogspot.com.br/2013/10/estrada-romantica-parte-1.html
http://trilhasecantos.blogspot.com.br/2013/11/estrada-romantica-parte-2.html
Abraços!!!

Jose
JosePermalinkResponder

Eu e minha esposa fizemos parte da rota romântica em 2011. Na verdade conjugamos algumas rotas. Saímos de Munique em direção ao Königsee e fizemos a Deutsche Alpenstrasse até Garmisch. Então pegamos a Rota Romântica a partir de Füssen em direção ao norte. Fizemos uma parada intermediária em Nördlingen e dormimos em Rothenburg ob der Tauber. Nos hospedamos em um pequeno hotel muito acolhedor, junto a muralha, chamado Hotel-Garni Hornburg. Recomendo. De Rothenburg nos desviamos para Bamberg para tomar umas cervejas em suas muitas cervejarias, não sem antes passar no grande símbolo alemão: a sede da Adidas...hehe. Qualquer rota na Alemanha é legal.

Johnny
JohnnyPermalinkResponder

Percorri a Rota Romântica em dezembro 2014. Realizei com minha esposa a rota em 4 dias, com pernoites em Augsburg (Ibis), Rothemburg e Fussen no final da rota. Super indico as pousadas em Rothenburg - Fuchsmuhle e Fussen - Hotel Fantasia. Sobre a pousada Fuchsmuhle o local fica fora dos muros de Rothenburg, porém, fica em frente ao riacho, e bem próximo à cidade murada... local tranquilo e ambiente acolhedor, com ótimo custo benefício. A pousada Fantasia em Fussen é muito bem localizada e foi uma das hospedagens mais econômicas em Fussen.
Talvez na Rota eu trocaria Augsburg por outra cidade, para pernoite, caso fosse primavera ou verão.... Optei por Augsburg por ter ido no final do outono, e, neste período as cidades menores o comércio fecha cedo... Porém o Ibis que ficamos hospedado cumpre o padrão Ibis... neste caso boa localização e boa hospedagem.

Acho super legal se possível realizar a rota de carro, justamente pela disponibilidade de parar onde bem quiser, sair da rota, conhecer alguns cantos por cidades maravilhosas....a estrada em si é super cênica, que vai se moldando à medida em que se aproxima os Alpes.

Lugares imperdíveis: Rothenburg, Wurzburg, Landberg am Lech e Fussen. Todavia acho que a maior atração da Rota é a própria paisagem que vai se moldando conforme se percorre os 380 km. Em alguns trechos creio que muitos podem se perder da Estrada, pela ausência de sinalização. Por isto é recomendável treinar o GPS para ir percorrendo trecho a trecho, cidade a cidade...

Após Fussen, se possível emendar com Garmish Partenkishen... além de poder visitar o Zugspitze, topo da Alemanha, recomendo visitar o Partnash Gorge, que são rios que cruzam rochas... local maravilhoso!

Aproveitei esta Rota Romântica para cruzar a Áustria, que super recomendo... Fiz a rota pelo Salzkammergut, que inclui jóias como Hallstatt, patrimônio mundial da Unesco...a rota é repleta de lagos, montanhas, cenários inesquecíveis.

O grande barato é praticamente se "perder" pelas estradas menores, que escondem raras belezas, que é impossível descrever aqui.

Carol Guelber
Carol GuelberPermalinkResponder

fizemos a rota em 2 dias, começando por Wurburg e terminando em Fussen. Todos os relatod desta viagem escrevi bo blog e lá está tudo mastigadinho. Fizemos de carro.

http://viciosdeviagem.com/categoria/alemanha/rota-romantica/

Diógenes
DiógenesPermalinkResponder

Fiz a rota romântica com minha família em agosto de 2014. Gastamos 6 noites no percurso. A primeira em Wurzburg, 2 seguintes em Rothenberg, outra em Augsburg e as 2 últimas em Fussen. Foi tudo muito tranquilo. Aluguei um carro e peguei em Frankfurt e devolvi em Munique.

sandra
sandraPermalinkResponder

Fiz a Rota Romantica em 2012, por uma agencia em 7 dias. Começamos em Frankfurt - Heidelberg visita ao castelo - Friburgo
Titisee - Lindau - Fussen (floresta negra, lago constança,alpes)
Neuschwanstein - castelo Obermmergon - povoado Garmisch, capital esportes de inverno - Innsbruck -Munique - Rothemburg foi demais, tudo muito lindo, faria a rota novamente......

Tina
TinaPermalinkResponder

Iremos em abril/15 para fazer a RRomantica, mas não encontro relatos de quem tenha feito com o ônibus que faz o trajeto de Wurzburg a Füssen.
Alguém pode me ajudar?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tina!

Veja o que dizem do Romantic Road Coach no TripAdvisor:
http://www.tripadvisor.com.br/Attraction_Review-g187337-d3587687-Reviews-Romantic_Road_Coach-Frankfurt_Hesse.html

Tina
TinaPermalinkResponder

Tks Bóia, pena q tem apenas 7 comentarios, 3 avaliando como bom e 2 como horrível!
Gostaria de relatos de brasileiros que tenham feito a RR de ônibus com mais detalhes!
Kiss

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Tina! Este post está aberto para isso, não há o que podemos fazer a mais. Mas provavelmente a amostra do TripAdvisor é fiel ao que esse ônibus oferece. Tem uma partida de Munique e outra de Frankfurt por dia; pra fazer o roteiro de um dia é insuficiente, porque você vai mal poder sair do ônibus, e para fazer em mais de um dia tem o perrengue de não perder o único horário em que vai passar pela sua cidade na sua direção. Acredite: se fosse bom esse era o padrão, não uma alternativa exótica.

Renata
RenataPermalinkResponder

Prezados,
Fiz a rota romantica 5 anos atrás com minha família (somos em 5 - meus pais, eu e duas irmãs, uma delas tinha 1 ano na época). Fizemos no final do mês de janeiro e adaptamos a rota para conhecer outras cidades também. O resumo da viagem foi o seguinte:
-viajamos de iberia de SP (escala de 4horas em Madri) para Frankfurt, onde pegamos uma carro e fomos para Heidelberg (cidade universitário, muito legal e barata para comer e se hospedar, mas não faz parte da rota)
-seguimos para Rothenburg ob der Taub, que é simplesmente imperdível! Tentem achar hoteis dentro do antigo feudo (achei emocionante dormir em um lugar assim) mas fiquem atentos aos horários que chegarão, pois os hotéis fecham e somente hóspedes que já tenham a chave do quarto conseguem entrar (nosso hotel era assim e havia uma placa na porta em alemão somente falando: o hotel fecha no horário X, se tiverem problemas, liguem no número Y e se nos acharmos que é algo importante, chegamos em 30min para ajudar)
-seguimos para Füssen, parando/passando no caminho por todas as cidades entre essas duas, nos pontos mais famosos de cada
-Füssen é uma graça, extremamente turística e acaba sendo mais cara que as outras cidades que já citei, mas é imperdível para poder visitar os castelos de Schwangau (Hohenschwangau e Neuschwanstein)
- Seguimos para a Áustria - Innsbruck e Salzburg - o caminho é maravilhoso, para vocês terem noção de quantos castelos vimos, tinha um castelo até atrás de posto de gasolina! A ÁUstria é bem mais cara que a Alemanha (tanto comida, quanto hotel e compras), mas vale a pena conhecer os Palácios da Sisi, por exemplo
-seguimos para Munich, que é maravilhosa! Visitamos Dachau (uma cidade cerca de 30min de lá, onde está localizado um Campo de Concentração)
-de lá seguimos de avião para Madri (novamente Iberia) e passamos dois dias entre essa cidade e Toledo.. Mas nenhuma dessas cidades conseguiu nos conquistar quanto todas essas outras da Alemanha!
Espero ter ajudado!

Marilia Boos Gomes

Viajamos (eu e mais quatro amigos) pela Rota Romântica em 1985! Lembro-me de que saímos de Munich, por ônibus, e fizemos o percurso em um dia apenas até Wurzburg.
Outra lembrança é a de que o motorista, já conhecido pelos habitantes das pequenas cidades da Rota, levou pães para uma jovem que veio recebê-lo na beira da estrada. Houve tempo até para um breve "papo". Tudo feito com calma. Passeio espetacular. Saudade.

Vladimir
VladimirPermalinkResponder

Olá!!!

Já estive em Garmisch-Partenkirchen e no Neuschwanstein, na Rota Romântica. Garmisch-Partenkirchen é agradabilíssima!!!

Agora em Maio/Junho de 2015, farei Espanha e Portugal (22 dias), de carro com a Esposa, Tio e Tia.

Mas, para 2016, estou organizando um grupo e teremos 4 noites em Rothenburg, que será nossa base na região! Teremos 1 dia e meio para Rothenburg, além das 4 noites. Em 1 dos dias faremos um bate volta à Heidelberg e em outro, faremos o trecho de Rothenburg até Würzburg pela Rota! Talvez dê tempo de incluir Dinkelsbühn! A princípio não perderemos tempo em Würzburg! Tudo de carro.

Depois, seguiremos para:
- Praga (3 noites), com pit-stop em Nuremberg e Pilsen (se der tempo);
- Cesky Krumlov (1 noite); Como não termos hora para a saída de Praga, conheceremos a cidade no mesmo dia ou no dia seguinte. Depende do horário da saída de Praga...
- Salzburg (3 noites), com bate volta à Hallstatt (obrigado pela dica do Salzkammergut, Johnny).
- Garmisch-Partenkirchen (1 noite), chegaremos cedo e dependendo do clima subimos o Zugspitze ou vamos até o Neuschwanstein (por fora) e o Linderhof (entramos para conhecer). No dia seguinte, se o tempo estiver ruim, nesses dias, descemos para Munique e fazemos o Zugspitze como bate volta em um outro dia de céu claro!
- Munique (4 noites).

Estou aceitando dicas desde já, ok Bóia e Tripulação? smile

Abraços e Ótima Viagens,
Vladimir.

Liliane Inglez

Vladimir,Já fiz a rota romântica, me hospedei em Würzburg, passei 2 dias em Munique e 3 em Praga. Caso interesse, dê uma olhadinha aqui: http://www.trilhasecantos.blogspot.com.br/2014/08/post-indice-sobre-alemanha.html
Se quiser, veja tb posts sobre a Espanha: http://www.trilhasecantos.blogspot.com.br/2014/09/um-roteiro-de-10-dias-e-algumas-dicas.html
abraços!

Vladimir
VladimirPermalinkResponder

Valeu Demais, Liliane!!!
O que eu já li de coisas sobre Espanha e Portugal está fora do gibi!!!
Já havia lido algumas coisas do seu site!!!
Parabéns e Obrigado,
Vladimir.

Christiano Abreu Barbosa

Fizemos a Rota Romântica em 2008, que é linda. Iniciamos a viagem em Frankfurt. Ficamos 2 noites lá, que equivaleram a um dia, pois nosso vôo chegou à noite. Em um dia, um dia e meio dá para rodar a cidade.

De lá iniciamos a Rota Romântica e fizemos em 4 noites, com bastante calma, pernoitando cada dia em uma cidade, sempre no sentido da Rota Romântica rumo aos Alpes.

Paramos em Wurzburg, 120 km de Frankfurt, ponto de partida da Rota Romântica. Ficamos uma noite lá. É uma bela cidade, de médio porte, com centro histórico, belas construções, fortaleza, palácio residencial, lindas igrejas e uma bela ponte.

De lá seguimos a Rota pelas belas cidades Bad Mergentheim e Weikersheim, rumo a Rothenburg ob der Tauber, mais linda cidade da Rota Romântica. É uma cidade de conto de fadas, toda murada, com casario colonial ricamente preservado, uma verdadeira jóia. Dormimos uma noite lá. O ponto alto da Rota. Comemoramos 4 anos de casados jantando e pernoitando no Hotel Eisenhut, tradicionalíssimo e que está no livro da Patricia Schulz 1.000 lugares no mundo para conhecer antes de morrer.

De lá passamos por outras belas cidades, Dinkelsbühl, Nordlingen e Donauwörth, onde cruzamos o Danúbio e chegamos a Augsburg, uma cidade de médio porte com bonito centro histórico, onde pernoitamos no Ibis.

O último dia saímos rumo ao final da Rota Romântica. Passamos por Landsberg am Lech, uma bela cidade, e chegamos a Fussen e Hohenschwangau, o grand finale, já perto da fronteira com a Áustria. Uma linda e minúscula cidade, aos pés dos Alpes, com um lago e o Castelo de Neuschwestein, o da Cinderela, nas montanhas. Um cenário único. Conhecemos os castelos, passeamos no lago, tiramos as mais belas fotos da viagem e dormimos lá, jantando de frente para o Castelo (era o meu aniversário) no Hotel Muller, onde nos hospedamos.

Findadas as 4 noites na Rota Romântica, fomos para Munique e passamos 4 noites, totalizando 10 noites. Recomendamos muito, uma viagem inesquecível!

Barbara
BarbaraPermalinkResponder

No meio de uma eurotrip, não pude deixar de conhecer um pedacinho da Alemanha que eu AMEI! na minha lista de 6 países visitados, do melhor para pior, a ordem foi: 1) LONDRES, 2) PARIS, 3) BERLIN, 4) AMSTERDÃ, 5) ROMA e 6) VIENA.
Sobre Berlin, é imperdível, senão vejamos porquê (principais pontos turísticos imperdíveis):

Dia 1:
-Igreja Kaiser Wilhelm Gedachtniskirche;
- Schloss Charlottenburg;
- Tiergarten - LINDÍSSIMO, principalmente no início do outono;
- Parlamento Reichstag;
- Portão de Brandemburgo - tem uma MARCHINHA muito fofa. Pesquisem horário e data que acontece.;
-Monumento às vítimas do holocausto;
- Potsdamer Platz - SUPER MODERNA;
- Topografia do Terror - PARADA OBRIGATÓRIA PARA ENTENDER PARTE DA HISTÓRIA.
- Checkpoint Charlie: nada d+
- Gendarmenmarkt;
- Berliner Dom;
- Ilha dos Museus: se você é fã de museu, aqui você encontrará diversos tipos. Se quer só dar uma passada, vá ao entardecer para ver as luzes acendendo..é lindo!
- Jantar no Antena de TV Berliner Fernsehturm: marque com antecedência. Não marquei e não consegui ir nenhum dia.

Dia 2
- Britzer Garten: eu fui num festival de dálias maravilhoso.
- Treptower Park
- Volkspark Friedrichshain ;
- Alexanderplatz;
- Marienkirche;
- Neptunbrunnen;
- Berliner Rotes Rathaus;
- Igreja Nikolaikirche.

Dia 3
- East Side Gallery;
- Gedenkstätte Berliner Mauer : vale a pena subir os degraus da torre para ver a parte isolada. De baixo vc n consegue ver.
- Mauerpark.

Imperdível. Paisagens belíssimas e muita história presente em qualquer canto da cidade. Incrível!!!

Maria Esther
Maria EstherPermalinkResponder

Ola Boia

Graças a sua dica eu comprei o Bayern Ticket quando estive na Alemanha há um ano.
Minha sorte foi que eu vi o post de Viaje na Viagem antes de comprar os bilhetes separadamente.
Foi uma grande economia, fui de Monique para Fussen .
Na estação de trem de Munique fica a sala - a direita de quem entra, no meio da estação - com portas de vidro e o nome Bayern Ticket está estampado na parte superior da porta de entrada.
Eu fui direto ao balcão de compras e paguei com cartão de crédito.
Agradeço muito a este blog pela economia que fiz.

Abraços
Maria Esther

Livia
LiviaPermalinkResponder

Doida para fazer este roteiro ano que vem.

Maurício
MaurícioPermalinkResponder

Fizemos em três dias. Retiramos o carro em Frankfurt e entregamos em Munique, pela Europcar. Pernoitamos apenas em Rothenburg ob der Tauber que é imperdível!! Ficamos uma noite nessa cidade cercada por uma muralha medieval. Infelizmente não me recordo o nome da hospedagem. Mas em geral são familiares e muito boas (reservei pelo booking.com). O trecho é pequeno até Munique e as estradas ótimas, mas, ainda assim aconselho a utilização de GPS. Alugue já com o carro.

Cristina
CristinaPermalinkResponder

Saudades de vocês. Meu bebê está com 8 meses e fico feliz em ter um post para me lembrar desta viagem tão legal que fiz com meu marido em 2012, em 4 dias. Chegamos em Paris de milhas, pegamos o trem no dia seguinte para Frankfurt, onde pegamos o carro alugado. Fizemos só a primeira reserva, por que queríamos escolher onde ficar e Outubro/Novembro havia essa possibilidade. Ficamos no Ibis Wuzburg 1 noite para conhecer o Castelo, depois 1 noite em Rothenburg, onde não achamos uma boa opção de hospedagem apesar de estar numa casa medieval, então no final do dia seguinte fomos embora ainda que a cidade seja uma gracinha. Usamos Augusburg de parada de 1 noite até Fussen, onde ficamos outra noite. No caminho de Augsburg para Schwangau paramos num bibelô de cidade para almoçar: Landsberg am Lech. Passamos pelas corredeiras e almoçamos na pracinha super simpática. No caminho de Rothenburg para Augsburg, paramos em Donauwört, mas não achamos nada demais e nenhum local aberto para comer no meio da tarde num dia de semana...

Adri Lima
Adri LimaPermalinkResponder

Merel!
Tenho dicas de hospedagem!
Bom, eu passei por parte da Rota Romantica, em 2010. Saí de Munique para Berlim, dormimos em Schwangau para visitar o Castelo de (pausa para googlar pra escrever certinho) Neuschwanstein e dormirmos também em (nova pausa) Rothenburg ob der Tauber. Dali, seguimos para Berlim, passando no meio do caminho pelos outlets da Adidas e da Puma em (de novo...) Herzogenaurach.

Minhas dicas de hospedagem são:
Em Schwangau paramos no Landgasthof Zur Post. É uma hospedagem economica de excelente qualidade. Os quartos são ótimos, e os de frente pra estrada têm vista para o Castelo. O restaurante serve comida típica alemã muito saborosa. E no café da manhã experimentei geléias caseiras de frutas vermelhas pelas quais suspiro até hoje. Nham....
http://www.hotel-post-schwangau.de/html/english_info.html
Quando formos, o hotel ainda oferecia um descontinho na entrada do Castelo. Nada que determine uma escolha, mas achei atensioso!

Em Rothemburg, ficamos no Kreuzerhof Hotel Garni. É uma casa antiga que fizeram de pousada, então cada quarto tem suas características próprias. O que ficamos era enoooooormeeeee. O serviço é básico, sem surpresas, mas tudo limpo, gostoso, atensioso, como uma hospedagem econômica deve ser (lembrando aqui do post da Matraqueando sobre hospedagens economicas).
http://www.kreuzerhof-rothenburg.de/

Conhecer a Bavária me deixou apaixonada pela Alemanha. Morro de vontade de voltar.

Ronaldo Giusti

Só de ler "Rota Romântica" no título do post já dei um suspiro de saudade (como provavelmente fizeram os autores dos comentários anteriores).

Fizemos a Rota de carro em outubro de 2010, em Lua de Mel, em cerca de 4 dias.
Apesar de não fazer parte da rota, pela beleza e simpatia eu incluiria também Heidelberg, que foi nossa primeira cidade na Alemanha. É uma boa opção pra quem chega por Frankfurt ou pra quem vem de Strasbourg, que foi o nosso caso.

Depois passamos um dia em Rothenburg ob der tauber, que penso ser cidade obrigatória na Rota Romântica. Ficamos no Hotel Spitzweg, comandado por um casal de velhinhos num sobrado construído em 1536. Recomendo.

Saindo de Rothenburg odT, pegamos a estrada até Füssen, mas antes ainda paramos/passamos ainda em Dinkelsbühl, Nördlingen e Augsburg. Como estava tudo meio paradão nessas cidades não fez sentido ficar muito tempo, mas acho que na primavera/verão isso requereria mais dias.

Em Füssen ficamos dois dias no excelente Luitpoldpark Hotel, e de lá visitamos o castelo de Neuschwanstein, e ainda Garmisch Partenkirchen superficialmente.

Devolvemos o carro em Munique, onde ainda ficamos 2 dias.
O relato completo está no meu bloguinho: http://ronaldogiusti.com/category/rota-romantica/

Heitor Branquinho

Fui com minha esposa em meados de setembro e começo de outubro de 2014.
Se puder, vá de carro. Entrar pelas estradas vicinais não tem preço! Porém, tente conseguir um guia da estrada romântica. Consegui um bom, só lá, em papel. É fácil sair da rota, então fique atento. Vi muita gente também de bicicleta, inclusive velhinhos.
Não deixe de conhecer a Wieskirche.
Em Fussen, ficamos no hotel Gästehaus Guggomos. É um pouco afastado da cidade, mas estava de frente pra um lago belíssimo. Não deixe de conhecer também a cidade de Fussen, vale a pena. No castelo Neuschwanstein, suba de ônibus ou charrete, depois volte a pé. Lá em cima, não deixe de ir à ponte. É a vista mais bonita do castelo.
Em Rothenburg ficamos no Hotel Eisenhut. É muito bem localizado, do lado da maior loja de artigos natalinos e o hotel em si já carrega muita história. Muito interessante.
Em Wurzburg, tome uma taça do vinho branco Silvaner, na ponte Alte Mainbruecke e compre uma garrafa no famoso "saco de bode", em algum "Hospital". Vá a Kappelle! A vista é deslumbrante! Lá perto tem a cervejaria Würzburger hofbräu, muito boa!
A igreja dentro do Residenz de Aschafenburg é muito interessante. Veja a apresentação com as luzes. Caminhe pelos jardins até as outras partes do passeio. Os arredores do Residenz também são muito legais, e se tiver um tempo, almoce na cervejaria Faust.

Marcela
MarcelaPermalinkResponder

Apenas algo curioso, tenho uma grande amiga alemã, a qual já visitei diversas vezes, e em minha última visita a ela (que é de Frankfurt, mas está morando em Düsseldorf) perguntei se ela já havia feito a rota romântica alemã. Ela fez uma grande cara de interrogação e disse nunca ter ouvido falar! Foi até procurar no google para ver se encontrava algo e, após descobrir o que e tudo mais, disse que nunca tinha ouvido falar !!! Curioso, não?

Daniel Conceição

Realmente só de ler "Rota Romântica" dá um suspiro de saudade, como disse o Ronaldo num comentário acima. Eu fui de carro com minha namorada. Fizemos em 9 dias, sendo que foram 3 pra Munique, então, de Rota Romântica mesmo, foram 6.

As bases foram Würzburg, Röthenburg e Füssen.

O roteiro detalhado tá aqui:
http://umhomemprecisaviajar.com.br/2014/02/roteiros-e-mapas-alemanha/

Comi a melhor truta da minha vida no restaurante do hotel Spundlock, em Würzburg, e sou chatíssimo quando se trata de peixe!

Em Füssen, ficamos hospedados no Hotel Sonne, que é bem legal e tem um café-da-manhã delicioso! Tudo bem que na Alemanha todo café-da-manhã é bom, mesmo assim vale um destaque pro do Sonne.

Abraços

Vladimir
VladimirPermalinkResponder

Oi, Pessoal!!!

Lá vou eu oara a Alemanha, em 2016!!! Também Áustria, Praga e Paris!!! Quamta Alegria!!!

Vou ficar uns dias, em Rothenburg, mas depois descobri que o festival "Die Meistertrunk", vai acontecer em um dos dias que estaremos em Munique!!! Pensando num bate-volta vem a pergunta:

Minha pergunta é se sabem qual trem e qto tempo levariamos de viagem para fazer um bate-volta com o bayern-ticket. A outra solução entregar o carro dois dias depois do precisto e fazer de carro, mas aí não dá para beber uma gelada...

Nosso roteiro na Rota ficou assim:
- Rothenburg - 4 noites. Cgegamos no fim da tarde, de carro, vindo de Nüremberg e temos o dia seguinte para a cidade. No outro dia fazemos um bate-volta à Heidelberg; bo outro um bate-volta por Creglingen, Bad Merghentheim, Wurzburg, etc. Saimos cedo rumo a Garmisch-Partenkirchen.
- Garmisch-Partenkirchen - 1 noite. Saindo de Rothenburg, paramos em Landsberg am Lech, Wieskirche, Neuschwanstein (por fora), Linderhof (por dentro). Garmisch-Partenkirchen. Na manhã seguinte subimos o Zugspitze.

Obrigado e Ótimas Viagens,
Vladimir.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Vladimir! O bate-volta entre Rothenburg e Munique (ou o contrário) é demorado e envolve pelo menos duas baldeações.

Saindo de Rothenburg, o primeiro horário dentro da vigência do Bayern Ticket é o das 9h06, que chega às 12h21 com duas baldeações. O último para voltar é o trem das 19h36, que chega às 22h49 e tem duas baldeações.

Vladimir
VladimirPermalinkResponder

Valeu, Bóia!!!!

Livia Marinho
Livia MarinhoPermalinkResponder

Olá pessoal! Tô querendo fazer a RR em 2016, só q meu esposo tem q tirar férias entre 25 de março e 10 de abril, vcs recomendam esta época por lá? Será q é muito frio? Alguém foi neste período? Obga

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Livia! Para não pegar frio na Europa Central, viaje entre meados de junho e setembro.

eva
evaPermalinkResponder

Oi Livia, já estive nessa epoca na Bavaria e, sim, pode fazer frio e até uma nevezinha. Mas o início da primavera por lá é lindo.
https://weatherspark.com/averages/28630/4/Munich-Bayern-Germany

Amanda
AmandaPermalinkResponder

Ei pessoal!
Viajo agora no carnaval de 2016 para a Alemanha, mas terei apenas 8 dias na Alemanha. Chegarei em Munique onde ficarei 4 dias inteiros e irei para Garmisch Parterkitchen onde ficarei 4 dias esquiando. Minha dúvida cruel é se faço o percurso de carro ou trem, pois essa época é muito frio e tenho medo da neve nas estradas estragar meu passeio....e queria saber se nesse trajeto tem alguma cidade da rota romântica que posso passar para conhecer..Estando em Munique 4 dias posso fazer bate volta para Dachau e onde mais valeria a pena? Ou melhor eu explorar a cidade de Munique mesmo? Obrigada amigos, abraços.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Amanda! Você quer alugar um carro para ficar parado quatro dias enquanto você esquia? Não faz o menor sentido. Use o trem.

ivana miras
ivana mirasPermalinkResponder

Olá.
gostaria de saber se compensa ir de carro da Suiça até a Alemanha, passando por Innsbruck na Austria, e devolver o carro na Alemanha , ou é melhor fazer a Suiça de de trem e alugar carro só na Alemanha. Obrigada

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Ivana! Alugar carro num país e devolver noutro faz incorrer em altas sobretaxas.

Leandro
LeandroPermalinkResponder

Estarei em Paris em junho e queria conhecer a Rota Romantica (4 dias) e depois seguir para Zurique (compromisso profissional). Qual a melhor opção vindo de trem de Paris para chegar na Alemanha e alugar um carro ? Paris - Colonia ou Paris - Frankfurt ? Ou seria melhor ir de Paris até Strasburgo e de lá seguir para Fribourg e iniciar ali a viagem ? E para seguir para Zurique, onde estregar o carro ? Alguem poderia dar uns pitacos ?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Leandro! Düsseldorf é um bom lugar para pegar e entregar o carro, e seguir de lá para Zurique.

Jose
JosePermalinkResponder

Irei fazer a rota em abril de 2017.
Gostei muito das dicas.
Iniciarei a viagem em Colônia (vindo de trem de Amsterdã), onde alugarei um carro e seguiremos para pernoitar em Wulzburg, Rothenburg, Augsburg e Fussen, de onde seguiremos para Freiburg, passar dois dias e devolver o carro, seguindo de trem para Dijon.
Muita expectativa para esta viagem...

Vladimir
VladimirPermalinkResponder

Fiz toda a Rota Romântica. A cidade medieval de Rothenburg ob der Tauber é umas das cidades mais incríveis que já conheci. Durma lá. É o melhor do melhor da Rota!
Obrigado,
Vladimir.

Gilson Correa
Gilson CorreaPermalinkResponder

Adoramos a Rota Romântica. Alugamos o carro em Frankfurt e entregamos em Munique. Dormimos em Wurzburg (2 noites), Rothenburg od der Tauber (1 noite) e Fussen (2 noites). Passamos por varios lugarejos e cidades lindas, que valem a paradinha (Lauda-Konigshofen, Weikersheim, Landsberg, Augsburg, Landsberg am Lech). Das janelas no interior do castelo de Neuschwanstein a paisagem do vale de Schwangau com os lagos, vilarejos e os alpes impressiona pela beleza e o cenário de conto de fadas.
Tudo maravilhoso na Alemanha!

Wilton
WiltonPermalinkResponder

OLá, seu site é maravilhoso!!! Estamos planejando a rota romântica entre 1 e 4 de março de 2018, de carro. Gostamos muito do frio e da neve, mesmo com menos pessoas nos locais…além do mais não sabemos quando/se voltaremos a Alemanha posteriormente. Porém, estou com receio de dirigir na estrada com neve , neblina…você sabe se nessa época corro o risco de não conseguir dirigir esse motivo? É tranquilo? Pelas autobans consigo ir em que cidades?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Wilton! Esta não é uma região montanhosa. As estradas só ficarão perigosas ou intransitáveis em caso de nevasca.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar