Plantão Vulcão: Chile rebaixa alerta do Calbuco a amarelo; sinal verde para viajar

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Cerro Catedral

Na última sexta-feira o Sernageomin (Serviço Nacional de Geologia e Mineração) do Chile, tendo constatado uma baixa constante na atividade sísmica do vulcão Calbuco, baixou o nível do alerta de laranja para amarelo.

Dez dias antes, as autoridades chilenas já tinham rebaixado o alerta de vermelho a laranja.

Essa trajetória deixa mais tranqüilo todo mundo que está com férias marcadas para a região de Bariloche e os Lagos Andinos chilenos. A possibilidade de ter a viagem atrapalhada pelas cinzas do vulcão agora é muito, muito pequena. Confirma-se o que o pessoal radicado em Bariloche estava dizendo desde o início: o Calbuco foi café pequeno, não causou nem 10% dos efeitos do Pueyhue de nefasta memória.

E para quem estava pensando em combinar as regiões de Puerto Varas e Bariloche, uma ótima notícia: o Cruce de Lagos voltou a ser realizado desde 22 de maio.

Agora é torcer para que essa neve que começou a cair agora em maio continue caindo com regularidade até julho.

Leia mais:

2 comentários

Bruna Toscano
Bruna ToscanoPermalinkResponder

Que ótima notícia!!!! Muito obrigada por nos manter tão bem informados!!!!!
Irei na quinta-feira dia 4 para o Chile e pretendo esquiar no vulcão Osorno e fazer o cruze do lagos, saber me informar se estão abertos tais passeios?
Grata,
Bruna

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Bruna! As estações de esqui só abrem no finalzinho de junho. Osorno ainda não anunciou o início da temporada de 2015. O caminho está desimpedido, agora que a zona de exclusão do Calbuco foi restrita a 10 km.

Acompanhe a abertura da temporada pelo Facebook da estação de esqui:

https://www.facebook.com/vnosorno

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar