Bariloche: protestos e piquetes paralisam Cerro Catedral

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Cerro Catedral

Piquete no caminho do Cerro Catedral

O alerta chegou na caixa de comentários: o Johnny Matos repassou a informação de um amigo que está em Bariloche e comentou de uma ação meio ação tartaruga, meio greve que está afetando o Cerro Catedral, principal estação de esqui da cidade.

É verdade: a notícia está nos principais jornais argentinos, como o La Nación, de onde surrupiei a foto que ilustra o post. Sindicatos que representam trabalhadores da estação de esqui pleiteiam um aumento de 30% nos salários, e para conseguir estão organizando piquetes e impedindo funcionários de trabalhar.

O AN Bariloche, site de notícias locais, informa que o Cerro Catedral vai reembolsar os passes não-usados para outros dias desta ou da próxima temporada.

Se você está em Bariloche ou indo para lá, só compre passes para o Cerro Catedral se tiver certeza de que tenha voltado a funcionar. E se tiver alguma notícia para compartilhar, por favor use a caixa de comentários!

Obrigado pela informação, Johnny!

4 comentários

Johnny Matos
Johnny MatosPermalinkResponder

Por nada amigos do VNV, torcendo para que a situação volte ao normal por lá!!!

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

Enquanto isso, em Valle Nevado o piquete é a tremenda tempestade de neve, que deve durar até o domingo:
http://www.emol.com/noticias/Nacional/2015/08/06/743855/Cuatro-buses-con-120-turistas-estan-atrapados-en-la-ruta-a-Farellones.html

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

Os 120 brasileiros que ficaram 10 horas presos na tempestade de neve de ontem, caminho a Valle Nevado, foram manchete de jornal chileno hoje:
http://www.lun.com/Pages/NewsDetail.aspx?dt=2015-08-07&PaginaId=1&bodyid=0
Vão ter história para contar! A lição importante é nunca tentar subir para Farellones/Valle Nevado quando estiver chovendo em Santiago.

Fernando Perboni

Voltando ao normal hoje 7/8.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar