Um bate-papo sobre turismo estrangeiro no Brasil, no SundayTalk

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Bate-papo sobre turismo
Este post é meio #Linkódromo, meio #MomentoTommy (que Tommy? O primo da Tássia. Da Tássia Achando). Fui convidado pela Nat e pelo Fred para participar da segunda temporada do SundayTalk, a série de vídeos do SundayCooks que discute temas relevantes para o turismo.

Na minha entrevista, a Nat me cutuca para falar de um dos meus assuntos favoritos, a inserção do Brasil no turismo internacional. Vendo agora a edição, acho que deu pra fazer um resumo bem bacaninha.

Se você tem dez minutinhos, dê uma olhada. E não perca também os outros vídeos da temporada!

Assista no SundayTalk:

6 comentários

Fred Marvila
Fred MarvilaPermalinkResponder

A honra foi nossa, Riq grin Ficou show de bola!

Mô Gribel
Mô GribelPermalinkResponder

Escutar o Riq é sempre bacana!

Claudio Marques

Oi Riq.
Tenho ouvido seu programa na radio Bandeirantes com valiosas dicas sobre o Peru mas minha filha que está indo na próxima semana pra lá, não.
O programa está disponível em outra mídia? Ela precisa muito ouvir.
Abraço.

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Claudio! Quem responde é A Bóia. O Ricardo Freire está trabalhando na versão digital daquele roteiro.

Você pode ouvir os áudios aqui:
http://bandnewsfm.band.uol.com.br/Colunista.aspx?COD=140

Tem mais posts aqui:

https://www.viajenaviagem.com/destino/lima

https://www.viajenaviagem.com/destino/cusco

https://www.viajenaviagem.com/destino/machu-picchu

Mirella Matthiesen

Dois fofos ... e o Riq sempre sensato smile
Adoro!

Lucia Malla
Lucia MallaPermalinkResponder

Que bacana a entrevista! Nat e Fred, trabalho supimpa, parabéns!! E sobre o entrevistado... sem comentários, muito sensato e adorável, como sempre! smile

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar