Rio de Janeiro | Mama Shelter, o 3 estrelas descolado de Paris, abre em Santa Teresa

Viaje na Viagem
por Viaje na Viagem

mama shelter rio de janeiro santa teresa

O bom momento hoteleiro no Rio não terminou com as Olimpíadas. Está prevista para o dia 15 de setembro a abertura do primeiro Mama Shelter no Brasil.

À frente da marca Mama Shelter estão Serge, Benjamin e Jérémie Trigano, filho e netos de Gilbert Trigano, um dos fundadores do Club Med. O novo negócio da família, porém, é muitíssimo diferente de um resort de praia. O primeiro endereço do Mama Shelter, em Paris, foi aberto em uma vizinhança sem nenhum charme, e em uma localização nada conveniente, no 20º arrondissement, nas imediações do cemitério Père Lachaise. Muitos investidores desaconselharam a empreitada, mas o conceito deu certo: serviços enxutos por tarifas interessantes (a partir de 79 euros), décor cheio de personalidade (com assinatura de Philippe Starck), bar de responsa e restaurante bacana -- tudo com a intenção de atrair a curiosidade de turistas e de moradores, e eventualmente criar um novo lugar de diversão na cidade. Funcionou -- tanto que entrou para o portfólio da Accor Hotels (leia-se: Ibis, Mercure, Sofitel, M Gallery), formando uma rede voltada a quem quer se hospedar com conforto de hotel e astral de hostel-boutique.

mama shelter rio de janeiro santa teresa

Mama Shelter Rio de Janeiro

O Rio de Janeiro é a sexta cidade no mundo a receber um Mama Shelter (e apenas a segunda fora da França, depois somente de Los Angeles). O lugar escolhido para o hotel no Rio, se não é tão inusitado assim, pode ser considerado, pelo menos, alternativo: a rua Paschoal Carlos Magno, no coração do bucólico bairro de Santa Teresa. Endereço menos batido que o do trio Leblon-Ipanema-Copacabana, Santa fica próxima ao centro, e do ladinho da Lapa (ladeira acima, mas bem pertinho).

mama shelter rio de janeiro santa teresa

Restaurante

A versão carioca do Mama Shelter tem a mesma pegada urbana dos demais, mas na cidade os quartos e espaços comuns ganharam um colorido extra, um jeitão mais brasileiro. No bar, a promessa é de que haja uma carta de cervejas artesanais e mesas na varanda. No restaurante, pratos típicos brasileiros serão revisitados e servidos em porções para compartilhar entre amigos.

mama shelter rio de janeiro santa teresa

Quarto

O Mama Shelter Rio vai ter 55 quartos divididos entre dois prédios (32 no prédio principal, e 23 mais reservados, do outro lado da rua). Por enquanto, ainda não é possível fazer reservas, mas anote aí: as tarifas começam em R$ 300 (mais taxa de serviço e ISS). E, se você mora no Rio de Janeiro, a partir de 15 de setembro vai poder contar com mais um bar para tomar aquela cervejinha em Santa.

Leia mais:

4 comentários

Julio Corrêa
Julio CorrêaPermalinkResponder

Legal! Isso reforça a minha teoria de que o mais interessante no Rio se deslocou do sul da zona sul (Ipanema, Leblon, Copa, Leme, Lagoa, Gávea e Jardim Botânico) para do além-túnel (Glória à Zona Portuária). E faz com que essa crônica de 2005 parecer profética:
http://jccbalaperdida.blogspot.com.br/2005/10/vingana-do-subrbio.html#links
Abraço

Vera Duarte
Vera DuartePermalinkResponder

Legal teu comentário de 11 anos atrás , Júlio. Sim , concordo contigo sobre a beleza e importância de diferentes bairros da cidade. Estive no Rio há dois meses atrás e visitei a casa de Cultura Laurinda Santos Lobo, o Museu do Doce e o restaurante Aprazível. Todos no bairro Santa Teresa. Foi um dia maravilhoso, pleno de história, vistas fantásticas e sabores especiais. Este hotel novo vai valorizar mais a região e vice versa. Bom feriado.

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

Na verdade o Rio foi a terceira cidade fora da França a receber um Mama Shelter. Em Istambul inauguraram em 2013, perto da İstiklal, bem central e com um lindo terraço. Fecharam há poucos meses, provavelmente devido à enorme queda na chegada de turistas estrangeiros, principalmente ocidentais. Uma pena, pois é das cidades mais lindas e mágicas que já conheci.
http://www.homedsgn.com/2013/05/06/mama-shelter-istanbul-by-philippe-starck/

Silvia
SilviaPermalinkResponder

O bar é maravilhoso, ambiente e música perfeitos. Porém com problemas serios de atendimento. Falta staff.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar