Alitalia: governo italiano renova empréstimo e garante operações até abril de 2018

Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Alitalia falência

Atualização:

  • A venda da Alitalia foi adiada até 31 de outubro de 2018. As passagens estão garantidas até esta data. Leia mais clicando neste post atualizado.

Em maio de 2017, a falência da Alitalia foi evitada pelo governo italiano, que instaurou uma 'administração extraordinária' (é o jargão oficial). Para garantir seu funcionamento até que aparecesse um comprador, o estado ofereceu um empréstimo-ponte de 600 milhões de euros, que manteria a cia. operando até novembro de 2017.

De lá para cá, a Alitalia manteve suas operações e até acrescentou novas rotas. Alguns pretendentes se manifestaram -- entre eles, a Lufthansa. Mas eis que o prazo-limite de novembro de 2017 se aproximava, mas nenhum negócio tinha sido fechado.

Então mais uma vez o governo italiano compareceu com mais 300 milhões de euros, estendendo o prazo para a venda da Alitalia até 30 de abril de 2018.

Tudo parece se encaminhar bem, mas de todo modo, até que a Alitalia seja efetivamente comprada não é sensato comprar passagens com ida ou volta em qualquer data além de 30 de abril de 2018.

Leia mais:

110 comentários

Atenção: os comentários estão encerrados.

Andre L.
Andre L.Permalink

Eu recomendaria, a quem tem passagens para além de 6 meses, a verificar as taxas para cancelar e pedir reembolso. Se for algo como € 200, eu acharia melhor assumir essa perda e já reprogramar com outra cia. Afinal, caso não haja compradores, o melhor cenário é a cia. devolver o dinheiro integral, mas aí passagem em outra cia. estará mais cara em cima da hora.

Podem, também, dividir a empresa em uma parte boa (slots, instalações em aeroportos) e uma parte 'podre' e irrecuperável (leasing de aeronaves, operação de vôos), e aí, com sorte, se recupera um fraçao do valor pago.

Dá pra processar o agente de viagens, real ou virtual, caso a empresa pare de operar, nos casos de bilhetes comprados através dos mesmos. Ainda assim, assumir a perda da taxa de cancelamento tende a ser mais barato que mover uma ação de pequenas causas sobre o assunto.

Philipp
PhilippPermalink

Nos EUA ha alguns blogueiros dizendo para quem comprou passagem com cartao de credito e "nao receber o produto" disputar o pagamento com a operadora do cartao. E' tanta dor de cabeca que acredito que o melhor seja mesmo alterar agora e nao correr risco depois.

Élis Rodrigues
Élis RodriguesPermalink

Situação cômoda, processar o agente de viagens né ?! Qual a culpa do agente de viagens pela cia aérea quebrar ? Mesmo q o CDC tenha criada a tal da responsabilidade solidária, até hoje não entendi a culpa da agente nisto.
Abs,

Flavia
FlaviaPermalink

Eu emiti passagem deles pelo Smiles de milhas para novembro. Devo me preocupar? O que fazer?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Flavia! Veja as condições de cancelamento da sua reserva e siga o noticiário para avaliar se vai ser melhor cancelar.

Juliane Naschpitz
Juliane NaschpitzPermalink

Flavia, sugiro que você já procure uma tentativa de mudar. Eu estou no mesmo caso para setembro e meu vôo de volta foi cancelado. Estou presenciando uma briga entre Alitalia e Smiles e ninguém assume nenhuma responsabilidade.

Fernanda
FernandaPermalink

Estou na mesma situação, mas como alteraram o trecho de ida, consegui mudar a cia da ida, já a volta não. Demorou mais de 3 meses o estresse com a smiles e tem menos de 4 para minha viagem, prevejo problemas para volta.

leticia
leticiaPermalink

Olá,
Também voo em setembro. Tem tempo que cancelaram seu voo de volta? No meu caso há uns três meses, o que fizeram foi só alterar a data da volta um dia. Achei que não fosse nada de mais, no entanto, agora... Você conseguiu trocar coma smiles?

Tatiana
TatianaPermalink

Também cancelaram meu voo de ida Rio Praga, com conexão em Roma. Passagem também emitida pelo Smiles. Pelo visto a Alitália está cancelando mas o Smiles não avisa os clientes. Meu voo é dia 13/5 e só ontem, por acaso, descobri que estava cancelado. Smiles não deu solução até o momento.

Luiz Alberto
Luiz AlbertoPermalink

Sempre que uma cia. aérea muda ou cancela vôos com que o cliente não concorda, o Smiles cancela a emissão sem multa, e em caso de milhas vencidas, ainda revalida por um período para que possa emitir outra passagem. Em caso de cancelamento ou mudança de data de vôo, solicitem o cancelamento sem multa. Isso já aconteceu comigo mais de uma vez, e sempre consegui o reembolso.

KÁTIA BATISTA DE MEDEIROS

Gente do céu. Tô morando na Grécia e já estou com a passagem comprada para dia 30 de julho. O que acham? Devo trocar???Bateu o desespero

Andre L.
Andre L.Permalink

Sua viagem está dentro dos 6 meses de operação garantida pelo empréstimo do governo. A princípio, seu vôo deve acontecer. Fique em atenção às novidades, e tenha um plano B.

Companhias aéreas em crise acabam por entrar em um círculo vicioso: cai a demanda por novas passagens (consumidores vão evitar comprar bilhetes de uma cia. que pode fechar e deixá-los na mão), e assim reduz-se ainda mais o fluxo de caixa. Cortam-se vôos e isso afugenta ainda mais novos passageiros. Se isso ocorrer com a Alitalia, pode acelerar sua liquidação. Mas não é algo que já esteja ocorrendo.

Pablo Vilarnovo
Pablo VilarnovoPermalink

Vou embarcar dia 09/05 com volta para o dia 02/06. Espero que tudo dê certo.

Carla
CarlaPermalink

To super preocupada pq viajo 17/5 e volto dia 02/6.
Tomara q de tudo certo.

Sandra
SandraPermalink

Estou muito preocupada com esta notícia. Comprei, direto no site da Alitalia, o trecho SP-Londres-Paris-Roma-SP para o dia 10 de Outubro. Viajarei com a família. O que me aconselham? Tentar cancelar?

Rebecca
RebeccaPermalink

Muito injusto e infeliz seu comentario de processar a agencia de viagem.

Andre L.
Andre L.Permalink

Rebecca, só estou relatando o que vários colegas brasileiros já fizeram quando houve problemas com a Pluna - a cia. faliu, mas vários conseguiram ganho de causa contra Decolar, CVC, Submarino Viagens. A jurisprudência entende que há responsabilidade solidária dos intermediários na venda de produtos turísticos.

Ronaldo
RonaldoPermalink

Rebecca, infeliz pra nós agentes que ganhamos uma fração mínima e somos sim responsáveis legais pelo todo. Infeliz também pra quem se acha esperto por comprar direto do site, economizando uns trocados e aí sim assumindo todo o risco da compra. Toda moeda tem dois lados. Faça brilhar o lado do qual você gosta mais.

Rodrigo
RodrigoPermalink

Reprodução de trecho do que você comentou: "...pra quem se acha esperto por comprar direto do site, economizando uns trocados..."

Então quem compra direto do site "se acha esperto"? Foi uma crítica a quem compra direto em sites de cias aéreas e não faz questão de depender de intermediários ou entendi tudo errado? Se entendi tudo errado, desculpe. Se entendi certo, infeliz foi seu comentário. Sou um dos espertos, pois nunca compro nada por intermédio de agência de viagens.

Rodrigo
RodrigoPermalink

Esclarecendo: absolutamente nada contra agência ou seus funcionários. Só não consegui processar a informação "quem se acha esperto por comprar direto do site".

Ronaldo
RonaldoPermalink

Rodrigo, sou um ferrenho defensor do livre mercado. Se você quer comprar a passagem em agência, no site, no shopping, ou pagar direto ao piloto no embarque é uma decisão sua e ao contrário de muitos colegas que choram por regulamentação (leia-se reserva de mercado) eu sempre defenderei que tenhas essa liberdade. Note que a relação com "intermediários" não é de dependência e sim de escolha. Quem decide comprar direto no site e não em uma agência porque acha que vai levar exatamente a mesma coisa pagando menos sim, se acha esperto. Mas não é esperto porque não é a mesma coisa. Esse caso da Alitalia é só um exemplo triste da segurança extra que se compra ao contratar uma agência. Quem comprou por agência vai receber no mínimo o dinheiro de volta, caso não embarque. Agora, quem decide comprar direto da cia aérea pelo motivo que for, consciente de que é um produto distinto do vendido nas agências, e desde que não use uma agência para fazer toda a pesquisa de voos e depois compre direto, tem meu respeito.

Rita
RitaPermalink

Puxa vida, tenho 15.000 milhas da Alitalia a expirar em dezembro deste ano, e não posso mais transferir para o Smiles. Pretendia comprar passagem para aproveitá-las. Se é aconselhável não comprar, então perderei as milhas??!!

Élis
ÉlisPermalink

Arrisque ! Não tem muito para onde correr. Ou perde as milhas ou perde o bilhete, não vai mudar. Perda ocorrerá.

Adriano
AdrianoPermalink

Perfeita colocação.

Tina Marçal
Tina MarçalPermalink

Meu Deus! Tenho passagens para a família toda ( 11 pessoas) em dezembro de Paris para Roma. O que eu devo fazer? Será que a cia não vai honrar com este compromisso?

Tércio Martins
Tércio MartinsPermalink

Prezados tenho passagem entre dezembro e janeiro (São Paulo - Roma - São Paulo). Entrei em contato com a empresa e fui informado de que a empresa assumirá todos os vôos (não irei nessa informação.....)... O que devo fazer? Alguma dica?

Tatiana
TatianaPermalink

Viajei com a Alitália, em Março de 2017, e foi lastimável. Comida péssima (tenho fotos), avião sujo e funcionários, visivelmente insatisfeitos. Nunca mais.

Cristina Helena Soares
Cristina Helena SoaresPermalink

Não sei o que fazer. Comprei direto no site Alitalia duas passagens SAO-Veneza-SAO, dia 13 Outubro 2017. Minha tarifa é promocional não reembolsável.Já tenho cruzeiro comprado saindo uma semana depois. Alguém pode me dar uma opinião?

myrthes lage
myrthes lagePermalink

Cancela esta e compre outra através de um agente de viagens ! é mais seguro

Isadora
IsadoraPermalink

Viajo dia 31/05! Volto dia 19/06. Já estou em pânico. Liguei na central de relacionamento da Alitalia que confirmou meus dois vôos e disse que não era pra ninguém se desesperar que ainda não se tem certeza das negociações...ou seja...

Emerson Sidney
Emerson SidneyPermalink

Quem compra por agências corre o risco em dobro, pois se a agência ou Cia Aérea falir terá dor de cabeça, ou será que tem quem pense que as agência de turismo estão imunes da falência!!

Fernanda
FernandaPermalink

o meu voo é dia 20/07 julho não há o que fazer agora é rezar! olhei hoje o status no site esta confirmado. Agradeço ao VNV a informação valiosa... agora só emoçãooooo na espera de que tudo dê certo...

Roberta
RobertaPermalink

Viajo dia 05/06, porem a minha maior preocupação nessa situação seria mais devido a segurança de voo. Uma cia aérea com risco de falência, ha de se levantar suspeitas quanto as suas possíveis falhas de manutenção.

Fernando
FernandoPermalink

Já que não está muito seguro voar na Alitalia o que vocês acham da companhia Meridiana?
Ela voa de Recife a Milão já a um tempo, mas é confiável?
Qual a experiência de vocês?

Thiago Castro
Thiago CastroPermalink

Nunca ouvi falar nessa aí. Dê uma pesquisada no Google associando o nome da empresa a "problemas" por exemplo. Mas se quer (um pouco mais de) segurança, seria melhor cotar com empresas mais tradicionais.

Hugo
HugoPermalink

Outra questão importante é tomar cuidado com as malas, principalmente em FCO.
Viajei para Itália recentemente e uma das minhas malas foi violada (cadeado arrebentado), apesar de não ter sumido nada (até mesmo porque não tinha nada de valor, só roupas usadas).

Nessa situação da Alitalia, pode ser que a situação piore ainda mais. Por isso, não leve nada de valor nas malas despachadas e se possível envolva naqueles filmes para tentar dificultar a ação de pessoas mal intencionadas.

Saulo Castro dos Santos

Bem que achei estranho o Smiles oferecer o trecho para Roma pela Alitalia a 35.000 milhas. Uma pena!

CRISTIANE
CRISTIANEPermalink

Pessoal, tenho um vôo com passagens emitidas SMILES, CDG - POA, no dia 13/02/2018, para toda a familia... agora fiquei preocupada...

Será que já tomo providências para trocar estas passagens? Alguém conseguiu com a Smiles cancelamento, troca ?
O que me dizem... Sugestões são bem vindas!!!!

Aline
AlinePermalink

Tenho voos São Paulo – Roma – Paris – São Paulo, saindo dia 29/06, retornando para Sampa em 15/07. Também estou no bloco dos desesperados, por isso tenho pesquisado bastante nos noticiários europeus. Em uma das notícias que li dizia que a intenção do governo italiano é se empenhar ao máximo para garantir o emprego dos trabalhadores. Isso me deixa um pouco menos desesperadas, pois no reflexo garante o nosso voo.

MARIA SUAREZ
MARIA SUAREZPermalink

estou com passagem comprada para outubro, o que devo fazer.

Alexandre
AlexandrePermalink

Tenho passagens para Berlin pela ALITALIA em 02.06 voltando dia 11.06 e já ate pensei em desistir. Mas confesso que pelas noticias que tenho lido, quem tem viagem pelos próximos 6 meses pode ficar ( mais ou menos) certo de que vai embarcar. O empréstimo do governo garantiu o funcionamento pelos próximos meses e uma paralisação da empresa agora seria um caos na própria ITÁLIA em pleno verão europeu...portanto há um interesse logístico do governo que os vôos saiam e da empresa que mantenha as rotas para não perderem os direitos e prejudicar uma possível venda Em suma, busquem ir se atualizando em sites ou no GOOGLE ( procurando "noticias da ALITALIA") . Inclusive tenho visto no site do Galeão e Guarulhos que os voos estão saindo em dia. Logo quem tá nesta faixa de até 6 meses, não precisa se desesperar. É muito mais provável que todos embarquemos do que não.

Ana Flávia
Ana FláviaPermalink

Tenho viagem marcada para dia 26 de maio, será que terei algum problema? É seguro viajar? Tenho medo da falta de manutenção.

Fernando
FernandoPermalink

Lei é lei. Os agentes sabem como a lei funciona. Risco do negocio. Risco da parte mais forte. O que não dá eh pessoa ficar no prejuizo. Se a lei fala q a responsabilidade solidaria esta falado. Só faltava essa agora: quem tem o direito ficar c vergonha de lutar por ele na justica. O agente de viagem, a empresa, a smile....todo mundo levou uma parte e todos querem q o consumidor que pague o pato?

Aline
AlinePermalink

Nesse link que está em italiano, o primeiro ministro declara que é prioritário que se venda a empresa inteira. Pois a sua dissolução causaria maior prejuízo aos contribuintes italianos. Rogo por isso!

https://www.avvenire.it/economia/pagine/alitalia-oggi-cda-e-assemblea-soci

Berg
BergPermalink

Trabalho no turismo e o voo que meu grupo tinha programado na Alitalia nao existiu.

Tivemos sérios problemas pois o voo de retorno programado para 27/05/2017 (TLV ROM) foi cancelado antes da saída do grupo do Brasil e a agencia teve que bancar 1 pernoite em Israel para o grupo de 32 passageiros, que teve o voo transferido teoricamente para o dia 28/05/2017.

Quando o grupo chegou no aeroporto no dia 28/05, infelizmente o voo AZ 815 programado para decolar as 10:15 am na existia.

Foi uma tremenda dor de cabeça e muita gente saiu prejudicada porque teriam problemas nos próximos voos até que chegassem em suas cidades no Brasil.

Aline
AlinePermalink

Isso não foi em decorrência da greve?

Flaviane Barbosa
Flaviane BarbosaPermalink

Comprei passagens em 25/05/2017 para voar pela Alitalia em dezembro... após ler as notícias cancelei as passagens no dia seguinte, 26/05. A Submarino Viagens me disse que a devolução do valor ocorrerá em até 120 dias! Agora estou com medo de não conseguir reaver o dinheiro pago.. será que existe essa possibilidade?!

Ricardo Rocha
Ricardo RochaPermalink

Muito cuidado com a parceria Smiles e Alitalia, pois tive problemas e nada foi resolvido, ficando somente com os prejuízos. Alitalia antecipou horário de partida do Galeão, não fui comunicado. Quando eu, esposa e filho chegamos ao balcão para o check-in, acabara de ser encerrado. Solicitei a presença do gerente da Alitalia no GIR e tivemos como resposta: "Impossível reabrir o check-in, pois a responsabilidade do aviso era do Smiles e a aérea italiana não arcaria com as despesas de reabertura. Resultado: perda de três bilhetes Rio-Roma-Palermo, taxas de embarque, assentos "Confort", uma diária de hotel e locação de veículo, previamente pagos. Sem falar no desgaste, reclamações à Infraero, Smiles e Alitalia. Tudo perda de tempo, que não trouxe nenhum retorno em nosso benefício. Lamentável e péssima experiência!

Isabelle
IsabellePermalink

Olá estou com passagem comprada para agora dia 13 de junho e já estou preocupada. Entrei no site para poder marcar nossos acentos e não consigo. Alguém viajou recentemente? A minha maior preocupação é cancelamento. Corre o risco disso?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Isabelle! Muitas tarifas hoje em dia, em todas as cias. aéreas, só dão direito a marcar assento no momento do check-in. Se o check-in pela internet ainda não abriu, é normal que você não consiga marcar o assento.

ODINEY DA SILVEIRA DUARTE

Que absurdo , processar o Agente de Viagens ???
Me poupe com esses comentários, se o Banco quebrar vou processar minha gerente ? Aliás todos clientes vão ?
Ney Duarte
Agente de Viagens

Marcelo Galvão
Marcelo GalvãoPermalink

Pessoal, em abril de 2017, fui informado do cancelamento de nossos voos, pertinentes ao retorno de Paris, em outubro de 2017. Em contato com o Smiles, aguardei um mês por um resultado positivo da negociação entre o Smiles e a Alitália. Isto não aconteceu. Assim, em maio de 2017, solicitei ao Smiles o retorno das milhas com a reativação, por quatro meses, das já expiradas para que eu pudesse utilizá-las novamente. Fui atendido. E, recentemente, reutilizei as milhas em questão para outro trecho internacional e, claro, com outra empresa aérea.

LUIZ FERNANDO
LUIZ FERNANDOPermalink

Alguma novidade?
Eu verifiquei que a Smiles continua vendendo passagens da empresa

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Luiz Fernando! A cia. continua inclusive expandindo suas rotas para o Brasil. Mas não dá para dizer que não há riscos. A cia. espera um comprador.

Acompanhe as últimas notícias:

http://www.intopic.it/economia/alitalia/

Cláudia
CláudiaPermalink

Absurdo é permitirem a venda de passagens com uma situação dessa já vista.
Pra depois ainda deixarem para os passageiros resolverem ou ficarem no prejuízo.
O preocupante TB é, as manutenções dessas aeronaves, como estão sendo feitas????????

MARCUS VINICIUS ZANGARI DE LIMA

Olá.
Estamos com 2 passagens compradas para novembro.
Acreditam que devemos nos preocupar?
Alguém teve mais alguma notícia referente a toda essa situação?
Soube dessa informaçao só hoje, se soubesse antes nao teria comprado. Pulgas atras da orelha programando uma férias é triste...

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Marcus! Nesse meio tempo, a cia. aumentou a freqüência de vôos para vários destinos. O sinal ainda está amarelo, mas as perspectivas não parecem tão sombrias.

Francisco
FranciscoPermalink

Estou com passagem comprada para Paris e Roma pela alitalia de 15 de dezembro a 01 de janeiro e estou muito preocupado.

Nao sei se cancelo ou deixo correr.

Nao teria como comprar em outra empresa aérea pois o valor está absurdo agora.

O que vcs fariam ? Preciso de opiniões e ajuda

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Francisco! A Alitalia continuou operando sem maiores problemas. Há candidatos para a sua compra. O assunto está bem encaminhado.

Comprar uma passagem Alitalia continua mais arriscado do que comprar passagem de outra cia. aérea, mas tendo já comprado a passagem, não vale a pena tomar nenhuma decisão radical, porque a operação dos vôos tem estado normal.

Edgar
EdgarPermalink

Prezada Bóia, existe alguma nova informação sobre o processo de recuperação judicial da Alitalia? No momento, preciso comprar uma passagem de um trecho interno na Europa e o preço mais barato é o da Alitalia. Entretanto, como minha viagem será apenas em maio de 2018, fico receoso de efetuar a compra. Estou sendo muito ansioso? Espero o preço baixar em,outras companhias? Obrigado pela atenção,

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Edgar! Não temos bola de cristal. Ou você arrisca, ou você não arrisca. Só quem pode decidir é você.

Andre L.
Andre L.Permalink

Eu não compraria para viagem tão distante, menos pelo risco (considernado as variáveis atuais) de que a companhia quebre de vez, e mais pelo risco de que, sendo vendida, pare de operar no Brasil. A LATAM já está abrindo rota Guarulhos-Roma de olho nessa possibilidade.

Daí, se a empresa não quebra mas reorganiza sua malha, você recebe reembolso, mas esse reembolso acaba sendo meio inútil se vc tem de comprar outra passagem mais cara. Por isso, por uma diferneça de preço tolerável, eu não compraria passagem para maio/2018 na Alitalia, não.

Francisco
FranciscoPermalink

Muito, mas muito obrigado pela ajuda.

Já pensei muito em cancelar a passagem, mas além de perder um bom dinheiro, eu não conseguiria comprar outra passagem, pois os valores agora estão absurdamente mais caros de quando eu comprei.

Tenho muito receio de reservar hotel e etc e no dia do voo dar tudo errado.

Estou reservando pelo booking com cancelamento gratis e vou aguardar um pouco mais.

Pela sua experiência, o que vc faria se fosse com vc?

Arriscaria ou desistiria da viagem por agora? Apenas uma opinião. Muito, mas muito obrigado

Philipp Muller
Philipp MullerPermalink

Governo Italiano anunciou nova ajuda - emprestimo ponte de EUR 300m ate abril:
https://www.thelocal.it/20171014/rome-stumps-up-more-alitalia-cash-extends-sale-deadline

Muito interessante ver a diferenca como o Governo Alemao deixou a AirBerlin falhar e ser liquidada e o Governo Italiano nao.

Guilherme
GuilhermePermalink

Desconhecia esta situação da Alitalia e compre 5 passagens de São para Roma em 18/12. Tem alguma novidade? Alguém acha que é um risco?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Guilherme! O governo italiano fez novo sporte. A situação está sob controle até abril de 2018.

Jose Couto
Jose CoutoPermalink

Socorro!!
Estou com 3 (três) passagens compradas para Ida a Veneza em 8 de Fevereiro de 2018 e Volta de Roma em 17 de Fevereiro de 2018. O que é mais conveniente fazer? Devo cancelar e procurar outra cia. aérea ?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, José! O governo italiano injetou mais um empréstimo na cia. Está tudo garantido até abril de 2018.

RAYANE S COLOMBO GOMES
RAYANE S COLOMBO GOMESPermalink

eu nao vi e acabei comprando as passagens para o final de abril de 2018...devo tentar cancelar??? voces sabem se é possivel? normalmente eles devolvem uma parte do valor?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Rayane! Por enquanto está indo tudo bem, é bastante provável que achem um comprador. Mas se a cia. falir, vai ser difícil reaver o que pagou, você vai entrar numa fila de credores. Mas veja que a cia. está garantida até 30 de abril com o novo empréstimo do governo.

Suzana
SuzanaPermalink

Comprei as passagens sem saber para março/2018.
Um amigo me falou que a Lufthansa está comprando. Já viram alguma notícia assim?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Suzana! O governo italiano entrou com um novo empréstimo que garante a cia. até o fim de abril de 2018.

Tânia
TâniaPermalink

Pelos comentários sobre o assunto, começo a ficar preocupada também com a Smile por essa falta de informação prévia sobre mudança de voos.

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Tânia! Os comentários sobre Smiles são da época da falência (maio). De lá para cá não apareceram mais reclamações.

Maralucia
MaraluciaPermalink

Fiz uma compra de um vôo São Paulo/Roma através do smiles. Posso perder , caso a Alitalia venha a falência?

A Bóia
A BóiaPermalink

Olá, Maralucia! A reserva você perderia, as milhas não.