KLM e Air France já vendem os novos vôos diretos de Fortaleza a Amsterdã e Paris

  • 0
Ricardo Freire
por Ricardo Freire

Voos diretos Fortaleza Amsterdã Fortaleza Paris

As novas rotas diretas de Fortaleza para Amsterdã pela KLM e Paris pela Air France já têm data para começar -- e estão à venda.

  • Os vôos diretos Fortaleza-Amsterdã começam no dia 3 de maio. Já a rota direta Fortaleza-Paris tem início dia 4 de maio.
  • Para Amsterdã serão três vôos por semana: 3ª, 5ª e sábado, operados pela KLM.
  • Para Paris, serão dois: 6ª e domingo, operados pela nova subsidiária da Air France, a Joon.
  • De Fortaleza para a Europa, os vôos serão noturnos. Na volta, diurnos.

Além de facilitar a vida dos cearenses, a rota vai ser usada como alternativa mais curta para passageiros de Natal, Recife, Salvador e Manaus. A Gol, parceira da Air France e da KLM no Brasil, vai aumentar a conectividade dessas cidades com Fortaleza para criar conexões convenientes com os vôos de Amsterdã e Paris.

Roteiros multidestinos desde Fortaleza

Como KLM e Air France formam uma única companhia, os roteiros multidestinos são ainda mais fáceis de organizar. Dá para ir à Europa por Amsterdã e voltar por Paris, ou vice-versa, com ótimo preço e sem perrengues logísticos.

Vale a pena pensar em roteiros triangulares, com uma terceira cidade entre Amsterdã e Paris.

Por exemplo: Amsterdã-Berlim-Paris. Ou Amsterdã-Munique-Paris. Ou ainda Amsterdã-Praga-Paris. Ou quem sabe Amsterdã-Veneza-Paris? Se tiver mais tempo (15 dias, no mínimo), dá para pensar num Amsterdã-Londres-Paris

Passagens multidestinos são aquelas em que todos os trechos aéreos estão incluídos no mesmo bilhete. Dependendo da rota, a terceira cidade pode sair de graça. Na maioria das vezes, a variação de preço é muito pequena e sai bem mais barato do que comprar os trechos intra-europeus à parte. E todas as conexões são garantidas, porque os vôos estão vinculados na mesma passagem.

Veja como comprar passagens multidestinos neste post:

12 comentários

Luiz Dias neto

Show! Esperando ansioso estes vôos> Vai facilitar demais a logística dos nortistas e nordestinos. O tempo de descer a São Paulo pra ir a Europa ou USA tem que acabar. Imaginem obrigar os paulistas a ir a Santiago ou Buenos Aires passando primeiro em Fortaleza ou Recife. Um absurdo? Também acho.

Andre L.
Andre L.PermalinkResponder

Como não há nada legalmente impedindo a criação de novos vôos internacionais (exceto para Argentina), acho que havendo demanda haverá serviços. Todavia, com exceção da TAP, outras aéreas já implantaram e retiraram vôos entre Nordeste e Europa, como o vôo da Air France para Recife, ou o vôo da Alitalia para Fortaleza.

Antonio
AntonioPermalinkResponder

"Já a rota direta Amsterdã-Paris tem início dia 4 de maio".
Oi, Ricardo, não seria "Fortaleza-Paris"?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Antonio! Quem responde é a Bóia. Corrigido, obrigada por avisar!

NEUSA ARAUJO DA SILVA

Notícia excelente. Será que daria para incluir Londres, em uma passagem multidestinos dessas empresas? Tipo Amsterdã- Londres- Paris ou vice - versa?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Neusa! Perfeitamente!

Neftalí
NeftalíPermalinkResponder

Sem falar que a Air France/KLM oferece paradas grátis em Paris e/ou Amsterdam tanto na ida como na volta.

Hilda Carone
Hilda CaronePermalinkResponder

Tudo que eu sonhei!!!✈️✈️✈️?

Eduardo Menezes

Em 2016 emiti um bilhete com a KLM/AirFrance fazendo dois stopovers e um openjaw pelo preço de uma passagem de ida e volta normal. Fiz a seguinte emissão: Goiânia - Guarulhos - Paris (stopover) - Roma - openjaw - Florença - Amsterdã (stopover) - Guarulhos - Goiânia.

Fui de AirFrance e voltei de KLM e custou, na época 2300 reais. Toda vez que viajo, tento otimizar ao máximo o roteiro pelas próprias regras das companhias. Agora, acabei de emitir pela Tap Victoria o seguinte bilhete: Goiânia - Guarulhos - Bogotá - Miami (destino) - openjaw - Orlando (2o. destino) - Toronto (stopover) - Guarulhos - Goiânia.

Tudo isso voando de classe executiva da Avianca e AirCanada, por apenas 90 mil pontos. E, o melhor, me custaram 1575 reais esses pontos, comprando 45 mil pontos Livelo com 50% de desconto e transferindo para a Tap com 100% de bônus (promoções que aconteceram em junho de 2017). Ou seja, por 1575 reais vou viajar de executiva pelos Estados Unidos e Canadá.

Antonio
AntonioPermalinkResponder

Eduardo Menezes conhece o caminho das pedras. Eduardo, você poderia explicar melhor o que é "openjaw"? E como você consegue tantos stopovers?

A Bóia
A BóiaPermalinkResponder

Olá, Antonio! Open jaw é justamente quando você compra ida por um aeroporto e volta por outro, na mesma passagem. Tipo: ida Brasil-Amsterdã, volta Paris-Brasil.

Também dá para incrementar, acrescentando trechos internos, na mesma passagem. Por exemplo: você chega por Amsterdã, vai a Berlim de trem, faz Berlim-Paris de avião, e volta por Paris. A passagem fica com três trechos, Brasil-Amsterdã (trecho 1), Berlim-Paris (2º trecho) e Paris-Brasil (3º trecho). Você pode fazer todas as simulações que quiser usando a modalidade 'Várias cidades' ou 'Múltiplos destinos' dos sites das cias. aéreas ou de agências como a Viajanet. Também pode usar um agente de viagem, todos sabem fazer isso com um pé nas costas.

A gente explica o procedimento neste post, que está linkado no texto:
http://www.viajenaviagem.com/2012/01/passagens-internacionais-como-evitar-o-erro-mais-comum

Eduardo Menezes

Antônio, no próprio site da KLM vá em múltiplos destinos e simule esses trechos que informei e verá que são possíveis. Se o preço subir, vá alterando um pouco as datas. Nesse caso consegui fazer os stopovers em Paris e Amsterdã porque são hubs da AirFrance e da KLM. Em relação às regras do Tap Victoria para emissão nos parceiros Star Alliance, pesquise na internet que você vai achar. Acho que não pode citar outros blogs ou links aqui nos comentários, senão postaria alguns que explicam bem isso.

Atenção: Os comentários são moderados. Relatos e opiniões serão publicados. Perguntas serão selecionadas para publicação e resposta. Entenda os critérios clicando aqui.
Bóia offline! Vamos continuar aprovando comentários, mas a Bóia só volta a responder perguntas que forem feitas depois de 10 de abril de 2017. Obrigado pela compreensão.
Cancelar